Maureen Cristina Martins dos Santos

Cientista Política e ecologista. Coordenadora do Grupo Nacional de Assessoria da FASE - Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional. É professora do quadro complementar da graduação e mestrado profissional em Relações Internacionais do Instituto de Relações Internacionais da PUC-Rio e coordenadora da Plataforma Socioambiental do BRICS Policy Center. Possui mestrado em Ciência Política pelo IFCS/UFRJ (2007) e graduação em Relações Internacionais pela Universidade Estácio de Sá (2002). Nas últimas duas décadas dedicou sua atuação à educação popular, construção de redes e articulações sobre comércio internacional, integração regional, meio ambiente e mudanças climáticas. Participa como observadora das negociações da Conferencia das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (UNFCCC) desde 2008, em especial os temas relativos a mudanças do uso do solo (florestas e agricultura). Compôs a equipe de pesquisadores do estudo sobre mudanças climáticas e segurança alimentar, do High Level Panel of Food Security da FAO - Organização das Nações Unidas para Agricultura. Foi organizadora dos Atlas da Carne e Atlas do Agronegócio, publicados pela Fundação Heinrich Böll, da qual foi coordenadora do Programa de Justiça Socioambiental da Fundação Heinrich Böll Brasil, no período de 2013-2020.

Informações coletadas do Lattes em 19/02/2024

Acadêmico

Formação acadêmica

Mestrado em Ciência Política

2005 - 2007

Universidade Federal do Rio de Janeiro
Título: O MERCOSUL ENTRE DISCURSO E PRÁTICA: DESAFIOS PARA A IMPLEMENTAÇÃO DE UM PROJETO POLÍTICO, Ano de Obtenção: 2007
Franklin Trein.Palavras-chave: MERCOSUL; MERCOSUL, TEORIAS DA INTEGRAÇÃO REGIONAL.Grande área: Ciências HumanasGrande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: INTEGRAÇÃO REGIONAL.

Graduação em RELAÇÕES INTERNACIONAIS

1998 - 2002

Universidade Estácio de Sá
Título: A IMPORTÂNCIA DA INFRA-ESTRUTURA LOGÍSTICA PARA OS PROCESSOS DE INTEGRAÇÃO DO BRASIL COM O CONE SUL
Orientador: MÔNICA PORTO

Formação complementar

2003 - 2005

MBA em NEGOCIAÇÕES INTERNACIONAIS. , Universidade Candido Mendes, UCAM, Brasil.

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Francês

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Meio Ambiente.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Mudanças climáticas.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Relações Internacionais, Bilaterais e Multilaterais.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Organizações Internacionais.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: INTEGRAÇÃO REGIONAL.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Comércio Internacional.

Organização de eventos

SANTOS, M. C. M. ; Jorge Eduardo Saavedra Durão . FÓRUM FRANCO-BRASILEIRO DA SOCIEDADE CIVIL ANO DO BRASIL NA FRANÇA. 2005. (Outro).

Participação em eventos

COP 26.Net Zero is not Zero. 2021. (Outra).

COP 24.False solutions on climate crisis. 2018. (Outra).

COP 23.Flexibilização da legislação socioambiental brasileira. 2017. (Oficina).

COP 13 Convenção de Diversidade Biológica.A financeirização da natureza, clima e geoengenharia. 2016. (Oficina).

COP 22.As NDCs brasileiras. 2016. (Outra).

COP 21.Monitoramento das negociações da COP 21. 2015. (Outra).

PARTICIPAIÓN SINDICAL EN EL PROCESO DE LA COP 21 Y MOVILAZIONES FRENTE AL CAMBIO CLIMÁTICO ? PARIS 2015.El proceso de negociación oficial y las prioridades sindicales hacia la COP 21. 2015. (Oficina).

Semana de Relações Internacionais.COP 21: From Paris and Beyond. 2015. (Seminário).

Zona de Ação Climática.Brazilian INDCs and the deforestation challenge. 2015. (Seminário).

COP 20.COP 20 e Cupula dos Povos. 2014. (Outra).

Peoples Climate Justice Summit.Towards COP 20. 2014. (Encontro).

Cúpula dos Povos da Rio+20.Sistematização do Painel II: Defesa dos bens comuns e direitos territoriais. 2012. (Encontro).

Coloquio Internacional sobre la crisis climática: De Cancun a Durban y Rio+20.Rumo a Cupula dos Povos da Rio+20. 2011. (Simpósio).

COP 17.Pela Justiça Climática e em defesa dos bens comuns. 2011. (Outra).

COP 16.Mulheres na Luta por Justiça Ambiental e Climática. 2010. (Outra).

COP 15 - UNFCCC.Vozes do Sul. 2009. (Outra).

COP 14 - Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas.Participação nas negociações sobre mudanças climáticas. 2008. (Outra).

Cúpula dos Povos Iberoamericanos.Democracia e participação social no Mercosul. 2007. (Outra).

Produção Social do Habitat ? Estratégias para a Eliminação da Moradia Infra-Humana no Contexto da América Latina.Estratégias organizativas para a promoção e implementação da Produção Social do Habitat - ponto de vista da integração regional. 2006. (Seminário).

Negociações Internacionais de Comércio: o direito de proteger a agricultura familiar e camponesa.O setor de serviços na promoção do desenvolvimento rural. 2005. (Seminário).

Seminário Jovens Sindicalistas.Acordos de Livre Comércio e integração nas Américas. 2004. (Seminário).

Nairobi GATS Meeting.Understanding the requests made to Brazil in the GATS 2000 negotiations. 2003. (Oficina).

Participação em bancas

SANTOS, M.. Premio Gerson Moura: eixo Cooperação e Desenvolvimento. 2013. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

Comissão julgadora das bancas

[Nome removido após solicitação do usuário]

FRANKLIN TREIN. MERCOSUL entre Discurso e Prática: desafios para a implementação de um Projeto político. 2007. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Williams da Silva Gonçalves

GONÇALVES, Williams da Silva; Pereira, A. C. Alves; TREIN, F.. Mercosul entre discurso e prática: desafios para a implementação de um projeto político. 2007. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Antonio Celso Alves Pereira

PEREIRA, A. C. A.. O Mercosul entre o discurso e prática: desafios para a implementação de um projeto político. 2007. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Orientou

Mariana Bonito Bernal

Sustentabilidade na Política Internacional da Moda: Uma análise crítica acerca do discurso do consumo consciente; 2019; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro; Orientador: Maureen Cristina Martins dos Santos;

Julia Rosa Ferreira

O problema do lixo eletrônico no mundo: Discussões acerca do consumo, regulação e o caso de Gana; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro; Orientador: Maureen Cristina Martins dos Santos;

Lucas Manuel Machado

REM, REDD+ e Teoria Ator-Rede: trajetórias e representação das florestas; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro; Orientador: Maureen Cristina Martins dos Santos;

Filipe Teixeira de Carvalho

Governança ambiental Global: uma abordagem teórica para a resolução da crise ambiental; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro; Orientador: Maureen Cristina Martins dos Santos;

Pedro Frias Chaves

A Efetividade dos Protocolos de Montreal e de Quioto: Uma análise comparativa; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro; Orientador: Maureen Cristina Martins dos Santos;

Fernanda Castiglioni Alves Teixeira e Silva

Uma Análise da Política Externa Brasileira nas Negociações do Mecanismo do TEEB com base nas interações entre os processos domésticos e internacionais; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro; Orientador: Maureen Cristina Martins dos Santos;

Igor Fernandes Oliveira Ventura de Almeida

Análise da Política Externa Brasileira nas negociações do REDD+; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro; Orientador: Maureen Cristina Martins dos Santos;

Isabela Fernandes Béllo

A crise na União Europeia e a adoção de novos parâmetros econômicos e socioambientais; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro; Orientador: Maureen Cristina Martins dos Santos;

Foi orientado por

Monica da Silva Marcondes Porto

A Importância da Infra-Estrutura Logística para os Processos de Integração do Brasil com o Cone Sul; 2002; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Estácio de Sá; Orientador: Monica da Silva Marcondes Porto;

Produções bibliográficas

  • SANTOS, Maureen ; PONTES, E. . O acordo UE-Mercosul e o Cerrado. LE MONDE DIPLOMATIQUE (BRASIL) , v. 14, p. 36, 2021.

  • TURA, Letícia ; SANTOS, Maureen . COP26: velhas estratégias, novas falsas soluções. LE MONDE DIPLOMATIQUE (BRASIL) , v. x, p. 1, 2021.

  • SANTOS, Maureen ; ALVES, Fabiana. . O comércio de emissões e sua regulação internacional e no Brasil. JOTA , v. 1, p. 1, 2019.

  • SANTOS, M. . Agricultura climáticamente inteligente: qué hay detrás?. Alianza Biodiversidad , v. 1, p. 101-104, 2012.

  • SANTOS, M. C. M. . Mudanças Climáticas: impactos e políticas no Brasil. Proposta (Rio de Janeiro) , v. ano 35, p. 30-33, 2010.

  • SANTOS, M. C. M. ; Clarisse Castro . Negociações do Acordo Birregional Mercosul-União Européia. Pontes Entre o Comércio e o Desenvolvimento Sustentável (Impresso) , v. 1, p. 18-20, 2005.

  • SANTOS, Maureen ; GLASS, Verena (Org.) . Atlas do Agronegócio: fatos e números sobre as corporações que controlam o que comemos. 1. ed. Rio de Janeiro: Fundação Heinrich Böll, 2018. v. 10.500. 58p .

  • SANTOS, M. C. M. . Integração e Territórios: Alternativas para uma integração dos povos. Rio de Janeiro: Grafitto Gráfica, 2007. v. 1. 66p .

  • SANTOS, Maureen . Verbete: Agroecologia nas Nações Unidas. In: DIAS, Alexandre P.; MOURA, Luiz; STAUFFER, A.R; VARGAS, M.C.. (Org.). Dicionário de Agroecologia e Educação. 1ed.São Paulo: Expressão Popular, 2021, v. , p. 73-78.

  • SANTOS, Maureen . A onda de biodegradáveis no Brasil. In: Montenegro, Marcelo; Vianna, Manuela; Bispo, Daisy. (Org.). Atlas do Plástico: fatos e números sobre o mundo dos polìmeros sintéticos. 1ªed.Rio de Janeiro: Fundação Heinrich Böll, 2020, v. 1, p. 40-41.

  • SANTOS, Maureen . Do fake saudável à gourmetização. In: SANTOS, Maureen; GLASS, Verena. (Org.). Atlas do Agronegócio: Fatos e números sobre as corporações que controlam o que comemos. Ied.Rio de Janeiro: Fundação Heinrich Böll, 2018, v. 1, p. 4-58.

  • Mov. Nacional de Direitos Humanos ; TRENTIN, M. ; SANTOS, M. . Direito Humano ao Meio Ambiente. In: Movimento Nacional de Direitos Humanos et. al.. (Org.). Direitos humanos no Brasil 3: diagnósticos e perspectivas. 1ed.Passo Fundo: IFIBE, 2012, v. I, p. 05-463.

  • SANTOS, Maureen . Conheça a COP, convenção do clima que não será mais no Brasil. Época, Rio de Janeiro, 04 dez. 2018.

  • SANTOS, Maureen . Política Externa Brasileira Interina: diplomacia sob nova direção. Carta Capital, página eletrônica da revista, 17 jun. 2016.

  • SANTOS, Maureen . Entenda a COP 21 e as disputas em jogo. Carta Capital, internet, 09 abr. 2015.

  • SANTOS, M. C. M. . A Retomada da OMC. Brasil de Fato, São Paulo, p. Debate - pg. 13 - 13, 23 fev. 2006.

  • Dot Keet ; Tetteh Hormeku ; Clare Joy ; SANTOS, M. C. M. ; entre outros . Three years on: Global reactions to the GATS 2000 negotiations. In: Nairobi GATS Meeting, 2003, Nairobi. Three years on: Global reactions to the GATS 2000 negotiations. Nairobi: EcoNews Africa , SEATINI, TWN Africa, 2003. p. 30-32.

  • SANTOS, M. . Brazilian context and what are the critical elements in creating a global narrative?. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, Maureen . Justiça ambiental e economia dos comuns frente a economia verde e o desenvolvimento sustentável. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, Maureen . Green economy and Rio+20 summit. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, M. C. M. ; Julianna Malerba . Mulheres na Luta por Justiça Ambiental e Climática. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, M. C. M. . Democracia e Participação Social no Mercosul. 2007. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • SANTOS, M. C. M. ; Leonardo Wester . O Setor de Investimentos da OMC. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • URBAN, M. ; SANTOS, Maureen . 25 PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE O ACORDO UE-MERCOSUL. Madrid, 2021. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

  • KUCHARZ, T. ; SANTOS, M. . 25 PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE O ACORDO UE-MERCOSUL. Madrid: OMAL, 2021. (Tradução/Outra).

  • SANTOS, Maureen ; MATTOS, Beatriz R. B. . Brasiliens Nationale Wachstumsstrategie und die Ziele für nachhaltige Entwicklung 2017 (Artigo).

  • SANTOS, Maureen ; MATTOS, B. . Brazilian Comprehensive Growth Strategy. Berlin: Heinrich-Böll-Stiftung, 2017 (Artigo).

  • SANTOS, M. ; ESTEVES, P. L. ; AMORIM, A. . Resultados da COP 21 e a participação do BASIC. Rio de Janeiro: PUC, 2016 (Artigo).

  • CHEMNITZ, C. ; SCHLESINGER, S. ; STANCICH, E. ; JROLOVIC, F. ; WETTER, K. J. ; BENNING, R. ; SEBASTIAN, M. ; JENSEN, A. ; FARMA, Shefali. ; HANSEN-KUHN, K. ; SANTOS, M. . Atlas da Carne: fatos e números sobre os animais que comemos. Rio de Janeiro: Heinrich Boll Foundation, 2016 (Livro (organizadora)).

  • MATTOS, B. ; SANTOS, Maureen ; MORALES, P. ; AMORIM, A. . Os BRICS Rumo à COP 21. Rio de Janeiro: PUC, 2015 (Artigo).

  • SANTOS, M. ; TURA, Letícia ; TEIXEIRA, Maiana M. . Visões Alternativas ao Pagamento por Serviços Ambientais II. Rio de Janeiro: FASE, Grupo Carta de Belém, 2014 (Livro (organizadora)).

  • SANTOS, M. ; FASE . Visões Alternativas ao Pagamento por Serviços Ambientais. Rio de Janeiro: FASE, 2013 (Livro (organizadora)).

  • SANTOS, M. . Agricultura climaticamente inteligente: o que há por detrás? 2012 (Artigo).

  • SANTOS, M. . Agricultura climáticamente inteligente: qué hay detrás?. La Paz, Bolivia: FOBOMADE, 2012 (Artigo).

  • Kjeld Jakobsen ; Alexandre de Freitas Barbosa ; SANTOS, M. C. M. . Negociações de serviços da OMC: riscos do aprofundamento da abertura para o Brasil. Rio de Janeiro: REBRIP/Sol Gráfica, 2007 (Livro (organizadora)).

  • José María Gomez ; Gustavo Codas ; Bérengère Quincy ; Sérgio Haddad ; Jorge Eduardo Saavedra Durão ; SANTOS, M. C. M. ; entre outros . Diplomacia não governamental: a intervenção das ONGs num sistema internacional em crise. São Paulo: Abong e Coordination SUD, 2007 (Livro (organização)).

  • SANTOS, M. C. M. . Integração Regional na América Latina: subsídios para debater a integração dos povos. Rio de Janeiro: REBRIP/ASC, 2006 (Cartilha).

  • Dot Keet ; Tetteh Hormeku ; Clare Joy ; SANTOS, M. C. M. ; entre outros . Three years on: Global reactions to the GATS 2000 negotiations. Nairobi, Zimbabwe, Gana: EcoNews Africa, SEATINI, Third World Network Africa, 2003 (Artigo).

Outras produções

SWAMINATHAN, H. ; NELSON, G. ; SANTOS, Maureen ; HASSAN, R. ; CAI, Z. ; GODFRAY, C. . Food Security and Climate Change. 2012.

SANTOS, Maureen . As cláusulas ambientais entre UE e Mercosul. 2019.

SANTOS, Maureen . Soluções individuais não mudam o meio ambiente por NINJA. 2019. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, Maureen . Atlas do Agronegócio revela a complexa cadeia do setor agroindustrial. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, Maureen . Sem Censura. 2018. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

SANTOS, Maureen . Maureen Santos: ?Não resolveremos a poluição nos oceanos sem falar do petróleo?. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, Maureen . Os impactos da produção e consumo de carne | Bela Gil entrevista Maureen Santos (Atlas da Carne). 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, Maureen . COP 22 será marcada pela euforia do Acordo de Paris. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, Maureen . Acordo de Paris não traz mudanças práticas. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, Maureen . Carbono florestal provoca racha entre ONGs na COP 22. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

SANTOS, M. . Acordo de Paris pode estar em risco com vitória de Donald Trump nos Estados Unidos. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, Maureen . Discussão de financiamento da negociação na COP 22 não foi finalizada de forma satisfatória. 2016.

SANTOS, Maureen ; RAMALHO, André ; AYRIMORAES, S. . Água no mundo. 2016.

SANTOS, Maureen . Educação Ambiental. 2016.

SANTOS, Maureen . Atlas da carne - Conexão Futura. 2016.

SANTOS, Maureen . Um balanço da COP 20. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, Maureen . Pagamento por Serviços Ambientais. 2015.

SANTOS, M. . COP 21 e o desafio de equacionar as metas nacionais. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, M. . Metas Brasileiras para a COP 21. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, M. . Educação Ambiental. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, M. . Metas brasileiras para a COP-21: ?esquecemos de debater o modelo de desenvolvimento?. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, Maureen . COP-21 e o desafio de equacionar as metas nacionais. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, Maureen . Um ambientalismo para além das soluções econômicas. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, M. . ?Desenvolvimento Limpo? em xeque. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, M. . COP 17: um compromisso político. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, M. . COP-17: um compromisso político. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, M. . Os riscos dos Acordos de Associação entre Europa e América Latina. 2010. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

SANTOS, M. . Vozes do Clima Brasil. 2011. (Blog).

SANTOS, M. ; FASE ; ALMEIDA, Igor . Mecanismo de Desenvolvimento Limpo no Brasil. 2012. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

NELSON, G. ; CAI, Z. ; HASSAN, R. ; GODFRAY, C. ; SWAMINATHAN, H. ; SANTOS, M. C. M. . Climate Change and Food Security. 2012. (Relatório de pesquisa).

SANTOS, M. . Mini-curso sobre Meio Ambiente e Mudanças Climáticas. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

SANTOS, M. . Mini-curso de Meio Ambiente e Mudanças Climáticas. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

SANTOS, Maureen . Compilación de los documentos de posición y análisis sobre integración regional producidos por los movimientos y organizaciones sociales. 2008. (Compilación).

FASE ; Julianna Malerba ; SANTOS, M. C. M. . Mulheres na Luta por Justiça Ambiental e Climática. 2010. Vídeo.

Maureen Santos ; Marcelo Calazans ; Ricardo Sá ; SANTOS, M. C. M. . Vozes do Clima. 2009. Vídeo.

Projetos de pesquisa

  • 2021 - 2021

    Produção de conhecimento sobre agenda global climática e de biodiversidade, Descrição: Pesquisar e produzir informação de qualidade e acessível sobre agendas globais ambientais e climáticas relevantes para o segundo semestre de 2021, por meio de construção de conteúdos diversos que contribuam para a promoção de conhecimento e fomentem o debate público.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Maureen Cristina Martins dos Santos - Coordenador / Beatriz Rodrigues Bessa Mattos - Integrante / Carolina Barroso Alves - Integrante / Maria Beatriz Peixoto Mello - Integrante.

  • 2020 - 2021

    Governança Policêntrica no Sul Global, Descrição: Debater e refletir acerca do tema da governança policêntrica e buscar novas parcerias com outras instituições. Elaborar estudos sobre o tema.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Maureen Cristina Martins dos Santos - Coordenador / Beatriz Rodrigues Bessa Mattos - Integrante / Carolina Barroso Alves - Integrante / Maria Beatriz Peixoto Mello - Integrante.

  • 2016 - 2017

    Streigthening Emerging Financial Institutions Safeguards, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Maureen Cristina Martins dos Santos - Integrante / Paulo Luiz Esteves - Coordenador / Beatriz Rodrigues Bessa Mattos - Integrante / Maria Elena Rodriguez - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Plataforma Socioambiental, Descrição: A Plataforma Socioambiental é um programa do BRICS Policy Center que funciona como espaço de aprendizagem e troca de conhecimento cujos projetos se dedicam à pesquisa e à promoção de debates sobre diferentes temas como mudanças climáticas, regimes ambientais internacionais, modelo de desenvolvimento e desigualdades, entre outros. A Plataforma vem trabalhando na produção de estudos, análises e publicações, e a promoção de debates de qualidade entre diferentes setores da sociedade em temas relacionados a políticas socioambientais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Maureen Cristina Martins dos Santos - Coordenador / Beatriz Mattos - Integrante / Paulo Luiz Esteves - Integrante / Carolina Barroso Alves - Integrante / Diogo Grion Viana - Integrante / Julia Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 2015 - 2016

    BRICS e Clima, Descrição: O projeto é um piloto para criação de uma programa de pesquisas sobre o tema socioambiental no âmbito do BRICS Policy Center, coordenado pelo Instituto de Relaçoes Internacionais da PUC-Rio.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Maureen Cristina Martins dos Santos - Integrante / Beatriz Mattos - Integrante / Paulo Luiz Esteves - Coordenador / Paula Morales - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

Histórico profissional

Experiência profissional

2020 - Atual

Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Coordenadora do Núcleo Nacional de Assessoria, Carga horária: 40

2003 - 2013

Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional

Vínculo: TÉCNICA EM EDUCAÇÃO NÃO FORMAL, Enquadramento Funcional: Técnica Núcleo Justiça Ambiental e Direitos, Carga horária: 40

2012 - Atual

Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor quadro complementar, Carga horária: 8

Atividades

  • 02/2012

    Ensino, Relações Internacionais, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Meio Ambiente e Relações Internacionais, Sistema das Nações Unidas, Mudanças Climáticas, Organizações da Sociedade Civil Global, Cadeias Agroindustriais, Estudos Avançados em Mudanças Climáticas, Governança do clima, da biodiversidade e dos sistemas alimentares

2013 - 2020

Fundação Heinrich Böll Brasil

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Coordenadora do Prog Justiça Socioambiental, Carga horária: 40

Outras informações:
Coordena o Programa de Justiça Socioambiental, que congrega os temas: financeirização da natureza; biodiversidade; energia; mineração e mudanças climáticas

2015 - Atual

BRICS Policy Center

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora da Plataforma Socioambiental, Carga horária: 10

Outras informações:
O Centro de Pesquisas e Estudos BRICS (BRICS Policy Center) é um think tank ligado ao Departamento de Relações Internacionais da PUC-Rio.

Atividades

  • 01/2016

    Outras atividades técnico-científicas , Programa Plataforma Socioambiental, Programa Plataforma Socioambiental.,Atividade realizada, Pesquisa, Estudos, Publicações, Policy.

  • 08/2019 - 02/2021

    Pesquisa e desenvolvimento, Programa Plataforma Socioambiental.,Linhas de pesquisa

2003 - 2007

Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

Vínculo: Técnica, Enquadramento Funcional: Assistente coordenação Convênio C.SUD/ABONG, Carga horária: 20

Outras informações:
O Convênio de cooperação entre ABONG - Brasil e Coordination SUD - França visa a troca de experiências entre ONGs do Brasil e da França em diversos temas de interesse comum.