Ana Marcilene Ribeiro da Costa

Mestre em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia pela Universidade Federal do Amazonas(UFAM) (2004). Professora com Licenciatura Plena em Ciências Biológicas da Secretaria de Estado da Educação e Qualidade de Ensino (SEDUC-AM). Tem experiência na área de Biologia Geral, atuando principalmente nos seguintes temas: água subterrânea, qualidade da água, biologia, química e técnicas de laboratório. Ministra aulas para as três séries do ensino médio, tempo de acelerar e educação de jovens e adultos. Pesquisadora da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas(FAPEAM).

Informações coletadas do Lattes em 19/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia

2002 - 2004

Universidade Federal do Amazonas
Título: USO DA ÁGUA SUBTERRÂNEA NA ZONA URBANA DA CIDADE DE MANAUS,Ano de Obtenção: 2004
Orientador: ANDRÉA VIVIANA WAICHMAN

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2017 - 2017

Ingles. (Carga horária: 60h). , Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

2016 - 2016

Extensão universitária em Metodologia do Ensino Superior.. (Carga horária: 60h). , Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.

2016 - 2016

Extensão universitária em Formação do Tutor em Educação a Distancia(EAD).. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.

2016 - 2016

Formação Continuada de Professores do Ensino Médio.. (Carga horária: 200h). , Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.

2014 - 2015

Extensão universitária em Programa em Gestão Publica em Educação a Distancia.. (Carga horária: 200h). , Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Parasitologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

FORMAÇÃO CONTINUADA EM PRESSUPOSTOS CURRICULARES.FORMAÇÃO CONTINUADA EM PRESSUPOSTOS CURRICULARES. 2010. (Oficina).

MOSTRA PÚBLICA DO PROGRAMA CIÊNCIAS NA ESCOLA-PCE.APLICAÇÃO DE DISPOSITIVO MÓVEL NA EDUCAÇÃO: BLUETOOTH AUXILIANDO NOS PROCESSOS DE ENSINO E APRENDIZAGEM.. 2010. (Encontro).

SEMINÁRIO REGIONAL"ÁGUA E SOCIEDADE NA AMAZÔNIA". 2009. (Seminário).

IV Feira Internacional da Amazônia. 2008. (Seminário).

Mini-Curso: Modelos de Produção de Extratos de Plantas Fitoterápicas na Amazônia. 2007. (Outra).

I ENCONTRO DOS PROFISSIONAIS DE QUÍMICA DA AMAZÔNIA OCIDENTAL E I FEIRA DA INDÚSTRIA QUÍMICA DO PÓLO DE MANAUS.ATIVIDADES EXPERIMENTAIS PARA O ENSINO DE BIOLOGIA E QUÍMICA NO ENSINO MÉDIO. 2006. (Encontro).

III FEIRA INTERNACIONAL DA AMAZÔNIA. 2006. (Outra).

II JORNADA DE CAPACITAÇÃO EM METODOLOGIA DE LABORATÓRIO DE CIENCIAS NATURAIS E SUAS TECNOLOGIAS.II JORNADA DE CAPACITAÇÃO EM METODOLOGIA DE LABORATÓRIO DE CIÊNCIAS NATURAIS E SUAS TECNOLOGIAS. 2006. (Oficina).

II JORNADA DE CAPACITAÇÃO EM METODOLOGIA DE LABORATÓRIO DE CIENCIAS NATURAIS E SUAS TECNOLOGIAS.II JORNADA DE CAPACITAÇÃO EM METODOLOGIA DE LABORATÓRIO DE CIÊNCIAS NATURAIS E SUAS TECNOLOGIAS. 2006. (Oficina).

II Mostra de Projetos Educacionais.Oficina de Sabão Caseiro. 2006. (Outra).

II SEMINÁRIO ÁGUA E SOCIEDADE NA aMAZÔNIA.II SEMINÁRIO. 2006. (Seminário).

I JORNADA DAS ÁGUAS.I JORNADA DAS ÁGUAS. 2006. (Seminário).

I MOSTRA CIENTÍFICA DO ESTADO DO AMAZONAS 2006. 2006. (Outra).

I WORKSHOP DE SAÚDE DO AMAZONAS. 2006. (Oficina).

MOSTRA DO PROGRAMA PIBIC JR. 2006. (Encontro).

primeira Edição do Prêmio ANA.Monitoramento da Qualidade da Água Subterrânea dos Poços das Escolas Estaduais da Zona Norte de Manaus. 2006. (Outra).

SEMINÁRIO AMAZÔNICO DE DIFUSÃO DA CULTURA METROLÓGICA.SEMINÁRIO AMAZÔNICO DE DIFUSÃO DA CULTURA METROLÓGICA. 2006. (Seminário).

ÁGUA E SOCIEDADE NA AMAZÔNIA.ÁGUA E SOCIEDADE NA AMAZÔNIA. 2005. (Seminário).

II CONGRESSO DE ESTUDANTES E BOLSISTAS DO LBA. II CONGRESSO DE ESTUDANTES E BOLSISTAS DO LBA. 2005. (Congresso).

II SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA.EXPOSITOR NA II SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA. 2005. (Outra).

II SEMINÁRIO DE PESQUISA E II MOSTRA DE INIACIAÇÃO CIENTÍFICA.ATIVIDADES EXPERIMENTAIS PARA O ENSINO DE BIOLOGIA E QUÍMICA NO ENSINO MÉDIO. 2005. (Seminário).

II SEMINÁRIO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL, CIÊNCIA E CONHECIMENTOS TRADICIONAIS DA AMAZÔNIA.II SEMINÁRIO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL, CIÊNCIA E CONHECIMENTO TRADICIONAIS DA AMAZÔNIA. 2005. (Seminário).

I SEMINÁRIO ESTADUAL DE ENERGIAS RENOVÁVEIS: BIODIESEL E SUSTENTABILIDADE.I SEMINÁRIO ESTADUAL DE ENERGIAS RENOVÁVEIS: BIODIESEL E SUSTENTABILIDADE. 2005. (Seminário).

REUNIÃO REGIONAL DA SBPC-MANAUS-AM.REUNIÃO REGIONAL DA SBPC-MANAUS-AM. 2005. (Encontro).

VARA ESPECIALIZADA DO MEIO AMBIENTE: LEVANDO A JUSTIÇA AMBIENTAL ATÉ VOCÊ.VARA ESPECIALIZADA DO MEIO AMBIENTE: LEVANDO A JUSTIÇA AMBIENTAL ATÉ VOCÊ. 2005. (Seminário).

III SIMPÓSIO DE RECURSOS HÍDRICOS DO CENTRO-OESTE.III SIMPÓSIO DE RECURSOS HÍDRICOS DO CENTRO-OESTE. 2004. (Simpósio).

REUNIÃO REGIONAL DA SBPC-AM.REUNIÃO REGIONAL DA SBPC -AM. 2004. (Encontro).

XIII CONGRESSO BRASILEIRO DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS. XIII CONGRESSO BRASILEIRO DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS. 2004. (Congresso).

AMAZON TECH 2003.ÁGUA-ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM CENTROS URBANOS. 2003. (Outra).

AMAZON TECH 2003.TRATAMENTO DE ESGOTO. 2003. (Outra).

CAPACITAÇÃO EM METODOLOGIA DE LABORATÓRIO INTERDISCIPLINAR DE CIÊNCIAS DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS.CAPACITAÇÃO EM METODOLOGIA DE LABORATÓRIO INTERDISCIPLINAR DE CIÊNCIAS DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIA. 2003. (Outra).

II SEMINÁRIO DO NÚCLEO DAS ÁGUAS: MANEJO E GERENCIAMENTO DOS RECURSOS HÍDRICOS NA AMAZÔNIA.II SEMINÁRIO DO NÚCLEO DAS ÁGUAS: MANEJO E GERENCIAMENTO DOS RECURSOS HÍDRICOS NA AMAZÔNIA. 2003. (Seminário).

I SIMPÓSIO DE RECURSOS HÍDRICOS DA AMAZÔNIA.I SIMPÓSIO DE RECURSOS HÍDRICOS DA AMAZÔNIA. 2003. (Simpósio).

7ª EXPOSIÇÃO TECNOLÓGICA E A 1ª CLÍNICA TECNOLÓGICA.EXPOSITOR NA 7ª EXPOSIÇÃO TECNOLÓGICA E A 1[ CLÍNICA TECNOLÓGICA. 2002. (Outra).

II SEMINÁRIO SOBRE SANEAMENTO, SAÚDE E MEIO AMBIENTE DA REGIÃO NORTE.II SEMINÁRIO SOBRE SANEAMENTO, SAÚDE E MEIO AMBIENTE DA REGIÃO NORTE. 2002. (Seminário).

I SEMINÁRIO SOBRE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS NA CIDADE DE MANAUS.I SEMINÁRIO SOBRE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS NA CIDADE DE MANAUS. 2002. (Seminário).

PROJEÇÕES DE DEMANDAS FUTURAS PARA SERVIÇOS DE SANEAMENTO.PROJEÇÕES DE DEMANDAS FUTURAS PARA SERVIÇOS DE SANEAMENTO. 2002. (Seminário).

SEMINÁRIO REGIONAL "A REGIÃO AMAZÔNICA: DESAFIOS, PROPOSTAS E COMPROMISSOS.SEMINÁRIO REGIONAL "A REGIÃO AMAZÔNICA: DESAFIOS, PROPOSTAS E COMPROMISSOS. 2002. (Seminário).

