Informações do processo 0008431-38.2015.8.26.0506

  • Movimentações
  • 15
  • Data
  • 27/04/2015 a 19/07/2018
  • Estado
  • São Paulo
Envolvidos da última movimentação:
  • Advogado
    • [Nome removido após solicitação do usuário]

Movimentações 2018 2017 2016 2015

19/07/2018 Visualizar PDF

  • [Nome removido após solicitação do usuário]
Seção: 6ª Vara Cível
Tipo: Carta Precatória Cível - Citação (nº 1037604-81.2014.8.26.0100 - 31ª Vara Cível do Foro Central)
EDITAL DE INTIMAÇÃO DE ADVOGADOS - RELAÇÃO Nº 0253/2018

Vistos. Junte o exequente, cálculo atualizado débito, bem como esclareça
se houve pagamento do débito nos autos principais, ou realização de qualquer medida constritiva on line, no prazo de quinze
(15) dias. Permanecendo silente, devolva-se ao juízo deprecante, com as sinceras homenagens deste juízo. Esclarecido e
apresentado o cálculo, determino a remessa desta deprecada à Central de Mandados para que se proceda à constatação,
avaliação, penhora e intimação de bens que guarnecem a as residências dos executados, não protegidos por lei. Int. -


Retirado da página 140 do Diario de Justiça do Estado de São Paulo - Primeira Instancia do Interior parte 3

15/06/2018 Visualizar PDF

  • [Nome removido após solicitação do usuário]
Seção: 6ª Vara Cível
Tipo: Carta Precatória Cível - Citação (nº 1037604-81.2014.8.26.0100 - 31ª Vara Cível do Foro Central)
EDITAL DE INTIMAÇÃO DE ADVOGADOS - RELAÇÃO Nº 0209/2018

Vistos. Pelo que consta desta carta precatória, ambos os executados já
foram citados. O coexecutado Cleder foi intimado para indicar bens, no prazo de 05 dias, sob pena de multa, não constatação,
penhora e avaliação de bens de sua residencia. Quanto ao coexecutado Carlos Eduardo, não. Assim, esclareça o exequente,
em 15 dias, se pretende a constatação, penhora e avaliação dos bens que guarnecem as residências dos executados, tantos
quantos bastem para a liquidação da dívida. No silencio, devolva-se esta carta precatória à origem. Int. -


Retirado da página 223 do Diario de Justiça do Estado de São Paulo - Primeira Instancia do Interior parte 3

09/05/2018 Visualizar PDF

  • [Nome removido após solicitação do usuário]
Esconder envolvidos Mais envolvidos
Seção: Despejo por Falta de Pagamento Cumulado Com Cobrança - Inadimplemento - - Wellington Rodrigo dos Santos Magalhaes e outro - Vistos.1- Fls. 228/231:
Tipo: Carta Precatória Cível - Citação (nº 1037604-81.2014.8.26.0100 - 31ª Vara Cível do Foro Central)

às contrarrazões de apelação no prazo legal.2- Após,
determino sejam os autos remetidos ao Egrégio Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo - Seção de Direito Privado II - SEJ
2.1.2 - 11ª a 24ª, 37ª e 38ª Câmaras - Complexo Ipiranga sala 44, com as nossas homenagens e observadas as formalidades
legais. 3- Int. -


Vistos.Manifeste-se o credor, no prazo de 15 dias, diante do teor das
certidões de Oficial de Justiça, que seguem:Certidão de fl. 142: “CERTIFICO eu, Oficial de Justiça, que em cumprimento ao
mandado nº 506.2018/021014-4 dirigi-me ao endereço Rua Dr Ivan Teixeira Maldonado, 137, e aí sendo, no dia 26/03 às 10:58h
fui atendida pelo interfone por uma mulher que identificou-se como a funcionaria da casa, declarou que o requerido ali não
estava e disse que ele sai cedinho e volta a noite. Retornei no dia 04/04 ás 19:55h e fui atendida pelo requerido e deixei de
proceder a penhora em bens dele por ele ter declarado não possuir bens a serem penhorados para satisfazer a referida dívida,
sendo que INTIMEI CLEDER CORRAL PROVÊNCIO a indicar bens a penhora no prazo legal de cinco dias, sob pena de multa.
NADA MAIS. O referido é verdade e dou fé." Certidão de fl. 145: “CERTIFICO eu, Oficial de Justiça, que em cumprimento ao
mandado nº 506.2018/021015-2, dirigi-me na data de 04/04/2018 à Rua Garibaldi, 1030, centro, nesta e, aí sendo às 17:10
horas, obtive a informação com um porteiro, Sr. Marco Barbosa, de que o executado Carlos Eduardo Ferraz de Laurenttis
não estava em seu apto. 91, pois ninguém atendeu ao interfone do imóvel. Ademais, o porteiro informou-me que o executado
costuma sair para trabalhar após às 08:00 horas e ali regressar por volta das 21:00 horas. Na data de 17/04/2018 retornei ao
referido endereço e, lá estando às 08:30 horas, obtive a informação com um porteiro, Sr. Ualison, de que novamente ninguém
atendeu ao interfone do apto. 91, sendo que nesta ocasião ali deixei meu número telefônico para contato com o executado
Carlos Eduardo Ferraz de Laurenttis. Certifico ainda que, não havendo contato telefônico por parte do executado, dirigi-me na
data de 25/04/2018 à Rua Garibaldi, 1030, centro, nesta e, aí sendo às 07:25 horas, obtive a informação com uma funcionária
da portaria, Sra. Alessandra, de que ela obteve a informação através do interfone do apto. 91 com uma empregada doméstica,
Sra. Aparecida, de que o executado Carlos Eduardo Ferraz de Laurenttis havia viajado e que sua esposa não estava no local.
Assim, solicitei falar pessoalmente com a empregada doméstica Sra. Aparecida, porém, segundo a porteira Sra. Alessandra,
ela se recusou a atender-me alegando que estava muito ocupada. Ademais, esclareço haver suspeita de que Carlos Eduardo
Ferraz de Laurenttis esteja se furtando ao contato com este Oficial de Justiça - como em diversas vezes no cumprimento de
outros mandados em que houve sempre a necessidade de citação por hora certa, pois jamais fui atendido pessoalmente pelo
executado -, motivo pelo qual solicito ordem de arrombamento e reforço policial para o fiel cumprimento da segunda via do
mandado. Outrossim, caso seja autorizada a ordem de arrombamento, solicito que a parte exequente disponibilize chaveiro
para a abertura das portas do imóvel. O referido é verdade e dou fé." Int. -


Retirado da página 159 do Diario de Justiça do Estado de São Paulo - Primeira Instancia do Interior parte 3