Frederico Vianna Torres Diniz

Formou-se mestre pela Universidade de Brasília em 2013 e trabalha no Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) desde 2011. Pesquisador com experiência nas áreas de sociologia das cidades, sociologia da cultura, juventudes e metodologia de pesquisa. Desenvolveu diversos projetos de pesquisa acadêmica e consultorias.

Informações coletadas do Lattes em 28/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Sociologia

2010 - 2013

Universidade de Brasília, UnB
Título: A Brasília, as Brasílias: Localizando a narrativa "comum" nos usos da cidade,Ano de Obtenção: 2013
Edson Silva Farias.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Espaço urbano; narrativas; usos; metrópole.Grande área: Ciências HumanasGrande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia da Cultura.

Graduação em Ciências Sociais

2006 - 2009

Universidade de Brasília, UnB

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2006 -

Extensão universitária em Ciências Sociais. , Universidade de Brasília, UnB, Brasil.

2014 - 2014

Gestão Pública para Cidades Competitivas e Inovadoras. (Carga horária: 200h). , IMC - University of Applied Sciences Krems, IMC, Austria.

2007 - 2007

Extensão universitária em Ciências Sociais. (Carga horária: 30h). , Universidade de Brasília, UnB, Brasil.

2007 - 2007

Programa de Educação Tutorial (PET). , Universidade de Brasília, UnB, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Francês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia Urbana.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia do Desenvolvimento.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia da juventude.

    Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Arquitetura e Urbanismo / Subárea: Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo/Especialidade: Urbanismo.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

XVII Congresso Brasileiro de Sociologia. A Brasília, as Brasílias: Explorando o olhar dos concurseiros sobre a unicidade narrativa modernista. 2015. (Congresso).

Public Management for Competitive and Innovative Cities.Case Study: Water Management and Supply System in the context of Federal District. 2014. (Outra).

XVIII SEMINÁRIO CULTURA, MEMÓRIA E DESENVOLVIMENTO (CMD): ESPAÇO DAS LEMBRANÇAS, MEMÓRIAS DOS FLUXOS.A Brasília, as Brasílias: Explorando o olhar dos concurseiros sobre a unicidade narrativa brasiliense. 2014. (Seminário).

XIV Congresso da Sociedade Brasileira de Sociologia. Desigualdade sócio-espacial e juventude em Itapoã, DF. 2009. (Congresso).

XV Congresso de Iniciação Científica da universidade de Brasília e 5º Congresso de Iniciação Científica do DF. Desigualdade sócio-espacial a partir da perspectiva de ocupação do tempo contrário à escola de jovens de Itapoã, DF. 2009. (Congresso).

Participação no ?Simpósio Brasileiro-Alemão de Pesquisa Qualitativa e Interpretação de Dados. 2008. (Simpósio).

Reunião Brasileira de Antropologia: ?Desigualdade na Diversidade?. 2008. (Congresso).

Semana de Sociologia, Universidade de Brasília.Moderador. 2008. (Seminário).

Semana de Sociologia da Universidade de Brasília.Juventude, Políticas Públicas e Sociedade. 2008. (Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Christiane Machado Coêlho

COÊLHO, Christiane Machado; VELOSO, M.. . "A Brasília, as Brasílias: localizando a trama modernista na malha metropolitana do Distrito Federal.?. 2012. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

Edson Silva de Farias

FARIAS, E. S.; BATISTA, A. L. S.; COELHO, Christiane M.. A Brasília, as brasílias: localizando a narrativa. 2013. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Wivian Weller

Relações de Sociabilidade e projetos de futuro de jovens do Itapoã, DF; ; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Wivian Jany Weller;

Wivian Weller

Desigualdade sócio-espacial a partir da perspectiva da ocupação do tempo contrário à escola de jovens de Itapoã, DF; ; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Wivian Jany Weller;

Edson Silva de Farias

A Brasília, as Brasílias: localizando a narrativa "comuim" nos usos da cidade; 2013; Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Edson Silva de Farias;

Bruno Gontyjo do Couto

Práticas de lazer e diversão de jovens no contexto de igrejas pentecostais em Itapoã; 2018; Orientação de outra natureza; (Ciências Sociais) - Universidade de Brasília; Orientador: Bruno Gontyjo do Couto;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • DINIZ, F. V. T. ; SILVA, Paloma Karuza Maroni da ; WELLER, Wivian . Projetos educacionais/profissionais e percepções sobre as limitações do espaço urbano por jovens que residem em Itapoã, DF.. Urbanidades , v. 6, p. 1-29, 2009.

  • DINIZ, F. V. T. . Práticas de lazer e diversão de jovens no contexto de igrejas pentecostais: o caso de Itapoã-DF. In: FARIAS, Edson Silva de (Org.) ; COUTO, BRUNO GONTYJO DO (Org.). (Org.). MEMÓRIAS E IDENTIDADES DA METRÓPOLE CARTOGRAFANDO ESPAÇOS DE SIGNIFICAÇÕES NO DISTRITO FEDERAL. 1ed.Jundiai: Editorial Paco, 2019, v. , p. 223-256.

  • DINIZ, F. V. T. . Retas que se Prologam em Curvas: tensões nos usos do contexto metropolitano brasiliense. In: FARIAS, Edson Silva de (Org.). (Org.). A Brasília, as Brasílias: explorando o olhar dos concurseiros sobre a unicidade narrativa brasiliense. 1ed.Jundiaí: Editorial Paco, 2015, v. , p. 233-259.

  • DINIZ, F. V. T. ; ROSSI, A. S. . Itapoã: primeiros anos. In: XVIII ENANPUR, 2019, NATAL. Anais XVIII ENANPUR 2019, 2019.

  • DINIZ, F. V. T. . A Brasília, as Brasílias: Explorando o olhar dos concurseiros sobre a unicidade narrativa brasiliense. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

DINIZ, F. V. T. ; MENDONCA, F. F. C. ; ROSSI, A. S. ; LINS, A. A. ; COUTO, B. G. ; MACEDO, D. M. B. ; FARIAS, E. S. ; FRANCIOSI, F. ; LOPES, T. C. . Memórias e Identidades da Metrópole. 2018 (Filme).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2016 - 2018

    Memórias e Identidade(s) da Metrópole: cartografando espaços de significações no Distrito Federal, Descrição: O projeto Memórias e identidade(s) da metrópole: cartografando espaços de significações no Distrito Federal visa lançar novas abordagens de investigação a respeito da trama sócio-urbana de Brasília e do Distrito Federal. Prevendo um conjunto de trabalhos de cunho sociológico e historiográfico, esta proposta coletiva de pesquisa pretende descrever, apreender e interpretar memórias e experiências históricas de indivíduos e grupos inscritos na rede urbana do Distrito Federal. Simultaneamente, também planeja investigar qual o lugar ocupado pelo patrimônio arquitetônico-urbanístico brasiliense, sobretudo, no que diz respeito à sua relação com a diversidade de práticas e vivências sócio-urbanas presentes na região metropolitana do DF. Desse modo, o projeto se desdobra em dois grande eixos de investigação que nortearão os planos de pesquisa individuais. O primeiro, designado como etnografias históricas e cartografias de memórias, terá como objetivo a reconstituição e mapeamento de um conjunto de trajetórias individuais e coletivas, analisando como as vivências e memórias a elas vinculadas contribuíram para a composição da diversidade histórico-cultural de Brasília e do Distrito Federal nas últimas cinco décadas. Enquadram-se neste escopo agentes e grupos artístico-culturais, étnico-culturais, geracionais, dentre outros, com o propósito de registrar e compreender como se deram sua inserção e experiências dentro da trama metropolitana que habitam. Por sua vez, o segundo eixo de investigação é designado como dinâmicas de usos do espaço e do patrimônio de Brasília, tendo como mote a análise sócio-histórica de diferentes tipos de relação existentes entre o patrimônio arquitetônico-urbanístico da capital e a diversidade social que constitui a região metropolitana do DF. Nesse eixo, os planos de pesquisa abarcarão a relação entre usos sociais do espaço urbano e suas mediações histórico-sociais com o patrimônio brasiliense. Portanto, trata-se de uma pesquisa coletiva pautada especificamente na tentativa de cartografar os espaços de significações - espaços simbólicos, tramas de significados ? que compõem a vida urbana da cidade e da metrópole.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Frederico Vianna Torres Diniz - Integrante / Edson Silva de Farias - Coordenador / Saulo Nepomuceno Furtado de Araujo - Integrante / bruno gontyjo do couto - Integrante / Debora Maria Borges de Macedo - Integrante / Artur André Lins - Integrante / Flávia Ferreira Costa Mendonça - Integrante / Fernando Franciosi - Integrante / Taynara Candida Lopes - Integrante / André Sette Rossi - Integrante.

  • 2010 - 2013

    Metrópoles: Estratégias e Táticas - Ícone modernista em meio aos usos do contexto urbano no Distrito Federal, Descrição: Delimita-se o objeto de conhecimento desta pesquisa na medida em que se elege o patrimônio arquitetônico-urbanístico brasiliense à maneira de um marco signo-cognitivo e normativo com repercussões sobre os usos possíveis do espaço urbano no Distrito Federal. Algo assim em referência ao problema teórico a respeito da relação entre formas do entendimento e tramas societárias. Desse modo, propõe-se inferir até que ponto se dá essa normatização dos usos do contexto urbano pela figuração do Plano Piloto de Brasília. Esta delimitação está na contrapartida de dois aspectos de natureza teórico-hermenêutica referida à questão das modernizações e das múltiplas modernidades. Assim, de um lado, está a questão das racionalizações societária e cultural; processos deflagrados no curso das dinâmicas sócio-históricas definidas como modernizadoras, no Brasil, mas levando-se em conta seus efeitos sobre a montagem dos suportes burocráticos e tecnoburocráticos intrínsecos à administração dos montantes humanos possuidores de meios de sobrevivência e troca e, ainda, de circulação/comunicação. O que se estende à ascendência de instâncias relativamente autônomas em sua prerrogativa de se autolegislar no tocante à gestão e normatização de quadros de valores com repercussões no âmbito da guarda, transmissão e legitimação dos saberes. Mediante este procedimento, especula-se como, em se tratando do Distrito Federal, essas racionalizações comparecem no princípio de transparência e dominação racional inscrito no projeto da nova capital brasileira. Mas, por outro lado, têm-se por argumento de que a realização do projeto e sua transformação em parte de uma mancha metropolitana é contrapartida do encaminhamento de mútua implicação entre a expansão e complexificação da máquina estatal e do tipo de divisão sócio-funcional intrínseca ao arranjo urbano-industrial e de serviços no país. Encaminhamento este no qual se viceja, igualmente, a disseminação de diversidades étnico-históricas figuradas como estilo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (8) . , Integrantes: Frederico Vianna Torres Diniz - Integrante / Marcos Henrique da Silva Amaral - Integrante / Edson Silva de Farias - Coordenador / Carolina Vicente Ferreira Lima - Integrante / Saulo Nepomuceno Furtado de Araujo - Integrante / bruno gontyjo do couto - Integrante / Pedro Martins de Menezes - Integrante / Thamires Castelar Torres Sales - Integrante / Taís de Sant'Anna Machado - Integrante / Thaís Lima Rocha - Integrante.

