José Francisco de Carvalho Gonçalves

José Francisco de Carvalho Gonçalves nasceu em Natal-RN e graduou-se em Agronomia pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), concluiu o mestrado em Solos e Nutrição de Plantas pela Universidade Federal de Viçosa (UFV) e o doutorado em Fisiologia Vegetal pela mesma universidade (UFV). Atualmente é pesquisador titular do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (MCTI-INPA), membro titular da Academia Brasileira de Ciências Agronômicas (ABCA) e coordenador do Laboratório de Fisiologia e Bioquímica Vegetal (INPA-LFBV). Na pós-graduação é credenciado no PPG-Ciências de Florestas Tropicais (INPA-PPG-CFT) e no PPG-BIONORTE. No biênio (2006-2007) foi presidente do comitê de pós-graduação da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM). Com índice H superior a 30 (Google Scholar), as suas pesquisas no INPA-LFBV têm abordagem multidisciplinar com ênfase nas áreas: Agronômica, Florestal e Botânica atuando, principalmente, nos seguintes temas, 1) Ecofisiologia vegetal, 2) Fisiologia do estresse em plantas, 3) Bioquímica vegetal, 4) Biotecnologia vegetal e 5) Nanotecnologia aplicada a recuperação de áreas degradadas - RADs.

Informações coletadas do Lattes em 15/03/2024

Acadêmico

Formação acadêmica

Doutorado em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal)

1994 - 1998

Universidade Federal de Viçosa
Título: Produção de ácidos orgânicos e tolerância do sorgo a toxicidade do alumínio
, Ano de obtenção: 1998. José Cambraia. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Fisiologia Vegetal; Metais tóxicos; Tolerância; Metabolismo; Enzimologia.Grande área: Ciências AgráriasSetores de atividade: Produtos e Serviços Voltados Para A Defesa e Proteção do Meio Ambiente, Incluindo O Desenvolvimento Sustentado; Produtos e Processos Biotecnológicos; Produção Vegetal.

Mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)

1991 - 1993

Universidade Federal de Viçosa
Título: Efeito da interação Al e Zn sobre alguns aspectos do metabolismo do ácido indolil-acético e do ácido ribonucleico em dois cultivares de sorgo (Sorghum bicolor L. Moench) com tolerância diferencial ao Al, Ano de Obtenção: 1993
Orientador: José Cambraia
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: Nutrição de plantas; Toxicidade; Metabolismo; Estresse.Grande área: Ciências AgráriasGrande Área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia. Setores de atividade: Produtos e Processos Biotecnológicos; Produção Vegetal; Produtos e Serviços Voltados Para A Defesa e Proteção do Meio Ambiente, Incluindo O Desenvolvimento Sustentado.

Graduação em Agronomia

1986 - 1990

Universidade Federal da Paraíba

Pós-doutorado

2017 - 2018

Pós-Doutorado. , University of Florida, Gainesville, EUA, UF, Estados Unidos. , Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. , Grande área: Ciências Biológicas, Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Bioquímica vegetal. , Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral / Subárea: Biologia molecular de plantas.

1999 - 2000

Pós-Doutorado. , Centro Nacional de Recursos Genéticos - Embrapa, CENARGEN, Brasil. , Bolsista do(a): Embrapa - PRODETAB, EMBRAPA, Brasil. , Grande área: Ciências Biológicas

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Fisiologia Vegetal.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Fisiologia Vegetal/Especialidade: Nutrição e Crescimento Vegetal.

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal.

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Conservação da Natureza/Especialidade: Recuperação de Areas Degradadas.

Comissão julgadora das bancas

Marco Aurelio Pedron e Silva

SILVA, M. A. P.; CAMBRAIA, J.;Cano, Marco Antonio Oliva; SANT'ANNA, R.; ARAUJO, E. F.. Produção de ácidos orgânicos e tolerância de sogro à toxicidade do alumínio. 1998. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal)) - Universidade Federal de Viçosa.

Marco Antonio Oliva Cano

CAMBRAIA, Jose; ARAÚJO, Elza F de; SILVA, Marco A P e;OLIVA, M. A.; SANT'ANNA, Renato. Doutorado em Fisiologia Vegetal - UFV. 1998. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal)) - Universidade Federal de Viçosa.

José Cambraia

Cambraia, J.. Efeito da interação Al e Zn sobre alguns aspectos do metabolismo do ácido indolil-acético e do ácido ribonucléico em dois cultivares de sorgo (Sorghum bicolor L. Moench), com tolerância diferencial ao Al.. 1993. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal)) - Universidade Federal de Viçosa.

José Cambraia

Cambraia, J.. Produção de ácidos orgânicos e tolerância de sorgo à toxicidade do alumínio.. 1998. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal)) - Universidade Federal de Viçosa.

Elza Fernandes de Araujo

GONÇALVES, José Francisco de CarvalhoCAMBRAIA, JoséARAUJO, E. F.. Produção de ácidos orgânicos e tolerância de sorgo à toxicidade do alumínio.. 1998. Tese (Doutorado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Viçosa.