CURSO DE CAPACITAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL-TEMA TRANSVERSAL MEIO AMBIENTE.CURSO DE CAPACITAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL-TEMA TRANSVERSAL MEIO AMBIENTE. 2001. (Outra).

CURSO DE RELAÇÕES HUMANAS.RELAÇÕES HUMANAS. 2001. (Outra).

CURSO DE ACCESS.ACCESS. 2000. (Outra).

CURSO DE INTERNET.INTERNET. 2000. (Outra).

CURSO INTRODUÇÃO À CIÊNCIA DOS COMPUTADORES, WINDOWS 98, WORD 97 E EXCEL 97.INTRODUÇÃO À CIÊNCIA DOS COMPUTADORES, WINDOWS 98, WORD 97 E EXCEL 97. 2000. (Outra).

CURSO POWER POINT.POWER POINT. 2000. (Outra).

CURSO INTERNET PARA TODOS.INTERNET PARA TODOS. 1996. (Outra).

XI SEMBIO SEMANA DE BIOLOGIA DO AMAZONAS.MICOLOGIA BÁSICA. 1996. (Outra).

MS DOS, WINDOWS E PROCESSADOR DE TEXTO WORD PARA WINDOWS.MS DOS, WINDOWS E PROCESSADOR DE TEXTO WORD PARA WINDOWS. 1995. (Outra).

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO TÉCNICO INTENSIVO NA CONFECÇAO GESSADOS.APERFEIÇOAMENTO TÉCNICO INTENSIVO NA CONFECÇÃO DE APARELHOS GESSADOS. 1993. (Outra).

CURSO DE INTEGRAÇÃO AO CONTEXTO ORGANIZACIONAL.CURSO DE INTEGRAÇÃO AO CONTEXTO ORGANIZACIONAL. 1992. (Outra).

EDITOR DE TEXTOS REDATOR.EDITOR DE TEXTOS REDATOR. 1992. (Outra).

CAMPANHA DE VACINAÇÃO ANTI-RÁBICA CANINA.VACINAÇÃO ANTI-RÁBICA CANINA. 1987. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Hillandia Brandao da Cunha

CUNHA, H. B.; WAICHMAN, Andréa Viviana; HORBE, Adriana Maria Coinbra. USO DA ÁGUA SUBTERRÂNEA NA ZONA URBANA DA CIDADE DE MANAUS. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazôni) - Universidade Federal do Amazonas.

Assad José Darwich

DARWICH, A. J.. Uso da água subterrânea na zona urbana da cidade de Manaus?. Curso de mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia (área de concentração em Serviços Ambientais e Recursos Naturais). 2004. Dissertação (Mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia) - Universidade Federal do Amazonas.

Assad José Darwich

DARWICH, A. J.. Uso da Água Subterrânea nas Zonas Urbanas da Cidade de Manaus. 2003. Dissertação (Mestrado em Energia e Meio Ambiente) - Universidade Federal do Amazonas.

Andrea Viviana Waichman

WAICHMAN, A. V.; HORBE, Adriana Maria Coimbra; BRANDÃO, Hillândia. Uso da Água subterrânea na zona urbana da cidade de Manaus. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazôni) - Universidade Federal do Amazonas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Jony Saldanha Nery

Atividades Experimentais para o Ensino de Biologia e Química no Ensino Médio; 2005; Iniciação Científica - Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas, Fapeam; Orientador: Ana Marcilene Ribeiro dos Santos;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • COSTA, A. M. R. . USO DA ÁGUA SUBTERRÂNEA NA ZONA LESTE DA CIDADE DE MANAUS. III SIMPÓSIO DE RECURSOS HÍDRICOS DO CENTRO-OESTE, GOIÂNIA, 2004.

  • COSTA, A. M. R. . QUALIDADE DA ÁGUA SUBTERRÂNEA NA INVASÃO CAMPOS SALES. XIII CONGRESSO BRASILEIRO DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS, 2004.

  • COSTA, A. M. R. . USO E QUALIDADE DA ÁGUA SUBTERRÂNEA NA CIDADE DE MANAUS. XIII CONGRESSO BRASILEIRO DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS, 2004.

  • COSTA, A. M. R. . USO DA ÁGUA SUBTERRÂNEA NA ZONA NORTE DA CIDADE DE MANAUS. I SIMPÓSIO DE RECURSOS HÍDRICOS DA AMAZÔNIA, Manaus - Amazonas ESTUDIO 5, p. 17-119, 2003.

  • COSTA, A. M. R. . ESTUDO DAS CARACTERÍSTICAS FÍSICO-QUÍMICAS E MICROBIOLÓGICAS DA ÁGUA SUBTERRÂNEA NA CIDADE DE MANAUS. XIX SEMANA DE QUÍMICA - LIVRO DE RESUMOS,, MANAUS - AM, v. I, n.1, p. 1-74, 2005.

