Diário de Justiça do Estado de São Paulo 17/08/2016 | DJSP

Primeira Instancia do Interior parte 2

Número de movimentações: 35183

No caso em tela, entendo que as questões apontadas como justificadoras devem ser submetidas a produção de prova pericial, sob o crivo do contraditório, trazendo assim maiores elementos de convicção para a decisão.Ante o exposto, indefiro, por ora, a tutela de urgência pleiteada. Entendo ser necessária a produção de prova pericial para análise dos fatos alegados na inicial.Faculto às partes, em 20 dias, a apresentação de assistentes técnicos e quesitos. Nomeio como perito a Drª Jussara Sampaio Geretto Gonçalves Farinha. Laudo em 15 dias. Requisite-se o agendamento de dia, hora e local para a realização do exame pericial. Fixo os honorários em R$ 300,00 nos termos da Resolução n° 541/07-CJF, de 18 de janeiro de 2007. Lembro, aqui, que a majoração é necessária por envolver especialização(médica) em ramo de mercado de altos rendimentos, razão pela qual o valor até então aplicado nesta Vara (R$200,00) estava afastando os médicos até então habilitados para a realização de perícias, bem como inviabilizando novas habilitações. Após o agendamento da perícia, intimem-se as partes, informando-os quanto a data, hora e local da realização da perícia, cientificando-a (o) da necessidade de levar consigo exames e resultados médicos que possua. Oportunamente, requisite-se o pagamento.Cite-se a ré, com as advertências de praxe. Defiro os benefícios da assistência judiciária. Int.