  • 2010 - 2011

    Fomento e uso de Tecnologias da Comunicação e da Informação na disciplina Introdução à Sociologia, Descrição: Este projeto visa incrementar a prática docente na disciplina Introdução à Sociologia a partir do acesso ao programa da CAPES de fomento ao uso de tecnologias da informação e da comunicação nos cursos de graduação com vistas a incentivar o desenvolvimento de práticas de ensino à distância em disciplinas presenciais. A disciplina Introdução à Sociologia (IS) atende estudantes de diversos cursos de graduação da UnB, em 15 turmas semestrais que envolvem cerca de 2000 alunos por ano. Essa disciplina atende a alunos recém ingressos no ensino superior que demonstram, em geral, habilidade em lidar com as novas linguagens proporcionadas pelo acesso às TIC´s. Consideramos, assim, de fundamental importância a atualização constante de nossos recursos didáticos para ministrarmos de forma criativa e inovadora os conteúdos fundamentais da disciplina. A adoção de novas ferramentas tecnológicas amplia o leque de possibilidades para atender a demanda crescente e contínua de alunos por essa disciplina de serviço. Nesse sentido, o projeto será operacionalizado a partir três eixos: 1) ampliar a oferta de disciplinas com uso de TIC´s para cursos de graduação presencial; 2) capacitação de recursos humanos; 3) produção de conteúdo e materiais didáticos Esses pilares orientarão nossa estratégia de adequação da prática docente da disciplina IS à proposta de fomento ao uso de metodologias híbridas. Financiador: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior ? Bolsa. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Frederico Vianna Torres Diniz - Integrante / Débora Messenberg Guimarães - Coordenador / Sergio Barreira de Faria Tavolaro - Integrante / Christiane Machado Coelho - Integrante / Marcos Henrique da Silva Amaral - Integrante / Marcos Dalsecco Braga Arcuri - Integrante / Tania Mara Campos de Almeida - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2010 - 2011

    Universidade de Brasília, UnB

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Tutoria, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Tutor do projeto didático Fomento e uso de Tecnologias da Comunicação e da Informação na disciplina Introdução à Sociologia (Edital CAPES nº. 15, 23/03/2010), no qual atuou nas áreas de pesquisa e auxílio ao ensino.

  • 2009 - 2009

    Universidade de Brasília, UnB

    Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Consultoria, Carga horária: 30

    Outras informações:
    Participação na elaboração de Plano de Habitação de Interesse Social (PLHIS) para Municípios. Atividades desenvolvidas: Elaboração de questionário e instruções de uso para levantamento das necessidades habitacionais, abrangendo a zona urbana e rural de município; Realização de pré-teste, ajuste e produção final do questionário; Treinamento (in loco) dos aplicadores do questionário; Processamento, tabulação, interpretação e produção do relatório de Necessidades Habitacionais.

  • 2009 - 2009

    Universidade de Brasília, UnB

    Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: pesquisador, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Pesquisa ?Plano de Convivência Escolar?, sobre violência nas escolas do DF. Atividades Desenvolvidas: Treinamento, aplicação de questionários e observação participante em escolas violentas do DF. Pesquisa realizada pela RITLA (Rede de Informação Tecnológica Latino-Americana), sob coordenação de Miriam Abramovay.

  • 2008 - 2008

    Universidade de Brasília, UnB

    Vínculo: pesquisador, Enquadramento Funcional: pesquisador, Carga horária: 30

    Outras informações:
    Pesquisa ?Juventude, Participação e Políticas Públicas?, realizada na 1ª Conferência Nacional de Juventude, sob coordenação de Miriam Abramovay e Mary Castro.

  • 2007 - 2007

    Universidade de Brasília, UnB

    Vínculo: expositor, Enquadramento Funcional: expositor, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Participação na exposição ?Espaços da Saúde?, na IV Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, como membro estagiário da Fundação Oswaldo Cruz, Ministério da Saúde.

  • 2007 - 2007

    Fundação Oswaldo Cruz -Brasília, Fiocruz-BSB

    Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Coordenação de extensão na fiocruz brasília, Carga horária: 30

    Outras informações:
    Atividades desenvolvidas: Bancos de dados, produção e análise de relatórios, acompanhamento de projetos sociais.

  • 2011 - Atual

    Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Servidor público de carreira