Alexandre Alves de Mendonca

Possui graduação em Engenharia Metalúrgica pela Universidade Federal Fluminense (1990) e mestrado em Engenharia Metalúrgica e de Minas pela Universidade Federal de Minas Gerais (1995). Tem experiência na área de Engenharia de Materiais e Metalúrgica, com ênfase em Metalurgia Extrativa. Sólidos conhecimentos como engenheiro de processos de laminação a quente de produtos não planos e também como gestor de Aciaria Elétrica e a Oxigênio. Professor do Curso Técnico de Metalurgia do Colégio Batista de Volta Redonda de 1988 a 1990. Professor substituto da UEMG em 2014 e do Instituto Ensinar Brasil em 2015.

Informações coletadas do Lattes em 03/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Engenharia Metalúrgica e de Minas

1993 - 1995

Universidade Federal de Minas Gerais
Título: Desenvolvimento de Fio Máquina Ultra Baixo Carbono para Estampagem a Frio,Ano de Obtenção: 1995
Paulo Roberto Cetlin.Coorientador: Sergio Ferreira.

Especialização em Gestão Estratégica da Produção

1998 - 1999

Universidade Federal de Juiz de Fora
Título: Simulação do Consumo de energia do novo FEA da Belgo Mineira Juiz de Fora
Orientador: Tuffi Machado Soares

Graduação em Engenharia Metalúrgica

1985 - 1990

Universidade Federal Fluminense
Título: Estudo da influencia da temperatura e tempo de tratamento termico nas propriedades mecânicas de um aço baixo carbono ao manganês
Orientador: Ricardo de Melo Brito

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

1998 - 1998

Extensão universitária em Estatística Básica com Auxílio do SPSS. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal de Juiz de Fora, UFJF, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica / Subárea: Metalurgia de Transformação.

    Grande área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica.

    Grande área: Engenharias / Área: Engenharia de Produção.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Geralda Cristina Durães de Godoy

CETLIN, P.Godoy, G.C.D.; PERTENCE, A.; FERREIRA, S. A.. Desenvolvimento de fio-máquina de aço ultra baixo carbono para estampagem a frio. 1995. Dissertação (Mestrado em Engenharia Metalúrgica e de Minas) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Antônio Eustáquio de Melo Pertence

CETLIN, Paulo RobertoPERTENCE, A. E. M.; GODOY, G. C. D.; FERREIRA, S. A.. Desenvolvimento de Fio-Máquina de Aço Ultra Baixo Carbono para Estampagem a Frio. 1995. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Eng. Metalúrgica e de Materiais) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Antônio Eustáquio de Melo Pertence

CETLIN, P. R.;PERTENCE, A.E.M.. Estudo dos Fatores que Controlam a Estampabilidade de Aços para Forjamento a Frio. 1993. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Eng. Metalúrgica e de Materiais) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • MEDONCA, A. A. ; NAVARRO, J. N. ; VILLANOVA, E. ; COUTINHO, P. H. ; CERQUEIRA, J. F. . Redução do Power On e Consumo Energético do FEA da Votorantim Resende através da regulagem elétrica e química. In: 44o Seminário de Aciaria Internacional da ABM, 2013, Araxá. Seminário Internacional de Aciaria, 2013.

  • CETLIN, P. R. ; MEDONCA, A. A. ; PINHEIRO, I.P. . The Application of Interstitial Free (IF) Steel Wire Rod in Cold Forging.. In: Modern LC and ULC Sheet Steels for Cold Forming: Processing and Application,, 1998, Aachen. Modern LC and ULC Sheet Steels for Cold Forming, 1998. p. 121-132.

  • CETLIN, P. R. ; MEDONCA, A. A. . Efeito da Heterogeneidade de Deformação no Alongamento Uniforme de Barras de Aço Ultra Baixo Carbono para Estampagem a Frio.. In: II Seminário de Trefilação de Arames, Barras e Tubos de Metais Ferrosos e Não Ferrosos, 1995, São Paulo. Anais do II Seminário de Trefilação de Arames, Barras e Tubos de Metais Ferrosos e Não Ferrosos, 1995. p. 13-30, 1995. p. 13-30.

  • MEDONCA, A. A. ; CETLIN, P. R. . Efeito da Heterogeneidade de Deformação no Alongamento Uniforme de Barras de Aço Ultra Baixo Carbono para Estampagem a Frio.. 1995. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

MEDONCA, A. A. . Desenvolvimento de Fio Máquina de Aço Ultra Baixo Carbono para Estampagem a Frio.. 1995.

MEDONCA, A. A. . Operação de Aciaria Elétrica. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • ArcelorMittal Brasil - Matriz, ArcelorMittal Brasil - Piracicaba. , Avenida Professor Darcy Ribeiro, Casa da Lua, 27523300 - Resende, RJ - Brasil, Telefone: (24) 21086034, Ramal: 6034, Fax: (24) 2421086091

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 1995 - 2001

    Belgo Mineira Participções

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Gerente de produção, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Ch. Depart. de Controle de Processos de Aciaria (Ago/95 a Maio/97) - controle de processos de Aciaria (Forno Elétrico, Forno Panela e lingotamento Contínuo), gerenciamento das informações (Indicadores de produção, qualidade e custos) e manutenção do sistema de gestão integrado da aciaria (ISO9001, ISO14001 e BS8800) e chefia do controle de qualidade (laboratório químico e inspeção de tarugos); Ch. Depart. Produção da Aciaria (Jun/97 a Fev/01) gerenciamento da rotina da produção de aços, dos recursos humanos utilizados, dos custos operacionais, acompanhamento de novas tecnologias adotadas (revamping do Forno Elétrico, Máquina de ligotamento Contínuo e automação) e coordenação do Grupo de Benchmark Aciarias Elétricas do Grupo Belgo para o item Consumo de energia Elétrica Forno Elétrico a Arco; Ch. Depart. Controle de Processos da Aciaria (de Fev a out de 2001) Com foco na melhoria dos Processos (redução do consumo de energia Forno e aumento da produtividade), melhoria da qualidade de produtos tais como Barra Mecânica e Trefilação Fina, coordenação do grupo Benchmark das Aciarias Elétricas do Grupo Belgo no item Energia Elétrica FEA e demais itens descritos anteriormente. Coordenei FEA1 do projeto de Emprego de Gusa Líquido no Forno Elétrico da Belgo Juiz de Fora e expansão da aciaria para 1.000 kt/ano.

  • 1992 - 1995

    Belgo Mineira Participções

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Engenheiro de processos, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Controle de processos da laminação de fio-máquina da Siderúrgica Mendes Junior, controle da qualidade de laminados, desenvolvimentos de novos produtos, implementação do sistema de garantia da qualidade ISO9001 e interface entre as áreas de assistência técnica ao cliente, processo e produção.

  • 2004 - 2007

    Gerdau Cosigua

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Gerente de Fornos da Aciaria, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Coordenei 2 missões ao Japão a título de transferência de tecnologia com o Grupo Sumitomo (Kyoei). Participei de 3 missões aos Estados Unidos como consultor para redução de energia elétrica em aciarias do Grupo (Perth Amboy, Sayreville e Galatin). Participei de treinamento na BSW (1 semana) na Alemanha, projeto Benchmark do GG. Coordenei a sistemática de tratamento de falhas (causas de interrupções no Forno Elétrico) e auditorias de padrões. O sucesso dessa rotina levou a recordes sucessivos no Power Off chegando a marca de 9,9 min/corr, índice de nível internacional - Benchmark. experiência (know how) em operação com alta potência em FEA´s e elevado emprego de gusa e shredder. Ultimamente pesquisamos o ponto ótimo de redução da potência elétrica, visando mínimo custo operacional (mínimo consumo de energia, gases, eletrodos e refratários do FEA). Com a nova concha - projeto japonês, o degrau de tijolo em relação aos painéis refrigerados foi eliminado, embutindo os tijolos. O forno que já era benchmark internacional em consumo de refratários, melhorou ainda mais (Massa = 1,6 kg/t; tijolo = 0,15 e Miolo de 700 corridas). Em 2007 coordenei trabalhos de condicionamento de escória com o apoio da Magnesita. O trabalho consistiu em saturar escória com injeção de mistura de Carbono e MgCO3 pela lateral do forno durante a etapa de espumação de escória (tecnologia alemã intocast). O objetivo era a melhoria da espumação para redução de consumo energético e de refratários também. Ainda como Gerente, dava consultoria nacional e internacional. Visitei por 3 vezes plantas da Gerdau Ameristeel com objetivo de detectar ganhos potenciais em redução de custo e aumento de performance das plantas de Perth Amboy, Galatin Steel e Sayreville. Também recebia delegações de Usinas do Grupo para treinamento em operação de Fornos Elétricos.

  • 2002 - 2004

    Gerdau Cosigua

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Chefe de Fornos Elétricos, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Em abril de 2002 assumi o Cargo de Chefe de Fornos, coordenando equipe de 72 colaboradores. Participei do projeto de expansão do Forno 2 da Cosigua (Nova concha Projeto Kyoei, novo Trafo, Novos cestões 2 carregamentos; Nova ponte de carregamento, novo regulador de eletrodo AMI/ge e Revamp no sistema de injeção de O2 Praxair). Conduzi trabalhos de melhoria nos painéis refrigerados e injetores de O2 e CH4, aumentando a vida média dos mesmos de 3 meses para 3 anos projeto painéis 100 % cobre com revestimento de INCONEL fabricados pela LUMAR ).

  • 2001 - 2002

    Gerdau Cosigua

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Engenheiro de Processos, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Atuação na área de Eng. de Processos (out de 2001 a abril de 2002) de Fornos Elétricos, Forno Panela e Lingotamento Contínuo

  • 2010 - 2013

    Votorantim Siderurgia - Matriz

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Consultor de Engenharia III, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Em fevereiro de 2010, retornei para a área de Tecnologia, onde fui Gestor de Núcleos Tecnológicos, coordenando as atividades de automation, energia, gestão de indicadores de todas as áreas produtivas da Votorantim Siderurgia. Foi uma atividade corporativa e que tinha interface com as áreas de produção e engenharia. Participamos e coordenamos as atividades de FEL 1 e 2 de projetos de automation e energia, bem como da gestão de indicadores coordenando o processo de Benchmarking interno e externo da VS (7 subordinados diretos). Ultimamente após reestruturação da área e adiamento de grandes projetos em função do Cenário de Aço estar desfavorável a Investimentos, eu estava atuando como Consultor Sênior (Internacional) para assuntos ligados à Tecnologia em Metalurgia (Minas, Carvão, Coque, Alto forno e Aciarias Elétricas e LD).

  • 2007 - 2010

    Votorantim Siderurgia - Matriz

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Consultor de Engenharia Senior, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Em maio de 2007, recebi o convite para exercer o cargo de Coordenador de Projetos, cargo equivalente a gerente de Aciaria (Produção de Aços), da nova Unidade de RESENDE da Votorantim Siderurgia, que estava na fase inicial de projeto (Green Field), para início das atividades produtivas previstas para 2009. As principais atividades foram relativas às decisões técnicas e executivas de projeto envolvendo a área de Aciaria e Pátio de Sucatas. Participei desde o início do projeto FEL 1 e FEL 2, como coordenador técnico. Também fui o responsável pela configuração atual da Aciaria para atender os cenários de produção e legislação previstos bem como às diretrizes da empresa. Coordenei todo o processo de interface entre a Engenharia do Projeto e a Engenharia do fornecedor internacional para que todas as dúvidas fossem sanadas e o fluxo de informações fosse o suficiente para atender as necessidades de um projeto fast track . Tive também como responsabilidade a preparação de todos os procedimentos operacionais e de manutenção bem como a capacitação e formação de toda a equipe da aciaria e coordenação junto aos fabricantes dos equipamentos, treinamentos teóricos e práticos no Brasil e no exterior. Esse projeto foi considerado por fornecedores de equipamento, em termos de prazo, como um Projeto Benchmark Internacional (foram praticamente 2 anos para projetar, construir e partir uma planta de 1 milhão de toneladas de Não-Planos, saindo de um Green Field ). Realizamos o rump up de operação com sucesso entre os meses de setembro de 2009 a janeiro de 2010 (135 subordinados diretos).

  • 2013 - 2015

    ArcelorMittal Brasil - Matriz

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Consultor de Aciaria, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Minha missão estratégica na empresa foi a de incrementar a cultura de produtividade da Aciaria a Oxigênio, unidade Monlevade, que foi parcialmente perdida após a crise mundial de 2009, ajudando os gestores atuais a operar com Cultura de alta performance que normalmente é observada nas MiniMill´s Elétricas. Tive como principais projetos, exercendo influência direta e indireta sobre os gestores a fim de alcançar os resultados planejados, o Projeto vida de panelas que estava em 62 corridas e 16 acidentes em 2013 e agora em 2015 está estável em 70 corridas, sem nenhuma ocorrência de acidentes (vida é baixa devido a escórias agressivas empregadas em processos de aços especiais). Em 2013 estávamos em segundo lugar no custo de tarugos de Longos Brasil e agora em 1º lugar com o custo mais baixo do Grupo. Conseguimos também superar o programa de produção, mesmo em situação adversa a qual nos encontramos. Também dava suporte técnico/gerencial nas demais plantas da AM Brasil (Total de 4 Usinas), como coordenador geral de projetos de Benchmark Corporativo com objetivos de Redução de Acidentes, Redução de Custos e aumento de Produtividade nas Aciarias Elétricas. Em 2014, o total de ganhos dos projetos superou a marca de 6.6 MUSD. Outro projeto de grande impacto foi o de aumentar o rendimento metálico do gusa através da redução do teor de partículas metálicas na escória, no processo de tratamento de Gusa (dessulfuração). Ganho de cerca de 4 % no rendimento do Gusa, impactando fortemente na redução do custo do Alto Forno e da Usina. Também participei de melhorias na câmara de spray da Máquina de lingotamento para reduzir perdas por romboidade (conceito japonês de refrigeração).

  • 2014 - 2015

    Universidade do Estado de Minas Gerais

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor contratado, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Unidade de Monlevade - MG - Professor contratado de Pré-Cálculo e Fenômenos de Transporte aplicado à Metalurgia para o Curso de Engenharia Metalúrgica, Civil e Ambiental Unidade Monlevade.

  • 2015 - 2015

    Instituto Ensinar Brasil

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Substituto, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Unidade de Monlevade MG Professor contratado de Cálculo Integral e diferencial I e II.

  • 2011 - 2012

    SENAI - Departamento Regional do Rio de Janeiro

    Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Participei da coordenação de um curso de formação de operadores e técnicos da escola do aço promovido entre a Votorantim e o Senai. Preparei o curso, apostilas e ministrei aulas teóricas e práticas para a 1a e 2a turmas (2011 e 2012 respectivamente).

  • 1989 - 1991

    Colégio do Intituto Batista Americano

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Titular, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Professor das cadeiras do curso técnico de metalurgia (fundição, alto forno, metalurgia geral, instalações industriais)