Andressa Caroline de Lucio


Informações coletadas do Lattes em 20/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em farmácia

2009 - Atual

Universidade Estadual de Londrina

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Evelyn Secco Faquin

FAQUIN, E. S.; LOLIS, D.; ALVES, J. M.. CARACTERIZAÇÃO DOS USUÁRIOS DO CRAS-CENTRO DE IBIPORÃ. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Estadual de Londrina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Dione Lolis

Projeto PET Saúde Redes/ Rede de Atenção Psicossocial: priorizando o enfrentamento do álcool, crack e outras drogas; 2015; Orientação de outra natureza; (Serviço Social) - Universidade Estadual de Londrina, Ministério da Saúde; Orientador: Dione Lolis;

Evelyn Secco Faquin

CARACTERIZAÇÃO DOS USUÁRIOS DO CRAS-CENTRO DE IBIPORÃ; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Serviço Social) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Evelyn Secco Faquin;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2009 - 2012

    PARTICIPAÇÃO DO NÚCLEO PARAVENTRICULAR DO HIPOTÁLAMO NA PRESSÃO ARTERIAL E VARIABILIDADE DA FREQUÊNCIA CARDÍACA DURANTE A SEPSE INDUZIDA POR LIPOPOLISSACARÍDEO (LPS) EM RATOS ACORDADOS, Descrição: A sepse ainda constitui uma das principais causas de morte em unidades de terapia intensiva, sendo que os principais agentes etiológicos são bactérias gram negativas, seguidas pelas gram positivas e em menor escala os fungos. A seqüência de eventos cardiovasculares durante a septicemia por LPS, é complexa, mas pode ser vista como uma vasodilatação generalizada, o que leva ao final ao colapso circulatório devido a dois fatores: aumentada produção de óxido nítrico (NO) e sensibilidade diminuída aos agentes vasoconstritores endógenos. Embora a evidência bioquímica para a produção aumentada de NO e diminuída sensibilidade a agentes vasoconstritores endógenos é sólida, pouco foi estudado sobre o envolvimento de mecanismos fisiológicos durante o choque séptico induzido por LPS. Durante a sepse, certas áreas do sistema nervoso central são ativadas e possuem papel relevante no desenvolvimento das adaptações fisiopatológicas frente ao desafio imunológico. Dentre essas áreas algumas apresentam participação chave, como o núcleo supra-óptico e o paraventricular (PVN). No PVN vários neuotransmissores participam da rede de informações processadas por este núcleo e entre eles os aminoácidos e, o óxido nítrico, tem papel relevante na função cardiovascular. A análise spectral da freqüência cardíaca e as flutuações da pressão arterial permitem uma análise indireta, mas não invasiva do controle autonômico cardiovascular em uma vasta variedade de perturbações fisiológicas. No entanto, o envolvimento do PVN nas alterações cardiovasculares e autonômicas da sepse, ainda não foi investigado. Este projeto visará avaliar a participação do óxido nítrico e dos aminoácidos na região do PVN através da microinjeção local de drogas inibidoras da síntese de NO, agonista GABAérgico e antagonista do glutamato sobre a pressão arterial e o balanço autonômico na variabilidade da freqüência cardíaca pela análise espectral após indução de sepse pela administração endovenosa de lipopolissacarídeos. . , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Andressa Caroline de Lucio - Coordenador.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional