Julia Thais de Assis Moraes

Mestranda em Teoria Geral do Direito pelo Centro Universitário de Marília UNIVEM 2019/2021, Mestranda em Ciências Sociais pela Universidade Estadual Paulista , UNESP -FFC , Campus de Marília 2019/2021. Graduada em Direito ( 2014/2018) na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul/ UFMS-CPTL. Atua na área de direito constitucional, especificamente em direitos fundamentais relacionados ao contexto indígena, e também na esfera de direitos humanos integrado com direitos Indígenas. Atuou como Monitora Voluntária de Direito Constitucional, nos semestre 2016/ 1 e 2016/ 2.Atuou como BOLSISTA CNPQ no Projeto de Pesquisa Cientifica " UMA ANÁLISE DOS DIREITOS CONSTITUCIONAIS RECONHECIDOS AOS ÍNDIOS NA PERSPECTIVA DAS ETNIAS GUARANI, KAIOWÁ E OFAIÉ" sob a coordenadação da Doutora Silvia Dettmer Araújo, entre 2016 e 2017.

Informações coletadas do Lattes em 21/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em andamento em Direito

2019 - Atual

Centro Universitário Euripedes de Marília
Título: A CRISE DAS DIMENSÕES DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS FACE A MINORIA INDÍGENA DIANTE A CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988 NO ATUAL CENÁRIO JURÍDICO,Orientador:
Vivianne Rigoldi.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

Graduação em Direito

2014 - 2018

Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Título: UMA ANÁLISE DO DIREITO ÀS TERRAS TRADICIONAIS RECONHECIDO PELA CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988: TERRITÓRIO TRADICIONAL PANAMBI LAGOA RICA EM MATO GROSSO DO SUL GUARANI KAIOWÁ
Orientador: Sílvia Dettmer Araújo

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Português

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

4 Encontro de Pesquisa em Relações Internacionais - EPRI, promovido pelo Programa de Educação Tutorial de Relações Internacionais da Faculdade de Filosofia e Ciências da UNESP.BREVE ANÁLISE DA INFLUÊNCIA DOS DIREITOS HUMANOS AMBIENTAL NA CONSTITUIÇÃO DE 1988 E O MEIO AMBIENTE INTERNO. 2019. (Encontro).

9 CONGRESSO DE PESQUISA CIENTÍFICA: HUMANISMO, EMPREENDEDORISMO, TECNOLOGIA, INOVAÇÃO E ÉTICA. O SUBSISTEMA DE ATENÇÃO A SAÚDE INDÍGENA (SASI) COMO EFETIVAÇÃO DO DIREITO A AUTODETERMINAÇÃO INDÍGENA. 2019. (Congresso).

9 CONGRESSO DE PESQUISA CIENTÍFICA: HUMANISMO, EMPREENDEDORISMO, TECNOLOGIA, INOVAÇÃO E ÉTICA. UMA BREVE ANÁLISE SOBRE A RESPONSABILIZAÇÃO DO BRASIL PELA CORTE INTERAMERICANA DE DIREITOS HUMANOS ACERCA DA VIOLAÇÃO DO DIREITO DE PROPRIEDADE COLETIVA DO POVO INDÍGENA XUCURU, EM PERNAMBUCO. 2019. (Congresso).

9 CONGRESSO DE PESQUISA CIENTÍFICA: HUMANISMO, EMPREENDEDORISMO, TECNOLOGIA, INOVAÇÃO E ÉTICA. UMA BREVE ANÁLISE SOBRE A RESPONSABILIZAÇÃO DO BRASIL PELA CORTE INTERAMERICANA DE DIREITOS HUMANOS ACERCA DA VIOLAÇÃO DO DIREITO DE PROPRIEDADE COLETIVA DO POVO INDÍGENA XUCURU, EM PERNAMBUCO. 2019. (Congresso).

CONGRESSO INTERDISCIPLINAR DE DIREITOS HUMANOS. A ANULAÇÃO DA TERRA TRADICIONAL PANAMBI LAGOA RICA EM MATO GROSSO DO SUL NA PERSPECTIVA DOS DIREITOS HUMANOS. 2019. (Congresso).

Congresso Interdisciplinar de Direitos Humanos (INTERDH 2019). A ANULAÇÃO DA TERRA TRADICIONAL PANAMBI LAGOA RICA EM MATO GROSSO DO SUL NA PERSPECTIVA DOS DIREITOS HUMANOS. 2019. (Congresso).

Curso de Língua Brasileira de Sinais - Libras.Aprendizagem da Língua de Sinais. 2019. (Outra).

III CONGRESSO INTERNACIONAL DE POLÍTICA SOCIAL E SERVIÇO SOCIAL: DESAFIOS CONTEMPORÂNEOS, E O IV SEMINÁRIO NACIONAL DE TERRITÓRIO E GESTÃO DE POLÍTICAS SOCIAIS, E III CONGRESSO DE DIREITO À CIDADE E JUSTIÇA AMBIENTAL."BREVES COMENTÁRIOS AO SUBSISTEMA DE ATENÇÃO À SAÚDE INDÍGENA (SASI) FACE A CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988. 2019. (Simpósio).

III CONGRESSO INTERNACIONAL DE POLÍTICA SOCIAL E SERVIÇO SOCIAL desafios contemporâneos. UM RELATO ACERCA DO PROLIND NO CAMPUS DA UFMS EM AQUIDAUANA- TERRITÓRIO ETNODEDUCACIONAL POVOS DO PANTANAL. 2019. (Congresso).

VII Congresso Brasileiro de Processo Coletivo e Cidadania.. A UTILIZAÇÃO DO RECURSO EXTRAORDINÁRIO PARA QUESTIONAR MATÉRIA FÁTICA EM PROCESSO DE OCUPAÇÃO TRADICIONAL. 2019. (Congresso).

XIV Semana da Mulher - Direitos Humanos das Mulheres e LGBTI+, Educação para Igualdade de Gênero VS "Ideologia de Gênero.BREVES COMENTÁRIOS SOBRE AGENDA 2030 DAS NAÇÕES UNIDAS: UM PASSO DECISIVO PELA IGUALDADE DE GÊNERO. 2019. (Encontro).

ENPEX - ENCONTRO PESQUISA E EXTENSÃO. 2018. (Encontro).

XVII ENPEX - ENCONTRO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÕ.A Insttitucionalização das Relações de Trabalho Indígena em Mato Grosso do Sul pelo Pacto Comunitário dos Direitos Sociais. 2018. (Encontro).

XVII ENPEX - ENCONTRO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÕ.Terra Indígena Panambi Lagoa Rica em Mato Grosso do Sul : um Direito Fundamental Anulado. 2018. (Encontro).

XVII ENPEX - ENCONTRO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÕ.As Politicas Públicas como Instrumento de Efetivação a Educação Diferenciada. 2018. (Encontro).

XVII ENPEX - ENCONTRO DE ENSINO, PESQUISA EXTENSÃO.Breves Consideraçãoes sobre os Direitos Fundamentais Indígenas na Constituição Federal de 1988 e a Convenção 169 da Organização Internacional do Trabalho. 2018. (Encontro).

CONGRESSO INTERNACIONAL DIREITOS HUMANOS. Povos Indígenas na Esfera Internacional : Uma breve Analise. 2017. (Congresso).

CONGRESSO NACIONAL FEPODI. 2017. (Congresso).

ENCONTRO INTERNACIONAL DE DIREITOS HUMANOS. 2017. (Congresso).

I ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISADORES EM DIREITO AMBIENTAL. 2017. (Congresso).

I ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISADORES EM DIREITO AMBIENTAL.A influencia da Internacionalização dos Direitos Humanos no Direito Constitucional Pátrio. 2017. (Encontro).

V Congresso Nacional FEDOPI. Um Dialogo entre a Constituição Federal e a Institucionalização dos Direitos Fundamentais no Contexto Indígena. 2017. (Congresso).

XXII Encontro Sul Mato Grossense de Geógrafos - ENSUL.O Direito ao Território Tradicional Panambi Lagoa Rica dos Guarani Kaiowa em Mato Grosso do Sul. 2017. (Encontro).

I Encontro de Iniciação Científica do Curso Direito - ENCID. 2016. (Encontro).

XII SIMPÓSIO NACIONAL DIREITO CONSTITUCIONAL. 2016. (Simpósio).

XVIII SEMANA JURÍDICA DE DIREITO DA UFMS. 2016. (Outra).

V CONGRESSO DE DIREITO DESENVOLVIMENTO. 2015. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Cleber Affonso Angeluci

DETTMER, S. A.; MOREIRA, A. S.;ANGELUCI, C. A.. Uma análise do direito ás terras tradicionais reconhecido pela Constituição Federal de 1988: território tradicional Panambi Lagoa Rica em Mato Grosso do Sul. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Adailson da Silva Moreira

Dettmar, S. A.;MOREIRA, A. S.; C. A. A.. Uma análise do direito às terras tradicionais reconhecido pela Constituição Federal de 1988: território tradicional Panambi Lagoa Rica em Mato Grosso do Sul - Guarani Kaiowá. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Silvia Araújo Dettmer

DETTMER, Silvia Araújo; MOREIRA, A. S.; ANGELUCCI, C. A.. As terras tradicionais reconhecidas pela Constituição Federal de 1988: território tradicional Panambi Lagoa Rica em Mato Grosso do Sul - Guarani Kaiowá. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em DIREITO) - UFMS - CPTL.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Julia Thais de Assis Moraes

UMA ANÁLISE DO DIREITO ÀS TERRAS TRADICIONAIS RECONHECIDO PELA CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988: TERRITÓRIO TRADICIONAL PANAMBI LAGOA RICA EM MATO GROSSO DO SUL ? GUARANI KAIOWÁ; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul; Orientador: Julia Thais de Assis Moraes;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Julia Thais de Assis Moraes

UMA ANÁLISE DO DIREITO ÀS TERRAS TRADICIONAIS RECONHECIDO PELA CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988: TERRITÓRIO TRADICIONAL PANAMBI LAGOA RICA EM MATO GROSSO DO SUL ? GUARANI KAIOWÁ; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul; Orientador: Julia Thais de Assis Moraes;

Vivianne Rigoldi

A crise das dimensões dos direitos fundamentais face a minoria indígena diante da Constituição Federal de 1988 no atual cenário jurídico brasileiro; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Direito) - Centro Universitário Euripedes de Marília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Silvia Araújo Dettmer

Monitoria Voluntária; 2016; Orientação de outra natureza; (DIREITO) - UFMS - CPTL; Orientador: Silvia Araújo Dettmer;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • MORAES, J. T. A. ; RIGOLDI, V. . PROLIND ? A IDENTIDADE ÉTNICA COMO ORIENTADORA DO PROCESSO EDUCACIONAL: UMA ANÁLISE DE SUA EFETIVAÇÃO NO CAMPUS DA UFMS EM AQUIDAUANA. ARGUMENTA , v. 1, p. 1-200, 2019.

  • MORAES, J. T. A. . A CRISE DAS DIMENSÕES DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS FACE A MINORIA INDÍGENA DIANTE A CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988 NO ATUAL CENÁRIO JURÍDICO BRASILEIRO. Juris toledo , v. 4, p. 1, 2019.

  • MORAES, J. T. A. ; DETTMER, S. A. . MA ANÁLISE DO DIREITO AO TERRITÓRIO TRADICIONAL PANAMBI LAGOA RICA DOS GUARANI-KAIOWÁ EM MATO GROSSO DO SUL SOB A PERSPECTIVA DA CONSTITUIÇÃO DE 1988. REVISTA DA FACULDADE DE DIREITO DA UFG , v. 43, p. 1-10, 2019.

