Gabrielle Moraes de Freitas

Possui ensino-medio-segundo-grau pelo organização sorocabana de ensino(2013). Tem experiência na área de Microbiologia, com ênfase em Biologia e Fisiologia dos Microorganismos.

Informações coletadas do Lattes em 06/04/2022

Acadêmico

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia

2014 - Atual

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Ensino Médio (2º grau)

2011 - 2013

Organização Sorocabana de Ensino

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Francês

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia / Subárea: Biologia e Fisiologia dos Microorganismos/Especialidade: Virologia.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.

Comissão julgadora das bancas

Silvio Luis de Oliveira

STASI, L. C.;Sílvio Luis de Oliveira. Principais tipos celulares úteis na pesquisa in-vitro de Ag anti-inflamatórios na pele. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Faculdade de Ciências Agronômicas-UNESP.

Érika Ferreira Costa

STASI, L. C.;COSTA, E. F.; OLIVEIRA, S. L.. Principais tipos celulares úteis na pesquisa in vitro de agentes anti-inflamatórios na pele. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Foi orientado por

Rejane Maria Tommasini Grotto

Polimorfismo dos Antígenos Plaquetários Humanos (HPA) em pacientes infectados pelo Vírus da Imunodefiência Humana (HIV); 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Rejane Maria Tommasini Grotto;

Kassandra Sussi Mustafé Oliveira

Desenvolvimento do Meal Cube em escala de laboratório e transferência de tecnologia para escala industrial; 2021; Orientação de outra natureza; (Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Kassandra Sussi Mustafé Oliveira;

Luiz Claudio Di Stasi

Fibroblastos e queratinócitos como alvos farmacológicos no processo de cicatrização da pele; 2018; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Engenharia de Bioprocessos) - Faculade de Ciências Agronômicas; Orientador: Luiz Claudio Di Stasi;

Produções bibliográficas

  • FREITAS, G. M. ; GROTTO, R. M. T. ; BARBOSA, F. H. ; CANTAO, N. M. ; PARDINI, M. I. M. C. ; SOUZA, L. R. . Polimorfismo dos Antígenos Plaquetários Humanos (HPA) -1, -3 e -5 em pacientes infectados pelo HIV-1. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FREITAS, G. M. ; GROTTO, R. M. T. ; CANTAO, N. M. ; BARBOSA, F. H. ; SOUZA, L. R. . Polimorfismo dos Antigenos Plaquetários Humanos (HPA) na Progressão da Infecção pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV). 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FREITAS, G. M. ; GROTTO, R. M. T. ; BARBOSA, F. H. ; CANTAO, N. M. ; PARDINI, M. I. M. C. ; SOUZA, L. R. . THE HUMAN PLATELET ANTIGENS (HPA) -1, -3 AND -5 POLYMORPHISMS IN HIV INFECTED PATIENTS. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Projetos de pesquisa

  • 2015 - 2016

    Polimorfismo dos Antígenos Plaquetários Humanos (HPA) em pacientes infectados pelo Vírus da Imunodefiência Humana (HIV), Descrição: A Aids é uma doença infecto-contagiosa que é causada pelo vírus HIV ( Human Immunodeficiency Virus ), causando deficiência no sistema imunológico humano. Sua interação vírus-célula é caracterizada pela interação de uma glicoproteína presente no envelope viral com o receptor primário CD4, que é responsável pelas primeiras interações entre o vírus e a célula hospedeira. Entretanto, o vírus da AIDS tem sido encontrado em células que não possuem tal receptor, como as plaquetas, por exemplo. Sendo assim, tem-se associado à entrada do vírus a moléculas responsáveis pela adesão celular expressas na superfície das células, como receptores ou correceptores de entrada, entre estes as integrinas. As plaquetas expressam integrinas na forma de complexos glicoproteicos e neles existem determinantes antigênicos polimórficos denominados antígenos plaquetários humanos, HPA ( Human Platelet Antigens ). Portanto, tem-se como principal objetivo associar a presença dos polimorfismos HPA -1 -3 e -5 em pacientes infectados pelo vírus da AIDS com parâmetros de progressão da doença.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Gabrielle Moraes de Freitas - Integrante / Rejane Maria Tomasini Grotto - Coordenador / Flávia Heber Barbosa - Integrante / Natália Mirele Cantão - Integrante / Maria inês de moura campos pardini - Integrante / Lenice Rosário de Souza - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

Prêmios

2016

1º lugar dentre todos os trabalhos apresentados na Faculdade de Ciências Agronômicas no Congresso de Iniciação Científica, Unesp.

Histórico profissional

Experiência profissional

2015 - 2016

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Vínculo: , Enquadramento Funcional: