Renata Chastinet Braga

Possui graduação em Química Industrial pela Universidade Federal do Ceará (1998), mestrado em Bioquímica pela Universidade Federal do Ceará (2001) e doutorado em Bioquímica pela Universidade Federal do Ceará (2006). Atualmente é professora do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Ceará. Tem experiência na área de Química, com ênfase em Química Geral, atuando principalmente nos seguintes temas: lectinas, polissacarídeos naturais, matriz de afinidade, galactomananas e cromatografia.

Informações coletadas do Lattes em 20/10/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Bioquímica

2002 - 2006

Universidade Federal do Ceará
Título: Isolamento e caracterização de uma lectina e de um inibidor de proteases em sementes de Caesalpinia pucherrima Linn.
Orientador: em Universidade de São Paulo ( Leila Maria Beltramini)
com Renato de Azevedo Moreira. Bolsista do(a): Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico, FUNCAP, Brasil. Palavras-chave: Lectinas; Isolamento; Caesalpinia pulcherrima; Galactomananas; Inibidor de proteases; Interação. Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Engenharias / Área: Engenharia Química / Subárea: Tecnologia Química / Especialidade: Polímeros. Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Enzimologia. Setores de atividade: Desenvolvimento de Novos Materiais; Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados Com Essas Atividades; Outro.

Mestrado em Bioquímica

1999 - 2001

Universidade Federal do Ceará
Título: Goma Endospérmica de Caesalpinia pulcherrima SW. Linn - Utilização como matriz de Afinidade no Isolamento de Lectinas Galactose-Ligantes,Ano de Obtenção: 2002
Renato de Azevedo Moreira.Bolsista do(a): Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico, FUNCAP, Brasil. Palavras-chave: Polissacarídeos; Galactomananas; Lectinas; Gomas; Matriz de afinidade; Cromatografia. Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Química de Macromoléculas / Especialidade: Proteínas. Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Orgânica / Especialidade: Polímeros e Colóides. Setores de atividade: Desenvolvimento de Novos Materiais; Fabricação de Resinas e Elastômeros; Outro.

Graduação em Química Industrial

1995 - 1998

Universidade Federal do Ceará
Título: Estudos Preliminares para Implementação de Teste de Controle de Qualidade na Fabricação de Balões de Borracha
Orientador: Maria Goretti de Vasconcelos Silva
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

Ensino Médio (2º grau)

1992 - 1994

Colégio Géo Studio

Ensino Fundamental (1º grau)

1980 - 1991

Instituto Educacional de Alencar

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2015 - 2015

Intel Isef Educator Academy Curriculum Day. (Carga horária: 8h). , Intel Isef Educator Academy, INTEL ISEF, Estados Unidos.

2015 - 2015

Workshop Nacional preparatório para a Intel ISEF 2015. (Carga horária: 20h). , Intel do Brasil, INTEL DO BRASIL, Brasil.

2007 - 2007

Curso de Alemão. (Carga horária: 60h). , Instituto Poliglota, POLIGLOTA, Brasil.

2007 - 2007

Intensivkurs-Deutsch-Grundstufe. (Carga horária: 600h). , Kolping-Akademie Würzburg, KOLPING, Alemanha.

2004 - 2004

Extensão universitária em Curso de Extensão em Educação a Distância. (Carga horária: 120h). , Faculdade Integrada da Grande Fortaleza, FGF, Brasil.

2004 - 2004

O lado lúdico das estruturas moleculares. (Carga horária: 12h). , Centro de Biotecnologia Molecular Estrutural, CBME, Brasil.

1999 - 2002

Extensão universitária em Curso Básico de Língua Alemã. (Carga horária: 420h). , Universidade Federal do Ceará, UFC, Brasil.

2001 - 2001

Curso de Biotecnologia de Glicoconjugados. (Carga horária: 80h). , Universidade Federal do Ceará, UFC, Brasil.

1998 - 1998

Plant Insect Interactions. (Carga horária: 15h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

1998 - 1998

Experimentos para o Ensino em Cências. (Carga horária: 6h). , Sociedade Brasileira de Química, SBQ, Brasil.

1998 - 1998

Estrutura e Reatividade de Compostos Orgânicos. (Carga horária: 15h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

1998 - 1998

Produtos Naturais Bioativos. (Carga horária: 15h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

1998 - 1998

Methods In Chemical Ecology. (Carga horária: 15h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

1997 - 1997

Peneiras Moleculares Síntese Caracterização e Apli. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.

1997 - 1997

Técnicas Fundamentais e Avançadas-Análise Química. (Carga horária: 6h). , Programa Especial de Treinamento Química Industrial, PET-QUÍMICAINDUS, Brasil.

1997 - 1997

Tratamento de Efluentes. (Carga horária: 6h). , Associação Brasileira de Química Ceará, ABQ-CE, Brasil.

1996 - 1996

Controle Ambiental. (Carga horária: 6h). , Associação Brasileira de Química Ceará, ABQ-CE, Brasil.

1996 - 1996

Fitoterapia Conhecimentos Para Seu Uso. (Carga horária: 6h). , Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.

1995 - 1995

Tecnologia de Alimentos. (Carga horária: 6h). , Associação Brasileira de Química Ceará, ABQ-CE, Brasil.

1995 - 1995

Reciclagem de Materiais. (Carga horária: 6h). , Associação Brasileira de Química Ceará, ABQ-CE, Brasil.

1995 - 1995

Análise Química Por Injeção Em Fluxo Contínuo. (Carga horária: 10h). , Programa Especial de Treinamento Química Industrial, PET-QUÍMICAINDUS, Brasil.

1991 - 1995

Regular English Course. (Carga horária: 600h). , Instituto Brasil Estados Unidos no Ceará, IBEU-CE, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Alemão

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Orgânica/Especialidade: Polímeros e Colóides.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Orientação e Aconselhamento.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Ciência e Tecnologia de Alimentos / Subárea: Tecnologia de Alimentos.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Educação Inclusiva.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

SOUSA, K. F. ; BRASIL, N. S. ; SILVA, A. R. ; GINO, C. F. ; SANTANA, D. K. A. ; ARAUJO, F. A. S. ; AQUINO, F. D. A. ; MARTINS, J. V. ; BRAGA, R. C. . II Mostra Limoeirense de Projetos (MOSLIPRO) do IFCE ? Campus Limoeiro do Norte. 2018. .

SOUSA, K. F. ; BRASIL, N. S. ; GINO, C. F. ; SANTANA, D. K. A. ; ARAUJO, F. A. S. ; AQUINO, F. D. A. ; MARTINS, J. V. ; BRAGA, R. C. . II Simpósio Limoeirense de Educação. 2018. (Outro).

BRAGA, R. C. ; DAMACENO, M. N. ; SANTOS, S. M. L. ; SOUZA, P. A. ; Cavalcante, A. B. D. ; GONSALVES, H. R. O. ; SILVA, M. S. ; FARIAS, V. L. ; MOISES, R. M. M. ; MOURA, S. M. A. . II Encontro de Tecnologia de Alimentos - IFCE (Portaria no 018/GDG 02/02/2017). 2017. (Congresso).

BRAGA, R. C. ; DAMACENO, M. N. ; SANTOS, S. M. L. ; FARIAS, V. L. . I Exposição de Fotografia. 2017. (Exposição).

BRAGA, R. C. ; SOUSA, K. F. ; BRASIL, N. S. ; AQUINO, F. D. A. ; ARAUJO, F. A. S. . I Mostra Limoeirense de Projetos (I MOSLIPRO). 2017. .

SILVA, M. S. ; Cavalcante, A. B. D. ; GONSALVES, H. R. O. ; SOUSA, K. F. ; DAMACENO, M. N. ; SOUZA, P. A. ; MOISES, R. M. M. ; BRAGA, R. C. ; MOURA, S. M. A. ; FARIAS, V. L. . VIII Semana daAlimentação do IFCE -- Campus Limoeiro do Norte,. 2017. (Congresso).

SOUSA, K. F. ; BRAGA, R. C. ; ARAUJO, F. A. S. ; AQUINO, F. D. A. ; BRASIL, N. S. . I Simpósio Limoeirense de Educação (I SiLiEdu). 2017. (Congresso).

Cavalcante, A. B. D. ; PEREIRA, JÚLIO OTÁVIO PORTELA ; SOUZA, P. A. ; ARAUJO, R. S. ; FARIAS, V. L. ; GONSALVES, H. R. O. ; BRAGA, R. C. ; DAMACENO, M. N. ; SANTOS, S. M. L. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. . I Encontro de Tecnologia de Alimentos - IFCE. 2016. (Outro).

FELIPE, K. F. ; SOUSA, D. M. ; BRAGA, R. C. . Sala dos Sentidos. 2016. (Outro).

BRAGA, R. C. ; SOUSA, K. F. . MOSLIPRO Universo IFCE. 2016. .

BRAGA, R. C. ; SANTOS, M. E. A. . Produção de Geléias. 2016. (Outro).

BRAGA, R. C. ; SOUSA, K. F. ; BAIER, P. A. S. ; SANTOS, F. S. ; BRASIL, N. S. ; ARAUJO, F. A. S. . Mostra de Extensão - Universo IFCE. 2016. (Exposição).

LISTA NETA, B. S. ; OLIVEIRA, C. L. B. S. ; UCHOA, C. N. ; SANTOS, E. V. M. ; NASCIMENTO, F. J. S. C. ; SANTOS, F. S. ; SOUZA, G. C. de ; GONSALVES, H. R. O. ; LIMA, J. P. ; SOUSA, K. F. ; LIMA, M. M. S. ; BAIER, P. A. S. ; SANTOS, P. G. L. ; BRAGA, R. C. ; ALVES, R. R. N. ; MOURA, S. M. A. . Universo IFCE. 2016. (Outro).

Braga, Renata Chastinet . X ENPPG / X ENICIT / V SIMPIT. 2011. (Congresso).

SILVA FILHO, H. A. ; SANTOS, E. V. M. ; SOUZA, F. C. ; LIMA, A. E. F. ; BRAGA, R. C. ; SOUSA, M. G. F. . I Semana do Meio Ambiente. 2009. (Congresso).

BRAGA, R. C. . 4o Simpósio Brasileiro de Educação Química. 2006. (Outro).

BRAGA, R. C. . LXIV Congresso Brasileiro de Química. 2004. (Congresso).

BRAGA, R. C. . V Feira de Projetos de Química. 2004. .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

12 SLACA - Simpósio Latino Americano de Ciência de Alimentos. Sensory evaluation of ice cream with unconventional thickeners. 2017. (Congresso).

12 SLACA - Simpósio Latino Americano de Ciência de Alimentos. Polysaccharide from Caesalpinia Pulcherrima as thicker and stabilizer of the cashew juice. 2017. (Congresso).

11a Feira Nordestina de Ciências e Tecnologia. Efeito Estufa: Uma Simulação na Germinação de Plantas. 2015. (Feira).

13a Feira Brasileira de Ciência e Engenharia. Ação Sinergética de Antiviral Natural. 2015. (Feira).

30a Mostra Brasileira de Ciência e Tecnologia e Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia. Efeito Estufa: Uma Simulação na Germinação de Plantas. 2015. (Feira).

Intel ISEF 2015 Educator Academy Curriculum Day. 2015. (Oficina).

MOSTRATEC. Ação Sinergética de Antiviral Natural. 2014. (Feira).

I Encontro Tecnológico do IFCE - Campus Limoeiro do Norte.Minicurso - Química no Cotidiano. 2009. (Encontro).

II Encontro Tecnológico do IFCE - Campus Limoeiro do Norte.Experimentos em Química. 2009. (Encontro).

III Simpósio de Inovação Tecnológica - III SIMPIT.III Simpósio de Inovação Tecnológica. 2009. (Simpósio).

IX Encontro de Iniciação Científica e Tecnológica - IX ENICIT.IX Encontro de Iniciação Científica e Tecnológica. 2009. (Encontro).

IX Encontro de Pesquisa e Pós-graduação - IXENPPG.IX Encontro de Pesquisa e Pós-graduação. 2009. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Clarissa Maia de Aquino

MONTE, A. L. S.;DAMACENO, M. N.; REGO, J. P. A.; BESERRA, F. J.;BRAGA, R.C.. Efeito das enzimas naturais e artificiais no amaciamento da carne ovina. 2017. Dissertação (Mestrado em TECNOLOGIA DE ALIMENTOS) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Nayanne Lima dos Santos

BRAGA, R. C.; BASTOS, M. S. R.; SANTOS, E. C. M.;SILVA, M. S.MOREIRA, R. A.. Produção e Caracterização de Filmes de Xiloglucana de Tamarindus indica: Aplicação em Frutos do Mamoeiro ?Sunrise Solo? Fracionado. 2017. Dissertação (Mestrado em TECNOLOGIA DE ALIMENTOS) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Antônia Ariana Camelo Passos

BRAGA, R. C.TEIXEIRA-SÁ, D. M. A.; ANDRADE, P. L.; CUNHA, P. L. R.; CASTRO, R. R.. Galactomananas Parcialmente Hidrolisadas de Sementes de Adenanthera pavonina como Estabilizante e Fonte de Fibra em Mousse Light. 2016. Dissertação (Mestrado em TECNOLOGIA DE ALIMENTOS) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Lorena Galdino da Franca

MOURA, C. F. H.; SOUZA, P. A.; LOPES, M. M. A.; MELO, D. S.;BRAGA, R. C.. Seleção de materiais genéticos de aceroleira visando a qualidade de frutos verdes para processamento. 2016.

Aluno: Ana Josymara Lira Silva

TEIXEIRA-SÁ, D. M. A.BRAGA, R. C.; CUNHA, P. L. R.; CHINELATE, G. C. B.;Cavalcante, A. B. D.. Avaliação de estabilizantes (quitosana e xiloglucana) e gorduras (palma e creme de leite) em sorvetes. 2016. Dissertação (Mestrado em TECNOLOGIA DE ALIMENTOS) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: monique Ellen Torres da Silva

MONTE, A. L. S.;SOARES, D. J.; CASTRO, R. R.; DAMACENO, M. N.;BRAGA, R. C.. Extração, caracterização e avaliação do efeito antimicrobiano de óleos essenciais como potencial conservante em produto cárneo. 2015. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Tecnologia de Alimentos) - iNSTITUTO FEDERAL DO CEARÁ.

Aluno: Monique de Oliveira Maia

TEIXEIRA-SÁ, D. M. A.DAMACENO, M. N.; SOUZA, B. W. S.; SIQUEIRA, A. F.;BRAGA, R. C.. Gelatina de Pescado: Extração, Caracterização e Aplicação. 2015. Dissertação (Mestrado em TECNOLOGIA DE ALIMENTOS) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Raimunda Valdenice da Silva Freitas

SOUZA, P. A.; SENHOR, R. F.; MOURA, C. F. H.;BRAGA, R. C.. Armazenamento pós-colheita de frutos de mamão formosa 'Tainung 01' recobertos com extratos vegetais à base de nim. 2014. Dissertação (Mestrado em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: ZULENE LIMA DE OLIVEIRA

SOUZA, P. A.; COSTA, F. B.;BRAGA, R. C.. Armazenamento refrigerado de atmóia 'Genfner' mantidas sob atmosfera modificada. 2014. Dissertação (Mestrado em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: Joseane Lima Muniz

BRAGA, R. C.; COSTA, F. B.; SOUZA, P. A.. Uso de revestimento comestível a base de cera de carnaúba no pendúculo do caju pós-colheita. 2014. Dissertação (Mestrado em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: Érica da Costa Monção

MONTE, A. L. S.; BATISTA, A. S. M.;BRAGA, R. C.. Qualidade de Nuggets com Inclusãi de Subprodutos de Frango. 2014. Dissertação (Mestrado em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: Joseane Lima Muniz

BRAGA, R. C.; COSTA, F. B.; SOUZA, P. A.. Revestimento comestível a base de cera de carna´ba na pós-colheita do caju "CCP76". 2014. Dissertação (Mestrado em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: Joelane Maria de Carvalho Teixeira

NOGUEIRA, R. E. F. Q.; ALBUQUERQUE, J. S. V.; SILVA, M. J. G.; SOMBRA, A. S. B.; FOOK, M. V. L.;BRAGA, R. C.. Produção de compósitos de Hidroxiapatita-Alumina utilizado como sistema para liberação de Ampicilina. 2018. Tese (Doutorado em Engenharia e Ciência de Materiais) - Universidade Federal do Ceará.

Aluno: Elisabeth Mariano Batista

SOUZA, P. A.; COSTA, F. B.;BRAGA, R. C.. Vida útil pós-colheita de bananas prata armazenadas sob refrigeração. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em TECNOLOGIA DE ALIMENTOS) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Antônia Ariana Camelo Passos

BRAGA, R. C.TEIXEIRA-SÁ, D. M. A.Maciel, J. S.. Elaboração de Mousse Utilizando Galactomanana de Adenanthera pavonina como Estabilizante, Substituto de Gordura e Potencial Fonte de Fibra Alimentar. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em TECNOLOGIA DE ALIMENTOS) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Maria Izamara Jesus Norte

BRAGA, R. C.; SOUZA, P. A.; UCHOA, C. N.. Revestimento comestível antifúngico aplicado em pimentão 'Dahra'. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: monique Ellen Torres da Silva

MONTE, A. L. S.; DAMACENO, M. N.;BRAGA, R. C.. Avaliação do efeito antimicrobiano de óleos essenciais com potencial uso como conservante em produto cárneo. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: AnaKlaudia Sombra Santos

ARAÚJO, R. dos S.; LIMA, A. F.;BRAGA, R. C.. Produção de pó de pitaya vermelha (hylocereus costaricensis) via atomização spray drying para enriquecimento de iogurte grego. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: Monique de Oliveira Maia

TEIXEIRA-SÁ, D. M. A.; DAMACENO, M. N.;BRAGA, R. C.. Extração e caracterização de gelatina obtida de peles de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) e sua aplicação como revestimento em filés da mesma espécie. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: ZULENE LIMA DE OLIVEIRA

SOUZA, P. A.; MOURA, C. F. H.;BRAGA, R. C.. Armazenamento refrigerado de atemóia 'Gefner' mantidas sob atmosfera modificada. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Tecnologia de Alimentos) - INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIENCIA E TECNOLIGIA CEARÁ.

Aluno: Joseane Lima Muniz

BRAGA, R. C.; SOUZA, P. A.; ARAÚJO, R. dos S.. Uso de revestimento comestível a base de cera de carnaúba no pendúculo do caju pós-colheita. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: Luana Maria de Lima Santos

ARAÚJO, R. dos S.;BRAGA, R. C.; SOUZA, P. A.. Produção de pó de acerola verde via processo spray drying para elaboração de alimentos enriquecidos com vitamina C. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: Érica da Costa Monção

MONTE, A. L. S.; DAMACENO, M. N.;BRAGA, R. C.. Nuggets de subprodutos de frango revestidos com filmes de amido: estabilidade física, química, microbiológica e avaliação sensorial. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: Raimunda Valdenice da Silva Freitas

SOUZA, P. A.; COSTA, F. B.;BRAGA, R. C.. Armazenamento pós-colheita de frutos de mamão formosa 'Tainung 01' recobertos com extratos vegetais a base de nim. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: Maria Ivaneide Ferreira Estevam

SOUZA, P. A.BRAGA, R. C.; BATISTA, E. M.. Características Físicas e Físico-Químicas de Variedades de Acerola em Dois Estádios de Maturação. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Fruticultura Irrigada) - iNSTITUTO FEDERAL DO CEARÁ.

Aluno: Maria Ivaneide Ferreira Estevam

SOUZA, P. A.;BRAGA, R. C.; BATISTA, E. M.. Parâmetros Físicos e Químicos de Variedades de Acerola em Dois Estádios de Maturação. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Fruticultura Irrigada) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Maria Juciene Lima

SANTOS, F. S.; BARROSO, A. A. F.;BRAGA, R. C.. Classificação da Qualidade de Água para Irrigação Tabuleiro de Russas-CE. 2010. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Gestão de Recursos Hídricos) - Instituto Centro de Ensino Tecnológico.

Aluno: Maria Ivaneide Ferreira Estevam

UCHOA, C. N.; SARMENTO, D. H. A.;BRAGA, R. C.. Caracterização física e físico-química de Sapoti (Manikara zapota L. Van Royen) em diferentes estádios de maturação. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Agronomia) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Jéssica Janine Sousa Barreto

BRAGA, R. C.; FREITAS, R. V. S.; SILVA, P. C.. APLICAÇÕES DE POLISSACARÍDEOS VEGETAIS EM REFRESCO DE LIMÃO. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Natalia Freire da Silva

BRAGA, R.C.SILVA, M. S.; CAETANO, M. V.. Polissacarídeo de Adenanthera pavonina como espessantes em geleias sabor cacau e limão. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Luan Freitas Bessa

BRAGA, R. C.; FREIRE, L. F. O.; SILVA, P. C.. Alimentos contaminados microbiologicamente no Brasil: Uma breve revisão. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Maria da Dores de Holanda Monteiro

SILVA, P. C.;BRAGA, R. C.; SIQUEIRA, A. M. A.. Qualidade Microbioógica de Meis Comercializados em um Municipio Cearense. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Swan Nunes Xavier

SOUZA, P. A.;BRAGA, R.C.; SOUZA, G. C. de. Caracterização físico-quimica e analise sensorial de biscoitos elaborados com farinha de quiabo. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Darliane Lima Muniz

BRAGA, R.C.DAMACENO, M. N.; SOUZA, G. C. de. Elaboração e caracterização físico-química e microbiológica de patê de pescado adicionado de polissacarídeo natural. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: MICHELLE KELLY VIEIRA UCHÔA

FARIAS, V. L.; GONSALVES, H. R. O.;BRAGA, R.C.. Farinha de Quiabo: caracterização físico-quimica para uso como ingrediente funcional. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Maria Rita de Almeida

BRAGA, R. C.; DAMACENO, M. N.; LIMA, L. S. L.. Adição de polissacarídeo Caesalpinia Pucherrima como espessante e estabilizante em suco de caju. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia.

Aluno: Rodolfo Oliveira Rodrigues

CAVALCANTE, J. F. M.; QUEIROZ, Z. F.;BRAGA, R. C.. Conservantes Químicos em Refrigerantes: Fonte Potencial de Benzeno. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Licenciatura em Química) - Faculdade de Filosofia Dom Aureliano de Matos.

Aluno: Jéssica Roberta Pereira Martins

BRAGA, R. C.ROLIM, H. O.; MOURA, S. M. de A.. Utilização da Cinza da Folha de Nim (CFN) Obtida das Podas das Árvores como Adsorvente de Metais em Solução Aquosa. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia - Campus Limoeiro.

Aluno: Fernanda Freires de Almeida

CAVALCANTE, J. F. M.;BRAGA, R. C.; SOUZA, G. C. de. Avaliação Microbiológica de Queijo Coalho Artesanal Revestido com Solução de Galactomanana de Sementes de Caesalpinia pulcherrima. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Graduação Química) - Universidade Estadual do Ceará.

Aluno: Rômulo Couto Alves

BARBOSA, Z.;TEIXEIRA-SÁ, D. M. A.BRAGA, R. C.. Estudo de Mobilização de Lectinas e Xiloglucanos Durante a Germinação de Mucuna Sloanei. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Graduação Química) - Universidade Estadual do Ceará.

Aluno: Thiago Magno Cavalcante Chaves

TEIXEIRA, D. M. A.BRAGA, R. C.; SOUZA-FILHO, J. O. A.. Isolamento e Utilização de Polissacarídeo Endospérmico de Sementes de Cassia fistula. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Graduação Química) - Universidade Estadual do Ceará.

Aluno: Ana Meire Freire Chaves

BRAGA, R. C.. Boas Práticas de Fabricação em Panificação. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: FRANCISCA EDINARDA LIMA DA SILVA

BRAGA, R. C.. Fabicação de Produtos de Panificação e Confeitaria. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: EDLÂNIA MOURA DA SILVA

BRAGA, R. C.. Padronização de Receitas da Panificadora e Confeitaria Delícias do Trigo. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: FRANCISCA EDINARDA LIMA DA SILVA

BRAGA, R. C.. Fabricação de Produtos de Panificação e Confeitaria. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

Aluno: Morgana Maria Fonteles Vitorino

BRAGA, R. C.TEIXEIRA-SÁ, D. M. A.; OLIVEIRA, J. M. B.. Avaliação do Aprendizado dos conteúdos de Ciências (Química) Sugerido pelos parâmetros Curiculares Nacionais para 7a e 8a série do Ensino Fundamental. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Federal do Ceará.

Aluno: Kelton Wadson Silveira

BRAGA, R. C.TEIXEIRA, D. M. A.; Teixeira, E. M. R.. Estudo da Relação Aula Teórica Aula Prática no Aprendizado de Química no Ensino Médio. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Federal do Ceará.

OLIVEIRA, F. C.;BRAGA, R. C.TEIXEIRA-SÁ, D. M. A.. II Concurso Público de Provas e Títulos para Professor Classe Adjunto - Edital no 8 FUNECE de 20 de Fevereiro de 2015. 2015. Faculdade de Filosofia Dom Aureliano de Matos.

CAVALCANTE, J. F. M.; GIRÃO, J. H. S.;BRAGA, R. C.. Professor Substituto. 2012. Faculdade de Filosofia Dom Aureliano de Matos.

MOURA, S. M. de A.;BRAGA, R. C.. Professor Substituto de Química e Bioquímica. 2012. Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

MOURA, S. M. de A.;BRAGA, R. C.. Seleção para Professor Efetivo - Campus Limoeiro do Norte. 2010. Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

AQUINO, N. C.; ABREU, J. V.; SILVA, K. F. N. L.; FREITAS, M. G.;DAMACENO, M. N.SILVA, M. S.; MOISES, R. M. M.;BRAGA, R. C.; MOURA, S. M. A.; FARIAS, V. L.; CAVALCANTE, A. B. D.; SIQUEIRA, A. M. A.; MANO, A. R. O.; LIMA, A. F.; SILVA, B. Y. C.; SOUZA, G. C. de; GONSALVES, H. R. O.; SILVA, J. M. A. da. Comissão de Elaboração do Edital de Seleção para o Curso de Especialização em Saúde e Segurança Alimentar do Campus Limoeiro do Norte(PORTARIA Nº 62/GDG, de 23/03/2018). 2018. Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

BRAGA, R. C.DAMACENO, M. N.SILVA, M. S.; SANTOS, S. M. L.; FARIAS, V. L.; MONTE, A. L. S.; SILVA, A. R.; CAVALCANTE, A. B. D.; MOURA, C. F. H.;TEIXEIRA-SÁ, D. M. A.; PEREIRA, J. O. P.;SOUSA, K. F.; MILHOME, M. A. L.. Comissão Organizadora do Processo de Seleção 2018.2 do Curso de Mestrado em Tecnologia de Alimentos do IFCE ? Campus Limoeiro do Norte (PORTARIA Nº 116/GDG, 15/05/2018). 2018. Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

BRAGA, R. C.; SANTOS, S. M. L.; FARIAS, V. L.; MONTE, A. L. S.;Cavalcante, A. B. D.; MOURA, C. F. H.;TEIXEIRA-SÁ, D. M. A.; PEREIRA, J. O. P.;SOUSA, K. F.DAMACENO, M. N.; SOUZA, P. A.. Comissão do Processo de Seleção 2017.2 do Curso de Mestrado Acadêmico em Tecnologia de Alimentos do IFCE- Campus Limoeiro do Norte. 2017. Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

DAMACENO, M. N.;Cavalcante, A. B. D.; Coelho, E. L.; SOUZA, P. A.;BRAGA, R. C.. Comissão do Processo de Seleção 2013.2 do Curso de Mestrado em tecnologia de Alimentos do IFCE. 2013. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia - Campus Limoeiro.

Alves, M. L. T.; Alves. F. de A. F.; Cunha, F. G. M; Barreto, F. M. de S.; Sousa, J. R. de B.; Santos, J. S. dos; Carvalho, S. A. de; Brito-Júnior, A. O. S.; Barreto, C. M.; Oliveira, J. B.; GUTIERREZ, A. M. R. M.; Carlos, A. F.; Sousa, A. A. de; Joye, C. R.; Souza, E. P; Santos, E. M. A.; Menezes. J. J. L. de; Pimentel, L. G.; Nogueira, M. I. C.; DAMACENO, M. N.; Sabry, R. C.;BRAGA, R. C.; Araújo, E. R.; Andrade, R. M. B de; Monteiro, S. A.; Abreu, F. L de; Sousa, M. G. O. de; Gomes, E. O. de A.; Silveira, R. B.; Sá. M. E. G. de; Silva, A. C.; Alencar, A. P.; Araújo, A. L. de S.; Cattony, E. B. M.; Coelho, E. L.; Mencarelli, F. A.. Comitê Institucional de Avaliação dos projetos de pesquisa - PROAPP. 2012. Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

BRAGA, R. C.. Membro do Comitê Científico - IX Encontro de Pesquisa e Pós-Graduação - IX ENPPG/IX Encontro de Iniciação Científica e Tecnológica - IX ENICIT / III Simpósio de Inovação Tecnológica - III SIMPIT. 2009. Instituto Federal de Educação, Ciência e eTecnologia do Ceará.

Cavalcante, A. B. D.; Martins, A. E. P.; SOUZA, G. C. de; SILVA, J. M. A. da; ALMEIDA. J. Z. de; DAMACENO, M. N.; SOUZA, P. A.;BRAGA, R. C.; MOURA, S. M. de A.. Processo Seletivo do Curso de Especialização em Segurança Alimentar. 2009. Instituto Federal do Ceará - Reitoria.

BRAGA, R. C.SILVA, A. M. daTEIXEIRA, D. M. A.BRITO, A. C. F. de. Membro de Comissão Organizadora e Avaliadora da VII Maratona Cearense de Química. 2004. Associação Brasileira de Química Ceará.

BRAGA, R. C.. Comissão Avaliadora dosTrabalhos da IV Feira de Projetos em Química , LXIII Congresso Brasileiro de Química.. 2003. Associação Brasileira de Química.

BRAGA, R. C.SILVA, A. M. da; NOGUEIRA, C. M. C. C. D.; NEVES, M. de F. S.;BRITO, A. C. F. de. Membro de Comissão Organizadora e Avaliadora da VI Maratona Cearense de Química. 2003. Associação Brasileira de Química Ceará.

BRAGA, R. C.; NOGUEIRA, C. M. C. C. D.;BRITO, A. C. F. deSILVA, A. M. da; NEVES, M. de F. S.. Membro de Comissão Organizadora e Avaliadora da V Maratona Cearense em Química. 2002. Associação Brasileira de Química Ceará.

BRAGA, R. C.. Membro da Comissão Organizadora e Avaliadora da IV Maratona Cearense em Química. 2001. Associação Brasileira de Química Ceará.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Ana Cecilia Goes Horta

MOREIRA, R. A.; BRAGA, R. C.;HORTA, A. C. G.; MATOS, V. C.. Goma Endospérmica de Ceasalpinia pulcherrima: Utilização como Matriz de Afinidade no Isolamento de Lectinas Galactoses Ligantes.. 2001. Dissertação (Mestrado em Bioquímica Vegetal) - Universidade Federal do Ceará.

Vania Cordeiro de Matos

MATOS, Vania Cordeiro. Gomas endospérmica de ceasalpinia pulcherrima - Utilização como matrizes de afinidade no isolamento de lectinas galactose ligantes. 2001. Dissertação (Mestrado em Bioquímica) - Universidade Federal do Ceará.

Ana Cristina de Oliveira Monteiro Moreira

MONTEIRO-MOREIRA, A. C. O.HORTA, Ana Cecília G; BENEVIDES, Norma Maria B;BELTRAMINI, Leila MariaMOREIRA, Renato de Azevedo. Isolamento e Caracterização de uma Lectina e um Inibidor de Protease em Sementes de Caesalpinia pulcherrima Linn. 2006. Tese (Doutorado em Bioquímica) - Universidade Federal do Ceará.

Norma Maria Barros Benevides

MOREIRA, Renato de Azevedo; HORTA, Ana Cecília Góes;BENEVIDES, N. M. B.; MOREIRA, Ana Cristina de Oliveira Monteiro; BELTRAMINI, Leila Maria. Isolamento e caracterização de uma lectina e de um inibidor de proteases em sementes de Caesalpinia pulcherrima Linn. 2006. Tese (Doutorado em Bioquímica) - Universidade Federal do Ceará.

Ana Lúcia Ponte Freitas

FREITAS, A. L. P.; HORTA, Ana Cecília Goes;BENEVIDES, Norma Maria Barros. Imobilização da Lectina Galactose ligante de Artocarpus incisa L. (frutalina) em vidro para isolamento e caracterização de oligossacarídeos e glicoconjugados.. 2004. Exame de qualificação (Doutorando em Bioquímica) - Universidade Federal do Ceará.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Fábia Costa

Revestimento bioativo de amido modificado em coco minimamente processado; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em TECNOLOGIA DE ALIMENTOS) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; (Orientador);

Virginia Maria de Lima

Perfil de textura de fígado comercializados em Limoeiro do Norte; Início: 2019; Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Segurança Alimentar) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; (Orientador);

Tatiana Régia Carneiro Matos

Resgate de Sementes Crioulas no Vale do Jaguaribe Através da Produção de Alimentos; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; (Orientador);

Ligia Maria Ribeiro Santiago

Quilibras; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Técnico em Meio Ambiente) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Cíntia Larissa Carneiro Gomes

Química Eficiente; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará; (Orientador);

Daniela Nogueira dos Santos

Revestimento Bioativo de Amido Modificado Incorporado em Frutos Minimamente Processados; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Lígia Samara da Silva Balduino

QUILIBRAS - Sinais de uma boa reação; Início: 2017; Orientação de outra natureza; Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte; (Orientador);

Graziella Iara Silva

Padrão de Identidade e Qualidade de Derivados do Milho: Canjica e Pamonha; 2017; Dissertação (Mestrado em TECNOLOGIA DE ALIMENTOS) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Nayanne Lima dos Santos

Filmes Biodegradáveis de Xiloglucana: Uso na Conservação de Mamão (Carica papaya L; ); 2016; Dissertação (Mestrado em TECNOLOGIA DE ALIMENTOS) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Antônia Ariana Camelo Passos

Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura; 2014; Dissertação (Mestrado em TECNOLOGIA DE ALIMENTOS) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Maria Izamara de Jesus Norte

Revestimentos comestíveis em frutos; ; 2013; Dissertação (Mestrado em Mestrado em Tecnologia de Alimentos) - INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIENCIA E TECNOLIGIA CEARÁ,; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Joseane Lima Muniz

Uso de Revestimento Comestível a Base de Cera de Carnaúba no Pedúnculo do Caju Pós Colheita; 2012; Dissertação (Mestrado em Mestrado em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia - Campus Limoeiro,; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Sebastiana Cristina Nunes Reges

Avaliação Microbiológica de Polpas de Frutas Congeladas do Município de Limoeiro do Norte-CE; 2012; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Segurança Alimentar) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia - Campus Limoeiro; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Maurílio da Silva Sousa

Uso do Laboratório de Biologia no Ensino Médio; 2007; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em PROGRAMA DE BIOLOGIA) - Faculdade Integrada da Grande Fortaleza; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Maria de Fátima Sousa Silva

O Desenvolvimento de uma Metodologia Adequada à Disciplina de Biologia no Ensino Médio; 2007; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em PROGRAMA DE BIOLOGIA) - Faculdade Integrada da Grande Fortaleza; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Roberta Eloi Fernande

Laboratório de Ciências e suas Perspectivas Pedagógicas na Disciplina de Biologia da E; E; F; M; Euclides Pinheiro de Andrade; 2007; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em PROGRAMA DE BIOLOGIA) - Faculdade Integrada da Grande Fortaleza; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Natalia Freire Silva

Polissacarideos de Adenanthera pavonina como Espessantes em Geleias Sabor Cacau e Limão; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Adriana Mendes

Avaliação dos impactos causados na fisiologia de Moringa com o aumento da concentração de CO2; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado em Agronomia) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Luan Freitas Bessa

Alimentos contaminados microbiologicamente no Brasil: Uma breve revisão; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Jéssica Janine Sousa Barreto

Aplicações de Polissacarídeos Vegetais em Refresco de Limão; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Darliane Lima Muniz

Elaboração e caracterização físico-química e microbiológica de patê de pescado adicionado de polissacarídeo natural; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Maria Rita de Almeida

Adição de polissacarídeo Caesalpinia Pucherrima como espessante e estabilizante em suco de caju; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Nayanne Lima dos Santos

Subprodutos da Indústria de Alimentos como Fontes de Fibras em Biscoitos; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Tecnologoa de Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Jéssica Roberta Pereira Martins

UTILIZAÇÃO DA CINZA DA FOLHA DE NIM (CFN) OBTIDA DAS PODAS DAS ÁRVORES COMO ADSORVENTE DE METAIS EM SOLUÇÃO AQUOSA; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Tecnologia em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia - Campus Limoeiro, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Francisca Andrea Kércia

Aplicação de Polissacarídeos de Sementes Regionais Visando o Enriquecimento de Biscoitos Tipo Cookies; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Keliane da Silva Maia

Relatório e Estágio Supervisionado na Companhia de Água e Esgoto (CAGECE); 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Morgana Maria Fonteles Vitorino

Avaliação do Aprendizado dos conteúdos de Ciências (Química) Sugerido pelos parâmetros Curiculares Nacionais para 7a e 8a série do Ensino Fundamental; ; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química Industrial) - Universidade Federal do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Kelton Wadson Silveira

Estudo da Relação Aula Teórica, Aula Prática no Aprendizado de Química no Ensino Médio; 2004; 42 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Federal do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Laianne Costa Batista

Como relacionar o universo de Harry Potter no ensino de Química?; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Adriana Mendes

Carnamol:Carrapaticida Natural a Base de Moringa Oleifera; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Agronomia) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Laianne Costa Batista

A química de Harry Potter; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Jéssica Janine Sousa Barreto

Polissacarídeos Vegetais: Aplicação em Néctar de Limão; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Natalia Freire da Silva

Utilização de Polissacarídeo como Gelificante de Geleias de Maracujá (Passiflora edulis); 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Panificação) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Maria Elizeuda Correia Sousa

Regulação do pH do Solo; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Agronomia) - Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Valquiria de Araujo do Amaral

Regulação do pH do Solo; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Agronomia) - Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Marinelle Pereira de Oliveira

Produção de Filmes Comestíveis a Base de Tamarindo; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte; Orientador: Renata Chastinet Braga;

DAIANE RIBEIRO COSTA

Mostra Limoeirense de Projetos (MOSLIPRO); 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Médio) - ESCOLA DE ENSINO MÉDIO LAURO REBOUÇAS DE OLIVEIRA, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Denízia Xavier da Costa

Mostra Limoeirense de Projetos (MOSLIPRO); 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Médio) - ESCOLA DE ENSINO MÉDIO LAURO REBOUÇAS DE OLIVEIRA, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Wellington Jonatan Silva Bandeira

Mostra Limoeirense de Projetos (MOSLIPRO); 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Médio) - ESCOLA DE ENSINO MÉDIO LAURO REBOUÇAS DE OLIVEIRA, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Letícia de Souza Castro

Mostra Limoeirense de Projetos (MOSLIPRO); 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Médio) - ESCOLA DE ENSINO MÉDIO LAURO REBOUÇAS DE OLIVEIRA, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Letícia Maria Oliveira Ferreira

Mostra Limoeirense de Projetos (MOSLIPRO); 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Médio) - ESCOLA DE ENSINO MÉDIO LAURO REBOUÇAS DE OLIVEIRA, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Adriana Mendes

Efeito Estufa: Uma Simulação na Germinação de Plantas; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Agronomia) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Rayanne Mara Maia das Chagas

Elaboração de pizza sem glúten (Edital Nº 01/2016-PRPI); 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Jéssica Janine Sousa Barreto

Biscoitos funcionais ? Do aproveitamento do resíduo a nutrição(Edital Nº 03/2016 - PRPI); 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Jéssica Janine Sousa Barreto

Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Rayanne Mara Maia das Chagas

Óleo essencial como revestimento antifúngico de Pimentão; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Jéssica Roberta Pereira Martins

Determinação do Potencial Adsortivo da CFN em Vermélho púrpura; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Meio Ambiente) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Sílvia Helena Pereira da Silva

Determinação do Potencial Adsortivo da CFN em Vermélho púrpura; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Meio Ambiente) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Ingrid Vitória Sousa Lima

Polissacarídeos como aditivo funcional em patês de pescado; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Adriana de Freitas Morais

Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Darliane Lima Muniz

Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Darliane Veras dos Santos

Revestimento comestível para pedúnculo de caju; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Agronomia) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Adriana Mendes

Revestimento comestíveis em Pimentão; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Agronomia) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Jéssica Janine Sousa Barreto

Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Leticia Maria Viana Alves

Subprodutos da indústria de alimentos como fontes de fibras em biscoitos; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Agronomia) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Rayanne Mara Maia das Chagas

Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto da gordura; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Ingrid Vitória Sousa Lima

Atividade hemaglutinante e anticoagulante de cotilédones de flamboianzinho; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologoa de Alimentos) - INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIENCIA E TECNOLIGIA CEARÁ; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Adriana de Freitas Morais

Atividade hemaglutinante e anticoagulante de cotilédones de flamboianzinho(EDITAL Nº 009/2013-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE); 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharrelado em Nutrição) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Nayanne Lima dos Santos

Subprodutos da indústria de alimentos como fontes de fibras em biscoitos; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologoa de Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Michelli da Silva Ribeiro

Subprodutos da indústria de alimentos como fontes de fibras em biscoitos(Chamada MEC/SETEC/CNPq N º 94/2013); 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharrelado em Nutrição) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Darliane Veras dos Santos

Uso de Revestimento Comestível no Pedúnculo do Caju Pós Colheita; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharrelado em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Darliane Lima Muniz

Utilização de Polissacarídeos como Biofilmes no Revestimento de Frutos; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharrelado em Nutrição) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Helyson Lucas Bezerra Braz

Ação Sinergética de Antiviral Natural; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Meio Ambiente) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Francisca andrea Kercia Silva

Biscoitos enriquecidos com Galactomananas de sementes de Carolina (Adenanthera pavonina)(EDITAL Nº 018/2012-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE); 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Nayanne Lima dos Santos

Biscoitos enriquecidos com Galactomananas de sementes de Carolina (Adenanthera pavonina)(EDITAL Nº 018/2012-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE); 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Jéssica Roberta Pereira Martins

Aproveitamento de Cinzas Folhas de Nim (Azadirachta indica) como Adsorvente de Corantes Industriais(EDITAL Nº 019/2012-PRPI ? PIBIC CNPq, FUNCAP e IFCE); 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Mayara Joyce da Silva Barros

Remoção e recuperação de metais tóxicos utilizando polissacarídeos naturais (EDITAL Nº 002/2011-PRPI - PIBIC/IFCE/CNPq); 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Francisca andrea Kercia Silva

Galactomananas do Vale do Jaguaribe, novos espessantes para sucos tropicais (EDITAL Nº 001/2011-PRPI); ; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Fernanda Gondim de Almeida

Galactomananas do Vale do Jaguaribe, novos espessantes para sucos tropicais (EDITAL Nº 001/2011-PRPI); 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Maria Izamara Jesus Norte

Análises microbiológicas e sensoriais em sucos de frutas tropicais modificados com polissacarídeos naturais (EDITAL Nº 004/2011-PRPI - PIBICT/FUNCAP); 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Lorena Galdino da Franca

Análises microbiológicas e sensoriais em sucos de frutas tropicais modificados com polissacarídeos naturais (EDITAL Nº 004/2011-PRPI - PIBICT/FUNCAP); 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Lorena Galdino da Franca

Aplicação de polissacarídeos como espessante/estabilizantes em sucos de frutas tropicais (EDITAL PIBICT/FUNCAP Nº 03/2010-PRPI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Maria Izamara de Jesus Norte

Aplicação de polissacarídeos como espessante/estabilizantes em sucos de frutas tropicais (EDITAL PIBICT/FUNCAP Nº 03/2010-PRPI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Mayara Joyce da Silva Barros

Utilização de Polissacarídeos Naturais Como Materiais Adsorventes de Íons Metálicos em Água (EDITAL Nº 02/2009-PRPPGI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal de Educação, Ciência e eTecnologia do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Rafael Campos do Carmo

Utilização de Polissacarídeos Naturais Como Materiais Adsorventes de Íons Metálicos em Água (EDITAL Nº 02/2009-PRPPGI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal de Educação, Ciência e eTecnologia do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Ana Carla Monteiro de Oliveira

Aplicação de Galactomananas como espessante/estabilizantes em sucos de frutas tropicais (EDITAL PIBIC Jr - Nº 02/2010-PRPI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Panificação) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal de Educação, Ciência e eTecnologia do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Fernanda Gondim de Almeida

Aplicação de Galactomananas como espessante/estabilizantes em sucos de frutas tropicais (EDITAL PIBIC Jr - Nº 02/2010-PRPI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Panificação) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal de Educação, Ciência e eTecnologia do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Fernanda Gondim de Almeida

Melhoramento de suco de acerola com o uso de polissacarídeos naturais (EDITAL Nº 05/2010-PRPI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Francisca andrea Kercia Silva

Melhoramento de suco de acerola com o uso de polissacarídeos naturais (EDITAL Nº 05/2010-PRPI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Nutrição) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Rafael Campos do Carmo

Utilização de polissacarídeos de sementes de Hymeneae courbaril e Caesalpinia pulcherrima como materiais adsorventes de íons Cu²+ e Mn²+ em água (EDITAL Nº 04/2010-PRPI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Mayara Joyce da Silva Barros

Utilização de polissacarídeos de sementes de Hymeneae courbaril e Caesalpinia pulcherrima como materiais adsorventes de íons Cu²+ e Mn²+ em água (EDITAL Nº 04/2010-PRPI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Nathalia Cristiane Santiago Pereira

Aplicação de Galactomananas como espessante/estabilizantes em sucos de frutas tropicais (EDITAL PIBIC Jr - Nº 02/2010-PRPI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Panificação) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal de Educação, Ciência e eTecnologia do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Maria Lucenir Ferreira da Silva

Aplicação de Galactomananas como espessante/estabilizantes em sucos de frutas tropicais (EDITAL PIBIC Jr - Nº 02/2010-PRPI); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Meio Ambiente) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Dânya Gerucia de Sousa Holanda

Utilização de Polissacarídeos Naturais como Materiais Adsorventes de Íons Metálicos em Água (EDITAL 04/2009 ?? PPP/FUNCAP/CNPq); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico e Científico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Luana Galdino da Franca

Utilização de Polissacarídeos Naturais como Materiais Adsorventes de Íons Metálicos em Água (EDITAL 04/2009 ?? PPP/FUNCAP/CNPq); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Dânya Gerucia de Sousa Holanda

Utilização de Polissacarídeos Naturais Como Materiais Adsorventes de Íons Metálicos em Água (EDITAL Nº 02/2009-PRPPGI); 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Luana Galdino da Franca

Utilização de Polissacarídeos Naturais Como Materiais Adsorventes de Íons Metálicos em Água (EDITAL Nº 02/2009-PRPPGI); 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

MIKAELLE SANTOS DA COSTA

QUILIBRAS - Sinais de uma boa reação; 2017; Orientação de outra natureza; (Bacharelado em Agronomia) - Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Geanny Kelly de Sousa

QUILIBRAS - Sinais de uma boa reação; 2017; Orientação de outra natureza; (Tecnologia em Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará; Orientador: Renata Chastinet Braga;

IEDA PRISCILA MELO SILVA

QUILIBRAS - Sinais de uma boa reação; 2017; Orientação de outra natureza; (Tenologia em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia; Orientador: Renata Chastinet Braga;

MICHELLE KELLY VIEIRA UCHÔA

Pratos típicos como elemento de educação alimentar na preservação e intercâmbio de tradições alimentares; 2017; Orientação de outra natureza; (Especialização em Nutrição Pediátrica, Escolar e na Adolescência) - Faculdade Estácio do Ceará, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

NATÁLYA VIDAL DE HOLANDA

Pratos típicos como elemento de educação alimentar na preservação e intercâmbio de tradições alimentares; 2017; Orientação de outra natureza - Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Raimunda Bianca Pereira Regis

Monitoria em Química Geral; 2017; Orientação de outra natureza; (Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Maria Juciene Lima Chaves

Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura; 2015; Orientação de outra natureza; (Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Nayanne Lima dos Santos

Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto da gordura; 2015; Orientação de outra natureza; (Tecnologia de Alimentos) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Maria Juciene Lima Chaves

Subprodutos da indústria de alimentos como fontes de fibras em biscoitos; 2014; Orientação de outra natureza; (Saneamento Ambiental) - Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Maria Juciene Lima Chaves

Isolamento e Aplicação de Polissacarídeos Naturais; 2011; Orientação de outra natureza; (Tecnologia em Saneamento Ambiental) - Instituto Federal de Educação, Ciência e eTecnologia do Ceará, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico e Científico; Orientador: Renata Chastinet Braga;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Renato de Azevedo Moreira

Goma endospérmica de Caesalpinia pulcherrima - Uso como matriz de afinidade no isolamento de lectinas galactose-ligantes; 2001; Dissertação (Mestrado em Bioquímica) - Universidade Federal do Ceará, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renato de Azevedo Moreira;

Renato de Azevedo Moreira

Isolamento e caracterização de uma lectina e um inibidor de protease em sementes de Caesalpinea pulcherrima Linn; 2006; 84 f; Tese (Doutorado em Bioquímica) - Universidade Federal do Ceará, Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renato de Azevedo Moreira;

MARIA GORETTI DE VASCONCELOS SILVA

ESTUDOS PRELIMINARES PARA IMPLEMENTAÇÃI DE TESTES DE QUALIDADE NA FABRICAÇÃO DE BALÕES DE BORRACHA; 1999; 0 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Quimica Industrial) - Universidade Federal do Ceará, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Maria Goretti de Vasconcelos Silva;

Ivone Garros Rosa

Purificação de proteínas por cromatografia de afinidade utilizando como matrizes cromatográficas gomas exsudadas de vegetais; 1995; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Federal do Ceará, Universidade Federal do Ceará; Orientador: Ivone Garros Rosa;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • SANTOS, NAYANNE L. ; BRAGA, RENATA C. ; BASTOS, MARIA S.R. ; CUNHA, PABLYANA L.R. ; MENDES, FRANCISCO R.S. ; GALVÃO, ANDRÊSSA M.M.T. ; BEZERRA, GABRYELA S. ; PASSOS, ANTONIA A.C. . Preparation and characterization of Xyloglucan films extracted from Tamarindus indica seeds for packaging cut-up -Sunrise Solo? papaya. INTERNATIONAL JOURNAL OF BIOLOGICAL MACROMOLECULES , v. 132, p. 1163-1175, 2019.

  • BRAGA, R. C. ; SOUSA, K. F. ; BRASIL, N. S. ; ARAUJO, F. A. S. ; AQUINO, F. D. A. . Mostra Limoeirense de Projetos - Moslipro: A Extensão Estimulando a Pesquisa. Expressões da Extensão , v. 3, p. 44-49, 2018.

  • SILVA, F. A. K. ; SANTOS, N. L. ; MARTINS, J. R. P. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Cookies Made with Galactomannans and Xyloglucans from Leguminosae Seeds. REVISTA BRASILEIRA DE AGROTECNOLOGIA , v. 8, p. 001-007, 2018.

  • PASSOS, ANTONIA ARIANA CAMELO ; SILVA, ANA JOSYMARA LIRA ; LOPES, SILMARA AZEVEDO ; Braga, Renata Chastinet ; CAVALCANTE, ANTONIO BELFORT DANTAS ; PEREIRA, JÚLIO OTÁVIO PORTELA . Physicochemical characterization and label comparison among diet yogurts sold in the city of Limoeiro do Norte - CE. Ciência e Tecnologia de Alimentos (Online) , v. 37, p. 131-134, 2017.

  • PASSOS, A. A. C. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; MORAES, G. M. D. ; CHACON, L. S. S. ; BRAGA, R. C. . Evaluation of incorporating galactomannan from Caesalpinia pucherrima into ice cream and comparison with commercial stabilizers. Revista Ciência Agronômica (UFC. Online) , v. 47, p. 275-282, 2016.

  • PASSOS, A.A.C. ; LOPES, S.A. ; SILVA, A.J.L. ; BRAGA, R.C. ; DAMACENO, M.N. . Avaliação Sensorial de Barras de Cereais Light Sabor Chocolate e Morango: Aplicação de Teste de Preferência. Revista Brasileira de Produtos Agroindustriais , v. 18, p. 467-470, 2016.

  • MAIA, M. O. ; DAMACENO, MARLENE NUNES ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA SÁ, DANIELE MARIA ALVES . Natural thickener in raw and cooked fish-derived: microbiological, physicochemical and sensorial acceptance. CIENTIFICA: REVISTA DE AGRONOMIA , v. 43, p. 215-220, 2015.

  • SOARES, D. J. ; MOURA NETO, L. G. ; DAMACENO, M. N. ; SOUZA, P. A. ; BRAGA, R. C. ; BRASIL, I. M. . Atividade Anti-inflamatória de Produtos de Origem Vegetal. Saúde em Revista , v. 15, p. 33-45, 2015.

  • MARTINS, J. R. P. ; ALVES, L. M. V. ; ESTEVAM, M. S. ; SILVA, S. H. P. ; BRAGA, R. C. ; SANTOS, N. L. ; MOURA, S. M. A. ; CHAVES, M. J. L. ; LOUREIRO, M. S. ; CHAGAS, R. M. M. . Uso de cinza de folhas da Azadirachta indica (CFN) como adsorvente de Ferro (Fe2+) e Cobre (Cu2+). Revista Brasileira de Biodiversidade e Biotecnologia , v. 1, p. 47-48, 2015.

  • MARTINS, J. R. P. ; SANTOS, N. L. ; PASSOS, A. A. C. ; BRAGA, R. C. ; SOUZA, P. A. ; ALVES, L. M. V. ; MOURA, S. M. A. ; CHAVES . CARACTERIZAÇÃO FÍSICO- QUIMICA DE XILOGLUCANAS DE JATOBÁ (Hymenaea Courbaril L.). REVISTA BRASILEIRA DE BIODIVERSIDADE E BIOTECNOLOGIA , v. 1, p. 312, 2015.

  • MUNIZ, Joseane Lima ; SANTOS, L. M. L. ; OLIVEIRA, Z. L. ; SOUZA, P. A. ; BRAGA, R. C. . Avaliação de Alterações Físicas em Goiabas ?PALUMA? ´Submetidas a Danos Mecânicos. Revista Magistra , v. 26, p. 65-69, 2014.

  • MUNIZ, Joseane Lima ; SANTOS, L. M. L. ; OLIVEIRA, Z. L. ; SOUZA, P. A. ; BRAGA, R. C. . Índices Químicos de Qualidade Pós-Colheita de Goiabas ?PALUMA? em Diferentes Estádios de Maturação. Revista Magistra , v. 26, p. 1829-1833, 2014.

  • MAIA, M. O. ; SILVA, M. E. T. ; DAMACENO, M. N. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; JOSINO, D. S. . Composição centesimal de almôndegas de pescado com espessante natural. Revista da Associação Brasileira de Nutrição - RASBRAN , v. 6, p. s.p., 2014.

  • MAIA, M. O. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; VASCONCELOS, A. S. E. ; BRAGA, R. C. ; SILVA, M. E. T. ; DAMACENO, M. N. . Extração e avaliação físico química de gelatina de pescado. Revista da Associação Brasileira de Nutrição - RASBRAN , v. 6, p. s.p., 2014.

  • SILVA, M. E. T. ; BRAGA, R. C. ; JUNIOR, F. G. M. ; FREITAS, R. N. DA S. ; FERREIRA, E. O. ; FRANCA, L. G. ; HOLANDA, N. V. DE ; SILVA, D. E. T. . Análise Físico-Química da Kafta Caprina com e sem Adição de 2% de Fibras. Higiene Alimentar , v. 27, p. 921-925, 2013.

  • SILVA, M. E. T. ; BRAGA, R. C. ; JUNIOR, F. G. M. ; FREITAS, R. N. DA S. ; FERREIRA, E. O. ; FRANCA, L. G. ; HOLANDA, N. V. DE ; SILVA, D. E. T. . Avaliação Microbiológica da Linguiça Caprina com Adição de 5% de Fibras. Higiene Alimentar , v. 27, p. 2500-2504, 2013.

  • MUNIZ, J. L. ; SANTOS, L. M. L. ; OLIVEIRA, Z. L. ; SOUZA, P. A. de ; BRAGA, R. C. . AVALIAÇÃO DE ALTERAÇÕES FÍSICAS EM GOIABAS ?PALUMA? SUBMETIDAS A DANOS MECÂNICOS. Revista Magistra , v. Especi, p. 1-6, 2013.

  • MUNIZ, J. L. ; SANTOS, L. M. L. ; OLIVEIRA, Z. L. ; SOUZA, P. A. de ; BRAGA, R. C. . ÍNDICES QUÍMICOS DE QUALIDADE PÓS-COLHEITA DE GOIABAS ?PALUMA? EM DIFERENTES ESTÁDIOS DE MATURAÇÃO. Revista Magistra , v. Especi, p. 13-18, 2013.

  • BRAGA, R. C. ; Teixeira-Sá, Daniele Maria Alves ; Ribeiro, Alexsandra Feitosa ; Miranda, Raquel Lima ; Almeida, Lia Magalhães de ; Horta, Ana Cecília Góes ; Moreira, Renato de Azevedo . Evaluation of Caesalpinia pulcherrima endospermic gum as affinity matrices for galactose-binding lectins interaction. Brazilian Archives of Biology and Technology (Impresso) , v. 54, p. 283-292, 2011.

  • TEIXEIRA, D. M. A. ; REICHER, F. ; BRAGA, R. C. ; Beltramini. L. M. ; MOREIRA, R. A. . Isolation of a lectin and a galactoxyloglucan from Mucuna sloanei seeds.. Phytochemistry , v. 70, p. 1965-1972, 2009.

  • TEIXEIRA, D ; BRAGA, R ; HORTA, A ; MOREIRA, R ; DEBRITO, A ; MACIEL, J ; FEITOSA, J ; DEPAULA, R . Spondias purpurea Exudate polysaccharide as affinity matrix for the isolation of a galactose-binding-lectin. Carbohydrate Polymers , v. 70, p. 369-377, 2007.

  • TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Química Avançada. 1. ed. Curitiba: Editora do Livro Técnico, 2015. v. 1. 200p .

  • SILVA, M. E. T. ; NASCIMENTO, C. P. ; ALMEIDA, M. J. O. ; CORREA, K. P. ; BRAGA, R. C. ; COIMBRA, J. S. R. . Efeito Antimicrobiano do Óleo Essencial de Lippia sidoides Frente à Pseudomonas aeruginosa e Potencial Uso como Conservante de Alimentos. In: Cybelle de Oliveira Dantas; Carlos Roberto Marinho da Silva Filho; João Felipe Santiago Neto; Jackson Andson de Medeiros. (Org.). Encontro Nacional da Agroindústria. 1ed.João Pessoa: Encontro Nacional da Agroindústria, 2016, v. 2, p. 6-9.

  • SILVA, M. E. T. ; CORREA, K. P. ; DANTAS, C. E. A. ; ALMEIDA, M. J. O. ; NASCIMENTO, C. P. ; BRAGA, R. C. . Avaliação In Vitro do Efeito Antimicrobiano do Óleo Essencial de Cymbopogon Citratus Frente à Pseudomonas Aeruginosa e Potencial Uso como Conservante de Alimentos.. In: Cybelle de Oliveira Dantas; Carlos Roberto Marinho da Silva Filho; João Felipe Santiago Neto; Jackson Andson de Medeiros. (Org.). Encontro Nacional da Agroindústria. 1ed.João Pessoa: Encontro Nacional da Agroindústria, 2016, v. 2, p. 33-37.

  • BATISTA, L. C. ; GOMES, C. L. C. ; BRAGA, R. C. . TRANSFORMANDO A QUÍMICA EM MAGIA. In: 16º Simpósio Brasileiro de Educação Química ? SIMPEQUI, 2018, Rio de Janeiro. 16º Simpósio Brasileiro de Educação Química ? SIMPEQUI. SIMPEQUI: SIMPEQUI, 2018. v. 1.

  • BALDUINO, L. S. S. ; SOUSA, G. K. ; COSTA, M. S. ; SILVA, I. P. M. ; BRAGA, R. C. . QUILIBRAS - SINAIS DE UMA BOA REAÇÃO. In: 16º Simpósio Brasileiro de Educação Química ? SIMPEQUI, 2018, Rio de Janeiro. 16º Simpósio Brasileiro de Educação Química ? SIMPEQUI. Rio de Janeiro: SIMPEQUI, 2018. v. 1.

  • BEZERRA, G. S. ; SANTOS, N. L. ; LIMA, I. V. S. ; SILVA, M. S. ; BRAGA, R. C. . Avaliação Físico- Química de Composto de Mel e Extrato de Própolis Sabor Guaco. In: VIII Congresso Latino-Americano e VIV Congresso Brasileiro de Higienistas de Alimentos, 2017, Fortaleza. Higiene Alimentar. Mirandópolis: Higiene Alimentar. v. 31. p. 990-994.

  • MENDES, A. H. L. ; AQUINO, C. M. ; MOREIRA, L. F. ; ALMEIDA, E. J. N. ; BRAGA, R. C. . Determinação da atividade hemaglutinante, enzimática e amilásica do extrato de proteínas no mamão verde. In: VIII Congresso Latino-Americano e VIV Congresso Brasileiro de Higienistas de Alimentos, 2017, Fortaleza. Higiene Alimentar. Mirandópolis: Higiene Alimentar, 2017. v. 31. p. 1512-1516.

  • MENDES, A. H. L. ; AQUINO, C. M. ; MOREIRA, L. F. ; SANTOS, N. L. ; BRAGA, R. C. . Determinação de Carboidratos Totais em Extratos de Proteínas de Casca e da Polpa de Mamão Verde. In: VIII Congresso Latino-Americano e VIV Congresso Brasileiro de Higienistas de Alimentos, 2017, Fortaleza. Higiene Alimentar. Mirandópolis: Higiene Alimentar, 2017. v. 31. p. 1517-1521.

  • SANTOS, N. L. ; SILVA, P. L. ; FARIAS, V. L. ; Cavalcante, A. B. D. ; BRAGA, R. C. . Determinação de Vitamina C por Diferentes Métodos em Polpas Clarificadas de Acerola. In: VIII Congresso Latino-Americano e VIV Congresso Brasileiro de Higienistas de Alimentos, 2017, Fortaleza. Higiene Alimentar. Mirandópolis: Higiene Alimentar, 2017. v. 31. p. 1536-1539.

  • LIMA, I. V. S. ; MUNIZ, D. L. ; NASCIMENTO, C. P. ; CHAVES, C. G. ; BRAGA, R. C. . Elaboração e Análise Microbiológica de Patê de Pescado Adicionado de Xiloglucana. In: VIII Congresso Latino-Americano e VIV Congresso Brasileiro de Higienistas de Alimentos, 2017, Fortaleza. Higiene Alimentar. Mirandópolis: Higiene Alimentar, 2017. v. 31. p. 2855-2858.

  • MARTINS, J. R. P. ; BRAGA, R. C. . Elaboração e Aplicação de Processo Adsortivo Utilizando a CFN na Remoção de Ferro e Manganês. In: 3º Congresso Internacional RESAG, 2017, Belo Horizonte. 3º Congresso Internacional RESAG 2017. Pampulha: RESAG, 2017. v. 1. p. 1-7.

  • SILVA, M. E. T. ; CORREA, K. P. ; MOREIRA, L. F. ; SOUZA, J. P. C. ; BRAGA, R. C. ; COIMBRA, J. S. R. . Avaliação In Vitro do Efeito Antimicrobiano do Óleo Essencial de Origanum vulgare Frente à Staphylococcus aureus e Potencial Uso Como Conservante de Alimentos. In: XXV Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2016, Gramado. XXV Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos. Gramado: CBCTA. v. 1. p. 1085.

  • ALMEIDA, E. J. N. ; LEMOS, L. M. R. ; MENDES, A. H. L. ; MOREIRA, L. F. ; AQUINO, C. M. ; BRAGA, R. C. . Determinação do teor de carboidratos totais, purificação das proteínas e atividade proteolítica em farinha de resíduos de abacaxi. In: XVI - Encontro de Pós-Graduação e Pesquisa, 2016, Limoeiro do Norte. XVI - Encontro de Pós-Graduação e Pesquisa. Fortaleza: XVI - Encontro de Pós-Graduação e Pesquisa, 2016. v. 1. p. 1-4.

  • SILVA, P. L. ; SANTOS, N. L. ; BEZERRA, G. S. ; AQUINO, C. M. ; PASSOS, A. A. C. ; BRAGA, R. C. . Caracterização Físico-Química de Doce de Leite Pastoso Produzido na Cidade de Limoeiro do Norte - CE. In: XVI - Encontro de Pós-Graduação e Pesquisa, 2016, Fortaleza. XVI - Encontro de Pós-Graduação e Pesquisa. Fortaleza: XVI - Encontro de Pós-Graduação e Pesquisa, 2016. v. 1. p. 1-4.

  • SILVA, P. L. ; SANTOS, N. L. ; AQUINO, C. M. ; MOREIRA, L. F. ; FARIAS, V. L. ; BRAGA, R. C. . Efeito do Branqueamento Térmico em Antocianinas de Repolho Roxo. In: XVI - Encontro de Pós-Graduação e Pesquisa, 2016, Fortaleza. XVI - Encontro de Pós-Graduação e Pesquisa. Fortaleza: XVI - Encontro de Pós-Graduação e Pesquisa, 2016. v. 1. p. 1-5.

  • MAIA, M. O. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; DAMACENO, M. N. . Características sensoriais de fishburger elaborado com filé de tilápia do Nilo e espessante natural. In: VI Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado (VI SIMCOPE), 2014, Santos. ANAIS DO VI SIMCOPE SIMPÓSIO DE CONTROLE DE QUALIDADE DO PESCADO, 2014.

  • MARTINS, J. R. P. ; LIMA, B. G. de ; CARMO, R. C. do ; BRAGA, R. C. . Produção de Sabonete a Partir de Azadirathta Indica para Eliminação de Carrapatos e Pulgas. In: 7º Encontro Internacional das Águas, 2013, Recife. 7º Encontro Internacional das Águas, 2013.

  • MARTINS, J. R. P. ; BRAGA, R. C. ; ROLIM, H. O. ; CHAVES, M. J. L. . Remoção de Ferro e Manganês em Água Com CFN. In: 7º Encontro Internacional das Águas, 2013, Recife. 7º Encontro Internacional das Águas, 2013.

  • MAIA, M. O. ; SILVA, J. L. ; FRANCA, L. G. da ; MAIA, M. O. ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. . Composição Centesimal de Nuggets Elaborados a Partir de Pescado com Aplicação de Espessante Natural. In: VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012, Palmas. http://propi.ifto.edu.br/ocs/index.php/connepi/vii/paper/viewFile/1242/2845, 2012.

  • NORTE, M. I. J. ; BEZERRA, G. S. ; FRANCA, L. G. da ; SILVA, F. A. K. ; SOUZA, G. C. de ; BRAGA, R. C. . Análises físico-químicas e microbiológicas em suco de caju produzido a partir da polpa da fruta, adicionado de polissacarídeo de Tamarindus indica. In: VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012, Palmas. VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012.

  • SILVA, F. A. K. ; BEZERRA, G. S. ; CHAVES, M. J. L. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Características físico-químicas do suco caju adicionadas de galactomananas de Adenanthera pavonina. In: VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012, Palmas. VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012.

  • SILVA, J. L. ; MAIA, M. O. ; FRANCA, L. G. da ; MAIA, M. O. ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. . Elaboração e Intenção de Compra de Hambúrguer de Peixe com Aplicação de Espessante Natural. In: VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012, Palmas. VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012.

  • MARTINS, J. R. P. ; BRAGA, R. C. ; ROLIM, H. da S. ; CHAVES, M. J. L. ; RODRIGUES, E. A. . Adsorção de Zinco(Zn2+) em Amostras Sintéticas Utilizando CFN. In: VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012, Palmas. VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012.

  • BARROS, M. J. da S. ; CHAVES, M. J. L. ; RODRIGUES, E. A. ; QUEIROZ, Z. F. ; BRAGA, R. C. . Influência da agitação para remoção dos íons tóxicos manganês, ferro e zinco com polissacarídeos de Hymeneae courbaril em amostras sinteticas. In: VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012, Palmas. VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012.

  • FRANCA, L. G. da ; SILVA, F. A. K. ; NORTE, M. I. J. ; SOUZA, G. C. de ; MAIA, M. O. ; BRAGA, R. C. . Avaliação Físico-Química e Microbiológica de Suco Tropical de Caju Adicionado de Espessante Natural. In: VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012, Palmas. VII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2012.

  • HOLANDA, D. G. de S. ; CHAVES, M. J. L. ; SANTOS, E. V. M. ; QUEIROZ, Z. F. ; BRAGA, R. C. . Influência da Concentração de Zinco na remoção do metal por xiloglucanas de Tamrindo. In: X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / IENICIT-JR, 2011, Maracanaú. X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / IENICIT-JR, 2011.

  • SILVA, F. A. K. ; NORTE, M. I. J. ; CHAVES, M. J. L. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Aproveitamento de Sementes de Tamarindo como Espessantes em Suco: Um Exemplo de Desenvolvimento Sustentável. In: O2 Encontro Interontinental sobre a Natureza, 2011, Fortaleza. O2 Encontro Interontinental sobre a Natureza, 2011.

  • ALMEIDA, F. G. de ; FRANCA, L. G. da ; CHAVES, M. J. L. ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. . Testes de Aceitação de Suco de Acerola Modificado com Polissacarídeo de Caesalpinia pulcherrima. In: X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011, Maracanaú. X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011.

  • FRANCA, L. G. da ; ALMEIDA, F. G. de ; NORTE, M. I. J. ; FRANCA, L. G. da ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. ; SOUZA, G. C. de . Análises Microbiológicas do Suco de Acerola com Adição de Polissacarídeos de Caesalpinia pulcherrima. In: X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011, Maracanaú. X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011.

  • NORTE, M. I. J. ; SILVA, F. A. K. ; CHAVES, M. J. L. ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. . Aceitação de sucos de Acerola Preparados com Adição de Polissacarídeos de Tamarindus indica. In: X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011, Maracanaú. X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011.

  • CARMO, R. C. do ; FRANCA, L. G. da ; RODRIGUES, E. A. ; CHAVES, M. J. L. ; ROLIM, H. da S. ; BRAGA, R. C. . Utilização de Polissacarídeos de Caesalpinia pulcherrima Modificados como Biossorvente de Íons Cobre em Água - Influência da Concentração e Agitação. In: X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011, Maracanaú. X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011.

  • FRANCA, L. G. da ; CARMO, R. C. do ; SILVA FILHO, H. A. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Utilização de Galactomananas de Caesalpinia pulcherrima Modificadas como Biosorvetes de Manganês. In: X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011, Maracanau. X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011.

  • MORAIS, K. F. ; SIQUEIRA, R. F. ; SANTOS, D. M. V. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. . Análise Físico-Química de Queijo Coalho Recoberto com Polissacarídeo e Óleo Essencial. In: X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011, Maracanau. X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT / I ENICIT-JR, 2011.

  • CHAVES, M. J. L. ; BARROSO, A. A. F. ; SANTOS, F. S. ; BRAGA, R. C. ; LIMA, C. A. . Classificação da qualidade da água de irrigação do perímetro irrigado Tabuleiros de Russas ? Ceará. In: III Workshop Internacional de Inovações Tecnológicas na Irrigação & II Conferência sobre Recursos Hídricos do Semiárido Brasileiro, 2010, Sobral. III WORKSHOP INTERNACIONAL DE INOVAÇÕES TECNOLÓGICAS NA IRRIGAÇÃO & II CONFERÊNCIA SOBRE RECURSOS HÍDRICOS DO SEMIÁRIDO BRASILEIRO, 2010.

  • HOLANDA, D. G. de S. ; CHAVES, M. J. L. ; SANTOS, E. V. M. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Testes de Aplicação de Xiloglucanas de Tamarindo como Biosorventes de Metais em Água. In: V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica (CONNEPI 2010), 2010, Alagoas. V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica, 2010.

  • FRANCA, L. G. da ; CARMO, R. C. do ; SILVA FILHO, H. A. ; CHAVES, M. J. L. ; QUEIROZ, Z. F. ; BRAGA, R. C. . Utilização de Polissacarídeos Naturais como Materiais Adsorventes de Íons Metálicos. In: V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica (CONNEPI 2010), 2010, Alagoas. V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica, 2010.

  • BARROS, M. J. da S. ; CHAVES, M. J. L. ; RODRIGUES, E. A. ; QUEIROZ, Z. F. ; BRAGA, R. C. . Utilização do Polissacarídeo da Semente de Hymeneaecourbaril como material adsorvente de metais tóxicos existentes em Água. In: V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica (CONNEPI 2010), 2010, Alagoas. V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica, 2010.

  • FRANCA, L. G. da ; ALMEIDA, F. G. de ; NORTE, M. I. J. ; FRANCA, L. G. da ; CHAVES, M. J. L. ; SILVA, M. S. ; BRAGA, R. C. . Teste de Aplicação dos Polissacarídeos de Flamboyant e Flamboyanzinho como Espessantes em Sucos de Frutas Tropicais. In: V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica (CONNEPI 2010), 2010, Alagoas. V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica, 2010.

  • NORTE, M. I. J. ; FRANCA, L. G. da ; ALMEIDA, F. G. de ; OLIVEIRA, A. C. M. de ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. ; SILVA, M. S. . Teste do Uso de Polissacarídeos de Carolina e Tamarindo como Espessantes de Suco de Acerola. In: V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica (CONNEPI 2010), 2010, Alagoas. V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica, 2010.

  • FERNANDES, V. O. ; BRAGA, R. C. . Método para a Redução da Capa Rosa de Água Subterrânea, Aplicado na Comunidade de Várzea do cobra, Limoeiro do Norte - CE. In: Encontro Intercontinental sobre a natureza O2009, 2009, Fortaleza. Encontro Intercontinental sobre a natureza, 2009.

  • MATOS, V. C. ; MATOS, E. C. ; GARROS-ROSA, I. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; MOREIRA, R. A. . Otimização de um Método de Isolamento de Lectinas, Utilizando-se Gomas Vegetais Nativas como Matrizes Cromatográficas de Afinidade. In: III Encontro Iniação à Pesquisa da Unifor, 1997, Fortaleza. III Encontro Iniação à Pesquisa da Unifor ANAIS. Fortaleza, 1997. p. 77-81.

  • BRAGA, S. M. ; GOMES, M. D. ; BRAGA, R. C. ; BARCELOS, S. C. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. . Comparação de Sorvetes Utilizando Xiloglucana como Estabilizante e Gorduras de Diferentes Fontes. In: II CONGRESSO INTERNACIONAL DE GASTRONOMIA E CIÊNCIA DE ALIMENTOS, 2016, Fortaleza. Gastronomia: da tradição à inovação. Fortaleza: II Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2016. v. 1. p. 178-179.

  • MENDES, A. H. L. ; SANTOS, N. L. ; MOREIRA, L. F. ; AQUINO, C. M. ; SILVA, P. L. ; BRAGA, R. C. . Composição centesimal de polissacarídeo natural de sementes de Jatobá (Hymeneae courbaril). In: II CONGRESSO INTERNACIONAL DE GASTRONOMIA E CIÊNCIA DE ALIMENTOS, 2016, Fortaleza. Gastronomia: da tradição à inovação. Fortaleza: II Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2016. v. 1. p. 699-700.

  • PASSOS, A. A. C. ; LOPES, S. A. ; SILVA, A. J. L. ; SANTOS, N. L. ; BRAGA, R. C. ; DAMACENO, M. N. . Avaliação Sensorial de Barras de Cereais Light sabor Chocolate e Morango: Aplicação de Teste de Preferência. In: Gastronomia: da tradição à inovação, 2016, Fortaleza. Gastronomia: da tradição à inovação. Fortaleza: II Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2016. v. 1. p. 443-444.

  • PASSOS, A. A. C. ; LOPES, S. A. ; SILVA, A. J. L. ; SANTOS, N. L. ; BRAGA, R. C. ; DAMACENO, M. N. . Avaliação Sensorial de Barras de Cereais Light Sabor Misto. In: II Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2016, Fortaleza. Gastronomia: da tradição à inovação. Fortaleza: II Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2016. v. 1. p. 616-617.

  • SANTOS, N. L. ; SANTOS, D. V. ; SOUSA, P. R. R. ; MARTINS, J. R. P. ; PASSOS, A. A. C. ; BRAGA, R. C. . Ação Estabilizante de Polissacarídeo Natural em Suco Tropical de Limão (Citrus limon L.). In: II Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2016, Fortaleza. Gastronomia: da tradição à inovação. Fortaleza: II Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2016. v. 1. p. 655-656.

  • MOURA, S. M. A. ; SILVA, F. S. ; SANTOS, A. K. ; MARTINS, J. R. P. ; MOISES, R. M. M. ; BRAGA, R. C. . Caracterização da Fração Lipídica do Peixe Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus L.). In: II Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2016, Fortaleza. Gastronomia: da tradição à inovação. Fortaleza: II Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2016. v. 1. p. 767-768.

  • NORTE, M. I. J. ; SANTOS, A. S. ; SILVA, M. E. T. ; SANTOS, D. V. ; SOUSA, P. R. R. ; FREITAS, K. M. L. ; SILVA, R. F. B. ; MENDES, A. ; BAIER, P. A. S. ; BRAGA, R. C. . Análise Físico-Química de Pimentão 'Dahra' Revestido com Recobrimento Comestível. In: XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos, 2015, Natal. XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos. Natal, 2015. v. 1.

  • OLIVEIRA, B. F. ; MAIA, M. O. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. ; SANTOS, A. S. ; BANDEIRA, M. G. L. . Avaliação do Rendimento de Gelatina da Pele de Peixe. In: XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos, 2015, Natal. XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos. Natal, 2015. v. 1.

  • MAIA, M. O. ; OLIVEIRA, B. F. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; MAIA, M. O. . Perfil Viscosimétrico de Gelatina de Tilápia do Nilo. In: XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos, 2015, Natal. XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos. Natal, 2015. v. 1.

  • CHACON, L. S. S. ; LIMA, M. E. S. ; AGUIAR, R. A. C. ; ALVES, T. B. ; SANTOS, S. P. ; AZEVEDO, A. M. A. ; BRAGA, R. C. ; MORAES, G. M. D. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. . Sorvete Sabor Morango Utilizando Galactomanana de Flamboyanzinho (Caesalpinia pulcherrima) como Espessante em Comparação a Liga Neutra e Sorvetes sem Estabilizantes. In: XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos, 2015, Natal. XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos. Natal, 2015. v. 1.

  • PASSOS, A. A. C. ; SANTOS, N. L. ; FRANCA, L. G. ; MONTE, A. L. S. ; SANTOS, S. M. L. ; ANDRADE, P. L. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Efeito da Adição de Adenanthera pavonina como Estabilizante em Mousse. In: XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos, 2015, Natal. XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos. Natal, 2015. v. 1.

  • SANTOS, N. L. ; BEZERRA, G. S. ; SANTANA, T. R. O. ; SILVA, F. A. K. ; LIMA, I. V. S. ; FRANCA, L. G. ; CHAVES, M. J. L. ; MOURA, S. M. de A. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Comparação Física de Biscoito Tipo Cookies Enriquecidos com Xiloglucanas de Jatobá (Hymeneae courbaril). In: XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos, 2015, Natal. XIX Encontro Nacional e V Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos. Natal, 2015. v. 1.

  • FRANCA, L. G. ; HOLANDA, N. V. DE ; MENESES, B. S. S. ; MOREIRA, L. F. ; BRAGA, R. C. . Extração e Avaliação da Atividade Biológica da Semente de Mulungu(Erythrina velutina). In: I Encontro Nacional de Agroindústria, 2015, Bananeiras. I Encontro Nacional de Agroindústria. Bananeiras, 2015. v. 1.

  • LIMA, I. V. S. ; ALMEIDA, M. J. O. ; OLIVEIRA, B. F. ; SILVA, M. S. ; NASCIMENTO, C. P. ; BRAGA, R. C. . Análise Físico-Química de Goiabas (Psidium Guajava L.) Revestidas com Diferentes Concentrações de Goma de Cajueiro e Galactomanana Extraída de Caesalpinia Pulcherrima. In: XXIII Congresso Brasileiro de Nutrição - CONBRAN 2014, V Congresso Ibero Americano de Nutrição, 2014, vitória. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, 2014. v. 6. p. 1409-1410.

  • SILVA, S. C. ; REGES, S. C. N. ; BRAGA, R. C. ; SILVA, M. S. . Avaliação do Conhecimento e Consumo de Produtos Light e Diet por Alunos do Ensino Médio no Município de Limoeiro do Norte-CE. In: XXIII Congresso Brasileiro de Nutrição - CONBRAN 2014, V Congresso Ibero Americano de Nutrição, 2014, Vitória. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, 2014. v. 6. p. 1454-1454.

  • SANTOS, N. L. ; BRAGA, R. C. ; SILVA, F. A. K. ; BEZERRA, G. S. ; MUNIZ, J. L. ; SANTOS, D. V. . Avaliação Microbiológica de Biscoito Tipo Cookies com Adição de Polissacarídeo de Hymenea Courbaril. In: XXIII Congresso Brasileiro de Nutrição - CONBRAN 2014, V Congresso Ibero Americano de Nutrição, 2014, Vitória. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, 2014. v. 6. p. 1473-1474.

  • SANTOS, N. L. ; BRAGA, R. C. ; SILVA, F. A. K. ; BEZERRA, G. S. ; RIBEIRO, M. S. ; SANTOS, D. V. . Avaliação Microbiológica de Biscoitos Tipo Cookies Enriquecidos com Fibras Solúveis e Insolúveis. In: I WORKSHOP DE RECURSOS HÍDRICOS DO VALE DO JAGUARIBE 'Bacias Hidrográficas em áreas Semiáridas: dinâmicas e Gestão', 2014, Vitória. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, 2014. v. 6. p. 1474-1475.

  • MUNIZ, J. L. ; MORAIS, A. F. ; SANTOS, D. V. ; SANTOS, N. L. ; BRAGA, R. C. ; LIMA, I. V. S. . Avaliação Microbiológica de Pedunculos de Caju Envoltos por Revestimento Comestivel a Base de Cera de Carnaúba. In: XXIII Congresso Brasileiro de Nutrição - CONBRAN 2014, V Congresso Ibero Americano de Nutrição, 2014, Vitória. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, 2014. v. 6. p. 1475-1476.

  • MAIA, M. O. ; SILVA, M. E. T. ; DAMACENO, M. N. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; SOARES, D. J. . Composição Centesimal de Almôndegas de Pescado com Espessante Natural. In: XXIII Congresso Brasileiro de Nutrição - CONBRAN 2014, V Congresso Ibero Americano de Nutrição, 2014, Vitória. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, 2014. v. 6. p. 1502-1503.

  • MAIA, M. O. ; MAIA, M. O. ; SILVA, M. E. T. ; FARIAS, V. L. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Contagem de Coliformes a 45°C e de Staphylococcus aureus em Presunto de Peru Fatiado. In: XXIII Congresso Brasileiro de Nutrição - CONBRAN 2014, V Congresso Ibero Americano de Nutrição, 2014, Vitória. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, 2014. v. 6. p. 1513-1514.

  • SILVA, M. E. T. ; FREITAS, R. V. S. ; NORTE, M. I. J. ; BRAGA, R. C. ; MAIA, M. O. ; MOREIRA, L. F. . Efeito do Revestimento à Base de Polissacarídeo de Tamarindo em Goiabas ?Paluma?. In: XXIII Congresso Brasileiro de Nutrição - CONBRAN 2014, V Congresso Ibero Americano de Nutrição, 2014, Vitória. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, 2014. v. 6. p. 1541-1542.

  • MAIA, M. O. ; VASCONCELOS, A. S. E. ; BRAGA, R. C. ; SILVA, M. E. T. ; DAMACENO, M. N. . Extração e Avaliação Físico-Química de Gelatina de Pescado. In: XXIII Congresso Brasileiro de Nutrição - CONBRAN 2014, V Congresso Ibero Americano de Nutrição, 2014, Vitória. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, 2014. v. 6. p. 1572-1573.

  • REGES, S. C. N. ; SILVA, S. C. ; REGIS. A. A. ; BRAGA, R. C. ; FREITAS, R. V. S. . Rótulos de Requeijões Light ? Avaliação da Conformidade da Legislação e Teor de Gordura. In: XXIII Congresso Brasileiro de Nutrição - CONBRAN 2014, V Congresso Ibero Americano de Nutrição, 2014, Vitória. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, 2014. v. 6. p. 1632-1633.

  • MARTINS, J. R. P. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Influência da temperatura e pH inicial na adsorção de Cobre em CFN. In: VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013, Salvador. VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013.

  • MUNIZ, J. L. ; SILVA, F. A. K. ; SANTOS, L. M. de L. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Influência do pH na extração de proteinas de Adenanthera pavonina L.. In: VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013, Salvador. VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013.

  • CRUZ. A.T. R. ; OLIVEIRA, Z. L. ; BRAGA, R. C. ; CHAVES, M. J. L. ; FRUTUOSO, A. E. ; REGES, S. C. N. . Influência da temperatura na extração e quantificação de proteínas de sementes de Adenanthera pavonina l. In: VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013, Salvador. VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013.

  • FREITAS, R. V. S. ; REGES, S. C. N. ; FRUTUOSO, A. E. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. . Determinação fotocolorimétrica de proteínas presente em sementes de Adenanthera pavonina L.. In: VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013, Salvador. VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013.

  • SOUSA, P. B. de ; CASTRO, E. de A. ; MONÇÃO, E. da C. ; CHAVES, M. J. L. ; GUIMARAES, T. L. F. ; BRAGA, R. C. . Extração sequencial por solubilidade das proteínas da Adenanthera pavonina L. e quantificação pelos métodos de bradford e biureto. In: VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013, Salvador. VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013.

  • BEZERRA, G. S. ; SANTOS, N. L. ; SILVA, F. A. K. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Análises físico-químicas de suco de caju, utilizando xiloglucanas de Hymeneae courbaril como estabilizante. In: VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013, Salvador. VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013.

  • SILVA, F. A. K. ; CHAVES, M. J. L. ; FREITAS, P. V. ; BRAGA, R. C. . Avaliação Microbiológica do Suco de Caju com Galactomananas de Adenanthera pavonina e sua Aceitação Sensorial. In: VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013, Salvador. VIII Congresso Norte e Nordeste de Pesquisa e Inovação - VIII CONNEPI, 2013.

  • REGES, S. C. N. ; BRAGA, R. C. ; SILVA, S. C. . Avaliação Microbiológica de Polpas de Ameixa Comercializadas em Limoeiro do Norte-CE. In: XI ENCONTRO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO (ENPPG), 2013, Iguatu. XI ENCONTRO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO (ENPPG), 2013.

  • NORTE, M. I. J. ; SILVA, M. E. T. da ; CHAVES, M. J. L. ; SOUZA, G. C. de ; BRAGA, R. C. . Análise de bolores e leveduras em néctar de acerola adicionado de polissacarídeo extraído da semente de Tamarindus indica. In: XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013, Iguatu. XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013.

  • SILVA, F. A. K. ; BRAGA, R. C. ; CHAVES, M. J. L. . Análise microbiológica do suco de caju adicionado polissacarídeo de Adenanthera pavonina. In: XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013, Iguatu. XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013.

  • SANTOS, N. L. ; SILVA, F. A. K. ; BRAGA, R. C. ; CHAVES, M. J. L. . Análises físico-químicas em biscoitos tipo cookies enriquecidos com polissacarídeos de sementes. In: XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013, Iguatu. XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013.

  • FRANCA, L. G. da ; BRAGA, R. C. ; NORTE, M. I. J. ; CHAVES, M. J. L. . Análises microbiológicas de suco de acerola enriquecido com polissacarídeo de Caesalpinia pulcherrima. In: XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013, Iguatu. XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013.

  • ALVES, L. M. V. ; MUNIZ, D. L. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Comparação física de acerolas revestidas. In: XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013, Iguatu. XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013.

  • MUNIZ, D. L. ; ALVES, L. M. V. ; CHAVES, M. J. L. ; MORAIS, A. F. ; BRAGA, R. C. . Revestimento com polissacarídeo de Adenanthera pavonina em acerola: características física. In: XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013, Iguatu. XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013.

  • SILVA, F. A. K. ; BRAGA, R. C. ; CHAVES, M. J. L. ; SANTOS, N. L. . Biscoito tipo cookie adicionando de polissacarídeo de Adenathera pavonina. In: XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013, Iguatu. XI ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, 2013.

  • SILVA, J. L. ; MAIA, M. O. ; FRANCA, L. G. da ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. . Desenvolvimento e avaliação sensorial de fishburger com espessante natural. In: III International Symposium on Medicinal and Nutraceutical Plants & III Conference of National Institute of Science & Technology for Tropical Fruits, 2012, Aracaju. III International Symposium on Medicinal and Nutraceutical Plants & III Conference of National Institute of Science & Technology for Tropical Fruits, 2012. v. 1.

  • MAIA, M. O. ; SILVA, J. L. ; FRANCA, L. G. da ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. . Desenvolvimento e avaliação sensorial de nuggets de pescado com espessante natural. In: III International Symposium on Medicinal and Nutraceutical Plants & III Conference of National Institute of Science & Technology for Tropical FruitsA, 2012, Aracaju. III International Symposium on Medicinal and Nutraceutical Plants & III Conference of National Institute of Science & Technology for Tropical Fruits, 2012. v. 1.

