Maria Carolina Trevisan

Maria Carolina Trevisan é jornalista há 20 anos, formada pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Sua especialidade é a cobertura de direitos humanos, direitos da infância e desigualdades raciais. Com a ANDI ? Comunicação e Direitos, foi responsável por ministrar a disciplina ?Jornalismo e Políticas Públicas Sociais? em parceria com a Escola de Comunicação e Artes da USP, pelo projeto Direitos da Infância, em parceria com o Conselho Regional de Psicologia de SP e coordenou o projeto Imprensa e Racismo, entre outros. É pesquisadora da Associação Nacional de Direitos Humanos, Pesquisa e Pós-Graduação e uma das coordenadoras do projeto Memória Massacre Carandiru, em parceria com a Direito-GV. Faz parte do conselho do Programa InFormação, que atua na formação de jornalistas. Carolina foi uma das juradas do Prêmio Garcia Marquez de Jornalismo e do Prêmio Abdias Nascimento de Jornalismo, focado em temas ligados às questões raciais. Também coordenou a última edição do Concurso Tim Lopes de Jornalismo Investigativo, que premia pautas sobre violência sexual. Em 2015 recebeu o diploma de Jornalista Amiga da Criança pelo conjunto do trabalho na área de direitos da infância. É uma das fundadoras do site Ponte (especializado em justiça, segurança pública e direitos humanos) e da rede Jornalistas Livres (focada em democracia e direitos humanos). Como repórter, atuou em veículos como Época, IstoÉ, Marie Claire, entre outros, e como colaborou para Folha de S.Paulo, Valor Econômico, Estadão, entre outros. Atuou por oito anos em zonas de extrema pobreza do Brasil, com a Fundação Kellogg, em projetos sociais de enfrentamento à pobreza e ao racismo; e com o direito à literatura, para o Instituto C&A, coordenando o Movimento por um Brasil Literário e o projeto Escola de Leitores. Em 2007, ganhou a bolsa de estudos do programa Emerging Leaders International Fellows Program, no Centro de Filantropia e Sociedade Civil, na CUNY, em Nova York, onde estudou comunicação em fundações comunitárias.

Informações coletadas do Lattes em 30/11/2018

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Especialização em Filantropia e Sociedade Civil

2007 - 2007

City University of New York
Título: Communications as a tool for building transparence, trust and sustainability in community foundations
Orientador: Barbara L. Leopold
Bolsista do(a): Fundação W K Kellogg, WKK, Estados Unidos.

Graduação em Comunicação Social - Jornalismo

1997 - 2000

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Título: Encarceradas - livro sobre a vida das mulheres da penitenciária do Tatuapé

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Periodismo que transforma.El caso de Janaína. 2018. (Encontro).

III Seminário Internacional sobre Pesquisa em Prisão.Políticas públicas, mídia e prisão. 2017. (Seminário).

Lançamento do Livro Parem de Nos Matar, de Cidinha da Silva, no Aparelha Luzia.Paremdenosmatar!, livro novo de Cidinha da Silva em São Paulo. 2017. (Encontro).

10 anos Lasamec - por que odiamos as nossas crianças (USP).Mídia e direitos da infância. 2016. (Outra).

Colisión en las fronteras de la liberdad de expresión. Periodismo en America. 2016. (Congresso).

Congresso Ulapsi 2016. La cobertura periodística de la niñez y adolescencia. 2016. (Congresso).

I Encontro baiano de mídia livre.Mídia e democracia na internet. 2016. (Encontro).

II Salão do Livro Político. O futuro da mídia independente. 2016. (Feira).

O Sistema Socioeducativo Paulista em debate.O Sistema Socioeducativo Paulista em debate. 2016. (Encontro).

Roda de Conversa: Trabalho infantil e direitos humanos.Cobertura de trabalho infantil pela midia. 2016. (Outra).

Simpósio Mídia Estado e Democracia.Mídia no século XXI. 2016. (Simpósio).

UNESCO: News Organizations Standing Up for Safety of Media Professionals. Safety for Freelancers and Social Media Producers. 2016. (Congresso).

CineDebate: Infância, Gênero, Consumo e Violência.CineDebate: Infância, Gênero, Consumo e Violência. 2015. (Outra).

Debate: branco sai, preto fica..Branco sai, preto fica.. 2015. (Outra).

Debate: maioridade penal.Discussão sobre o filme "De menor", de Caru Alves de Souza. 2015. (Outra).

I Seminário Internacional sobre Pesquisa em Prisão.GT Mídia e Prisão. 2015. (Seminário).

Medios, Sostenibilidad y la Agenda post-2015.Nuevos medios: Ponte Jornalismo. 2014. (Outra).

UNICEF: Invitación Conferencia Comunicación, Periodismo y NIñez en Campaña. Prensa y derechos de la niñez. 2014. (Congresso).

8th ISTR Internacional Conference. Communications as a Tool for Building Transparency, Trust and Sustainability in Community Foundations. 2008. (Congresso).

VI Conferencia Regional de ISTR para América Latina y el Caribe. Fundación Comunitaria y Desarrollo Local: Modelo en la Construcción de Transparencia, Legitimidad, Confianza y Sustentabilidad.. 2007. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Patricia Iglecio Fernandes

FELDMAN, A. F.;TREVISAN, M. C.. Centralizando a margem: As ilhas autônomas de re(existência) e a possibilidade de transformação a partir da mídia. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação Social - Jornalismo) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

TREVISAN, M. C.. Prêmio Garcia Marquez de Jornalismo. 2015. Fundación Nuevo Periodismo.

TREVISAN, M. C.. Prêmio Nacional Jornalista Abdias Nascimento. 2013. Agência de Notícias dos Direitos da Infância.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Giulliard de Oliveira Campos

EFEITOS DO TREINAMENTO RESISTIDO NA FORÇA, NA FLEXIBILIDADE E AUTONOMIA DE IDOSOS; Início: 2018; Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Musculação e Personal Training) - Centro Universitário Moura Lacerda; (Orientador);

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • TREVISAN, M. C. . Filantropia de justiça social, sociedade civil e movimentos sociais no Brasil. 1. ed. Rio de Janeiro: e-papers, 2018. v. 1. 245p .

  • JORDAN, A. (Org.) ; TREVISAN, M. C. (Org.) . A experiência dos Conjuntos Integrados de Projetos: um olhar avaliativo. 1. ed. São Paulo: Trevisan Editora Universitária, 2009.

  • TREVISAN, M. C. ; LANDIM, L. (Org.) . Apoio Internacional ao Desenvolvimento Local. 1. ed. São Paulo: Peirópolis, 2009. v. 1. 248p .

  • TORO, O. L. (Org.) ; TREVISAN, M. C. (Org.) . Coaching como acompanhamento de projetos sociais. 1. ed. São Paulo: Trevisan Editora Universitária, 2009.

  • TREVISAN, M. C. . O que os filmes de George Clooney e Daniela Thomas revelam sobre racismo. UOL, 29 dez. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Ganhador do Pulitzer diz que Trump cria polêmica para esconder Rússia Gate. UOL, 12 dez. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Ex-secretária de direitos humanos de Temer revela tensões com ministros. UOL, 17 nov. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Bancada ruralista questiona no STF legitimidade de terras quilombolas. UOL, 10 out. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Remover a menção a Black is Beautiful não diminui cunho racista da campanha. UOL, 10 out. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Piauí: indícios sugerem trabalho infantil no estabelecimento penal. UOL, 04 out. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . 25 anos do Carandiru: o sistema prisional é um massacre permanente. UOL, 02 out. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Análise: matéria da Folha culpa moradores da cracolândia pela violência e pelo tráfico. Mas a questão é muito mais complexa. Jornalistas Livres, 02 ago. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Para entender o nosso racismo: entrevista com a professora Ana Flauzina. Revista Brasileiros, 05 jul. 2017.

  • TREVISAN, M. C. ; ARANDA, G. . Um chá com Boaventura. Revista Brasileiros, 19 jun. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Mais armas, mais mortes. Revista Brasileiros, 07 jun. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . A vida é mesmo um emaranhado de nós. Revista Brasileiros, 23 maio 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Para não perder foro, Temer fica. Revista Brasileiros, 18 maio 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Gilmar Mendes sinaliza que STF pode libertar outros presos da Lava Jato. Revista Brasileiros, 03 maio 2017.

