Gabriela Duarte Monaco

Graduanda do 7° período de Engenharia Agronômica pela Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias ? UNESP Campus Jaboticabal. Atualmente é bolsista CAPES pelo Programa de Educação Tutorial (PET Engª Agronômica) da SESu/MEC. Realiza treinamento de Agricultura de Precisão pelo Laboratório de Máquinas e Mecanização Agrícola (LAMMA), orientada pelo Prof. Dr. Cristiano Zerbato. Membro da equipe Monsanto PRIME desde 2017. Diretora de Marketing do Grupo de Integração Empresa Universidade (GIEU). Coordenadora de curso da 46ª Semana de Ciência e Tecnologia em Agropecuária.

Informações coletadas do Lattes em 03/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Agronomia

2015 - Atual

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Ensino Médio (2º grau)

2012 - 2014

CIDADE DE ITU ANGLO

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

MONACO, G. D. . O Futuro Tecnológico na Agricultura. 2018. (Outro).

MONACO, G. D. . 1º Simpósio de Fruticultura Tropical. 2018. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

24ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação (Agrishow). 2017. (Feira).

Curso de Identificação de Lagartas. 2017. (Outra).

Curso de Perspectivas e inovações no setor canavieiro. 2017. (Outra).

Manejo da alfafa para bovinos de leite. 2017. 2017. (Outra).

SPMEC 2017 - SIMPÓSIO DE AGRICULTURA DE PRECISÃO E MECANIZAÇÃO EM CANA-DE-AÇÚCAR. 2017. (Simpósio).

VI Dia de Campo de Culturas de Inverno. 2017. (Outra).

XII SEA - O aluno competitivo se tornará um profissional pitbull?. 2017. (Outra).

XXIX Congresso de Iniciação Científica da Unesp. Estimativa da produtividade e da maturação das vagens de amendoim por meio de técnicas de sensoriamento remoto. 2017. (Congresso).

Curso The Climate Corporation - Agricultura Digital. 2016. (Outra).

22ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação (Agrishow). 2015. (Feira).

Curso de Agricultura de Precisão aliada à produção de grãos. 2015. (Outra).

IV Dia de Campo de Culturas de Inverno. 2015. (Outra).

MINICURSO de Bioinformática - Primeiros Passos. 2015. (Outra).

XIX Dia de Campo CAP Jr.: Soja, Milho, Amendoim e Cana-de-açúcar. 2015. (Exposição).

Curso de Computação Básica. 2014. (Outra).

Curso de Inovação e Empreendedorismo Pessoal. 2014. (Outra).

Curso de Neurolinguistica. 2014. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Teresa Cristina Tarlé Pissarra

Monitoria Voluntária nas disciplinas Topografia I e Topografia II; 2017; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - UNESP/Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias - Câmpus de Jaboticabal; Orientador: Teresa Cristina Tarlé Pissarra;

Cristiano Zerbato

Estimativa da produtividade e da maturação das vagens de amendoim por meio de técnicas de sensoriamento remoto; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Cristiano Zerbato;

David Luciano Rosalen

Monitoria voluntária na disciplina de Topografia I; 2017; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias de Jaboticabal - UNESP; Orientador: David Luciano Rosalen;

David Luciano Rosalen

Monitoria voluntária na disciplina de Topografia II; 2017; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias de Jaboticabal - UNESP; Orientador: David Luciano Rosalen;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - Atual

    Estimativa da produtividade e da maturação das vagens de amendoim por meio de técnicas de sensoriamento remoto, Descrição: Avaliar e relacionar a produtividade e a maturação das vagens de amendoim com índices de vegetação obtidos por técnicas de Sensoriamento Remoto. Determinar a resposta espectral do dossel de amendoim; avaliar, dentre as duas técnicas de Sensoriamento Remoto utilizadas, a melhor correlação do NDVI com as variáveis analisadas; Avaliar qual o melhor índice de vegetação correlacionado às variáveis estudadas a partir das imagens adquiridas pelo VANT.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Gabriela Duarte Monaco - Coordenador / Cristiano Zerbato - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional