Karina Henrique Binda

Graduada em Biomedicina pelo Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo. Realizou Iniciação Científica no Laboratório de Neurobiologia Celular no Departamento de Fisiologia do ICB/USP. Atualmente é mestranda pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfofuncionais da Universidade de São Paulo, no Laboratório de Neuroanatomia Funcional da Dor. Realizou Estágio de Pesquisa no Exterior na Universidade de Aarhus, Dinamarca, sob supervisão da Professora Associada Anne M. Landau.

Informações coletadas do Lattes em 30/01/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em andamento em Ciências Morfofuncionais

2018 - Atual

Universidade de São Paulo
Título: Efeito do exercício físico na nocicepção induzida no modelo de doença de Parkinson em ratos,Orientador:
Marucia Chacur.Coorientador: Caroline Cristiano Real. Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

Graduação em Ciências Biomédicas

2014 - 2017

Universidade de São Paulo
Título: Plasticidade Promovida pelo Exercício Físico no Córtex Motor e no Comportamento Motor de Ratos na Fase Inicial do Modelo da Doença de Parkinson
Orientador: Caroline Cristiano Real Gregório
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

Ensino Médio (2º grau)

2011 - 2013

Centro Educacional Charles Darwin

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2019 - 2019

Uso de Animais para Experimentação_Edição 2019. (Carga horária: 10h). , Instituto de Ciências Biomédicas - ICB/USP, ICB, Brasil.

2019 - 2019

Curso de Capacitação no Uso e Manejo de Animais de Laboratório. (Carga horária: 60h). , Instituto de Ciências Biomédicas - ICB/USP, ICB, Brasil.

2019 - 2019

The Interdisciplinary Summer School on Neuroimaging. (Carga horária: 60h). , Aarhus University, AU, Dinamarca.

2018 - 2018

Workshop Advances in Molecular Imaging and Radiopharmacy. (Carga horária: 16h). , Instituto de Radiologia - HC - USP, INRAD, Brasil.

2018 - 2018

A abolição do valor de p: a hora e a vez de uma ?nova estatística??. (Carga horária: 3h). , Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento, SBNeC, Brasil.

2018 - 2018

Neurofarmacologia Experimental. (Carga horária: 3h). , Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento, SBNeC, Brasil.

2018 - 2018

III Curso de Inverno em Dor e Sinalização Intracelular. (Carga horária: 40h). , Instituto Butantan, IBU, Brasil.

2017 - 2017

REVISITANTO OS MODELOS ANIMAIS EM PSICOFARMACOLOGIA: VALIDADES E LIMITAÇÕES. (Carga horária: 3h). , Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento, SBNEC, Brasil.

2017 - 2017

NOVAS SINAPSES NOVOS NEURÔNIOS: ASPECTOS BIOLÓGICOS E COMPUTACIONAIS. (Carga horária: 3h). , Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento, SBNEC, Brasil.

2017 - 2017

'O Método Científico: dos seus fundamentos até a prática'. (Carga horária: 3h). , Federação de Sociedades de Biologia Experimental, FESBE, Brasil.

2017 - 2017

'Como escrever um artigo e um projeto para publicação e financiamento.'. (Carga horária: 3h). , Federação das Sociedades de Biologia Experimental, FeSBE, Brasil.

2016 - 2016

Armazenamento, Manuseio e Descarte de Produtos Químicos. , Instituto de Ciências Biomédicas, ICB, Brasil.

2016 - 2016

Biossegurança e Boas Práticas de Laboratório do ICB. (Carga horária: 6h). , Instituto de Ciências Biomédicas - ICB/USP, ICB, Brasil.

2015 - 2015

Uso de animais em experimentação. (Carga horária: 10h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2014 - 2014

Treinamento Pipetting Academy da Biohit. , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2014 - 2014

Treinamento em Biossegurança. (Carga horária: 4h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Fisiologia / Subárea: Neurofisiologia.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Morfologia / Subárea: Anatomia/Especialidade: Anatomia Humana.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Fisiologia / Subárea: Doenças Neurodegenerativas.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Fisiologia / Subárea: Fisiologia do Exercício.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

BINDA, K. H. ; ROCHA, I. R. C. . IX Simpósio da Pós-Graduação em Ciências Morfofuncionais. 2018. (Outro).

BINDA, K. H. . Avaliadora de Pôsteres de Iniciação Científica - IX Simpósio da Pós-Graduação em Ciências Morfofuncionais. 2018. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

3rd Annual Research Meeting.Exercise restores synaptic integrity in a rodent model of Parkinson?s disease. 2019. (Encontro).

ECNP - European College of Neuropsychopharmacology. Antinociceptive effects of treadmill exercise in a rat model of parkinson's disease: role of cannabinoid receptors. 2019. (Congresso).

Jornada de Anatomia - Cabeça e Pescoço.Nervo Trigêmeo. 2019. (Outra).

OAK Meeting - Danish Brain Research Laboratories Meeting.Nociceptive threshold modulation promoted by physical exercise on Parkinson's disease rats model. 2019. (Encontro).

Psychiatry Research Day.Exercise restores synaptic integrity in a rodent model of Parkinson?s disease. 2019. (Encontro).

Translational Neuropsychiatry Unit Meeting.Exercise restores synaptic integrity and normalizes nociceptive threshold in a rodent model of Parkinson?s disease. 2019. (Encontro).

1st SYMPOSIUM ON GPCR IN HEALTH AND DISEASE. 2018. (Simpósio).

A Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento. Nociceptive threshold modulation promoted by physical exercise on Parkinson's disease rats model. 2018. (Congresso).

I Workshop Advances in Molecular Imaging and Radiopharmacy. 2018. (Outra).

IX Simpósio da Pós Graduação em Ciências Morfofuncionais.Nociceptive threshold modulation promoted by physical exercise on Parkinson's disease rats model. 2018. (Simpósio).

World Congress on Pain - IASP. Nociceptive threshold modulation promoted by physical exercise on Parkinson's disease rats model. 2018. (Congresso).

II Encontro Científico do Departamento de Fisiologia e Biofísica.Plasticidade promovida pelo Exercício Físico no Córtex Motor e no Comportamento Motor de Ratos na Fase Inicial do Modelo da Doença de Parkinson. 2017. (Encontro).

Society for Neuroscience. Motor cortex plasticity and behavior improvement promoted by treadmill exercise in an initial phase of Parkinson disease rat model. 2017. (Congresso).

XL Reunião Anual da SBNeC. Plasticidade promovida pelo Exercício Físico no Córtex Motor e no Comportamento Motor de Ratos na Fase Inicial do Modelo da Doença de Parkinson. 2017. (Congresso).

XXXII Reunião Anual da FeSBE. Plasticidade promovida pelo Exercício Físico no Córtex Motor e no Comportamento Motor de Ratos na Fase Inicial do Modelo da Doença de Parkinson. 2017. (Congresso).

Encontro de 5 anos do NAPNA Núcleo de Apoio à Pesquisa em Neurociência Aplicada USPSP. 2016. (Encontro).

II Workshop de Iniciação Científica da FMUSP. 2015. (Outra).

USP e as Profissões. USP e as Profissões. 2015. (Feira).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

ANDRÉA DA SILVA TORRÃO

PAGANO, R. L.;TORRÃO, A. S.; NOGUEIRA, M. I.. Efeito do exercício físico na nocicepção induzida no modelo de doença de Parkinson em ratos. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Morfofuncionais) - Instituto de Ciências Biomédicas-USP.

Caroline Cristiano Real Gregório

REAL, CCFARIA, D. P.BRITTO, L.R.G.. PLASTICIDADE PROMOVIDA PELO EXERCÍCIO FÍSICO NO CÓRTEX MOTOR E NO COMPORTAMENTO MOTOR DE RATOS NA FASE INICIAL DO MODELO DA DOENÇA DE PARKINSON. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biomédicas) - Universidade de São Paulo.

Caroline Cristiano Real Gregório

BRITTO, L.R.G.REAL, C. C.; Guimarães-Souza, E. M.. Plasticidade Promovida pelo Exercício Físico no Córtex Motor e no Comportamento Motor de Ratos na Fase Inicial do Modelo da Doença de Parkinson. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biomédicas) - Universidade de São Paulo.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Silvana Chiavegatto

Modelos animais em transtornos psiquiátricos: ênfase em comportamentos emocionais em camundongos adolescentes; 2014; Orientação de outra natureza; (Ciências Biomédicas) - Instituto de Ciências Biomédicas-USP; Orientador: Silvana Chiavegatto;

Marucia Chacur

Efeito do exercício físico na nocicepção induzida no modelo de doença de Parkinson em ratos; Início: 2018; Dissertação (Mestrado profissional em Ciencias Morfofuncional) - Instituto de Ciências Biomédicas; (Orientador);

Caroline Cristiano Real Gregório

Efeito do exercício físico na nocicepção induzida no modelo de doença de Parkinson em ratos; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em Ciências Morfofuncionais) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Coorientador);

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • BINDA, K.H. ; REAL, C.C. ; FERREIRA, A.F.F. ; BRITTO, L.R.G. ; CHACUR, M. . Antinociceptive effects of treadmill exercise in a rat model of Parkinson's disease: the role of cannabinoid and opioid receptors. BRAIN RESEARCH , v. 1727, p. 146521, 2020.

  • BINDA, K. H. ; VENEGA, R. ; BRITTO, L. ; REAL, C. C. ; CHACUR, M. . Nociceptive threshold modulation promoted by physical exercise on Parkinson's disease rats model.. 2019. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • BINDA, K. H. ; REAL, C. C. ; FERREIRA, A. F. F. ; BRITTO, L. R. G. ; CHACUR, M. . Antinociceptive effects of treadmill exercise in a rat model of parkinson's disease: role of cannabinoid receptors. 2019. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BINDA, K.H. ; REAL, C. C. ; FERREIRA, A. F. F. ; BRITTO, L.R.G. ; CHACUR, M. . Antinociceptive effects of treadmill exercise in a Parkinson disease rat model: role of cannabinoid receptors,. 2019. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BINDA, K.H. ; LILLETHORUP, T. P. ; BÆRENTZEN, S. L. ; REAL, C. C. ; CHACUR, M. ; LANDAU, A. M. . Exercise restores synaptic integrity in a rodent model of Parkinson?s disease. 2019. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BINDA, K.H. ; LILLETHORUP, T. P. ; BÆRENTZEN, S. L. ; REAL, C.C. ; CHACUR, M. ; LANDAU, A. M. . Exercise restores synaptic integrity in a rodent model of Parkinson?s disease. 2019. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BINDA, K.H. ; LILLETHORUP, T. P. ; BÆRENTZEN, S. L. ; REAL, C.C. ; CHACUR, M. ; LANDAU, A. M. . Exercise restores synaptic integrity and normalizes nociceptive threshold in a rodent model of Parkinson?s disease. 2019. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BINDA, K. H. ; VENEGA, R. ; BRITTO, L. ; REAL, C. C. ; CHACUR, M. . Nociceptive threshold modulation promoted by physical exercise on Parkinson's disease rats model.. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BINDA, K. H. ; VENEGA, R. ; BRITTO, L. ; REAL, C. C. ; CHACUR, M. . Nociceptive threshold modulation promoted by physical exercise on Parkinson's disease rats model.. 2018. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • BINDA, K. H. ; VENEGA, R. ; BRITTO, L. R. G. ; REAL, C. C. ; CHACUR, M. . Nociceptive threshold modulation promoted by physical exercise on Parkinson's disease rats model. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BINDA, K. H. ; Garcia PC ; Carneiro CG ; FARIA, D. ; BUCHPIGUEL, C. A. ; BRITTO, L. R. G. ; REAL, C. C. . Plasticidade promovida pelo Exercício Físico no Córtex Motor e no Comportamento Motor de Ratos na Fase Inicial do Modelo da Doença de Parkinson. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BINDA, K. H. ; Garcia PC ; Carneiro CG ; FARIA, D. ; BUCHPIGUEL, C. A. ; BRITTO, L. R. G. ; REAL, C. C. . Plasticidade promovida pelo Exercício Físico no Córtex Motor e no Comportamento Motor de Ratos na Fase Inicial do Modelo da Doença de Parkinson. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BINDA, K. H. ; FARIA, D. ; Garcia PC ; Carneiro CG ; BUCHPIGUEL, C. A. ; BRITTO, L. R. G. ; REAL, C. C. . Motor cortex plasticity and behavior improvement promoted by treadmill exercise in an initial phase of Parkinson disease rat model. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BINDA, K. H. ; FARIA, D. ; Garcia PC ; Carneiro CG ; BUCHPIGUEL, C. A. ; BRITTO, L. R. G. ; REAL, CAROLINE C. . Plasticidade promovida pelo Exercício Físico no Córtex Motor e no Comportamento Motor de Ratos na Fase Inicial do Modelo da Doença de Parkinson.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - 2019

    Papel dos sistemas opioides, canabinoides, dopamina e neuroinflamação sobre o limiar de dor modulado pelo exercício físico em um modelo de doença de parkinson em rato utilizando substâncias radioativas, Descrição: A doença de Parkinson (DP) é a segunda doença neurodegenerativa mais comum entre os idosos, causando um grande impacto socioeconômico com o aumento da expectativa de vida em todo o mundo. Além dos sintomas motores, existe uma alta prevalência de sintomas de dor que podem ser responsáveis pela piora da qualidade de vida do paciente. O exercício físico, por sua vez, já foi descrito pelos seus efeitos benéficos na DP com diminuição da perda neuronal em modelos animais, melhora da qualidade de vida e sintomas de dor dos pacientes. Além disso, dados recentes do nosso grupo revelaram que o exercício físico foi capaz de diminuir a sensibilidade à dor, modular a expressão de receptores opióides e canabinóides no modelo unilateral da DP. Assim, este projeto utilizará uma técnica bioanalítica (autorradiografia) para analisar a especificidade e a sensibilidade dos radiotraçadores, o que pode ser útil para a análise por PET scan, uma boa ferramenta não invasiva para a medição biológica. Para isso, avaliaremos a modulação dos receptores opioides (Mi) e canabinóides (CB2), neuroinflamação (microglia ativada) e sistema dopaminérgico (receptores DAT, VMAT2 e D2 / D3) com técnica complementar, autorradiografia, através de diferentes radiotraçadores em diferentes grupos em regiões do sistema nervoso envolvidos com o circuito neural da dor, sendo: Substância cinzenta periaqueductal (PAG) e córtex cingulado anterior (ACC). Para a análise de modulações de receptores, técnicas de autorradiografia serão realizadas em um novo e avançado sistema ai4R Beaver / Beaquant na Universidade de Aarhus, Dinamarca. Os dados serão coletados de ratos machos submetidos ao modelo PD, e ao protocolo de exercício em esteira. O exercício será realizado 3 vezes por semana durante 40 minutos durante 5 semanas a 10 m / min. O comportamento nociceptivo será avaliado em 8 momentos diferentes, sendo: basal (antes da indução do modelo), 7, 14, 21, 28, 35, 42 e 49 dias após a indução do modelo PD. No final do protocolo experimental, os animais serão sacrificados 50 dias após a cirurgia para realizar a autorradiografia. Então, com esta técnica e com este novo sistema recém adquirido no PET Center, será possível ter uma maior contribuição para uma melhor compreensão dos resultados já obtidos durante o mestrado e, no futuro, possivelmente, isso levará a uma colaboração de longa data entre Os dois laboratórios e imagens de PET in vivo podem ser realizados em futuros modelos animais e translacionados para pacientes.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Karina Henrique Binda - Integrante / Caroline Cristiano Real Gregóri - Integrante / Marucia Chacur - Coordenador / Anne M Landau - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2018 - Atual

    Efeito do exercício físico na nocicepção induzida no modelo de doença de Parkinson em ratos, Descrição: A doença de Parkinson (DP) é a segunda doença neurodegenerativa mais comum entre as pessoas idosas causando um grande impacto socioeconômico com o aumento da expectativa de vida da população mundial. Além de alterações motoras, há uma prevalência muito alta de quadros de dor com uma piora ainda maior na qualidade de vida dos pacientes. O exercício físico, por sua vez, já foi descrito por seus efeitos benéficos na DP com diminuição da perda neuronal em modelos animais, melhora na qualidade de vida e do limiar de dor dos pacientes. O objetivo deste projeto será estudar, em um modelo da doença de Parkinson unilateral induzido por 6-hidroxidopamina (6-OHDA), os possíveis mecanismos envolvidos na melhora da dor crônica relatada por pacientes diagnosticados com a DP após protocolos de exercício físico, uma intervenção não farmacológica muito utilizada nestes pacientes. Para isso, avaliaremos o comportamento nociceptivo (hiperalgesia mecânica) e motor (teste do cilindro), e a expressão de receptores opióides (mi, delta e Kapa) e do sistema canabinóide (CB1 e CB2) em regiões do sistema nervoso envolvidos com a resposta álgica, sendo elas: substância cinzenta periaquedutal (PAG), tálamo e córtex cingulado anterior (ACC). A expressão dos receptores será analisada pelas técnicas de imuno-histoquímica e Western blotting. As análises serão feitas em ratos submetidos ao modelo da DP e ao protocolo de exercício em esteira, que será realizado 3x/semana por 40 minutos por 5 semanas em uma velocidade média de 10m/min. A resposta motora será investigada em três momentos do estudo, medida basal (antes da indução do modelo), 7 dias e 49 dias após a indução do modelo da DP. Já a nocicepção será avaliada, por ter um perfil pouco conhecido, em 7 momentos distintos, medida basal (antes da indução do modelo), 7, 14, 21, 28, 35, 42 e 49ias após a indução do modelo. Ao término do protocolo os animais serão eutanasiados para análise da localização e expressão dos receptores por meio das técnicas descritas acima.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Karina Henrique Binda - Integrante / Luiz Roberto Georgetti de Britto - Integrante / Caroline Cristiano Real - Integrante / Marucia Chacur - Coordenador / Ana Flávia F. Ferreira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2016 - 2017

    Plasticidade promovida pelo exercício físico no córtex motor e no comportamento motor de ratos na fase inicial do modelo da doença de parkinson, Descrição: A doença de Parkinson (DP) é a segunda doença neurodegenerativa mais comum entre as pessoas idosas, sendo responsável por alterações motoras. O exercício físico, por sua vez, já foi descrito por seus efeitos benéficos na DP com diminuição da perda neuronal, melhora comportamental e mudanças no padrão de excitabilidade cortical. O objetivo deste projeto será entender o exercício físico como uma possível forma de retardar ou inverter as alterações motoras da DP em sua fase inicial, correlacionando alterações histológicas de tecidos encefálicos de ratos com a imagem neurofuncional (um procedimento possível na clínica médica) e testes comportamentais. Para isto, iremos avaliar mudanças neuroquímicas, neurofuncionais e comportamentais após 10 dias de indução do modelo da DP. Os ratos serão submetidos ao modelo da DP induzido por 6-hidroxidopamina estriatal unilateral e ao protocolo de exercício em esteira. As respostas comportamentais dos ratos serão investigadas com teste do cilindro. A ativação celular e microglial serão determinadas pela imunomarcação para Egr1 e Iba1, respectivamente. Será determinada, por imuno-histoquímica, a marcação para GFAP, proteínas sinápticas (sinapsina e sinaptofisina) e estruturais (neurofilamentos e MAP-2), e ainda, receptores dopaminérgicos (D1 e D2) e de BDNF (TrKb e p75) em várias regiões encefálicas envolvidas com respostas motoras. Avaliaremos as alterações neurofuncionais nos ratos com imagens obtidas marcadas com o radiofármaco Fludesoxiglicose-(18F) ([18F]FDG) obtidas na tomografia por emissão de pósitrons (PET), que avalia a atividade da glicose no encéfalo dos ratos. Assim, esse estudo ajudará no entendimento das mudanças motoras na DP em sua fase inicial e poderá correlacionar com os eventos celulares, moleculares, comportamentais e neurofuncionais da DP produzido pelo exercício físico.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Karina Henrique Binda - Integrante / Caroline Cristiano Real Gregóri - Coordenador / Camila Carneiro - Integrante / Daniela Faria - Integrante / Carlos Alberto Buchpiguel - Integrante / Luiz Roberto Georgetti de Britto - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2017

Menção Honrosa, XL Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Neurociência e Comportamento - SBNeC.

2017

Menção Honrosa, II Encontro Científico do Departamento de Fisiologia e Biofísica - ICB/USP.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade de São Paulo, Instituto de Ciências Biomédicas. , Avenida Professor Lineu Prestes, 2415, Laboratório de Neuroanatomia Funcional da Dor, Butantã, 05508000 - São Paulo, SP - Brasil, Telefone: (11) 8452, Ramal: 8452, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2019 - Atual

    Aarhus University

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluna de Mestrado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2018 - Atual

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluna Pós Graduação, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2016 - 2017

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2014 - 2016

    Instituto de Ciências Biomédicas

    Vínculo: Estágios, Enquadramento Funcional: Estágio Supervisionado, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 08/2015 - 12/2015

      Estágios , Instituto de Ciências Biomédicas, .,Estágio realizado, Estágio obrigatório por quatro meses no Laboratório de Neurobiologia Celular do Departamento de Fisiologia e Biofísica do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, sob orientação do Prof. Dr. Luiz Roberto Giorgetti de Britto..

    • 08/2014 - 12/2014

      Estágios , Instituto de Ciências Biomédicas, .,Estágio realizado, Estágio obrigatório, no período de quatro meses, no laboratório de Neurociências Comportamentais e Moleculares do Departamento de Farmacologia do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, sob a orientação de Prfa. Dra. Silvana C..

    • 04/2014 - 06/2014

      Estágios , Instituto de Ciências Biomédicas, .,Estágio realizado, Estágio obrigatório, no período de três meses, no laboratório de Bases Neurais dos Comportamentos motivados no Departamento de Anatomia do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, sob a supervisão do Prof. Dr. Newton Sabino Canteras..