Rubismar Stolf

(OBS.: download de artigos do autor: http://www.servidores.ufscar.br/hprubismar/hprubismar.htm)* RUBISMAR STOLF, Professor Titular da UFSCar, Graduado em Agronomia, Esalq-USP; mestre em Energia Nuclear na Agricultura CENA-USP e doutor em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) USP. Pós-doutorado na North Carolina State University (EUA) e na University of California (EUA), Davis. Atua na área de Manejo e Conservação do Solo e na área de mecanização agrícola: cana-de-açúcar, compactação, trator/ implemento. Na área de física de solo desenvolveu modelos de pedotransferência para estimativa da porosidade total, macro, micro, densidade da partícula, densidade máxima do solo, densidade correspondente `a Macroporosidade 10% e densidade relativa do solo. Desenvolveu aparelho para medida de resistência do solo "Penetrômetro de impacto Stolf". Realizou estudos de balanço de água e sal em açude e sobre a transposição do rio São Francisco. Professor do curso de Engenharia Agronômica Programas de Pós-graduação em "Agroecologia e Desenvolvimento Rural" e "Agricultura e Ambiente". Disciplinas: Manejo de solos e de comunidades Vegetais; Mecanização agrícola; Poluição e impactos ambientais.

Informações coletadas do Lattes em 12/11/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)

1976 - 1983

Universidade de São Paulo
Título: TRANSPLANTE DE SOQUEIRA DE CANA-DE-ACUCAR (SACCHARUM SPP) COMO TECNICA DE RENOVACAO DA CULTURA.
Orientador: Hasime Tokeshi
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: Cultivo Minimo; Plantio de Cana; Soqueira Como Muda; recuperação de soqueira.Grande área: Ciências AgráriasGrande Área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia / Especialidade: Manejo e Tratos Culturais. Setores de atividade: Produção Vegetal.

Mestrado em Energia Nuclear na Agricultura (Esalq)

1973 - 1977

Universidade de São Paulo
Título: Balanço de água e cloro no açude Quebra - Unhas (PE) utilizando as variações naturais de oxigênio-18, deutério e cloro,Ano de Obtenção: 1977
Enéas Salati.Bolsista do(a): Comissão Nacional de Energia Nuclear, CNEN, Brasil. Palavras-chave: Acude/Hidrologia; Balanco de Agua; Salinizacao.Grande área: EngenhariasGrande Área: Ciências Agrárias / Área: Engenharia Agrícola / Subárea: Engenharia de Água e Solo / Especialidade: Conservação de Solo e Água. Setores de atividade: Produtos e Serviços Voltados Para A Defesa e Proteção do Meio Ambiente, Incluindo O Desenvolvimento Sustentado.

Especialização em Introdução à Energia Nuclear na Agricultura

1970 - 1971

Universidade de São Paulo
Título: Estudo do enriquecimento isotópico do oxigênio-18 por destilação fracionada da água
Orientador: Enéas Salati
Bolsista do(a): Comissão Nacional de Energia Nuclear, CNEN, Brasil.

Graduação em Agronomia

1969 - 1973

Universidade de São Paulo
Bolsista do(a): Comissão Nacional de Energia Nuclear, CNEN, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

1992 - 1992

Pós-Doutorado. , University of California System, UC System, Estados Unidos. , Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. , Grande área: Ciências Agrárias

1991 - 1992

Pós-Doutorado. , North Carolina State University, NCSU, Estados Unidos. , Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. , Grande área: Ciências Agrárias

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2012 - 2012

Método lógico para redação científica internacion. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

2012 - 2012

Curso prático de GPS para uso na agropecuária. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

2007 - 2007

Curso de Operação e Manutenção de tratores. (Carga horária: 16h). , Valtra, VALTRA, Brasil.

2007 - 2007

Física para poetas. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

2006 - 2006

Excel Avançado. (Carga horária: 20h). , PEOPLE -Araras, PEOPLE, Brasil.

1999 - 1999

Formação de Líderes. (Carga horária: 16h). , Fundação Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

1999 - 1999

Comunicação e Negociação. (Carga horária: 14h). , Sociedade Brasileira de Programação Neurolinguística, SBPNL, Brasil.

1999 - 1999

Internet. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

1996 - 1996

Extensão universitária em Liderança Comunicação e Relações Humanas. (Carga horária: 108h). , Faculdade de Ciências econômicas de Bauru, FCEB, Brasil.

1996 - 1996

Curso Básico de Integração Agropecuária. (Carga horária: 14h). , Fundação ABC para Assistência e Divulgação Técnica Agropecuária, FUNDAÇÃO ABC, Brasil.

1996 - 1996

Liderança e Motivação de Equipes. (Carga horária: 15h). , Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequena Empresas de São Paulo, SEBRAE-SP, Brasil.

1996 - 1996

Neurolinguistica aplicada a Vendas. (Carga horária: 15h). , Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequena Empresas de São Paulo, SEBRAE-SP, Brasil.

1996 - 1996

Curso de Geoestatística básica: soft Geoeas. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual Paulista, UNESP, Brasil.

1996 - 1996

Programação em Visual Basic. , Escola People, PEOPLE, Brasil.

1996 - 1996

Decisões Poderosas- Análise de Problemas Tomada de. (Carga horária: 12h). , Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequena Empresas de São Paulo, SEBRAE-SP, Brasil.

1995 - 1995

Geoestatística Básica-Aplicação do Software GEOEAS. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

1992 - 1992

Extensão universitária em STA LEC 137 APPL. TIME SERIES ANALYSIS 3.0. SHUMM. (Carga horária: 40h). , University of California Davis, UCDAVIS, Estados Unidos.

1992 - 1992

Extensão universitária em WSC LEC 172 FARM WATER MANAGEMENT 3.0. HOPMANS, J. (Carga horária: 40h). , University of California Davis, UCDAVIS, Estados Unidos.

1992 - 1992

Extensão universitária em WSC LEC 250 ADVANCE SOIL PHYSICS 3.0. NIELSEN, D,. (Carga horária: 40h). , University of California Davis, UCDAVIS, Estados Unidos.

1992 - 1992

Extensão universitária em WSC LEC 180 CHEMISTRY OF HYDROSPHERE 3.0. TANJI,. (Carga horária: 40h). , University of California Davis, UCDAVIS, Estados Unidos.

1988 - 1988

Extensão universitária em Escuela latino-americana de física del Suelos. (Carga horária: 80h). , Embrapa Instrumentação Agropecuária, EMBRAPA, Brasil.

1988 - 1988

Matemática Financeira Aplicada. (Carga horária: 25h). , Centro de Especializaçã0 e Desenvolvimento Gerencial, DESEG, Brasil.

1988 - 1988

M\atemática Financeira Aplicada. (Carga horária: 18h). , Centro de Especialização e Desenvolvimento Gerencial, DESEG, Brasil.

1986 - 1986

Oratória - Nível Superior. (Carga horária: 60h). , Instituto Vilella Comunicações, IVC, Brasil.

1986 - 1986

Comunicação Oral. (Carga horária: 60h). , Instituto Vilella Comunicações, IVC, Brasil.

1986 - 1986

Redação, Criatividade e Grática. (Carga horária: 120h). , Instituto Vilella Comunicações, IVC, Brasil.

1984 - 1985

Curso ESpecial Intensivo de Inglês. (Carga horária: 280h). , CEL - LEP Centro de Ensino de Línguas, CEL - LEP, Brasil.

1984 - 1984

I Semana de Plantio Direto. (Carga horária: 25h). , Centro Acadêmico Luiz de Queiroz, CALQ, Brasil.

1983 - 1983

Linguagem basic I -Introdutório. (Carga horária: 17h). , SERVIMEC, SERVIMEC, Brasil.

1983 - 1983

Linguagem basic II -Avançado. , SERVIMEC, SERVIMEC, Brasil.

1982 - 1982

P/ técnicos de laboratórios de análises de física. , Instituto do Açucar e do Alcool - Programa de melhoramento da cana-de-açuca, IAA/PLANALSUCAR, Brasil.

1981 - 1981

Curso Técnico de Mecânica CBT I. (Carga horária: 48h). , Companhia Brasileira de Tratores, CBT, Brasil.

1980 - 1980

Extensão universitária em Estatística Experimental. (Carga horária: 150h). , Instituto do Açucar e do Alcool - Programa de melhoramento da cana-de-açuca, IAA/PLANALSUCAR, Brasil.

1980 - 1980

CursoIntensivoPACTO - Prg.Treina/EmGerênc e Inovaç. (Carga horária: 40h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

1979 - 1979

Aplicação de fertilizantes e herbicidas em cana-de. (Carga horária: 14h). , Instituto do Açucar e do Alcool - Programa de melhoramento da cana-de-açuca, IAA/PLANALSUCAR, Brasil.

1976 - 1976

Extensão universitária em I Colóquio sobre matéria orgânica do solo. (Carga horária: 32h). , Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, ESALQ - USP, Brasil.

1975 - 1975

I Seminário de espectrometria de massa - VARIAN. (Carga horária: 32h). , Centro de Energia Nuclear na Agricultura, CENA - USP, Brasil.

1973 - 1973

Extensão universitária em Aplicação da Energia Nuclear. (Carga horária: 40h). , Instituto de Energia Atômica, IEA - USP, Brasil.

1973 - 1973

Técnicas nucleares em mcrobiologia do solo. (Carga horária: 24h). , Centro de Energia Nuclear na Agricultura, CENA - USP, Brasil.

1969 - 1971

Extensão universitária em Curso de introdução à energia nuclear na agricultu. (Carga horária: 1000h). , Centro de Energia Nuclear na Agricultura, CENA - USP, Brasil.

1969 - 1969

Pesagens em balanças analíticas precisão METTLER. (Carga horária: 8h). , Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, ESALQ - USP, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Ciência do Solo/Especialidade: Manejo e Conservação do Solo.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Engenharia Agrícola / Subárea: Máquinas e Implementos Agrícolas.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia.

    Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Nuclear / Subárea: Aplicações de Radioisótopos.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Engenharia Agrícola / Subárea: Engenharia de Água e Solo.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

STOLF, R. . Seminário Novas técnicas de plantio da cana-de-Açúcar: Muda Pré-brotada e MEIOSI. 2018. (Outro).

STOLF, R. . IV Simpósio de Agroecologia e Desenvolvimento Rural-Comissão Científica. Integrou a Comissão Científica. 2018. (Outro).

STOLF, R. . Seminário interpretativo dos conceitos de manejo de solo segundo Brady e Weil. 2018. (Outro).

STOLF, R. . Seminário sobre técnicas avançadas em agricultura de precisão adotadas pela usina São João (USJ). 2017. (Outro).

STOLF, R. . Seminário Dimensionamento da frota motomecanizada da área agrícola de uma usina com 50.000 ha. 2017. (Outro).

STOLF, R. . Seminário Física do solo. Levantamento, analises e interpretação em área de mata e cana-de-açúcar da Usina Santa Lúcia (Araras). 2017. (Outro).

STOLF, R. . Seminário: Física do Solo - levantamento, análises e interpretação em área de mata e cana-de-açúcar. 2016. (Outro).

R. STOLF . Coordenador da Sessão do II Congresso de Iniciação Científica da UFSCar. 2014. (Congresso).

STOLF, R. ; NORDER, L.A.C. . II Simpósio de agroecologia e desenvolvimento Rural - Comissão Científica. 2013. (Outro).

STOLF, R. ; CECCATO-ANTONINI, S.R. . I Simpósio de agroecologia e desenvolvimento Rural - Comissão Científica. 2011. (Outro).

MANTOVANELLI, D.F. ; BAIANO, L. ; STOLF, R. . Curso teórico e prático de Agroecologia. 2011. (Outro).

STOLF, R. . XXXVIII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola participação no Comitê Técnico. 2009. (Congresso).

STOLF, R. . Membro da comissão de proposta de alteração do congresso de iniciação científica da UFSCar. 1999. (Congresso).

STOLF, R. . IV Congresso de Iniciação Científica da UFSCar - membro da Comissão Científica. 1996. (Congresso).

STOLF, R. . I Ciclo de Palestras: Plantio Direto. 1995. (Outro).

STOLF, R. . III Congresso de Iniciação Científica da UFSCar - membro da Comissão Científica. 1995. (Congresso).

STOLF, R. ; HOFFMAN, H. ; CECCATO-ANTONINI, S.R. ; MACEDO, N. ; LEME, E. J. A. ; PARAZZI, C. ; PINAZZA, A. H. . Simpósio de Atualização Tecnológica na Agroindústria - TECNOCANA-93. 1993. (Outro).

STOLF, R. . Presidente da Sessão Técnica de Água e Solo. 1989. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

21th World Congress of Soil Science (21th WCSS). Stolf-Scardua model for estimating soil water retention curve (WRC) by clay content. 2018. (Congresso).

Mecanização Agrícola. 2018. (Seminário).

"Seminário de Agroecologia e Desenvolvimento Rural: desafios e perspectivas para o mundo moderno e o bem viver".Tecnologias e Processos em Agroecologia. 2017. (Seminário).

Brazilian Soil Physics Meeting, 4th Edition.Development of a digital version of Stolf impact penetrometer. 2017. (Oficina).

28a. Reunião do Grupo de Irrigação e Fertilidade em Cana-de-açúcar car.Física do Solo - uma ciência para duas áreas: irrigação e compactação do,,solo. 2016. (Encontro).

II Simpósio de Cana-de-açúcar. 2016. (Simpósio).

REUNIÃO GMEC: LANÇAMENTO COLHEDORA DE CANA VALTRA - AGCO. 2016. (Encontro).

Semana do Engenheiro Agrônomo 2016 da Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira.Compactação de Solos agrícolas e como melhorar as condições destes. 2016. (Seminário).

X CONGRESSO NACIONAL DA STAB. Avaliação de falhas em cana-de-açúcar utilizando imagens aéreas de alta precisão obtidas por vant/drone. 2016. (Congresso).

X CONGRESSO NACIONAL DA STAB. Variação do número de máquinas e implementos agrícolas com a área de produção das unidades de açúcar e álcool e o PROÁLCOOL. 2016. (Congresso).

X CONGRESSO NACIONAL DA STAB. O Programa Nacional do Álcool, PROÁLCOOL ? breve histórico década a década do etanol no Brasil. 2016. (Congresso).

II Forum Nacional de Educação (LIDE Educação). 2015. (Simpósio).

Seminário de Fisiologia Vegetal Aplicada em Cana-de-Açúcar. 2015. (Seminário).

Seminário de Mecanização Agrícola José Fernandes.Pesquisas Desenvolvidas por José Fernades (homenagem póstuma). 2015. (Seminário).

Simpósio da Cana-de-Açúcar da UNESP Dracena.Falhas no Plantio da Cana-deAçúcar pelo Sistema Mecanizado. 2015. (Simpósio).

I Workshop do projeto citros da MOKITI OKADA.Produção de citrus orgânico: discussão com 11 convidados externos de diferentes especialidades e 7 da isntituição. 2014. (Encontro).

Onde estamos no desenvolvimento do bioetanol de segunda geração? ( UNICAMP-STAB). 2014. (Outra).

Seminários I do Programa de pós-graduação de agroecologia e desenvolvimento rural.Técnicas para o ensino: paradigma dominante e o paradigma emergente. 2014. (Seminário).

Simpósio Nacional de Instrumentação Agropecuária. 2014. (Simpósio).

III Simpósio Paulista de Mecanização em Cana-de-açúcar. 2013. (Simpósio).

II Simpósio de Agroecologia e Desenvolvimento Rural.Indicadores de Sustentabilidade em Agroecossistemas e Gestão Ambiental. 2013. (Simpósio).

XLII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2013. Avaliação de falhas em cana-de-açúcar segundo método de Stolf utilizando imagens aéreas de alta precisão obtidas por VANT. 2013. (Congresso).

XLII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2013. Comparação de atributos de amostra de solo indeformada e deformada sob mesma densidade. 2013. (Congresso).

XLII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2013. xx1. 2013. (Congresso).

XLII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2013. Penetrômetro de impacto Stolf - Programa computacional de dados em excel-VBA. 2013. (Congresso).

Seminário IDEA sobre produtividade e redução de custos na agroindústria, 11. 2012. (Seminário).

Brazilian Soil Phisics Meeting.Macroporosity and relative bulk density evaluated with sand content and soil bulk density and relation of these two compaction index. 2011. (Encontro).

III Workshop de Aplicações de Técnicas Eletromagnéticas para o Monitoramento Ambiental. 2011. (Outra).

II Simpósio Paulista de Mecanização em Cana-de-açúcar.Avaliação de falhas em linhas de cana-de-açúcar. 2011. (Simpósio).

I Simpósio de Agroecologia e Desenvolvimento Rural-Comissão Científica.Integrou a Comissão Científica. 2011. (Simpósio).

XL Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2011. Incorporação de régua para medida de profundidade no projeto do penetrômetro de impacto Stolf. 2011. (Congresso).

Caminhões Transbordo de Cana Picada (GMEC - Grupo de Motomecanização do Setor Sucroalcooleiro). 2010. (Seminário).

Congreso Latinoamericano y del Caribe de Ingeniería Agrícola, 9 - CLIA 2010. Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola, 39 - CONBEA 2010. Transposição do rio São Francisco para o Nordeste semiárido do Brasil: dados técnicos, impactos ambientais e enquete sobre o volume transposto. 2010. (Congresso).

I Fórum Paulista de Agroecologia.Troca de conhecimentos na universidade. 2010. (Outra).

II. Congresso Internacional e V. Congresso Científico Uniararas. Biocombustível, Segurança e Alimentar: Cenário Político Mundial e Aspectos Técnicos. 2010. (Congresso).

I Simpósio Paulista de Mecanização em Cana-de-açúcar.A influência da compactação do solo em áreas de cana-de-açúcar. 2010. (Simpósio).

I Simpósio Paulista de Mecanização em Cana-de-açúcar -UNESP.A influência da compactação do solo em áreas de cana-de-açúcar. 2010. (Simpósio).

Palestra na Estação Experimental da Du Pont (31/08/2010).Mecanização Agrícola e uso do penetrômetro de Impacto Stolf (31/08/2010). 2010. (Oficina).

Seminário: Produção e Uso de Biocombustíveis (Centro de Engenharia do IAC). 2010. (Seminário).

III World Engineers Convention WEC - 2008. 2008. (Outra).

V Jornada Agronomica e II Jornada de Biociencias do Centro de Ciencias Agrárias da UFSCar.Sequestro de Carbono - Moderador do tema apresentado por Marcos Buckeridge (13/05/2008). 2008. (Seminário).

Dia de Campo Soluções para Agricultura de Precisão.Avaliação de Falhas em Cana-de-açucar segundo o método de Stolf. 2007. (Encontro).

I Congresso de Extensão das Universidades Públicas da Região Sudeste. 2007. (Congresso).

III Simpósio de Tecnologia de Produção de Cana de Açúcar. 2007. (Simpósio).

I Seminário de Inovações Pedagógicas no Ensino de Graduação da UFSCar. 2007. (Seminário).

Seminário de Fiscalização Ambiental: Resposabilidade no Exercício Profissional e Ética. 2007. (Seminário).

XXXVI Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2007. Método de medida do ângulo horizontal de ataque dos discos de grades agrícolas de dupla ação e sua aplicação a uma propriedade agrícola. 2007. (Congresso).

XXXVI Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2007. Comitê Técnico de análise dos resumos expandidos. 2007. (Congresso).

XXXVI Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2007. Área de contato pneu-solo em trator florestal transportador de alta potência. 2007. (Congresso).

46ª Reunião Anual da Associação Brasileira de Educação Agrícola Superior, 46 - ABEAS: Ciências Agrárias para o Desenvolvimento Sustentável da Amazonia. 2006. (Outra).

Seminário Regional dos CREA´s do SUDESTE: Projeto pensar Brasil, Contruir o Futuro da Nação. 2006. (Seminário).

XXIX Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. Método de estimativa da macro e da micro porosidade através do teor de areia e da densidade do solo. 2003. (Congresso).

Seminário de Mecanização Agrícola: Perda de produtividade.Plantio de Cana em Sulco de Base Larga e Duplo. 2002. (Seminário).

II Seminário Regional Políticas Públicas, Territoriais e Auto-Sustentabilidade: Avaliação e Propostas para a bacia Hidrográfica do Rio Mogi-Guaçu. 2001. (Seminário).

Simpósio da Academia de Ciências do Estado de São Paulo, 33, EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO - em homenagem a Sérgio Mascarenhas.DEBATE UNIVERSIDADE-EMPRESA: AGROINDÚSTRIA - PERSPECTIVAS PARA O PRÓXIMO MILÊNIO. 1999. (Simpósio).

III Reunião Técnica do Programa de Cana-de-açúcar - UFPR.Metodologia de Avaliação de Falhas em linhas de cana-de-açúcar. 1998. (Encontro).

C. V. C. CANCRO-CITRICO. 1997. (Encontro).

I Congresso de extensão Universidades Públicas da Região Sudeste, cidade Universitária USP. 1997. (Congresso).

I Encontro de Extensão da UFSCar na Sociedade: o papel e a atuação da UFSCar na Sociedade.Intercâmbio Empresa-Escola através de estágios: uma nova abordagem. 1997. (Encontro).

II Reunião Técnico-científica do Programa Temático de Cultivo Mínimo.Uso do Penetrômetro de Impacto. 1996. (Outra).

VI CONGRESSO NACIONAL DA STAB. Metodologia de estimativa da potência do motor de tratores através do espaçamento, diâmetro e número de discos de grades agrícolas. 1996. (Congresso).

Ciclo de palestras da disciplina Seminários II do curso de Engenharia agrícola.A Evolução Histórica das Práticas agrícolas o Meio Ambiente e o Homem. 1995. (Seminário).

VI Simpósio de Quantificação em Geociências.Programa de regressão múltipla (REGR) de fácil manipulação de arquivos eletrônicos de dados. 1995. (Simpósio).

II Congresso de Iniciação Científica da UFSCar. Coordenador da Sessão: Ciências Biológicas Agrárias e da Saúde. 1994. (Congresso).

I Semana de Ciências agrárias. 1994. (Outra).

XXIII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1994. Teste de um subsolador vibratório (II). 1994. (Congresso).

XXII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1993. Teste de um subsolador vibratório (I). 1993. (Congresso).

Thirty - Fifith Annual Meeting of North Carolina Soil Science Society. 1992. (Encontro).

Annual Meeting of the North Carolina Chapter of Soil and Water Conservation Society. 1991. (Encontro).

SOIL SCIENCE SEMINAR - Soil Science Department of NCSU - Raleigh.Impact Penetrometer: Theory and Practice. 1991. (Seminário).

WORKSHOP Opportunities using geostatistical concepts in agricultural field research, by WENDROTH; LIEHARDT and NIELSEN. 1991. (Outra).

VI Semana Semana |Agronômica de Ituiutaba.Preparo do solo. 1990. (Outra).

XIX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1990. Monitoramento de recursos hídricos de bacias hidrográficas de vastas regiões através de açudes, utilizando aerofotogrametria: aplicação para o Nordeste brasileir. 1990. (Congresso).

II ENCONTRO PAULISTA DE PLANTIO DIRETO.Debatedor do tema "Plantio Direto da Cana-de-Açucar". 1989. (Encontro).

II ENCONTRO PAULISTA DE PLANTIO DIRETO.Utilização do Sulcador Como Implemento de Preparo, Conservação do Solo e Incorporação Profunda de Corretivos.. 1989. (Encontro).

XVII Encontro de Gerentes Agrícolas e Técnicos Canavieiros do P Paraná.Metodologia de mecanização em espaçamento estreito. 1989. (Encontro).

XVIII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1989. Teste do modelo do cone invertido (STOLF, 1988) nos mais representativos açudes do Nordeste brasileiro para a determinação das curvas cota-volume e cota-área inundada. 1989. (Congresso).

XVII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1988. zz. 1988. (Congresso).

XVII Congresso Brasileiro de Herbicidas e Plantas Daninhas. Evidências da movimentação superficial do Tebuthiuron para o centro da entrelinha de uma área de soqueira de cana-de-açúcar (Saccaharum sp.). 1988. (Congresso).

I Encontro Paulista de Plantio Direto.Debatedor do tema Plantio Direto da Cana-de-Açúcar, apresentado pelo DR. J.L.I. Demattê. 1987. (Encontro).

I Encontro Regional de Técnicos Agrícolas.Preparo do Solo Segundo Suas Características. 1987. (Encontro).

XVI Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1987. Debatedor da mesa redonda sobre Relação Máquina-Solo-Polanta. 1987. (Congresso).

XVII Semana Agronòmica de Espírito Santo do Pinhal.Palestrante do Curso de Cana-de-Açúcar. 1987. (Outra).

Encontro Nacional de Mecanização Agrícola. 1986. (Encontro).

I Seminário Nacional Agronômico - STAB.Técnicas culturais de condução da lavoura: redução do espaçamento e plantio de cana inteira. 1986. (Seminário).

Seminário Agroindustrial da Cana-de-açúcar.Avaliação de Falhas do Canavial. 1986. (Seminário).

XVII Encontro de professores de mecânica, motores e máquinas agrícolas. 1986. (Encontro).

I Encontro de Gerentes Agrícolas e Técnicos Canavieiros do Paraná.Preparo do solo e plantio. 1985. (Encontro).

II Seminário de cultivo mínimo de cana.Resultados de cultivo mínimo em cana obtidos pelo Planalsucar. 1985. (Seminário).

Reunião com as Estações Regionais do Planalsucar.2 apresentações:1. Falhas: germinação, replantio e metodologia de avaluação. 2. Espaçamento de plantio. 1985. (Encontro).

V Semana de Ciências Agrárias de Lavras.Técnicas convencionais e de cultivo mínimo em cana-de-açúcar. 1985. (Outra).

XXII Encontro de Gerentes Agrícolas da Região Oeste de São Paulo.Uso de espaçamentos mais reduzidos visando a uma maior produtividade. 1985. (Encontro).

I Encontro Técnico sobre Mecanização Agrícola.Utilização do penetrômetro de impacto na recomendação do preparo do solo. 1984. (Encontro).

I Seminário de cultivo mínimo de cana.Técnicas culturais de condução da lavoura: redução do espaçamento e plantio de cana inteira. 1984. (Seminário).

I Semana de Plantio Direto.Cultivo Mínimo na Cana-de-Açúcar. 1983. (Outra).

II FENAÇUCAR - Feira Nacional da Cana-de-Açúcar. Primeira exposição oficial pública do Penetrômetro de Impacto STOLF, ocorrida de 15 a 24/01/1982. 1982. (Feira).

Simpósio Técnico da II FENAÇUCAR - Feira Nacional da Cana-de-Açúcar.Debatedor do tema, Mecanização na Cultura da Cana-de-açúcar, apresentado por José Roberto Doria Vasconcelos. 1982. (Simpósio).

VI Semana de Ciências Agrárias de Machado.Tecnologia do álcool - operação agrícola. 1982. (Outra).

XII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1982. Variação das características de grades segundo segundo sua função na lavoura canavieira do Estado de São Paulo. 1982. (Congresso).

VIII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1978. 1978. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Paulo Márcio Faria Villela

LUZ, P. H. C.;STOLF, R.; HERLING, V. R.; ROSSI, F.. Interação da adubação nitrogenada e Azospirilium brasiliense em soqueira de cana-de-açúcar. 2018. Dissertação (Mestrado em ZOOTECNIA - QUALIDADE E PRODUTIVIDADE ANIMAL) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Douglas Cavalcanti Costa

STOLF, R.; BIZARI, D. R.; CHAPOLA, R. G.. Pegada hídrica como indicador de sustentabilidade ambiental em sistemas de produção na Amazonia. 2017. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Adriel Barboza Bentos

STOLF, R.; SCHLINDWEIN, M. N.; MURAOKA, T.. IMPACTOS AMBIENTAIS DA ZONA RURAL E URBANA NA QUALIDADE DA ÁGUA DO RIBEIRÃO DAS ARARAS - ARARAS (SP). 2016. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Maicon Douglas Bispo de Souza

M.L. Lopes Assad; AZEVEDO, A. C.;STOLF, R.. Efeitos de rochagem, vinhaça e plantas de cobertura no desenvolvimento do feijoeiro. 2016. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Antonio Pereira de Ávila

M.L. Lopes Assad; BULL, L. T.;STOLF, R.. Influência do silício sobre a difusão do fósforo no solo e na eficiência agronômica de fertizantes fosfatados granulados. 2016. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Ramon Nantes Donatti

ROSSI, F.;FONTANETTI, A.; GOMIDE, C. A.;STOLF, R.. Cultivo de adubos verdes forrageiros em solo previamente irrigado com efluente tratado de laticínio e cultivo em sucessão da alface. 2016. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Katia Priscila Gomes Morinigo

STOLF, R.; OLIVEIRA, R. E.; MACIEL, A. L. R.. Efeitos da distribuição espacial de árvores em atributos físicos e químicos do solo e produção de cafeeiro sombreado. 2016. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Vivian Delfino Motta

STOLF, R.NORDER, L.A.C.; CANUTO, J. C.. Análise da Inserção do Programa Nacional de Produção de Biodiesel no Nordeste Paraense e a Relação entre Agricultores Familiares e Grandes Corporações do Mercado de Biocombustíveis. 2015. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Fernando de Alvarenga Yoshida

STOLF, R.; BRUGNARO, C.;AZEVEDO, F. A.. Distribuição espacial da resistência do solo vista sob o prisma da fragilidade ambiental para a Área de Proteção Ambiental (APA) de Botucatu. 2015. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Adriel Barboza Bentos

STOLF, R.; BORGES, M.T.M.R.; MURAOKA, T.; SCHLINDWEIN, M. N.. Diagnóstico da Qualidade da Água no Gradiente Longitudinal do Ribeirão das Araras (SP) Sob o Período de Seca. 2015.

Aluno: Donavan Peres Rodero

FUJIHARA, R.;STOLF, R.; SOUZA, E. S.. Modelagem matemática da dinâmica populacional de Diatraea saccharalis e determinação de estratégias de controle. 2015.

Aluno: Elaine Caliman Spósito

Abreu, SA; FRANCO, F.S.; PEREIRA, L. C.;STOLF, R.. AGRICULTURA ORGÂNICA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO: DIVERSIDADE E COMERCIALIZAÇÃO DE SEUS PRODUTOS NA REGIÃO METROPOLITANA DE VITÓRIA. 2015. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Renan dos Santos Sabbag

MONQUERO, P. A.; NICOLAI, M.; HOFFMANN, H. P.;STOLF, R.. Efeito de herbicidas isolados e em associação no desenvolvimento inicial de variedades de cana-de-açúcar e no controle de plantas daninhas. 2015. Dissertação (Mestrado em AGRICULTURA E AMBIENTE) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Paulo Dirceu Luchini

BORGES, M.T.M.R.; CHASIN, A. A. M.; BERNARDI, M. R. V.;STOLF, R.. Quantificação de teores de minerais e metais em açúcar mascavo produzidos em sistemas orgânicos e convencional. 2014. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Luiza Monteiro Souza

FERRAZ, J. M. G.; SCHLINDWEIN, M. N.; HABIB, HABIB, M. E. M.;STOLF, R.. Sustentabilidade em propriedades da cafeicultura familiar em Araponga - MG. 2014. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Vagner Roberto Ariedi Junior

FERRAZ, J. M. G.; HABIB, HABIB, M. E. M.;STOLF, R.. Avaliação da sustentabilidade de um sistema de produção de cana-de-açúcar orgânica. 2013. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: José Maria Gomes Vasconcelos

FRANCO, F.S.;PINA-RODRIGUES, F. C. M.; CAVALCANTE, A. C. R.;STOLF, R.. Práticas agroecológicas adotadas pelos agricultores familiares do assentamento Vista Alegre no semiárido cearense (suplente). 2013. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Augusto Cesar Prado Fernandes Fonseca

COSTA, M. B. B.;STOLF, R.; QUEIROGA, J. L.. Análise da sustentabilidade dos agroecossistemas de Altinópolis/SP. 2013. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Christiano Grëgio Guimarães

KUPPER, K. C.;STOLF, R.; CORREA, E. B.. Manejo da mancha preta dos citros através da utilização de agentes de controle biológico. 2012. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Lucas Massayuki Sato (suplente)

PERES, J. G.; SOUZA, C. F.;BACCHI, O. O. S.; Soares, M.R.;STOLF, R.. Avaliação de Modelos Matemáticos para Dimensionamento do Bulbo Molhado na Irrigação por Gotejamento. 2012. Dissertação (Mestrado em AGRICULTURA E AMBIENTE) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Vitória Anselma Schimdt

LEE, T. S. G.;STOLF, R.; BRESSAN, E. A.. Ocorrência de bactérias endofíticas na cultura do pinhão manso (Jatropha curcas L.). 2012. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Fábio José Machado

STOLF, R.FERRAZ, J. M. G.; RAYMUNDO jÚNIOR, O,. Avaliação de sistemas agroflorestais na recuperação de áreas de preservação permanente. 2012. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Celso Américo Pedro Mutadiua

STOLF, R.FERRAZ, J. M. G.; QUEIROGA, J. L.. Adoção de práticas de manejo da agrobiodiversidade e estratégias de diversificação dos meios de vida das comunidades rurais em Pirenópolis - Goiás. 2012. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Valquiria de Cassia Oliveira Cavino

Abreu, SA; COSTA, M. B. B.; PEDINI, S.;STOLF, R.. A experiência de comércio justo de agricultores familiares da Cooperativa Coopfam de Poço Fundo (MG): Identificando os obstáculos e as potencialidades da transição para a agricultura de base ecológica. 2012. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Diogo Fonseca Mantovanelli

R. STOLF; MATSUOKA, S.; FRANCO, F.S.. Quintais Agroecológicos: Sala de aula informal para capacitação formal - As experiências do assentamento rural Araras 4.. 2012. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Fabiane Karen Godoy

CASAGRANDE, J. C.; BASTOS, R. G.;R. STOLF. Comportamento de ions nitrato e potássio em Latossolo com aplicação de vinhaça submetida a diferentes tratamentos. 2012. Dissertação (Mestrado em AGRICULTURA E AMBIENTE) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Túlio Caio Binotti

STOLF, R.; MARQUES, P. E. M.; COSTA, M. B. B.. Avaliação interdisciplinar de sistema de captação de água de chuva construído através de processo participativo com agricultores familiares. 2012. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Cícero Santos Branco

SCHLINDWEIN, M. N.;PINA-RODRIGUES, F. C. M.; SE, J. A. S.;STOLF, R.. Transição agroecológica: proposta metodológica para análise das propriedades rurais do entorno da Floresta Nacional de Ipanema. 2012. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Aida Gamal Eldin Mahmoud

FERRAZ, J. M. G.Fagundes, G. G.FONTANETTI, A.STOLF, R.. Transição para Sistemas Agroecológicos e Gênero: Grupo de Mulheres AMA Vergel. 2011. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Victor Meriguetti Pinto

BACCHI, O. O. S.DE MARIA, I. C.; BACCHI, M.;STOLF, R.. Avaliação da variabilidade espacial do fallout do 7Be (suplente). 2011. Dissertação (Mestrado em Energia Nuclear na Agricultura) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Domingos Antonio Cerveira Quintas

STOLF, R.; SCHLINDWEIN, M. N.; MENDES, J. A.. Evolução histórica da agricultura e o estádio de sucessão ecológica da mata ciliar em restauração no ribeirão das Furnas no município de Araras SP. 2011. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Luciana Faldoni (suplente)

KUPPER, K. C.; OLIVEIRA, R.;CECCATO-ANTONINI, S.R.STOLF, R.. Efeito de biofertilizante na indução de resistência em citros a gomose de Phytophthora. 2011. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Luciana Faldoni (suplente)

KUPPER, K. C.; OLIVEIRA, R.;CECCATO-ANTONINI, S.R.STOLF, R.. Efeito de biofertilizante na indução de resistência em citros a gomose de Phytophthora. 2011. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Domingos Antonio Cerveira Quintas

STOLF, R.; SCHLINDWEIN, M. N.; MENDES, J. A.. Evolução histórica da agricultura e a restauração de uma mata ciliar na microbacia do Ribeirão das Furnas no município de Araras SP. 2011. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Jesiel Souza Silva

FERRAZ, J. M. G.STOLF, R.SILVEIRA, M. A.. Análise sócio-espacial e conhecimento etnobotânico em uma comunidade quilombola no Sudoeste de Goiás. 2010. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Francisco Eduardo Corrêa

CAMPOS, M. B. S.STOLF, R.AZEVEDO, F. A.. Viabilidade prática de Bacillus subtilis para controle biológico de Colletotrichum acutatum, agente causal da queda prematura dos frutos cítricos. 2010. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Geraldo Alencar Ribeiro

PEREIRA, M.SILVA, L. F.STOLF, R.. Consciência da responsabilidade social nas indústrias de cerâmica de Porto Ferreira/SP. 2010. Dissertação (Mestrado em Administração) - Centro Universitário Salesiano São Paulo.

Aluno: Ricardo Coeli Simões Coelho

LEE, T. S. G.;STOLF, R.MONTEIRO, R.. Viabilidades e Interações do Plantio Consorciado de Pinhão-Manso (Jatropha curcas L.) e Girassol (Helianthus annuus L.). 2010. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Juliano Aparecido Alves

LEE, T. S. G.;STOLF, R.; ARAÚJO, R.T.. Eficiência do Pinhão-manso (Jatropha curcas L.) na recuperação florestal de áreas degradadas e análise do retorno econômico. 2010. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Roberta Carrara Baptistussi

FIGUEIREDO, R.A.CASTILHO, H.J.Paschoal, A.D.STOLF, R.. Ação de efeitos ambientais na mortalidade natural da cigarrinha Mahanarva fimbriolata (Stål) (HEMIPTERA: CERCOPIDAE) comparada a inseticidas alternativos em cultivo orgânico de cana-de-açúcar. 2010. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Leonardo Gomes Viana

STOLF, R.FERRAZ, J. M. G.; MARQUES, J.F.. Desenvolvimento da agricultura orgânica no município de Mata de São João - Bahia. 2010. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: João Paulo Apolari

MARGARIDO, L. A. C.STOLF, R.; MATSUOKA, S.. Sistema de produção orgânico de milho, feijão e mandioca, consorciado em soqueiras de cana-de-açúcar. 2009. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Marinês Kerber

Abreu, SASTOLF, R.Morandi, MAB. Análise das trajetórias de transição de produtores de base ecológica de Ibiúna/SP: identificação e caracterização de indicadores sociais de sustentabilidade. 2009. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Carlos Eduardo Coletty

STOLF, R.FERRAZ, J. M. G.SILVEIRA, M. A.. Proposta participativa de redesenho agroecológico da microbacia do Córrego Três Barras. 2009. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Geraldo Alencar Ribeiro

PEREIRA, M.SILVA, L. F.STOLF, R.. Consciência da responsabilidade social nas indústrias de cerâmica de Porto Ferreira/ SP. 2009.

Aluno: Raphael Machado

MARGARIDO, L. A. C.STOLF, R.; MATSUOKA, S.. Sistemas de produção orgânicos para a soca da cultura da cana-de-açúcar (Saccharum spp), consorciado com milho (Zea mays), feijão (Paseolus vulgaris) e mandioca (Manihot esculenta).. 2008. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: [Nome removido após solicitação do usuário]

STOLF, R.PINA-RODRIGUES, F. C. M.Fagundes, G. G.. Modelos de sistemas agroflorestais com fins apícolas para o município de Pedreira-SP. 2008. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: [Nome removido após solicitação do usuário]

STOLF, R.PINA-RODRIGUES, F. C. M.; FAGUNDES, G.F.. Modelos de sistemas Agroflorestais com fins apículas para o município de Pedreira-SP. 2008. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Robson Clayton Jacques Arthur

BACCHI, O. O. S.; SILVA, A. M.;STOLF, R.. Determinação do raio de influência de extratores de solução do solo e de tensiômetros utilizando a técnica de tomografia computadorizada de raios gama / Robson Clayton Jacques Arthur. 2005. Dissertação (Mestrado em Energia Nuclear na Agricultura) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Sérgio Kenji Homma

TOKESHI, H.; MUI, T. S.;STOLF, R.. Efeito do manejo alternativo sobre a descompactação do solo, fungos micorrízicos arbusculares nativos e produção em pomar convencional de tangor murcott. 2005. Dissertação (Mestrado em Ecologia Aplicada) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Juliana Maria Manieri

MARIA, I. C.;STOLF, R.DECHEN, S. C. F.. Utilização de um penetrômetro de impacto combinado com sonda de TDR para medidas simultâneas de resistência e de umidade do solo na avaliação da compactação em cana-de-açúcar / Juliana Maria Manieri. 2005. Dissertação (Mestrado em Agricultura Tropical e Subtropical) - Instituto Agronômico de Campinas.

Aluno: Francisco José Severino

CHRISTOFFOLETI, P. J.;STOLF, R.; VICTORIA FILHO, R.. Adubação verde : efeitos supressivos sobre a infestação de plantas daninhas e seletividade de herbicidas / Francisco José Severino. 2000. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Paulo Roberto Spatti Buzolin

CASAGRANDE, A. A.FURLANI NETO, V. L.; ANDRADE, L. A. B.;STOLF, R.. Efeitos da palha residual da colheita mecanizada, associada a fontes de potássio e doses de nitrogênio, no solo e nas socas de cana-de-açúcar / Paulo Roberto Spatti Buzolin. 1997. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Ciência do Solo)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Jose Abramo Filho

KIYAN, C.ANGELIS, D. F.; MATSUOKA, S.;STOLF, R.. Decomposição da palha da cana-deaçucar em canavial colhido sem queima, mecanicamente / José Abramo Filho. 1995. Dissertação (Mestrado em Microbiologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Pedro Henrique de Cerqueira Luz

ALOISI, R. R.;STOLF, R.. Efeitos de sistemas de colheita e formas de cultivo de soqueira sobre a produção e qualidade tecnológica da cana-de-açúcar (Saccharum spp / Pedro Henrique de Cerqueira Luz. 1989. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Jose Carlos Rolim

GODOY, O. P.; MOLINA FILHO, J.;STOLF, R.. Consorciacao da cana-de-acucar com plantas alimentares : fatores que influenciam sua adocao / José Carlos Rolim. 1989. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Alvaro de Mendonça Thurler

STOLF, R.; DEMATTE, J. L.; MARCOS, Z.M.. Estimativa da macro e da microporosidade através da granulometria e densidades de partículas e do solo. 1989. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Pedro Jacob Christoffoleti

GODOY, O. P.;STOLF, R.; VICTORIA FILHO, R.. Controle de Brachiaria decumbens STAPF e de Cyperus rotundus L. em área de cana-de-açúcar (Saccharum spp) através da técnica de rotação com amendoim (Arachis hypogaea L.) integrada ao uso de herbicidas / Pedro Jacob Christoffoleti. 1988. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Luiz Antonio Correia Margarido

PERES, F. C.; NORONHA, J. F.;STOLF, R.. Sistema de arrendamento de terras no setor sucro-alcooleiro do estado de sao paulo / Luiz Antonio Correia Margarido. 1988. Dissertação (Mestrado em Ciências (Economia Aplicada)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Djalma Euzébio Simões Neto

MARCOS, Z. Z.; GODOY, O. P.; KIEHL, J. C.;STOLF, R.. Efeito da quantidade de reserva energética do tolete e da compactação do solo no desenvolvimento inicial da cana-de-açúcar (Saccharum spp) / Djalma Euzebio Simões Neto. 1987. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Pedro Nilson Alves Berto

GODOY, O. P.; SCARDUA, R.;STOLF, R.. Influencia do espacamento e da profundidade do sulco de plantio no desenvolvimento e producao da cana-de-acucar (saccharum spp) em solo de varzea da zona da mata mineira / Pedro Nilson Alves Berto. 1986. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Jairo Antonio Mazza

DEMATTE, J. L.; KINJO, T.; ORLANDO FILHO, J.;STOLF, R.. Variações em algumas propriedades de solos com cana-de-açúcar (Saccharum spp) tratados com doses maciças de vinhaça / Jairo Antonio Mazza. 1985. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Yeleine Almoza Hernandez

LIER, Q. J. V.; MARIN, F. R.; OMETTO, J. P. H. B.;STOLF, R.. Stable water isotopes in precipitation over western Cuba. 2018. Tese (Doutorado em Ciências (Energia Nuclear na Agricultura)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Victor Meriguetti Pinto

REICHARDT, K.STOLF, R.; MARIN, F. R.; MURAOKA, T.; BRUNO, I. P.. Simulation of water and nitrogen dynamics in a Cerrado soil under coffee cultivation using SWAP and ANIMO models. 2016. Tese (Doutorado em Energia Nuclear na Agricultura (Esalq)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Everton Alves Rodrigues Pinheiro

LIER, Q. J. V.; PILAU, F. G.; MIRANDA, J. H.; METSELAAR, K.;STOLF, R.. Modelagem da extração de água do solo por um sistema vegetal multiespécie aplicada ao bioma caatinga. 2016. Tese (Doutorado em Engenharia de Sistemas Agrícolas) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Halan Vieira de Queiroz Tomaz

REICHARDT, K.; BEAUCLAIR, E. G. F.; MEDEIROS, J. F.;STOLF, R.; BERNARDES, M. S.. Sistema de preparo profundo do solo e sua influência no desenvolvimento da cana-de-açúcar. 2014. Tese (Doutorado em Fitotecnia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Jorge Alex Willes

REICHARDT, K.; DOURADO NETO, D.; RODRIGUES, P. H. V.;STOLF, R.; PIRES, R. C. M.. Tecnologias em telhados verdes extensivos: meios de cultura, caracterização hidrológica e sustentabilidade do sistema. 2014. Tese (Doutorado em Fitotecnia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Cláudio Renato Schlessner Kelling

REICHARDT, K.STOLF, R.; SCARPARE FILHO, J. A.; SENTELHAS, P. C.; GONCALVES, C.. Resposta da transpiração e do crescimento foliar de cultivares de crisântemo (Dendranthema grandiflora Tzvdldv.) à fração de água transpirável no substrato. 2014. Tese (Doutorado em Ciências (Fitotecnia)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Juliana Maria Manieri Varandas

BACCHI, O. O. S.VAZ, C. M. P.; LIER, Q. J. V.;STOLF, R.CRESTANA, S.. Avaliação da qualidade física do solo em uma escala de microbacia. 2011. Tese (Doutorado em Energia Nuclear na Agricultura (Esalq)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Robson Clayton Jacques Arthur

BACCHI, O. O. S.COOPER, M.DE MARIA, I. C.STOLF, R.. Análise da redistribuição do "fallout" do 137Cs na avaliação da erosão e deposição de sedimentos em sistemas de manejo de s sob Cerrado. 2010. Tese (Doutorado em Energia Nuclear na Agricultura (Esalq)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Eurípedes Maximiano Arantes

MARGARIDO, L. A. C.SANTOS, J. E.STOLF, R.ROCHA, Y. T. R.; THEODORO, V.. Algodão branco e colorido cultivado no sistema orgânico com plantio em diferentes coberturas de solo. 2010. Tese (Doutorado em Ecologia e Recursos Naturais) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Luiz Fernando Pires

BACCHI, O. O. S.Cássaro, F. A. M.; FANTE JR., L.;STOLF, R.; SOUZA, M. D.. Tomografia computadorizada, atenuação de raios gama e análise micromorfológica na avaliação de alterações na estrutura e retenção de água pelo solo. 2006. Tese (Doutorado em Energia Nuclear na Agricultura (Esalq)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Norberto Cornejo Noronha

CERRI, C. C.BERNOUX, M. M. Y.MONTES, C. R.CASAGRANDE, J. C.; MARIA, I. C.;STOLF, R.. Recuperação de pastagem degradada em Rondônia: atributos físicos, químicos, biológicos do solo e produtividade da Brachiaria brizantha / Norberto Cornejo Noronha. 2005. Tese (Doutorado em Ciências) - Centro de Energia Nuclear na Agricultura/USP.

Aluno: Daniela Martins Mariuzzo

SCAMPARINI, A. R. P.VENDRUSCOLO, C. T.; DURAN, N.; ALEGRE, R. M.;STOLF, R.. Estudo da biodegradação de hidrocarbonetos policíclicos aromáticos por linhagens de microrganismos nativos isolados de sítios ambientais aquáticos contaminados do estado de São Paulo / Daniela Martins Mariuzzo. 2000. Tese (Doutorado em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Aluno: Hermann Paulo Hoffmann

FANCELLI, A. L.; MATSUOKA, S.;BOARETTO, A. E.CASAGRANDE, A. A.; LANDELL, M. G. A.;STOLF, R.. Evolução do potencial produtivo das principais variedades de cana-de-açúcar cultivadas no Estado de São Paulo nos últimos cinquenta anos / Hermann Paulo Hoffmann. 1997. Tese (Doutorado em Fitotecnia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Davi Guilherme Gaspar Ruas

BRAY, S. C.; FERREIRA, E. R.; RAMOS, P.;CARON, D.; TARTAGLIA, J. C.;STOLF, R.. O processo de concentração das unidades industriais sucroalcooleiras no Estado de São Paulo, 1970-1992 / Davi Guilherme Gaspar Ruas. 1997. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Jane Marisa Jonasson Costa Lima

DEMATTE, J. L.; LIBARDI, P. L.;MAZZA, J. A.STOLF, R.; CENTURION, J. F.. Alterações de propriedades de solos cultivados com cana-de-açúcar / Jane Marisa Jonasson Costa Lima. 1995. Tese (Doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Antonio Carlos Arabicano Gheller

FANCELLI, A. L.TOKESHI, H.; MATSUOKA, S.;STOLF, R.AGUILLERA, M. M.. Técnica cultural para o controle da podridão-abacaxi em cana-de-açúcar e modelo para estimativa de perdas / Antonio Carlos Arabicano Gheller. 1995. Tese (Doutorado em Fitotecnia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Sebastião Alves de Lima Filho

VITTI, G. C.; ALOISI, R. R.; TEOFILO SOBRINHO, J.;CASAGRANDE, J. C.MAZZA, J. A.STOLF, R.. Efeitos do calcario e gesso no solo e na produtividade da laranjeira hamlin (citrus sinnensis l. Osbeck) sobre limoeiro cravo (citrus limonia l. Osbeck) / Sebastiao Alves de Lima Filho. 1995. Tese (Doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Pedro Henrique de Cerqueira Luz

VITTI, G. C.;MAZZA, J. A.BOARETTO, A. E.STOLF, R.; TEOFILO SOBRINHO, J.. Efeitos de modos de aplição e incorporação de calcário e gesso em pomares de citros / Pedro Henrique de Cerqueira Luz. 1995. Tese (Doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Marcos Antonio Sanches Vieira

MEDINA FILHO, H. P.; LANDELL, M. G. A.;AGUILLERA, M. M.; GODOY, I. J.;STOLF, R.. Comportamento de genótipos de cana-de-açúcar em solos com infecção natural de nematóides / Marcos Antonio Sanches Vieira. 1994. Tese (Doutorado em Genetica) - Universidade Estadual de Campinas.

Aluno: Miguel Angelo Maniero

PEREIRA, A. R.; OLIVEIRA, A. S.; NOVA, N. A. V.;STOLF, R.LEME, E. J. A.. Análise Da Função Velocidade Do Vento Na Equação De Penman / Miguel Angelo Maniero. 1993. Tese (Doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: José Carlos Casagrande

CAMARGO, O. A.; LIBARDI, P. L.; CHITOLINA, J. C.;STOLF, R.; BERTON, R. S.. Avaliação de um modelo de complexação de superfície para adsorção de fosfato em solos ácricos do norte paulista / José Carlos Casagrande. 1993. Tese (Doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Luiz Carlos Ferreira da Silva

DEMETRIO, V. A.; FRANCA, G. A.;LEME, E. J. A.STOLF, R.; POLITANO, W.. Fotointerpretação de redes de drenagem e caracterização do relevo de dois solos do município de São Pedro - SP / Luiz Carlos Ferreira da Silva. 1993. Tese (Doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Jairo Antonio Mazza

DEMATTE, J. L.;STOLF, R.; VITTI, G. C.; BAUMGARTNER, J. G.; BULL, L. T.. Efeitos do calcário e do gesso aplicados no plantio e em soqueiras de cana-de-açúcar / Jairo Antonio Mazza. 1993. Tese (Doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Victor Meriguetti Pinto

BALLESTER, M. V. R.;STOLF, R.; LIER, Q. J. V.. Modelagem do destino do nitrogênio provenientede da uréia marcada com 15N em cultura de café fertirrigada. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências (Energia Nuclear na Agricultura)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Anderson de Toledo

SILVA, R. P.LOPES, A.SCALA JUNIOR, N.MARQUES, M. O.STOLF, R.. Facas do corte basal e qualidade da colheita mecanizada de cana-de-açúcar crua. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia (Producao Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: CRISTIANO DOS SANTOS NETO

BIANCHINI JUNIOR, I.; ROCHA, O.; SANTOS, J. E.;STOLF, R.. A geração e uso de dados climáticos estatísticos em modelos matemáticos aplicáveis a tanques de aqüicultura que apresentam estratificação em temperatura / Cristiano dos Santos Neto. 1994. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia e Recursos Naturais) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: JOSÉ RIBEIRO DE ARAÚJO

DIAS, A. M. P. M.PINAZZA, A. H.STOLF, R.. A avaliação econômica do ataque de Diatraea saccharalis em cana-açucar / José Ribeiro de Araújo. 1994. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia e Recursos Naturais) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: José Mauricio Pereira

STOLF, R.; BIZARI, D. R.; MARIANO, E. D.; CARDOSO, J. C.. Avaliação de pimenta biquinho em sistema de cultivo convencional com uso de adubo químico e biofertilizante, através de análises agronômicas, físico-química e sensorial. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Manoela Solano Calvo

NORDER, L. A. C.; ALCANTARA, L. C. S.;STOLF, R.; PINTO, A. G.. Interfaces socioculturais da gestão ambiental na terra indígena Guarani Pinhalzinho (Tomazina, PR). 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Gustavo Vicentini Popin

CERRI, C. E. P.; CHERUBIN, M. R.; BORDONAL, R. O.;STOLF, R.. Efeito do manejo da palha da cana-de açúcar nas relações sola-planta em Igaraçu do Tetê-SP. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Leonardo Inforsato

TRIVELIN, P. C. O.; MIRANDA, J. H.;STOLF, R.. Determinação de Propriedades Hidráulicas do Solo por Ensaios de Evaporação. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Energia Nuclear na Agricultura) - Universidade de São Paulo.

Aluno: José da Conceição Barbosa Silva

R. STOLF; MURAOKA, T.; BIZARI, D. R.; CHAPOLA, R. G.. Utilização de biofertilizante em cultivo de alface cv. Vanda. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Juliana de Fátima Vizú

ROSSI, F.; SAIS, A. C.;STOLF, R.; GOMIDE, C. A.. Aporte de efluente tratado de laticínio no cultivo de adubos verdes. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Micon Douglas Bispo de Souza

STOLF, R.; CASAGRANDE, J. C.; BOSCHI, R. S.. Efeito de rochagem, vinhaça e plantas de cobertura em parâmetros biométricos e 1 na nutrição de feijoeiro. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Elaine Caliman Spósito

STOLF, R.. AGRICULTURA ORGÂNICA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO: DIVERSIDADE E COMERCIALIZAÇÃO DE SEUS PRODUTOS NA REGIÃO METROPOLITANA DE VITÓRIA. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Vivian Delfino Motta

STOLF, R.; MONTEBELLO, A. E. S.; SILVA, R. S. E.;NORDER, L.A.C.. Análise da inserção do programa nacional de produção de biodiesel no nordeste paraense e a relação entre agricultores familiares e grandes corporações do mercado de biocombustiveis. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Paulo Dirceu Luchini

BORGES, M.T.M.R.; BERNARDI, M. R. V.;STOLF, R.; CHASIN, A. A. M.. Quantificação de teores de minerais e metais em açúcar mascavo produzidos em sistemas orgânicos e convencional. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Cristiano Pereira da Cunha

STOLF, R.; FRANCO, F.S.; FELTRAN, G.. Diagnóstico da Agricultura Familiar no Município de Araras/SP segundo uma abordagem territorial e os pressupostos da Agroecologia. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Rodrigo Henriques Longaresi

MARQUES, P. A. A.; BOTREL, T. A.;DE MARIA, I. C.STOLF, R.. Caracterização dos atributos físicos do solo em duas épocas cultivado com milho sob manejo ecológico e convencional. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Engenharia de Sistemas Agrícolas) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Lucas Massayuki Sato

SOUZA, C. F.;STOLF, R.BACCHI, O. O. S.. Avaliação de Modelos Matemáticos para Dimensionamento do Bulbo Molhado na I rrigação por Gotej amento. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em AGRICULTURA E AMBIENTE) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Geraldo Alencar Ribeiro

PEREIRA, M.SILVA, L. F.STOLF, R.. Consciência da responsabilidade social nas indústrias de cerâmica de Porto Ferreira/ SP. 2009. Exame de qualificação (Mestrando em Administração) - Centro Universitário Salesiano São Paulo.

Aluno: Amanda Camargo Roston

STOLF, R.. Produção de inóculos de Alternaria Alternata. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Felipe Bonini Leal

STOLF, R.; ABRAMO, L. M. N.. Teste da eficiência do produto dioxiplus para controle de doenças pós-colheita de citrus. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Thiago Antonio Basso do Prado

STOLF, R.; SILVA, L. C. F.; VITTI, A. C.. Ambientes de produção de cana-de-açúcar e capacidade de uso das terras do Centro de Ciências Agrárias, da Universidade Federal de São Carlos, Araras-SP. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Gustavo Tinarelli Lessi

STOLF, R.; SILVA, L. C. F.; MILLER, L. C.. Efeito do pisoteio sobre a rebrota da soqueira de cana-de-açúcar (RB 867515). 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Jessica Camargo Foschini

NORDER, L. A. C.;STOLF, R.; BORGES, J. R. P.. Agricultura de proximidade e os circuitos curtos de comercialização no Brasil e no Mundo. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agroecologia) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: João Paulo Rocheto

SILVA, L. C. F.;MANIERO, M. A.STOLF, R.. Efeito de diferentes doses de fósforo na produtividade, no teor de matéria seca e no tamanho dos tubérculos de batata. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Vitor Moraes Falleiros

M.L. Lopes Assad; BOSCHI, R. S.;STOLF, R.SOARES, M. R.. Proposta de metodologia para a determinação da densidade do solo. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Luiz Gabriel da Silva

STOLF, R.; PERES, J. G.; SOUZA, C. F.. Comparação de atributos do solo obtidos a partir de amostras indeformadas e deformadas acondicionadas sob mesma densidade. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Daniel Gonçalves Gomes Junior

STOLF, R.; PERES, J. G.; MANIERO, M. A.. Condutividade hidráulica saturada (K0) para diferentes tipos de solos em diferentes situações de cultivo. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Eric Sérgio Ramalho dos Reis

STOLF, R.; MORAIS, J. P. G.; MORAES, J. F. R.. Tecnologia de aplicação de herbicidas em cana-de-açúcar. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Luis Gustavo Feltran Serafim

STOLF, R.Silva, L. C. F.; WIGMAN, M.. Plantio mecanizado em cana-deaçúcar: influêrncia deste sistema no índice de brotação. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Daniel Corrêa Tablas

STOLF, R.Silva, L. C. F.AGUILLERA, M. M.. Comparação de dois métodos de avaliação de perdas na colheita mecanizada da cana-de-açúcar. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Gustavo Scarmen Piagentini Pinto

SILVA, L. C. F.;MANIERO, M. A.STOLF, R.. Torta de filtro e turfa na mitigação de solo contaminado por metais pesados e Boro e o uso de mamona como fitoextratora. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Leonardo Moreira Cunha

STOLF, R.; ALARCON, D.; TABA, D. S.. Influência da rachadura de colmos na brotação e vigor do crescimento inicial da cana-de-açúcar devido ao plantio mecanizado. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Paulo de Tarso Cardoso Júnior

Silva, L. C. F.MANIERO, M. A.STOLF, R.. Eficiência de Uso de Boro( 10 B) por laranjeira em Diferentes Porta-enxertos com raíz bi-partida. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos.

STOLF, R.. Defesa de Memorial: da Prof. Dr. Clóvis Parazzi (presidente da banca). 2018. Fundação Universidade Federal de São Carlos.

M.L. Lopes Assad; DARCE, M. A. B. R.; TONHATI, H.; FARIA, J. B.;STOLF, R.. Defesa de Memorial: da Prof.ª Dr.ª Marta Regina Verruma Bernardi para Promoção à Classe E, Professor Titular da Carreira do Magistério Superior. 2015. Universidade Federal de São Carlos.

SOUZA, C. F.; SILVA, L. C. F.; MANIERO, M. A.;STOLF, R.. Processo seletivo simplificado para contratação de Professor substituto. 2016. Universidade Federal de São Carlos.

STOLF, R.; BORGES, M.T.M.R.; M.L. Lopes Assad. Estágio Probatório da Profa. Dra. Letícia Ribes de Lima. 2012. Universidade Federal de São Carlos.

CASAGRANDE, J. C.; SILVA, L. C. F.;STOLF, R.. Seleção de Professor Substituto para disciplina manejo de plantas infestantes. 2003. Universidade Federal de São Carlos.

MORTATTI, J.; TRIVELIN, P. C. O.;REICHARDT, K.STOLF, R.; SOUZA, M. D.. Concurso para provimento de cargo de Professor Doutor na área: Técnicas nucleares e isotópicas e a avaliação de processos físicos do solo, Dr. Osny Oliveira Santos Bacchi. 2000. Centro de Energia Nuclear na Agricultura/USP.

STOLF, R.; SCHULTZER, E.; CARILLO, F. A.. Concurso para provimento de cargo de Analista de Sistemas , João Marcos Bueno da Silva. 1994. Universidade Federal de São Carlos.

STOLF, R.. Processo Seletivo 2015-seleção de alunos Programa Pós-Graduação em Agroecologia e Desenvolvimento Rural. 2014. Universidade Federal de São Carlos.

CECCATO-ANTONINI, S.R.FIGUEIREDO, R.A.NORDER, L.A.C.PIMENTEL, A.E.B.STOLF, R.. Processo Seletivo 2011-seleção de alunos Programa Pós-Graduação em Agroecologia e Desenvolvimento Rural. 2010. Universidade Federal de São Carlos.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Renan Estevão Candido Rezende

Produção de tomate orgânico em assentamento na região de Bauru / SP; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos; (Orientador);

Jose Mauro Correa Alvarenga

Adição de lodo de esgoto da ETA do município de Águas de Lindóia - SP em tijolos cerâmicos: estudo de viabilidade; ; Início: 2017; Dissertação (Mestrado em AGRICULTURA E AMBIENTE) - Universidade Federal de São Carlos; (Orientador);

José Mauricio Pereira

Avaliação da cultivar de pimenta biquinho (Capsicum chinense jacq; ) em cultivo com adubação química e aplicação de biofertilizante em cultivo convencional; Início: 2016; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos; (Orientador);

José da Conceição Barbosa Silva

?Utilização de biofertilizante em cultivo de alface cv; Vanda; 2018; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos,; Orientador: Rubismar Stolf;

Douglas Cavalcanti Costa

Pegada hídrica como indicador de sustentabilidade ambiental em sistemas de produção agrícola na Amazônia; 2017; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Rubismar Stolf;

Adriel Barboza Bentos

IMPACTOS AMBIENTAIS DA ZONA RURAL E URBANA NA QUALIDADE DA ÁGUA DO RIBEIRÃO DAS ARARAS - ARARAS (SP); 2016; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos,; Orientador: Rubismar Stolf;

Katia Priscila Gomes Morinigo

Efeitos da distribuição espacial de árvores em atributos físicos e químicos do solo e produção de cafeeiro sombreado; 2016; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Rubismar Stolf;

Vivian Delfino Motta

Análise da Inserção do Programa Nacional de Produção de Biodiesel no Nordeste Paraense e a Relação entre Agricultores Familiares e Grandes Corporações do Mercado de Biocombustíveis; 2015; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Rubismar Stolf;

Fernando de Alvarenga Yoshida

Distribuição espacial da resistência do solo vista sob o prisma da fragilidade ambiental para a Área de Proteção Ambiental (APA) de Botucatu; 2015; Dissertação (Mestrado em AGRICULTURA E AMBIENTE) - Universidade Federal de São Carlos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Rubismar Stolf;

Fábio José Machado

Avaliação de sistemas agroflorestais na recuperação de áreas de preservação permanente; 2012; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos,; Orientador: Rubismar Stolf;

Celso Américo Pedro Mutadiua

Adoção de práticas de manejo da agrobiodiversidade e estratégias de diversificação dos meios de vida das comunidades rurais em Pirenópolis - Goiás; ; 2012; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos, Fundação Ford; Orientador: Rubismar Stolf;

Diogo Fonseca Mantovanelli

Quintais Agroecológicos: Sala de aula informal para capacitação formal - As experiências do assentamento rural Araras 4; ; 2012; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos,; Orientador: Rubismar Stolf;

Túlio Caio Binotti

Avaliação interdisciplinar de sistema de captação de água de chuva construído através de processo participativo com agricultores familiares; 2012; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos,; Orientador: Rubismar Stolf;

Domingos Antonio Cerveira Quintas

Evolução histórica da agricultura e o estádio de sucessão ecológica da mata ciliar em restauração no ribeirão das Furnas no município de Araras SP; 2011; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos,; Orientador: Rubismar Stolf;

Leonardo Gomes Viana

Desenvolvimento da agricultura orgânica no município de Mata de São João - Bahia; 2010; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos,; Orientador: Rubismar Stolf;

Carlos Eduardo Coletty

Proposta participativa de redesenho agroecológico da microbacia do Córrego Três Barras; 2009; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos,; Orientador: Rubismar Stolf;

[Nome removido após solicitação do usuário]

Modelos de sistemas Agroflorestais com fins apículas para o município de Pedreira-SP; 2008; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos,; Orientador: Rubismar Stolf;

Alvaro de Mendonça Thurler

Estimativa da macro e da microporosidade através da granulometria e densidades de partículas e do solo; 1989; Dissertação (Mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo,; Orientador: Rubismar Stolf;

Amanda Camargo Roston

MÉTODOS DE PRODUÇÃO DE INÓCULO DE Alternaria alternata; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Thiago Antonio Basso do Prado

Ambientes de produção de cana-de-açúcar e capacidade de uso das terras do Centro de Ciências Agrárias, da Universidade Federal de São Carlos, Araras-SP; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Felipe Bonini Leal

Teste da eficiência do produto dioxiplus para controle de doenças pós-colheita de citrus; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Gustavo Tinarelli Lessi

Efeito do pisoteio sobre a rebrota da soqueira de cana-de-açúcar (rb 867515); 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Luiz Gabriel Silva

Comparação de atributos do solo obtidos a partir de amostras indeformadas e deformadas acondicionadas sob mesma densidade; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Daniel Gonçalves Gomes Junior

Condutividade hidráulica saturada (K0) para diferentes tipos de solos em diferentes situações de cultivo; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Eric Sérgio Ramalho dos Reis; Tecnologia de aplicação de herbicidas em cana-de-açúcar; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Luis Gustavo Feltran Serafim

Plantio mecanizado em cana-de-açúcar: influência deste sistema no índice de brotação; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Leonardo Moreira Cunha

Influência da rachadura de colmos na brotação e vigor do crescimento inicial da cana-de-açúcar devido ao plantio mecanizado; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Daniel Corrêa Tablas

Comparação de dois métodos de avaliação de perdas na colheita mecanizada da cana-de-açúcar; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Nilson Nogueira Ferreira

Análise do desempenho operacional e econômico de roçadoras portáteis como alternativa à colheita manual da cana-de-açúcar; 2007; Iniciação Científica - Universidade Federal de São Carlos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Rubismar Stolf;

Joelmir de Jesus da Silva

Análise do dimensionamento de grades agrícolas; ; 1996; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Rubismar Stolf;

Ana Paula Rodrigues de Oliveira

Fator de escala entre líquido de baixa tensão superficial e a água para determinação de propriedades hídricas do solo; 1995; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Rubismar Stolf;

Paula Lamas de Oliveira

Orientação em estágio curricular em Engenharia Agronômica; 2014; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Thiago Antonio Basso do Prado

Orientação em estágio curricular em Engenharia Agronômica; 2014; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Ramon Nantes Donatti

PESCD-Programa de Estágio Supervisionado de Capacitação Docente: disciplina Manejo de Solos e de Comunidades Vegetais; 2014; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Vivian Delfino Motta

PESCD-Programa de Estágio Supervisionado de Capacitação Docente: disciplina Manejo de Solos e de Comunidades Vegetais; 2014; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Fernando Yoshida

PESCD-Programa de Estágio Supervisionado de Capacitação Docente: disciplina Manejo de Solos e de Comunidades Vegetais; 2013; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Rubismar Stolf;

Leonardo Moreira da Cunha

Orientação em estágio curricular em Engenharia Agronômica; 2012; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Celso Américo Pedro Mutadiua

PESCD-Programa de Estágio Supervisionado de Capacitação Docente: disciplina Manejo de Solos e de Comunidades Vegetais; 2011; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Raphael Machado

PESCD-Programa de Estágio Supervisionado de Capacitação Docente: disciplina Poluição e Impactos Ambientais; 2008; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Rubismar Stolf;

Ricardo Noboru Oda

Monitoria em Manejo de Solos e de Comunidades Vegetais; 2007; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos, Pró-Reitoria de Graduação da UFSCar; Orientador: Rubismar Stolf;

Santo Augusto Pissinatti Neto

Monitoria na disciplina Mecanização Agrícola; 2004; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos, Pró-Reitoria de Graduação da UFSCar; Orientador: Rubismar Stolf;

Fernando Takashi Hosokawa

Treinamento na medição da resistência do solo com o penetrômetro de impacto modelo IAA/PLANALSUCAR-STOLF em pequenas Propriedades agrícolas da comunidade rural; 2004; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos, Pró-Reitoria de Graduação da UFSCar; Orientador: Rubismar Stolf;

Leonardo Lopes Menezes

Levantamento de granulomentria do solo na área do Centro de Ci~encias agrárias; 2004; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal de São Carlos, Pró-Reitoria de Graduação da UFSCar; Orientador: Rubismar Stolf;

Ricardo Francisco Desjardins Antunes

Compactação do solo; 2002; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Associação de Bolsas de Estudo e Estágio; Orientador: Rubismar Stolf;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Eneas Salati

Balanço de água e cloro no açude Quebra - Unhas (PE) utilizando as variações naturais de oxigênio-18, deutério e cloro,; ; 1977; Dissertação (Mestrado em Ciências) - UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO- CENA, Comissão Nacional de Energia Nuclear; Orientador: Eneas Salati;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • YOSHIDA, FERNANDO DE ALVARENGA ; STOLF, RUBISMAR . Environmental fragility based on the spatial distribution of soil resistance for the en-vironmental protection area (EPA) of Botucatu, Sao Paulo, Brazil. Holos Environment (Online) , v. 19, p. 391-405, 2019.

  • SILVA NETO, F. J. ; MORINIGO, K. P. G. ; GUIMARAES, N. F. ; GALLO, A. S. ; SOUZA, M. D. B. ; STOLF, R. ; FONTANETTI, A. . Shade Trees Spatial Distribution and Its Effect on Grains and Beverage Quality of Shaded Coffee Trees. JOURNAL OF FOOD QUALITY , v. 2018, p. 1-8, 2018.

  • STOLF, R. ; SILVA, J. J. . Metodologia de Estimativa da Potência do Motor de Tratores em Função do Espaçamento, Diâmetro e Número de Discos de Grades Agrícolas. STAB (PIRACICABA) , v. 36, p. 30-34, 2018.

  • COSTA, DOUGLAS CAVALCANTE ; MARTORANO, LUCIETA GUERREIRO ; MORAES, JOSÉ REINALDO DA SILVA CABRAL DE ; LISBOA, LEILA SHEILA SILVA ; STOLF, RUBISMAR . Dinâmica temporal da pegada hídrica por cultivar de soja em polo de grãos no Oeste do Pará, Amazônia. Revista Ambiente e Agua , v. 13, p. 1-10, 2018.

  • STOLF, R. . Compactação do solo: conceito correto ações corretas. Revista STAB , v. 37, p. 22, 2018.

  • MORINIGO, KÁTIA PRISCILLA GOMES ; GUIMARÃES, NATHALIA DE FRANÇA ; STOLF, RUBISMAR ; SAIS, ADRIANA CAVALIERI ; SOUZA, MAICON DOUGLAS BISPO DE ; GALLO, ANDERSON DE SOUZA ; FONTANETTI, ANASTÁCIA . Efeitos da distribuição de árvores sobre atributos do solo em cafeeiro sombreado. COFFEE SCIENCE , v. 12, p. 517-525, 2017.

  • BENTOS, ADRIEL BARBOZA ; GALLO, ANDERSON DE SOUZA ; GUIMARÃES, NATHALIA DE FRANÇA ; SOUZA, MAICON DOUGLAS BISPO DE ; STOLF, RUBISMAR ; BORGES, MARIA TERESA MENDES RIBEIRO . Rapid Assessment of Habitat Diversity Along the Araras Stream, Brazil. FLORAM , v. 25, p. 1-10, 2017.

  • BIZARI, D. R. ; VOLTOLINI, L. C. ; STOLF, R. . Fertilizante orgânico composto classe D na produção de Acalypha reptans em casa de vegetação. REVISTA CIÊNCIA, TECNOLOGIA & AMBIENTE (ONLINE) , v. 5, p. 23-29, 2017.

  • STOLF, R. ; GARCIA, T. B. ; NERIS, L. O. ; TRINDADE JUNIOR, O. ; REICHARDT, K. . Avaliação de falhas em cana-de-açúcar segundo método de Stolf utilizando imagens aéreas de alta precisão obtidas por VANT. Revista STAB , v. 34, p. 32-39, 2016.

  • GOMES JUNIOR, DANIEL GONÇALVES ; STOLF, RUBISMAR ; PERES, JOSÉ GEANINI ; PINTO, VICTOR MERIGUETTI ; REICHARDT, KLAUS . Soil Physical Quality of Brazilian Crop Management Systems Evaluated with Aid of Penetrometer. Journal of Agricultural Science , v. 8, p. 120-128, 2016.

  • STOLF, R. . Implementos e tratores para preparo de solo: exemplos práticos de dimensionamento. Revista da Sociedade , v. 20, p. 8-12, 2016.

  • YOSHIDA, F. ; STOLF, R. . Mapeamento digital de atributos e classes de solos da UFSCar- Araras/SP. Ciência Tecnologia e Ambiente , v. 3, p. 1-11, 2016.

  • MANTOVANELLI, D.F. ; STOLF, R. . Quintais agroecológicos: sala de aula informal para capacitação formal em um assentamento rural de Araras, SP. Sociedade e Desenvolvimento Rural , v. 9, p. 78-96, 2015.

  • STOLF, R. . Metodologia de avaliação de falhas nas linhas de cana-de-açúcar (REIMPRESSÃO comemorativa dos 30 anos). STAB (Piracicaba) , v. 34, p. 44-53, 2015.

  • MUTADIUA, C. A. P. ; STOLF, R. ; Abreu, SA . Adoção de práticas de manejo da agrobiodiversidade e estratégias de diversificação dos meios de vida das comunidades rurais em Pirenópolis - Goiás. Revista Brasileira de Agroecologia , v. 9, p. 134-140, 2014.

  • STOLF, R. ; Murakami, J.H. ; BRUGNARO, C. ; SILVA, L. G. ; Silva, L. C. F. ; MARGARIDO, L. A. C. . Penetrômetro de impacto Stolf - programa computacional de dados em EXCEL-VBA. Revista Brasileira de Ciência do Solo (Impresso) , v. 38, p. 774-782, 2014.

  • BENTOS, A. B. ; STOLF, R. ; DONATTI, R. N. ; GALLO, A. S. ; GODOI, S. C. C. ; FRANCA, D. V. C. . Influência de Diferentes Sistemas de Manejo sobre a Resistência à Penetração de um Latossolo Vermelho Distrófico. Cadernos de Agroecologia , v. 9, p. 1-5, 2014.

  • SERAFIM, L.G.F. ; STOLF, R. ; SILVA, J. R. ; SILVA, L. C. F. ; MANIERO, M. A. ; BASSINELLO, A.I. . Influência do plantio mecanizado no índice de brotação da cana-de-açúcar. STAB (Piracicaba) , v. 31, p. 22-25, 2013.

  • BINOTTI, T.C. ; R. STOLF ; COSTA, M. B. B. ; CECCATO-ANTONINI, S.R. . Avaliação interdisciplinar de um sistema de captação de água de chuva construído através de processo participativo com agricultores familiares Paulistas. Revista Brasileira de Agroecologia , v. 8, p. 130-141, 2013.

  • STOLF, R. ; MARGARIDO, L. A. C. ; MANIERO, M. A. ; SILVA, J. R. . Grades agrícolas 7- como medir o ângulo horizontal de ataque dos discos. ALCOOLbrás , v. 15, p. 31-33, 2013.

  • Silva, L. C. F. ; MANIERO, M. A. ; CASAGRANDE, J. C. ; STOLF, R. . Controle de perdas. Cultivar Grandes Culturas , v. XIV, p. 6-8, 2012.

  • SILVA, L. C. F. ; MANIERO, M. A. ; CASAGRANDE, J. C. ; STOLF, R. ; PIEDADE, S. M. S. . Avaliação de adubo nitrogenado de liberação lenta na cana de açúcar.. STAB (Piracicaba) , v. 30, p. 33-35, 2012.

  • SILVA, L. C. F. ; MANIERO, M. A. ; CASAGRANDE, J. C. ; STOLF, R. ; PIEDADE, S. M. S. . Agricultura bioestimulada. Cultivar Grandes Culturas , v. XIV, p. 34-35, 2012.

  • STOLF, R. ; MURAKAMI, J. H. ; MANIERO, M. A. ; SOARES, M. R. ; SILVA, L. C. F. . Incorporação de régua para medida de profundidade no projeto do penetrômetro de impacto Stolf. Revista Brasileira de Ciência do Solo (Impresso) , v. 36, p. 1476-1482, 2012.

  • STOLF, R. ; PIEDADE, S. M. S. ; SILVA, J. R. ; SILVA, L. C. F. ; MANIERO, M. A. . Water transfer from São Francisco river to semiarid northeast of Brazil: technical data, environmental impacts, survey of opinion about the amount to be transferred. Engenharia Agrícola (Impresso) , v. 32, p. 998-1010, 2012.

  • MANIERO, M. A. ; SILVA, L. C. F. ; STOLF, R. ; IAIA, A. M. . O florescimento da cana-de-açúcar e suas consequências. ALCOOLbrás , v. 15, p. 2012-16, 2012.

  • STOLF, R. ; THURLER, A. M. ; BACCHI, O. O. S. ; REICHARDT, K. . Method to estimate soil macroporosity and microporosity based on sand content and bulk density. Revista Brasileira de Ciência do Solo (Online) , v. 35, p. 447-459, 2011.

  • MANIERO, M. A. ; Silva, L. C. F. ; STOLF, R. ; IAIA, A. M. . Flores Indesejadas. Cultivar Grandes Culturas , v. 148, p. 06-07, 2011.

  • STOLF, R. ; SILVA, J. R. ; GOMEZ, J. A. M. . Medida do ângulo horizontal de ataque dos discos de grades agrícolas de dupla ação e aplicação a uma propriedade agrícola. Bragantia (São Paulo, SP. Impresso) , v. 69, p. 493-497, 2010.

  • Viana, L.G. ; STOLF, R. . Desenvolvimento da agricultura orgânica no município de Mata de São João-Bahia. Sociedade e desenvolvimento rural , v. 4, p. 103-115, 2010.

  • MARGARIDO, L. A. C. ; CASAGRANDE, J. C. ; Silva, L. C. F. ; MANIERO, M. A. ; STOLF, R. ; FERREIRA, A.J.F. . Vinhaça no tomateiro. Cultivar HF (Pelotas) , v. 63, p. 22-24, 2010.

  • Silva, L. C. F. ; MANIERO, M. A. ; CASAGRANDE, J. C. ; STOLF, R. ; MARGARIDO, L. A. C. . Alternativas de nutrição. Cultivar Grandes Culturas , v. XI, p. 12-14, 2009.

  • Silva, L. C. F. ; MANIERO, M. A. ; CASAGRANDE, J. C. ; STOLF, R. ; MARGARIDO, L. A. C. . Estudo com adubo orgânico líquido contendo aminoácidos de extrato de peixe. Revista canavieiros , v. 33, p. 26-27, 2009.

  • STOLF, R. ; SILVA, L. C. F. ; MANIERO, M. A. ; MARGARIDO, L. A. C. ; SILVA, J. R. . Grades agrícolas: 6 - reciclagem de discos e de ferro em geral. ALCOOLbrás , v. 11, p. 46-51, 2009.

  • SILVA, L. C. F. ; MANIERO, M. A. ; CASAGRANDE, J. C. ; STOLF, R. . Adubo orgânico líquido contendo aminoácidos de extrato de peixe. II -Adubação de cana-soca. Adubo orgânico líquido contendo aminoácidos de extrato de peixe. II -Adubação de cana-soca , v. 12, p. 46-48, 2009.

  • PINAZZA, A. H. ; STOLF, R. ; MARGARIDO, L. A. C. ; MACEDO, N. . Sistema de produção de cana-de-açúcar em sulco duplo para a viabilização da mecanização de culturas intercalares.. STAB (Piracicaba) , v. 27, p. 73-76, 2008.

  • STOLF, R. ; SILVA, J. R. ; GOMEZ, J. A. M. . Grades agrícolas: 5- Evolução histórica de seus mancais. ALCOOLbrás , v. 10, p. 65-69, 2008.

  • SILVA, L. C. F. ; MANIERO, M. A. ; CASAGRANDE, J. C. ; STOLF, R. . Adubo orgânico líquido contendo aminoácidos de extrato de peixe. I - Adubação de cana-planta. ALCOOLbrás , v. 11, p. 62-63, 2008.

  • STOLF, R. . Grades agrícolas: 1- Potência do trator através do peso e do número de discos. ALCOOLbrás , v. 9, p. 96-98, 2007.

  • STOLF, R. . Grades agrícolas: 2- Potência do trator através do número e do diâmetro de discos. ALCOOLbrás , v. 9, p. 89-91, 2007.

  • STOLF, R. . Grades agrícolas: 3- Potência do trator através do espaçamento, do número e do diâmetro de discos. ALCOOLbrás , v. 9, p. 100-1002, 2007.

  • STOLF, R. . Grades agrícolas: 4- Nova classificação quanto à função no preparo do solo. ALCOOLbrás , v. 9, p. 69-72, 2007.

  • STOLF, R. ; REICHARDT, K. ; VAZ, C. M. P. . Response to Comments on `Simultaneous Measurement of Soil Penetration Resistance and Water Content with a Combined Penetrometer TDR Moisture Probe and `A Dynamic Cone Penetrometer for Measuring Soil Penetration Resistance . Soil Science Society of America Journal , Madson, v. 69, p. 927-929, 2005.

  • MARGARIDO, L. A. C. ; LAVORENTI, N. A. ; MATSUOKA, S. ; BESKOW, P. R. ; STOLF, R. . Produção orgânica da cana-de-açúcar, açúcar mascavo, melaço e rapadura: uma experiência. Extensão Rural (Santa Maria) , Porto Alegre, v. 1, n.n4, p. 39-43, 2005.

  • STOLF, R. ; CASSEL, D. K. ; KING, L. D. ; REICHARDT, K. . Measuring mechanical impedance in clayey gravelly soils. Revista Brasileira de Ciência do Solo (Impresso) , Viçosa, v. 22, n.2, p. 189-196, 1998.

  • STOLF, R. ; LIMA FILHO, S. A. ; MANIERO, M. A. . Avaliação da capacidade de campo de um subsolador vibratório. Engenharia Agrícola (Impresso) , Jaboticabal, v. 17, n.2, p. 39-51, 1997.

  • STOLF, R. . Programa de regressão múltipla (REGR) de fácil manipulação e transformação de arquivos eletrônicos de dados. Geociências (UNESP. Impresso) , v. 15, n.2, p. 425-433, 1996.

  • STOLF, R. ; SILVA, J. J. . Características de quatrocentos e trinta e um modelos de grades agrícolas. STAB (Piracicaba) , Piracicaba, v. 14, n.5, p. 18-31, 1996.

  • PINAZZA, A. H. ; STOLF, R. ; MACEDO, N. . Avaliação econômica de sistemas de consórcio intercalar cana-de-açúcar/milho. STAB (Piracicaba) , Piracicaba, v. 12, p. 11-14, 1994.

  • STOLF, R. ; IAIA, A. M. ; LEE, T. S. G. . Índice de falhas segundo o método de STOLF: correlação com o rendimento agrícola em soqueiras de cana-de-açúcar. Revista Álcool & Açúcar , São Paulo, v. 11, n.58, p. 12-16, 1991.

  • STOLF, R. . Teoria e teste experimental de fórmulas de transformação dos dados de penetrômetro de impacto em resistência do solo. Revista Brasileira de Ciência do Solo (Impresso) , v. 15, p. 229-235, 1991.

  • STOLF, R. ; BARBOSA, V. . Quantidade de muda nos sulcos de plantio da cana-de-açúcar em espaçamentos convencionais e estreitos: (II) fórmulas de controle. STAB (Piracicaba) , Piracicaba, v. 9, n.4/5, p. 11-15, 1991.

  • STOLF, R. ; TOKESHI, H. . Ratoon transplanting technique for renewing sugarcane fields. Sugar Cane International , Port Talbot, v. 2, p. 6-9, 1990.

  • STOLF, R. ; LEE, T. S. G. . Sistema comercial de plantio de plântulas de cultura de tecidos ou de gemas isoladas: plantio de estaca (MPB-muda pré-brotada). Revista Álcool & Açúcar , São Paulo, v. 10, n.53, p. 20-25, 1990.

  • STOLF, R. ; BARBOSA, V. . Quantidade de muda nos sulcos de plantio da cana-de-açúcar em espaçamentos convencionais e estreitos: (I) qual é o valor?. STAB (Piracicaba) , Piracicaba, v. 9, n.1/2, p. 28-30, 1990.

  • STOLF, R. ; LUZ, P. H. C. ; CASAGRANDE, J. C. ; RUAS, D. G. G. ; M. A. PIZANO . Utilização do sulcador na incorporação profunda de corretivos: custos de implantação. Revista Álcool & Açúcar , São Paulo, v. 9, n.46, p. 14-21, 1989.

  • VAZ, C. M. P. ; CRESTANA, S. ; MASCARENHAS, S. ; CRUVINEL, P. E. ; REICHARDT, K. ; STOLF, R. . Using a computed tomography miniscanner for studying tillage induced soil compaction. Soil Technology , Cremlingen, v. 2, p. 313-321, 1989.

  • STOLF, R. ; BOTELHO, P. S. M. ; TOKESHI, H. . Diminuição do índice de infestação da broca da cana-de-açúcar, Diatraea saccharalis (FABR., 1794), com o número de cortes. Revista Álcool & Açúcar , São Paulo, v. 9, n.51, p. 30-37, 1989.

  • VAZ, C. M. P. ; CRESTANA, S. ; REICHARDT, K. ; MASCARENHAS, S. ; CRUVINEL, P. E. ; BACCHI, O. O. S. ; STOLF, R. . Comparação da Técnica da Tomografia Computadorizada de Raios Gama Com O Penetrômetro No Estudo da Compactação de Solos. Ciência e Cultura , v. 41, p. 14, 1989.

  • STOLF, R. . Um modelo explicativo da competição entre colmos de um canavial e o vale da morte. STAB (Piracicaba) , Piracicaba, v. 8, n.2, p. 27-34, 1989.

  • STOLF, R. . Espaçamentos estreitos em cana-de-açúcar. MAQUINARIA AGRICOLA, Porto Alegre, v. 3, n.3, p. 4-5, 1988.

  • STOLF, R. ; AMAROLLI, C. A. . Evidências da movimentação superficial do Tebuthiuron para o centro da entrelinha de uma área de soqueira de cana-de-açúcar (Saccaharum sp.). Brasil Açucareiro , Rio de Janeiro, v. 106, n.4, p. 37-40, 1988.

  • STOLF, R. ; CHRISTOFFOLETI, P. J. . Destruição mecano-química da soqueira de cana-de-açúcar para reforma em cultivo mínimo. STAB (Piracicaba) , Piracicaba, v. 6, n.4/5, p. 24-32, 1988.

  • MEDEIROS, A. M. L. ; MILLER, L. C. ; REZENDE, L. C. L. ; ROSSETO, A. J. ; STOLF, R. . Subsolagem em soqueiras da cana-de-açúcar. Brasil Açucareiro , Rio de Janeiro, v. 106, n.4, p. 47-53, 1988.

  • STOLF, R. ; LUZ, P. H. C. ; CASAGRANDE, J. C. . Metodologia de incorporação mecânica profunda de corretivos de solo. Revista Álcool & Açúcar , São Paulo, v. 8, n.44, p. 24-29, 1988.

  • STOLF, R. . Precisamos Melhorar A Produtividade do Corte Manual da Cana-De-Acucar.. Revista Álcool & Açúcar , v. 7, n.34, p. 50-0, 1987.

  • STOLF, R. ; FURLANI NETO, V. L. ; LUZ, P. H. C. . Nova metodologia de mecanização a espaçamentos estreitos em cana-de-açúcar. Revista Álcool & Açúcar , São Paulo, v. 7, n.32, p. 14-33, 1987.

  • STOLF, R. . A compactação do solo e perspectivas de subsolagem em citrus. Laranja , Cordeirópolis, v. 2, n.8, p. 283-308, 1987.

  • STOLF, R. . Grade leve, média, pesada e super pesada: classificação e função. Revista Álcool & Açúcar , v. 6, n.28, p. 36-44, 1986.

  • STOLF, R. . Grades e seus tratores: exemplos práticos de seleção. Revista Álcool & Açúcar , São Paulo, v. 6, n.29, p. 62-68, 1986.

  • STOLF, R. . Methodology for gap evaluation on sugarcane lines. STAB (Piracicaba) , v. 4, n.6, p. 12-20, 1986.

  • STOLF, R. ; IAIA, A. M. ; LEE, T. S. G. . Índice de falhas segundo o método de STOLF: correlação com o rendimento agrícola em cana-planta. Brasil Açucareiro , Rio de Janeiro, v. 104, n.5,6, p. 44-50, 1986.

  • STOLF, R. . Metodologia de avaliação de falhas nas linhas de cana-de-açúcar. STAB (Piracicaba) , Piracicaba, v. 4, n.6, p. 22-36, 1986.

  • LUZ, P. H. C. ; FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . Plantio intercalar mecanizado à cultura da cana-de-açúcar (S.officinarum). Saccharum (São Paulo) , São Paulo, v. 8, n.36, p. 35-44, 1985.

  • FURLANI NETO, V. L. ; MAGRO, J. L. ; SELEGATO, S. L. ; ROSENFELD, U. ; STOLF, R. ; LUZ, P. H. C. . Formas de cultivo da cana soca: associação à utilização agrícola da vinhaça com adubação mineral. STAB (Piracicaba) , Piracicaba, v. 3, n.6, p. 46-52, 1985.

  • STOLF, R. ; FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. . Uma análise da equivalência entre as potências de tratores de pneus e de esteiras e suas correlações com características de grade, através das recomendações dos fabricantes. Brasil Açucareiro , Rio de Janeiro, v. 103, n.4-6, p. 28-34, 1985.

  • STOLF, R. ; FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. . Influência do plantio mecanizado no índice de germinação da cana-de-açúcar. STAB (Piracicaba) , Piracicaba, v. 2, n.5, p. 22-26, 1984.

  • FURLANI NETO, V. L. ; FERNANDES, J. ; STOLF, R. . Avaliação das impurezas nas cargas e perdas no campo pela colhedora mecanizada de cana inteira. Brasil Açucareiro , Rio de Janeiro, v. 102, n.4, p. 34-39, 1984.

  • STOLF, R. ; FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. . Desempenho operacional de uma plantadora de cana. Brasil Açucareiro , Rio de Janeiro, v. 102, n.3, p. 24-30, 1984.

  • FURLANI NETO, V. L. ; FERNANDES, J. ; STOLF, R. ; COLETTI, J. T. . Perdas no campo pelo sistema de corte mecanizado com canas inteiras amontoadas. Saccharum (São Paulo) , São Paulo, v. 7, n.33, p. 30-33, 1984.

  • DEGASPARI, N. ; BOTELHO, P. S. M. ; ALMEIDA, L. C. ; STOLF, R. ; ARAUJO., J. R. . Estudo dos artrópodos predadores da Diatraea Saccharalis em área de cultivo mínimo para a cana-de-açúcar. Saccharum (São Paulo) , São Paulo, v. 7, n.33, p. 22-28, 1984.

  • STOLF, R. ; FAGANELLO, B. F. . Utilização do penetrômetro de impacto, modelo IAA/Planalsucar-Stolf, na recomendação do preparo do solo na Usina Nossa Senhora Aparecida (Pontal-SP). STAB (Piracicaba) , Piracicaba, v. 1, n.6, p. 11-22, 1983.

  • STOLF, R. ; FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. . Penetrômetro de impacto modelo IAA/Planalsucar-Stolf: recomendação para seu uso. STAB (Piracicaba) , Piracicaba, v. 1, n.3, p. 18-23, 1983.

  • FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. ; RODELLA, A. A. ; ROLIM, J. C. . A colheita da cana-de-açúcar; a reforma do canavial; os tratos culturais das soqueiras.. Boletim ao Produtor , v. 2, p. 1-7, 1983.

  • BASSINELLO, A.I. ; STOLF, R. ; LIMA FILHO, S. A. . A cana de ano: vantagens e desvantagens; o cultivo mínimo para o plantio da cana-de-açúcar; a rotação de cultura com a cana-de-açúcar. Boletim ao Produtor , v. 3, p. 1-14, 1982.

  • FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . Preparo de solo para plantio de cana-de-açúcar. Brasil Açucareiro , Rio de Janeiro, v. 97, n.1, p. 41-44, 1981.

  • FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . Sistema de plantio e a compactação do solo na cana-de-açúcar. Brasil Açucareiro , Rio de Janeiro, v. 97, n.3, p. 20-31, 1981.

  • FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . O preparo do solo para o plantio da cana-de-açúcar e seus efeitos nas soqueiras. Brasil Açucareiro , Rio de Janeiro, v. 97, n.4, p. 37-40, 1981.

  • FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . Tratos culturais de cana-soca. Saccharum (São Paulo) , São Paulo, v. 4, n.13, p. 18-22, 1981.

  • FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . Dimensionamento do subsolador alado. Brasil Açucareiro , Rio de Janeiro, v. 97, n.2, p. 32-38, 1981.

  • FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . Soil preparation for sugarcane planting (Saccharum spp). Brasil Açucareiro , v. 97, p. 41-44, 1981.

  • FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . O subsolador alado como implemento de preparo de solo para a cana-de-açúcar. Brasil Açucareiro , Rio de Janeiro, v. 96, n.6, p. 33-40, 1980.

  • LEOPOLDO, P. R. ; MATSUI, E. ; STOLF, R. . Fracionamento isotópico da água do solo durante o processo de evaporação, em presença de lençol freático. Revista Brasileira de Geociências , v. 9, n.4, p. 281-288, 1979.

  • MALAVOLTA, E. ; CASAGRANDE, J. C. ; CARRETERO, M. V. ; STOLF, R. ; FREIRE, F. M. . Estudos sobre a nutrição mineral do sorgo granífero: VI absorção de fosfato por raízes destacadas de plantas de três variedades comerciais. Anais da Esalq , Piracicaba, v. 34, p. 383-405, 1977.

  • STOLF, R. . Cultivo mínimo para a cana-de-açúcar. 1. ed. Piracicaba: Planalsucar, 1985. v. 6. 50p .

  • STOLF, R. ; MATSUOKA, S. . Sistemas mecanizados na lavoura de cana-de-açúcar e a compactação de solo. In: Fábio César da Silva; Bruno José Rodrigues Alves; Pedro Luiz de Freitas. (Org.). Sistema de produção mecanizada da cana-de-açúcar integrada à produção de energia e alimentos -2. 1ed.Brasília: Embrapa, 2017, v. 2, p. 521-551.

  • SILVA, F. C. ; COLETI, J. T. ; STOLF, R. . Impacto de los sistemas mecanizados sin quema en la producción agroindustrial de azúcar y energía. In: SILVA, F.C.; DIAZ-AMBRONA, C.G.H., ITURRA, A.R.. (Org.). Desarrollo Sostenible de la Producción de Bioetanol y Azúcar a partir de la caña de azúcar. 1ed.Saarbrücken: Editorial Académica Española, 2013, v. 1, p. 149-194.

  • MATSUOKA, S. ; STOLF, R. . Sugarcane tillering and ratooning: key factors for a profitable cropping. In: GONCALVES, J.F. & CORREIA, K.D. (Org.). Sugarcane: production, cultivation and uses. 1ed.New York: Nova Science Publishers, 2012, v. , p. 137-158.

  • STOLF, R. . Cultivo mínimo para a cana-de-açucar. PLANTIO DIRETO NO BRASIL. CAMPINAS, SP.: FUNDACAO CARGIL, 1984, v. , p. 0113-0124.

  • STOLF, R. ; ATHAYDE, M. L. F. ; BOARETTO, A. E. . Transferência de Energia Atmosfera-Planta. TOPICOS DE FISIOLOGIZ VEGETAL. PIRACICABA, SP.: ESALQ/USP, 1974, v. , p. 0126-0139.

  • BENTOS, A. B. ; STOLF, R. . J. Opinião: Pesquisa detecta impactos ambientais negativos no Ribeirão das Araras. Jornal Opinião - Araras, Araras/SP, 01 jun. 2017.

  • BENTOS, A. B. ; STOLF, R. . Clip da UFSCar: Pesquisa da UFSCar detecta impactos ambientais no Ribeirão das Araras. Coordenadoria de Comunicação Social da UFSCar, UFSCar - São Carlos, 30 maio 2017.

  • BENTOS, A. B. ; STOLF, R. . J. São Carlos Agora: Pesquisa da UFSCar detecta impactos ambientais no Ribeirão das Araras. Jornal São Carlos Agora, São Carlos, 30 maio 2017.

  • STOLF, R. . Revista destaca palestra no X GIFC (mini entrevista). Revista Canavieiros, Sertãozinho, p. 60 - 61, 01 dez. 2016.

  • STOLF, R. ; ARRUDA, A. G. . Fórmula criada por docente da UFSCar para medir a resistência do solo é internacionalmente reconhecida (entrevista sobre a história do penetrômetro de impacto).. Blog da Reitoria da UFSCar, UFSCar, p. 1 - 1, 05 jul. 2016.

  • STOLF, R. . Revista destaca participação do Pesquisador em seminário de mecanização.. Canavieiros, Setãozinho, 31 ago. 2015.

  • MIALHE, L. G. ; STOLF, R. . Citação do Prof. Mialhe:- Prof. Stolf foi o pioneiro no lançamento de idéias sobre cultivo mínimo em cana.... In: MIALHE, L.G. Preparo do solo a intrigante incerteza na renovação dos canaviais .. RPANews, p. 46 - 50, 01 set. 2013.

  • SILVA, J. R. ; STOLF, R. . Produção e comercialização do azeite de oliva. Revista Attalea de Agronegocios, Franca, 15 abr. 2013.

  • STOLF, R. . Para cada trator, um implemento. Guia Rural Tratores e Máquinas Agrícolas, São Paulo, p. 120 - 123, 01 jan. 1990.

  • STOLF, R. . Espaçamento estreito em cana-de-açúcar. Maquinaria Agrícola, p. 4 - 5, 01 jul. 1988.

  • STOLF, R. . Porque estreitar o espaçamento na cana-de-açúcar. Boletim da Coopercana, Sertãozinho, p. 8, 01 dez. 1987.

  • R. STOLF . Depoimento II. Planalsucar também tem bons resultados com o cultivo mínimo em solos argilosos. Boletim Roundup da Monsanto, São Paulo, p. 5 - 7, 01 jul. 1987.

  • STOLF, R. ; OLIVEIRA, A. P. R. . Variação do número de máquinas e implementos agrícolas com a área de produção das unidades de açúcar e álcool e o PROÁLCOOL. In: X CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 2016, Ribeirão Preto. X CONGRESSO NACIONAL DA STAB. PIRACICABA: STAB, 2016. v. 1. p. 171-176.

  • STOLF, R. ; OLIVEIRA, A. P. R. . O Programa Nacional do Álcool, PROÁLCOOL ? breve histórico década a década do etanol no Brasil. In: X CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 2016, Ribeirão Preto. X CONGRESSO NACIONAL DA STAB. PIRACICABA: STAB, 2016. v. 1. p. 349-352.

  • COSTA, D. C. ; MARTORANO, L. G. ; STOLF, R. . Estimativa da pegada hídrica cinza de fertilizante nitrogenado no polo de produção de grãos, Paragominas - Pará, Amazônia.. In: XXI Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos, 2015, Brasília. XXI Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos. v. 1. p. 1-7.

  • GOMES JUNIOR, D. G. ; STOLF, R. ; PERES, J. G. ; REICHARDT, K. . Determinação da condutividade hidráulica, densidade e resistência do solo para diferentes tipos de solo em diferentes situações de cultivo. In: XLIII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2014, 2014, Campo Grande. Estratégias para a redução do custo Brasil no agronegócio CONBEA 2014. Campo Grande, 2014. v. 1. p. 1-9.

  • MOTTA, V. ; STOLF, R. . Análise da inserção do programa nacional de produção de biodiesel no nordeste paraense e a relação entre agricultores familiares e grandes corporações do mercado de biocombustíveis. In: IX Congresso Internacional de Bioenergia, 2014, São Paulo. Anais ..., 2014. p. 1-20.

  • STOLF, R. ; GARCIA, T. B. ; NERIS, L. ; ODA, R. N. ; TRINDADE JUNIOR, O. . Avaliação de falhas em cana-de-açúcar segundo método de Stolf utilizando imagens aéreas de alta precisão obtidas por VANT. In: XLII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2013, 2013, Fortaleza. Os Desafios para o Desenvolvimento Rural Sustentável. Jaboticabal: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola - SBEA, 2013. v. 1. p. 1-10.

  • STOLF, R. ; Murakami, J.H. ; BRUGNARO, C. ; SILVA, L. G. ; SILVA, L. C. F. . Penetrômetro de impacto Stolf - Programa computacional de dados em excel-VBA. In: XLII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2013, 2013, Fortaleza. Os Desafios para o Desenvolvimento Rural Sustentável. Jaboticabal: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola - SBEA, 2013. p. 1-9.

  • STOLF, R. ; Murakami, J.H. ; MANIERO, M. A. ; Soares, M.R. ; Silva, L. C. F. . Incorporação de régua para medida de profundidade no projeto do penetrômetro de impacto Stolf. In: XL Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2011, 2011, Cuiabá. Geração de tecnologias inovadoras e o desenvolvimento do cerrado brasileiro. Cuiabá, 2011. p. 1-9.

  • STOLF, R. ; PIEDADE, S. M. S. ; SILVA, J. R. ; FERREIRA, E. R. ; MANIERO, M. A. . Transposição do rio São Francisco para o Nordeste semiárido do Brasil: dados técnicos, impactos ambientais e enquete sobre o volume transposto. In: IX Congreso Latinoamericano y del Caribe de Ingeniería Agrícola - CLIA 2010. XXXIX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2010, 2010, Vitória. A engenharia agrícola e o desenvolvimento de pequenas propriedades. Vitória: DCM/Incaper, 2010. p. 1-12.

  • STOLF, R. ; THURLER, A. M. . Método de estimativa da macro e da micro porosidade através do teor de areia e da densidade do solo. In: XXIX Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2003, Ribeirão Preto. Solo Alicerce dos Sistemas de Produção, 2003.

  • STOLF, R. ; SILVA, J. J. . Metodologia de estimativa da potência do motor de tratores através do espaçamento, diâmetro e número de discos de grades agrícolas. In: VI CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1996, Macceio. ANAIS DO VI CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1996. v. 6. p. 542-548.

  • STOLF, R. . Monitoramento de recursos hídricos de bacias hidrográficas de vastas regiões através de açudes, utilizando aerofotogrametria: aplicação para o Nordeste brasileiro. In: XIX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1990, 1990, Piracicaba. ANAIS DO XIX CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA, 1990. v. 1. p. 281-293.

  • STOLF, R. . Fórmulas de transformação dos dados de penetrômetro de impacto em força/unidade de área. In: XIX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1990, 1990, Piracicaba. ANAIS DO IXX CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA, 1990. v. 2. p. 823-836.

  • STOLF, R. . Comparação dos resultados de resistência do solo obtidos com o penetrômetro de impacto e o convencional. In: XIX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1990, 1990, Piracicaba. XIX CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA, 1990. v. 2. p. 837-850.

  • STOLF, R. . Teste do modelo do cone invertido (STOLF, 1988) nos mais representativos açudes do Nordeste brasileiro para a determinação das curvas cota-volume e cota-área inundada. In: XVIII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1989, 1989, Refice. ANAIS DO XVIII CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AGRICOLA., 1989. v. 2. p. 768-791.

  • CRESTANA, S. ; REICHARDT, K. ; VAZ, C. M. P. ; CRUVINEL, P. E. ; MASCARENHAS, S. ; STOLF, R. . Characterizing soil tillage induced effect by CT miniscanner. In: ASAE, 1989, New Orleans. ASAE Proceedings. New Orleans: ASAE, 1989. p. n.pg-n.pg.

  • STOLF, R. . Adaptação da equação do cone invertido à curva cota-volume de um açude para determinação de características da bacia hidráulica. In: XVII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1988, 1988, Soracaba. Anais ..., 1988. v. 1. p. 131-143.

  • STOLF, R. . Uma equação prática e simples para o comprimento de ciclo de ciclóides alongadas e encurtadas e algumas aplicações. In: XVII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1988, 1988, Sorocaba. ANAIS DO XVII CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AGRICOLA, 1988. v. 2. p. 502-510.

  • STOLF, R. . Cinemática do subsolador giratório (gyrotiller). In: XVII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1988, 1988, Sorocaba. ANAIS DO XVII CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AGRICOLA. SOROCABA, SP., 1988. v. 1. p. 156-166.

  • STOLF, R. ; LUZ, P. H. C. ; CASAGRANDE, J. C. . Metodologia de incorporação mecânica profunda de corretivos de solo. In: XVII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1988, 1988, Sorocaba. ANAIS DO XVII CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA, 1988. v. 1. p. 147-155.

  • STOLF, R. . A compactação do solo e perspectivas de subsolagem em citrus. In: VII SEMANA DA CITRICULTURA, 1987, Cordeirópolis. Laranja, 1987. v. 2. p. 0283-308.

  • M. A. PIZANO ; STOLF, R. ; BELTRAME, J. A. . Avaliação de diferentes métodos de destruição de soqueira visando ao controle do gorgulho de cana-de-açúcar, Sphenophorus levis (VAURIE, 1978) (CURCULIONIDAE). In: IV CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1987, Olinda. ANAIS DO IV CONGRESSO NACIONAL DA STAB. Olinda, 1987. p. 321-324.

  • STOLF, R. ; CHRISTOFFOLETI, P. J. . Destruição mecano-química da soqueira de cana-de-açúcar para reforma em cultivo mínimo. In: IV CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1987, Olinda. ANAIS DO IV CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1987. p. 132-139.

  • LUZ, P. H. C. ; STOLF, R. ; FURLANI NETO, V. L. . Aplicadores a lanço de corretivos para a cultura da cana-de-açúcar. In: III CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1984, São Paulo. ANAIS DO III CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1984. v. 3. p. 125-134.

  • FURLANI NETO, V. L. ; FERNANDES, J. ; STOLF, R. ; ROSSETO, A. J. ; MILLER, L. C. ; MEDEIROS, A. M. L. . Cultivo de soqueiras: época e tipos. In: III CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1984, São Paulo. Anais do III CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1984. p. 55-60.

  • LUZ, P. H. C. ; STOLF, R. ; FURLANI NETO, V. L. . Aplicadores em linha de fertilizantes para a cultura da cana-de-açúcar (S. officinarum). In: III CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1984, São Paulo. ANAIS DO III CONGRESSO NACIONAL DA STAB. v. 3. p. 114-125.

  • STOLF, R. ; FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. . An impact penetrometer model to determine the deep tillage in sugarcane areas. In: XVIII CONGRESS OF INTERNATIONAL SOCIETY OF SUGAR CANE TECHNOLOGISTS - ISSCT, 1983, Habana. Proceedings CONGRESS OF XVIII INTERNATIONAL SOCIETY OF SUGAR CANE TECHNOLOGISTS - ISSCT. Havana: José Marti Publishing House - Foreign Languages, 1983. v. 1. p. 853-867.

  • STOLF, R. ; FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. . Desempenho operacional de uma plantadora de cana. In: II CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1981, Rio de Janeiro. Anais do II CONGRESSO NACIONAL DA STAB. Rio de Janeiro: Desempenho operacional de uma plantadora de cana, 1981. v. 3/3. p. 471-488.

  • STOLF, R. ; FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. . Uma análise da equivalência entre as potências de tratores de pneus e de esteiras e suas correlações com características de grade, através das recomendações dos fabricantes. In: II CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1981, Rio de Janeiro. ANAIS DO II CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1981. v. 3/4. p. 395-414.

  • FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . Avaliação das impurezas nas cargas e perdas no campo pela colhedora mecanizada de cana inteira. In: II CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1981, Rio de Janeiro. ANAIS DO II CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1981. v. 3/4. p. 533-546.

  • STOLF, R. ; FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. . Influência do plantio mecanizado no índice de germinação da cana-de-açúcar. In: II CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1981, Rio de Janeiro. Anais do II CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1981. v. 3/4. p. 443-456.

  • FURLANI NETO, V. L. ; FERNANDES, J. ; STOLF, R. . Perdas no campo pelo sistema de corte mecanizado com canas inteiras amontoadas. In: II CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1981, Rio de Janeiro. Anais do II CONGRESSO NACIONAL DA STAB, 1981. v. 3. p. 547-556.

  • FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. ; CAMPOSSILVAN, D. ; STOLF, R. . Wide base furrow sugarcane planting: five harvest productions. In: XVII CONGRESS OF THE INTERNATIONAL SOCIETY OF SUGAR CANE TECHNOLOGISTS - ISSCT, 1980, Manilla. INTERNATIONAL SOCIETY OF SUGAR CANE TECHNOLOGISTS - PROCEEDINGS XVIII CONGRESS. Manila, 1980. p. 1058-1068.

  • FERRARI, S. E. ; FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . Industrial quality of mechanically and manually harvested sugar cane. In: XVII CONGRESS OF THE INTERNATIONAL SOCIETY OF SUGAR CANE TECHNOLOGISTS - ISSCT, 1980, Manilla. INTERNATIONAL SOCIETY OF SUGAR CANE TECHNOLOGISTS - PROCEEDINGS XVIII CONGRESS, 1980. p. 800-808.

  • STOLF, R. ; LEAL, J. M. ; FRITZ, P. ; SALATI, E. . Water budget of a dam in the semi-arid Northeast of Brazil based on oxygen-18 and chlorine contents. In: CONGRESSO DA AGENCIA INTERNACIONAL DE ENERGIA ATOMICA - ISOTOPIC IN LAKE STUDIES., 1977, Viena. Isotopes in Lake Studies. Viena: International Atomic Energy Agency (IAEA), 1977. p. 57-66.

  • GALLO, A. S. ; GUIMARAES, N. F. ; FONTANETTI, A. ; STOLF, R. . Resistência à penetração em solo sob diferentes coberturas vegetais. In: IX Congresso Brasileiro de Agroecologia, 2015, Beelém. Diversidade e Soberania na construção do bem viver. Belém, 2015. v. 1. p. 1-6.

  • PRADO, T. B. ; STOLF, R. ; SILVA, L. C. F. ; PRADO, H. ; VITTI, A. C. ; PRADO, R. C. ; SOUZA, B. B. . Ambientes de produção de cana-de-açúcar do Centro de Ciências Agrárias, da Universidade Federal de São Carlos, Araras-SP. In: XX Congreso Latinoamericano y XVI Congreso Peruano de la Ciencia del Suelo, 2014, Cusco - Peru. ., 2014. p. 1-6.

  • BENTOS, A. B. ; STOLF, R. ; DONATTI, R. N. ; GALLO, A. S. ; GODOI, S. C. C. ; FRANCA, D. V. C. . Influência de Diferentes Sistemas de Manejo sobre a Resistência à Penetração de um Latossolo Vermelho Distrófico. In: Agroecol, 2014, Dourados. Avanços e Desafios em Agroecologia: onde e como precisamos chegar, 2014. p. 1-5.

  • GALLO, A. S. ; GUIMARAES, N. F. ; PEREIRA, E. L. ; FERREIRA, C. S. S. ; RESENDE, R. G. ; STOLF, R. . Resistência mecânica à penetração como indicativo de qualidade física em Latossolo Vermelho sob diferentes sistemas de uso. In: III Simpósio de Agroecologia e Desenvolvimento Rural, 2014. Interdisciplinaridade e Formação, 2014.

  • SILVA, L. G. ; STOLF, R. ; PERES, J. G. . Comparação de atributos de amostra de solo indeformada e deformada sob mesma densidade. In: XLII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2013, 2013, Fortaleza. Os Desafios para o Desenvolvimento Rural Sustentável. Jaboticabal: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola - SBEA, 2013. p. 1-3.

  • YOSHIDA, F. ; STOLF, R. . Mapeamento Digital das Classes de Solos da Universidade Federal de São Carlos - Campus de Araras-SP. In: XXXIV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2013, Florianópolis. Ciência do Solo: Para que e para quem?, 2013. v. 2. p. 1-4.

  • SERAFIM, L.G.F. ; STOLF, R. ; SILVA, J. R. ; Silva, L. C. F. ; MANIERO, M. A. . Influência do plantio mecanizado no índice de brotação da cana-de-açúcar. In: X Congreso Latinoamericano y del Caribe de Ingeniería Agrícola - CLIA 2012 & XL Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2012, 2012, Londrina. ANAIS do X Congreso Latinoamericano y del Caribe de Ingeniería Agrícola = CLIA 2012 & XL Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2012. Londrina: SBEA, 2012. p. 1-4.

  • SILVA, J. R. ; STOLF, R. ; SANTOS J E G . Dureza e metalografia de aços de componentes de tratores de esteiras. In: IX Congreso Latinoamericano y del Caribe de Ingeniería Agrícola - CLIA 2010. XXXIX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2010, 2010, Vitória. A engenharia agrícola e o desenvolvimento de pequenas propriedades. Vitória: DCM/Incaper, 2010. p. 1-4.

  • SILVA, J. R. ; MELLO, R. C. ; STOLF, R. . Qualidade tecnologica de cana-de-açucar em função da altura do corte de base. In: XXXVIII Congresso Brasileiro de Engenharia Agricola, 2009, Juazeiro, BA. XXXVIII Congresso Brasileiro de Engenharia Agricola. Jaboticabal, SP: Sociedade Brasileira de Engenharia Agricola, 2009.

  • SILVA, J. R. ; SANTOS J E G ; STOLF, R. . Quality fuels monitoring of a commercial distribution point. In: International Conference of Agricultural Engineering, 2008, Foz do Iguaçu. International Conference of Agricultural Engineering. São Paulo - SP: Acquacon, 2008.

  • SILVA, J. R. ; STOLF, R. ; FENNER, P. T. . Área de contato pneu-solo em trator florestal transportador de alta potência. In: XXXVI Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2007, 2007, Bonito. ANAIS DO XXXVI CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA. Jaboticabal: SBEA - Sociedade Brasileira de Engenharia Agrícola. CD Room ISSN 1983-3797, 2007. p. 1-4.

  • STOLF, R. ; SILVA, J. R. ; GOMEZ, J. A. M. . Método de medida do ângulo horizontal de ataque dos discos de grades agrícolas de dupla ação e sua aplicação a uma propriedade agrícola. In: XXXVI Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 2007, 2007, Bonito. ANAIS DO XXXVI CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA. Jaboticabal: SBEA - Sociedade Brasileira de Engenharia Agrícola. CD Room ISSN 1983-3797, 2007. p. 1-4.

  • FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . Plantio de cana em sulco de base larga e duplo. In: SEMINÁRIO DE MECANIZAÇÃO AGRÍCOLA DA STAB, 2002, Ribeirão Preto. CD ROOM DO SEMINÁRIO DE MECANIZAÇÃO AGRÍCOLA DA STAB, 2002.

  • STOLF, R. . Programa de regressão múltipla (REGR) de fácil manipulação de arquivos eletrônicos de dados. In: VI SIMPÓSIO DE QUANTIFICAÇÃO EM GEOCIÊNCIAS, 1995, Rio Claro. ANAIS DO VI SIMPÓSIO DE QUANTIFICAÇÃO EM GEOCIÊNCIAS-UNESP, 1995. v. 6. p. 197-200.

  • STOLF, R. ; AMAROLLI, C. A. . Evidências da movimentação superficial do Tebuthiuron para o centro da entrelinha de uma área de soqueira de cana-de-açúcar (Saccaharum sp.). In: XVII Congresso Brasileiro de Herbicidas e Plantas Daninhas, 1988, Piracicaba. Anais ..., 1988. p. 64-66.

  • STOLF, R. ; BIZARI, D. R. ; SCARDUA, R. . Stolf-Scardua model for estimating soil water retention curve (WRC) by clay content. In: 21th World Congress of Soil Science, 2018, Rio de Janeiro. Soil Science: beyond food and fuel, 2018. v. 1. p. 1-1.

  • ZURK, D. ; ARRUDA, G. M. M. F. ; STOLF, R. ; MONQUERO, P. A. ; VIEIRA, M. A. S. ; CIRINO, A. E. M. . Teste do aumento da brotação da cana-de-açúcar utilizando estimulador de germinação serquímica, em estufa. In: IV Simpósio de Agroecologia e Desenvolvimento Rural, 2018, Araras. IV Simpósio de Agroecologia e Desenvolvimento Rural, 2018. p. 1.

  • STOLF, R. ; MURAKAMI, J. H. ; VOLPE, H. C. ; VOLPE, F. C. ; BIZARI, D. R. ; STROZZI, G. ; CUSTODIO, A. ; CARROCCI, L. F. . Development of a digital version of Stolf impact penetrometer. In: Brazilian Soil Physics Meeting, 4th Edition, 2017, Piracicaba. 4th Brazilian Soil Physics Meeting Proceedings, 2017. v. 1. p. 4-4.

  • MANTOVANELLI, D.F. ; VALENTE, T. ; GOUVEA, R. ; SACOMANI, R. ; ISHIDO, T. ; MATSUDA, S. ; PISTORI, L. ; FRIGHETTO, M. ; DELGADO, L. H. ; STOLF, R. . Construindo o conhecimento agroecológico: a experiência do grupo 'Pés Vermelhos de GANJA'. In: IV Congreso Latinoamericano de Agroecología, 2013, Lima. Anais do IV Congreso Latinoamericano de Agroecología, 2013, Lima. IV Congreso Latinoamericano de Agroecología, 2013, Lima. Anais do IV Congreso Latinoamericano de Agroecología.

  • BINOTTI, T.C. ; STOLF, R. ; COSTA, M. B. B. . Captação de água de chuva contribuindo para a transição agroecológica: uma pesquisa ação com agricultores familiares. In: IV Congreso Latinoamericano de agroecologia, 2013, Lima. Potenciacion agroecologica de la pequeña agricultura para la soberania alimentaria y la resilencia frente al cambio climático y la crisis económica, 2013. p. 191-191.

  • MANTOVANELLI, D.F. ; STOLF, R. . Quintais agroecológicos: sala de aula informal para capacitação formal - as experiências do assentamento rural Araras 4. In: III Congreso Latinoamericano de Agroecología, 2011, Texcoco. Anais do III Congreso Latinoamericano de Agroecología. Texcoco: SOCLA - Sociedade Latino Americana de Agroecologia, 2011, 2011.

  • Ferreira, N. N. ; STOLF, R. . Análise dos desempenhos operacional e econômico de roçadora motopropelida como alternativa à colheita manual de cana-de-açúcar (saccharum spp) sem queima prévia. In: XVI Congresso de Iniciação Científica da UFSCar, 2008, São Carlos. Anais de Eventos da UFSCar, 2008. v. 4.

  • QUINTAS, D. A. C. ; STOLF, R. ; CASAGRANDE, J. C. . Recuperação de matas ciliares na micro bacia do Ribeirão das Furnas no Município de Araras - SP. In: VI CONGRESSO DE PÓS-GRADUAÇÃO, 2007, São Carlos. Anais de Eventos da UFSCar - IV CONGRESSO DE PÓS-GRADUAÇÃO. São Carlos: Editora da UFSCar, 2007. v. 3. p. 1235-1235.

  • TOLEDO, R. M. P. ; STOLF, R. . Avaliação dos indicadores de sustentabilidade na região sul de Minas Gerais, como parâmetro para melhoria da gestão ambiental rural. In: IV CONGRESSO DE PÓS-GRADUAÇÃO, 2007, São Carlos. ANAIS DE EVENTOS DA UFSCAR - IV CONGRESSO DE PÓS-GRADUAÇÃO. São Carlos: Editora da UFSCar, 2007. v. 3. p. 1238-1238.

  • AGUILLERA, M. M. ; BARBOSA, R. M. M. ; STOLF, R. . Intercâmbio Empresa-Escola através de estágios: uma nova abordagem. In: I Encontro de Extensão da UFSCar na Sociedade: o papel e a atuação da UFSCar na Sociedade, 1997, São Carlos. Anais ..., 1997. p. 41-41.

  • SILVA, J. J. ; STOLF, R. . Análise do dimensionamento de grades agrícolas. In: V Congresso de Iniciação Científica da UFSCar, 1997, São Carlos. Anais .... São Carlos: EdUFSCar, 1997. p. 212-212.

  • OLIVEIRA, A. P. ; STOLF, R. . Variação do número de máquinas e implementos agrícolas com o tamanho da propriedade agrícola de usinas de cana-de-açúcar do Estado de São Paulo. In: IV CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍTICA DA UFSCar, 1996, São Carlos. Anais .... São Carlos: EdUFSCar, 1996. v. 1. p. 264.

  • SILVA, J. J. ; STOLF, R. . Correlação do espaçamento, diâmetro e número de discos de grades com a potência do motor de tratores agrícolas. In: III CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - UFSCar, 1995, São Carlos. NAIS DO III CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - UFSCar. São Carlos: EdUFSCar, 1995. p. 82-82.

  • OLIVEIRA, A. P. ; SILVA, J. J. ; STOLF, R. . Teste de um programa de regressão múltipla através de exemplos didáticos da literatura. In: III CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍTICA DA UFSCar, 1995, São Carlos. Anais .... São Carlos: EdUFSCar, 1995. p. 81-81.

  • STOLF, R. ; MORANDINI, L. A. . Teste de um subsolador vibratório (II). In: XXIII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1994, 1994, Campinas. Anais ..., 1994. p. 288-288.

  • STOLF, R. ; CASSEL, D. K. ; KING, L. D. ; CROZIER, C. R. ; REICHARDT, K. . Measuring mechanical impedance in clayey gravelly soils. In: Annual Meeting - American Society of Agronomist, 1992, Minneapolis. Anais ..., 1992. v. 1. p. 1.

  • STOLF, R. . Utilização do Sulcador como Implemento de Preparo, Conservação do Solo e Incorporação Profunda de Corretivos.. In: II ENCONTRO PAULISTA DE PLANTIO DIRETO, 1989, ASSIS-SP. Anais .... ASSIS-SP, 1989. p. 162-162.

  • STOLF, R. ; LEE, T. S. G. . Plantio da cana-de-açúar em cultivo mínimo sem abertura de sulcos utilizando plântulas (MPB).. In: II ENCONTRO PAULISTA DE PLANTIO DIRETO, 1989, ASSIS-SP. Anais .... ASSIS-SP., 1989. p. 163-163.

  • VAZ, C. M. P. ; CRESTANA, S. ; REICHARDT, K. ; MASCARENHAS, S. ; CRUVINEL, P. E. ; BACCHI, O. O. S. ; STOLF, R. . Comparação da técnica da tomografia computadorizada de raios gama com o penetrômetro no estudo da compactação de solo. In: 41a. REUNIÃO ANUAL DA SBPC, 1989, Fortaleza. Ciência e Cultura. São Paulo, 1989. v. 41. p. 20-20.

  • VAZ, C. M. P. ; CRESTANA, S. ; REICHARDT, K. ; MASCARENHAS, S. ; CRUVINEL, P. E. ; BACCHI, O. O. S. ; STOLF, R. . Quantificação da compactação causada por implementos agrícolas. In: 41a. REUNIÃO ANUAL DA SBPC, 1989, Fortaleza. Ciência e Cultura. São Paulo, 1989. v. 41. p. 14-14.

  • CRESTANA, S. ; REICHARDT, K. ; VAZ, C. M. P. ; MASCARENHAS, S. ; CRUVINEL, P. E. ; STOLF, R. . Diagnose da compactação do solo ocasionada por implementos agrícolas em cultura de cana-de-açúcar usando a tomografia computadorizada de raios-y. In: 40a. REUNIÃO ANUAL DA SBPC, 1988, São Paulo. Ciência e Cultura. São Paulo, 1988. v. 40. p. 15-15.

  • FURLANI NETO, V. L. ; ROSENFELD, U. ; STOLF, R. ; LUZ, P. H. C. ; MAGRO, J. L. ; SELEGATO, S. L. . Formas de cultivo de cana soca: Associação à utilização da vinhaça com adubação mineral. In: XIV CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA, 1984, Fortaleza. ANAIS DO XIV CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA, 1984. v. 1. p. 23.

  • STOLF, R. ; FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. . Variação das características de grades segundo segundo sua função na lavoura canavieira do Estado de São Paulo. In: XII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1982, 1982, Ilhéus. Anais ..., 1982. p. 17.

  • STOLF, R. ; FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. ; BRAZ, G. F. R. . População de máquinas e implementos de usinas de cana-deaçúcar no Estado de São Paulo. In: XII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1982, 1982, Ilhéus. Anais ..., 1982. p. 25.

  • FURLANI NETO, V. L. ; FERNANDES, J. ; STOLF, R. . Subsolagem de soqueiras, épocas e tipos de cultivos. In: XII Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola - CONBEA 1982, 1982, Ilhéus. Anais ..., 1982. p. 18.

  • STOLF, R. ; SALATI, E. ; LEAL, J. M. . Water And Salt Balance Of An Artificial Reservoir In The Semi-Arid Region Of The Northeast Of Brasil Using The Natural Variations of O-18 and D. In: CONFERENCIA DAS NACOES UNIDAS SOBRE A AGUA - REUNIOES TECNICAS E CIENTIFICAS, 1977, Mar del Plata. Localizar o Proc.. Mar del Plata, 1977. p. 0-0.

  • STOLF, R. . Técnicas para o ensino: paradigma dominante e o paradigma emergente. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • STOLF, R. . Preparo do solo para plantio e detecção de compactação. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. ; GARCIA, T. B. ; NERIS, L. ; ODA, R. N. ; TRINDADE JUNIOR, O. . Avaliação de falhas em cana-de-açúcar segundo método de Stolf utilizando imagens aéreas de alta precisão obtidas por VANT. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • STOLF, R. ; MURAKAMI, J. H. ; BRUGNARO, C. ; SILVA, L. G. ; SILVA, L. C. F. . Penetrômetro de impacto Stolf - Programa computacional de dados em excel-VBA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, L. G. ; STOLF, R. ; PERES, J. G. . Comparação de atributos de amostra de solo indeformada e deformada sob mesma densidade. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • STOLF, R. ; Murakami, J.H. ; MANIERO, M. A. ; Soares, M.R. ; Silva, L. C. F. . Incorporação de régua para medida de profundidade no projeto do penetrômetro de impacto Stolf. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • STOLF, R. . Avaliação de falhas em linhas de cana-de-açúcar. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • STOLF, R. ; PIEDADE, S. M. S. ; SILVA, J. R. ; Silva, L. C. F. ; MANIERO, M. A. . Transposição do rio São Francisco para o Nordeste semiárido do Brasil: dados técnicos, impactos ambientais e enquete sobre o volume transposto. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, J. R. ; STOLF, R. ; SANTOS J E G . Dureza e metalografia de aços de componentes de tratores de esteiras. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • STOLF, R. . A influência da compactação do solo em áreas de cana-de-açúcar. 2010. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • STOLF, R. . Biocombustível e Segurança Alimentar: Cenário Político Mundial e Aspectos Técnicos. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, J. R. ; STOLF, R. ; FENNER, P. T. . Área de contato pneu-solo em trator florestal transportador de alta potência. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • STOLF, R. ; SILVA, J. R. ; GOMEZ, J. A. M. . Método de medida do ângulo horizontal de ataque dos discos de grades agrícolas de dupla ação e sua aplicação a uma propriedade agrícola. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • STOLF, R. . Avaliação de falhas em cana-de-açucar segundo o método de Stolf. 2007. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • STOLF, R. ; THURLER, A. M. . Método de estimativa da macro e da micro porosidade através do teor de areia e da densidade do solo. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • STOLF, R. ; THURLER, A. M. . Método de estimativa da macro e da micro porosidade através do teor de areia e da densidade do solo. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FURLANI NETO, V. L. ; STOLF, R. . Plantio de Cana em Sulco de Base Larga e Duplo. 2002. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • STOLF, R. . DEBATE UNIVERSIDADE-EMPRESA: AGROINDÚSTRIA - PERSPECTIVAS PARA O PRÓXIMO MILÊNIO. 1999. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • STOLF, R. . Metodologia de Avaliação de Falhas em linhas de cana-de-açúcar. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. . Metodologia de estimativa da potência do motor de tratores através do espaçamento, diâmetro e número de discos de grades agrícolas. 1996. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • STOLF, R. . Uso do Penetrômetro de Impacto. 1996. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. . Preparo e Conservação versus Textura do Solo. 1996. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. . A Evolução Histórica das Práticas agrícolas o Meio Ambiente e o Homem. 1995. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. ; MORANDINI, L. A. . Teste de um subsolador vibratório (II). 1994. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • STOLF, R. ; MORANDINI, L. A. . Teste de um subsolador vibratório (I). 1993. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • STOLF, R. . Espaçamento reduzido na cultura da cana-de-açúcar. 1990. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. . Manejo de Solo. 1990. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. . Preparo do Solo e Adubação da Cana-de-Açúcar. 1989. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. . Mecanização em cultura de cana-de-açúcar com espaçamentos estreitos. 1989. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. . Subsolador Giratório (Gyrotiller): Histórico, Princípio de funcionamento eprojeção de filme1988. 1988. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. . Plantio de cana com espaçamento reduzido. 1988. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. . Solos e Adubação. 1986. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. . Técnicas culturais de condução da lavoura: redução do espaçamento e plantio de cana inteira. 1986. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • STOLF, R. . Avaliação de Falhas do Canavial. 1986. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • STOLF, R. . Utilização do penetrômetro de impacto na recomendação do preparo do solo. 1984. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. ; FERNANDES, J. ; FURLANI NETO, V. L. . Variação das características de grades segundo sua função na lavoura canavieira do Estado de São Paulo. 1982. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • STOLF, R. . Cultivo Mínimo - resultados, análise e conclusões. 1981. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • STOLF, R. . Energia nuclear na agricultura. 1973. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • STOLF, R. . Introdução, pg. 8. São Carlos, 2015. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

NORDER, L. A. C. ; STOLF, R. . Viagem de estudo para estabelecimento uma turma de pós-graduação em Moçambique, na Universidade Eduardo Mondlane, campus de Chibuto.. 2014.

STOLF, R. . Assessoria a 6 estudantes de pós-graduação da Universidade Nacional da Colombia - Palmira. 2005.

STOLF, R. . Penetrômetro de Impacto Stolf - programa computacional de dados em Excel-VBA. UFSCar, 2013. 2013.

STOLF, R. ; THURLER, A. M. ; BACCHI, O. O. S. ; REICHARDT, K. . Método rápido de identificação da compactação e critério de decisão para descompactar o solo. 2013.

STOLF, R. . Penetrômetro de Impacto Stolf- manipulação de dados em Excel - versão setembro 2007. 2007.

STOLF, R. . Programa de regressão múltipla (REGR) de fácil manipulação de arquivos eletrônicos de dados. 1995.

STOLF, R. . Impact Penetrometer Stolf Model:Data Manipulation Program, Version 2.0, 1991 (penetrom.exe). 1991.

STOLF, R. . Penetrômetro de Impacto modelo IAA/Planalsucar- Stolf. 1983.

STOLF, R. . Desenvolvimento de um método de estimativa da potência do motor de tratores através do espaçamento, diâmetro e número de discos de grades agrícolas. 1996.

STOLF, R. . Método do cone invertido para estimativa do volume e área inundada de açudes e reservatórios naturais de água. 1988.

STOLF, R. . Metodologia de incorporação profunda de corretivos de solo. 1988.

STOLF, R. . Metodologia de avaliação de falhas nas linhas de cana-de-açucar. 1987.

STOLF, R. . Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando a soqueira antiga da própria área de reforma. 1983.

BENTOS, A. B. ; STOLF, R. . TVRecord-Pesquisadores da UFSCar detectam elevado teor de fosfato no Ribeirão.. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

STOLF, R. ; RUIZ, L. . Replantio de falhas em cana-de-açúcar-publicada em video Jornalista Leonardo Ruiz. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

STOLF, R. . Sequestro de Carbono no solo e erosão. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

ANSELMI, R. ; STOLF, R. . Novas práticas afastam compactação da linha da soqueira. 2010. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

BATAGLIA, O. C. ; CASTRO, C. E. F. ; STOLF, R. ; FIGUEIREDO FILHO, O. ; POZAR, G. ; PEDROSO JUNIOR, M. ; MACHADO NETO, R. ; BIAGI, J. D. ; PEREIRA, F. M. ; SANTOS, L. C. ; TOLEDO, P. E. N. ; OBA, E. ; BULISANI, E. ; TEIXEIRA FILHO, A. . Memória da Mesa redonda para a organização do SEPA/SP (23 e 24/06/1997 na sede da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado). 1997. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

STOLF, R. . Minicurso: Deteção da compactação do solo com penetrômetro de impacto. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

VALSECHI, O. A. ; VIEIRA, M. A. S. ; ZAVAGLIA, L. P. ; STOLF, R. . Melhoria da Produção de Açúcar do Sudão (c/ tradutor árabe-português. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

STOLF, RUBISMAR ; CARROCCI, L. F. ; LEME, D. . Vídeo: Histórico do desenvolvimento e guia do usuário do penetrômetro de impacto-Stolf. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - VÍDEO).

STOLF, R. . Vídeo aula: Método STOLF - Avaliação de Falhas em Linhas de Cana-de-Açúcar , Editora: Syngenta. 40 minutos. 19/12/2015. https://www.youtube.com/watch?v=yzhH87K5Rao. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Video aula).

STOLF, R. . Curso de Manutenção e Operação Tratores Massey Ferguson-UFSCar: anos: 2004, 05, 06, 07, 08, 11, 12. 14. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MANTOVANELLI, D.F. ; STOLF, R. . Mini-curso Manejo de Agroecossisitemas. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

BINOTTI, T.C. ; STOLF, R. . Oficina 'Captação e Armazenamento de Água da Chuva' do curso Teórico e Prático de Agroecologia. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MANTOVANELLI, D.F. ; BINOTTI, T.C. ; STOLF, R. . Troca de conhecimentos na universidade - (mini-curso: I Forum Paulista de Agroecologia). 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

BINOTTI, T.C. ; STOLF, R. ; MANTOVANELLI, D.F. . Captação de água com calha de bambu - (mini-curso: I Forum Paulista de Agroecologia). 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

STOLF, R. . Taller: Manejo de penetrómetro de impacto Stolf - curso tipo oficina, ministrado na Colombia. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

STOLF, R. . Praticando as novecentas frases mais utilizadas em língua inglesa. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

STOLF, R. . Palestra 'Relação classificação e manejo de solos' do curso de atualização agrícola para o setor sucro alcooleiro. 1996. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

CASSEL, D. K. ; STOLF, R. . Soil Phisics course (Soil Science 511) - colaboração nas aulas. 1991. .

STOLF, R. ; GODOY, O. P. . Uma Aula sobre 'Aspectos do Preparo do Solo e Plantio da Cana-de-Açúcar' PPG Fitotecnia da ESALQ. 1988. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

CHRISTOFFOLETI, P. J. ; ROLIM, J. C. ; STOLF, R. . Curso de Herbicidas. 1987. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

STOLF, R. ; GODOY, O. P. . Uma Aula sobre identificação da compactação PPG Fitotecnia da ESALQ. 1986. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

STOLF, R. ; STOLF, M. E. . Curso Compacto de Inglês Gressul. 1985. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

STOLF, R. . Curso Intensivo de Cana-de-açúcar (tema: plantio mecanizado). 1981. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

STOLF, R. . Curso Intensivo de Cana-de-açúcar (tema: Cultivo mínimo para cana-de-açúcar. 1981. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

STOLF, R. ; SALATI, E. . Colaborou em duas aulas da disciplina Física Atômica e Nuclear do CPG em Energia NucleR na agricultuta do CENA. 1975. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

R. STOLF . Vídeo: Histórico do desenvolvimento e guia do usuário do penetrômetro de impacto-Stolf. 2017 (VÍDEO) .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2010 - 2012

    A reabilitação de áreas degradadas sob regime de utilização não sustentável de recursos naturais em programas de desenvolvimento rural, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / Celso Américo Pedro Mutadiua - Integrante.

  • 2010 - 2012

    Quintais Agroecologicos. Aplicações práticas para garantir a soberania alimentar e recuperação de áreas degradadas, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / Diogo Fonseca Mantovanelli - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

  • 2009 - 2012

    Avaliação de sistemas de captação de água de chuva em assentamento de agricultura familiar, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / Túlio Caio Binotti - Integrante.

  • 2009 - 2012

    Utilização de agroflorestas na recuperação de áreas degradadas, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / Fábio José Machado - Integrante.

  • 1987 - 1990

    Método de plantio de plântulas, Descrição: A utilização de plântulas, em substituição a cana-semente na formação de canaviais, reduz drasticamente o consumo de muda 10000 kg/ha para 400 kg/ha). O Brasil está bastante avançado na produção desse material, porém o plantio tem sido o gargalo do processo devido à elevada mão-de-obra exigida e o desconforto das atividades. O presente estudo propõe uma metodologia de plantio da cana-de-açúcar, sem exigir investimentos, que reduz a quantidade de mão-de-obra para 2 homens/ha/dia, aumenta o conforto do trabalhador, viabilizando a tecnologia em escala comercial. A denominação "Plantio de estaca" se deve ao fato de as plântulas serem inseridas no solo através de estacas ou ripas de madeira com cerca de 130 cm de altura, 4,8 cm de largura e 1,4 cm de espessura, do tipo comumente utilizado em estaqueamento de ensaio ou madeiramento de telhado.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / T. S. G. LEE - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

  • 1987 - 1989

    Metodologia de incorporação profunda de corretivos de solo, Descrição: É apresentada uma metodologia de incorporação profunda de corretivos. O método fundamenta-se no fato de que, para a mesma força de tração disponível, o sulcador de dois órgãos de ação (duplo) pode atingir uma profundidade, maior que a do arado, semelhante à de um subsolador convencional (3 ou mais hastes) que é o equipamento de manejo de solo que atinge a maior profundidade em nossas lavouras, porém, de ação limitada como elemento incorporador. Vide fotos ilustrativas do método. Método de interesse para recuperação de áreas degradadas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / J. C. CASAGRANDE - Integrante / D. G. G. RUAS - Integrante / MARCOS APARECIDO PIZANO - Integrante., Número de produções C, T & A: 4

  • 1983 - Atual

    Macroporosidade e densidade relativa do solo como indicadores de compactação, Descrição: A macroporosidade é um importante atributo do solo utilizado para estudos do grau de compactação. Valores baixos de macroporosidade podem resultar em má drenagem, baixa aeração e aumento da resistência do solo à penetração de raízes, sendo um dos indicadores de degradação do solo: valores abaixo de 0,10 m3.m-3 (10 %) são considerados limitantes. O objetivo foi desenvolver e testar modelos para estimativa da macroporosidade, como uma proposta para levantamentos expeditos. Paralelamente ao estudo busca-se também desenvolver a relação entre macroporosidade e a densidade relativa do solo, atributo do solo também utilizado para caracterizar o grau de compactação. $. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / K. REICHARDT - Integrante / O. O. S. BACCHI - Integrante / A. M. THURLER - Integrante., Número de produções C, T & A: 4

  • 1980 - 1988

    Cultivo Mínimo para a cana-de-açúcar, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi desenvolver a tecnologia de implantação da lavoura da cana-de-açúcar, reduzindo (cultivo mínimo) ou eliminando a mobilização do solo (plantio direto). Foram realizados estudos nos três principais tipos de solo do Brasil, estudos de equilíbrio biológico (predadores-pragas) e técnicas de redução da utilização de herbicidas na destruição da soqueira a ser reformada sem mobilização do solo. Abaixo seque um pouco da história da introdução da tecnologia na cuktura canavieira HISTÓRICO COMPLEMENTAR Fazendo-se um resumo da evolução da pesquisa sobre preparo do solo na África do Sul, baseado em MOBERLY (1972), IGGO & MOBERLY (1976), SASA (1976/77), tornam-se bem claros os fundamentos do cultivo mínimo em cana-de-açúcar: Nos anos 60, observou-se num solo franco-arenoso, que um arado de aiveca tombando a linha de cana antiga para a entrelinha a fim de destruir a soqueira, e plantando-se sem pre paro, obtinha-se a mesma produção que na área de preparo convencional. Observou-se também em solos argilosos doleríticos , com uma camada compactada, grandes respostas ao preparo do solo quando comparado com áreas sem preparo. Porém, essas observações foram feitas na época em que arados de aiveca que atingiam profundidades de até 120 em, foram importados pela África do Sul. No final da década de 60, pesquisadores da estação experimental e do grupo Tongaat, planejaram uma serie de experimentos em 7 grupos de solos para se verificar os méritos da profundidade de preparo do solo para a cana-de-açúcar. Os tratamentos testados foram: aração convencional a 25 cm de profundidade contra preparo profundo com aração ou subsolagem na media de 75 em de profundidade, em 2 cortes. Em 6 séries de solos, não obtiveram respostas significativas e as diferenças em favor do preparo profundo, nem sempre foram positivas, variando de -5,6 % a +6,0 % . No único solo em que se obteve significância estatística, resultou um aumento médio de 17 t/ha, com o emprego do. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. J. CHRISTOFFOLETI - Integrante / N. DEGASPARI - Integrante / P. S. M. BOTELHO - Integrante / J. RIBEIRO de ARAÚJO. - Integrante., Número de produções C, T & A: 5

  • 1980 - Atual

    Penetrômetro de impacto Stolf: Desenvolvimento e extensão da tecnologia, Descrição: O penetrômetro de impacto Stolf, lançado em 1982, tornou-se popular, inicialmente entre os agricultores, através de publicações técnicas: características e manual de operação exemplos de uso em cana-de-açúcar e outras culturas. A teoria do equipamento, foi desenvolvida e publicada em 1991 tornando o aparelho conhecido no meio científico.. Verifica-se na literatura citações da utilização do equipamento em várias áreas: mapeamento de resistência do solo, avaliação da compactação, controle de tráfego, umidade x resistência, estudos em lavouras, pastagens e florestas, recuperação de áreas degradadas, geoestatística, variabilidade espacial, uso como indicador de qualidade do solo. Os estudos mais recentes correspondem à introdução de uma régua facilitadora da medida de profundidade e um aplicativo computacional de manipulação de dados e o ?Soil Physical Quality of Brazilian Crop Management Systems Evaluated with Aid of Penetrometer? publicado em revista do Canadá. Atualmente trabalha-se em um subprojeto voltado a desenvolver uma versão digital do equipamento.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / V. L. FURLANI NETO - Integrante / J. FERNANDES - Integrante / K. REICHARDT - Integrante / A. M. L. MEDEIROS - Integrante / L. C. MILLER - Integrante / L. C. L. REZENDE - Integrante / Adilson José Rosseto - Integrante / D. K. CASSEL - Integrante / L. D. KING - Integrante / O. O. S. BACCHI - Integrante / M. A. MANIERO - Integrante / A. M. THURLER - Integrante / Jair Rosas da Silva - Integrante / Luiz Carlos Ferreira da Silva - Integrante / Márcio R. Soares - Integrante., Número de produções C, T & A: 15

  • 1980 - Atual

    Dimensionamento de grades agrícolas: métodos de classificação, seleção, estimativa da potência de tratores e de medida do ângulo de corte, Descrição: As grades, ao longo do tempo, foram paulatinamente substituindo os arados como técnica de revolvimento do solo. Enquanto as características do arado pouco variam, as das grades são muito variadas, necessitando um maior número de estudos: considerando número de discos, diâmetro e distância entre discos há centenas de modelos disponíveis no mercado brasileiro. Historicamente surgiu o arado de aiveca, em seguida o arado de discos. Como historicamente os arados surgiram anteriormente verifica-se uma vasta literatura sobre arado, e, rara sobre grade. Dessa forma, o projeto visa a cobrir essa lacuna. O objetivo deste projeto é propor o dimensionamento de grades agrícolas através do desenvolvimento de métodos de classificação, seleção, estimativa da potência de tratores e de medida do ângulo de corte das grades agrícolas.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / V. L. FURLANI NETO - Integrante / J. FERNANDES - Integrante / J. J. SILVA - Integrante / M. A. MANIERO - Integrante / L A C MARGARIDO - Integrante / Jair Rosas da Silva - Integrante / Jorge Alberto Montoya Gomez - Integrante / Luiz Carlos Ferreira da Silva - Integrante., Número de produções C, T & A: 12

  • 1979 - 1990

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando a soqueira antiga da própria área de reforma, Descrição: Neste projeto, já finalizado, desenvolveu-se um método semi-mecânico de reforma de canaviais, utilizando como muda a própria soqueira da área de reforma. As soqueiras são arrancadas mecanicamente, e seus rizomas são redistribuídos ao longo de sulcos adjacentes az linhas de soqueira arrancada. Para tal, utiliza-se um arrancador de soqueira desenvolvido nesse trabalho, um sulcador convencional e operários na transferência das soqueiras para o sulco lateral. O método foi testado numa soqueira da variedade CB47-89 de 4º. corte, comparando-o com o plantio convenciona utilizando colmos como muda. A bordadura do ensaio constituiu-se de soqueira remanesceste, utilizada como indicador de área sem reforma do canavial. O ensaio teve a duração de dois ciclos agrícolas. Verificou-se que, para as condições do ensaio, o transplantio das soqueiras recupera o rendimento agrícola, atingindo valores semelhantes ao da área de reforma convencional. Após o perfilhamento, através dos índices de medidas de falhas, verificou-se que a técnica de transplantio de soqueira melhorou a distribuição dos colmos ao longo dos sulcos, em relação à soqueira remanesceste. Através de medidas de índice de infestação da broca D. saccharalis, observou-se uma semelhança de comportamento entre o plantio convencional e o transplantio de soqueira, ambos com índices mais elevados do que a soca remanesceste. Através dos parâmetros população, altura de colmos e curva de maturação em 1º corte, verificou-se um comportamento intermediário do transplantio de soqueira em relação ao plantio convencional e a soqueira remanesceste, porém, com valores mais similares ao plantio convencional. São feitas considerações preliminares acerca de custo das operações utilizadas nos três tratamentos. Propõe-se um critério simples e prático da avaliação de falhas de um canavial. É apresentado um modelo, visando explicar a diminuição dos índices de infestação da broca da cana-de-açúcar ao longo dos cortes, bem como um modelo do. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / H. TOKESHI - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

  • 1979 - Atual

    Metodologia Stolf de avaliação de falhas em cana-de-açúcar, Descrição: Este trabalho propõe um modelo teórico acerca da ocorrência de falhas nas linhas da cana-de-açúcar, com base em curvas de distribuição. Aplica a teoria comparando numa mesma arca uma soqueira de 4° corte com dois tratamentos de cana-planta, permitindo determinar um tamanho Étimo de falhas, a partir do qual as falhas devem ser medidas para efeito de comparação entre duas áreas. O valor obtido, X = 0.5 m, é proposto como norma para sistemas em linha com distribuição continua de muda nos sulcos, discutindo o aspecto de que a tentativa de alteração desse valor, provavelmente em nada contribua para o estudo, defendendo a necessidade de se utilizar um valor padrão. O modelo teórico permite explicar de uma maneira clara, porque o valor X = 0.5 m obtido é próximo dos valores de um consenso, segundo o qual os produtores passam a considerar uma falha como tal. A meta atingida por este trabalho, é descrita a partir do item "O Método Proposto para Avaliação de Falhas", onde, com base na teoria, mede-se apenas o que é essencial. O critério é extremamente simples, bastando contar e computar o somatório dos metros de falhas acima de 0.5 m, num determinado trecho de linha. Para tal, basta uma trenó e uma peça de 0.5 m para, em caso de dúvida, definir se a falha é maior ou menor que esse valor: a partir do zero, a trenó é esticada, consecutivamente em cada falha encontrada, de maneira que no final do trecho analisado o valor lido é a somatória de todas as falhas encontradas, não sendo necessário medir e anotar o tamanho de cada falha São dadas informações acerca de: cuidados e épocas de avaliação, tamanho de parcela, manipulação dos dados. Avalia-se o poder do critério através de suas características, prevendo algumas de suas possíveis aplicações. Atualmente, as pesquisas voltam-se à r4alização de medidas utilizando alta tecnologia da agricultura de precisão, pelo imageamento aéreo georeferenciado, com VANT ou droni.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / A. M. IAIA - Integrante / T. S. G. LEE - Integrante / THIAGO BRINO GARCIA - Integrante / LUCIANO NERIS - Integrante / RICARDO NOBORU ODA - Integrante / ONOFRE TRINDADE JUNIOR - Integrante., Número de produções C, T & A: 13

  • 1974 - Atual

    Hidrologia: conservação e impactos ambientais, Descrição: Descrição: Este projeto engloba vários estudos dirigidos ao compartimento aquático e sua interação com os compartimentos terrestres e sócio - econômicos do ecossistema. Contabiliza estudos realizados em regiões semi-áridas com estimativa de perdas de água por evaporação e infiltração, mecanismos de salinização, método do cone invertido para estimativa do volume e área inundada de açudes. Estudos especiais quanto a análise sobre a transposição do São Francisco ao semiárido nordestino e os impactos ambientais de correntes. É responsável pela disciplina Poluição e Impactos Ambientais, na qual a temática da pesquisa deste projeto é dirigida também ao ensino de pós-graduação da UFSCar, incorporando temas desenvolvidos pelos orientados: Captação e conservação de água por cisternas; Pegada hídrica como indicador de sustentabilidade ambiental em sistemas de produção agrícola; Impactos ambientais na qualidade da água do rios/ribeirões próximos a zonas urbanas; Sucessão ecológica da mata ciliar em restauração no ribeirão das Furnas no município de Araras SP; estudos de preservação de mata ciliar... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / J. M. LEAL - Integrante / E. SALATI - Integrante / E. MATSUI - Integrante / M. A. MANIERO - Integrante / Domingos Antonio Cerveira Quintas - Integrante / Luiz Carlos Ferreira da Silva - Integrante / Sandra Regina Ceccato-Antonini - Integrante / Túlio Caio Binotti - Integrante / Adriel Barboza Bentos - Integrante / Klaus Reichardt - Integrante / Douglas Cavalcante Costa - Integrante / Lucieta Guerreiro Martorano - Integrante / GUIMARÃES, NATHALIA DE FRANÇA - Integrante / SOUZA, MAICON DOUGLAS BISPO DE - Integrante / GALLO, ANDERSON DE SOUZA - Integrante / BENTOS, ADRIEL BARBOZA - Integrante / BORGES, MARIA TERESA MENDES RIBEIRO - Integrante / COSTA, DOUGLAS CAVALCANTE - Integrante / MARTORANO, LUCIETA GUERREIRO - Integrante / MORAES, JOSÉ REINALDO DA SILVA CABRAL DE - Integrante / LISBOA, LEILA SHEILA SILVA - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 1985 - 1988

    Método de plantio de cana-de-açúcar utilizando espaçamento estreito, Descrição: O objetivo do projeto, já concluído, foi realizar uma análise da adequação de máquinas e implementos a espaçamentos estreitos, verificando-se a viabilidade de todas as operações mecanizadas, excluída a colheita mecânica de cana picada. Dentro do sistema convencional em que o trator trafega com uma linha de soqueira entre seus rodados, é possível estreitar o espaçamento até 1,20 m, desde que se utilizem tratores que permitam um estreitamento da bitola traseira para 1,50 m ou menos. Para espaçamentos menores na faixa de 1,10 a 0,9 m, o trator deve trafegar com duas estrelinhas entre os rodados, utilizando-se os seguintes valores de regulagens de bitola traseira(b): Espaçamento 1,10 m: bitola mínima= 2,00 m; bitola ideal = 2,20m. Espaçamento 1,00 m: bitola mínima =1,90; bitola ideal= 2,00m; Espaçamento 0,90 m: bitola mínima= 1,80 m; bitola ideal= 1,80 m. Em relação ao trafego de caminhão, como este tem bitola fixa, não é possível adequá-lo aos espaçamentos. Porém, como nos tratores, na faixa de 1,10 a 0,90m de espaçamento de plantio é preferível que o caminhamento seja realizado com duas linhas de soqueira entre os rodados. Como recomendação geral, se o agricultor desejar estreitar o espaçamento de plantio, o mais simples é utilizar o espaçamento de 1,20m. Por outro lado, havendo interesse em estreitar mais, o espaçamento 0,90 m apresenta vantagens em relação ao ajuste de bitolas de tratores e caminhões, bem como permite a utilização de barras porta-ferramentas convencionais. A utilização de espaçamentos menos que 0,90 m, dificulta a mecanização. Especial atenção deve ser dada à sulcação em espaçamentos menores (0,90m).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Rubismar Stolf - Coordenador / P. H. CERQUEIRA LUZ - Integrante / V. L. FURLANI NETO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2015

Reimpressão comemorativa dos 30 anos da publicação do método de falhas, de Stolf, Revista STAB.

2015

Fórmula sobre penetrômetro de impacto do autor é citada em review como a correta: S Phungern, K Srichan, V Verasan. Modern Applied Science; Vol. 9, No. 13, p 154-163, 2015, .

2012

Troféu CanaSauro V - 2012 - longa contribuição ao setor de bioenergia (sucro-alcooleiro), Revista Energia Mundo, FAS Editora (objetivo homenagear profissionais do setor da bioenergia no Br.

2012

Honra ao Mérito-prêmio pelas contribuições ao setor de bioenergia no período 2011-2012, Reitoria - UFSCar.

2011

Troféu CanaSauro IV - 2011 - longa contribuição ao setor de bioenergia (sucro-alcooleiro), Revista Energia Mundo, FAS Editora (objetivo homenagear profissionais do setor da bioenergia no Br.

2010

Troféu CanaSauro III - 2010 - longa contribuição ao setor de bioenergia (sucro-alcooleiro), Revista Energia Mundo, FAS Editora (objetivo homenagear profissionais do setor da bioenergia no Br.

2010

Honra ao Mérito-prêmio pelas contribuições acadêmicas no período de nov.2008-nov.2010, Reitoria- pela comemoração dos 40 anos da UFSCar.

2000

Paraninfo da III Turma de Formandos do Curso de Engenharia Agronômica da UFSCar - Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal de São Carlos - UFSCar.

1998

"Homem de Expressão" categoria ensino, Revista Expressão Regional.

1998

título de Cidadão Ararense - atuação profissional no município, Câmara Municipal de Araras.

1997

Medalha Hermínio Ometto, UNIARARAS comemorativa aos 20 anos de atividade no ensino superior.

1995

Diploma "Donald R. Nielsen in recognition to the contribution in research and teaching in the field of soil science, ESALQ-USP - Klauss Reichardt/Veimeyer Hall-UCD.

1988

Recebeu indicação da EMBRAPA-Meio Ambiente para concorrer ao Prêmio "Frederico Menezes Veiga" , nível nacional, na categoria de pesquisador não funcionário da EMBRAPA em 1988., EMBRAPA.

1984

Menção de Elogio do Presidente do IAA (portaria n. 311 de 06 de julho de 1984, boletim do pessoal n. 805)., Ministerio da Industria e do Comercio/Instituto do Açucar E do Álcool (MIC/IAA).

1983

Premio José Reis - modalidade Jornalismo Cientifico - 1983, "o penetrômetro, de Araras/R. Stolf", uma das 7 reportagens com a qual a rede Globo/Globo Rural foi distinguida. Premio entregue 13.06.84, CNPQ.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de São Carlos, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, Departamento de Recursos Naturais e Proteção Ambiental do CCA. , Via Anhanguera Km 174, 13600-970 - Araras, SP - Brasil - Caixa-postal: 153, Telefone: (19) 35432616, Fax: (19) 35432616, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2015 - Atual

    Universidade Federal de São Carlos

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 1991 - Atual

    Universidade Federal de São Carlos

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 09/2018

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria - UFSCar, .,Cargo ou função, Banca Examinadora de Avaliação do Desempenho Acadêmico dos docentes - progressões funcionais para classe D até titular.

    • 10/2015

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias - campus de Araras da UFSCar, .,Cargo ou função, Membro da Comissão para análise do esforço docente do CCA.

    • 06/2015

      Direção e administração, Centro de Ciências Agrárias - campus de Araras da UFSCar, .,Cargo ou função, Chefe do Departamento de Recursos Naturais e Proteção Ambiental (Ato CCA n. 438).

    • 04/2014

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Pró-Reitoria de Assuntos Comunitários e Estudantis - CoACE, .,Cargo ou função, Membro da CoACE.

    • 01/2014

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, .,Cargo ou função, Conselho de Coordenação do Curso de Bacharelado em Biotecnologia (suplente).

    • 08/2013

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Editora Universitária da UFSCar, .,Cargo ou função, Membro do Conselho Editorial da EdUFSCar.

    • 07/2013

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Pró-Reitoria de Assuntos Comunitários e Estudantis - CoACE, .,Cargo ou função, membro do Conselho (ato adminstrativo da presidência no. 23 de 19 de julho de 2013.

    • 08/2009

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Pró-Reitoria de Extensão, .,Cargo ou função, Membro suplente do Conselho da Extensão (Coex).

    • 08/2008

      Ensino, Biotecnologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Poluição e Impactos Anbientais

    • 01/2008

      Ensino, AGRICULTURA E AMBIENTE, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Poluição e Impactos Ambientais

    • 01/2008

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa, .,Cargo ou função, Representante docente do Conselho da Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Agroecologia e Desenvolvimento Rural.

    • 04/2007

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa, .,Cargo ou função, Membro da Comissão de Ética Ambiental da UFSCar.

    • 01/2005

      Ensino, Agroecologia e Desenvolvimento Rural, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Poluição e Impactos Ambientais

    • 06/2004

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, .,Cargo ou função, membro da Comissão de Espaço Físico do CCA (ato CCA no. 082/04, de 15 de junho de 2004).

    • 07/1997

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Fundação Hermínio Ometto (FHO-UNIARARAS), .,Cargo ou função, Membro do Conselho Superior.

    • 03/1993

      Ensino, Curso de Engenharia Agronômica, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Poluição e Impactos Ambientais, Mecanização Agrícola, Manejo de Solo e de Comunidades Vegetais

    • 01/1991

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, Departamento de Recursos Naturais e Proteção Ambiental do CCA.,Cargo ou função, Membro do Conselho Departamental.

    • 02/2014 - 06/2015

      Direção e administração, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, .,Cargo ou função, Vice-coordenador do Programa de Pós-Graduação em Agroecologia e Desenvolvimento Rural (PPGADR).

    • 06/2013 - 02/2014

      Direção e administração, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, .,Cargo ou função, Vice-chefe de departamento(DRNPA (ATA da 238ª reunião ordinária do conselho departamental do DNRPA - CCA - UFSCar), 28/06/2013.

    • 01/2012 - 12/2013

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, .,Cargo ou função, Membro da Comissão de Eventos do CCA. Ato no 250 de 26/01/2012 do Diretor do CCA.

    • 01/2006 - 12/2008

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, .,Cargo ou função, Conselheiro-representante da instituição junto ao CREA-SP.

    • 08/2005 - 01/2008

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, .,Cargo ou função, Conselheiro do Conselho Municipal de Agricultura de Araras.

    • 01/2007 - 12/2007

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, .,Cargo ou função, Membro do Grupo Técnico Meio Ambiente da Câmara de Agronomia do CREA-SP.

    • 09/2006 - 10/2006

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria - UFSCar, .,Cargo ou função, representante da UFSCar Delegado Eleitor Titutar para a eleição do Conselho do CONFEA.

    • 01/2004 - 01/2006

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, .,Cargo ou função, Membro suplente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE).

    • 01/2004 - 12/2004

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro Universitário Hermínio Ometto - UNIARARAS, .,Cargo ou função, Representante da Soc. Civil junto à Comissão Própria de Avaliação (CPA).

    • 03/1996 - 06/2002

      Ensino, Engenharia Agronômica, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Física e poluição do solo

    • 08/2001 - 12/2001

      Ensino, Engenharia Agronômica, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fatores de produção agropecuária

    • 08/2000 - 12/2001

      Ensino, Engenharia Agronômica, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geotecnologia agrícola e ambiental

    • 01/2000 - 12/2001

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Embrapa Instrumentação Agropecuária, .,Cargo ou função, Membro do Grupo de Trabalho Instrumentação Agropecuária Embrapa e Instituto de Estudos Avançados - USP.

    • 01/1999 - 12/2000

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria - UFSCar, .,Cargo ou função, Membro: Comissão da Reitoria para organização das comemorações dos 30anos da UFSCar.

    • 03/1998 - 12/2000

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Prefeitura Municpal de Araras, .,Cargo ou função, Membro da Comissão Municipal de Biblioteca do Município de Araras.

    • 02/1997 - 12/2000

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente - Prefeitura Araras-SP, .,Cargo ou função, Membro dlo Conselho.

    • 01/1995 - 12/2000

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, .,Cargo ou função, membro da Comissão de Bolsas, Estágios e Monitorias do CCA.

    • 08/1998 - 10/2000

      Extensão universitária , Reitoria - UFSCar, .,Atividade de extensão realizada, Designado pela Reitoria vice coordenador do projeto Avaliaçao das áreas de irrigação e de aplicação de águas residuárias na bacia hidrográfica so Rio Mogi Guaçu.

    • 10/1996 - 10/2000

      Direção e administração, Centro de Ciências Agrárias - campus de Araras da UFSCar, .,Cargo ou função, Diretor de Unidade.

    • 10/1996 - 10/2000

      Direção e administração, Centro de Ciências Agrárias - campus de Araras da UFSCar, .,Cargo ou função, Ordenador de despesas orçamentarias e outros custeios por delegação do Reitor.

    • 10/1996 - 10/2000

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria - UFSCar, .,Cargo ou função, membro do Conselho Universitário.

    • 10/1996 - 10/2000

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria - UFSCar, .,Cargo ou função, Membro da Comissão de Assuntos de Natureza orçamentária e Administrativa.

    • 10/1996 - 10/2000

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria - UFSCar, .,Cargo ou função, Membro do Conselho de Ensino e Pesquisa.

    • 12/1999 - 02/2000

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho de ensino e pesquisa da UFSCar, .,Cargo ou função, Membro: Comissão de elaboração de proposta de alteração do Congresso de Iniciação científica da UFSCar.

    • 03/1997 - 01/2000

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Secretaria da Agricultura e Abastecimento do Governo do Estado, .,Cargo ou função, Membro do Conselho Regional de Desenvolvimento Rural - regional Limeira (decreto no. 41.718, de 16/04/1997/Mario Covas/Francico Graziano).

    • 01/1995 - 12/1996

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria - UFSCar, .,Cargo ou função, membro da Comissão Científica do III e IV Congresso de Iniciação Científica da UFSCar (1995 e 1996).

    • 04/1995 - 12/1995

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Recursos Naturais e proteção Ambiental - CCA/UFSCar, .,Cargo ou função, Membro da Comissão para Normas de Operacionalização do Laboratório de Análises Físicas.

    • 12/1992 - 12/1994

      Direção e administração, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, Departamento de Recursos Naturais e Proteção Ambiental do CCA.,Cargo ou função, Chefe de Departamento.

    • 12/1992 - 12/1994

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria - UFSCar, .,Cargo ou função, Representante dos Chefes de Departamento do Centro de Ciências Agrárias junto ao Conselho Universitário.

    • 07/1992 - 08/1992

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias da UFSCAR, .,Cargo ou função, Presidente da Comissão para proposição de um plano de critérios para afastamento de docentes com vistas a obtenção de titulação ou capacirtação acadêmica.

    • 06/1992 - 08/1992

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias - campus de Araras da UFSCar, .,Cargo ou função, Comissão para propor plano de critérios para afastamento de docentes com vistas à obtenção de titulação e/ou capacitação acadêmica.

  • 1978 - 1990

    Instituto do Açucar e do Alcool - Programa de melhoramento da cana-de-açuca

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 08/1988 - 05/1990

      Direção e administração, Coordenadoria Regional Sul (IAA/Planalsucar-Cosul), .,Cargo ou função, Chefe Regional da Área de Agronomia.

    • 02/1985 - 05/1990

      Direção e administração, Coordenadoria Regional Sul (IAA/Planalsucar-Cosul), .,Cargo ou função, Chefe Regional da Seção de Mecanização Agrícola.

    • 01/1978 - 05/1990

      Direção e administração, Coordenadoria Regional Sul (IAA/Planalsucar-Cosul), .,Cargo ou função, Pesquisador.

    • 01/1978 - 05/1990

      Pesquisa e desenvolvimento , Coordenadoria Regional Sul (IAA/Planalsucar-Cosul), .,Linhas de pesquisa

    • 08/1987 - 02/1988

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Associação dos Funcionários e Servidores do IAA/Planalsucar - COSUL, .,Cargo ou função, Presidente.

    • 06/1985 - 08/1987

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Grêmio Recreativo Sócio Cultural e Esportivo - Planalsucar (GRESUL), .,Cargo ou função, Presidente.

    • 06/1984 - 06/1985

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Grêmio Recreativo Sócio Cultural e Esportivo - Planalsucar (GRESUL), .,Cargo ou função, Diretor Cultural.

    • 01/1980 - 12/1981

      Pesquisa e desenvolvimento , Coordenadoria Regional Sul (IAA/Planalsucar-Cosul), .,Linhas de pesquisa

  • 1974 - 1977

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Bolsa de Pesq : Hidrologia Ambiental/CENA/USP

    Outras informações:
    - Linhas de pesquisa: separação das perdas de água por evaporação e infiltração em regiões semi-áridas, salinização de bacias e açudes, traçadores em hidrologia - Resposável pela coleta de água do projeto "Hidrologia Isotópica do Nordeste"; CENA/ESALQ/USP, coordenado pelo Dr. Enéas Salati. Realizou 8 viagens de estudo ao polígono das secas.

  • 1972 - 1973

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Estágio grad.: Hidrologia Ambiental/CENA/USP

    Outras informações:
    Linha de pesquisa: obtenção de água pesada por fracionamento isotópico da água por evaporação.

    Atividades

    • 01/1974 - 12/1977

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Energia Nuclear na Agricultura, Divisão de Ciências Ambientais.,Linhas de pesquisa

    • 01/1969

      Estágios , Centro de Energia Nuclear na Agricultura, .,Estágio realizado, 1969 -1971: Realizou o Curso de Introdução à Energia Nuclear na Agricultura.

    • 01/1974 - 02/1974

      Ensino, Curso de Introdução à Energia Nuclear -CIENA, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Disciplina Intensiva de Cálculo Diferencial e Vetorial

    • 01/1972 - 06/1973

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Energia Nuclear na Agricultura, Divisão de Ciências Ambientais.,Linhas de pesquisa

Propriedade Intelectual

Patentes (2)

Tipo Título Data depósito
DEPOSITANTE Patente nº BR 20 2014 024993 7 07/10/2014
DEPOSITANTE Disposicoes introduzidas em penetrometro 12/01/1984