Júlio Cesar Lima Neves

CAMBRAIA, J.;NEVES, J. C. L.; SANTANNA, R.; FONTES PACHECO, S.. Efeito da interação A1 e Zn sobre alguns aspectos do metabolismo do ácido indolilacético e do ácido ribonucléico em dois cultivares de sorgo (Sorghum bicolor L. Moench), com tolerância diferencial ao A1. 1993. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade Federal de Viçosa.

WAGNER CAMPOS OTONI

CAMBRAIA, J.;OTONI, W. C.; FONTES, P.C.R.;SILVA, Marco Aurélio Pedron e; Santanna, R.. Tolerância de plantas ao alumínio. 1996. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal)) - Universidade Federal de Viçosa.

WAGNER CAMPOS OTONI

CAMBRAIA, J.; Santanna, R.; FONTES, P.C.R.; Silva, M. A .P.;OTONI, W. C.. Produção de ácidos orgânicos e tolerância do sorgo a toxicidade do alumínio. 1996. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal)) - Universidade Federal de Viçosa.

Foi orientado por

Sergio Pacheco

Efeito da interação Al X Zn no metabolismo de dois cultivares de sorgo (Shorgum bicolor L; ; 1993; Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal)) - Universidade Federal de Viçosa,; Coorientador: Sergio Pacheco;

José Cambraia

Efeito da interação Al e Zn sobre alguns aspectos do metabolismo do ácido indolil acético e do ácido ribonucléico em dois cultivares de sorgo com tolerância diferencial ao Al; 1993; Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal)) - Universidade Federal de Viçosa,; Orientador: José Cambraia;

José Cambraia

Produção de ácidos orgânicos e tolerância do sorgo à toxicidade do alumínio; 1998; Tese (Doutorado em Ciências Agrárias (Fisiologia Vegetal)) - Universidade Federal de Viçosa, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: José Cambraia;

Elza Fernandes de Araujo

Produção de ácidos orgânicos e tolerância de sorgo à toxicidade do alumínio; ; 1998; 0 f; Tese (Doutorado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Viçosa,; Coorientador: Elza Fernandes de Araujo;

Renata Cazemiro Ferreira

Atividade antifúngica de óleos de duas espécies de andiroba (Carapa spp; ); 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Biotecnologia) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Renata Cazemiro Ferreira;

Projetos de pesquisa

  • 2022 - Atual

    INCT - Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Fisiologia de Plantas em Condições de Estresse (INCT Fisiologia do Estresse), Descrição: O objetivo primordial deste INCT reside na compreensão dos mecanismos de aclimatação e tolerância das plantas a condições adversas, gerando informações que resultarão em estratégias e ferramentas importantes para o rastreamento de materiais genéticos mais promissores em programas de melhoramento e para o manejo de espécies de reconhecida importância para o Brasil, dentro do contexto de mudanças climáticas. As pesquisas propostas incluem estudos tanto em espécies de árvores da Amazônia e culturas de importância agronômica nacional quanto em plantas-modelo, usando uma abordagem sistêmica, em que as respostas espaço-temporais de plantas sob condições adversas, tais como deficiência hídrica ou nutricional, altas temperaturas, altas irradiâncias, e/ou elevado [CO2], dentre outros, serão investigadas tanto em condições controladas como em campo. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (10) / Doutorado: (10) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Integrante / Fábio Murilo da Mata - Integrante / Adamir R. Nina - Integrante / Karen Pires Costa - Integrante / Andreia Varmes Fernades - Integrante / ARAÚJO, WAGNER L. - Integrante / Samuel Cordeiro Vitor Martins - Integrante / DE CARVALHO, JOSIANE CELERINO - Integrante / Adriano Nunes-Nesi - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2022 - Atual

    Projeto NanoRADs: Aplicações da nanobiotecnologia para recuperar áreas degradadas na Amazônia: Uma experiência florestal de pesquisa, ensino e extensão (PD) N ANP 22809-8 N Shell ITG018-W01, Descrição: O projeto intitulado "Aplicações da nanobiotecnologia para recuperar áreas degradadas na Amazônia: Uma experiência florestal de pesquisa, ensino e extensão (PD)" representa uma parceria de cooperação técnica celebrado o INPA, Shell, Krilltech, nove (9) Instituições de Ensino Superior do Brasil (UFAC, IFRO IFAM, IFAP, UFMT, UFT, UNIFESSPA, UERR, UFV) e com a Embrapa visa investigar o efeito de uma nanomolécula (arbolina) sobre o crescimento e a ecofisiologia de espécies arbóreas nativas da Amazônia com ênfase na castanheira cultivada em diferentes sistemas de plantios, estabelecidos sobre áreas degradadas nos nove Estados da Amazônia Legal. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (5) / Doutorado: (10) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador / Andreia V. Fernandes - Integrante / Adamir da Rocha Nina Junior - Integrante / Karen Pires Costa - Integrante / DE CARVALHO, JOSIANE C. - Integrante., Financiador(es): Shell Brasil - Matriz - Auxílio financeiro.

  • 2020 - Atual

    Crescimento, respostas funcionais e fotossintéticas de espécies florestais amazônicas estabelecidas em diferentes modelos de plantio, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Adamir da Rocha Nina Junior em 08/02/2021., Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Integrante / Adamir da Rocha Nina Junior - Coordenador / Flávia Camila Schimpl - Integrante / Jair Max Furtunato Maia - Integrante.

  • 2019 - Atual

    Agricultura Familiar em Canaã dos Carajás: Trilhando um caminho para a sustentabilidade, Descrição: A agricultura familiar em Canaã dos Carajás tem sido fortemente influenciada pelas atividades de mineração. O que tem sido observado é o enfraquecimento da produção agrícola; estimulada, entre outros fatores, por mudanças no padrão de uso e ocupação da terra e pela fragilidade de políticas públicas ligadas a esse segmento do setor produtivo municipal e regional. Entretanto, discussões sobre a importância da agricultura familiar e do desenvolvimento rural para a diversificação e consolidação da base econômica do município de Canaã dos Carajás - PA têm sido propostas por lideranças acadêmicas, políticas das comunidades locais. Diante deste novo momento, o projeto Agricultura Familiar em Canaã dos Carajás: Trilhando um caminho para a sustentabilidade foi elaborado com o objetivo de produzir resultados que contribuam para o desenvolvimento rural municipal e que subsidiem a formulação de políticas públicas de apoio à agricultura familiar considerando a realidade local e conceitos de sustentabilidade... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Integrante / Adamir da Rocha Nina Junior - Integrante / Karen Cristina Pires da Costa - Coordenador / Alexandre Leão Gonçalves - Integrante.

  • 2013 - 2017

    Pró-Amazônia: Análises prospectivas e aplicativas de recursos vegetais da floresta Amazônica, Descrição: O Brasil é um país signatário da convenção sobre diversidade biológica. Um dos compromissos da convenção passa pelo estímulo ao desenvolvimento de instrumentos para sustentar o uso e a gestão da diversidade biológica, que em grande medida deve ser ligado ao progresso da biotecnologia, com o objetivo de integrar a natureza, o homem e a sociedade. Por sua vez, essa área do conhecimento (A BIOTECNOLOGIA VEGETAL) tem aplicações em diversos domínios científicos. Mas, ela não teria os seus diferentes direcionamentos e resultados efetivos se não existessem para tanto as fontes biológicas de largo cabedal como as existentes na flora amazônica (Os RECURSOS NATURAIS). Portanto, diante do dilema de conservação e uso, pesquisadores de instituições da Região Norte do Brasil em associação ampla e convergente com cientistas de outras regiões do Brasil (Nordeste, Suldeste e Centro-Oeste) colocam a disposição da CAPES (Edital N 047/2012) para avaliação, o projeto Análises prospectivas e aplicativas de recursos vegetais da floresta Amazônia. O projeto acima intitulado representa um esforço no sentido de induzir in loco na Amazônia a realização de pesquisa em duas áreas temáticas deste edital da CAPES (Biotecnologia e Recursos/Produtos naturais), apoiando-se em competências e infraestruturas disponíveis nas instituições que serão conveniadas, com vistas na produção de novos conhecimentos associados à formação de doutores viabilizada por uma rede de pesquisadores experientes e de boa produção científica. Para tanto, neste projeto pretende-se usar o Programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais MCTI-INPA (Conceito 5) e o Programa de Pós-graduação em Bioquímica (Universidade Federal do Ceará UFC - Conceito 5) como unidades bases da pesquisa acima mencionada, uma vez que estas instituições já possuem histórico de colaboração estabelecido no projeto CNPq-Bionorte N 554307/2010-3. No entanto, haverá participação direta e determinante de instituições como a Universidade Federal de Viçosa - UFV, Universidade Estadual de Campinas - Unicamp, Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT, Universidade Estadual Paulista Unesp, Universidade Federal do Amazonas UFAM, Universidade do Estado do Amazonas - UEA e Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas - IFAM. Este projeto permitirá investigações nas áreas de bioprodutos não madeireiros (moléculas dos metabolismos primário e secundário), de propagação de plantas, de clonagem e busca de plantas alimentícias não convencionais em larga escala, sob a ótica da prospecção de substâncias de interesse, aspectos que, em geral, sugerem o atendimento de demandas com implicações científicas, ambientais e sócio-econômicas. Neste contexto, é importante ressaltar que o INPA tem contribuído significativamente para a busca de novos conhecimentos no contexto da biodiversidade amazônica, porém iniciativas nas áreas de produtos e processos que exijam práticas adequadas na área de biotecnologia vegetal precisam ser ampliadas na instituição e nas IES do Norte do Brasil, especialmente, no âmbito das pós-graduações e este será o grande desafio dos profissionais e estudantes que fazem parte desta proposta. O trabalho colaborativo realizado até então juntamente com a Universidade Federal de Viçosa (PROCAD N 1514/2006) e, mais recentemente, com a Universidade Federal do Ceará (Projeto CNPq Bionorte) permite vislumbrar consistentes resultados nas áreas científica e acadêmica contribuindo para produção científica, acadêmica e fixação de doutores na Região Amazônica, uma vez que estas iniciativas já produziram bons resultados no âmbito dos projetos supracitados e, este novo pleito significa uma ação de continuidade. Portanto, o objetivo deste projeto é o desenvolvimento e a otimização de técnicas de prospecção e aplicação de compostos orgânicos da flora da Amazônia nas áreas de biotecnolog. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador / Eduardo Euclydes de Lima e Borges - Integrante / Paulo Mazzafera - Integrante / Patrícia M. Albuquerque - Integrante / Francisco de Almeida Lobo - Integrante / José Tadeu Abreu de Oliveira - Integrante / Lin Chau Ming - Integrante / Iza Marineves Almeida Rocha - Integrante / Valdely Ferreira Kinupp - Integrante / Andreia Varmes Fernades - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2017

    Entendendo a Resposta do Metabolismo Fotossintético em Florestas Tropicais à Variação Sazonal do Clima, Descrição: O estudo está focado na seguinte pergunta básica: O que controla a resposta da fotossíntese nas florestas amazônicas às variações sazonais de clima? Apesar de sua aparente simplicidade, esta pergunta tem sido de difícil resposta usando modelos do Sistema Terrestre (Earth Sistem Models ESMs). Objetivo Geral: Determinar o que controla a resposta da fotossíntese em florestas amazônicas à variação sazonal do clima. Três níveis de informação serão obtidos para resolver as perguntas sobre a sazonalidade da fotossíntese em florestas tropicais: (1) Informação sobre forçantes ambientais, especialmente a luz, incluindo a distribuição espacial e temporal de seus componentes difusa e direta, e os impactos de aerossóis e de nuvens; (2) Informação sobre a sazonalidade dos processos fisiológicos e fenológicos nas escalas de copa, galho e folha; e (3) Na escala de dossel a paisagem, capturar os padrões espectrais associados com os processos no item 2 para melhor relacionar os produtos de sensores orbitais com os processos funcionais do dossel; entender o significado real das mudanças de verdor acusadas por estes sensores, e assim consolidar a ponte entre as medidas de sensoriamento remoto e as árvores individuais, necessário para aprimorar e testar os modelos em diferentes escalas espaciais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (8) / Doutorado: (5) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Integrante / Carlos Eduardo Moura Silva - Integrante / João Victor Figueiredo Cardoso Rodrigues - Integrante / Bruce W. Nelson - Integrante / Marciel José Ferreira - Coordenador / Gilberto Costa Justino - Integrante / Dennis G. Dye - Integrante / Scott R. Saleska - Integrante / Valeriy Ivanov - Integrante / Luiz Eduardo Oliveira e Cruz de Aragão - Integrante / Rafael Silva Oliveira - Integrante.

  • 2011 - 2015

    Universal- Monitoramento e caracterização de proteínas com potencial biotecnológico sintetizadas durante a germinação de sementes de leguminosas arbóreas da flora Amazônica, Descrição: representa um esforço multi e interdisciplinar de profissionais das áreas da botânica, da fisiologia vegetal, da bioquímica e da biotecnologia. Portanto, reunindo de maneira coerente as linhas de atuação de todos os profissionais relacionados neste projeto (5 doutores e 5 estudantes de doutorado) que, atualmente, pesquisam proteínas ou metabótitos vegetais e suas aplicabilidades, elaborou-se um projeto com foco conceitual na biologia da germinação de sementes de espécies da flora amazônica, que visa prospectar sistematicamente classes de proteínas associadas à defesa vegetal como os inibidores de proteinases, proteinases e lectinas, sintetizadas e degradadas durante a germinação, assim como entender suas implicações regulatórias no processo germinativo. Além do mais, este projeto se propõe também a purificar e a caracterizar estas proteínas para que, posteriormente, possamos prover a execução adequada de ensaios biológicos devido à forte inclinação tecnológica dessas macromoléculas, que podem, por exemplo, apresentar efetiva ação fungida.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (5) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador / Andreia Varmes Fernandes - Integrante / Larissa Ramos chevreuil - Integrante / Luiz Augusto Gomes de Souza - Integrante / Maria Cristina Baracat - Integrante / Roniscley Pereira Santos - Integrante / Márcio Viana Ramos - Integrante / Leonardo de Azevedo Calderon - Integrante / Luciedi de Cassia Leoncio Tostes - Integrante / Aurora Maria Rosa de Oliveira - Integrante., Financiador(es): CNPq - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2015

    CNPq-Bionorte: Moléculas com potencial antifúngico em sementes, folhas e casca de espécies arbóreas: Bioprospecção, uso e sustentabilidade da flora amazônica, Descrição: O projeto intitulado Moléculas com potencial antifúngico em sementes, folhas e casca de espécies arbóreas: Bioprospecção, uso e sustentabilidade da flora amazônica tem aptidão multi e interdisciplinar, reunindo competências desde áreas aplicadas das ciências florestais (melhoramento florestal, manejo florestal, patologia florestal) com ênfase no uso e na sustentabilidade de espécies arbóreas, até profissionais das áreas de fitopatologia, fisiologia vegetal, bioquímica, química, botânica e biotecnologia. Portanto, enquadrando de maneira coerente as linhas de atuação de todos os profissionais (17 doutores e 13 estudantes de mestrado e doutorado) envolvidos na proposta, elaborou-se um projeto com foco na prospecção e na sustentabilidade de produtos florestais a partir da busca sistemática de biomoléculas que estejam relacionadas à fitoproteção durante processos fisiológicos vitais para as espécies (mobilização de metabólitos primários durante a germinação de sementes e produção de metabólitos secundários, como óleos essenciais nas folhas e cascas) e/ou analisando processos bioquímicos específicos como a síntese de proteínas de defesa (estudos sobre lectinas e inibidores de proteinases em sementes) de espécies arbóreas da flora Amazônica que possam resultar em bioprodutos (obtenção de moléculas com atividade antifúngica), além de contribuir para o entendimento de bioprocessos com ênfase na conservação e no uso da diversidade florestal (germinação de sementes, produção de óleos essenciais, cultivo in vitro, proteção fitossanitinária de plantas em viveiro). Com esta perspectiva, no âmbito do projeto principal acima mencionado, três subprojetos foram elaborados conjuntamente visando objetivo comum de prospectar potenciais moléculas antifúngicas em diferentes tecidos vegetais de espécies arbóreas da Amazônia. Valor: R$ 1.116.000,00. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador / Andreia Varmes Fernandes - Integrante / Larissa Ramos chevreuil - Integrante / Eduardo Euclydes de Lima e Borges - Integrante / Flávia Camila Schimpl - Integrante / Cristiane Santos do Carmo Ribeiro de Souza - Integrante / Roniscley Pereira Santos - Integrante / Márcio Viana Ramos - Integrante / Renita Betero Corrêa Frigeri - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2006 - 2011

    CAPES-PROCAD: Fisiologia e bioquímica de sementes de espécies florestais da Amazônia, Descrição: Projeto aprovado no Edital da CAPES / PROCAD Amazônia N. 01/2006. O projeto Fisiologia e Bioquímica de Sementes de Espécies Florestais da Amazônia tem abordagem multidisciplinar, envolve pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento (Ciências Florestais, Fitotecnia, Fisiologia Vegetal, Bioquímica, Biotecnologia) e representa uma possibilidade de aprofundamento nos estudos dos mecanismos e/ou estratégias fisiológicas e metabólicas das plantas nos estádios iniciais da vida vegetal. Portanto, investigar a fisiologia de sementes de espécies tropicais, com ênfase no metabolismo vegetal, em particular, observando aspectos da mobilização das reservas orgânicas (componentes do metabolismo primário) durante a germinação per si justificaria o esforço científico. Porém, quando os estudos dos aspectos mecanísticos relacionados ao metabolismo da semente florestais é acrescido da busca pela aplicabilidade dos resultados, para o uso racional e múltiplo das espécies arbóreas da Amazônia esse cenário científico torna-se mais efetivo. Assim sendo, a abordagem fisiológica e bioquímica que faz parte desse projeto visa contribuir para o melhor entendimento do metabolismo de sementes tropicais e para o uso ecológico e economicamente sustentado das espécies florestais da Amazônia. O Laboratório de Fisiologia e Bioquímica Vegetal do INPA juntamente com o Laboratório de Proteômica de Plantas (MCT-INPA) ambos coordenados pelo Prof. Dr. José Francisco de Carvalho Gonçalves tem se dedicado intensivamente ao estudo da mobilização de reservas em sementes de espécies tropicais como o guaranazeiro (Paullinia cupana), açaí (Euterpe oleraceae), pau rosa (Aniba rosaeodora) entre outras espécies florestais. Adicionalmente, pesquisas envolvendo proteômica de sementes tem sido intensificadas.Valor: 250.000,00. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador / Isolde Ferraz - Integrante / Silvana Cristina Pando - Integrante / Eduardo Euclydes de Lima e Borges - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 2006 - 2009

    MCT/CNPq/CT-Amazônia/CT-Energ: Caracterização e atividade biológica de proteinases e lectinas de leguminosas da Amazônia: uma abordagem biotecnológica., Descrição: Projeto aprovado no dital MCT/CNPq/CT-Amazônia/CT-Energ. O objetivo principal empregar técnicas de química de proteínas visando ao isolamento, purificação e caracterização de proteínas contidas nos tecidos de estocagem das sementes de espécies de leguminosas arbóreas da Amazônia e análise do potencial tóxico destas proteínas mediante a realização de bioensaios in vitro e in vivo com algumas espécies de insetos praga e fungos fitopatogênicos. Neste contexto, o estudo pretende contribuir para a obtenção de fungicidas e/ou inseticidas naturais, buscando agregar valor às potencialidades não-madeireiras da floresta e elucidar os mecanismos de toxicidade destas proteínas ou dos possíveis mecanismos de adaptação inseto-planta. Valor: 263.416,10. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Integrante / Andreia Varmes Fernandes - Integrante / Larissa Ramos chevreuil - Integrante / Silvana Cristina Pando - Coordenador / Flávia Camila Schimpl - Integrante / Cristiane Santos do Carmo Ribeiro de Souza - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Cooperação.

  • 2006 - 2008

    INPA-PPI 2006 2008: Caracterizações fisiológicas e bioquímicas para potencial uso biotecnológico de espécies arbóreas produtoras de óleos na Amazônia Central, Descrição: Investigar as respostas fisiológicas de plantas jovens e adultas de espécies arbóreas produtoras de óleos voláteis. Estabelecer protocolos de propagação vegetativa de diferentes espécies arbóreas produtoras de óleos voláteis.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador / Andreia Varmes Fernandes - Integrante / Larissa Ramos chevreuil - Integrante., Financiador(es): Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Auxílio financeiro.

  • 2006 - 2008

    INPA-Fundação Moore: Trocas gasosas e estado nutricional de espécies pioneiras em diferentes períodos de precipitação em uma cronossequência sucessional sobre áreas de pastagens abandonadas na Amazônia Central., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador / Carlos Eduardo Moura Silva - Integrante / Glaudecir de Oliveira Ribeiro - Integrante., Financiador(es): Fundação MOORE / Instituto Internacional de Educação do Brasil - IEB - Auxílio financeiro / Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Cooperação.

  • 2005 - 2012

    CTpetro-Petrobras / sub-projeto do PT-2: Ecofisiologia de espécies arbóreas crescidas em clareiras abertas pela exploração e trasnporte de petróleo, Descrição: A PETROBRAS-BR tem estabelecido uma política de reabilitação das áreas degradadas por atividade de exploração de petróleo e gás natural na Província Petrolífera do Urucu, no qual a realização de plantios florestais tem sido fundamental para se alcançar esse objetivo. Para a implantação dos plantios florestais, têm sido utilizadas espécies nativas da região e espécies exóticas que são levadas ao campo após terem alcançado todas as características exigidas pelo termo de referência da empresa. Contudo, tem sido observado que mesmo com todos os cuidados tomados na implantação dos plantios, seja na preparação da área (gradagem, adubação, correção do pH) como na seleção das mudas (bom estado fitossanitário, idade e tamanho adequados), as plantas muitas vezes não têm apresentado uma adaptação e/ou crescimento e desenvolvimento (principalmente no que se refere ao acúmulo de biomassa) satisfatório, vindo muitas vezes a morrer. As taxas de mortalidade das mudas no campo têm variado de 20 a 60, dependendo da espécie. Um dos motivos para isso pode ser o fato de não serem levadas em consideração às diferenças fisiológicas e ecológicas das espécies utilizadas para fins de reflorestamento, principalmente, quando se trata da eficiência no uso do carbono, água e nutrientes minerais. Sabendo que as espécies respondem diferentemente aos fatores bióticos e abióticos, a hipótese é que as espécies arbóreas de crescimento rápido utilizadas pela PETROBRAS-BR, apresentam diferentes estratégias ecofisiológicas de sobrevivência e de adaptação como resposta a maior assimilação de carbono e a maior eficiência no uso da água e de nutrientes, por conseguinte, aumentando o acúmulo de biomassa quando plantadas e/ou crescidas sobre áreas degradadas. Desta forma, o objetivo é entender os mecanismos de crescimento de espécies arbóreas plantadas sobre área degradada visando induzir mais rapidamente a regevetação das áreas degradadas da província petrolífera de Urucu.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador / Ricardo Antonio Marenco - Integrante / Gil Vieira - Integrante / Andreia Varmes Fernandes - Integrante / José Ferreira da Silva - Integrante., Financiador(es): Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Cooperação / Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 6

  • 2005 - 2011

    FAPEAM: Rede Proteômica do Amazonas- Análise Proteômica de Chromobacterium violaceum-Peptídeos e proteínas com potencial biotecnológico, Descrição: Este projeto tem como objetivo: 1- estabelecer, em colaboração com o Laboratório da UFAM, as condições de crescimento da culura de Chromobacterium violaceum sob estresse químico com poluentes orgânicos e inorgânicos. 2- Obter gel 2D-SDS-Page de referência dos extratos celulares e proteínas extracelulares bacterianas nas condições acima citadas.3- Fracionar, por meio de técnicas cromatográficas, o extrato celular e as proteínas extracelulares.4- Detectar por meio de espectrometria de massa os peptídeos das frações obtidas.5- Analisar os peptídeos quanto a suas atividades enzimáticas, antimicrobiana e antiviral.6- Purificar as biomoléculas de interesse biotecnológico.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador / Andreia Varmes Fernandes - Integrante / Larissa Ramos chevreuil - Integrante / Adamir da Rocha Nina Junior - Integrante / Adriana Bariani - Integrante / Silvana Cristina Pando - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Cooperação / Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Cooperação / Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2009

    CT-Amazônia/MCT/CNPq 27/2005: Prospecção, caracterização e produtividade de óleos de diferentes espécies da Amazônia Central, Descrição: Projeto aprovado pelo edital CT-Amazônia/MCT/CNPq 27/2005. Vigência: 09/2005 a 08/2009. O potencial das espécies arbóreas produtoras de óleos aromáticos da Amazônia Central apresenta-se como uma fonte renovável de recursos naturais e, consequentemente, como uma alternativa econômica a ser considerada nos programas de desenvolvimento sustentável da região. Dentre essas espécies destaca-se o pau-rosa (Aniba rosaeodora Ducke), a qual além de seu alto valor econômico vem sendo explorada durante décadas para a extração do linalol. Desta forma, os objetivos deste projeto são: avaliar o estado atual das populações naturais de pau-rosa, gerar informações sobre os efeitos dos diferentes fatores primários (luz, nutrientes, água e CO2) e gerar informações sobre o manejo de plantios através da poda da copa da árvore. Valor: R$ 421.647,98. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Integrante / Andreia Varmes Fernandes - Integrante / Renata Braga Souza Lima - Integrante / Paulo de Tarso Sampaio Barbosa - Coordenador / Eva Maria Alves Cavalcanti Atroch - Integrante / Silvana Cristina Pando - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2007

    INPA-PPI 2005-2007 (2 -4005): Efeito das variações sazonais sobre características fisiológicas e o conteúdo de óleos voláteis em folhas de árvores de pau-rosa (Aniba rosaeodora Ducke)., Descrição: O potencial da flora aromática da região Amazônica apresenta-se como uma fonte renovável apropriada à produção de essências e como excelente alternativa econômica para ser definitivamente inserida nos programas de desenvolvimento sustentável dessa região. Entretanto, mesmo com todo esse potencial, poucas são as experiências de cultivo, assim como o número de plantas aromáticas inseridas no mercado (Loureiro et al., 2000). Entre os principais entraves para o uso sustentável dessas espécies, destaca-se a carência de informações sobre os mecanismos reguladores da síntese dos óleos voláteis (Maia et al., 2000). A semelhança disso, também pouco se conhece sobre as estratégias ecofisiológicas utilizadas pelas plantas em resposta a fatores abióticos, uma vez que fatores como luz, água e nutrientes influenciam diretamente as reações bioquímicas do metabolismo primário das plantas, sendo necessário ressaltar que essas reações não ocorrem independentemente, podendo afetar processos fundamentais à planta, como a reprodução, bem como o metabolismo secundário (Nogueira & Silva Jr., 2001; Alves, 2001; Rodríguez-Concepcón et al., 2003). No contexto das espécies com elevado potencial econômico, estão inseridas plantas que ocupam lugar de destaque na balança comercial Amazônica, entre as quais distingue-se o pau-rosa (Aniba rosaeodora Ducke) (Clay et al., 2000; Cunha, 2002). O pau-rosa apresenta variações quanto à floração e produção de óleos voláteis em função das mudanças sazonais dos fatores abióticos (Leite et al., 1999; Cunha, 2002). Dados fenológicos das populações dessa espécie na Reserva Florestal Adolpho Ducke (Manaus-AM) demonstram padrões de floração diferentes quanto ao período e a freqüência entre as árvores de plantio e de floresta primária (nativas), as primeiras florescem na transição entre os períodos chuvosos e secos enquanto as nativas florescem na transição entre os períodos secos e chuvosos, quanto à freqüência, as plantas de plantios, sob sombra parcial, ap. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador / Andreia V. Fernandes - Integrante / Renata Braga Souza Lima - Integrante / Paulo de Tarso Barbosa Sampaio - Integrante / Eva Maria Alves Cavalcanti Atroch - Integrante., Financiador(es): Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Análise Proteômica de Chromobacterium violaceum- peptídeos e proteínas com potencial biotecnológico., Descrição: Este projeto tem como objetivo: 1- estabelecer, em colaboração com o Laboratório da UFAM, as condições de crescimento da culura de Chromobacterium violaceum sob estresse químico com poluentes orgânicos e inorgânicos. 2- Obter gel 2D-SDS-Page de referência dos extratos celulares e proteínas extracelulares bacterianas nas condições acima citadas.3- Fracionar, por meio de técnicas cromatográficas, o extrato celular e as proteínas extracelulares.4- Detectar por meio de espectrometria de massa os peptídeos das frações obtidas.5- Analisar os peptídeos quanto a suas atividades enzimáticas, antimicrobiana e antiviral.6- Purificar as biomoléculas de interesse biotecnológico.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador / Andreia Varmes Fernandes - Integrante / Larissa Ramos chevreuil - Integrante / Adamir da Rocha Nina Junior - Integrante / Adriana Bariani - Integrante / Silvana Cristina Pando - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro / Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Cooperação.

Projetos de desenvolvimento

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2011

    FAPEAM: Ciências de Florestas Tropicais: Silvicultura e Manejo Florestal a serviço do desenvolvimento sustentável do estado do Amazonas., Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar e modernizar a infra-estrutura do programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais / INPA, iniciando as bases do maior centro de brasileiro de estudos de Ciências de Florestas Tropicais com ênfase em florestas tropicais, visando ao treinamento em nível de pós-Graduação "Stricto Sensu". Valor: R$ 475.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: José Francisco de Carvalho Gonçalves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

Prêmios

2021

Membro Titular da Academia Brasileira de Ciências Agronômicas - ABCA, Academia Brasileira de Ciências Agronômicas - ABCA.

2015

Menção Honrosa melhor trabalho PIBIC Recursos Florestais / CONIC - 2016, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

2012

Menção Honrosa/ orientação/ PIBIC-INPA, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

2011

Menção Honrosa/ orientação / PIBIC-CNPq- INPA, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia / MCTI.

2011

Menção Honrosa / pesquisador que mais orientou estudantes premiados / INPA-CNPq, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia / MCTI.

2009

Melhor trabalho XII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal (Área Relações Hídricas), Sociedade Brasileira de Fisiologia Vegetal - SBFV.

2008

Medalha Warwick Kerr pelos relevantes serviços prestados a Pós-graduação do INPA, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (MCT-INPA).

2006

Menção Honrosa/ orientação / PIBIC-CNPq- INPA, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia / MCTI.

2006

Orientação / melhor dissertação de mestrado em Ciências Agrárias no Amazonas, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - FAPEAM.

2005

Menção Honrosa / Orientação PIBIC-CNPq-INPA, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (MCT).

2004

Menção Honrosa / orientação PIBIC-CNPq-INPA, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (MCT).

1999

Premiação por Excelência / Categoria: Destaque da Unidade (Pesquisa), EMBRAPA / Sistema de Avaliação e Premiação por Resultados da Embrapa.

Histórico profissional

Endereço profissional

  • Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Laboratório de Fisiologia e Bioquímica Vegetal. , Av. Efigênio Sales (Antigo V8) / MCTI-INPA., Aleixo, 69011970 - Manaus, AM - Brasil - Caixa-postal: 476, Telefone: (92) 36431938, Ramal: 1938, Fax: (92) 36431838, URL da Homepage:

Experiência profissional

2020 - Atual

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas

Vínculo: , Enquadramento Funcional:

2019 - Atual

Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará

Vínculo: , Enquadramento Funcional:

2000 - Atual

Universidade Federal do Amazonas

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador, Carga horária: 10

Atividades

  • 03/2001

    Ensino, Agronomia Tropical, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Fisiologia da Produção

1996 - 1997

Universidade Federal de Viçosa

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Assistência a docência, Carga horária: 12

Outras informações:
Monitor II da disciplina (BVE270 / Fisiologia vegetal) 1996

Atividades

  • 06/1996 - 06/1997

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, BVE270 (Fisiologia vegetal)

  • 03/1996 - 06/1997

    Pesquisa e desenvolvimento, Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Departamento de Biologia Vegetal.,Linhas de pesquisa

2000 - Atual

Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisador Titular III, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Professor Credenciado no Programa de Pós-Graduação de Ciências de Florestas Tropicais (MCTI-INPA) Professor Credenciado no Programa de Pós-Graduação em Botânica (MCTI-INPA). Professor Credenciado no Programa de Pós-Graduação em Genética Conservação e Biologia Evoluticva (MCTI-INPA). Professor Credenciado no Programa de Pós-Graduação da Rede Bionorte.

Atividades

  • 02/2006

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM).,Cargo ou função, Presidente do Comitê de POS-GRADUAÇÃO (Biênio 2006-2007)..

  • 08/2005

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Ppgbtrn, Cft.,Cargo ou função, Comissão de seleção para prova de conhecimentos gerais - exame Mestrado /2006 ( Presidente).

  • 10/2001

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Divisão dos Programas de Pós Graduação, Programa de Ciências de Florestas Tropicias.,Cargo ou função, Coordenador do Programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais.

  • 04/2001

    Ensino, Ciências Biológicas (Botânica), Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Fisiologia Vegetal Avançada

  • 02/2000

    Pesquisa e desenvolvimento, Laboratório de Fisiologia e Bioquímica de Plantas, Laboratório de Fisiologia e Bioquímica de Plantas.,Linhas de pesquisa

  • 02/2000

    Ensino, Ciências de Florestas Tropicais, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Fisiologia Ambiental em Estudos Autoecológico, Silvicultura Tropical

  • 08/2005 - 02/2006

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Inpa, Pgbtrn.,Cargo ou função, Comissão de seleção para prova de conhecimentos gerais - exame Mestrado / 2005 ( Presidente).

  • 08/2004 - 07/2005

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Cpbo.,Cargo ou função, Membro de comissão.

  • 04/2005 - 06/2005

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Ppgbtrn, Ccpg.,Cargo ou função, Membro de comissão temporária.

  • 08/2003 - 07/2004

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Cpbo.,Cargo ou função, Membro de comissão.

  • 08/2003 - 02/2004

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Ppgbtrn, Cft.,Cargo ou função, Comissão de seleção para prova de conhecimentos gerais- exame Mestrado/ 2004 (membro do conselho).

  • 08/2002 - 02/2003

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Ppgbtrn, Cft.,Cargo ou função, Comissão de seleção para prova de conhecimento gerais - Exame de mestrado / 2003 (Presidente).

1999 - 1999

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Vínculo: Consultoria, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 40

Outras informações:
Consultoria na área de sequenciamento de ácidos nucleicos e prospecção de genes de interesse para a agricultura.

Atividades

  • 03/1999 - 09/1999

    Pesquisa e desenvolvimento, Centro Nacional de Pesquisa de Recursos Genéticos e Biotecnologia, Biotecnologia.,Linhas de pesquisa

  • 03/1999 - 09/1999

    Serviços técnicos especializados , Centro Nacional de Pesquisa de Recursos Genéticos e Biotecnologia, Biotecnologia.,Serviço realizado, Treinamento de pessoal em sequenciamento de ácidos nucleicos.

2006 - Atual

Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

Vínculo: Assessor Ad hoc, Enquadramento Funcional: Não há enquadramento funcional

Outras informações:
Assessor Ad hoc para emissão de pareceres sobre projeto de pesquisas da FAPESP

Atividades

  • 06/2006

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Sistema de Apoio a Gestão.,Cargo ou função, Consultor ad hoc.