Luiz Gustavo da Mata Borsuk

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Estadual de Maringá (2017) e mestrado em Genética e Melhoramento pela Universidade Estadual de Maringá (2020). Aluno de Doutorado na área de Produção Vegetal no programa de Pós-Graduação em Agronomia (PGA) na UEM.

Informações coletadas do Lattes em 30/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Genética e Melhoramento

2018 - 2020

Universidade Estadual de Maringá
Título: Divergência genética entre e dentro de famílias de cana-de-açúcar (Saccharum sp.), em locos SSR e EST-SSR,Ano de Obtenção: 2020
Maria de Fátima Pires da Silva Machado.Coorientador: Hugo Zeni Neto. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Saccharum spp.; Divergência genética; SSR.

Graduação em Agronomia

2013 - 2017

Universidade Estadual de Maringá
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Ensino Médio (2º grau)

2008 - 2010

Colegio Estadual Doutor Gastão VIdigal

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

25 Encontro Anual de Iniciação Científica.Deposição de calda de pulverização em função de diferentes pontas e formulações de 2,4 D associadas ao glyphosate. 2016. (Encontro).

VIII Simpósio Grandes Culturas - Soja. 2016. (Simpósio).

X Curso Internacional de Cooperativismo e Desenvolvimento Ruraural. 2016. (Encontro).

X Curso Internacional de Cooperativismo e Desenvolvimento Ruraural. 2016. (Encontro).

53 Congresso Brasileiro de Olericultura. 2014. (Congresso).

Curso de Eucaliptocultura. 2013. (Outra).

Palestra sobe o programa CREAJR. 2013. (Outra).

XXXI Ciclo de Debates Agronômicos. 2013. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Lucas Caiubi Pereira

FREITAS, P. S. L.; ANDRADE, C. A. B.;Pereira, L.C.. Relatório de conclusão de estágio curricular supervisionado. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual de Maringá.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Paulo Sérgio Lourenço de Freitas

CRESCIMENTO DO MELOEIRO NOBRE SUBMETIDO A DOSES DE SILICIO VIA FERTIRRIGAÇÃO; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual de Maringá, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luiz Gustavo da Mata Borsuk;

Robinson Luiz Contiero

Deposição de calda de pulverização em função de diferentes pontas e formulações de 2,4 D associadas ao glyphosate; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual de Maringá, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luiz Gustavo da Mata Borsuk;

José Usan Torres Brandão Filho

Efeito do produto ECOTERRA sobre características do solo e sobre o desenvolvimento vegetativo das culturas de tomate, cana-de-açúcar e batata em condições de casa de vegetação; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual de Maringá; Orientador: Luiz Gustavo da Mata Borsuk;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Roberto Rezende

Crescimento do meloeiro nobre submetido a doses de silício via fertirrigação em ambiente protegido; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual de Maringá - UEM, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Roberto Rezende;

Maria de Fatima Pires da Silva Machado

Divergência genética entre e dentro de famílias de cana-de-açúcar (Saccharum spp; ) em locos SSR e EST-SSR; 2020; Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento) - Universidade Estadual de Maringá, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Maria de Fatima Pires da Silva Machado;

Paulo Sérgio Lourenço de Freitas

Crescimento do meloeiro nobre submetido a doses de silício via fertirrigação em ambiente protegido; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual de Maringá, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Paulo Sérgio Lourenço de Freitas;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2016 - 2017

    CRESCIMENTO DO MELOEIRO NOBRE SUBMETIDO A DOSES DE SILICIO VIA FERTIRRIGAÇÃO, Descrição: Este trabalho teve por objetivo avaliar a resposta do meloeiro nobre, hibrido Sunrise, com relação à taxa fotossintética (A), sólidos solúveis totais (Brix), produção (PROD) e a massa seca de parte aérea quando conduzido sob doses de silício aplicados via fertirrigação. A unidade experimental foi composta por canteiros de 3 x 0,5 m, dispostos em delineamento inteiramente casualizado, com quatro tratamentos e seis repetições. Os tratamentos foram constituídos de quatro doses de silício (T1 = 0 kg ha-1, T2 = 50 kg ha-1, T3 = 100 kg ha-1 e T4 = 200 kg ha-1). Observou-se diferença apenas em relação a taxa fotossintética e produção em função das doses.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luiz Gustavo da Mata Borsuk - Coordenador / Paulo Sérgio Lourenço de Freitas - Integrante.

  • 2015 - 2016

    Deposição de calda de pulverização em função de diferentes pontas e formulações de 2,4 D associadas ao glyphosate, Descrição: O objetivo deste trabalho foi avaliar a deposição da calda de pulverização proporcionada por formulações de 2,4-D (2,4-D amina e 2,4-D colina) em associação ao glyphosate com diferentes pontas de pulverização e taxas de aplicação. O experimento foi instalado a campo no delineamento inteiramente casualizado em arranjo fatorial (6x2). O primeiro fator correspondeu a pontas de pulverização com diferentes regulagens (AD 110.015 ? 61 e 105 L ha-1; AD 015-D ? 75 e 146 L ha-1; XR 110.02 ? 200 L ha-1; e ADIA-D 110.02 ? 208 L ha-1). O segundo fator consistiu na aplicação de diferentes formulações do herbicida 2,4-D (2,4-D amina e 2,4-D colina), ambos em associação com glyphosate (1080 g e.a. ha-1). Observou-se maior deposição de calda nas folhas das espécies e lâminas quando utilizado o 2,4-D colina em comparação com a formulação 2,4-D amina. Para o 2,4-D amina, houve tendência de se observar valores de deposição de calda superiores quando aplicado maiores volumes por hectare, destacando-se a ponta XR 110.02 a 200 L ha-1. Não houve grande influência da ponta de pulverização utilizada na deposição de calda para a formulação 2,4-D colina.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luiz Gustavo da Mata Borsuk - Coordenador / Robinson Luiz Contiero - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

  • 2014 - 2015

    Efeito do produto ECOTERRA sobre características do solo e sobre o desenvolvimento vegetativo das culturas de tomate, cana-de-açúcar e batata em condições de casa de vegetação, Descrição: A crescente a necessidade de uma agricultura mais sustentável, onde seja possível produzir com impacto mínimo sobre equilíbrio ecológico do solo, traz consigo também a necessidade de se compreender melhor o papel dos microrganismos do solo no estímulo ao crescimento das plantas cultivadas bem como sua função na supressão de doenças. O papel de rizobactérias na promoção do crescimento de plantas e controle biológico de patógenos tem sido intensamente investigado e, atualmente, já pode-se encontrar disponível grande variedade de produtos inoculantes e biofertilizantes, que tem como base de sua composição rizobactérias que são capazes de promover diversos benefícios às culturas agrícolas, inclusive quando utilizados com fertilizantes inorgânicos tradicionais (Maheshwari et al, 2012; Aeron et al. 2011; Kumar et al. 2005). Estes produtos quando aplicados como tratamentos de sementes, drench em mudas ou no solo levam a rápida multiplicação e desenvolvimento de uma grande população de microrganismos na rizosfera. Microrganismos pertencentes aos gêneros Azotobacter, Arthrobacter, Bacillus, Pseudomonas, Streptomyces são utilizados no controle de fitopatógenos, biorremediação e promoção do crescimento de plantas. Muitos destes microrganismos são capazes de sintetizar hormônios vegetais e substâncias biologicamente ativas que aumentam o crescimento das plantas, promovem aumento da absorção de fósforo pelas plantas, fixam nitrogênio atmosférico e induzem a resistência a fitopatógenos por meio da síntese de antibióticos e sideróforos (Zakharchenko et al, 2011; Van Loon, 2007; Glick, 1995). Resultados obtidos em casa de vegetação com a cultura do alho mostraram que a aplicação de Glomus fasciculatum + Azotobacter chrooccocum + 50% do P recomendado resultaram nos maiores comprimentos de raízes, altura de plantas, diâmetro de bulbo, matéria fresca e absorção de P (Mandhare et al., 1998 apud Wani et al, 2013). Pandey e Kumar (1989) observaram aumento de produtividade de 2 a 45% em hortaliças, 9 a 24% em cana-de-açúcar, 0 a 31% em milho, sorgo e mostarda com a inoculação de Azotobacter. Desta forma, o objetivo deste trabalho será o de avaliar o efeito do produto ECOTERRA, que é composto por um consórcio bacteriano multitrófico (Azotobacter chroococcum, Pseudomonas aureofaciens, Bacilus licheniformis Bacillus magaterium e Bacillus subtilis), sobre o desenvolvimento das culturas de tomate, cana-de-açúcar e batata e sobre alguns atributos químicos e biológicos do solo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Luiz Gustavo da Mata Borsuk - Integrante / José Usan Torres Brandão Filho - Coordenador / Paulo Francisco Maraus - Integrante / Bruna Elena Korchovei Sanches - Integrante / Fernando Yochio Lemes Abe - Integrante / Gustavo Garcia Panice - Integrante / Humberto Silva Santos - Integrante / Jean Marcelo R. do Nasciment - Integrante / João Augusto Melo Zanoti - Integrante / Jose Maria Matias de Moura - Integrante / Marcelo Augusto Batista - Integrante / Mariana Carmona Pattaro - Integrante / Paulo Henrique Marques dos Santos - Integrante / Shalene da Silva Santos - Integrante / Valdenir Catapan - Integrante / Vanessa Formagio Takahashi - Integrante., Número de orientações: 1

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2017

Trabalho de iniciação científica como segundo melhor trabalho na área de Ciências Agrárias, no 26 Encontro Anual de Iniciação Científica - EAIC, Universidade Estadual de Maringá - UEM.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2016 - 2017

    Universidade Estadual de Maringá

    Vínculo: , Enquadramento Funcional:

  • 2017 - 2017

    Universidade Federal de Lavras

    Vínculo: Programa de Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 30, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Estágio na área de Genética e Melhoramento de plantas, sobe a orientação do professor Dr. Magno Antonio Patto Ramalho, com atuações no melhoramento do feijoeiro e participação em laboratório de biologia molecular.