Informações do processo 0001185-35.2012.8.26.0493

  • Numeração alternativa
  • 493.01.2012.001185
  • Movimentações
  • 19
  • Data
  • 09/06/2014 a 27/11/2019
  • Estado
  • São Paulo

Movimentações 2019 2018 2017 2016 2015 2014

27/11/2019 Visualizar PDF

Seção: REGENTE FEIJÓ - Cível - 1ª Vara
Tipo: Execução de Título Extrajudicial - Cheque
EDITAL DE INTIMAÇÃO DE ADVOGADOS - RELAÇÃO Nº 0988/2019

Fica o executado Dário Marques Pinheiro INTIMADO, na
pessoa do seu defensor, acerca da penhora incidente sobre 25% do imóvel rural objeto da matrícula nº 775 do CRI local (fl.
146), bem como de sua nomeação como depositário dos bens por Termo lavrado às fls. 146, ficando ainda INTIMADO do prazo
legal de 15 dias para oferecimento de Impugnação contados desta publicação. Nada Mais. -


Providencie o exequente recolhimento de diligências do Oficial de Justiça no valor de R$79,59 (ag. 2519-4 e conta
950.000-6) para expedição oportuna do mandado de avaliação do bem penhorado. -


Retirado da página 49 do Diário de Justiça do Estado de São Paulo - Primeira Instancia do Interior parte 3

10/09/2019 Visualizar PDF

Seção: REGENTE FEIJÓ - Cível - 1ª Vara
Tipo: Execução de Título Extrajudicial - Cheque
EDITAL DE INTIMAÇÃO DE ADVOGADOS - RELAÇÃO Nº 0717/2019

1. INDEFIRO a expedição de mandado de penhora do bem
imóvel matriculado sob o nº 775. 2. Pela nova sistemática adotada pelo Código de Processo Civil, comprovada, por certidão, a
existência de veículos automotores e imóveis em nome do executado, a penhora será realizada por termo nos autos, conforme
menciona o §1º do art. 845 do CPC (“A penhora de imóveis, independentemente de onde se localizem, quando apresentada
certidão da respectiva matrícula, e a penhora de veículos automotores, quando apresentada certidão que ateste a sua existência,
serão realizadas por termo nos autos"). 3. Sendo assim, comprovada a propriedade do imóvel, por matrícula de fls. 138/142,
expeça-se termo de penhora do imóvel matriculado sob o nº 775, no percentual de 25% do imóvel correspondente a sua fração
ideal. Nomeio o executado como depositário do bem imóvel, devendo tal informação constar do referido termo. 4. Sem prejuízo,
proceda a serventia a expedição de mandado de avaliação do bem imóvel penhorado. 5. Após, intime-se o executado, por seu
procurador, da penhora realizada sobre dito bem imóvel, da sua nomeação como fiel depositário, do valor da avaliação, bem
como do prazo legal para apresentar embargos, dispensadas outras formalidades. 6. Havendo notícia de que o exequente é
casado sob o regime de separação total de bens, fica dispensada a intimação pessoal da cônjuge do executado, acerca da
penhora realizada, nos termos do art. 842, do Código de Processo Civil. 7. No mesmo ato, intime-se a parte exequente a se
manifestar, em termos de prosseguimento ao feito, no prazo de 10 (dez) dias. Int. -


Retirado da página 19 do Diário de Justiça do Estado de São Paulo - Primeira Instancia do Interior parte 3

22/04/2019 Visualizar PDF

Seção: REGENTE FEIJÓ - Cível - 1ª Vara
Tipo: Execução de Título Extrajudicial - Cheque
EDITAL DE INTIMAÇÃO DE ADVOGADOS - RELAÇÃO Nº 0290/2019

Manifeste-se o exequente em prosseguimento, tendo em
vista que em 28/02/2019 decorreu o prazo legal sem que os executados indicassem quais são e onde estão seus bens sujeitos
à penhora e os respectivos valores -


Retirado da página 44 do Diário de Justiça do Estado de São Paulo - Primeira Instancia do Interior parte 3

20/02/2019 Visualizar PDF

Seção: REGENTE FEIJÓ - Cível - 1ª Vara
Tipo: Execução de Título Extrajudicial - Cheque
EDITAL DE INTIMAÇÃO DE ADVOGADOS - RELAÇÃO Nº 0108/2019

Defiro o requerimento do exequente de fl. 130, intimando-
se os executados, por seus procuradores, a indicarem quais são e onde estão os bens sujeitos à penhora e os respectivos
valores e exibir prova de sua propriedade e, se for o caso, certidão negativa de ônus, no prazo de 05 (cinco) dias, sob pena de
considerar o ato omissivo do executado atentatório à dignidade da justiça, fixando-se o juiz multa em montante não superior a
20% (vinte por cento) do valor atualizado do débito em execução, sem prejuízo de outras sanções de natureza processual ou
material, nos termos do artigo 774, inciso V c/c parágrafo único do CPC. Int. -


Retirado da página 62 do Diário de Justiça do Estado de São Paulo - Primeira Instancia do Interior parte 3