Juliana Ronchi Correa

Possui graduação em Ciencias Biologicas Bacharelado pela Universidade Federal da Grande Dourados (2011) e mestrado em Doenças Infecciosas e Parasitárias pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2015). Especialista em Analises Clínicas, pelo Hospital Regional do Mato Grosso do Sul, atualmente cursa Doutorado em Genética e Biologia Molecular na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Projeto vinculado ao Centro Infantil Boldrini. Tem experiência na área de Imunologia, com ênfase em Imunologia e Onco-Hematologia, atuando principalmente nos seguintes temas: Tuberculose, Leucemias na Infância.

Informações coletadas do Lattes em 04/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em andamento em Genética e Biologia Molecular

2017 - Atual

Universidade Estadual de Campinas
Título: Estabelecimento de um modelo animal de Leucemia Linfoide Aguda B-derivada com mutação oncogênica do IL7R,
José Andres Yunes. Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. Palavras-chave: LLA-B; IL-7R; Ph-like.Grande área: Ciências da Saúde

Mestrado em Doenças Infecciosas e Parasitárias

2013 - 2015

Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Título: Resposta imunológica frente à infeccção pelo Mycobacterium Tuberculosis na população indígena Guaraní-Kaiowa.,Ano de Obtenção: 2015
Julio Henrique Rosa Croda.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: citocinas; tuberculose; indígena; queima.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Epidemiologia.

Especialização em Residência Multiprofissional em Análises Clínicas

2016 - 2017

Hospital Regional de Mato Grosso do Sul Rosa Maria Pedrossian
Título: Immunophenotypic chacacterization and minimal residual disease of childhood leukemia at a public reference hospital in Mato Grosso do Sul
Orientador: Eliane Borges de Almeida
Bolsista do(a): Ministério da Educação, MEC, Brasil.

Graduação em Ciencias Biologicas Bacharelado

2008 - 2011

Universidade Federal da Grande Dourados
Título: Qualidade higiênico-sanitária de alface comercializada em Dourados - MS
Orientador: Juliana Rosa Carrijo Mauad

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2016 - 2016

Treinamento Operacional FACSCaliburTM. (Carga horária: 20h). , BD Biosciences, BD, Brasil.

2015 - 2015

Interpretação de Exames Laboratoriais Teórico e Pratico. (Carga horária: 40h). , Cursos da Saúde, CS, Brasil.

2015 - 2015

Pesquisa Clínica e Citogenética Oncohematológica Infantil. (Carga horária: 40h). , Centro Infantil de Investigações Hematológicas Dr. Domingos A. Boldrini, BOLDRINI, Brasil.

2014 - 2014

Simplificando a Citometria de Fluxo. (Carga horária: 6h). , BD Biosciences, BD, Brasil.

2014 - 2014

Milliplex Luminex Meeting. (Carga horária: 34h). , Merck Sharp & Dohme Farmacêutica, MSD, Brasil.

2013 - 2013

Biologia Molecular para diagnóstico e controle DIP. (Carga horária: 40h). , Embrapa Gado de Corte, EMBRAPA, Brasil.

2011 - 2011

Práticas em Análises Clínicas. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal da Grande Dourados, UFGD, Brasil.

2010 - 2010

Aplicações da Parasitologia em humanos e animais. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal da Grande Dourados, UFGD, Brasil.

2009 - 2009

Ambiente e Doenças Parasitárias. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal da Grande Dourados, UFGD, Brasil.

2008 - 2008

Extensão universitária em Biodiversidade e Ecologia. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal da Grande Dourados, UFGD, Brasil.

2008 - 2008

Zoonoses: Novos Desafios. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal da Grande Dourados, UFGD, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia / Subárea: Imunologia Celular.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

CORRÊA, J. R. . IV Jornada Científica da Pós-Graduação em Doenças Infecciosas e Parasitárias. 2013. (Outro).

Ceccon, S. ; CORRÊA, J. R. . V Encontro de Biologia para alunos do Ensino Fundamental e Médio - Biologia na palma da Mão. 2010. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular. Immunophenotypic chacacterization of childhood leukemia at a public reference hospital in Mato Grosso do Sul. 2016. (Congresso).

I Congresso Estadual do Hospital Regional do Mato Grosso do Sul. 2016. (Congresso).

II Encontro de Residentes em Saúde do Mato Grosso do Sul. 2016. (Encontro).

IV Simposio Multiprofissional do Mato Grosso do Sul. 2016. (Simpósio).

IV Workshop da REDE-TB. 2014. (Encontro).