  • SILVA, F. A. K. ; SILVA, M. L. F. da ; Pereira, N. C. S. ; CHAVES, M. J. L. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; SOUZA, P. A. ; BRAGA, R. C. . Utilização de Galactomananas de Sementes Regionais como Espessantes do Suco Tropical de Acerola. In: 34a Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2011, Florianópolis. 34a Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2011.

  • MARTINS, J. R. P. ; CHAVES, M. J. L. ; RODRIGUES, E. A. ; QUEIROZ, Z. F. ; BRAGA, R. C. . Biossorção de Cobre (Cu2+) a Partir da Folha de Nim Calcinado. In: VI Simpósio de Saneamento Ambiental, 2010, Limoeiro do Norte. VI Simpósio de Saneamento Ambiental, 2010.

  • FRANCA, L. G. da ; CARMO, R. C. do ; BARROS, M. J. da S. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Biossorção de Cobre (Cu) Utilizando Polissacarídeos de Flamboyanzinho e Jatobá. In: VI Simpósio de Saneamento Ambiental, 2010, Limoeiro do Norte. VI Simpósio de Saneamento Ambiental, 2010.

  • HOLANDA, D. G. de S. ; CHAVES, M. J. L. ; RODRIGUES, E. A. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Testes de Utilização de Polissacarídeos de Carolina e Tamarindo como Biosorventes de Cobre em Água. In: VI Simpósio de Saneamento Ambiental, 2010, Limoeiro do Norte. VI Simpósio de Saneamento Ambiental, 2010.

  • ALVES, R. C. ; Gadêlha, P. C. ; SILVA, F. A. K. ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. . GALACTOMANANAS DE Caesalpinia pulcherrima UM POTENCIAL POLISSACARÍDEO PARA REVESTIMENTO VISANDO UMA MELHORA NAS CARACTERÍSTICAS FÍSICO-QUÍMICAS E SENSORIAIS DO QUEIJO COALHO.. In: V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica,, 2010, Maceió. V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica,, 2010.

  • BRAGA, R. C. ; SILVA, R. A. ; SALIS, C. R. ; MOREIRA, R. A. . Specifity of Caesalpinia pulcherrima galactomannan for isolation of alfa-D-galactose- binding lectins. In: VI Reunião Regional Nordeste SSBq, 2002, Fortaleza. VI Reunião Regional Nordeste SSBq, 2002.

  • ALMEIDA-SILVA, L. M. A. ; BRAGA, R. C. ; RIBEIRO, A. F. ; MOREIRA, R. A. . Studies of Caesalpinia pulcherrima endospermic gum during maturation. In: VI Reunião Regional Nordeste SSBq, 2002, Fortaleza. VI Reunião Regional Nordeste SSBq, 2002.

  • REGES, B. M. ; ALMEIDA, J. I. O. ; PAULINO, C. G. ; BRAGA, R. C. ; DAMACENO, M. N. . Harina de Ñame: Elaboración, Caracterización Química, Físico-Química y Microbiológica. In: VII Congreso Internacional de Ciencia y Tecnología de Alimentos, 2018, Córdoba. VII Congreso Internacional de Ciencia y Tecnología de Alimentos. Córdoba: Córdoba : Ministerio de Ciencia y Tecnología de la provincia de Córdoba, 2018. v. 1. p. 99-100.

  • COSTA, F. ; MOURA, F. J. N. ; BRAGA, R. C. ; FARIAS, V. L. . Analysis of the Technical Course in Agroindustry at the Secondary and Vocational School Alan Pinho Tabosa. In: VII Congreso Internacional de Ciencia y Tecnología de los Alimentos, 2018, Córdoba. Anais del VII Congreso Internacional de Ciencia y Tecnología de los Alimentos. Códoba: Córdoba : Ministerio deCiencia y Tecnología de la provincia de Córdoba, 2018. v. 1. p. 751-752.

  • COSTA, F. ; MOURA, F. J. N. ; BRAGA, R. C. ; FARIAS, V. L. ; CARVALHO, L. L. . Study of the quality of water added of salts commercialized in the city of Pentecoste-Ce. In: VII Congreso Internacional de Ciencia y Tecnología de los Alimentos, 2018, Córdoba. VII Congreso Internacional de Ciencia y Tecnología de los Alimentos. Córdoba: Córdoba : Ministerio de Ciencia y Tecnología de la provincia de Córdoba, 2018. v. 1. p. 568-569.

  • COSTA, F. ; FERNANDES, D. R. ; CARVALHO, L. L. ; VIEIRA, S. K. V. ; BRAGA, R. C. . Microbiological and physico-chemical characterization of pasteurized milk commercialized in the municipality of Pentecoste, Ceará, Brazil. In: VII Congreso Internacional de Ciencia y Tecnología de los Alimentos, 2018, Córdoba. VII Congreso Internacional de Ciencia y Tecnología de los Alimentos. Córdoba: Córdoba : Ministerio de Ciencia y Tecnología de la provincia de Córdoba, 2018. v. 1. p. 1254-1255.

  • MENDES, A. ; BRAGA, R. C. . Carnamol:Carrapaticida Natural a Base de Moringa Oleifera. In: VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC, 2017, Limoeiro do Norte. VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC. Limoeiro do Norte: Biblioteca - IFCE - Campus Limoeiro do Norte, 2017. v. 1. p. 50-50.

  • BATISTA, L. C. ; BRAGA, R. C. . Como Relacionar o Universo de Harry Potter no Ensino da Química?. In: VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC, 2017, Limoeiro do Norte. VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC. Limoeiro do Norte: Biblioteca - IFCE - Campus Limoeiro do Norte, 2017. v. 1. p. 62-62.

  • ALVES, L. M. V. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R.C. ; UCHOA, C. N. . Extratos Vegetais no Controle de Fungos de Bananeira. In: VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC, 2017, Limoeiro do Norte. VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC. Limoeiro do Norte: Biblioteca - IFCE - Campus Limoeiro do Norte, 2017. v. 1. p. 51-51.

  • BARRETO, J. J. S. ; BESERRA, R. O. ; BRAGA, R. C. . Biscoitos Funcionais ? Do Aproveitamento do Resíduo a Nutrição. In: VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC, 2017, Limoeiro do Norte. VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC. Limoeiro do Norte: Biblioteca - IFCE - Campus Limoeiro do Norte, 2017. v. 1. p. 20-20.

  • BRAGA, R. C. ; ALMEIDA, M. R. ; CHAVES, M. J. L. . Polysaccharide from Caesalpinia Pulcherrima as thicker and stabilizer of the cashew juice. In: 12 SLACA - Simpósio Latino Americano de Ciência de Alimentos:, 2017, Campinas. 12 SLACA - Simpósio Latino Americano de Ciência de Alimentos. Campinas: Uncamp, 2017. v. 1. p. 1-2.

  • BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; CHACON, L. S. S. ; CASTRO, L. A. A. . Sensory evaluation of ice cream with unconventional thickeners. In: 12 SLACA - Simpósio Latino Americano de Ciência de Alimentos:, 2017, Campinas. 12 SLACA - Simpósio Latino Americano de Ciência de Alimentos. Campinas: Unicamp, 2017. v. 1. p. 3-4.

  • NASCIMENTO, C. P. ; DANTAS, C. E. A. ; ALMEIDA, M. J. O. ; BRAGA, R. C. . Avaliação da Atividade Biológica e Composição Centesimal de Cotilédones de Sementes de Annona Squamosa L.. In: III ENCONTRO INTERNACIONAL DE JOVENS INVESTIGADORES, 2017, Fortaleza. III ENCONTRO INTERNACIONAL DE JOVENS INVESTIGADORES. Fortaleza: UECE, 2017. v. 1. p. 1-1.

  • AQUINO, C. M. ; MOREIRA, L. F. ; MENDES, A. H. L. ; SANTOS, N. L. ; BRAGA, R. C. . Atividade Biológica em frutos do Mamoeiro. In: VIII Semana da Alimentação, 2017, Limoeiro do Norte. VIII Semana da Alimentação. Limoeiro do Norte: Biblioteca - IFCE - Campus Limoeiro do Norte, 2017. v. 1. p. 1-1.

  • AQUINO, C. M. ; MOREIRA, L. F. ; MENDES, A. H. L. ; LEMOS, L. M. R. ; BRAGA, R. C. . Detecção e Quantificação de carboidratos no mamão (Carica papaya) pelo método colorimétrico fenol-sulfúrico.. In: VIII Semana da Alimentação, 2017, Limoeiro do Norte. VIII Semana da Alimentação. Limoeiro do Norte: Biblioteca - IFCE - Campus Limoeiro do Norte, 2017. v. 1. p. 2-2.

  • CHAGAS, R. M. M. ; SILVA, P. F. C. ; BRAGA, R. C. . Elaboração de pizza sem glúten. In: VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC, 2017, Limoeiro do Norte. VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC. Limoeiro do Norte: Biblioteca - IFCE - Campus Limoeiro do Norte, 2017. v. 1. p. 44-44.

  • BARRETO, J. J. S. ; PASSOS, A. A. C. ; CHAGAS, R. M. M. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura. In: II Congresso Norte e Nordeste de Nutrição Clínica e Esportiva, 2016, Natal. Anais do Congresso Norte e Nordeste de Nutrição Clínica e Esportiva. Natal: II CONNAE, 2016. v. 2. p. 45-45.

  • BARRETO, J. J. S. ; MARTINS, J. R. P. ; CHAVES, M. J. L. ; BESERRA, R. O. ; BRAGA, R. C. . Análise físico química de farinhas sem glúten não convencionais. In: II Congresso Norte e Nordeste de Nutrição Clínica e Esportiva, 2016, Natal. Anais do Congresso Norte e Nordeste de Nutrição Clínica e Esportiva. Natal: II CONNAE, 2016. v. 2. p. 80-80.

  • SILVA, P. L. ; SANTOS, N. L. ; AQUINO, C. M. ; MENDES, A. H. L. ; BRAGA, R. C. . Extração sequencial de proteinas de cotiledone de Tamarindus indica. In: VII Semana Mundial da Alimentação - IFCE, 2016, Limoeiro do Norte. VII Semana Mundial da Alimentação - IFCE. Limoeiro do Norte: Semana Mundial da Alimentação - IFCE, 2016. v. 1. p. 7-7.

  • SANTOS, N. L. ; SILVA, P. L. ; AQUINO, C. M. ; MOREIRA, L. F. ; BRAGA, R. C. . Atividade Biológica em Cotilédones de Sementes de Tamarindus indica. In: VII Semana Mundial da Alimentação - IFCE, 2016, Limoeiro do Norte. VII Semana Mundial da Alimentação - IFCE. Limoeiro do Norte: Semana Mundial da Alimentação - IFCE, 2016. v. 1. p. 5-5.

  • BRAGA, R. C. ; NORTE, M. I. J. ; CHAGAS, R. M. M. . Revestimento Comestível Antifúngico Aplicado em Pimentão ?Dahra?. In: Seminário De Iniciação Científica e Tecnológica, 2016, Limoeiro do Norte. SEMIC 2016 - Seminário De Iniciação Científica e Tecnológica. Limoeiro do Norte: SEMIC 2016, 2016. v. 1. p. 10-10.

  • MARTINS, J. R. P. ; BRAGA, R. C. . Determinação do Potencial Adsortivo da CFN ( Cinza da Folha de Nim) Empregado no Tratamento de Efluente Sintético de Vermelho Purpura. In: Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 2016, Limoeiro do Norte. SEMIC 2016 - Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica. Limoeiro do Norte: SEMIC 2016, 2016. v. 1. p. 26-26.

  • BARRETO, J. J. S. ; BRAGA, R. C. . Elaboração de Mousse Utilizando Galactomanana de Adenanthera pavonina Como Estabilizante e Substituto de Gordura. In: Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 2016, Limoeiro do Norte. SEMIC 2016 - Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica. Limoeiro do Norte: SEMIC 2016, 2016. v. 1. p. 44-44.

  • SANTOS, D. V. ; BRAGA, R. C. . Avaliação microbiológica e sensorial de pedúnculos de caju envoltos por revestimento comestível a base de cera de carnaúba. In: Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 2016, Limoeiro do Norte. SEMIC 2016 - Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica. Limoeiro do Norte: SEMIC 2016, 2016. v. 1. p. 14-14.

  • MARTINS, J. R. P. ; ALVES, L. M. V. ; ESTEVAM, M. S. ; SILVA, S. H. P. ; BRAGA, R. C. ; SANTOS, N. L. ; MOURA, S. M. de A. ; CHAVES, M. J. L. ; LOUREIRO, M. S. ; CHAGAS, R. M. M. . Uso de cinza de folhas de Azadirachta indica(CFN) como adsorvente de Ferro(Fe2+) e Cobre (Cu2+). In: III Simpósio Latino -Americano de Biotecnologia do Nordeste - III SLAB Encontro Luso Brasileiro de Biotecnologia, 2015, Parnaíba. Brazilian Journal of Biodiversity and Biotechnology, 2015. v. 1. p. 314-314.

  • LIMA, I. V. S. ; MUNIZ, D. L. ; BRAGA, R. C. . Elaboração e Análise Físico-Química de Patê de Tilápia Enriquecido com Polissacarídeo. In: III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica, 2015, Recife. III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica. Recife, 2015. v. 1.

  • LIMA, I. V. S. ; BRAGA, R. C. ; MUNIZ, D. L. ; NASCIMENTO, C. P. . Polissacarídeo como aditivo funcional em patê de pescado. In: IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE, 2015, Limoeiro do Norte. IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE. Fortaleza, 2015. v. 1. p. 352-352.

  • ALVES, L. M. V. ; BRAGA, R. C. ; SANTOS, N. L. ; CHAVES, M. J. L. ; MENDES, A. . Uso de bagaço de acerola pra fabricação biscoitos. In: IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE, 2015, Limoeiro do Norte. IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE. Fortaleza, 2015. v. 1. p. 357-357.

  • MENDES, A. ; BRAGA, R. C. . Revestimento Comestíveis em Pimentão. In: IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE, 2015, Limoeiro do Norte. IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE. Fortaleza, 2015. v. 1. p. 355-355.

  • MORAIS, A. F. ; MUNIZ, D. L. ; BRAGA, R. C. . Biscoito sem Glúten Utilizando a Farinha da Carnaúba. In: IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE, 2015, Limoeiro do Norte. IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE. Fortaleza, 2015. v. 1. p. 328-328.

  • CHAGAS, R. M. M. ; BRAGA, R. C. ; PASSOS, A. A. C. ; CHAVES, M. J. L. ; SANTOS, N. L. . Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura. In: IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE, 2015, Limoeiro do Norte. IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE. Fortaleza, 2015. v. 1. p. 341-341.

  • BARRETO, J. J. S. ; BRAGA, R. C. ; PASSOS, A. A. C. ; CHAVES, M. J. L. ; MARTINS, J. R. P. . Elaboração se mousse ultilizando galactomanana de adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura. In: IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE, 2015, Limoeiro do Norte. IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE. Fortaleza, 2015. v. 1. p. 343-343.

  • MUNIZ, D. L. ; BRAGA, R. C. ; MORAIS, A. F. ; LIMA, I. V. S. ; OLIVEIRA, B. F. . Farinha de carnaúba: uma opção para pacientes celíacos. In: IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE, 2015, Limoeiro do Norte. IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE. Fortaleza, 2015. v. 1. p. 348-348.

  • SANTOS, D. V. ; BRAGA, R. C. . Revestimento comestível para pedúnculo de caju. In: IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE, 2015, Limoeiro do Norte. IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE. Fortaleza, 2015. v. 1. p. 356-356.

  • Frutuoso, A. E ; TORRES, N. M. M. M. ; NASCIMENTO, N. T. ; ANDRADE, P. L. ; BRAGA, R. C. ; MACIEL, J. S. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. . Estudo da Perda de Peso de Queijo Coalho Revestido com Galactomanana. In: II Simposio Latino-Americano de Biotecnoloiga do Nordeste, 2014, Paranaíba. II Simposio Latino-Americano de Biotecnoloiga do Nordeste, 2014.

  • MAIA, MONIQUE DE OLIVEIRA ; MAIA, MÔNICA DE OLIVEIRA ; SÁ, DANIELE MARIA ALVES TEIXEIRA ; SILVA, MONIQUE ELLEN TORRES DA ; DAMACENO, MARLENE NUNES ; FARIAS, VIRNA LUIZA DE ; Braga, Renata Chastinet ; CASTRO, HERCULANA CARVALHO ; CAVALCANTE, ANTÔNIO BELFORT DANTAS . Avaliação Das Boas Práticas de Fabricação em Uma Panificadora do Município de Limoeiro do Norte-Ce. In: XII Latin American Congress on Food Microbiology and Hygiene, 2014, Foz do Iguaçu. Proceedings of the XII Latin American Congress on Food Microbiology and Hygiene, 2014. p. 413-414.

  • SANTOS, A. S. ; NORTE, M. I. J. ; REGIS. A. A. ; RODRIGUES, H. N. B. ; BANDEIRA, M. G. L. ; SILVA, M. E. T. ; MAIA, M. O. ; SOUZA, P. A. ; BRAGA, R. C. ; ARAÚJO, R. dos S. . Elaboração e Caracterização Microbiológica de Pitaias (Hylocereus Polyrhizus) Cristalizadas. In: XII Latin American Congress on Food Microbiology and Hygiene, 2014, Foz do Iguaçu. Proceedings of the XII Latin American Congress on Food Microbiology and Hygiene. v. 1. p. 267-268.

  • MAIA, MONIQUE DE OLIVEIRA ; SÁ, DANIELE MARIA ALVES TEIXEIRA ; DAMACENO, MARLENE NUNES ; SILVA, MONIQUE ELLEN TORRES DA ; SANTOS, ANAKLÁUDIA SOMBRA ; BANDEIRA, GILNARA LIMA ; MAIA, MÔNICA DE OLIVEIRA ; FARIAS, VIRNA LUIZA DE ; Braga, Renata Chastinet ; CASTRO, HERCULANA CARVALHO . Avaliação Microbiológica de Gelatina Extraída de Pele de Tilápia do Nilo (Oreochromis Niloticus). In: XII Latin American Congress on Food Microbiology and Hygiene, 2014, Foz do Iguaçu. Proceedings of the XII Latin American Congress on Food Microbiology and Hygiene, 2014. v. 1. p. 283-284.

  • MUNIZ, J. L. ; SANTOS, D. V. ; MORAIS, A. F. ; BRAGA, R. C. . Teste de Diferença do Controle em Cajus Recobertos com Revestimento Composto a Base de Cera de Carnaúba. In: XXIV CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS, 2014, ARACAJU. XXIV CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS, 2014, Aracaju. XXIV CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS, 2014, ARACAJU. XXIV CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS. Aracaju: SBCTA, 2014.

  • SANTOS, D. V. ; MORAIS, A. F. ; BRAGA, R. C. ; FRANCA, L. G. ; NORTE, M. I. J. . XXIV Congresso brasileiro de ciência e tecnologia de alimentos. In: XXIV Congresso brasileiro de ciência e tecnologia de alimentos, 2014, Aracaju. XXIV Congresso brasileiro de ciência e tecnologia de alimentos. Aracaju: SBCTA, 2014.

  • SANTOS, D. V. ; MORAIS, A. F. ; BRAGA, R. C. ; FRANCA, L. G. ; NORTE, M. I. J. . Ação espessante de polissacarídeos naturais no suco tropical de acerola. In: Ação espessante de polissacarídeos naturais no suco tropical de acerola., 2014, Aracaju. Ação espessante de polissacarídeos naturais no suco tropical de acerola.. Aracaju: SBCTA, 2014.

  • ALMEIDA, D. B. A. ; BANDEIRA, M. G. L. ; SANTOS, A. S. ; LIMA, L. S. C. ; BRAGA, R. C. ; ARAÚJO, R. dos S. . Atividade Anticoagulante e Hemaglutinante de Sementes de Caesalpinia pulcherrima. In: XXIV Congresso brasileiro de ciência e tecnologia de alimentos, 2014, Aracaju. XXIV Congresso brasileiro de ciência e tecnologia de alimentos. Aracaju: SBCTA, 2014.

  • SANTOS, A. S. ; LIMA, I. V. S. ; NORTE, M. I. J. ; REGIS. A. A. ; RODRIGUES, H. N. B. ; BRAGA, R. C. . Avaliação Atividade Anticoagulante e Hemaglutinante de Sementes de Caesalpinia Pulcherrima. In: AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTICOAGULANTE E HEMAGLUTINANTE DE SEMENTES DE CAESALPINEA PULCHERRIMA, 2014, São Luís. IX Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte e Nordeste de Educação Tecnológica. São Luís: XI CONNEPI, 2014.

  • MUNIZ, J. L. ; SILVA, F. A. K. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Analise Sensorial do Suco Tropical de Caju Adicionado de Polissacarídeo de Adenanthera pavonina. In: Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2013, Fortaleza. Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2013.

  • MUNIZ, J. L. ; SANTOS, L. M. de L. ; FRUTUOSO, A. E. ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. . Diferenças Sensoriais Entre Três Cervejas Tipo Pilsener Comercializadas Nacionalmente. In: Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2013, Fortaleza. Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2013.

  • MUNIZ, J. L. ; SANTOS, L. M. de L. ; BRAGA, R. C. ; BARBOSA, M. C. F. ; Cavalcante, A. B. D. . Caracterização Química de Doce de Caju Cristalizado Comercializado na Cidade de Limoeiro do Norte-Ce. In: Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2013, Fortaleza. Congresso Internacional de Gastronomia e Ciência de Alimentos, 2013.

  • MUNIZ, J. L. ; SANTOS, L. M. de L. ; OLIVEIRA, Z. L. ; SOUZA, P. A. ; BRAGA, R. C. ; ARAÚJO, R. dos S. . Pearson correlation between quality indices of 'PALUMA' guava harvested in different maturity stages. In: 10 SLACA - Latin American Symposium of Food Science, 2013, Campinas. 10 SLACA - Latin American Symposium of Food Science, 2013.

  • HOLANDA, D. G. S. ; CHAVES, M. J. L. ; SILVA FILHO, H. A. ; RODRIGUES, E. A. ; BRAGA, R. C. . Influência da Agitação na Remoção de Manganês da Água Utilizando Xiloglucanas de Tamarindus indica. In: II Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica, 2012, Florianópolis. II Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica, 2012.

  • MARTINS, J. R. P. ; BRAGA, R. C. ; CHAVES, M. J. L. ; RODRIGUES, E. A. ; ROLIM, H. da S. . Adsorção de Ferro(Fe2+) em amostras sintéticas utilizando CFN. In: II Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica, 2012, Florianópolis. II Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica, 2012.

  • SILVA, F. A. K. ; CHAVES, M. J. L. ; CARVALHO, L. L. ; NORTE, M. I. J. ; SOUZA, P. A. ; BRAGA, R. C. . Aspects of acerola tropical juice using regional polyssaharides as thinckener agent. In: 16th World Congress of Food Science and Technology : ?Addressing Global Food Security and Wellness through Food Science and Technology?, 2012. 16th World Congress of Food Science and Technology, 2012.

  • ALVES, R. C. ; SA, E. M. F. ; QUADRI, M. G. N. ; MACHADO, R. A. F. ; Teixeira-Sá, Daniele Maria Alves ; BRAGA, R. C. . Influência da concentração de galactoxiloglucana de Tamarindus indica na tensão superficial de soluções aquosas. In: XIX Encontro de Química da Região Sul, 2012, Tubarão. XIX Encontro de Química da Região Sul, 2012.

  • ALVES, R. C. ; SA, E. M. F. ; QUADRI, M. G. N. ; MACHADO, R. A. F. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Estudo do comportamento reológico de galactomanana extraída de sementes de Caesalpinia pulcherrima. In: XIX Encontro de Química da Região Sul, 2012, Tubarão. XIX Encontro de Química da Região Sul, 2012.

  • MAIA, M. O. ; SILVA, J. L. ; FRANCA, L. G. da ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. . Desenvolvimento e avaliação sensorial de nuggets de pescado com espessante natural. In: II Fórum Mundial da Educação Profissional e Tecnológica, 2012, Florianópolis. II Fórum Mundial da Educação Profissional e Tecnológica, 2012.

  • SILVA, F. A. K. ; CARVALHO, L. L. ; NORTE, M. I. J. ; CHAVES, M. J. L. ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. . Análise Sensorial do Suco de Acerola Adicionado de Polissacarídeo de Tamarindus indica. In: XVI Semana Universitária, 2012, Fortaleza. XVI Semana Universitária. Fortaleza: UECE, 2012. v. 1.

  • NASCIMENTO, N. T. ; SIQUEIRA, R. F. ; MORAIS, K. F. ; PONTE, A. P. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. . Utilização de Óleo Essencial de Cymbopogon citratus em Revestimentos Comestíveis Aplicados em Queijo Coalho. In: VI SBOE - SIMPÓSIO BRASILEIRO DE ÓLEOS ESSENCIAIS, 2011, Campinas. VI SBOE - SIMPÓSIO BRASILEIRO DE ÓLEOS ESSENCIAIS, 2011.

  • MORAIS, K. F. ; PONTE, A. P. ; Frutuoso, A. E ; NASCIMENTO, N. T. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. . Avaliação Fisico-Química de Queijo de Coalho Recoberto com Galactomanana e Óleo Essencial. In: SLACA - Simpósio Latino Americano de Ciência de Alimentos, 2011, Campinas. Ciência de Alimentos e Qualidade de Vida: Saúde, Meio ambiente e Sustentabilidade.

  • MORAIS, K. F. ; SIQUEIRA, R. F. ; SANTOS, D. M. V. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. . Avaliação Fisico-Química de Queijo de Coalho Recoberto com Polissacarídeo e Óleo Essencial. In: X ENPPG / X EXICIT / V SIMPIT, 2011, Fortaleza. Encontro do IFCE, 2011.

  • Braga, Renata Chastinet . Uso de Cinzas de Folhas como Material Adsorvente em Tratamento de Águas Residuárias. In: V Simposio de Inovação Tecnológica - V SIMPIT, 2011, Maracanaú. Encontro do IFCE, 2011.

  • SILVA, F. A. K. ; FRANCA, L. G. da ; NORTE, M. I. J. ; CHAVES, M. J. L. ; SILVA, J. M. A. DA ; BRAGA, R. C. . Suco de Acerola enriquecido com Polissacarídeos de Sementes do Nordeste Brasileiro. In: SLACA - Simpósio Latino Americano de Ciência de Alimentos, 2011, Campinas. Ciência de Alimentos e Qualidade de Vida: Saúde, Meio ambiente e Sustentabilidade, 2011.

  • SILVA, F. A. K. ; NORTE, M. I. J. ; CHAVES, M. J. L. ; SOUZA, G. C. de ; SOUZA, P. A. ; BRAGA, R. C. . Avaliação microbiológica de Suco de Acerola Modificado com Polissacarídeo de Tamarindo. In: SLACA - Simpósio Latino Americano de Ciência de Alimentos, 2011, Campinas. Ciência de Alimentos e Qualidade de Vida: Saúde, Meio ambiente e Sustentabilidade, 2011.

  • HOLANDA, D. G. de S. ; CHAVES, M. J. L. ; RODRIGUES, E. A. ; SANTOS, E. V. M. ; BRAGA, R. C. . Influência da agitação na biossorção de Cobre por xiloglucana de Tamarindo. In: O2 Encontro Interontinental sobre a Natureza, 2011, Fortaleza. O2 Encontro Interontinental sobre a Natureza, 2011.

  • MARTINS, J. R. P. ; BRAGA, R. C. . uso de Folhas como material adsorvente de tratamento de água Residuárias. In: V Simpósio de inovação tecnológica - V SIMPIT, 2011, Maracanaú. V Simpósio de inovação tecnológica - V SIMPIT, 2011.

  • Gadêlha, P. C. ; ALVES, R. C. ; SOUSA, M. de L. ; XAVIER, M. de S. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Análise Físico-Química de Queijo Coalho Revestido com Solução de Xiloglucana de Hymenena courbaril. In: 62a Reunião Anual da SBPC, 2010, Natal. 62a Reunião Anual da SBPC, 2010.

  • LIMA, D. de A. ; SILVA, N. M. ; CHAVES, J. C. ; BRAGA, R. C. ; SANTOS, E. V. M. ; SILVA FILHO, H. A. . Avaliação da Influência da Sazonalidade Sobre a Qualidade Físico-Química de Água. In: II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010, Fortaleza. II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010.

  • HOLANDA, D. G. de S. ; BARROS, M. J. da S. ; CHAVES, M. J. L. ; SANTOS, E. V. M. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Avaliação de Testes de Aplicação de Xiloglucanas como Biosorventes de Metais em Água. In: II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010, Fortaleza. II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010.

  • ALVES, R. C. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; Gadêlha, P. C. ; SILVA, F. A. K. ; FREITAS, B. H. de . Avaliação Microbiológica do Queijo de Coalho Revestido com Galactomanana de Caesalpinia pulcherrima. In: 62a Reunião Anual da SBPC, 2010, Natal. 62a Reunião Anual da SBPC, 2010.

  • LIMA, D. de A. ; SILVA, N. M. ; CHAVES, J. C. ; BRAGA, R. C. ; SANTOS, E. V. M. ; SILVA FILHO, H. A. . Otimização de Parâmetros Químicos na Coagulação/Floculação em Água de Abastecimento Humano. In: II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010, Fortaleza. II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010.

  • SILVA, F. A. K. ; ALVES, R. C. ; Gadêlha, P. C. ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. . Queijo De Coalho Revestido Com Polissacarídeo Da Semente De Caesalpinia Pulcherrima Mudanças Sensoriais. In: XV Semana Universitária, 2010, Fortaleza. XV Semana Universitária, 2010.

  • FRANCA, L. G. da ; CARMO, R. C. do ; CHAVES, M. J. L. ; SILVA FILHO, H. A. ; QUEIROZ, Z. F. ; BRAGA, R. C. . Teste de Utilização de Galactomananas como Biosorventes de Metais em Água. In: II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010, Fortaleza. II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010.

  • HOLANDA, D. G. de S. ; BARROS, M. J. da S. ; CHAVES, M. J. L. ; SANTOS, E. V. M. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Testes de aplicação de xiloglucanas como biosorventes de metais em água. In: II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010, Fortaleza. II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010.

  • FRANCA, L. G. da ; CARMO, R. C. do ; CHAVES, M. J. L. ; SANTOS, E. V. M. ; QUEIROZ, Z. F. ; BRAGA, R. C. . Teste de utilização de galactomananas como biosorventes de metais em água. In: II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010, Fortaleza. II Seminário Internacional de Saneamento Ambiental - Repercussões nas Bacias Hidrográficas, 2010.

  • CARMO, R. C. do ; FRANCA, L. G. da ; RODRIGUES, E. A. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Galactomanas de Caesalpinia pulcherrima como Material Adsorvente de Íons Metálicos em Água. In: I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010, Fortaleza. I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010.

  • BARROS, M. J. da S. ; RODRIGUES, E. A. ; SANTOS, E. V. M. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Aplicação De Polissacarídeos Da Semente De Hymeneae Courbaril Como Biossorvente De Íons Metálicos De Cobre (Cu)2+ Em Água. In: I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010, Fortaleza. I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010.

  • FRANCA, L. G. da ; ALMEIDA, F. G. de ; CHAVES, M. J. L. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Utilização de Galactomananasde Caesalpinia Pulcherrima em Sucos Tropicais. In: I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010, Fortaleza. I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010.

  • NORTE, M. I. J. ; SILVA, F. A. K. ; CHAVES, M. J. L. ; SILVA, M. S. ; BRAGA, R. C. . Análise Físico-Química do Suco de Acerola Utilizando Polissacarídeo de Tamarindo como Espessante. In: I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010, Fortaleza. I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010.

  • SILVA, M. L. F. da ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Utilização de Galactomananas de Carolina em Suco de Acerola. In: I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010, Fortaleza. I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010.

  • Pereira, N. C. S. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Utilização De Galactomananas De Flamboyant Em Sucos Tropicais. In: I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010, Fortaleza. I Jornada Inovação, Pesquisa e Extensão, 2010.

  • BARROSO, A. A. F. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. ; PALÁCIO, H. A. de Q. ; LIMA, C. A. . Avaliação do pH e do carbonato de cálcio em águas para irrigação do perímetro irrigado Tabuleiro de Russas. In: Simpósio Brasileiro de Salinidade, 2010, Fortaleza. Simpósio Brasileiro de Salinidade, 2010.

  • BARROSO, A. A. F. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. ; PALÁCIO, H. A. de Q. ; LIMA, C. A. . Composição Iônica das Águas para Irrigação do Perímetro Irrigado Tabuleirode Russas. In: X Simpósio de Recursos Hídricos do Nordeste, 2010, Fortaleza. X Simpósio de Recursos Hídricos do Nordeste, 2010.

  • BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. ; Beltramini. L. M. . Isolamento e Caracterização de proteínas de Interesse Biológico em Sementes de Caesalpinia pulcherrima Linn. In: 32a Reunião Anual da Sociede Brasileira de Química, 2009, Fortaleza. 32a Reunião Anual da Sociede Brasileira de Química, 2009.

  • BRAGA, R. C. ; Carvalho, E. M. ; MOREIRA, R. A. ; Beltramini. L. M. . Isolamento e Carcterização Parcial de um Inibidor de Proteases de Sementes de Caesalpinia pulcherrima. In: IX Reunião Regional da SSBq, 2008, Fortaleza. IX Reunião Regional da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular, 2008.

  • SOUSA, J. C. de ; BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Isolamento e Caracterização Parcial de um Inibidor de Serinoproteases Presente em Sementes de Caesalpinia Pulcherrima.. In: XXV Encontro Universitário de Iniciação à Pesquisa, 2006, Fortaleza. XXV Encontro Universitário de Iniciação à Pesquisa, 2006.

  • MACÊDO, A. A. M. ; BRAGA, R. C. ; FIGUERÓ, S. D. . Composite of Algae Polysaccharide and collagen preparation and Characterization. In: VII Reunião Regional Nordeste SBBq, 2004, Recife. Anais VII Reunião Regional Nordeste SBBq. Recife: universitária, 2004. v. 1. p. 67.

  • BRAGA, R. C. ; SILVA, R. A. ; MOREIRA, R. A. . Studies of the heamagglutinating of Caesalpinia pulcherrima seeds. In: XXXII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular, 2003, Caxambu. SBBq 2003. Caxambu, 2003. p. 64.

  • SILVA, R. A. ; RIBEIRO, A. F. ; BRAGA, R. C. ; SILVA, F. M. B. ; SALIS, C. R. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; MONTEIRO-MOREIRA, A. C. O. ; HORTA, A. C. G. ; MOREIRA, R. A. . Uso de galactoxiluglucana no isolamento de lectinas. In: XLIII Congresso Brasileiro de Química, 2003, Ouro Preto. XLIII Congresso Brasileiro de Química, 2003. p. 716.

  • TEIXEIRA, D. M. A. ; TAVARES, R. O. ; MATOS, V. C. ; GARROS-ROSA, I. ; BRAGA, R. C. ; ALMEIDA-SILVA, L. M. A. ; SALIS, C. R. ; RIBEIRO, A. F. ; SILVA, R. A. ; MOREIRA, R. A. . Polysaccharides as Matrices for the Isolation of Galactose Binding Lectins. In: XXXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular, 2002, Caxambu. XXXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular. Caxambu, 2002. p. 75.

  • BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Estudos de Interações da Especificidade de Lectinas Vegetais Utilizando Gomas Naturais. In: XXI Encontro Universitário de Iniciação à Pesquisa, 2002, Fortaleza. XXI Encontro Universitário de Iniciação à Pesquisa, 2002.

  • SANTOS, E. C. M. ; BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Aplicação de Goma Endospérmica de Caesalpinia Pulcherrima como Matrizes de Afinidade para Isolamento de Lectinas Galactose-Ligantes. In: XX Encontro de Iniciação à Pesquisa, 2002, Fortaleza. XX Encontro de Iniciação à Pesquisa, 2002.

  • BRAGA, R. C. ; LIMA, R. S. N. ; MOREIRA, R. A. . Caesalpinia pulcherrima endospermic gum. A new matrix for the isolation of galactose-binding lectins. In: XXX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular, 2001, Caxambu. XXX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular. Caxambu, 2001. p. 94.

  • BRAGA, R. C. ; LIMA, J. R. ; SILVA, F. M. B. ; HORTA, A. C. G. ; MOREIRA, R. A. . Biotechnological application of Caesalpinia pulcherrima endospermic gum as affinity matrix for isolation of galactose-binding lectins. In: 6o. Congresso Brasileiro de polímeros ; XI International Macrommolecular Colloquium, 2001, Gramado. 6o. Congresso Brasileiro de polímeros ; XI International Macrommolecular Colloquium, 2001.

  • MOREIRA, R. A. ; GARROS-ROSA, I. ; MATOS, V. C. ; TAVARES, R. O. ; MILHOME, M. V. L. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; REICHER, F. . The use of leguminous endospermic gums as affinity matrix for isolation of galactose-binding lectins. In: XXIX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular, 2000, Caxambu. XXIX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular. Caxambu, 2000. p. 120.

  • MATOS, V. C. ; GARROS-ROSA, I. ; TAVARES, R. O. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; MILHOME, M. V. L. ; MOREIRA, R. A. . Endospermic gums from Delonix regia, Parkinsonia aculeata, e Schizolobium parahybum as Affinity Matrices for Isolation of Plants Lectins. In: XXVII Reuniao Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular, 1998, Caxambu. XXVII Reuniao Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular. Caxambu, 1998.

  • BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; MILHOME, M. V. L. ; GARROS-ROSA, I. ; MATOS, V. C. ; TAVARES, R. O. ; MOREIRA, R. A. . Estudo das Condições Adequadas para Obtenção de Matrizes Cromatográficas para Isolamento de lLectinas Utilizando Goma de Sementes de Parkinsonia Aculeata. In: 21a. Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 1998, Poços de Caldas. 21a. Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química. Poços de Caldas, 1998. v. 2.

  • MILHOME, M. V. L. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; GARROS-ROSA, I. ; MATOS, V. C. ; TAVARES, R. O. ; MOREIRA, R. A. . Determinação da Disponibilidade de Resíduos a-D-galactopiranosil na Estrutura Crosslink de Galactomananas de Schizolobium parahibum Usando Lectinas Vegetais. In: 21a. Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 1998, Poços de Caldas. 21a. Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química. Poços de Caldas, 1998. v. 3.

  • MATOS, V. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; MILHOME, M. V. L. ; MOREIRA, R. A. . Goma endospérmica de Schizolobium parahybum como matriz cromatográfica para o isolamento de lectinas vegetais. In: XLIX Congresso Nacional de Botânica, 1998, Salvador. XLIX Congresso Nacional de Botânica. Salvador, 1998. p. 241.

  • GARROS-ROSA, I. ; MATOS, V. C. ; MILHOME, M. V. L. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; MOREIRA, R. A. . Estudo comparativo de galactomanana sequências de sementes de Schizolobium parahibum e Parkinsonia aculeata no isolamento de lectinas vegetais. In: XXXVIII Congresso Brasileiro de Química, 1998, São Luís. XXXVIII Congresso Brasileiro de Química. São Luis, 1998.

  • MATOS, V. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; MILHOME, M. V. L. ; MOREIRA, R. A. . Polissacarídeo endospérmico de Schizolobium parahibum, uso no isolamento de lectinas vegetais. In: XXXVIII Congresso Brasileiro de Química, 1998, São Luis. XXXVIII Congresso Brasileiro de Química. São Luis, 1998.

  • MATOS, V. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Goma Endospérmica de Delonix regia como Matriz para Cromatografia de Afinidade no Isolamento de Lectina de Artocarpus integrifolia, Artocarpus incisa e Abrus precartorius. In: XLVIII Congresso Nacional de Botânica, 1997, Crato. XLVIII Congresso Nacional de Botânica. Crato, 1997. p. 216.

  • GARROS-ROSA, I. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; MOREIRA, R. A. . Viabilização de um Modelo de Isolamento de Lectinas Utilizando Endosperma da Parkinsonia aculeata. In: XXXVII Congresso Brasileiro de Química, 1997, Natal. XXXVII Congresso Brasileiro de Química. Natal, 1997. p. 92-92.

  • BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Utilização de galactomananas de Parkinsonia aculeata como modelo cromatográfico para isolamento de lectinas. In: XVI Encontro Universário de Iniciação à Pesquisa, 1997, Fortaleza. XVI Encontro universário de Iniciação à Pesquisa. Fortaleza: Impressa Universitária, 1997.

  • TEIXEIRA, D. M. A. ; TAVARES, R. O. ; MATOS, V. C. ; GARROS-ROSA, I. ; BRAGA, R. C. . Utilização de Gomas Exsudadas vegetais na produção de matrizes cromatográficas para purificação de proteínas. In: XX Reunião Nordestina de Botânica, 1996, Natal. XX Reunião Nordestina de Botânica. Natal, 1996. p. 124.

  • BRAGA, R. C. ; TAVARES, R. O. ; MATOS, V. C. ; GARROS-ROSA, I. ; TEIXEIRA, D. M. A. . Gomas Endospérmicas de Adenanthera pavonina, Parquisonia aculeata e Delonix regia, como matrizes para cromatografia de afinidade de lectinas. In: XX Reunião Nordestina de Botânica, 1996, Natal. XX Reunião Nordestina de Botânica. Natal, 1996. p. 124-125.

  • BRAGA, R. C. ; TAVARES, R. O. ; MATOS, V. C. ; GARROS-ROSA, I. . Purificação de proteínas por Cromatografia de Afinidade Utilizando como Matriz Gomas Exsudadas Vegetais. In: XV Encontro Universitário de Iniciação à Pesquisa, 1996, Fortaleza. XV Encontro Universitário de Iniciação à Pesquisa. Fortaleza: Impressa Universitária, 1996.

  • BRAGA, R. C. ; SOUSA, K. F. ; BRASIL, N. S. ; ARAUJO, F. A. S. ; AQUINO, F. D. A. . Mostra Limoeirense de Projetos - Moslipro: A Extensão Estimulando a Pesquisa. Expressões da Extensão , 2018.

  • AQUINO, C. M. ; MOREIRA, L. F. ; MENDES, A. H. L. ; SANTOS, N. L. ; BRAGA, R. C. . Atividade Biológica em Frutos do Mamoeiro Carica papaya. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • NASCIMENTO, C. P. ; DANTAS, C. E. A. ; ALMEIDA, M. J. O. ; BRAGA, R. C. . Avaliação da Atividade Biológica e Composição Centesimal de Cotilédones de Sementes de Annona Squamosa L.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MENDES, A. ; BRAGA, R. C. . Carnamol:Carrapaticida Natural a Base de Moringa Oleifera. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • BATISTA, L. C. ; BRAGA, R. C. . Como Relacionar o Universo de Harry Potter no Ensino da Química?. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • BRAGA, R. C. ; ALMEIDA, M. R. ; CHAVES, M. J. L. . Polysaccharide from Caesalpinia Pulcherrima as thicker and stabilizer of the cashew juice. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; CHACON, L. S. S. ; CASTRO, L. A. A. . Sensory evaluation of ice cream with unconventional thickeners. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BALDUINO, L. S. S. ; COSTA, M. S. ; SILVA, I. P. M. ; BRAGA, R. C. . QUILIBRAS ? Sinais de uma Boa Reação. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • BRAGA, R. C. ; BALDUINO, L. S. S. ; SOUSA, G. K. ; COSTA, M. S. ; SILVA, I. P. M. . QUILIBRAS - Sinais de uma boa reação. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SOUSA, K. F. ; BRASIL, N. S. ; ARAUJO, F. A. S. ; AQUINO, F. D. A. ; BRAGA, R. C. . Mostra Limoeirense de Projetos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BATISTA, L. C. ; SOUSA, G. K. ; BRAGA, R. C. . A Química de Harry Potter. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CHAGAS, R. M. M. ; SILVA, P. F. C. ; BRAGA, R. C. . Elaboração de pizza sem glúten. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SILVA, M. E. T. ; CORREA, K. P. ; MOREIRA, L. F. ; SOUZA, J. P. C. ; BRAGA, R.C. ; COIMBRA, J. S. R. . Avaliação In Vitro do Efeito Antimicrobiano do Óleo Essencial de Origanum vulgare Frente à Staphylococcus aureus e Potencial Uso Como Conservante de Alimentos. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BRAGA, S. M. ; GOMES, M. D. ; BRAGA, R.C. ; BARCELOS, S. C. ; Teixeira-Sá, Daniele Maria Alves . Comparação de Sorvetes Utilizando Xiloglucana como Estabilizante e Gorduras de Diferentes Fontes. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SANTOS, N. L. ; SANTOS, D. V. ; SOUSA, P. R. R. ; MARTINS, J. R. P. ; PASSOS, A. A. C. ; BRAGA, R. C. . Ação Estabilizante de Polissacarídeo Natural em Suco Tropical de Limão (Citrus limon L.). 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BARRETO, J. J. S. ; MARTINS, J. R. P. ; CHAVES, M. J. L. ; BESERRA, R. O. ; BRAGA, R.C. . Análise físico química de farinhas sem glúten não convencionais. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SANTOS, N. L. ; SILVA, P. L. ; AQUINO, C. M. ; MOREIRA, L. F. ; BRAGA, R.C. . Atividade Biológica em Cotilédones de Sementes de Tamarindus indica. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, M. E. T. ; DANTAS, C. E. A. ; CORREA, K. P. ; ALMEIDA, M. J. O. ; NASCIMENTO, C. P. ; BRAGA, R.C. . Avaliação In Vitro do Efeito Antimicrobiano do Óleo Essencial de Cymbopogon Citratus Frente à Pseudomonas Aeruginosa e Potencial Uso como Conservante de Alimentos. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MARTINS, J. R. P. ; ALVES, L. M. V. ; ESTEVAM, M. S. ; SILVA, S. H. P. ; BRAGA, R. C. ; SANTOS, N. L. ; MOURA, S. M. de A. ; CHAVES, M. J. L. ; RIBEIRO, M. S. ; CHAGAS, R. M. M. . Uso de cinza de folhas de Azadirachta indica (CFN) como adsorente de Ferro(Fe2+) e Cobre (Cu2+). 2015. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • NORTE, M. I. J. ; SANTOS, A. S. ; SILVA, M. E. T. ; SANTOS, D. V. ; SOUSA, P. R. R. ; FREITAS, K. M. L. ; SILVA, R. F. B. ; MENDES, A. ; BAIER, P. A. S. ; BRAGA, R. C. . Análise Físico-Química de Pimentão 'Dahra' Revestido com Recobrimento Comestível. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • OLIVEIRA, B. F. ; MAIA, M. O. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. ; SANTOS, A. S. ; BANDEIRA, M. G. L. . Avaliação do Rendimento de Gelatina da Pele de Peixe. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MAIA, M. O. ; OLIVEIRA, B. F. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; MAIA, M. O. . Perfil Viscosimétrico de Gelatina de Tilápia do Nilo. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CHACON, L. S. S. ; LIMA, M. E. S. ; AGUIAR, R. A. C. ; ALVES, T. B. ; SANTOS, S. P. ; AZEVEDO, A. M. A. ; BRAGA, R. C. ; MORAES, G. M. D. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. . Sorvete Sabor Morango Utilizando Galactomanana de Flamboyanzinho (Caesalpinia pulcherrima) como Espessante em Comparação a Liga Neutra e Sorvetes sem Estabilizantes. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MORAIS, A. F. ; BRAGA, R. C. ; MUNIZ, D. L. . Biscoito sem Glúten Utilizando a Farinha da Carnaúba. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • LIMA, I. V. S. ; BRAGA, R. C. . Polissacarídeos como aditivo funcional em patês de pescado. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • BARRETO, J. J. S. ; BRAGA, R. C. ; PASSOS, A. A. C. ; CHAVES, M. J. L. ; MARTINS, J. R. P. . Elaboração de mousse utilizando galactomanana de adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • MAIA, M. O. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; DAMACENO, M. N. . Características sensoriais de fishburger elaborado com filé de tilápia do Nilo e espessante natural. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • MAIA, M. O. ; MAIA, M. O. ; SILVA, M. E. T. ; FARIAS, V. L. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Contagem de Coliformes a 45°C e de Staphylococcus aureus em Presunto de Peru Fatiado. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MAIA, M. O. ; SILVA, M. E. T. ; DAMACENO, M. N. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; SOARES, D. J. . Composição Centesimal de Almôndegas de Pescado com Espessante Natural. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MAIA, M. O. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; VASCONCELOS, A. S. E. ; BRAGA, R. C. ; SILVA, M. E. T. ; DAMACENO, M. N. . Extração e Avaliação Físico-Química de Gelatina de Pescado. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Gadêlha, P. C. ; SOUSA, M. de L. ; XAVIER, M. de S. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Análise Físico-Química de Queijo Coalho Revestido com Solução de Xiloglucana de Hymenena courbaril. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • ALVES, R. C. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; Gadêlha, P. C. ; SILVA, F. A. K. ; FREITAS, B. H. de . Avaliação Microbiológica do Queijo de Coalho Revestido com Galactomanana de Caesalpinia pulcherrima. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • LIMA, D. de A. ; SILVA, N. M. ; CHAVES, J. C. ; BRAGA, R. C. ; SANTOS, E. V. M. ; SILVA FILHO, H. A. . Avaliação da Influência da Sazonalidade Sobre a Qualidade Físico-Química de Água. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • LIMA, D. de A. ; SILVA, N. M. ; CHAVES, J. C. ; BRAGA, R. C. ; SANTOS, E. V. M. ; SILVA FILHO, H. A. . Otimização de Parâmetros Químicos na Coagulação/Floculação em Água de Abastecimento Humano. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • HOLANDA, D. G. de S. ; BARROS, M. J. da S. ; CHAVES, M. J. L. ; SANTOS, E. V. M. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Avaliação de Testes de Aplicação de Xiloglucanas como Biosorventes de Metais em Água. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • FRANCA, L. G. da ; CARMO, R. C. do ; CHAVES, M. J. L. ; SILVA FILHO, H. A. ; QUEIROZ, Z. F. ; BRAGA, R. C. . Teste de Utilização de Galactomananas como Biosorventes de Metais em Água. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • SILVA, F. A. K. ; ALVES, R. C. ; Gadêlha, P. C. ; DAMACENO, M. N. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. . QUEIJO DE COALHO REVESTIDO COM POLISSACARÍDEO DA SEMENTE DE CAESALPINIA PULCHERRIMA MUDANÇAS SENSORIAIS. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • HOLANDA, D. G. de S. ; CHAVES, M. J. L. ; RODRIGUES, E. A. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; BRAGA, R. C. . Testes de Utilização de Polissacarídeos de Carolina e Tamarindo como Biosorventes de Cobre em Água. 2010. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • FRANCA, L. G. da ; CARMO, R. C. do ; BARROS, M. J. da S. ; CHAVES, M. J. L. ; BRAGA, R. C. . Biossorção de Cobre (Cu) Utilizando Polissacarídeos de Flamboyanzinho e Jatobá. 2010. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • MARTINS, J. R. P. ; CHAVES, M. J. L. ; RODRIGUES, E. A. ; QUEIROZ, Z. F. ; BRAGA, R. C. . Biossorção De Cobre (Cu2+) A Partir Da Folha De Nim Calcinado. 2010. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. ; Beltramini. L. M. . Isolamento e Caracterização de proteínas de Interesse Biológico em Sementes de Caesalpinia pulcherrima Linn. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUSA, Jovelina Carvalho de ; BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Isolamento e Caracterização Parcial de um Inibidor de Serinoproteases Presente em Sementes de Caesalpinia pulcherrima. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUSA, J. C. de ; BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Isolamento e Caracterização Parcial de um Inibidor de Serinoproteases Presente em Sementes de Caesalpinia Pulcherrima.. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FIGUERÓ, S. D. ; MACÊDO, A. A. M. ; BRAGA, R. C. ; MELO, M. R. S. ; FREITAS, A. L. P. ; GÓES, J. C. ; SOMBRA, A. S. B. ; MOREIRA, R. A. . Composite od Algar Polysaccharide and Collagen preparation and Characterization. 2004. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BRAGA, R. C. ; SILVA, R. A. ; MOREIRA, R. A. . Studies of the Haemagglutinating of Caesalpinia pulcherrima seeds. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, R. A. ; RIBEIRO, A. F. ; BRAGA, R. C. ; SILVA, F. M. B. ; SALIS, C. R. ; TEIXEIRA, D. M. A. . Uso de Galactoxiloglucana no Isolamento de Lectinas. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SANTOS, E. C. M. ; BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Aplicação de Goma Endospérmica de Caesalpinia Pulcherrima como Matrizes de Afinidade para Isolamento de Lectinas Galactose-Ligantes. 2002. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Estudos de Interações da Especificidade de Lectinas Vegetais Utilizando Gomas Naturais. 2002. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • TEIXEIRA, D. M. A. ; TAVARES, R. O. ; MATOS, V. C. ; GARROS-ROSA, I. ; BRAGA, R. C. ; ALMEIDA-SILVA, L. M. A. ; SALIS, C. R. ; RIBEIRO, A. F. ; SILVA, R. A. ; MOREIRA, R. A. . Plant Polysaccharides as Matrices for the Isolation of Galactose Binding Lectins. 2002. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BRAGA, R. C. ; SILVA, R. A. ; SALIS, C. R. ; MOREIRA, R. A. . Specificity of Caesalpinia pulcherrima Galactomannan for Isolation of Alfa-D-Galactose-binding Lectins. 2002. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • ALMEIDA-SILVA, L. M. A. ; RIBEIRO, A. F. ; BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Studies of Caesalpinia pulcherrima endospermic gum during maturation. 2002. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BRAGA, R. C. ; LIMA, J. R. ; SILVA, F. M. B. ; HORTA, A. C. G. ; MOREIRA, R. A. . Biotechnological Application of Caesalpinia pulcherrima Endospermic Gum as Affinity Matrix for Isolation of Galactose-binding Lectins. 2001. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BRAGA, R. C. ; LIMA, R. S. N. ; MOREIRA, R. A. . Caesalpinia pulcherrima Endospermic gum. A New Matrix for the Isoaltion of Galactose-Binding Lectins. 2001. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MOREIRA, R. A. ; GARROS-ROSA, I. ; MATOS, V. C. ; TAVARES, R. O. ; MILHOME, M. V. L. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; REICHER, F. . The use of leguminous endospermic gums as Affinity Matrix for Isolation of Galactose-binding Lectins. 2000. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BRAGA, R. C. ; MILHOME, M. V. L. ; MATOS, V. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; GARROS-ROSA, I. ; TAVARES, R. O. . Estudo das Condições Adequadas para Obtenção de Matrizes Cromatogrficas para o Isolamento de Lectinas Utilizando Gomas de Sementes d Parkinsonia aculeata. 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MILHOME, M. V. L. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; MATOS, V. C. ; TAVARES, R. O. ; BRAGA, R. C. ; GARROS-ROSA, I. ; MOREIRA, R. A. . Determinação da Disponibilidade de Resíduos a-D-galactopiranosil na Estrutura Crosslink de Galactomananas de Schizolobium parahibum Usando Lectinas Vegetais. 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GARROS-ROSA, I. ; MATOS, V. C. ; MILHOME, M. V. L. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; MOREIRA, R. A. . Estudo Comparativo de Galactomananas Sequenciais de Sementes de Schizolobium parahybum e Parkinsonia. 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MATOS, V. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; MILHOME, M. V. L. ; MOREIRA, R. A. . Polissacarídeos Endospérmicos de Schizolobium parahybum. Uso no Isolamento de Lectinas Vegetais. 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MATOS, V. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; MILHOME, M. V. L. ; MOREIRA, R. A. . Goma Endospérmica de Schzolobium parahybum como Matriz Cromatográfica para o Isolamento de Lectinas Vegetais. 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MATOS, V. C. ; MATOS, E. C. ; GARROS-ROSA, I. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. . Otimização de um Método de Isolamento de Lectinas, Utilizando-se Gomas Vegetais Nativas como Matriz Cromatográfica de Afinidade. 1997. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MATOS, V. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Goma Endospérmica de Delonix regia como Matrix para Cromatografia de Afinidade no Isolamento de Lectina de Artocarpus integrifolia, Artocarpus incisa e Abrus precatorius. 1997. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Utilização de galactomananas de Parkinsonia aculeata como Modelo Cromatográfico para Isolamento de Lectinas. 1997. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GARROS-ROSA, I. ; BRAGA, R. C. ; TEIXEIRA, D. M. A. ; MOREIRA, R. A. . Viabilização de um Modelo de Isolamento de Lectinas Utilizando Endosperma da Parkinsonia aculeata. 1997. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BRAGA, R. C. ; MOREIRA, R. A. . Purificação de Proteínas por Cromatografia de Afinidade Utilizando como Matriz Gomas Exsudadas Vegetais. 1996. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • TEIXEIRA, D. M. A. ; TAVARES, R. O. ; MATOS, V. C. ; GARROS-ROSA, I. ; BRAGA, R. C. . Utilização de Gomas Exsudadas Vegetais na Produção de Matrizes Cromatográficas para Purificação de Proteínas. 1996. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BRAGA, R. C. ; TAVARES, R. O. ; MATOS, V. C. ; GARROS-ROSA, I. ; TEIXEIRA, D. M. A. . Gomas Endospérmicas de Adenanthera pavonina, parquisonia aculeata e Delonix regia, como Matrizes para Cromatografia de Afinidade de Lectinas. 1996. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

MARTINS, J. R. P. ; BRAGA, R. C. . Uso de Cizas de folhas de Azadirachta indica como adsorvente de metais tóxicos, Processo de Produção. 2011.

MARTINS, J. R. P. ; BRAGA, R. C. . Uso de Cinzas de folhas de Azadirachta indica como adsorventes de metais tóxicos, processo de produção de material adsorvente e método de adsorção. 2011.

BRAZ, H. L. B. ; BRAGA, R. C. . Cearense ganha medalha em Nova York com produto que combate gripe. 2016.

BRAZ, H. L. B. ; BRAGA, R. C. . Aluno ganha medalha por remédio contra gripe à base de acerola e caju. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

BRAGA, R. C. . Especial Mulher & Ciência: Entrevista com a pesquisadora Renata Chastinet Braga. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

BRAZ, H. L. B. ; BRAGA, R. C. ; MENDES, A. ; UCHOA, K. S. A. . Filho de Iracema aluno do IFCE-Limoeiro cria polpa de frutas antiviral e vence concurso em Nova York. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

BRAZ, H. L. B. ; MENDES, A. ; BRAGA, R. C. . Estudantes cruzam fronteiras. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

BRAZ, H. L. B. ; MENDES, A. ; BRAGA, R. C. ; UCHOA, K. S. A. . Alunos de Limoeiro apresentam pesquisa em Nova Iorque. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

BRAZ, H. L. B. ; BRAGA, R. C. . Estudante brasileiro é premiado em feira de ciências nos EUA. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

BRAZ, H. L. B. ; BRAGA, R. C. . Cearense é premiado em feira mundial nos EUA. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

BRAZ, H. L. B. ; BRAGA, R. C. . Jovem brasileiro se destaca em feira de ciências com pesquisa sobre antiviral natural. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

MARTINS, J. R. P. ; BRAGA, R. C. . Estudante produz sabonete de nim contra pulgas e carrapatos em cães. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

BRAGA, R. C. ; MARTINS, J. R. P. . Nim reduz dano causado por metais pesados. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

BRAGA, R. C. ; MARTINS, J. R. P. . Pesquisa em Limoeiro remove metais pesados da água. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

BRAGA, R. C. ; MARTINS, J. R. P. . Pesquisa em Limoeiro remove metais pesados. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

MARTINS, J. R. P. ; BRAGA, R. C. . Cinza de folha de Nim é eficaz na remoção de metais pesados. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

BRAGA, R. C. ; SANTOS, S. M. L. ; TEIXEIRA-SÁ, D. M. A. ; SILVA, M. S. . Mestrado em Tecnologia de Alimento - IFCE. 2017; Tema: Informativo do Programa de Pós Graduação em Tecnologia de Alimentos e assuntos da área. (Rede social).

BRAGA, R. C. . Química Avançada. 2017; Tema: Promoção de Livro e troca de assuntos de Química. (Rede social).