  • TREVISAN, M. C. . ?O orgulho negro é aprender a se manter vivo?: entrevista com Cidinha da Silva. Revista Brasileiros, 11 abr. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Ex-presidentes Lula e FHC demonstram que querem dialogar por reforma política. Revista Brasileiros, 04 abr. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Especialista em drogas defende acolhimento para tratar dependência. Revista Brasileiros, 06 mar. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Xadrez ministerial de Temer expõe fragilidade do governo diante da Lava Jato. Revista Brasileiros, 24 fev. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . A morte como pena. Revista Brasileiros, 07 fev. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Quadro de Dona Marisa é irreversível. Revista Brasileiros, 02 fev. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . FHC e Gilmar Mendes sinalizam reabrir diálogo com Lula. Revista Brasileiros, 02 fev. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . ?O Brasil encarcera muito e encarcera mal?, diz Oscar Vilhena Vieira. Revista Brasileiros, São Paulo, 16 jan. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Massacres em Boa Vista e Manaus não são acontecimentos isolados. Revista Brasileiros, 06 jan. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . Massacre em Manaus: ministro da Justiça e secretária de direitos humanos se contradizem. Revista Brasileiros, 03 jan. 2017.

  • TREVISAN, M. C. . 'Quero ser lembrado como o amigo do povo'. Revista Brasileiros, 14 dez. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Lava Jato universaliza o abuso. Revista Brasileiros, 13 dez. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Um comunista no planalto: entrevista com governador Flavio Dino. Revista Brasileiros, 11 dez. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Maranhão homenageia Negro Cosme, lider da luta negra pela liberdade. Revista Brasileiros, 20 nov. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Plenas de coragem. Revista Brasileiros, 20 nov. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Justiça Parcial: conduta de Sartori será analisada pelo CNJ. Revista Brasileiros, 18 out. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Carandiru silenciado. Revista Brasileiros, 14 out. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Bode expiatório da ira nacional. Revista Brasileiros, 22 set. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Crianças na rota de fuga. Revista Brasileiros, 15 set. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Dilma se despede do Alvorada e é recebida com abraçaço e flores. Revista Brasileiros, 06 set. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Movimentos sociais vão ao Palácio da Alvorada declarar apoio a Dilma. Revista Brasileiros, 31 ago. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Despedida da presidenta Dilma Rousseff do Palácio da Alvorada. Revista Brasileiros, Brasília, 31 ago. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Impeachment: o último ato. Revista Brasileiros, 30 ago. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . ?O Brasil é o País que mais mata por arma de fogo no mundo?. Revista Brasileiros, 25 ago. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Orçamento seletivo. Revista Brasileiros, 22 ago. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Máquina de matar e encarcerar negros: entrevista com Deborah Small. Revista Brasileiros, 16 ago. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Contra a dignidade humana. Revista Brasileiros, 08 ago. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . A liderança combativa e generosa de Luiza Bairros. Revista Brasileiros, 12 jul. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Bolsa Família: quem dá mais?. Revista Brasileiros, 01 jul. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Maconha legalizada não afeta consumo por adolescentes no Colorado. Revista Brasileiros, 26 jun. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Controle de armas e manutenção da vida. Revista Brasileiros, 21 jun. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Crônica do golpe: horas que ficarão para a história. Revista Brasileiros, 17 jun. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Povo indígena Guarani Kaiowá é historicamente ameaçado com violência. Revista Brasileiros, 16 jun. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Politica da exclusão. Revista Brasileiros, 16 jun. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Reajuste do Bolsa Família está assegurado, diz presidenta Dilma à Brasileiros. Revista Brasileiros, 19 maio 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Na véspera do golpe, religiões se unem pelo Brasil. Revista Brasileiros, 10 maio 2016.

  • TREVISAN, M. C. . ?Cunha usou o cargo para fazer manobras, constranger deputados e interferir em investigações?. Revista Brasileiros, 05 maio 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Golpe nas conquistas sociais. Revista Brasileiros, 02 maio 2016.

  • TREVISAN, M. C. . A cozinheira baiana que se tornou amiga e defensora de Lula. Revista Brasileiros, 27 abr. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . O perfil de quem estava de cada lado do muro em Brasília. Jornalistas Livres, 17 abr. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Democracia como destino. Jornalistas Livres, 16 abr. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Tucanaram a priisão. Revista Brasileiros, 12 abr. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . Onde estavam os negros na Paulista?. Jornalistas Livres, 13 mar. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . República de Congonhas: ex-ministro de FHC critica ação contra Lula e compara atitude de Moro a de golpistas do passado. Jornalistas Livres, 05 mar. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . ?É como se a cada dois dias derrubássemos um avião lotado de jovens?: entrevista com Átila Roque. Jornalistas Livres, 24 fev. 2016.

  • TREVISAN, M. C. . A democracia não se barganha. Jornalistas Livres, 17 dez. 2015.

  • TREVISAN, M. C. . Dandara vive. Jornalistas Livres, 24 nov. 2015.

  • TREVISAN, M. C. . Escolas ocupadas: a Fernão resiste. Jornalistas Livres, 15 nov. 2015.

  • TREVISAN, M. C. . Marcha fúnebre permanente. Jornalistas Livres, 16 ago. 2015.

  • TREVISAN, M. C. . O jornalismo justiceiro faz mais vítimas. Jornalistas Livres, 11 ago. 2015.

  • TREVISAN, M. C. . Meninas do Piauí: a tragédia de um jornalismo justiceiro. Revista Brasileiros, 11 jun. 2015.

  • TREVISAN, M. C. . De dentro das ocupações. Jornalistas Livres, 14 abr. 2015.

  • TREVISAN, M. C. . Os defensores do impeachment são brancos. Jornalistas Livres, 15 mar. 2015.

  • TREVISAN, M. C. . Crianças e adolescentes despedaçados pela violência sexual. Geledés, 08 ago. 2014.

  • TREVISAN, M. C. . Carandiru é aqui. Estadão, 02 abr. 2014.

  • TREVISAN, M. C. . Imprensa e racismo. Revista Fórum, 26 jul. 2013.

  • TREVISAN, M. C. . Piauí: prender o pai não resolve o problema das crianças. Só agrava. UOL.

  • TREVISAN, M. C. . Cobertura jornalística dos direitos da infância. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • TREVISAN, M. C. . Jornalismo que transforma. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • TREVISAN, M. C. . Cobertura jornalística dos direitos da infância. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • TREVISAN, M. C. . Aula: Jornalismo, democracia e direitos humanos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • TREVISAN, M. C. . O papel da mídia e a construção da mentalidade em torno da maconha. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • TREVISAN, M. C. ; DEAK, A. . Aula: Jornalismo e direitos humanos. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • TREVISAN, M. C. . O jornalismo resiste. São Paulo: Greenpeace, 2015 (Reportagem).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

TREVISAN, M. C. . Movimento de mulheres #Elenao. 2018. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

TREVISAN, M. C. ; LEAL, L. ; OLIVEIRA, D. ; Capriglione, L. . Mídia Alternativa na cobertura da crise política. 2016.

TREVISAN, M. C. ; LEAL, L. ; IGLECIAS, W. ; NABUCO, W. . Cobertura das crises econômica e política no Brasil. 2016.

TREVISAN, M. C. . Como a mídia aborda os direitos humanos?. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

TREVISAN, M. C. . Sabatina com Nabil Bonduki. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

TREVISAN, M. C. ; NASSIF, Luis . O papel da mídia no fortalecimento da democracia. 2016. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

TREVISAN, M. C. . O papel da mídia no duplo linchamento do Maranhão. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

TREVISAN, M. C. ; VARJÃO, S. ; LEAL, L. . Jornalismo policial em debate. 2015.

TREVISAN, M. C. ; TELLINI, R. ; LEAL, L. . A memória criada pela TV. 2015.

TREVISAN, M. C. . Novas mídias: das ruas às redes. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

TREVISAN, M. C. . Multitudinarias marchas contra el gobierno de Dilma Rousseff. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

TREVISAN, M. C. ; CABRAL, M. S. A. . Crise: o lide de todas as revoluções. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

TREVISAN, M. C. ; GADELHA, G. . Encontro discute direito da criança e adolescentes em Manaus. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

TREVISAN, M. C. ; MACHADO, MAIRA ROCHA ; MACHADO, M. R. DE A. ; ALMEIDA, G. . Memória Massacre Carandiru. 2015; Tema: Massacre do Carandiru e sistema prisional hoje. (Site).

TREVISAN, M. C. . Jornalistas Livres. 2015; Tema: Democracia e direitos humanos. (Site).

TREVISAN, M. C. . Jornalismo e Periferias. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

TREVISAN, M. C. . Human Rights in Brazil: A country in the conditional future. 2017. (Relatório de pesquisa).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2015

Jornalista Amiga da Criança, ANDI.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Revista Brasileiros, Editora Brasileiros. , Rua Cunha Gago - de 395/396 ao fim, Pinheiros, 05421001 - São Paulo, SP - Brasil, Telefone: (11) 30304050, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2017 - Atual

    Universo Online SA

    Vínculo: Colunista, Enquadramento Funcional: Colunista

    Outras informações:
    https://mariacarolinatrevisan.blogosfera.uol.com.br Reflexões e análises sobre questões ligadas aos direitos humanos: violência, polícia, prisão, acesso a direitos, desigualdades, violações, racismo, sistema de Justiça e política.

  • 2017 - Atual

    Assoaciação Brasileira de Jornalismo Investigativo

    Vínculo: Coordenadora de projetos, Enquadramento Funcional: Coordenadora do projeto Jornalismo e Periferi

    Outras informações:
    Oficinas para jornalistas de coletivos de periferias, cada vez mais relevantes na cobertura de temas ligados aos direitos humanos, sobretudo.

  • 2008 - 2014

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Coordenadora, Enquadramento Funcional: Especialista externo, Carga horária: 15

    Outras informações:
    Responsáveis: José Coelho (USP) e Maria Carolina Trevisan (ANDI) Tema central: A cobertura de políticas públicas sociais: desafios da mídia quando o social está no centro da pauta Objetivos gerais: 1) Estimular entre os participantes uma consciência crítica construtiva a respeito da qualidade do conteúdo da mídia sobre as questões sociais brasileiras; 2) Desenvolver com os estudantes metodologias para uma leitura crítica dos conteúdos apresentados pela mídia; 3) Indicar alternativas qualificadas para operar mudanças na visão do comunicador acerca da agenda social; 4) Influir na construção de uma representação mais democrática na mídia a partir da exploração da multiplicidade de temas e da inclusão de diversos atores da cena social brasileira. Objetivo específico: Produzir análises críticas sobre o tratamento editorial, cultural e ético oferecido pela mídia brasileira às políticas públicas sociais. Ementa: Realizado desde 2007, este curso oferecerá uma reflexão crítica sobre o tratamento que a mídia oferece às políticas sociais em geral e às políticas para a infância e adolescência em particular. Para tanto, serão examinados casos concretos da agenda social na mídia brasileira. Além disso, o curso analisará os paradigmas que orientam as políticas públicas sociais: diversidade, desenvolvimento social e direitos humanos. Procurará ainda compreender como a mídia vem contribuindo para a discussão sobre temas sociais e, quando possível, fará recomendações de aprimoramento.

  • 2005 - Atual

    Agência de Notícias dos Direitos da Infância

    Vínculo: Consultora, Enquadramento Funcional: Consultora

    Outras informações:
    Atua como consultora e coordenadora de diversos projetos executados pela ANDI ? Comunicação e Direitos (www.andi.org.br). Os mais recentes estão relacionados à coordenação do Concurso Tim Lopes de Jornalismo Investigativo; do projeto Copa e Direitos, que atuou nas principais redações das cidades sede da Copa do Mundo; da disciplina Jornalismo e Políticas Públicas Sociais, que acontece na Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo; do projeto Imprensa e Racismo, que pesquisou a cobertura de 45 jornais brasileiros ao longo de quatro anos, sobre a questão racial; e do projeto de qualificação sobre o ECA, em parceria com o CRPSP.

  • 2016 - Atual

    Revista Brasileiros

    Vínculo: repórter especial, Enquadramento Funcional: Repórter especial

    Outras informações:
    Atua na cobertura de política e dos direitos humanos.

