Disposição introduzida em caçamba articulada para guindastes ou similar

  • Número do pedido da patente:
  • BR 20 2013 027037 2 U2
  • Data do depósito:
  • 21/10/2013
  • Data da publicação:
  • 01/09/2015
Inventores:
  • Classificação:
  • B65G 65/02
    Carga ou descarga; / Carga ou descarga de m?quinas compreendendo, principalmente, um transportador para movimentar a carga, conjugado a um dispositivo para apanhar a carga;
    ;

DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM CAÇAMBA ARTICULADA PARA GUINDASTES OU SIMILAR, idealizada por um guindaste com coluna e viga giratória em treliça que pertence ao campo dos equipamentos para saneamento, equipado com um sistema de talha que faz descer e subir uma ar detritos sólidos de estuários, vertedouros, estações de tratamento, etc, cuja tecnologia foi ecialmente desenvolvida para este fim; os guindastes existentes com a mesma finalidade são adaptações de guindastes de carga e não se adaptam perfeitamente as funções de retirada de detritos em corpos de água; a caçamba articulada para guindaste (1) é constituído por um sistema de talha (4) móvel sob um chassi equipado com caixa de cabo (5) central e três motores elétricos (6) com a finalidade de içar, baixar, abrir e fechar uma caçamba (3); o sistema de talha (4) é dotado com um chassi equipado com uma caixa de cabo (5), com abas planas (8) para acoplar os motores elétricos (6) laterais nas abas planas (8) e, o motor elétrico (6) central, além de quatro rolamentos de movimentação (9); o motor elétrico (6) central aciona 20 um cabo de aço móvel (7) central, destinado a abrir e fechar a caçamba (3), equipada segmentos projetados (15).

Página de 2

Documento

"DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM CAÇAMBA ARTICULADA PARA GUINDASTES OU SIMILAR"

Campo da aplicação

A presente patente de Modelo de Utilidade pertence ao campo dos equipamentos para saneamento e tem por objeto uma prática e inovadora caçamba articulada, utilizado em guindaste com coluna e viga, construídos pela técnica de treliças. Mais precisamente a referida viga é equipada com um sistema de tralha com três motores elétricos que se movimenta sob esta viga, a fim de içar ou lançar abaixo a caçamba tipo duas conchas contrapostas com extremidade inferior gradeada para saída da massa de água.

O guindaste com a inovadora caçamba foi especificamente projetado para recolher detritos sólidos em estuários, escoadouros de represas, vertedouros de hidrelétricas, comportas de rios, estações de tratamento de água, entre outras aplicações em que a técnica possa ser aplicada.

O guindaste tem capacidade de içar uma carga de até setecentos e cinqüenta quilogramas (750 kg), a qual é posicionada fixa ou com mobilidade em trilhos, nos pontos de acumulação de detritos, os quais são içados pela caçamba e lançados em terra ou outro local apropriado, visto que a viga tem a propriedade de movimentar-se em ângulos contínuos e de repetição de trezentos e sessenta graus (360°).

É ainda, objetivo do presente pedido de patente, apresentar um modelo de caçamba articulada para retirada de detritos em pontos de acumulação em massas de água, com baixos custos para sua exequibilidade industrial, aliada aos requisitos de robustez, segurança e praticidade utilitária, que oferece ao setor profissional, uma opção adicional no mercado de congêneres que ao contrário dos modelos de guindastes adaptados para esse fim, oferece inúmeras possibilidades e benefícios a seus usuários, tornando-se um modelo de grande aceitação no mercado setorial.

Histórico da disposição

Os estuários, vertedouros de usinas hidrelétricas, estações de tratamento de água, comportas elevatórias, entre outras instalações tecnológicas têm o ponto principal de passagem do fluxo de água, equipado com grades e telas que minimizam a passagem de detritos sólidos para os equipamentos instalados na sequência, tais como geradores, subestações de decantação da água poluída em estações de tratamento de água, entre outras questões técnicas.

Os resíduos sólidos normalmente acumulados são destinados a tais locais, por condições de chuva, poluição ambiental e desleixo daqueles que deveríam cuidar do meio ambiente, como a própria população e os gestores do meio ambiente.

Os resíduos normalmente encontrados nestes pontos são caracterizados por garrafas PET, materiais domésticos, cascas de árvores, troncos, mobiliários, descartes industriais, entre outros rejeitos flutuantes ou não e, por razões claras, tais detritos se acumulam de tal forma que necessitam a todo o momento serem retirados destes pontos de vertentes, a fim de darem passagem ao fluxo de água, além de prejudicarem os equipamentos instalados.

Os equipamentos utilizados para retirada destes grandes volumes de detritos, normalmente são efetuados

por guindastes com capacidade de remover grandes cargas de materiais e remetem os detritos para um local seco em terra ou em barcaças que encaminham o material para tratamento em aterros próprios.

5    Pontos deficientes do estado da técnica

A questão principal dos procedimentos descritos é que os guindastes utilizados são adaptados para cumprirem as funções relatadas, portanto, são meras adaptações de guindastes utilizados para outras finalidades, como construção 10    civil e elevação de carga, dados como exemplo, e sempre

apresentam problemas funcionais, elevados gastos em manutenção, alto custo operacional, difíceis de serem manejados entre outros problemas técnicos.

Outra questão importante é que os 15    guindastes adaptados para retirada de resíduos sólidos das

vertentes atuam por meio de dispositivos hidráulicos que invariavelmente acabam por lançarem óleo hidráulico na água e são compostos por hidrocarbonetos altamente poluente, caracterizando-se como um contra-senso.

20    Não há a disposição das instituições

gestoras destes estuários, um guindaste especialmente desenvolvido para o fim de retirar os detritos e que não seja atuado por dispositivos hidráulicos ou motores a explosão, também contaminantes da atmosfera, quando não do próprio bioma.

25    Sumário da disposição

Pela necessidade técnica de se disponibilizar ao mercado de logística um guindaste especialmente projetado para retirada de detritos acumulados e estuários, vertedouros, estações de tratamento de água (ETA), etc., que se diferencia dos demais por serem adaptações de guindastes para outras finalidades, levou o inventor com notório conhecimento setorial, a criar e desenvolver o objeto da presente patente que idealiza a "DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM CAÇAMBA ARTICULADA PARA GUINDASTES OU SIMILAR", a qual refere-se a um guindaste com coluna e viga giratória, produzidos em treliça, cuja viga sustenta um sistema de talha elétrica e não hidráulica que se movimenta ao longo da viga e faz içar ou lançar abaixo uma caçamba bipartida que se abre e fecha para retirada de detritos em massas de água, em que nem só as qualidades mecânicas e funcionais foram consideradas no projeto de sua fabricação, mas também a forma, a disposição e a localização de suas partes e componentes que, corretamente posicionadas, trouxeram um aumento de eficiência sem acarretar ônus algum.

O sistema de talha é construído em um chassi com caixa central que contém uma bobina para cabo de aço atrelado a um motor central para abrir e fechar a caçamba bipartida enquanto, dois outros motores laterais a fazem descer ou subir, a fim de cumprir a função de retirada de detritos acumulados próximo à superfície ou na superfície da água.

.    O guindaste, ora em questão, por ser

elétrico, elimina a necessidade de óleos hidráulicos que podem vazar para a água e contaminar ainda mais o bioma.

Idealizado com desenho inovador, resulta em um conjunto harmônico, de aspecto bastante peculiar e, sobretudo característico, sendo que, além do aspecto construtivo, o modelo destaca-se pela sua versatilidade e comodidade de utilização.

Breve descrição dos desenhos da disposição

A seguir, para melhor entendimento e compreensão de como se constitui a "DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM CAÇAMBA ARTICULADA PARA GUINDASTES OU SIMILAR", que aqui se pleiteia, apresentam-se os desenhos ilustrativos em anexo, onde se vê:

5    A FIG. 1 - Mostra uma vista em perspectiva

súpero-frontal da caçamba articulada para guindaste, aberta.

A FIG. 2 - Mostra uma vista ínfero-frontal da caçamba articulada para guindaste, aberta.

A FIG. 3 - Mostra uma vista lateral em 10 elevação do sistema de talha e a caçamba aberta.

A FIG. 4 - Mostra uma vista lateral em elevação do sistema de talha e a caçamba fechada.

A FIG. 5 - Mostra uma vista em perspectiva superior do sistema de talha e caçamba fechada.

15    A FIG. 6 - Mostra uma vista em elevação do

sistema de talha e caçamba fechada.

A FIG. 7 - Mostra uma vista em perspectiva inferior da caçamba fechada.

Descrição detalhada da incorporação

20    De conformidade com o quanto ilustram as

figuras acima relacionadas, a "DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM CAÇAMBA ARTICULADA PARA GUINDASTES OU SIMILAR", objeto da presente patente, concebe um aperfeiçoamento em guindaste com coluna e viga em treliça, dotado com talha móvel 25 que lança de cima a baixo e vice-versa, em áreas aquosas, uma caçamba articulada que se abre e fecha, a fim de recolher detritos em embocaduras de represas, estações de tratamento de água, represas, entre outras situações em que a técnica pode ser aplicada.

Inicialmente o guindaste foi previsto para uso em saneamento e hidroelétricas, com a finalidade de limpeza do espelho d’água das barragens, livrando-as de detritos, como garrafas PET, casca de árvores, lixo, pequenos troncos de árvores, plásticos em geral e outros, visto que com a limpeza, há menor acumulo de materiais depositados nas grades das comportas e consequentemente, menor taxa de manutenção e necessidade de mergulhadores e outros materiais.

O guindaste acompanha uma caçamba tipo garra, na forma de duas conchas iguais contrapostas, cuja maquinaria é equipada com controle remoto e pode ser instalado pelo fabricante ou pelo cliente, afixado na embocadura da barragem sobre uma estrutura de concreto, margem da represa ou rio e ainda, pode ser instalado em balsas.

O guindaste pode ser construído com capacidades de carga que variam de 500 kg até 15.000 Kg, sendo que os equipamentos de guindastes existentes não são customizados para as finalidades referenciadas e com a mesma performance e capacidade, contudo o que existe no mercado atualmente são meras adaptações de guindastes, garras de toras e outros que não são eficientes e agridem o meio ambiente por atuarem por meio de cilindros hidráulicos com óleo hidráulico que podem vazar para o corpo de água.

Existe necessidade de limpeza das superfícies de rios, represas, estuários, barragens entre outros locais com corpos de água e a dificuldade, é obter velocidade e segurança no processo, alcance da margem do rio, portanto, não existe uma garra específica para tirar troncos e aguapés dos locais referidos, bem como, as garras existentes são ineficientes por serem adaptadas a partir de equipamentos assemelhados para outros fins.

Existem também guindastes ou equipamentos com garras para movimentar, toras de madeireira e outros materiais, mas, seu funcionamento em sendo hidráulico, pode ocorrer vazamento de óleo hidráulico e contaminar a massa de água, com prejuízo ao meio, ambiente e o operador do equipamento.

Com o objeto da presente patente solucionam-se estes problemas, visto que o sistema de talha e caçamba articulada para guindaste é projetado para a finalidade em questão, de forma a funcionar com maior eficácia e economia devido à tecnologia aplicada e dimensões do equipamento, sendo que o mesmo pode ser instalado em embarcações.

A finalidade principal é limpar a superfície de rios, açudes, lagos, represas, barragens e similares, entretanto pode ser estilizado para remoção de materiais em embarcações pequenas e prestar apoio para outras atividades de movimentação de materiais no local.

Vantagens

Maior velocidade, segurança, higiene e qualidade na limpeza de superfícies aquáticas, sem danos ao meio ambiente, pois, não utiliza sistemas hidráulicos ou elétricos em contato com a água, sendo a garra desenvolvida especialmente para esta aplicação e pode ser mergulhada, molhada para a execução da atividade, além do grande alcance da lança avante (até 60m).

Outra vantagem é a grande versatilidade de capacidades de carga (até 15t), com operação através de controle remoto com distância operacional de até 80m, cujos movimentos são eletromecânicos, projetado para ser instalado em ambiente externo e longe da superfície da água.