BRAGA, R. C. ; SILVA, A. R. ; SILVA, M. S. . Mestrado em Tecnologia de Alimentos. 2017; Tema: Página do Programa de Pós Graduação em Tecnologia de Alimentos do IFCE - Campus Limoeiro do Norte. (Site).

BRAGA, R. C. ; CAETANO, M. V. ; UCHOA, M. K. V. . Culinario del Nordeste Brasileño. Tradición y Sabor. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

BATISTA, L. C. ; BRAGA, R. C. . A química de Harry Potter. 2018. (Relatório de pesquisa).

BARRETO, J. J. S. ; BRAGA, R. C. . Polissacarídeos Vegetais: Aplicação em Néctar de Limão. 2018. (Relatório de pesquisa).

CHAGAS, R. M. M. ; BRAGA, R. C. ; SILVA, P. F. C. . Elaboração de pizza sem glúten. 2017. (Relatório de pesquisa).

BARRETO, J. J. S. ; BRAGA, R. C. . Biscoitos funcionais ? Do aproveitamento do resíduo a nutrição. 2017. (Relatório de pesquisa).

BATISTA, L. C. ; BRAGA, R. C. . Como Relacionar o Universo de Harry Potter no Ensino da Química?. 2017. (Relatório de pesquisa).

BRAGA, R.C. ; PASSOS, A. A. C. ; CHAVES, M. J. L. . Relatório de Prestação de Contas. 2016. (Relatório de pesquisa).

BRAGA, R. C. . Química no cotidiano. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

BRAGA, R. C. . Evolução e Ecologia. 2006. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Módulo de Curso a Distância).

BRAGA, R. C. . Genética e Reprodução. 2006. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Módulo de Curso a Distância).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - Atual

    Resgate de Sementes Crioulas no Vale do Jaguaribe Através da Produção de Alimentos, Descrição: O uso de sementes tradicionais ou crioulas é um passo importante para a diminuição de uso de agrotóxicos, aumento de produção e estímulo ao pequeno produtor, portanto este trabalho visa o cultivo destas sementes e utilização dos produtos cultivados na confecção de alimentos. O foco será o cultivo de sementes tradicionais de abóbora (Curcubita máxima) e milho (Zea mays) e preparação de produtos alimentícios. Será feito a composição química e nutricional das sementes e frutos utilizados, e serão preparadas receitas de produtos alimentícios. O trabalho deve envolver receitas da culinária tradicional (canjica, pamonha, doce de jerimum) e incluirá outras preparações envolvendo o foco em aspectos do valor nutricionais dos cultivados. Espera-se com este trabalho: realizar o cultivo de sementes tradicionais; fazer um estudo das características das sementes e tradicionais comparando com os comercialmente utilizados; realizar preparações de produtos alimentícios de milho e abóbora que sejam de fáceis de preparo e de alto valor nutricional promovendo entre pequenos produtores o cultivo de sementes crioulas e aproveitamento de sua produção.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Cleilson do Nascimento Uchôa - Integrante / Tatiana Regia Carneiro Matos - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2018 - Atual

    Revestimento bioativo de amido modificado em coco minimamente processado, Descrição: Com as mudanças socioculturais, o consumidor brasileiro deve aumentar o consumo de alimentos mais saudáveis. Assim novas pesquisas devem ser realizadas, a fim de aprimorar a utilização dos alimentos minimante processados. O coco, cultura típica de clima tropical, possui a polpa do fruto bastante nutritiva, rica em flavonoides, que é um composto antioxidante que pode combater diversas doenças, pode ser uma alternativa para o aumento do consumo de frutos minimamente processados, já que não há um consumo elevado do coco in natura, devido a difícil manipulação , assim como a rápida deterioração do produto devido a oxidação. Isto pode ser modificado com a realização da cobertura de amido modificado com nano partículas de quitosana na polpa minimante processada. O que poderá garantir a conservação das características do produto fresco, livre de contaminantes, com inibição das reações químicas como rancificação por conter valor elevado de lipídeo, e reações enzimáticas. (Edital 003 PRPI PIBIT/CNPQ 2018). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Maria do Socorro Rocha Bastos - Integrante / Fabia Costa - Integrante / Daniela Nogueira dos Santos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2017 - 2018

    A química de Harry Potter, Descrição: Um dos maiores problemas que os professores enfrentam para trabalhar com os estudantes é a falta de interesse e motivação. As disciplinas que envolvem o raciocínio lógico são ainda mais afetadas pela existência de dificuldades em conceitos básicos na base escolar. É necessário a utilização de contextos que venham a despertar o interesse dos alunos para o assunto. A saga Harry Potter e elementos de seu universo literário faz sucesso no público infanto-juvenil tanto nos livros como nos filmes. É um assunto que agrada, promove interação e discussão. O mundo de Harry Potter está envolto em feitiços, mágica e poções. Utilizar esses pontos para criar um olhar diferenciado para disciplina de Química é uma forma de passar por uma barreira essencial que leva ao aprendizado. O objetivo deste projeto é desenvolver aulas teóricas de química relacionadas ao mundo de Harry Potter. Espera-se como resultados aulas mais dinâmicas e atrativas, que promovam um melhor rendimento na disciplina de química.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Laianne Costa Batista - Integrante / Karlucy Farias de Sousa - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2017 - 2017

    Avaliação dos impactos causados na fisiologia de Moringa com o aumento da concentração de CO2, Descrição: O efeito estufa tende a aumentar com o passar dos anos, pois a população de seres humanos está aumentando a cada dia e a ação do homem em vários setores como na produção de alimentos, transportes, indústria entre outros vem causando sérios problemas ambientais. O principal gás responsável pelo efeito estufa é o gás carbônico(CO2), por isso um estudo simulando microclimas com altas concentrações de CO2 na germinação e crescimento de uma espécie vegetal é de extrema importância, pois possibilitará a criação de modelos matemáticos relacionando a mudança de clima à fisiologia vegetal e poderá ainda sugerir o desenvolvimento de variedades mais adaptadas capazes de absorver maiores quantidades de CO2 e diminuir o efeito estufa. Considerando que a Moringa (Moringa oleífera) é uma planta bem adaptada ao Brasil, de curto ciclo, que apresenta diversas atividades biológicas, e que encontra apoio na sua disseminação na ONU para alimentação humana o objetivo geral desse trabalho é avaliar a influência da alta concentração de CO2 na germinação de sementes e na composição química de plantas de Moringa e identificar mudanças fisiológicas que possam sugerir como adaptar melhor a espécie. Temos como resultado esperado verificar modificações na fisiologia vegetal, identificação de proteínas ligadas ao desenvolvimento em presença de CO2 e iniciar o melhoramento genético da planta para absorver maiores quantidades de gás carbônico.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Adriana Mendes - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2017 - 2017

    Como relacionar o universo de Harry Potter no ensino de Química?, Descrição: Um dos maiores problemas que os professores enfrentam para trabalhar com os estudantes é a falta de interesse e motivação. As disciplinas que envolvem o raciocínio lógico são ainda mais afetadas pela existência de dificuldades em conceitos básicos na base escolar. É necessário a utilização de contextos que venham a desperta para o assunto. A saga de Harry Potter e componentes de seu mundo faz sucesso no público infanto-juvenil tanto nos livros como nos filmes. É um assunto que agrada, promove interação e discussão. O mundo de Harry Potter está envolto em feitiços, mágica e porções. Utilizar esses pontos para criar um olhar diferenciado para disciplina de Química é uma forma de passar por uma barreira essencial que leva ao aprendizado. O objetivo deste projeto é desenvolver aula e experimentos de química relacionadas a o mundo do Harry Potter. Aplicar o material produzido em uma turma de ensino médio e testar a aceitação e aprendizagem.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Laianne Costa Batista - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2017 - Atual

    Escola de Magia Alimentar (EMA), Descrição: A EMA é uma proposta pedagógica interdisciplinar, com elementos regionais, inovadora no campo da Educação Profissional no Ensino Superior e adotada pela maioria dos professores do Curso de Tecnologia em Alimentos do IFCE Campus Limoeiro do Norte, cujo objetivo é dinamizar os primeiros semestres do curso e despertar o interesse dos estudantes para o aprendizado. Todos os alunos de Tecnologia em Alimentos participam da Escola de Magia Alimentar, tendo em vista que conta como pontuação ao longo do semestre letivo, além de ser uma forma de desenvolvimento de sua formação ética, profissional e de melhorar o trabalho em equipe. Portanto, todos os alunos participam da Cerimônia da Poção Seletora, sendo selecionados para cada uma das quatro tribos (Moon, Sand, Sky e Sun), não podendo haver troca de tribos. Com a EMA, esperamos a) promover a integração com o curso e com a instituição; b) dinamizar a aprendizagem, deixando-a colaborativa e empática; e c) facilitar a integração entre os estudantes.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Mayara Salgado Silva - Integrante / Séfura Maria Assis Moura - Integrante / Laianne Costa Batista - Integrante / Karlucy Farias de Sousa - Coordenador / Felipe Sousa da Silva - Integrante / Geane Kelly de Sousa - Integrante / Clauberto Cálio Sousa Mendes - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Pratos típicos como elemento de educação alimentar na preservação e intercâmbio de tradições alimentares, Descrição: A alimentação é uma condição para sobrevivência de animais e seres humanos e essa necessidade biológica está relacionada a hábitos socioculturais desenvolvidos pelas comunidades. Esses hábitos são característicos de povos e são importantes para manter a identidade cultural de cada país, região e comunidade. As mudanças nos hábitos alimentares da população por conta da rotina de excesso de trabalho impõem uma maior praticidade na alimentação, o que promoveu um aumento do consumo de fast food e a redução na preparação de alimentos mais regionais. Este projeto tem por principal objetivo realizar atividades de reeducação alimentar de crianças, baseando-se em alimentos regionais e promover a capacitação de estudantes de tecnologia de alimentos, bacharelado em nutrição e de tecnologia em gastronomia.. Além do fortalecimento da alimentação regional, este trabalho propõe o intercâmbio de comidas típicas dos países envolvidos no projeto como forma de fortalecer laços e apresentar às crianças outra realidade cultural. O projeto será dividido em etapas, nas quais serão trabalhadas crianças do Ensino Fundamental: será feita a avaliação nutricional e atividades lúdicas remetendo a hábitos de alimentação saudável e alimentos típicos da Região Nordeste. Uma vez fundamentada a ação, membros da equipe viajarão até o Chile para intercâmbio de experiências e teste das atividades com estudantes chilenos. Após a estada no país, os membros da equipe apresentarão aos pais e estudantes brasileiros um pouco da cultura e gastronomia chilena. Como resultados deste projeto, espera-se melhorar a alimentação das crianças envolvidas nele, fomentar um núcleo de segurança alimentar e promover o intercâmbio cultural entre Brasil e Chile.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Jânia Maria Augusta da Silva - Integrante / Virna Luiza de Farias - Integrante / Jéssica Janine Sousa Barreto - Integrante / Gerla Castello Branco Chinelate - Integrante / Josicléia Vieira de Abreu - Integrante / Jürguen Alfred Baier Saip - Integrante / Graziella Iara Silva - Integrante / Maria Vanuza Caetano - Integrante / Susana Martínez Litvak - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2016 - 2017

    Elaboração de pizza sem glúten (Edital Nº 01/2016), Descrição: A doença celíaca é caracterizada como sendo a não digestibilidade, no intestino delgado, do glúten, fração proteica, presente em trigo, cevada e centeio. Por essa razão, busca-se o desenvolvimento de um produto que atenda aos portadores da doença celíaca. A pizza é um alimento altamente consumido, porém não é apropriada para os celíacos. Este estudo tem como objetivo desenvolver uma fórmula de pizza que pudesse ser consumida por pessoas celíacas. A preparação da massa deve contar com farinhas sem glúten e será utilizada a farinha de arroz e a farinha de batata doce. A farinha de arroz apresenta baixo valor comercial e é produzida sem nenhum processo químico e a farinha de batata doce que além não conter glúten apresenta propriedades nutricionais interessantes. O processo de obtenção das farinhas foi realizado com equipamentos caseiros para facilitar a produção por doentes celíacos. A farinha de arroz será preparada triturando os grãos no liquidificador e a farinha de batata será obtida da seguinte maneira: os tubérculos serão lavados, secos, cortados, ralados, e levados ao forno para secagem, sendo em seguida triturados. A massa da pizza será feita adaptando receitas de massas tradicionais de forma que a consistência da massa fique semelhante, os recheios serão feitos semelhante aos tradicionais, evitando alimentos que contém glúten. Após o preparo serão feitas análises físico-química para se obter o teor de proteínas, umidade, carboidratos, sólidos solúveis totais, sólidos insolúveis em água, lipídios, fibras alimentares e sódio. Será feita a avaliação microbiológica e análise sensorial de aceitação. Espera-se obter um produto livre de glúten com alta aceitação e fácil preparo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2016 - 2017

    Carnamol:Carrapaticida Natural a Base de Moringa Oleifera, Descrição: Utilização de extrato natural de Moringa Oleifera para elaboração de um sabonete carapaticida. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Adriana Mendes - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2015 - 2016

    Determinação do Potencial Adsortivo da CFN (EDITAL Nº 03/2015 - PRPI), Descrição: adsorção é umas das técnicas que se destaca no tratamento de efluentes de indústria têxtil. Devido ao alto custo de alguns adsorventes convencionais, pesquisas vêm sendo direcionadas para o uso de adsorventes biológicos. O presente trabalho objetivou a aplicação da Cinza da Folha de Nim, no tratamento de efluentes.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Jéssica Roberta Pereira Martins - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2015 - 2016

    Efeito Estufa: Uma Simulação na Germinação de Plantas, Descrição: O efeito estufa tende a aumentar com o passar dos anos, pois a população de seres humanos está aumentando a cada dia e a ação do homem para a produção de alimento trabalhando na agricultura vem causando sérios problemas ambientais. devido aoO desmatamento das áreas para a plantação de plantas economicamente cultivadas e/ou, a criação de animais para o abate produzindo carnes e produtos derivados e/ou produção de leite são fatores que aumentam o efeito estufa. Esse tipo de ação do homem consequentementeIsso já causa e continuará causando acarretará fortes impactos ambientais. E o aumento do aquecimento global nos próximos tempos, pois a alta concentração de gases como o CO2 intensificará ainda mais o aumento da temperatura do ambiente levando a ocorrência de um fenômeno chamado aquecimento global do planeta, dessa forma podendo causar danos aos seres vivos, principalmente aos vegetais. Diante dessa visão, é de extrema importância que haja estudos simulando o efeito estufa que poderá vir acontecer nos próximos anos e observando como isso afetaria a vegetação. Um dos pontos iniciais de estudo é o efeito do CO2 na germinação. Estudando a germinação de sementes e a composição química dos vegetais submetidos a essas condições com alta concentração de CO2, e pode-se obter respostas sobre a adaptação das mesmas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Letícia Maria Viana Alves - Integrante / Adriana Mendes - Integrante / Keline Souza Albuquerque Uchoa - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2014 - 2016

    Revestimento comestíveis em Pimentão (EDITAL Nº 01/2015 - PRPI), Descrição: O consumo de frutas, hortaliças e seus derivados cresce continuamente no mundo, principalmente porque é associado a uma alimentação saudável, e as frutas são uma fonte de vitaminas, flavonóides e muitos outros compostos de interesse biológico. Um problema enfrentado pelos produtores e consumidores é o fato destes materiais serem perecíveis e não estão disponíveis "in natura" por períodos prolongados. Uma forma de aumentar o tempo de vida útil, fazendo com que elas retenham as suas propriedades naturais, é o uso de revestimentos. Os principais constituintes dos revestimentos comestíveis são carboidratos, proteínas ou lipídios. Neste projeto, o objetivo é desenvolver revestimentos comestíveis com compostos naturais e aplicar em pimentão. A fim de avaliar o revestimento comestível vamos testar as propriedades físico-químicas deste fruto com e sem o revestimento. Espera-se que os revestimentos sejam capazes de manter e melhorar as propriedades.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Pahlevi Augusto de Souza - Integrante / Cleilson do Nascimento Uchôa - Integrante., Financiador(es): Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 3

  • 2014 - 2015

    Polissacarídeos como aditivo funcional em patês de pescado (EDITAL Nº 02/2014 - PRPI), Descrição: Os alimentos funcionais estão cada vez mais presentes no cotidiano, procurados pela população por apresentarem características benéficas a saúde sem perder o aspecto de alimento comum. Uma característica funcional procurada em diversos alimentos é o alto teor de fibras. O Ceará dispõe de grande quantidade de polissacarídeos vegetais que são macromoléculas atóxicas consideradas fibras alimentares. Muitas destas são obtidas de sementes. É uma matéria prima renovável, de fácil obtenção, baixo custo e pouco explorada. A adição destes polissacarídeos a alimentos processados promove a característica funcional do mesmo. O peixe é um alimento com alto teor de proteínas e fácil digestibilidade. O aumento do teor de fibras em derivados de pescado é uma alternativa para aliar a um alimento saudável uma característica funcional. A meta deste trabalho é a formulação de patê de pescado enriquecido com polissacarídeo de sementes. Serão testadas as características físico-química, microbiológicas e sensoriais do produto. O resultado esperado é um produto com boas propriedades físico química, microbiológicas, ótima qualidade e excelente aceitação pelos provadores.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2013 - 2016

    Revestimento comestível para pedúnculo de caju - EDITAL Nº 001/2014-PRPI, Descrição: O caju é um fruto típico do nordeste do Brasil, onde apresenta 92% do mercado. O fruto do cajueiro é a castanha que tem grande valor comercial mas o seu pedúnculo é muitas vezes desperdiçado pois seu tempo de vida a temperatura ambiente é de 48 horas. Revestimentos comestíveis são uma alternativa para preservar o esse pseudofruto, tornando o fruto in natura disponível e facilitando sua utilização para outros produtos. A carnaúba é uma árvore típica da região nordeste e sua cera é um polímero de árvore típica da região que já é empregado como revestimento. O aproveitamento da cera resíduo obtida do processo de beneficiamento da cera preta obtido da produção da cera de carnaúba é uma alternativa de interesse econômico para aproveitamento de um produto de pouco valor comercial e melhoramento do tempo de vida de prateleira de um fruto típico do nordeste.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira - Integrante / Pahlevi Augusto de Souza - Integrante / Joseane Lima Muniz - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2013 - 2016

    Ação Sinergética de Antiviral Natural, Descrição: Atualmente a gripe é diagnosticada como uma doença que não tem cura, pois apresenta um vírus específico de alta taxa mutagênica, o vírus Influenza. Devido a isso, surge à necessidade de produzir novos medicamentos que possam atuar no controle de sintomas e de inibidores das proteínas de superfície do vírus. Fármacos utilizados hoje em dia para o tratamento da gripe mostram uma pequena taxa de resposta contra os sintomas e geram efeitos colaterais que se tornam mais agressivo que a própria doença. O objetivo deste trabalho foi produzir um antiviral que apresentasse uma alta taxa de resposta contra os efeitos da gripe e verificar sua capacidade na modificação estrutural do vírus.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Helyson Lucas Bezerra Braz - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - 2015

    Subprodutos da indústria de alimentos como fontes de fibras em biscoitos - Chamada MEC/SETEC/CNPq N º 94/2013, Descrição: Nos últimos anos com o desenvolvimento da indústria e os avanços na tecnologia de alimentos, tem-se lançado diariamente novos produtos com características funcionais para atender as exigências do consumidor. Um dos produtos bastante visados são aqueles enriquecidos com fibras, que dependendo de sua natureza podem ser classificado como solúveis e insolúveis. Estas têm diversos efeitos positivos nos alimentos, podendo contribuir de forma significativa na prevenção de doenças. Neste projeto, um biscoito rico em fibras é proposto. Os biscoitos são alimentos que tem grande aceitação pelo público sendo consumidos em todas as faixas etárias. A preparação de um biscoito com características funcionais é de interesse da população. Além da preparação de um alimento funcional este trabalho visa o aproveitamento de resíduos da indústria de alimentos, pois serão utilizadas sementes de tamarindo (Tamarindus indica) como fonte de fibra solúvel e o bagaço de caju (Anacardium occidentale) e de acerola (Malpighia glabra) como fonte de fibra insolúvel. Portanto serão utilizados subprodutos da indústria de alimentos para preparação de um biscoito com características funcionais, onde suas propriedades físico-químicas e microbiológicas serão avaliadas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 2

  • 2013 - 2014

    Atividade hemaglutinante e anticoagulante de cotilédones de flamboianzinho - EDITAL Nº 010/2013-PRPI ? PIBIC CNPq, FUNCAP e IFCE, Descrição: Caesalpinia pulcherrima é uma árvore de pequeno porte conhecida como flamboianzinho, flaboiant mirim, barba de barata ou brado de estudante. É uma árvore amplamente utilizada na medicina popular em diversos países apresentando propriedades emenagogas, anti-hemorrágicas, abortivas, no tratamento de infecções entre outras. Muitos estudos foram realizados utilizando as mais diversas partes da planta (tronco, raízes, caule e partes aéreas), porém pouco se trabalhou com a semente. Os estudos de semente de C. pulcherrima foram concentrados nos polissacarídeos de endosperma desta semente. Considerando que sementes de leguminosas são importantes fontes de proteínas neste trabalho será realizado estudos de extração e quantificação de proteínas de cotilédones de semente de C. pulcherrima realizando ensaios de atividade hemaglutinante e anticoagulante para identificar proteínas de interesse biológico: inibidores de preoteases e lectinas, respectivamente.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2013 - 2014

    Subprodutos da indústria de alimentos como fontes de fibras em biscoitos - EDITAL Nº 009/2013-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: Nos últimos anos com o desenvolvimento da indústria e os avanços na tecnologia de alimentos, tem-se lançado diariamente novos produtos com características funcionais para atender as exigências do consumidor. Um dos produtos bastante visados são aqueles enriquecidos com fibras, que dependendo de sua natureza podem ser classificado como solúveis e insolúveis. Estas têm diversos efeitos positivos nos alimentos, podendo contribuir de forma significativa na prevenção de doenças. Neste projeto, um biscoito rico em fibras é proposto. Os biscoitos são alimentos que tem grande aceitação pelo público sendo consumidos em todas as faixas etárias. A preparação de um biscoito com características funcionais é de interesse da população. Além da preparação de um alimento funcional este trabalho visa o aproveitamento de resíduos da indústria de alimentos, pois serão utilizadas sementes de tamarindo (Tamarindus indica) como fonte de fibra solúvel e o bagaço de caju (Anacardium occidentale) como fonte de fibra insolúvel. Portanto serão utilizados subprodutos da indústria de alimentos para preparação de um biscoito com características funcionais, onde suas propriedades físico-químicas e microbiológicas serão avaliadas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2013 - 2014

    Utilização de Polissacarídeos como Biofilmes no Revestimento de Frutos, Descrição: A flora Cearense apresenta uma grande disponibilidade de recursos ainda muito pouco utilizados. Sementes de plantas resistentes ao semiárido não são aproveitadas. A possibilidade de desenvolver pesquisa utilizando matéria prima vegetal da região é de grande interesse. Um projeto envolvendo utilização de polissacarídeos vegetais no revestimento de frutos seria de interesse para estudantes da região. Considerando o potencial das plantas da região (Teixeira et al, 2007) e a carência de estudos com polissacarídeos vegetais, neste projeto é sugerido o estudo de polissacarídeos de sementes de A. pavonina como revestimentos comestíveis de frutos. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Pahlevi Augusto de Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2013 - 2014

    Uso de Revestimento Comestível no Pedúnculo do Caju Pós Colheita, Descrição: O cultivo do cajueiro e seu beneficiamento faz parte das atividades agroindustriais desenvolvidas no estado do Ceará, sendo este, juntamente com o Piauí e o Rio Grande do Norte, detentores de 92% da produção do país. (GUANZIROL et. al. 2009). Grandes segmentos populacionais do Nordeste brasileiro têm no caju importante fonte de recursos, sendo para muitos municípios a principal cultura geradora de divisas. Porém, somente pequena quantidade é aproveitada para o consumo in natura e industrialmente, sendo a maior parte desperdiçada no próprio campo (MENEZES e ALVES, 1995). Uma solução para amenizar as perdas pós colheita do pedúnculo do caju envolve, entre outras alternativas, o uso de películas comestíveis a base de biopolímeros naturais. Diante deste contexto o projeto visa trabalhar com a produção do revestimento e com a aplicação deste no pedúnculo do caju pós colheita.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Pahlevi Augusto de Souza - Integrante., Número de orientações: 2

  • 2012 - 2015

    Elaboração de Sorvetes Utilizando Polissacarídeos de Plantas Encontradas no Estado do Ceará como Substituto aos Estabilizantes Convencionais, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 20/02/2018., Descrição: Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo 0,2 % de galactomananas de Caesalpinia pulcherrima e xiloglucanas de Tamarindus indica no intuito de substituir os estabilizantes convencionais present es no sorvete. Como controle serão utilizadas as gomas guar (galactomanana) e xantana (polissacarídeo produzidos por bactérias do gênero Xantomonas) que são estabilizantes utilizado s na indústria de alimentos e vendidos comercialmente.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Karina Maria Olbrich dos Santos - Integrante / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante., Financiador(es): Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2012 - 2014

    Análises microbiológicas e sensoriais em sucos de frutas tropicais modificados com polissacarídeos naturais(EDITAL Nº 029/2012-PRPI ? PRÓ-INFRA/IFCE), Descrição: A indústria de alimentos apresenta o uso de polissacarídeos naturais originários de plantas. Estes polissacarídeos apresentam propriedades espessantes, estalizantes e geleificantes em pequenas concentrações, conferindo propriedades físico-químicas interessantes aos produtos. Os principais polissacarídeos comercialmente utilizados são as gomas guar (Cyamopsis tetragonolobus), carob (Ceratiba siliqua), tara (Caesalpinia spinosa) e arábica (Acácia Senegal) (Garros-Rosa et al, 2006). O nordeste brasileiro apresenta uma flora com sementes ricas em polissacarídeos ainda não explorados na indústria alimentícia, analisando isso e o crescimento da indústria de sucos de frutas tropicais no país, este trabalho visa à utilização de polissacarídeos de sementes de Caesalpinia pulcherrima e Tamarindus indica em sucos tropicais com função espessante e nutricional, e a avaliação da sua qualidade através de análises microbiológicas e sensoriais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Jeanny da SIlva Maciel - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Francisca Andréa Kércia Silva - Integrante / Maria Izamara Jesus Norte - Integrante / Germana Conrado de Souza - Integrante / Gabryela Silva Bezerra - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2012 - 2013

    Biscoitos enriquecidos com Galactomananas de sementes de Carolina (Adenanthera pavonina) EDITAL Nº 018/2012-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: Os polissacarídeos desta sementes podem constituir ainda um alimento funcional por serem considerados fonte de fibras alimentares. O mercado tem dado ênfase a produtos ricos neste constituinte, por desenvolverem funções importantes na saúde. Neste trabalho a farinha de endosperma de sementes de A. pavonina constituiria uma nova fonte de alimentos, sendo adicionada a biscoitos e conferindo a eles propriedades funcionais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Francisca Andréa Kércia Silva - Integrante / Germana Conrado de Souza - Integrante / Gabryela Silva Bezerra - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2

  • 2012 - 2013

    Aproveitamento de Cinzas Folhas de Nim (Azadirachta indica) como Adsorvente de Corantes Industriais(EDITAL Nº 019/2012-PRPI ? PIBIC CNPq, FUNCAP e IFCE), Descrição: Águas residuais coloridas são fonte significativa de poluição. São geradas por um grande número de indústrias, particularmente os efluentes lançados de processos de tingimento têxtil. A adsorção é uma das técnicas que tem sido empregada com sucesso para uma remoção efetiva da cor. Porém, a eficiência do processo de adsorção depende da escolha de um adsorvente apropriado (IMMICH, 2006). Muitos materiais alternativos são testados como adsorventes para observar sua eficácia, considerando o aproveitamento de material vegetal originalmente descartado. A Azadirathta indica é uma árvore bem difundida no estado por apresentar uma folhagem que fornece excelente sombra e possuir uma ação inseticida. Suas folhas apresentam rápido crescimento em ambientes com bastante luz, fazendo necessária um poda contínua da planta. As folhas obtidas da poda são descartadas. Trabalhos de Bhattacharyya & Sharma, (2004 e 2005) utilizaram folhas de Nim maceradas para a remoção de corantes. Considerando o descarte de folhas de Nim e seu potencial, este trabalho visa a utilização de folhas de Azadirathta indica (Nim) calcinadas como adsorvente de corantes.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira - Integrante / Zilvanir Fernandes de Queiroz - Integrante / Hosineide da Silva Rolim - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Jéssica Roberta Pereira Martins - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2012 - Atual

    Biopolímeros Aplicados a Alimentos, Descrição: Utilização de Polissacarídeos, Lipídeos e proteínas para conservação e elaboração de alimentos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (5) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Pahlevi Augusto de Souza - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2011 - 2012

    Remoção e recuperação de metais tóxicos utilizando polissacarídeos naturais (EDITAL Nº 002/2011-PRPI - PIBIC/IFCE/CNPq), Descrição: A maioria dos problemas ambientais pode ser visto como uma conseqüência direta ou indireta da poluição resultante das necessidades humanas, especialmente gerando grandes quantidades de resíduos industriais urbanos. A industrialização dos últimos 50 anos promoveu uma grande quantidade de elementos dispersos no ambiente, especialmente metais. Os metais tóxicos apresentam um maior risco em termos de poluição por serem nocivos mesmo em pequenas quantidades. Diversos materiais biológicos estão sendo testados como adsorventes de metais. O Ceará dispõe de grande quantidade de polissacarídeos vegetais que podem ser modificados para sua utilização como biosorventes. Estes polissacarídeos são poucos explorados e são de fontes renováveis, sugerindo um material que alia a exploração de uma nova matéria prima a sustentabilidade. Outro ponto de interesse é o destino dos adsorventes e metais tóxicos removidos do meio ambiente. Os trabalhos com adsorventes não explicam o destino dado aos adsorventes ou metais adsorvidos, portanto este projeto foca em dois pontos, a utilização de polissacarídeos naturais modificados como adsorventes de metais tóxicos e a recuperação destes metais a partir dos adsorventes.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Heraldo Antunes Silva Filho - Integrante / Elivânia Vasconcelos Moraes dos Santos - Integrante / Zilvanir Fernandes de Queiroz - Integrante / Hosineide da Silva Rolim - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2011 - 2012

