Lucília da Silva Santos

Atingir o sucesso é possível, sim, basta acreditar que você pode!!!

Sucesso, palavra tão almejada por todos nós. Alcançar o tão sonhado sucesso na vida pessoal e profissional não é uma das tarefas mais fáceis de realizar, pois exigem do indivíduo um mindset próspero e resiliente. Todos nós queremos alcançar o sucesso e a felicidade, mesmo que para isso devemos esquecer o tão temido insucesso que insiste em nos perseguir quando idealizamos tantos projetos.

Ter uma carreira brilhante e valorizada, ter uma formação acadêmica de qualidade, ter propriedades e recursos de altos valores e, ao mesmo tempo, ter saúde e ser feliz são dádivas de Deus. Tais exemplos representam um dos sonhos mais almejados para quem busca ser feliz em pleno século XXI. Agora você pode estar se indagando se isso é possível, é claro que sim, basta acreditar e trabalhar afinco com seu propósito.

Convém mencionar que sucesso nem sempre está atrelado a bens materiais e sim ao estado de espírito, ao empoderamento, porque existe boa parte das pessoas com bastante riqueza e mesmo assim sente-se como um fracassado. Por outro lado, existem indivíduos com poucos recursos sentindo-se realizado e com grande sucesso. Sendo assim, o conceito de sucesso é multifacetado e complexo, portanto, é muito relativo.

Cabe destacar que vencer na vida é necessário ter em mente que só há sucesso se houver um trabalho árduo para se concretizar com fé, persistência, garra, determinação, coragem, dentre outros aspectos. Não esqueça jamais de que sucesso só vem antes do trabalho somente no dicionário.

Vale pontuar que ao sonharmos devemos ficar alerta que toda ação, reação, reflexão e transformação devem ser pautadas por uma idealização de uma missão de vida, que sempre será guiada por metas, propósitos e valores. É válido lembrar que os verbos ter, ser e querer, embora se confundam, são totalmente distintos ao se perseguir uma meta.

O sucesso não vem por acaso, é uma (re)construção diária e permanente. E para que isso ocorra de fato, é exigido do indivíduo que tenha uma maturidade evolutiva porque vencer na vida é uma arte. Ou seja, sobreviver com êxito é, acima de tudo, (re)construir uma postura pautada por uma conscientização profunda, crítica, reflexiva e transformadora sobre si mesmo e sobre sua realidade, além de sonhar e realizar metas.

Ter essas características é ter o poder de discernir entre o que é certo e o errado no momento em que sonhar e concretizar são parâmetros diferentes, porém tem algo em comum que é o poder de decidir entre ser um vencedor ou um perdedor, e isso depende exclusivamente de você. Qual é a postura que você mais alimenta? Avalie suas atitudes e mentalidade.

Pensando assim, você verá que atingir o ápice do sucesso significa adotar uma postura assertiva que tenha coerência entre o falar e o fazer. Sucesso é, portanto, uma condição alcançável, na qual é preciso ter uma excelente administração de tempo e de recursos e, principalmente, que exige um plano detalhado e conciso por parte do executor.

Neste sentido, fica evidente que sucesso é sinônimo de otimismo e determinação como forma de garantir a sobrevivência da existência humana. É óbvio que para vencermos em qualquer empreitada é preciso acreditar que lograr êxito é uma questão de vencer crenças limitantes e de deixar de ser vítima das circunstâncias, além de esquecer medos de encarar as adversidades. Seja você mesmo e busque resultados positivos, que venham de encontro com seu autoconhecimento.

Nesta jornada incansável de buscar sua melhor versão, você deve ter em sua bagagem muitas qualidades para vencer a inércia e negativismo. Dentre elas, não ter o medo do sucesso, buscar vencer a todo instante, acreditar que alcançar metas atingíveis não é algo impossível e sim algo construtivo e transformador.

Ao trilhar obstáculos e desafios em busca de seu autodesenvolvimento, você deve saber que sucesso é algo que tem um grande poder de despertar a inveja de indivíduos. Muitos têm os mesmos objetivos que os seus, que por não superarem seus pontos negativos, vivem à margem do achismo, pensando que ter sucesso é sinônimo de sorte. Pensamento esse que é equivocado e justificado para não enxergar seu esforço, mérito e reconhecimento.

Ao buscar realizar metas idealizadas por desejos e necessidades, devemos levar em consideração o que queremos construir no presente e no futuro, sem esquecer-se do passado, pois é nossa essência. Vale lembrar que para concretizar objetivos com sucesso é necessário ter motivação e para concretizar algo é preciso ter o tão famoso hábito, ter repetidas ações que caracterizem a força do hábito por excelência.

Ter sucesso é poder (re)conhecer nossa inteligência emocional e social como bases primordiais para que se possa lograr êxito. Lembre-se: Sucesso, sim, você pode e deve desfrutar de todos os benefícios de seus sonhos e metas, que é algo prazeroso e possível. Planeje-se, mentalize e visualize seu sucesso e vença seus pontos fracos, supere-se.

Vale mencionar que os erros têm um papel importantíssimo na caminhada rumo à vitória, pois os mesmos são construtivos e que possibilita a construção da aprendizagem de experiências mais consistentes, como aponta Bill Gates ao afirmar que " é ótimo celebrar o sucesso, mas mais importante é assimilar as lições trazidas pelos erros que cometemos". Então fracassar na tentativa em busca da vitória é algo gratificante e que aprendemos muito com essa atitude. Não tenha medo de errar e sim tenha medo de ficar paralisado sem tentar.

Sei que você deve está se perguntando: o que devo fazer para ter sucesso?. Não há receitas e fórmulas mágicas para concretizar seus sonhos. O que sabemos é que para realizar seus sonhos é necessário se permitir sonhar, idealizar e pôr em prática ações rumo à concretização. Pense nisso: Não existe fracasso, somente resultados. Você é do tamanho dos seus sonhos. Pense grande e lute para realizar suas metas. Reinvente-se. Permita-se vencer na vida. Seu sucesso depende de suas ações e de sua transformação!!!.


Lucília Santos – Formação Internacional em Professional e Self Coaching, Leader Coach, Analista Comportamental e Analista em 360º pelo IBC. Graduada em Pedagogia e em Psicopedagogia aplicada à Educação. Especialista: Neuropsicologia, Psicopedagogia Clínica, Institucional e Hospitalar, MBA em Gestão de Recursos Humanos e em Neuropsicopedagogia Clínica. Professora na Educação Básica e Ensino Superior. Atua como coach, professora, palestrante e escritora.