Leopoldo Fernandes da Silva

Bacharel e Licenciado em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (IFCH/UNICAMP), em 2008. Mestre (2012) e Doutor (2018) em História pela Universidade de São Paulo (FFLCH/USP). Possui experiência na área de História Econômica, com ênfase na história do abastecimento, da alimentação e história da cidade de São Paulo, no período da Primeira República. Na área pedagógica, atuou como professor sociólogo em projeto de combate à violência na região da Brasilândia na cidade de São Paulo; também exerceu o ensino de línguas estrangeiras em escolas de idiomas e de história no cursinho popular "Cio da Terra", em Sumaré/SP. Atuou como monitor na disciplina de graduação em geografia intitulada "Geografia da Metrópole", na FFLCH/USP, no âmbito do Programa de Aperfeiçoamento de Ensino (PAE), promovido pela CAPES e Pró-Reitoria de Pós-Graduação da USP.

Informações coletadas do Lattes em 02/02/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em História Econômica

2013 - 2017

Universidade de São Paulo
Título: Da Praça do Mercado ao Matadouro: política e abastecimento de gêneros alimentícios em São Paulo nas décadas finais do Império e iniciais da República (1867-1910)
Esmeralda Blanco Bolsonaro de Moura. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: abastecimento de gêneros alimentícios; comércio; mercado e matadouro; política local.Grande área: Ciências Sociais AplicadasGrande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Planejamento Urbano e Regional / Subárea: Fundamentos do Planejamento Urbano e Regional / Especialidade: História Urbana. Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil.

Mestrado

2008 - 2011

Universidade de São Paulo
Título: O Cómercio nos bairros populares de São Paulo: os armazéns de secos e molhados (1914 - 1921),Ano de Obtenção: 2011
Esmeralda Blanco Bolsonaro de Moura.Grande área: Ciências Humanas

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2019

Pós-Doutorado. , Universidade de São Paulo, USP, Brasil. , Grande área: Ciências Humanas, Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Medicina Preventiva.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Francês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Humanas / Área: História.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

I Simpósio de pesquisa em alimentação: Metodologias em Ciências Humanas. 2018. (Simpósio).

IX Congresso de História Econômica: 200 anos de Karl Marx. Indústria, Tecnologia e Urbanização. 2018. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Edilene Teresinha Toledo

TOLEDO, Edilene; Heloisa Barbuy; André Mota; Denise Moura; Sueli Batista. Da praça do mercado ao Matadouro: política e abastecimento de gêneros alimentícios em São Paulo nas décadas finais do Império e iniciais da República (1867-1910). 2018. Tese (Doutorado em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

Heloisa Maria Silveira Barbuy

MOURA, E.B.B.;BARBUY, H.; OLIVEIRA, M. L. F.. O Comércio nos bairros populares da cidade de São Paulo: os armazéns de secos e molhados. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de pós-graduação em História Econômica) - Fac. de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo.

Heloisa Maria Silveira Barbuy

BARBUY, H.; MOTA, A.; MOURA, D. A. S.; BATISTA, S. S. S.; TOLEDO, E. T.. Da Praça do Mercado ao Matadouro: política e abastecimento de gêneros alimentícios em São Paulo nas décadas finais do Império e iniciais da República (1867-1910). 2018. Tese (Doutorado em Programa de pós-graduação em História Econômica) - Fac. de Filosofia, Letras e Cîências Humanas/USP.

Heloisa Maria Silveira Barbuy

MOURA, E.B.B.; MOTA, A.;BARBUY, H.. Expansão urbana, alimentação e saúde pública: o abastecimento de gêneros alimentícios na cidade de São Paulo. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de pós-graduação em História Econômica) - Fac. de Filosofia, Letras e Cîências Humanas/USP.

Heloisa Maria Silveira Barbuy

MOURA, E.B.B.; SAMARA, E. M.;BARBUY, H.. Secos e molhados: pequenos patrões na cidade de São Paulo (1914-1921). 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em História Social) - Fac. de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo.

Denise Aparecida Soares de Moura

BARBUY, H. M. S.; TOLEDO, E. T.; MOTA, A.; BATISTA, S. S. S.;MOURA, Denise Aparecida Soares de. Da praça do mercado ao matadouro: política e abastecimento de gêneros alimentícios em São Paulo nas décadas finais do Império e iniciais da República (1867-1910). 2018. Tese (Doutorado em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

Esmeralda Blanco Bolsonaro de Moura

MOURA, Esmeralda Blanco B. de; BARBUY, H. M. S.; OLIVEIRA, M. L. F.. O comércio nos bairros populares de São Paulo: os armazéns de secos e molhados (1914-1921).. 2012. Dissertação (Mestrado em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

Esmeralda Blanco Bolsonaro de Moura

MOURA, Esmeralda Blanco B. de; MOTA, André; BARBUY, H. M. S.. Expansão urbana, alimentação e saúde pública: o abastecimento de gêneros alimentícios na cidade de São Paulo, 1886-1920.. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

Esmeralda Blanco Bolsonaro de Moura

MOURA, Esmeralda Blanco B. de; BARBUY, Heloisa Maria Silveira; SAMARA, Eni de Mesquita. Secos e molhados: pequenos patrões na cidade de São Paulo (1914-1921).. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

Andre Mota

MOTA, ANDRÉ; MOURA, Esmeralda Blanco Bolsonaro. O Abastecimento de Gêneros Alimentícios na Cidade de São Paulo (1886-1920). 2015. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Departamento de História FFLCH-USP.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Esmeralda Blanco Bolsonaro de Moura

O comércio nos bairros populares de São Paulo: os armazéns de secos e molhados (1914-1921); ; 2012; Dissertação (Mestrado em História Econômica) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Esmeralda Blanco Bolsonaro de Moura;

Esmeralda Blanco Bolsonaro de Moura

Da Praça do Mercado ao Matadouro: política e abastecimento de gêneros alimentícios em São Paulo nas décadas finais do Império e iniciais da República (1867-1910); 2018; Tese (Doutorado em História Econômica) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Esmeralda Blanco Bolsonaro de Moura;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • SILVA, L. F. . O comércio de alimentos em São Paulo: os armazéns de secos e molhados na virada do século XIX para o XX. In: Ana Maria de Almeida Camargo. (Org.). São Paulo de Outros Tempos. 1ed.São Paulo: Associação de Arquivistas de São Paulo, 2017, v. , p. 241-256.

  • SILVA, L. F. . Ideias sobre Higiene e Saúde Pública na Imprensa Republicana: o caso do Matadouro de São Paulo. In: XXIV Encontro Estadual ANPUH - Seção São Paulo, 2018, Guarulhos. Anais do XXIV Encontro Estadual de História da ANPUH-SP, 2018.

  • SILVA, L. F. . O comércio de alimentos em São Paulo na virada do século XIX para o XX. In: XXIII Encontro Estadual de História - ANPUH -SP, 2016, Assis. Anais do XXIII Encontro Regional de História da ANPUH-SP, 2016. v. 1.

  • SILVA, L. F. . O comércio de alimentos na cidade de São Paulo na virada do século XIX para o XX. In: XXIII Encontro Estadual de História - ANPUH - SP, 2016, Assis. Caderno de Resumos - XXIII Encontro Regional de História da ANPUH-SP - História: por quê e para quem?. São Paulo: ANPUH - SP, 2016. p. 111-112.

  • SILVA, L. F. . Alimentação e Saúde Pública em São Paulo: a organização do controle sanitário da carne (1886 - 1898). 2019. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • SILVA, L. F. . Ações Sanitárias e Políticas de Higiene no Abastecimento de Carnes em São Paulo nos Primeiros Anos da República (1893-1898). 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SILVA, L. F. . Ideias sobre Higiene e Saúde Pública na Imprensa Republicana: o caso do Matadouro de São Paulo. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SILVA, L. F. . A Praça do Mercado da Rua 25 de Março: Política e Abastecimento de Gêneros Alimentícios na São Paulo Imperial (1867-1872). 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SILVA, L. F. . O comércio de alimentos em São Paulo na virada do século XIX para o XX. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SILVA, L. F. . Expansão Urbana e Comércio na Cidade de São Paulo: os armazéns de secos e molhados nos bairros populares (1910-1920). 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SILVA, L. F. . O comércio nos bairros populares da cidade de São Paulo: os Armazéns de Secos e Molhados (1913-1921). 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    Comida Saudável e Adequada: alimentação, saúde pública e medicina em São Paulo na Primeira República (1889 - 1926), Descrição: Em 1892, organizou-se o Laboratório de Análises Químicas para alimentos, bebidas e drogas no âmbito do Serviço Sanitário do Estado de São Paulo. Sediado na capital, o laboratório demarcou o início da fiscalização sanitária dos alimentos, pelo emprego de novos conhecimentos e técnicas das ciências biomédicas na identificação e controle tanto de produtos falsificados ou adulterados, quanto de alimentos de origem animal que poderiam ser vetores de transmissão de doenças contagiosas. Em 1924, os médicos Geraldo Paula Souza e Nicolino Morena publicaram uma proposta de nova legislação para a fiscalização sanitária dos alimentos, com o propósito de adequá-la a reestruturação do aparato sanitário promovida no ano seguinte. Nesta pesquisa, analisaremos a intervenção dos médicos nas questões alimentares na cidade de São Paulo, entre 1892 e 1926, no bojo da organização da primeira política de saúde pública paulista. Partimos da hipótese de que a alimentação constituiu um campo específico de ação médica e de saúde pública, que contemplava não apenas a fiscalização dos alimentos, mas se desdobrava na produção de conhecimentos científicos sobre alimentação e na sua difusão pela sociedade paulista da época. A partir do estudo histórico de relatórios e correspondências institucionais, artigos científicos e teses doutorais, bem como a imprensa, abordaremos este tema em dois eixos temáticos: i) a organização do trabalho na fiscalização sanitária dos alimentos e; ii) a formulação de discursos médicos sobre alimentação que visavam orientar as modificações nos hábitos alimentares, em um contexto de amplas transformações urbanas e econômicas em São Paulo. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Leopoldo Fernandes da Silva - Coordenador.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2016 - 2016

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: estágio Programa de Aperfeiçoamento de Ensino, Carga horária: 6

    Outras informações:
    Programa de Aperfeiçoamento de Ensino promovido pela Pró-Reitoria de Pós-Graduação da USP, em parceria com a CAPES, com o objetivo de proporcionar aos pesquisadores contato e treinamento para atuação em cursos de graduação no ensino superior. O programa é composto de um ciclo de palestras e de estágio remunerado como monitor em disciplina da graduação. Meu programa de estágio foi desenvolvido junto aos alunos da matéria Geografia da Metrópole, sob a supervisão da Profa. Dra. Ana Fani Alessandri Carlos.