VII Meeting of SLAMTB. Plasma Level of Th2 Cytokines in Indigenous Population with Pulmonary Tuberculosis. 2014. (Congresso).

V Jornada Científica do Programa de Pós-Graduação Doenças Infecciosas e Parasitarias.Resposta imunológica frente a infeccção pelo M. tuberculosis na população indígena Guarani-Kaiowa. 2014. (Encontro).

XXXIX Congress of the Brazilian Society of Immunology. Differential Cytokine Secretion and Role for IL-5 in Indigenous Population Infected with Mycobacteruim tuberculosis. 2014. (Congresso).

III Workshop da REDE-TB. 2013. (Encontro).

VI Simpósio Sul de Imunologia. 2013. (Simpósio).

XLIX Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical. Associação entre níveis de albumina sérica e a resposta imunológica da tuberculose na população Guarani-Kaiowá. 2013. (Congresso).

XLIX Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical. Fatores de risco associados ao desenvolvimento da tuberculose na população urbana do município de Dourados - MS. 2013. (Congresso).

ENEPE 2012.Prevalência de Enteroparasitoses em Hortaliça in natura no Municipio de Dourados e seu Impacto na Saúde Pública. 2012. (Encontro).

Forum de Vigilância em Saúde. 2012. (Simpósio).

III Semana Acadêmica Integrada de Ciências Biológicas, Ambientais e Biotecnológicas. 2012. (Encontro).

I Simpósio de Imunização. 2012. (Simpósio).

VI Congresso da Sociedade Paulista de Parasitologia. Análise de técnicas para diagnóstico de qualidade higiênico sanitária em alfaces comercializadas em dourados ? MS. 2012. (Congresso).

II Semana Acadêmica Integrada de Ciências Biológicas, Ambientais e Biotecnológicas. 2011. (Encontro).

IV Semana Acadêmica de Gestão Ambiental e I Semana Integrada de Ciências Biológicas e Ambientais UFGD/UEMS. 2010. (Encontro).

Semana Acadêmica da Biologia - Biólogo atuando em suas múltiplas faces no presente para preservar o futuro. 2009. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Tatiane Abrantes Janune Schwingel

CARRIJO MAUAD, Juliana Rosa; RUSSO;SCHWINGEL, Tatiane Abrantes janune. qualidade higienico-sanitaria de alface comercializadas em dourados -ms. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em ciencias biológicas) - Universidade Federal da Grande Dourados.

Inês Aparecida Tozetti

Croda JHR; Romão PRT;TOZETTI, I. A.. Redsposta imunológica frente a infecção pelo M. Tuberculosis na população indígena Guarani-Kaiowa. 2015. Dissertação (Mestrado em Doenças Infecciosas e Parasitárias) - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Inês Aparecida Tozetti

Croda JHR; CASTRO, A. R. C. M.;TOZETTI, I. A.; Andrade SMO. Resposta Imunológica frente a infecção pelo M. tuberculosis na população indígena Guarani-Kaiowa. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Doenças Infecciosas e Parasitárias) - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Juliana Rosa Carrijo Mauad

RUSSO, M. R.; SCHWINGLE, T. J.;Carrijo-Mauad, Juliana R.. Qualidade higienico sanitária de alface comercializadas em Dourados-MS.. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal da Grande Dourados.

Pedro Roosevelt Torres Romão

ROMÃO, P. R. T.; Croda J H R; Tozetti I A. Resposta imunológica frente a infecção pelo M. tuberculosis na população indígena Guarani-Kaiowa.. 2015. Dissertação (Mestrado em Doenças Infecciosas e Parasitárias) - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Márcia Regina Russo

Mauad; Schwingel, T. A. J.;Russo, Márcia Regina. Qualidade higiênico-sanitária de alface comercializadas em Dourados-MS. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal da Grande Dourados.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Paulo César Pereira dos Santos

Avaliação do perfil de citocinas plasmáticas entre indígenas e não-indígenas frente ao Mycobacterium tuberculosis; Início: 2015; Iniciação científica (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal da Grande Dourados, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Laís Loureiro de Freitas

Avaliação do perfil de citocinas plasmáticas entre indígenas e não-indígenas frente ao Mycobacterium tuberculosis; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal da Grande Dourados, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Juliana Ronchi Corrêa;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

José Andrés Yunes

Estabelecimento de um modelo animal de Leucemia Linfoide Aguda B-derivada com mutação oncogênica do IL7R; Início: 2017; Tese (Doutorado em Genética e Biologia Molecular) - Universidade Estadual de Campinas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; (Orientador);

Juliana Rosa Carrijo Mauad

Comparação de duas técnicas parasitológicas para avaliação da qualidade higiênica sanitária de hortaliças comercializadas em Dourados ? MS; ; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal da Grande Dourados, Universidade Federal da Grande Dourados; Orientador: Juliana Rosa Carrijo Mauad;

Julio Henrique Rosa Croda

Resposta imunológica frente a infecção pelo M; Tuberculosis na população indígena Guarani- Kaiowa; 2015; Dissertação (Mestrado em Doenças Infecciosas e Parasitárias) - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Julio Henrique Rosa Croda;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • CORRÊA, J. R. ; SANTOS, P. C. P. ; Carrijo Mauad, J.R . Qualidade Higiênico-Sanitária de Alface (Lactuca sativa) Comercializada em Supermecados em Dourados ? MS. Scientia Agraria (UFPR. Impresso) , v. 13, p. 53-58, 2012.

  • CORRÊA, J. R. ; Carrijo Mauad, J.R ; SANTOS, P. C. P. ; VEZOZZO, R. ; ROSA, Y. P. S. . Prevalência de Enteroparasitoses em Hortaliça in natura no Municipio de Dourados e seu Impacto na Saúde Pública. In: 3º Encontro de Ensino de Graduação, 5º Encontro de Pós-Graduação, 6º Encontro de Iniciação Científica E 6º Encontro de Extensão ? ENEPE UFGD, 2012, Dourados. ENEPE 2012, 2012.

  • CORRÊA, J. R. ; LEME, L. M. M. ; RIGHES, C. S. ; GARCIA, D. V. O. ; ALMEIDA, E. B. . Immunophenotypic chacacterization of childhood leukemia at a public reference hospital in Mato Grosso do Sul. In: Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, 2016, Florianópolis. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, 2016. v. 38.

  • CORRÊA, J. R. ; LIMA, L. C. M. ; BEZERRA, C. H. O. ; FELINI, C. G. ; ARAUJO, M. C. D. S. ; ALMEIDA, G. C. R. ; ALMEIDA, E. B. . Anemia Aplástica Associada a Insuficiência Hepática Aguda Secundária á Infecção por Epstein-Barr Vírus. In: Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, 2016, Florianópolis. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, 2016. v. 38.

  • CORRÊA, J. R. ; CRODA, J. . Plasma Level of Th2 Cytokines in Indigenous Population with Pulmonary Tuberculosis. In: VII Meeting of SLAMTB, 2014, Canela. Anais do VII Meeting of SLAMTB, 2014.

  • CORRÊA, J. R. ; CRODA, J. . Differential Cytokine Secretion and Role for IL-5 in Indigenous Population Infected with Mycobacteruim tuberculosis. In: XXXIX Congress of the Brazilian Society of Immunology, 2014, Buzios. Anais do XXXIX Congress of the Brazilian Society of Immunology, 2014.

  • CORRÊA, J. R. ; SANTOS, P. C. P. ; CAZANTTI, R. F. ; MARTINS, V. S. ; CRODA, J. . Associação entre níveis de albumina sérica e a resposta imunológica da tuberculose na população Guarani-Kaiowá. In: XLIX Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2013, Campo Grande. Anais do XLIX Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2013.

  • CORRÊA, J. R. ; CAZANTTI, R. F. ; MARTINS, V. S. ; Longhi, R.M.P ; CRODA, J. . Fatores de risco associados ao desenvolvimento da tuberculose na população urbana do município de Dourados - MS. In: XLIX Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2013, Campo Grande. Anais do XLIX Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2013.

  • CORRÊA, J. R. ; SANTOS, P. C. P. ; Carrijo Mauad, J.R . Análise de técnicas para diagnóstico de qualidade higiênico sanitária em alfaces comercializadas em dourados ? MS. In: VI Congresso da Sociedade Paulista de Parasitologia, 2012, Pindamonhangaba. VI Congresso da Sociedade Paulista de Parasitologia, 2012.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

MUSSURY, R.M. ; CORRÊA, J. R. . Botânica na Escola. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - Atual

    Estabelecimento de um modelo animal de Leucemia Linfoide Aguda B-derivada com mutação oncogênica do IL7R, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Coordenador / Jose Andres Yunes - Integrante.

  • 2013 - 2015

    Resposta imunológica á infecção pelo M. tuberculosis na população indígena Guarani-Kaiowa, Descrição: A população indígena demonstra uma elevada incidência de tuberculose ativa, chegando a ser dez vezes superior ao coeficiente nacional. Em estudos com outros grupos étnicos a polarização da resposta humoral poderia explicar a alta incidência da doença nesta população, entretanto as condições socioeconômicas podem estar contribuindo em determinado perfil. A relação entre IFN-γ, IL-12, IL-6, TNF-α IL-4, IL-10 produzida é necessária para estudar a modulação da resposta imunológica e na possível elucidação de mecanismos envolvidos na infecção e desenvolvimento da tuberculose. Espera-se fundamentar pesquisas no controle da tuberculose a partir do conhecimento da suscetibilidade imunológica frente ao M. tuberculosis. Fornecer informações inovadoras aos programas de controle de saúde pública no Estado do Mato Grosso do Sul, perante a comparação dos mecanismos de resposta entre indígenas e não indígenas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / Julio Croda - Coordenador., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2013 - 2015

    Estudo multicêntrico da prevalência de tuberculose e HIV na população carcerária do Estado do Mato Grosso do Sul, Descrição: Determinar a prevalência de tuberculose ativa e latente bem como de doenças sexualmente transmissíveis na população carcerária do Estado do Mato Grosso do Sul. Objetivo Específico: 1. Determinar a prevalência de tuberculose ativa e latente na população privada de liberdade do estado do Mato Grosso do Sul. 2. Identificar os fatores de risco associados à tuberculose ativa e latente na privada de liberdade do estado do Mato Grosso do Sul. 3. Identificar de surtos ou clusters espaço-temporais relacionados através da genotipagem de M. Tuberculosis de pacientes com tuberculose na população privada de liberdade do estado do Mato Grosso do Sul. 4. Determinar a prevalência da infecção por HIV na população privada de liberdade do estado do Mato Grosso do Sul. 5. Identificar os fatores de risco associados a infecção por HIV na população carcerária do estado do Mato Grosso do Sul. 6. Determinar a prevalência de tuberculose ativa e latente em servidores penitenciários do estado do Mato Grosso do Sul... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / Julio Henrique Rosa Croda - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Apoio e Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do MS - Auxílio financeiro.

  • 2011 - 2011

    Comparação de duas técnicas parasitológicas para avaliação da qualidade higiênica sanitária de hortaliças comercializadas em Dourados ? MS., Descrição: Estudos revelam que houve aumento de infecções alimentares difundidas por hortaliças, sendo um dos principais veículos disseminadores de estruturas infectantes (Oliveira & Germano, 1992a; Guimarães et al., 2003; Nolla & Cantos, 2005; Silva et al., 2005). Este aumento pode ser resultante de vários fatores, destacando a expansão do comercio internacional de gêneros alimentícios, mudança de hábitos alimentares, consumo extradomiciliar de refeições rápidas e pré-preparadas e o crescimento populacional desordenado nos grandes centros urbanos. Com base nestes aspectos e considerando, sobretudo a carência de informações no município procura-se com este trabalho dados sobre os níveis de contaminação de hortaliças provenientes de supermercado de Dourados, Mato Grosso do Sul.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Coordenador / Juliana Rosa Carrijo Mauad - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2012 - Atual

    Bioprospecção de extratos do Cerrado e Pantanal para o tratamento da tuberculose e HIV e etnofarmacologia no contexto da população indígena Guarani-Kaiowá., Descrição: O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do planeta, contribuindo para utilização de agentes naturais. Porém se é necessário pesquisa com metodologia adequada para implantação dessas plantas medicinais. A tuberculose apresenta sintomas ligados ao HIV, ainda hoje a pesquisa visa ao encontro de produtos naturais ativos contra doenças com alto impacto global como são as doenças coronárias, tumores e aquelas ocasionadas pela ação de microorganismos como parasitas e vírus. Dentro destas últimas, a AIDS tem despertado um particular interesse por suas devastantes consequências e características de epidemia mundial. Deve-se atrelar o conhecimento popular das plantas medicinais com o tratamento de doenças. O tratamento fitoterápico é conhecido pelos indígenas de forma que a comprovação da sua ação pode auxiliar no tratamento da tuberculose, sendo um dos principais problemas na saúde pública indígena. Busca-se avaliar os possíveis efeitos tóxicos de diferentes plantas medicinais utilizando o modelo de rato experimental, quando os efeitos forem comprovados in vitro. Com base nos resultados obtidos poderemos avaliar a atividade inibitória nos casos de tuberculose na população indígena Guarani-Kaiwa, levando em consideração que o Mato Grosso do Sul possui a segunda maior população de indígenas no país.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / SANTOS, P. C. P. - Integrante / Julio Croda - Coordenador.

  • 2012 - Atual

    Bioprospecção de extratos do Cerrado e Pantanal para o tratamento da tuberculose e HIV e etnofarmacologia no contexto da população indígena Guarani-Kaiowá., Descrição: O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do planeta, contribuindo para utilização de agentes naturais. Porém se é necessário pesquisa com metodologia adequada para implantação dessas plantas medicinais. A tuberculose apresenta sintomas ligados ao HIV, ainda hoje a pesquisa visa ao encontro de produtos naturais ativos contra doenças com alto impacto global como são as doenças coronárias, tumores e aquelas ocasionadas pela ação de microorganismos como parasitas e vírus. Dentro destas últimas, a AIDS tem despertado um particular interesse por suas devastantes consequências e características de epidemia mundial. Deve-se atrelar o conhecimento popular das plantas medicinais com o tratamento de doenças. O tratamento fitoterápico é conhecido pelos indígenas de forma que a comprovação da sua ação pode auxiliar no tratamento da tuberculose, sendo um dos principais problemas na saúde pública indígena. Busca-se avaliar os possíveis efeitos tóxicos de diferentes plantas medicinais utilizando o modelo de rato experimental, quando os efeitos forem comprovados in vitro. Com base nos resultados obtidos poderemos avaliar a atividade inibitória nos casos de tuberculose na população indígena Guarani-Kaiwa, levando em consideração que o Mato Grosso do Sul possui a segunda maior população de indígenas no país.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / SANTOS, P. C. P. - Integrante / Julio Croda - Coordenador.

  • 2012 - Atual

    Bioprospecção de extratos do Cerrado e Pantanal para o tratamento da tuberculose e HIV e etnofarmacologia no contexto da população indígena Guarani-Kaiowá., Descrição: O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do planeta, contribuindo para utilização de agentes naturais. Porém se é necessário pesquisa com metodologia adequada para implantação dessas plantas medicinais. A tuberculose apresenta sintomas ligados ao HIV, ainda hoje a pesquisa visa ao encontro de produtos naturais ativos contra doenças com alto impacto global como são as doenças coronárias, tumores e aquelas ocasionadas pela ação de microorganismos como parasitas e vírus. Dentro destas últimas, a AIDS tem despertado um particular interesse por suas devastantes consequências e características de epidemia mundial. Deve-se atrelar o conhecimento popular das plantas medicinais com o tratamento de doenças. O tratamento fitoterápico é conhecido pelos indígenas de forma que a comprovação da sua ação pode auxiliar no tratamento da tuberculose, sendo um dos principais problemas na saúde pública indígena. Busca-se avaliar os possíveis efeitos tóxicos de diferentes plantas medicinais utilizando o modelo de rato experimental, quando os efeitos forem comprovados in vitro. Com base nos resultados obtidos poderemos avaliar a atividade inibitória nos casos de tuberculose na população indígena Guarani-Kaiwa, levando em consideração que o Mato Grosso do Sul possui a segunda maior população de indígenas no país.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / SANTOS, P. C. P. - Integrante / Julio Croda - Coordenador.

  • 2012 - Atual

    Bioprospecção de extratos do Cerrado e Pantanal para o tratamento da tuberculose e HIV e etnofarmacologia no contexto da população indígena Guarani-Kaiowá., Descrição: O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do planeta, contribuindo para utilização de agentes naturais. Porém se é necessário pesquisa com metodologia adequada para implantação dessas plantas medicinais. A tuberculose apresenta sintomas ligados ao HIV, ainda hoje a pesquisa visa ao encontro de produtos naturais ativos contra doenças com alto impacto global como são as doenças coronárias, tumores e aquelas ocasionadas pela ação de microorganismos como parasitas e vírus. Dentro destas últimas, a AIDS tem despertado um particular interesse por suas devastantes consequências e características de epidemia mundial. Deve-se atrelar o conhecimento popular das plantas medicinais com o tratamento de doenças. O tratamento fitoterápico é conhecido pelos indígenas de forma que a comprovação da sua ação pode auxiliar no tratamento da tuberculose, sendo um dos principais problemas na saúde pública indígena. Busca-se avaliar os possíveis efeitos tóxicos de diferentes plantas medicinais utilizando o modelo de rato experimental, quando os efeitos forem comprovados in vitro. Com base nos resultados obtidos poderemos avaliar a atividade inibitória nos casos de tuberculose na população indígena Guarani-Kaiwa, levando em consideração que o Mato Grosso do Sul possui a segunda maior população de indígenas no país.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / SANTOS, P. C. P. - Integrante / Julio Croda - Coordenador.

  • 2012 - Atual

    Bioprospecção de extratos do Cerrado e Pantanal para o tratamento da tuberculose e HIV e etnofarmacologia no contexto da população indígena Guarani-Kaiowá., Descrição: O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do planeta, contribuindo para utilização de agentes naturais. Porém se é necessário pesquisa com metodologia adequada para implantação dessas plantas medicinais. A tuberculose apresenta sintomas ligados ao HIV, ainda hoje a pesquisa visa ao encontro de produtos naturais ativos contra doenças com alto impacto global como são as doenças coronárias, tumores e aquelas ocasionadas pela ação de microorganismos como parasitas e vírus. Dentro destas últimas, a AIDS tem despertado um particular interesse por suas devastantes consequências e características de epidemia mundial. Deve-se atrelar o conhecimento popular das plantas medicinais com o tratamento de doenças. O tratamento fitoterápico é conhecido pelos indígenas de forma que a comprovação da sua ação pode auxiliar no tratamento da tuberculose, sendo um dos principais problemas na saúde pública indígena. Busca-se avaliar os possíveis efeitos tóxicos de diferentes plantas medicinais utilizando o modelo de rato experimental, quando os efeitos forem comprovados in vitro. Com base nos resultados obtidos poderemos avaliar a atividade inibitória nos casos de tuberculose na população indígena Guarani-Kaiwa, levando em consideração que o Mato Grosso do Sul possui a segunda maior população de indígenas no país.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / SANTOS, P. C. P. - Integrante / Julio Croda - Coordenador.

  • 2012 - 2015

    Bioprospecção de extratos do Cerrado e Pantanal para o tratamento da tuberculose e HIV e etnofarmacologia no contexto da população indígena Guarani-Kaiowá., Descrição: O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do planeta, contribuindo para utilização de agentes naturais. Porém se é necessário pesquisa com metodologia adequada para implantação dessas plantas medicinais. A tuberculose apresenta sintomas ligados ao HIV, ainda hoje a pesquisa visa ao encontro de produtos naturais ativos contra doenças com alto impacto global como são as doenças coronárias, tumores e aquelas ocasionadas pela ação de microorganismos como parasitas e vírus. Dentro destas últimas, a AIDS tem despertado um particular interesse por suas devastantes consequências e características de epidemia mundial. Deve-se atrelar o conhecimento popular das plantas medicinais com o tratamento de doenças. O tratamento fitoterápico é conhecido pelos indígenas de forma que a comprovação da sua ação pode auxiliar no tratamento da tuberculose, sendo um dos principais problemas na saúde pública indígena. Busca-se avaliar os possíveis efeitos tóxicos de diferentes plantas medicinais utilizando o modelo de rato experimental, quando os efeitos forem comprovados in vitro. Com base nos resultados obtidos poderemos avaliar a atividade inibitória nos casos de tuberculose na população indígena Guarani-Kaiwa, levando em consideração que o Mato Grosso do Sul possui a segunda maior população de indígenas no país.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / SANTOS, P. C. P. - Integrante / Julio Croda - Coordenador.

  • 2012 - 2015

    Bioprospecção de extratos do Cerrado e Pantanal para o tratamento da tuberculose e HIV e etnofarmacologia no contexto da população indígena Guarani-Kaiowá., Descrição: O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do planeta, contribuindo para utilização de agentes naturais. Porém se é necessário pesquisa com metodologia adequada para implantação dessas plantas medicinais. A tuberculose apresenta sintomas ligados ao HIV, ainda hoje a pesquisa visa ao encontro de produtos naturais ativos contra doenças com alto impacto global como são as doenças coronárias, tumores e aquelas ocasionadas pela ação de microorganismos como parasitas e vírus. Dentro destas últimas, a AIDS tem despertado um particular interesse por suas devastantes consequências e características de epidemia mundial. Deve-se atrelar o conhecimento popular das plantas medicinais com o tratamento de doenças. O tratamento fitoterápico é conhecido pelos indígenas de forma que a comprovação da sua ação pode auxiliar no tratamento da tuberculose, sendo um dos principais problemas na saúde pública indígena. Busca-se avaliar os possíveis efeitos tóxicos de diferentes plantas medicinais utilizando o modelo de rato experimental, quando os efeitos forem comprovados in vitro. Com base nos resultados obtidos poderemos avaliar a atividade inibitória nos casos de tuberculose na população indígena Guarani-Kaiwa, levando em consideração que o Mato Grosso do Sul possui a segunda maior população de indígenas no país.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / SANTOS, P. C. P. - Integrante / Julio Croda - Coordenador.

  • 2012 - 2015

    Bioprospecção de extratos do Cerrado e Pantanal para o tratamento da tuberculose e HIV e etnofarmacologia no contexto da população indígena Guarani-Kaiowá., Descrição: O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do planeta, contribuindo para utilização de agentes naturais. Porém se é necessário pesquisa com metodologia adequada para implantação dessas plantas medicinais. A tuberculose apresenta sintomas ligados ao HIV, ainda hoje a pesquisa visa ao encontro de produtos naturais ativos contra doenças com alto impacto global como são as doenças coronárias, tumores e aquelas ocasionadas pela ação de microorganismos como parasitas e vírus. Dentro destas últimas, a AIDS tem despertado um particular interesse por suas devastantes consequências e características de epidemia mundial. Deve-se atrelar o conhecimento popular das plantas medicinais com o tratamento de doenças. O tratamento fitoterápico é conhecido pelos indígenas de forma que a comprovação da sua ação pode auxiliar no tratamento da tuberculose, sendo um dos principais problemas na saúde pública indígena. Busca-se avaliar os possíveis efeitos tóxicos de diferentes plantas medicinais utilizando o modelo de rato experimental, quando os efeitos forem comprovados in vitro. Com base nos resultados obtidos poderemos avaliar a atividade inibitória nos casos de tuberculose na população indígena Guarani-Kaiwa, levando em consideração que o Mato Grosso do Sul possui a segunda maior população de indígenas no país.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / SANTOS, P. C. P. - Integrante / Julio Croda - Coordenador.

  • 2012 - 2015

    Bioprospecção de extratos do Cerrado e Pantanal para o tratamento da tuberculose e HIV e etnofarmacologia no contexto da população indígena Guarani-Kaiowá., Descrição: O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do planeta, contribuindo para utilização de agentes naturais. Porém se é necessário pesquisa com metodologia adequada para implantação dessas plantas medicinais. A tuberculose apresenta sintomas ligados ao HIV, ainda hoje a pesquisa visa ao encontro de produtos naturais ativos contra doenças com alto impacto global como são as doenças coronárias, tumores e aquelas ocasionadas pela ação de microorganismos como parasitas e vírus. Dentro destas últimas, a AIDS tem despertado um particular interesse por suas devastantes consequências e características de epidemia mundial. Deve-se atrelar o conhecimento popular das plantas medicinais com o tratamento de doenças. O tratamento fitoterápico é conhecido pelos indígenas de forma que a comprovação da sua ação pode auxiliar no tratamento da tuberculose, sendo um dos principais problemas na saúde pública indígena. Busca-se avaliar os possíveis efeitos tóxicos de diferentes plantas medicinais utilizando o modelo de rato experimental, quando os efeitos forem comprovados in vitro. Com base nos resultados obtidos poderemos avaliar a atividade inibitória nos casos de tuberculose na população indígena Guarani-Kaiwa, levando em consideração que o Mato Grosso do Sul possui a segunda maior população de indígenas no país.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / SANTOS, P. C. P. - Integrante / Julio Croda - Coordenador.

  • 2012 - 2015

    Bioprospecção de extratos do Cerrado e Pantanal para o tratamento da tuberculose e HIV e etnofarmacologia no contexto da população indígena Guarani-Kaiowá., Descrição: O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do planeta, contribuindo para utilização de agentes naturais. Porém se é necessário pesquisa com metodologia adequada para implantação dessas plantas medicinais. A tuberculose apresenta sintomas ligados ao HIV, ainda hoje a pesquisa visa ao encontro de produtos naturais ativos contra doenças com alto impacto global como são as doenças coronárias, tumores e aquelas ocasionadas pela ação de microorganismos como parasitas e vírus. Dentro destas últimas, a AIDS tem despertado um particular interesse por suas devastantes consequências e características de epidemia mundial. Deve-se atrelar o conhecimento popular das plantas medicinais com o tratamento de doenças. O tratamento fitoterápico é conhecido pelos indígenas de forma que a comprovação da sua ação pode auxiliar no tratamento da tuberculose, sendo um dos principais problemas na saúde pública indígena. Busca-se avaliar os possíveis efeitos tóxicos de diferentes plantas medicinais utilizando o modelo de rato experimental, quando os efeitos forem comprovados in vitro. Com base nos resultados obtidos poderemos avaliar a atividade inibitória nos casos de tuberculose na população indígena Guarani-Kaiwa, levando em consideração que o Mato Grosso do Sul possui a segunda maior população de indígenas no país.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / SANTOS, P. C. P. - Integrante / Julio Croda - Coordenador.