    Análises microbiológicas e sensoriais em sucos de frutas tropicais modificados com polissacarídeos naturais (EDITAL Nº 004/2011-PRPI - PIBICT/FUNCAP), Descrição: A indústria de alimentos apresenta o uso de polissacarídeos naturais originários de plantas. Estes polissacarídeos apresentam propriedades espessantes, estalizantes e geleificantes em pequenas concentrações, conferindo propriedades físico-químicas interessantes aos produtos. Os principais polissacarídeos comercialmente utilizados são as gomas guar (Cyamopsis tetragonolobus), carob (Ceratiba siliqua), tara (Caesalpinia spinosa) e arábica (Acácia Senegal) (Garros-Rosa et al, 2006). O nordeste brasileiro apresenta uma flora com sementes ricas em polissacarídeos ainda não explorados na indústria alimentícia, analisando isso e o crescimento da indústria de sucos de frutas tropicais no país, este trabalho visa à utilização de polissacarídeos de sementes de Caesalpinia pulcherrima e Tamarindus indica em sucos tropicais com função espessante e nutricional, e a avaliação da sua qualidade através de análises microbiológicas e sensoriais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Pahlevi Augusto de Souza - Integrante / Germana Conrado de Souza - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2011 - 2012

    Galactomananas do Vale do Jaguaribe, novos espessantes para sucos tropicais (EDITAL Nº 001/2011-PRPI), Descrição: O Brasil como destacado produtor mundial de frutas frescas, luta em várias frentes para expandir o incipiente mercado de sucos tropicais, consciente do potencial econômico que encerra e, da importância que tem esse mercado para o desenvolvimento da própria fruticultura nacional (Maia et al, 2001). Sucos de frutas são consumidos e apreciados em todo o mundo, não só pelo seu sabor mas, também, por serem fontes de minerais e vitaminas (Morgano et al 1999). Processos que envolvam o melhoramento na qualidade do suco processado, promovem o desenvolvimento da indústria de processamento de alimentos. Galactomananas são polissacarídeos bastante usados na indústria como agentes espessantes, estabilizantes e geleificantes, no entanto as galactomananas de sementes de fontes não convencionais ainda são pouco apreciadas. Utilizar galactomananas de sementes típicas do nordeste brasileiro para o melhoramento de sucos tropicais abre um campo de aplicação para esses polissacarídeos além de agregarem valor ao produto alimentício formado. Portanto, este projeto propõem a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina e Caesalpinia pulcherrima como espessantes de sucos de frutas tropicais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Pahlevi Augusto de Souza - Integrante / Germana Conrado de Souza - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2011 - 2012

    Elaboração de derivados de pescado com galactomananas da espécie Caesalpinia pulcherrima (EDITAL Nº 001/2011- PRPI), Descrição: Desenvolver tecnologia para elaboração de derivados de pescado a base de tilápia (Oreochromis niloticus) utilizando gomas de semestes nativas da espécie Caesalpinia pulcherrima, como ingrediente funcional (estabilizante e fibra solúvel) em substituição aos hidrocolóides utilizados comercialmente. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira - Integrante / Elda Fontinele Tahim - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2010 - 2012

    Isolamento e Aplicação de Polissacarídeos Naturais, Descrição: Os polissacarídeos naturais são substâncias que vem sendo crescentemente utilizadas na indústria devido à sua capacidade de modificar as propriedades de sistemas aquosos, mesmo em pequenas concentrações.O Ceará possui grande diversidade e disponibilidade de polissacarídeos naturais. Então a proposta é o uso de polissacarídeos vegetais em diversas área.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (15) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Jeanny Maciel - Integrante / Heraldo Antunes Silva Filho - Integrante / Elivânia Vasconcelos Moraes dos Santos - Integrante / Pahlevi Augusto de Souza - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante., Financiador(es): Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2010 - 2012

    Avaliação do Desempenho de Três Configurações de Sistemas Anaeróbios de Tratamento de Esgotos Para Uso Unifamiliar, Descrição: Quando não existe rede coletiva pode-se aplicar sistemas unifamiliares para o tratamento de esgotos no local de geração, sendo o sistema de tanque séptico mais usualmente utilizado. Esse sistema já tem mais de cem anos de uso e seu projeto não mudou significativamente desde a sua concepção. A falha fundamental é que o esgoto passa em direção horizontal sobre a camada de lodo que se forma no fundo, de modo que o contato não é efetivo. Nesse caso só se remove a fração sedimentável, atingindo apenas nível primário de tratamento de esgotos. Em contraste, em reatores de manta de lodo com fluxo ascendente, o esgoto passa em direção ascensional através da camada de lodo e por isso há a remoção também do material não sedimentável, atingindo satisfatoriamente nível secundário de tratamento. Este projeto de pesquisa visa primordialmente propor novas configurações mantendo o princípio básico de reatores anaeróbios de manta de lodo, isto é, fluxo ascendente, leito de lodo, manta de lodo além de separação das fases sólida, líquida e gasosa para o tratamento de esgotos provenientes de unidades unifamiliares.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Heraldo Antunes Silva Filho - Coordenador / Elivânia Vasconcelos Moraes dos Santos - Integrante / Hosineide da Silva Rolim - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.

  • 2010 - 2012

    Determinação de Condições Químicas Ideais Visando à Melhoria do Tratamento da Água que Abastece Limoeiro do Norte, Ceará, Descrição: A qualidade da água de abastecimento humano deve estar em conformidade com os padrões de potabilidade exigidos pela Portaria no518 do Ministério da Saúde. Esses padrões estabelecem limites máximos permissíveis tanto de aceitação humana, quanto referentes à saúde da população. O desenvolvimento desse projeto de pesquisa busca soluções aos problemas com a qualidade da água, enfrentados pela Estação de Tratamento de Água (ETA) da cidade de Limoeiro do Norte, Ceará. Com esse propósito, serão realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e conseqüentemente uma caracterização da situação atual da ETA, que de acordo com relatos da população abastecida, vem encontrando-se visualmente inadequada. Os principais problemas apontados pelos consumidores da água de Limoeiro do Norte referem-se à cor e turbidez. Na pesquisa, os principais parâmetros a serem avaliados serão: cor, turbidez, pH e cloro, além de indicadores de contaminação fecal (coliformes). Em função disto propõe-se estudar condições químicas como adição de coagulante, pH mais adequado e dosagem mais eficaz para a satisfatória remoção dos parâmetros citados buscando atender às exigências legais (BRASIL, 2004).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Heraldo Antunes Silva Filho - Integrante / Elivânia Vasconcelos Moraes dos Santos - Coordenador / Hosineide da Silva Rolim - Integrante / Jarbas Rodrigues Chaves - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.

  • 2010 - 2011

    Aplicação de polissacarídeos como espessante/estabilizantes em sucos de frutas tropicais (EDITAL PIBICT/FUNCAP Nº 03/2010-PRPI), Descrição: Os polissacarídeos naturais são fontes renováveis de ampla utilização. Em alimentos, estes polissacarídeos podem funcionar como estabilizantes, geleificantes e espessantes. Diversas plantas do semi-árido apresentam sementes ricas em galactomananas e xiloglucanas. Estes polissacarídeos são de fácil obtenção apresentam alta viscosidade e características espessantes. Em alimentos, os espessantes são substâncias capazes de aumentar a viscosidade de soluções emulsões e de suspensões enquanto estabilizantes são substâncias que evitam a perda das características físicas das emulsões e suspensões. Considerando a grande disponibilidade e diversidade de polissacarídeos naturais e seu baixo custo, este projeto visa à obtenção de galactomananas e xiloglucanas de sementes de plantas nativas, sua utilização e avaliação em sucos tropicais como espessante e estabilizante.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Pahlevi Augusto de Souza - Integrante., Financiador(es): Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2010 - 2011

    Aplicação de galactomananas como espessantes/estabilizantes em sucos de frutas tropicais(EDITAL PIBIC Jr - Nº 02/2010-PRPI), Descrição: Os polissacarídeos naturais são fontes renováveis de uma matéria prima de ampla utilização. Em alimentos, estes polissacarídeos podem funcionar como estabilizantes, geleificantes e espessantes. Diversas plantas do semi-árido apresentam sementes ricas em galactomananas. Estes polissacarídeos são de fácil obtenção e a apresentam alta viscosidade e características espessantes. Em alimentos os espessantes são substâncias capazes de aumentar a viscosidade de soluções emulsões e de suspensões enquanto estabilizantes são substâncias que evitam a perda das características físicas das emulsões e suspensões.. Considerando a grande disponibilidade e diversidade de polissacarídeos naturais e seu baixo custo, este projeto visa à obtenção de galactomananas de sementes de plantas nativas, sua utilização e avaliação de sua ação em sucos tropicais como espessante e estabilizante.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Pahlevi Augusto de Souza - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 4

  • 2010 - 2011

    Tratamento e Reuso da Água Residuária gerada no IFCE, Descrição: Este projeto de pesquisa tem por finalidade testar a viabilidade do tratamento anaeróbio com pós tratamento físico-químico para os esgotos gerados no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará, Campus de Limoeiro do Norte (IFCE - LN) e aplicar o reuso da água tratada a diversos fins, de acordo com recomendações e padrões legais de reuso mediante demanda local. Os reatores testados serão montados e operados inicialmente em escala de laboratório tratando dois principais tipos de esgotos: os provenientes de sanitários e os oriundos de laboratórios de solos, alimentos, saneamento e mecatrônica. Além da operação dos sistemas em escala de laboratório serão operados dois sistemas em escala real (UASB e Tanque Séptico) tratando esgotos de sanitários com o objetivo de gerar lodo característico, avaliar a eficiência de ambos, e verificar a atividade metanogênica específica das bactérias anaeróbias (AME).. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Heraldo Antunes Silva Filho - Integrante / Elivânia Vasconcelos Moraes dos Santos - Coordenador / Hosineide da Silva Rolim - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Remuneração.

  • 2010 - 2011

    Efeitos da Sazonalidade na Qualidade da Água que Abastece 3 Municípios Cearenses - Limoeiro do Norte, Russas e Morada Nova, Descrição: A qualidade da água para o abastecimento público pode sofrer influência de diversos fatores, dentre estes, as mudanças do regime pluviométrico local, que podem afetar diretamente a qualidade da fonte de abastecimento e em conseqüência o tratamento da água a ser distribuída. Nesse sentido, com o presente projeto de pesquisa objetiva-se avaliar os efeitos da sazonalidade em um período de 12 meses na qualidade da água tratada distribuída pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Limoeiro do Norte e Morada Nova, e da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (CAGECE) de Russas. Para tanto, serão realizadas análises físico-químicas e microbiológicas dos seguintes parâmetros: turbidez, cor aparente, cor real, potencial hidrogeniônico (pH), cloro residual livre, fluoreto e coliformes termotolerantes (CTT). , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Heraldo Antunes Silva Filho - Coordenador / Elivânia Vasconcelos Moraes dos Santos - Integrante / Hosineide da Silva Rolim - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.

  • 2010 - 2011

    Utilização de polissacarídeos naturais como biofilmes no revestimento de frutos, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Pahlevi Augusto de Souza - Coordenador., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.

  • 2010 - 2011

    Melhoramento de suco de acerola com o uso de polissacarídeos naturais (EDITAL Nº 05/2010-PRPI), Descrição: A acerola (Malpighia emarginata D.C.) é uma fruta fonte de pró-vitamina A, ferro e cálcio e especialmente rica em vitamina C. Ela pode ser consumida em natura ou ainda processada na forma de geléias, doces e sucos, sendo o Nordeste brasileiro o maior produtor e exportador do fruto no país. O uso de aditivos (espessantes e estabilizantes) pode aumentar o tempo de prateleira do suco e melhorar a qualidade e aceitação do produto, o que traria benefícios ao setor produtivo e a promoveria a saúde da população. Em alimentos, os espessantes são substâncias capazes de aumentar a viscosidade de soluções emulsões e de suspensões enquanto estabilizantes são substâncias que evitam a perda das características físicas das emulsões e suspensões. Existe uma grande disponibilidade e diversidade de polissacarídeos naturais em plantas do semiárido e estes, além de serem renováveis podem apresentar características, espessantes, geleificantes e estabilizantes. Em visto do baixo custo da obtenção dos polissacarídeos de sementes e do uso potencial deste no processamento no suco de acerola para aumento de vida útil e qualidade este projeto visa à utilização de galactomananas e xiloglucanas de sementes de plantas nativas como espessante e estabilizante em sucos de acerola.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Pahlevi Augusto de Souza - Integrante / Francisca Andréa Kércia Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2010 - 2011

    Utilização de polissacarídeos de sementes de Hymeneae courbaril e Caesalpinia pulcherrima como materiais adsorventes de íons Cu²+ e Mn²+ em água (EDITAL Nº 04/2010-PRPI), Descrição: O descarte inadequado de pilhas e baterias e o uso excessivo de fertilizantes agrícolas têm aumentado a presença de metais tóxicos no meio ambiente. Metais como cobre, ferro, zinco e manganês são micronutrientes essenciais para o desenvolvimento de plantas e bom funcionamento do metabolismo humano, no entanto o excesso destes materiais pode provocar dano à saúde de plantas e animais. As áreas contaminadas são muitas vezes expandidas, pois a água das chuvas provoca a lixiviação destes metais para corpos d?água, tornando-a inadequada ao consumo. Vários materiais estão sendo testados com relação a sua capacidade de atuarem como sequestradores de metais e estudos preliminares demonstraram que polissacarídeos de sementes modificados, apresentam esta capacidade. Os polissacarídeos de sementes são fonte de matéria prima renovável, amplamente disponível e de baixo custo. Este projeto visa à utilização de polissacarídeos modificados de sementes de Hymeneae courbaril (jatobá) e Caesalpinia pulcherrima (flamboyanzinho) como adsorventes para íons manganês e cobre em água.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Heraldo Antunes Silva Filho - Integrante / Elivânia Vasconcelos Moraes dos Santos - Integrante / Zilvanir Fernandes de Queiroz - Integrante / Hosineide da Silva Rolim - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2010 - 2011

    Identificação e isolamento de lectina de sementes de Ziziphus joazeiro, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: O presente trabalho de identificação e isolamento de lectina de Ziziphus joazeiro caracteriza-se como uma continuidade da linha de pesquisa da coordenadora do projeto que a mais de 10 anos vem estudando lectinas e é uma oportunidade para a inserção da pesquisa básica em Química no IFCE campus Sobral. Este trabalho visa estimular o jovem aluno do ensino médio pelo interesse a pesquisa ao mesmo tempo em que contribuirá com o desenvolvimento de uma metodologia adequado para o isolamento em questão. O trabalho será dividido em quatro partes: Primeiramente será ensinado para os alunos como é feito um trabalho de revisão bibliográfica e os mesmos realizarão esta tarefa durante toda a realização do trabalho. Em seguida será feita a coleta das amostras no próprio IFCE-Campus Crato. De posse das sementes será feita a identificação da lectina através de atividade hemaglutinante com hemácias de diferentes fontes. Após a identificação serão realizadas cromatografias de afinidades em diferentes tipos de matrizes de afinidade no intuito de verificar uma voa matriz para o isolamento da lectina e a última etapa será a realização de eletroforeses nas frações antes de ser aplicada na coluna de afinidade, e nas frações recolhidas após as cromatografias para comprovação do isolamento da lectina.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2009 - 2012

    Utilização de Polissacarídeos Naturais como Materiais Adsorventes de Íons Metálicos em Água(PPP/ FUNCAP/CNPq - 04/2009) (MCT/CNPq 14/2010 - Universal)(EDITAL Nº 02/2009-PRPPGI), Descrição: A escassez de água potável que desponta nesse novo milênio como uma das principais preocupações da humanidade, há tempo faz parte da realidade do Nordeste brasileiro. Para agravar o problema, mesmo em períodos chuvosos, a água disponível ainda é sujeita à poluição de diversas fontes. Já foram registrados casos de dermatites em Fortaleza no Ceará devido ao contato com níquel e cetáceos e ostras demonstraram altos níveis de metais tóxicos. Com o desenvolvimento industrial da região do Vale do Jaguaribe a contaminação por metais deve ser monitorada e controlada desde o princípio. Nos últimos anos, temse estudado a capacidade de seqüestrar metais por parte de vários materiais biológicos. Diversos estudos demonstram a interação de polissacarídeos como biosorventes para íons metálicos. O Ceará possui grande diversidade e disponibilidade de polissacarídeos naturais. A produção de um biosorvente a partir de matéria prima disponível no interior do estado, não só viabiliza um produto de baixo custo para combater um problema de saúde pública, como também promove um novo mercado para produtos regionais e o desenvolvimento da população local. Este projeto visa à utilização de polissacarídeos vegetais de plantas típicas do Vale do Jaguaribe como biosorventes de íons de metais tóxicos em águas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira - Integrante / Jeanny da SIlva Maciel - Integrante / Heraldo Antunes Silva Filho - Integrante / Elivânia Vasconcelos Moraes dos Santos - Integrante / Zilvanir Fernandes de Queiroz - Integrante / Hosineide da Silva Rolim - Integrante / Dânya Gerucia de Sousa Holanda - Integrante / Mayara Joyce da Silva Barros - Integrante / Luana Galdino da Franca - Integrante / Rafael Campos do Carmo - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 7

  • 2009 - 2012

    Utilização de Plantas do Ceará para Formação de Revestimento Comestíveis de Queijo Coalho Estudo da Ação Antimicrobiana e Anitifúngica para Aumento do Tempo de Prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Modificação do revestimento com a adição de extratos vegetais. Para a primeira parte a galactomanana de Caesalpinia pulcherrima foi escolhida por ser extraída da semente de uma árvore de pequeno porte que na fase adulta atinge entre três e quatro metros e a quantidade de galactomanana ser de 30% da massa da semente. Para a segunda etapa foram escolhidas três plantas encontradas no nordeste brasileiro: Croton zehntneri("canela de cunhã", "canelinha" ou "canela-brava",), Lippia sidoides (alecrim pimeta) e Cymbopogon citratus (Capim limão) que são largamente utilizadas na medicina popular como chá e infusão sem demonstrar toxidade aparente. No entanto para todas as etapas do projeto análises físico química e microbiológica dos queijos após recobrimento foi escolhido o óleo essencial de Capim limão, pois se mostrou mais viável. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / José Fernando Mourão Cavalcante - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2008 - 2010

    Revestimento Comestível Utilizando Polissacarídeos de Sementes de Plantas da Região Nordeste para Utilização em Queijo de Coalho, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Renato de Azevedo Moreira - Integrante / Lia Magalhães Almeida Silva - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / José Fernando Mourão Cavalcante - Integrante., Financiador(es): Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 2

  • 2006 - 2007

    Uso Biotecnológico de Polissacarídeos Vegetais, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Renato de Azevedo Moreira - Integrante / Lia Magalhães Almeida Silva - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador., Número de produções C, T & A: 2

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2010 - Atual

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2010 - Atual

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2010 - Atual

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2010 - Atual

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2010 - Atual

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2016 - Atual

    Biscoitos funcionais ? Do aproveitamento do resíduo a nutrição, Descrição: A produção de alimentos saudáveis vem tornando a população atual mais exigente, e atenta aos benefícios que os produtos alimentícios possui, com a finalidade de modificar os hábitos alimentares. Os alimentos funcionais são caracterizados como alimentos comuns, inseridos na dieta que são capazes de produzir benefícios específicos para a saúde através de substancias como fibras alimentares, probióticos e prebióticos, alimentos sulfurados e nitrogenados, pigmentos e vitaminas, compostos fenólicos, ácidos graxos poli-insaturados entre outros. Parte desses composto benéficos podem ser encontrados em alimentos que são descartados pois são descartes do processamento ou apresentam baixo valor comercial. Diante disso, este projeto visa elaborar biscoitos com alto valor nutricional, livre de glúten e aproveitando matéria prima obtida de descarte da indústria, o bagaço da laranja e beterrabas descartadas por seu tamanho ou aparência. Serão preparadas farinhas destes materiais utilizando a farinha de beterraba como substituto da farinha de trigo, enriquecida com a farinha do bagaço da laranja que é rica em fibras que é um diferencial extremamente desejado no mercado dando assim um melhor valor nutritivo e deixando os biscoitos livres do glúten.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Jéssica Janine Sousa Barreto - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2010 - 2016

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2016 - Atual

    Biscoitos funcionais ? Do aproveitamento do resíduo a nutrição(Edital Nº 03/2016), Descrição: A produção de alimentos saudáveis vem tornando a população atual mais exigente, e atenta aos benefícios que os produtos alimentícios possui, com a finalidade de modificar os hábitos alimentares. Os alimentos funcionais são caracterizados como alimentos comuns, inseridos na dieta que são capazes de produzir benefícios específicos para a saúde através de substancias como fibras alimentares, probióticos e prebióticos, alimentos sulfurados e nitrogenados, pigmentos e vitaminas, compostos fenólicos, ácidos graxos poli-insaturados entre outros. Parte desses composto benéficos podem ser encontrados em alimentos que são descartados pois são descartes do processamento ou apresentam baixo valor comercial. Diante disso, este projeto visa elaborar biscoitos com alto valor nutricional, livre de glúten e aproveitando matéria prima obtida de descarte da indústria, o bagaço da laranja e beterrabas descartadas por seu tamanho ou aparência. Serão preparadas farinhas destes materiais utilizando a farinha de beterraba como substituto da farinha de trigo, enriquecida com a farinha do bagaço da laranja que é rica em fibras que é um diferencial extremamente desejado no mercado dando assim um melhor valor nutritivo e deixando os biscoitos livres do glúten.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Jéssica Janine Sousa Barreto - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2010 - 2016

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2016 - Atual

    Biscoitos funcionais ? Do aproveitamento do resíduo a nutrição(Edital Nº 03/2016), Descrição: A produção de alimentos saudáveis vem tornando a população atual mais exigente, e atenta aos benefícios que os produtos alimentícios possui, com a finalidade de modificar os hábitos alimentares. Os alimentos funcionais são caracterizados como alimentos comuns, inseridos na dieta que são capazes de produzir benefícios específicos para a saúde através de substancias como fibras alimentares, probióticos e prebióticos, alimentos sulfurados e nitrogenados, pigmentos e vitaminas, compostos fenólicos, ácidos graxos poli-insaturados entre outros. Parte desses composto benéficos podem ser encontrados em alimentos que são descartados pois são descartes do processamento ou apresentam baixo valor comercial. Diante disso, este projeto visa elaborar biscoitos com alto valor nutricional, livre de glúten e aproveitando matéria prima obtida de descarte da indústria, o bagaço da laranja e beterrabas descartadas por seu tamanho ou aparência. Serão preparadas farinhas destes materiais utilizando a farinha de beterraba como substituto da farinha de trigo, enriquecida com a farinha do bagaço da laranja que é rica em fibras que é um diferencial extremamente desejado no mercado dando assim um melhor valor nutritivo e deixando os biscoitos livres do glúten.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Jéssica Janine Sousa Barreto - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2010 - 2016

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2016 - Atual

    Biscoitos funcionais ? Do aproveitamento do resíduo a nutrição(Edital Nº 03/2016), Descrição: A produção de alimentos saudáveis vem tornando a população atual mais exigente, e atenta aos benefícios que os produtos alimentícios possui, com a finalidade de modificar os hábitos alimentares. Os alimentos funcionais são caracterizados como alimentos comuns, inseridos na dieta que são capazes de produzir benefícios específicos para a saúde através de substancias como fibras alimentares, probióticos e prebióticos, alimentos sulfurados e nitrogenados, pigmentos e vitaminas, compostos fenólicos, ácidos graxos poli-insaturados entre outros. Parte desses composto benéficos podem ser encontrados em alimentos que são descartados pois são descartes do processamento ou apresentam baixo valor comercial. Diante disso, este projeto visa elaborar biscoitos com alto valor nutricional, livre de glúten e aproveitando matéria prima obtida de descarte da indústria, o bagaço da laranja e beterrabas descartadas por seu tamanho ou aparência. Serão preparadas farinhas destes materiais utilizando a farinha de beterraba como substituto da farinha de trigo, enriquecida com a farinha do bagaço da laranja que é rica em fibras que é um diferencial extremamente desejado no mercado dando assim um melhor valor nutritivo e deixando os biscoitos livres do glúten.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Jéssica Janine Sousa Barreto - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2010 - 2016

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2016 - Atual

    Biscoitos funcionais ? Do aproveitamento do resíduo a nutrição(Edital Nº 03/2016), Descrição: A produção de alimentos saudáveis vem tornando a população atual mais exigente, e atenta aos benefícios que os produtos alimentícios possui, com a finalidade de modificar os hábitos alimentares. Os alimentos funcionais são caracterizados como alimentos comuns, inseridos na dieta que são capazes de produzir benefícios específicos para a saúde através de substancias como fibras alimentares, probióticos e prebióticos, alimentos sulfurados e nitrogenados, pigmentos e vitaminas, compostos fenólicos, ácidos graxos poli-insaturados entre outros. Parte desses composto benéficos podem ser encontrados em alimentos que são descartados pois são descartes do processamento ou apresentam baixo valor comercial. Diante disso, este projeto visa elaborar biscoitos com alto valor nutricional, livre de glúten e aproveitando matéria prima obtida de descarte da indústria, o bagaço da laranja e beterrabas descartadas por seu tamanho ou aparência. Serão preparadas farinhas destes materiais utilizando a farinha de beterraba como substituto da farinha de trigo, enriquecida com a farinha do bagaço da laranja que é rica em fibras que é um diferencial extremamente desejado no mercado dando assim um melhor valor nutritivo e deixando os biscoitos livres do glúten.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Jéssica Janine Sousa Barreto - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 20/02/2018., Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2010 - 2016

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2017 - Atual

    Polissacarídeos Vegetais: Aplicação em Néctar de Limão(EDITAL Nº 08/2016 - PRPI), Projeto certificado pela empresa CARLOS ALBERTO DE SOUSA ANDRADE 81072503387 em 08/04/2018., Descrição: O suco de limão é um alimento bastante consumido devido sua qualidade sensorial e pelos compostos bioativos presentes nele. Mas os sucos naturais tem grande dificuldade de estabilizar, e para sua conservação a indústria utiliza vários processos que danificam sabor, aroma além da adição de conservantes sintéticos que acabam fazendo com que tenha perda de vários compostos presentes. Os polissacarídeos vegetais são encontrados na natureza, os mesmos desempenham papeis importante na indústria de alimentos, podendo ser utilizado como estabilizante, emulsificante e espessantes melhorando qualidade de algumas preparações. Diante disso o projeto visa analisar componentes biológicos de polissacarídeos vegetais e aplicar em um suco de limão para melhorar estabilidade. Espera-se obter uma bebida com maior estabilidade, maior vida de prateleira e que o material possa ser patenteado para emprego na indústria.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Jéssica Janine Sousa Barreto - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 2

  • 2016 - 2017

    Biscoitos funcionais ? Do aproveitamento do resíduo a nutrição(Edital Nº 03/2016), Descrição: A produção de alimentos saudáveis vem tornando a população atual mais exigente, e atenta aos benefícios que os produtos alimentícios possui, com a finalidade de modificar os hábitos alimentares. Os alimentos funcionais são caracterizados como alimentos comuns, inseridos na dieta que são capazes de produzir benefícios específicos para a saúde através de substancias como fibras alimentares, probióticos e prebióticos, alimentos sulfurados e nitrogenados, pigmentos e vitaminas, compostos fenólicos, ácidos graxos poli-insaturados entre outros. Parte desses composto benéficos podem ser encontrados em alimentos que são descartados pois são descartes do processamento ou apresentam baixo valor comercial. Diante disso, este projeto visa elaborar biscoitos com alto valor nutricional, livre de glúten e aproveitando matéria prima obtida de descarte da indústria, o bagaço da laranja e beterrabas descartadas por seu tamanho ou aparência. Serão preparadas farinhas destes materiais utilizando a farinha de beterraba como substituto da farinha de trigo, enriquecida com a farinha do bagaço da laranja que é rica em fibras que é um diferencial extremamente desejado no mercado dando assim um melhor valor nutritivo e deixando os biscoitos livres do glúten.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Jéssica Janine Sousa Barreto - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2016

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 20/02/2018., Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2010 - 2016

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2016 - 2017

    Biscoitos funcionais ? Do aproveitamento do resíduo a nutrição(Edital Nº 03/2016), Descrição: A produção de alimentos saudáveis vem tornando a população atual mais exigente, e atenta aos benefícios que os produtos alimentícios possui, com a finalidade de modificar os hábitos alimentares. Os alimentos funcionais são caracterizados como alimentos comuns, inseridos na dieta que são capazes de produzir benefícios específicos para a saúde através de substancias como fibras alimentares, probióticos e prebióticos, alimentos sulfurados e nitrogenados, pigmentos e vitaminas, compostos fenólicos, ácidos graxos poli-insaturados entre outros. Parte desses composto benéficos podem ser encontrados em alimentos que são descartados pois são descartes do processamento ou apresentam baixo valor comercial. Diante disso, este projeto visa elaborar biscoitos com alto valor nutricional, livre de glúten e aproveitando matéria prima obtida de descarte da indústria, o bagaço da laranja e beterrabas descartadas por seu tamanho ou aparência. Serão preparadas farinhas destes materiais utilizando a farinha de beterraba como substituto da farinha de trigo, enriquecida com a farinha do bagaço da laranja que é rica em fibras que é um diferencial extremamente desejado no mercado dando assim um melhor valor nutritivo e deixando os biscoitos livres do glúten.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Jéssica Janine Sousa Barreto - Integrante.Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2016

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante.Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2

  • 2014 - Atual

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 20/02/2018., Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2010 - 2016