  • 2015 - Atual

    Jornalistas Livres

    Vínculo: voluntário, Enquadramento Funcional: Fundadora, editora e repórter

    Outras informações:
    #JornalistasLivres somos uma rede de coletivos originada na diversidade. Existimos em contraponto à falsa unidade de pensamento e ação do jornalismo praticado pela mídia tradicional centralizada e centralizadora. Pensamos com nossas próprias cabeças, cada um(a) de nós com sua própria cabeça. Os valores que nos unem são o amor apaixonado pela democracia e a defesa radical dos direitos humanos.

  • 2014 - 2015

    Ponte Jornalismo

    Vínculo: Voluntário, Enquadramento Funcional: Cofundadora e repórter

    Outras informações:
    Ponte é um canal de informações sobre Segurança Pública, Justiça e Direitos Humanos que surgiu da convicção de um grupo de jornalistas de que jornalismo de qualidalde sob o prisma dos direitos humanos é capaz de ajudar na construção de um mundo mais justo; de que é preciso desnudar as razões pelas quais a população tem medo da tropa policial; revelar os fatos que levam os pobres e negros a serem vítimas de um judiciário injusto e lento, e os caminhos que permitem que o sistema prisional invista bilhões de reais para causar dor e sofrimento aos apenados. Queremos dar visibilidade a questões que passaram a ser omitidas pela mídia comercial, contar histórias que não estão no dia-a-dia, levar à sociedade informações sobre o que está silenciado, encoberto e sujo. Histórias como a de José, 17 anos, negro, preso na própria casa por um crime que não cometeu e cujas provas que atestavam sua inocência foram ignoradas pela polícia, pela promotoria e pelo tribunal. Ou a de mais um José, 20 anos, que segundo a polícia, atirou contra a própria cabeça mesmo estando algemado com as mãos para trás. E de tantos outros Josés, Amarildos e Claudias. Pretendemos, via um jornalismo investigativo e livre de compromissos econômicos, agendar o debate público, levar o Estado e a sociedade a buscar soluções para a desigualdade, a injustiça e a opressão. Para isso, o canal Ponte une jornalismo, opiniões de acadêmicos e especialistas com as ferramentas das novas tecnologias e da nova sociedade. Adotamos um modelo de produção jornalística baseado na formação de um coletivo de profissionais, unidos em torno de um ideal, num projeto sem fins lucrativos, sem nenhum tipo de filiação partidária e aberto ao diálogo e à colaboração da sociedade. A Ponte nasceu com o apoio institucional da Agência Pública de jornalismo investigativo, uma organização sem fins lucrativos pioneira no Brasil.

  • 2011 - 2012

    Street Football World

    Vínculo: Consultora, Enquadramento Funcional: Consultora comunicação e direitos humanos

    Outras informações:
    O trabalho consistiu em estruturar uma estratégia de atuação da organização social durante a Copa do Mundo no Brasil, em que fosse prioridade os direitos humanos, o enfrentamento ao racismo e os direitos da infância.

  • 2009 - 2013

    Instituto C&A

    Vínculo: Consultora, Enquadramento Funcional: Consultora

    Outras informações:
    Coordenadora de projetos sobre o direito à leitura literária. Programa Escola de Leitores e Movimento por um Brasil literário

  • 2005 - 2010

    Kellogg, W.K., Foundation

    Vínculo: Consultora, Enquadramento Funcional: Consultora

    Outras informações:
    Trabalho de acompanhamento a projetos sociais financiados pela Fundação Kellogg em áreas de extrema pobreza do Nordeste do Brasil. Implementação da mudança temática da programação para o enfrentamento ao racismo.

  • 2008 - 2008

    Global Fund for Community Foundations

    Vínculo: consultora, Enquadramento Funcional: Consultora

    Outras informações:
    Consultora do Global Fund for Community Foundations (Fundo Global para Fundações Comunitárias). Produziu pesquisa e relatório sobre o conhecimento e a viabilidade desse tipo de instituição no Brasil, junto com o Instituto Comunitário Grande Florianópolis (ICom).

  • 2001 - 2001

    Editora GLOBO

    Vínculo: Repórter revista Época, Enquadramento Funcional: Repórter revista Época

  • 1999 - 2001

    Editora Abril

    Vínculo: Repórter, Enquadramento Funcional: Repórter, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Repórter do site feminino de notícias Paralela.

  • 1997 - 1999

    Editora Tres - Revista IstoÉ

    Vínculo: Repórter, Enquadramento Funcional: Repórter