  • MORAES, J. T. A. ; MORAES, J. T. A. . MA ANÁLISE DO DIREITO AO TERRITÓRIO TRADICIONAL PANAMBI LAGOA RICA DOS GUARANI-KAIOWÁ EM MATO GROSSO DO SUL SOB A PERSPECTIVA DA CONSTITUIÇÃO DE 1988. REVISTA DA FACULDADE DE DIREITO DA UFG , v. 43, p. 1-10, 2019.

  • MORAES, J. T. A. ; RANIERI M A . A VIOLAÇÃO DA SEGURANÇA JURÍDICA NO PROCESSO DE ANULAÇÃO DEMARCATÓRIA PANAMBI LAGOA RICA FACE AOS DOS DIREITOS HUMANOS. http://dx.doi.org/10.26668/IndexLawJournals/2526-0022/2019.v5i1.5370 , v. 5, p. 18-34, 2019.

  • MORAES, J. T. A. ; DETTMER, S. A. . BREVE ÁNALISE SOBRE AS RELAÇOES DE TRABALHO INDÍGENA EM MATO GROSSO DO SUL SOB A PERSPECTIVA DO PACTO COMUNITÁRIO DOS DIREITOS SOCIAIS. Revista do Ministério Público do Trabalho do Mato Grosso do Sul , v. 2017, p. 124, 2018.

  • MORAES, J. T. A. ; DETTMER, S. A. . OS DIREITOS CONSTITUCIONAIS DOS ÍNDIOS E O DIREITO À DIFERENÇA FACE AO PRINCÍPIO DA DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA. REJU - REVISTA JURÍDICA DA OAPEC ENSINO SUPERIOR , v. 6, p. 140, 2018.

  • MORAES, J. T. A. . A REGULAMENTAÇÃO NORMATIVA DAS CONDIÇÕES DE TRABALHO INDÍGENA EM MATO GROSSO DO SUL SOB A ÉGIDE DO PACTO COMUNITÁRIO DOS DIREITOS SOCIAIS E DA CONVENÇÃO 169 DA OIT. Revista Juris , v. 3, p. 200, 2018.

  • MORAES, J. T. A. . O SUBSISTEMA DE ATENÇÃO À SAÚDE INDÍGENA E SUA EFETIVAÇÃO NO ESTADO DE MATO GROSSO SUL: ANÁLISE NO FUNCIONAMENTO, AÇÕES E SERVIÇOS. Revista Juris TOLEDO , v. 3, p. 1-194, 2018.

  • MORAES, J. T. A. ; DETTMER, S. A. . O direito à terra indígena analisado no caso Guyrároka em Mato Grosso do Sul face à Constituição de 1988 e a Convenção Americana de Direitos Humanos. IUS GENTIUM , v. 9, p. 1-100, 2018.

  • MORAES, J. T. A. ; DETTMER, S. A. . O direito à terra indígena sob a perspectiva da CF/88 e dos direitos humanos e sua respectiva aplicação no caso Guyraroká em Mato Grosso do Sul. REVISTA PUBLICUM , v. 4, p. 1-141, 2018.

  • MORAES, J. T. A. . O DIREITO AO TERRITÓRIO TRADICIONAL PANAMBI LAGOA RICA DOS GUARANI-KAIOWÁ EM MATO GROSSO DO SUL. REVISTA ELETRÔNICA DA ASSOCIAÇÃO DOS GEÓGRAFOS BRASILEIROS, SEÇÃO TRÊS LAGOAS , v. Vol. 1, p. 409, 2017.

  • MORAES, J. T. A. . ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE O DIREITO FUNDAMENTAL SOCIAL À EDUCAÇÃO DIFERENCIADA APLICADO AO GUARANI-KAIOWÁ EM MATO GROSSO DO SUL. ETIC - ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - ISSN 21-76-8498, V , v. 7, p. 10, 2017.

  • MORAES, J. T. A. ; DETTMER, S. A. . BREVE ANÁLISE ENTRE A CONSTITUIÇÃO FEDERAL E A INSTITUCIONALIZAÇÃO DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS NO CONTEXTO INDÍGENA. Revista Aporia Jurídica , v. 1, p. 228, 2017.

  • MORAES, J. T. A. ; DETTMER, S. A. . TERRITÓRIO TRADICIONAL PANAMBI LAGOA RICA DOS GUARANI-KAIOWÁ EM MATO GROSSO DO SUL: Uma Breve Análise. Revistas Direito e Sociedade Publicações , v. 6, p. 1-200, 2017.

  • MORAES, J. T. A. ; DETTMER, S. A. . OS DIREITOS FUNDAMENTAIS E A PREVALÊNCIA DOS DIREITOS HUMANOS NAS RELAÇÕES DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL NO CONTEXTO DOS DIREITOS INDÍGENAS. Revistas Direito e Sociedade Publicaçõe , v. 6, p. 1-200, 2017.

  • MORAES, J. T. A. ; DETTMER, S. A. . O PACTO COMUNITÁRIO DOS DIREITOS SOCIAIS E A PROTEÇÃO LEGAL AO TRABALHADOR INDÍGENA EM MATO GROSSO DO SUL. Revistas Direito e Sociedade Publicações , v. 6, p. 1-200, 2017.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - 2018

    Uma análise dos direitos constitucionais reconhecidos aos índios nas perspectivas das etnias guarani kaiowá e ofaié, Descrição: Em Mato Grosso do Sul a questão indígena é evidenciada em razão de possuir a segunda maior população indígena por estado do Brasil, atrás apenas do Amazonas (IBGE, 2010) Assim, analisar a situação dos povos originários do estado, torna-se um dever das instituições de ensino superior como a Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). O presente trabalho visa contribuir para empreender realidade normativa aos direitos indígenas contidos no texto constitucional. E também cumprir com a finalidade do ensino superior, consubstanciado na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, de compreender o meio onde vive o homem, como neste caso a população indígena do estado, e divulgar a cultura dos povos originários que se confundem com a cultura estadual. BOLSISTA CNPQ. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Julia Thais de Assis Moraes - Integrante / Silvia Araújo Dettmer - Coordenador., Financiador(es): Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - Bolsa., Número de produções C, T & A: 14

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2019

MELHOR TRABALHO NA SESSÃO TEMÁTICA " DIREITOS HUMANOS, CULTURA E MEIO AMBIENTE ", UNESP- MARÍLIA.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2016 - 2017

    Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

    Vínculo: Voluntária, Enquadramento Funcional: Monitora, Carga horária: 12, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Monitora de Direito Constitucional IV- Repartição de competências entre entes federativos, intervenção federal, repartição de poderes,processo legislativo.

  • 2016 - 2016

    Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

    Vínculo: Voluntária, Enquadramento Funcional: Monitora, Carga horária: 12, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Monitora de Direito Constitucional II: direitos sociais.

    Atividades

    • 11/2016 - 06/2017

      Ensino, Direito, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Monitoria voluntária Direito Constitucional IV

    • 06/2016 - 10/2016

      Ensino, Direito, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Monitora voluntária de Direito Constitucional III: direitos sociais.

  • 2019 - Atual

    Centro Universitário Euripedes de Marília

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Mestranda, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 02/2019

      Estágios , Centro Universitário Euripides de Marília, .,Estágio realizado, Estágio Docência.

  • 2019 - Atual

    universidade estadual paulista

    Vínculo: Voluntária, Enquadramento Funcional: Discente, Carga horária: 4

    Outras informações:
    Discente no Programa de Pós Graduação em Ciências Sociais