A forma construtiva pode ser opcionalmente em Pórtico Rolante, Ponte Rolante, etc., pode ter ainda, outros acessórios como, iluminação, cabine de comando, sirene, buzina, trilhos para movimentação e outros aparatos especiais customizados.

O guindaste de coluna dotado com lança giratória motorizada é construído em aço com coluna e viga em treliça, equipado com caminho para carro trole em perfil especial dimensionado para proporcionar melhor altura útil do gancho, cuja lança é capaz de girar 360° e em continuidade, sendo a alimentação elétrica da lança projetada com barramento blindado.

O giro da lança não é equipado com freio estacionário, a fim de deixá-la livre para acompanhar a variação de direção do vento e assim, reduzir os esforços de reação na estrutura.

A lança (braço) giratória de 360° é montada sobre rolamentos de rolos cônicos na coluna e rolamentos de esfera na lança.

Na coluna são apoiadas duas rodas sobre pistas que assegura a estabilidade, rigidez e leveza em sua movimentação, sendo que a mesma serve de apoio e sustentação das talhas abaixo, as quais trabalham em sua mesa inferior atrelada em trilhos.

A fixação do guindaste é realizada através de chumbadores fornecidos ao cliente, para inserção na laje da barragem, no local de montagem, entretanto, o dimensionamento

da laje de concreto e resistência é de responsabilidade do cliente.

Talha principal

Talha elétrica com cabo de aço com carro trole manual duplo motorizado, através de sistema de tração por roldanas e cabo de aço para carga especificada de 750 Kg.

O cabo de aço é alojado no corpo do tambor (usinado), não remontando um sobre o outro e sistema de frenagem acionado pelo próprio mecanismo (auto frenagem anti-recuo e eletromagnético) conferindo parada imediata.

O conjunto gancho/moitão é montado sobre rolamento de encosto, conferindo maior facilidade no giro de carga, além de possuir fim de curso na elevação.

O carro trole (sistema univiga) é construído em aço carbono, rodas com rolamentos de esfera blindados e eixos distanciadores fixados nas chapas laterais para ajuste de acoplamento na viga, um compacto conjunto de roldanas, cabo de aço e esticadores, cuja tração da talha e trole têm seu mecanismo imerso em banho de óleo.

Interligada mecanicamente à talha abaixo

No conjunto de talha, existe uma talha elétrica de cabo de aço trole manual duplo motorizado através de sistema de tração por roldanas e cabo de aço para capacidade de 500 Kg.

O cabo de aço é alojado no corpo do tambor (usinado), não remontando um sobre o outro, com sistema de frenagem acionado pelo próprio mecanismo (auto frenagem anti-recuo e eletromagnético) conferindo parada imediata.

O conjunto gancho/moitão é montado sobre rolamento de encosto, conferindo maior suavidade no giro de carga,

com dispositivo fim de curso.

Componentes de comando elétrico

O sistema elétrico do guindaste trabalha automaticamente com rampa de aceleração e desaceleração no giro da lança, protegendo o equipamento de partidas bruscas, evitando balanços desnecessários à carga içada, bem como aumentando consideravelmente a segurança e a durabilidade do equipamento.

Os comandos elétricos operacionais são comandados, através de rádio controle industrial, composto por dois transmissores e receptor, tendo oito funções de velocidade, mais botão soco, interruptor liga/desliga para a alimentação de energia e botão reserva, além de acompanhar controle reserva.

O alcance de transmissão de rádio é de setenta metros e tensão de alimentação de vinte e quatro volts de corrente contínua, com borne comum, ou seja, não é individual para cada função e possui ainda, alça confortável que pode ser presa na cintura ou no pescoço do operador, com total segurança de manuseio.

A alimentação elétrica transversal é realizada através de barramento blindado com todos os componentes inclusos, sendo que há um sinalizador tipo LED fixo no quadro de comando que avisa o operador, quanto à existência de alguma anormalidade do mesmo.

Também inclui uma sirene de segurança que informa ao operador que o equipamento esta liberado para operação.

O curso dos dispositivos móveis possui limitadores elétricos e limitadores mecânicos de curso, direita e esquerda e elevação integrados.