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2018 - Atual

    Garota Cientista do Vale, Descrição: O papel da mulher em diversas áreas da ciência ainda é subestimado. No dia 29 de setembro de 2018, foi vista a maior movimentação feminina brasileira nos últimos 50 anos em defesa da opinião política feminina e em defesa dos direitos da mulher. As áreas de pesquisas de Exatas, Engenharias e Informática são as que ainda apresentam o menor percentual da presença feminina. Para encorajar o envolvimento feminino nestes campos são necessárias ações em escolas básicas de estímulo à participação de meninas em projetos de pesquisa nessas áreas. A criação de uma equipe formada por mulheres em áreas distintas para implantação e acompanhamento de projetos pode atingir um maior número de meninas, promovendo o desenvolvimento de pesquisa e criando um ambiente favorável ao envolvimento nestes campos. Esse núcleo exclusivamente feminino será o suporte adequado para reunir mulheres envolvidas com pesquisa e promover o crescimento aquelas que ainda estão em suas fases iniciais e criará um ambiente de sororidade que deve promover o envolvimento de meninas que incentiva o empoderamento das alunas na participação das atividades na escola, na comunidade e com a família.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (15) Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Mayara Salgado Silva - Integrante / Joseane Lima Muniz - Integrante / Keline Souza Albuquerque Uchoa - Integrante / Karlucy Farias de Sousa - Integrante / SÉFURA MARIA ASSIS MOURA - Integrante / Nayara Coriolano de Aquino - Integrante / Arilene Franklin Chaves - Integrante / Maria Jucirene Lima Chaves - Integrante / Silvia Xavier Saraiva Araújo - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2016 - 2017

    Biscoitos funcionais ? Do aproveitamento do resíduo a nutrição(Edital Nº 03/2016), Descrição: A produção de alimentos saudáveis vem tornando a população atual mais exigente, e atenta aos benefícios que os produtos alimentícios possui, com a finalidade de modificar os hábitos alimentares. Os alimentos funcionais são caracterizados como alimentos comuns, inseridos na dieta que são capazes de produzir benefícios específicos para a saúde através de substancias como fibras alimentares, probióticos e prebióticos, alimentos sulfurados e nitrogenados, pigmentos e vitaminas, compostos fenólicos, ácidos graxos poli-insaturados entre outros. Parte desses composto benéficos podem ser encontrados em alimentos que são descartados pois são descartes do processamento ou apresentam baixo valor comercial. Diante disso, este projeto visa elaborar biscoitos com alto valor nutricional, livre de glúten e aproveitando matéria prima obtida de descarte da indústria, o bagaço da laranja e beterrabas descartadas por seu tamanho ou aparência. Serão preparadas farinhas destes materiais utilizando a farinha de beterraba como substituto da farinha de trigo, enriquecida com a farinha do bagaço da laranja que é rica em fibras que é um diferencial extremamente desejado no mercado dando assim um melhor valor nutritivo e deixando os biscoitos livres do glúten.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Jéssica Janine Sousa Barreto - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2017

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 20/02/2018., Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - 2017

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2014 - 2016

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2

  • 2010 - 2016

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2018 - Atual

    Garota Cientista do Vale, Descrição: O papel da mulher em diversas áreas da ciência ainda é subestimado. No dia 29 de setembro de 2018, foi vista a maior movimentação feminina brasileira nos últimos 50 anos em defesa da opinião política feminina e em defesa dos direitos da mulher. As áreas de pesquisas de Exatas, Engenharias e Informática são as que ainda apresentam o menor percentual da presença feminina. Para encorajar o envolvimento feminino nestes campos são necessárias ações em escolas básicas de estímulo à participação de meninas em projetos de pesquisa nessas áreas. A criação de uma equipe formada por mulheres em áreas distintas para implantação e acompanhamento de projetos pode atingir um maior número de meninas, promovendo o desenvolvimento de pesquisa e criando um ambiente favorável ao envolvimento nestes campos. Esse núcleo exclusivamente feminino será o suporte adequado para reunir mulheres envolvidas com pesquisa e promover o crescimento aquelas que ainda estão em suas fases iniciais e criará um ambiente de sororidade que deve promover o envolvimento de meninas que incentiva o empoderamento das alunas na participação das atividades na escola, na comunidade e com a família.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (15) Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Mayara Salgado Silva - Integrante / Joseane Lima Muniz - Integrante / Keline Souza Albuquerque Uchoa - Integrante / Karlucy Farias de Sousa - Integrante / SÉFURA MARIA ASSIS MOURA - Integrante / Nayara Coriolano de Aquino - Integrante / Arilene Franklin Chaves - Integrante / Maria Jucirene Lima Chaves - Integrante / Silvia Xavier Saraiva Araújo - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2016 - 2017

    Biscoitos funcionais ? Do aproveitamento do resíduo a nutrição(Edital Nº 03/2016), Descrição: A produção de alimentos saudáveis vem tornando a população atual mais exigente, e atenta aos benefícios que os produtos alimentícios possui, com a finalidade de modificar os hábitos alimentares. Os alimentos funcionais são caracterizados como alimentos comuns, inseridos na dieta que são capazes de produzir benefícios específicos para a saúde através de substancias como fibras alimentares, probióticos e prebióticos, alimentos sulfurados e nitrogenados, pigmentos e vitaminas, compostos fenólicos, ácidos graxos poli-insaturados entre outros. Parte desses composto benéficos podem ser encontrados em alimentos que são descartados pois são descartes do processamento ou apresentam baixo valor comercial. Diante disso, este projeto visa elaborar biscoitos com alto valor nutricional, livre de glúten e aproveitando matéria prima obtida de descarte da indústria, o bagaço da laranja e beterrabas descartadas por seu tamanho ou aparência. Serão preparadas farinhas destes materiais utilizando a farinha de beterraba como substituto da farinha de trigo, enriquecida com a farinha do bagaço da laranja que é rica em fibras que é um diferencial extremamente desejado no mercado dando assim um melhor valor nutritivo e deixando os biscoitos livres do glúten.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Jéssica Janine Sousa Barreto - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2017

    Desenvolvimento de sorvete utilizando carragena da alga marinha nativa Hypnea musciformis, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 20/02/2018., Descrição: A indústria de algas marinhas movimenta um valor anual de U$$ 5,5-6 bilhões de dólares, sendo que U$$ 5 bilhões é dada pelos produtos alimentícios em quanto o bilhão restante vem da extração de ficocolóides (carragena, ágar e alginato) e da produção de fertilizantes e aditivos para alimentação animal. A carragena possui diversas propriedades funcionais que permitem seu uso, principalmente, na indústria alimentícia, cosmética e farmacêutica. Atualmente, cerca de 70% de todos os produtos que se aplica carragena são utilizados na indústria alimentícia, existindo vários usos em produtos aquosos, cárneos e lácteos. Este polissacarídeo na indústria alimentícia, pode atuar como espessantes, estabilizantes, inibidor da cristalização, entre outras propriedades. Os mesmos atuam modificando o comportamento da água nos alimentos, diminuindo a fricção entre os componentes auxiliando no processamento e palatabilidade, propiciando o controle da cristalização de soluções saturadas de açúcar e impedindo a formação de cristais de gelo em sorvetes. Neste trabalho serão produzidos sorvetes contendo carragena da alga Hypnea musciformis no intuito de comparar a carragena extraída desta espécie nativa com os estabilizantes convencionais tradicionalmente adcionados à sorvetes promovendo a uso de espécies nativas e tentando demonstrar o potencial das fontes existente no Brasil.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Georgia Maciel Dias de Moraes - Integrante / Luciana Antônia Araújo de Castro - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - 2017

    Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura(Chamada CNPq-SETEC/MEC N º 17/2014), Descrição: Apesar da mousse ser conhecida como uma sobremesa aerada de produção caseira, atualmente vem ganhando espaço em escala industrial no mercado das sobremesas. Segundo OHATA et al., (2005) a produção de sobremesa aerada é interessante, pois pode haver redução de custos de produção devido à incorporação de ar, que é ingrediente de baixo custo. As formulações de mousses contêm um elevado teor de gorduras provenientes do leite condensado e creme de leite utilizados na formulação. O excesso de gorduras podem constituir-se um impedimento no consumo deste tipo de sobremesa. Sabendo que o mercado de lácteos apresenta a procura por produtos mais saudáveis, com menores teores de gordura a utilização de substâncias alternativas que reduzam esse componente ser modificar as características do produto final são desejadas. Uma solução que pode ser empregada é a utilização de polissacarídeos vegetais. Galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina podem auxiliar na diminuição de gordura pode agir dessa forma, melhorando as qualidades do produto, melhorando o valor nutricional e ainda estimularia o uso de uma matéria prima de fonte renovável e de baixo custo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Maria Juciene Lima Chaves - Integrante / Nayanne Lima dos Santos - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante / Ingrid Vitoria Sousa Lima - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2014 - 2016

    Elaboração de mousse utilizando galactomananas como estabilizante e substituto de gordura, Descrição: As sobremesas lácteas são produtos de interesse dos consumidores que vem sem procurando novos sabores, no entanto o alto teor de lipídios é um fator preocupante para o consumido. As galactomananas apresentam características estabilizantes e emulsificantes, de forma que, em alguns casos, podem substituir lipídios. Diante disso, este projeto visa a utilização de galactomananas de sementes de Adenanthera pavonina como estabilizantes e substituto de gordura em mousse de limão. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante / Antonia Ariana Camelo Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2014 - 2015

    Biscoitos sem glúten utilizando farinha de carnaúba - EDITAL Nº 004/2014-PRPI ? PIBITI/CNPq e PIBITI/IFCE, Descrição: A Doença Celíaca (DC) é uma doença autoimune desencadeada pela ingestão de cereais que contêm glúten por indivíduos geneticamente predispostos. O tratamento da doença é estritamente dietético e uma das maiores dificuldades dos pacientes é encontrar produtos sem farinhas derivadas de cereais com características sensoriais favoráveis. A elaboração de farinhas e produtos derivados, originários de diversas fonte é de grande interesse para a indústria de alimentos. A carnaúba é uma planta que faz parte da paisagem do nordeste brasileiro e tem sua cera comercializada, mas seu fruto é pouco aproveitado. Considerando que o fruto é comestível e pode ser processado este trabalho objetiva a obtenção de uma farinha de frutos da carnaúba e sua aplicação para a elaboração de biscoitos sem glúten. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Coordenador / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Integrante / Darliane Lima Muniz - Integrante / Adriana de Freitas Morais - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal do Ceará - Reitoria - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2

  • 2010 - 2016

    Revestimento comestível de polissacarídeos uma experiência para aumentar o tempo de prateleira, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Daniele Maria Alves Teixeira Sá em 24/02/2015., Descrição: Os filmes comestíveis são películas de variadas espessuras constituídas por diferentes substâncias naturais e/ou sintéticas que se polimerizam e isolam o alimento, sem riscos à saúde do consumidor, uma vez que não são metabolizados pelo organismo e sua passagem pelo trato gastrointestinal se faz de maneira inócua (MAIA; PORTE; SOUZA, 2000). Para muitas aplicações em alimentos, a característica funcional mais importante do filme ou revestimento comestível é a resistência à umidade (KESTER; FENNEMA, 1986). Diversos polissacarídeos e derivados têm sido testados como revestimentos comestíveis, incluindo alginato, pectina, amido, celulose e (KESTER; FENNEMA, 1986). Entende-se por queijo de coalho, o queijo que se obtém por coagulação do leite por meio do coalho ou outras enzimas coagulantes apropriadas, complementada ou não pela ação de bactérias lácteas selecionadas. Comercializado normalmente com até 10 (dez) dias de fabricação é um queijo de média a alta umidade, de massa semi-cozida ou cozida apresentando um teor de gordura nos sólidos totais variável entre 35,0% e 60,0% sendo classificado como queijo semi-gordo a gordo (BRASIL, 2001). O presente trabalho tem por objetivo avaliar a solução de galactomanana de sementes Caesalpinia pulcherrima acrescidos de extratos vegetais anti fungicos como recobrimento para o Queijo Coalho visando aumentar o tempo de vida útil.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Renata Chastinet Braga - Integrante / Daniele Maria Alves Teixeira Sá - Coordenador / Patrícia Lopes Andrade - Integrante / Marlene Nunes Damaceno - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2018

Medalha do Mérito Educacional ? Dr. Raimundo César Gadelha de Alencar Araripe - Categoria Docente, IFCE.

2018

2o Lugar na área de Ciência dos Alimentos (Orientação) no VII SEMIC, IFCE-LN.

2017

3o Lugar ao trabalho "Atividade Biológica em Frutos do Mamoeiro Carica papaya na VIII Semana da Alimentação (orientadora), Curso de Tecnologia em Alimentos - IFCE - Campus Limoeiro do Norte.

2017

1o Lugar nas áreas de Agrárias e Zootecnia (Agronomia e Agropecuária)no VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC, (Categoria Pesquisa Voluntária) - Orientação, IFCE - Campus Limoeiro do Norte.

2017

2o Lugar na área de Educação no VI Seminário de Iniciação Científica ? VI SEMIC (orientação), IFCE - Campus Limoeiro do Norte.

2017

3o Lugar na área de Educação, nível superior na VIII MCTEA(Orientadora do Projeto: A Química de Harry Potter), MCTEA.

2017

2o Lugar na área de Educação, nível superior na VIII MCTEA( Orientadora do projeto: QUILIBRAS ? Sinais de uma Boa Reação), MCTEA.

2017

1o Lugar na área de Agronomia, nível superior na VIII MCTEA( Co-orientadora do projeto: Produção de Hidrogel a Base de Polissacarídeo de Palma Forrageira), MCTEA.

2016

1o Lugar Área de Meio Ambiente GENIUS OLYMPIAD, Oswego, New York, EUA, junho de 2016 - Orientadora do projeto : Ação Sinergética de Antiviral Natural II, GENIUS OLYMPIAD, State University of New York at Oswego.

2016

Menção Honrosa na Área de Meio ambiente GENIUS OLIMPIAD,Oswego, New York, EUA, junho de 2016 - Orientadora do projeto : Efeito estufa: uma simulação na germinação de plantas, GENIUS OLYMPIAD, State University of New York at Oswego.

2016

2o Lugar Ciência Agrárias da MCTEA Orientadora do Projeto :CARNAMOL:Carrapaticida Natural a Base de Moringa Oleifera, Mostra de Ciências e Tecnologia da Escola Açaí.

2016

Credenciamento para XVII Exporecerca, Barcelona, Espanha, abril de 2017 - Orientadora do projeto : CARNAMOL:Carrapaticida Natural a Base de Moringa Oleifera, Magma, Associació per Promoure la Recerca Jove.

2016

2o Lugar na VII Semana Mundial da Alimentação (Orientadora :Extração sequencial de proteinas de cotiledone de Tamarindus indica), IFCE - Campus Limoeiro do Norte.

2015

Third Award of $1,000, Intel International Science and Engineering Fair (Intel ISEF) (Orientadora de trabalho), Intel.

2015

1o Lugar em Ciências Biológica (Orientadora do projeto :Ação Sinergética de Antiviral Natural II ), MILSET Brasil.

2015

2o Lugar em Ciências Agrárias (Orientadora do projeto : Elaboração de Pizza sem Glúten), MILSET Brasil.

2015

Prêmio Faculdade Paraiso - Destaque Nacional - (Orientadora do projeto :Ação Sinergética de Antiviral Natural II, FACULDADE PARAIS.

2015

Credenciamento para GENIUS OLIMPIAD, New York, EUA, junho de 2016 (ÁREA DE MEIO AMBIENTE) - Orientadora do projeto : Ação Sinergética de Antiviral Natural II, GENIUS OLIMPIAD.

2015

Credenciamento para FICI - Foro Internacional de Ciência e Ingenieria Categoria Supranível, agosto de 2016, Santiago, Chile Orientadora do projeto : Pizza sem Glúten, FICI - Foro Internacional de Ciência e Ingenieria.

2015

Credenciamento para MOSTRATEC(Orientadora do projeto: Efeito estufa: uma simulação na germinação de plantas), MOSTRA BRASILEIRA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA- MOSTRATEC Novo Hamburgo.

2015

1o Lugar em Ciências Agrárias na FENECIT (Orientadora do Projeto: Efeito estufa: uma simulação na germinação de plantas), FENECIT - Feira Nordestina de Ciência e Tecnologia.

2015

Credenciamento para GENIUS OLIMPIAD, New York, EUA, junho de 2016 (ÁREA DE MEIO AMBIENTE) - Orientadora do projeto : Efeito estufa: uma simulação na germinação de plantas, GENIUS OLIMPIAD.

2015

1o Lugar Ciências Agrárias MCTEA Orientadora do Projeto: Efeito estufa: uma simulação na germinação de plantas, Mostra de Ciências e Tecnologia da Escola Açaí.

2015

3o Lugar Ciência Agrárias da MCTEA Orientadora do Projeto :Revestimento comestível em acerola, Mostra de Ciências e Tecnologia da Escola Açaí.

2015

1o Lugar Engenharia MCTEA (Orientadora do Projeto: CFN : A Solução para a Adsorção de Metais Tóxicos), Mostra de Ciências e Tecnologia da Escola Açaí.

2015

Credenciamento para DOESEF - Doganata Education Science Engineering Energy Project Fair, Izmir, Turquia, abril, 2016 (Orientadora do Projeto: CFN : A Solução para a Adsorção de Metais Tóxicos), Doganata Education Science Engineering Energy Project Fair.

2015

3o Lugar - Alimentos (Orientadora do Trabalho: Polissacarídeo como aditivo funcional em patê de pescado), IFCE - IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE.

2015

3o Lugar - Nutrição (Orientadora do trabalho? Elaboração de mousse utilizando galactomanana de Adenanthera pavonina como estabilizante e substituto de gordura), IFCE - IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE.

2015

2o Lugar - Nutrição (Orientadora do trabalho: Biscoito sem glúten utilizando a farinha de carnaúba), IFCE - IV Seminário de Iniciação Científica do IFCE.

2014

Credenciamento para XI CIENCAP 2014 - (Orientadora do Projeto : Ação Sinergética de Antiviral Natural), CIENCAP.

2014

Destaque Incentivo à Tecnologia e Ciência ABRITEC (Orientadora do Projeto : Ação Sinergética de Antiviral Natural), 10a FENECIT - Feira Nordestina de Ciência e Tecnologia.

2014

Credenciamento para participar da Intel International Science and Engineering Fair (INTEL/ISEF 2015) (Orientadora do Projeto : Ação Sinergética de Antiviral Natural), INTEL Brasil.

2014

4o Lugar na área de Biologia Celular e Molecular, Microbiologia - (Orientadora do Projeto : Ação Sinergética de Antiviral Natural), MOSTRATEC.

2014

Credenciamento para MILSET EXPO-Sciences Internationional - ESI-2015. (Orientadora do Projeto : Ação Sinergética de Antiviral Natural), MILSET.

2014

1o lugar na área de Ciência Biológicas (Orientadora do Projeto : Ação Sinergética de Antiviral Natural), 10a FENECIT - Feira Nordestina de Ciência e Tecnologia.

2014

Credenciamento para MOCINN 2015 (Orientadora do Projeto : Ação Sinergética de Antiviral Natural), MOCINN na 10a FENECIT.

2014

Prêmio INCIÊNCIA (Orientadora do Projeto: Ação Sinergética de Antiviral Natural), Revista INCIÊNCIA.

2014

1o Ciência da Saúde (Orientadora do Projeto : Ação Sinergética de Antiviral Natural), V Mostra de Ciências e Tecnologia da Escola AÇAI (V MCTEA).

1997

III Encontro de Iniciação a Pesquisa, Universidade de Fortaleza.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Instituto Federal do Ceará - Reitoria, Unidade de Limoeiro do Norte. , Rua Estevão Remígio, 1145, Centro, 62930000 - Limoeiro do Norte, CE - Brasil, Telefone: (88) 34476424, Ramal: 6424, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2008 - Atual

    Instituto Federal do Ceará - Reitoria

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2014 - 2016

    Instituto Federal do Ceará - Reitoria

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Bolsista PROAPP EDITAL Nº 001/2014-PRPI

  • 2010 - 2012

    Instituto Federal do Ceará - Reitoria

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Bolsista PROAPP - Edital no 01/2010 - PRPI IFCE Título :Utilização de Polissacarídeos Naturais como Materiais Adsorventes de Íons Metálicos em Água

    Atividades

    • 06/2018

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Comissão de atualização do Projeto Pedagógico do Curso Superior em Tecnologia em Alimentos do IFCE - Campus Limoeiro do Norte(Portaria Nº 132/GDG,28/06/2018).

    • 03/2018

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte.,Atividade realizada, Responsável pelo laboratório de Pós-graduação em Alimentos(PORTARIA Nº 057/GDG, 16/03/2018).

    • 03/2018

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro do Colegiado do Curso Técnico em Meio Ambiente do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia ? Campus Limoeiro do Norte (PORTARIA Nº 067/GDG de 28/03/2018).

    • 02/2018

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso de Tecnologia em Alimentos(Portaria No 21/GDG 16/02/2018).

    • 12/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Comissão Organizadora da II Mostra Limoeirense de Projetos (MOSLIPRO) do IFCE ? Campus Limoeiro do Norte(Portaria Nº 144/GDG, de 22/12/2017).

    • 03/2016

      Direção e administração, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Coordenadora do Mestrado em Tecnologia de Alimentos PORTARIA N° 022/GDG 01/03/2016.

    • 01/2015

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro do Núcleo Docente Estruturante(NDE) do Curso de Bacharelado em Agronomia (Portaria 004/GDG de 19 de janeiro de 2015).

    • 08/2014

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Fortaleza, .,Cargo ou função, Membro da Comissão incumbida de elaborar a minuta do Regulamento da Pós-Graduação Stricto Sensu do IFCE (Portaria No 894/GR de Agosto de 2014).

    • 05/2014

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro do Colegiado do Curso de Tecnologia em Agronegócio do IFCE ? Campus Limoeiro do Norte (Portaria Nº 026/GDG, de 19 de maio de 2014).

    • 06/2013

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Linhas de pesquisa

    • 08/2012

      Ensino, TECNOLOGIA DE ALIMENTOS, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Bioquímica Aplicada, Projetos Especiais II, Seminários II, Tópicos em Alimentos II, Seminários I

    • 02/2012

      Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Bioquímica, Química Geral e Analítica

    • 03/2010

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Linhas de pesquisa

    • 02/2010

      Ensino, Nutrição, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Bioquímica I, Bioquímica II

    • 08/2009

      Ensino, Alimentos, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Bioquímica Geral, Química Analítica, Química Geral

    • 02/2009

      Ensino, Técnico em Meio Ambiente, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Ambiental

    • 02/2009

      Ensino, Saneamento Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Analítica Aplicada, Química Aplicada

    • 06/2009 - 10/2018

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Linhas de pesquisa

    • 04/2017 - 02/2018

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte.,Atividade realizada, Responsável Técnica pelo Laboratório de Pós-graduação em Alimentos(Portaria Nº 039/GDG, de 27/04/2017).

    • 04/2017 - 02/2018

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte.,Atividade realizada, Responsável pelo laboratório de Pós-graduação em Alimentos(PORTARIA Nº 039/GDG, 27/04/2017).

    • 07/2017 - 11/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso de Bacharelado em Agronomia do IFCE ? Campus Limoeiro do Norte(Portaria Nº 065/GDG, de 21/07/2017).

    • 06/2017 - 10/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro da Subcomissão de Sistematização do Projeto Pedagógico Institucional (PPI) do Campus Limoeiro do Norte (Portaria no 52/GDG de 22/06/2017).

    • 04/2017 - 10/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro da Comissão Organizadora da VIII Semana da Alimentação do IFCE ? Campus Limoeiro do Norte( Portaria Nº 034/GDG, de 19/04/2017).

    • 07/2017 - 09/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro da Comissão Organizadora do I Simpósio Limoeirense de Educação(Portaria Nº 083/GDG, de 01/09/2017).

    • 05/2017 - 09/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Comissão Organizadora da I Mostra Limoeirense de Projetos (MOSLIPRO) do IFCE ? Campus Limoeiro do Norte(Portaria Nº 044/GDG, de 25/05/2017).

    • 04/2017 - 08/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Presidente da Comissão de Processo de Seleção 2017.2 do Curso de Mestrado Acadêmico em Tecnologia de Alimentos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará ? Campus Limoeiro do Norte (Portaria Nº 040/GDG, de 27/04/2017).

    • 01/2015 - 07/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso de Bacharelado em Agronomia do IFCE ? Campus Limoeiro do Norte(Portaria Nº 065/GDG, de 21 de julho de 2017) Portaria nº 004/GDG, de 19 de janeiro de 2015.

    • 02/2017 - 04/2017

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte.,Atividade realizada, Responsável Técnica pelo Laboratório de Pós-graduação em Alimentos(Portaria Nº 020/GDG, de 03/02/2017).

    • 02/2017 - 04/2017

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte.,Atividade realizada, Responsável pelo laboratório de Pós-graduação em Alimentos(PORTARIA Nº 020/GDG, 03/02/2017).

    • 02/2017 - 02/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Presidente da Comissão Organizadora do II Encontro de Tecnologia de Alimentos do IFCE ? Campus Limoeiro do Norte(Portaria Nº 018/GDG, de 02/02/2017).

    • 02/2016 - 01/2017

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte.,Atividade realizada, Responsável pelo laboratório de Química(PORTARIA Nº 016/GDG, 16/02/2016).

    • 05/2013 - 02/2016

      Direção e administração, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Vice - Coordenadora do Mestrado em Alimentos.

    • 05/2014 - 07/2014

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro da Comissão do Processo de Seleção 2014.2 do Curso de Mestrado Acadêmico em Tecnologia de Alimentos - (Portaria 025/GDG de 07/05/2014).

    • 10/2011 - 05/2014

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro do Colegiado do Curso de Tecnologia em Agronegócio do IFCE ? Campus Limoeiro do Norte (Portaria nº 030/GDG, de 05/10/2011).

    • 10/2011 - 04/2014

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Ceará - Campus Limoeiro do Norte, .,Cargo ou função, Membro do colegiado Colegiado do Curso de Tecnologia em Agronegócio do IFCE ? Campus Limoeiro do Norte, constante na Portaria nº 030/GDG, de 05/10/2011.

    • 02/2009 - 02/2010

      Ensino, Irrigação e Drenagem, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Aplicada

  • 2008 - 2008

    Universidade Federal do Ceará

    Vínculo: Bolsista recém-doutor, Enquadramento Funcional: Pesquisador - Bolsista DTI, Carga horária: 30

  • 2006 - 2008

    Universidade Federal do Ceará

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador

  • 2006 - 2007

    Universidade Federal do Ceará

    Vínculo: Professor Substituto, Enquadramento Funcional: Professor Substituto, Carga horária: 40

  • 2002 - 2006

    Universidade Federal do Ceará

    Vínculo: Estudante de Pós- Graduação, Enquadramento Funcional: Bolsista FUNCAP, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Equipe do projeto de pesquisa: Polissacarídeos Vegetais: estrutura, reologia e aplicações em matrizes cromatográficas

  • 2001 - 2002

    Universidade Federal do Ceará

    Vínculo: Professor Substituto, Enquadramento Funcional: Professor Substituto, Carga horária: 40

  • 1999 - 2001

    Universidade Federal do Ceará

    Vínculo: Estudante de Pós- Graduação, Enquadramento Funcional: Bolsista FUNCAP, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Equipe do projeto de pesquisa: Uso de galactomananas endospérmicas de leguminosas para o isolamento de lectinas; Isolamento e caracterização biológica, físico química e estrutura de lectinas vegetais; Polissacarídeos vegetais: estrutura, reologia e aplicação em matrizes cromatográficas; Uso de gomas vegetais como matrizes cromatográficas para isolamento por afinidade de lectinas; Lectinas e Toxinas Vegetais: Estudos Químicos, Físico químicos e Biológicos

  • 1995 - 1999

    Universidade Federal do Ceará

    Vínculo: Estudante de Graduação, Enquadramento Funcional: Bolsista PET-CAPES, Carga horária: 12

    Outras informações:
    Equipe do projeto: Uso de galactomanans endospérmicas de leguminosas para o isolamento de lectinas.

    Atividades

    • 09/2008 - 11/2008

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências, .,Linhas de pesquisa

    • 01/2006 - 01/2007

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Geral para Engenharia

    • 01/2006 - 01/2007

      Ensino, Engenharia Mecânica, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Geral para Engenharia

    • 03/2002 - 03/2002

      Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Geral e Analítica

    • 08/2001 - 03/2002

      Ensino, Engenharia de Pesca, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Geral

    • 03/2001 - 03/2002

      Ensino, Zootecnia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Geral e Analítica

    • 03/2001 - 07/2001

      Ensino, Química Industrial, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Laboratório de Química Geral

    • 03/2001 - 07/2001

      Ensino, Engenharia de Alimentos, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Geral

    • 03/2001 - 07/2001

      Ensino, Engenharia Elétrica, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Geral

    • 12/1995 - 12/1997

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências, Departamento de Bioquímica e Biologia Molecular.,Linhas de pesquisa

  • 2001 - 2007

    Associação Brasileira de Química Ceará

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Membro de Comissão, Carga horária: 5

    Atividades

    • 03/2001 - 03/2007

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Associação Brasileira de Química Ceará, .,Cargo ou função, Membro de comissão.

  • 2006 - 2007

    Faculdade Integrada da Grande Fortaleza

    Vínculo: Professor, Enquadramento Funcional: Professor do Núcleo de Educação a Distância

    Atividades

    • 01/2006 - 06/2007

      Ensino, PROGRAMA DE BIOLOGIA, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Evolução Biológica e Ecologia, Genética e Reprodução, Química da Célula Viva

    • 03/2006 - 09/2006

      Ensino, PROGRAMA DE BIOLOGIA, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Práticas Laboratorias

  • 1998 - 1999

    Prolat Indústria e Comércio

    Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 15

    Atividades

    • 08/1998 - 03/1999

      Estágios , Prolat Indústria e Comércio, .,Estágio realizado, Controle de Qualidade.

  • 2010 - 2010

    Instituto Centro de Ensino Tecnológico

    Vínculo: Temporário, Enquadramento Funcional: Professor Especialização, Carga horária: 7

    Outras informações:
    Curso de Especialização em Saúde e Segurança Alimentar

    Atividades

    • 02/2010 - 03/2010

      Ensino, Especialização em Saúde e Segurança Alimentar, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Bioquímica Aplicada