Lia Ribeiro Motter

Formanda do curso de Pedagogia pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC).

Informações coletadas do Lattes em 21/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Pedagogia

2014 - Atual

Universidade do Estado de Santa Catarina
Título: Aquisição da linguagem e o input linguístico: as contribuições da teoria chomskiana para a docência na educação infantil da educação básica
Orientador: Lucilene Lisboa de Liz

Ensino Médio (2º grau)

2011 - 2013

Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Filosofia.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da educação.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Seminário de Iniciação Científica.O autogoverno no Colégio Nova Friburgo na década de 1960. 2016. (Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Patrícia de Oliveira e Silva Pereira Mendes

Valle, Carla Martins;MENDES, Patrícia O e S Pereira; Coppete, Maria Conceição. Aquisição da Linguagem: as contribuições da abordagem chomskiana e a relevância das brincadeiras e jogos linguísticos como rotina na prática da educação infantil. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia Presencial FAED) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Lucilene Lisboa de Liz

AQUISIÇÃO DE LINGUAGEM: AS CONTRIBUIÇÕES DA ABORDAGEM CHOMSKIANA E A RELEVÂNCIA DAS BRINCADEIRAS E JOGOS LINGUÍSTICOS COMO ROTINA NA PRÁTICA DOCENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Pedagogia) - Universidade do Estado de Santa Catarina; Orientador: Lucilene Lisboa de Liz;

Norberto Dallabrida

O Autogoverno no Colégio Nova Friburgo na década de 1960; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Pedagogia) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Norberto Dallabrida;

Jaimir Conte

A filosofia moral de Berkeley; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Jaimir Conte;

Carla Regina Martins Valle

AQUISIÇÃO DE LINGUAGEM E O INPUT LINGUÍSTICO: AS CONTRIBUIÇÕES DA TEORIA CHOMSKIANA PARA A DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL DA EDUCAÇÃO BÁSICA; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Curso de Pedagogia) - Universidade do Estado de Santa Catarina; Orientador: Carla Regina Martins Valle;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • HERMENEGILDO, A. B. ; NORONHA, J. F. ; FABRIN, L. ; MONTIBELLER, R. B. ; MOTTER, L. R. . Escolas Alternativas: um lugar para viver as infâncias. Jornal da Educação, Joinville, 29 maio 2015.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2016 - 2017

    A natureza da filosofia de Berkeley, Descrição: George Berkeley é comumente apresentado como um filósofo empirista, ou seja, um filósofo para quem a experiência constitui a base de todo o conhecimento humano, e lembrado em virtude de sua defesa do princípio ser é ser percebido e do imaterialismo. Apesar do grande empenho filosófico de Berkeley contra a existência da matéria e a favor da tese de que as coisas físicas não consistem senão de ideias (e, assim, não existem independentemente de ser percebidas pela mente) ter levado muitos a interpretá-lo como um idealista subjetivo, Berkeley procurou mostrar que o imaterialismo não representava a negação da existência do mundo exterior. Ele considerou que o imaterialismo não apenas eliminava o ceticismo quanto à existência do mundo exterior como garantia a possibilidade do nosso conhecimento de um mundo objetivo. Na verdade, o objetivo declarado de Berkeley ao defender o imaterialismo era não apenas combater o ceticismo, mas, antes, salvar o realismo perceptivo direto do senso comum destruído pelas doutrinas materialistas ou representacionalistas. Assim, uma vez que Berkeley estava interessado em contemplar uma característica fundamental da concepção ordinária do conhecimento ? que os objetos imediatos de nossa percepção são os objetos reais ? e afastar o ceticismo abrigado pelo realismo representativo ou indireto, parece plausível considerar que ele partilhou uma teoria da percepção que pode ser considerada uma forma de realismo direto... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Lia Ribeiro Motter - Integrante / Jaimir Conte - Coordenador.

  • 2015 - 2016

    Cultura Escolar nas Classes Secundárias Experimentais nos estados do Rio de Janeiro e de São Paulo (décadas de 1950 e 1960), Descrição: O presente projeto de pesquisa se propõe a compreender a cultura escolar das classes secundárias experimentais colocadas em prática em colégios públicos e privados, nos estados do Rio de Janeiro e de São Paulo, nas décadas de 50 e 60 do século XX. Trata-se de experiências educativas renovadoras no ensino secundário brasileiro, que, em meados do século XX, ainda era marcado pelo tradicionalismo pedagógico, pela rigidez curricular e pelo elitismo. As classes secundárias experimentais representaram a renovação escolanovista no ensino secundário brasileiro a partir da apropriação das matrizes pedagógicas das classes nouvelles, produzida no Centre International d`Études Pedagogiques (CIEP) de Sèvres e do Método Pierre Faure, desenvolvido no Institut Catholique de Paris respectivamente nos colégios públicos e em educandários confessionais. O recorte temporal considera dois fatos fundadores ocorridos em 1951, ano em que Luiz Contier retorna do seu estágio no CIEP e inicia experiência pioneira de cultura escolar no ensino secundário no Instituto Alberto Conte (Estado de São Paulo) e quando foi inaugurado o Colégio Nova Friburgo (Estado do Rio de Janeiro) e o ano de 1969, quando ocorreu o fechamento das experiências renovadoras no ensino secundário. Para ler essa questão, usa-se o conceito de apropriação, compreendido na perspectiva do historiador Roger Chartier, que considera que os bens culturais são usados de forma diferente, de modo que a recepção é realizada com criatividade, por meio de resistências, ressignificações e arranjos. No campo educacional adota-se essa perspectiva historiográfica para compreender a discrepância entre a cultura escolar prescrita em textos normativos como leis, decretos, projetos pedagógicos, planos de ensino, entre outros, e a cultura escolar praticada em sala de aula. O corpus documental desta investigação histórica é formado por documentos escritos de instituições pedagógicas francesas (CIEP e o Institut Catholique de Paris) e de acervos, centros de memórias de instituições e de escolas dos estados do Rio de Janeiro e de São Paulo. Enfim, por meio desse um olhar histórico sobre as classes secundárias experimentais procura-se iluminar o projeto do Ensino Médio Inovador, que atualmente está sendo implantado pelo MEC.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Lia Ribeiro Motter - Coordenador / Lauren Fabrin - Integrante / Maike Cristine Kretzschmar Ricci - Integrante / Norberto Dallabrida - Integrante / Juliana Maués Silva Clarino - Integrante / Luci Schmoeller - Integrante / Yomara Feitosa Caetano de Oliveira Fagionato - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2016 - 2017

Universidade Federal de Santa Catarina

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

2015 - 2016

Universidade do Estado de Santa Catarina

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.