  • 2012 - 2015

    Bioprospecção de extratos do Cerrado e Pantanal para o tratamento da tuberculose e HIV e etnofarmacologia no contexto da população indígena Guarani-Kaiowá., Descrição: O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do planeta, contribuindo para utilização de agentes naturais. Porém se é necessário pesquisa com metodologia adequada para implantação dessas plantas medicinais. A tuberculose apresenta sintomas ligados ao HIV, ainda hoje a pesquisa visa ao encontro de produtos naturais ativos contra doenças com alto impacto global como são as doenças coronárias, tumores e aquelas ocasionadas pela ação de microorganismos como parasitas e vírus. Dentro destas últimas, a AIDS tem despertado um particular interesse por suas devastantes consequências e características de epidemia mundial. Deve-se atrelar o conhecimento popular das plantas medicinais com o tratamento de doenças. O tratamento fitoterápico é conhecido pelos indígenas de forma que a comprovação da sua ação pode auxiliar no tratamento da tuberculose, sendo um dos principais problemas na saúde pública indígena. Busca-se avaliar os possíveis efeitos tóxicos de diferentes plantas medicinais utilizando o modelo de rato experimental, quando os efeitos forem comprovados in vitro. Com base nos resultados obtidos poderemos avaliar a atividade inibitória nos casos de tuberculose na população indígena Guarani-Kaiwa, levando em consideração que o Mato Grosso do Sul possui a segunda maior população de indígenas no país.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Juliana Ronchi Corrêa - Integrante / SANTOS, P. C. P. - Integrante / Julio Croda - Coordenador.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2017 - Atual

    Centro Infantil de Investigações Hematológicas Dr. Domingos A. Boldrini

    Vínculo: , Enquadramento Funcional:

  • 2016 - Atual

    Hospital Regional de Mato Grosso do Sul Rosa Maria Pedrossian

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bióloga Residente em Análises Clínicas, Carga horária: 60, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2015 - 2016

    Centro de Tratamento Onco-Hematológico Infantil

    Vínculo: Setor Privado, Enquadramento Funcional: Analista de Laboratório, Carga horária: 32

    Outras informações:
    Atividades: Correr e corar lâminas de hemograma e mielograma; Coleta de dados para informações de prontuários de pesquisa; Fazer pesquisa de prontuários para o Programa de Diagnóstico Precoce e Cadastro de Leucemias (GBTLI); Envio de materiais para laboratórios externos, acompanhar recebimento e resultados; Rotinas de boas práticas laboratoriais.

  • 2015 - 2015

    JKALB Química Diagnóstica e Segurança Ltda.

    Vínculo: Servidor Privado, Enquadramento Funcional: Especialista de Produtos, Carga horária: 44

    Outras informações:
    Assessoria Científica em Análises Clínicas

  • 2013 - 2015

    Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

    Vínculo: Aluna de Pós-Graduação, Enquadramento Funcional: Mestranda, Carga horária: 40

  • 2011 - 2011

    Universidade Estadual de Campinas

    Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Rotina do laboratório em geral (Lavagem, armazenamento e esterilização do material). Aprendizado da utilização correta de aparelhos do laboratório (autoclave, pH metro, balança, centrifuga, fluxo laminar, leitor de ELISA. Pipetas e Micropipetas. Preparo de soluções (PBS) e tampões. Esquema de imunização. Preparo de antígenos e obtenção de soro imune. Ensaio ELISA. Obtenção do lavado peritoneal. Determinação da concentração celular e da viabilidade celular. Diluição. Efetuar lâminas de citocentrifuga. Coloração de células. Quantificação das populações celulares. Teste de Colesterol. Imunohistoquima. Extração de RNA.

  • 2011 - 2011

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estagiaria, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Separação de PBMC (histopaque) Congelamento e Descongelamento de Células Cultura Celular Estimulação Celular ELISA sanduíche

  • 2012 - 2013

    Universidade Federal da Grande Dourados

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Desenvolvimento Tecnológico e Industrial, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2010 - 2011

    Universidade Federal da Grande Dourados

    Vínculo: Bolsita, Enquadramento Funcional: Bolsista Capes - PIBID, Carga horária: 20