  • COSTA, A. M. R. . ESTUDO PRELIMINAR DA QUALIDADE DA ÁGUA SUBTERRÂNEA DAS ESCOLAS ESTADUAIS NA ZONA NORTE DE MANAUS. REUNIÃO REGIONAL DA SBPC, MANAUS - AM, v. I, n.1, p. 1-74, 2005.

  • COSTA, A. M. R. ; SANTOS, E. E. A. . ATIVIDADES EXPERIMENTAIS PARA O ENSINO DE BIOLOGIA E QUÍMICA NO ENSINO MÉDIO. II SEMINÁRIO DE PESQUISA/II MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ANAIS CEFET-AM , MANAUS - AMAZONAS, v. 1, n.1, p. 01-31, 2005.

  • COSTA, A. M. R. ; WAICHMAN, A. V. ; SANTOS, E. E. A. . UTILIZAÇÃO DA ÁGUA SUBTERRÂNEA NA ZONA URBANA DE MANAUS. REUNIÃO REGIONAL DA SBPC MANAUS - AM., 2004.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - 2018

    CARACTERIZAÇÃO MORFOLÓGICA DE PLANTAS MEDICINAIS, UTILIZANDO APLICATIVOS PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS., Descrição: Atualmente, as redes públicas de ensino em nossa cidade, ainda são insipientes quanto aos estudos de plantas medicinais sob o aspecto morfológico. O Ensino Médio tornou-se o lócus adequado para a realização da investigação proposta nesse estudo, pois um de seus principais objetivos é investigar a interação dos alunos com o conhecimento científico a partir da identificação morfológica das plantas medicinais, bem como seus benefícios proporcionados pelo estudo em um ambiente de aprendizagem, com o uso não somente de aplicativos para dispositivos móveis, o mais importante é buscar o conhecimento científico clássico e aprofundado na identificação de espécies e uso correto de plantas medicinais utilizadas por nossos alunos do turno noturno da Escola Estadual Antogildo Pacoal Viana, bem como, sua utilização pela comunidade do Novo Israel da Zona Norte de Manaus. Devemos estar constantemente mobilizados para a construção do conhecimento, visando contribuir para a promoção da sustentabilidade e para a melhoria da qualidade de vida da comunidade, onde será possível constatar que na referida comunidade escolar se há um conhecimento razoável das plantas medicinais. Com os resultados obtidos nesse trabalho científico de pesquisa, os alunos irão relatar suas experiências vivenciadas, pois a aprendizagem nessa pesquisa pelos alunos ocorrerá de uma maneira natural e investigativa, garantindo também a identificação taxonômica correta, assegurando seu cultivo e manipulação adequada por parte da comunidade, contribuindo de forma efetiva na construção de atitudes de investigação científica por parte, tanto dos alunos do ensino médio, como dos alunos bolsistas do PCE.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ana Marcilene Ribeiro dos Santos - Coordenador.

  • 2017 - 2017

    A PERCEPÇÃO DOS ESTUDANTES DO ENSINO MÉDIO SOBRE UTILIZAÇÃO DE VIDRARIAS CIENTÍFICAS, Descrição: O referido projeto teve como objetivo analisar a percepção dos nossos alunos do ensino médio, do turno noturno, sobre as principais vidrarias utilizadas em laboratórios de ciências, motivando-os a exercitar o uso e as rotinas de um laboratório.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ana Marcilene Ribeiro dos Santos - Coordenador.

  • 2016 - 2016

    O USO DE MULTIMÍDIAS NO ENSINO DE BIOLOGIA, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ana Marcilene Ribeiro dos Santos - Coordenador.

  • 2013 - 2013

    APLICAÇÃO DE RECURSOS MULTIMIDIA NA EDUCAÇÃO PARA AUXILIAR NOS PROCESSOS ENSINO E APRENDIZAGEM, Descrição: O presente projeto foi direcionado para desenvolvimento de um estudo de Ambiente Virtual de Aprendizagem Complementar aos alunos do Ensino Médio da disciplina de Biologia.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ana Marcilene Ribeiro dos Santos - Coordenador.

  • 2010 - 2010

    APLICAÇÃO DE DISPOSITIVO MÓVEL NA EDUCAÇÃO-BLUETOOTH PARA AUXILIAR NOS PROCESSOS ENSINO E APRENDIZAGEM, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ana Marcilene Ribeiro dos Santos - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2009

    TÉCNICAS DE LIMPEZA E ESTERILIZAÇÃO DE MATERIAL DE LABORATÓRIO UTILIZADO EM ANÁLISES DE ÁGUA, Descrição: Objetivo Geral (Alvo) Apresentar rotinas científicas de técnicas de limpeza e esterilização de material de laboratório utilizado em análises de água. Materiais e Métodos A preparação de material de laboratório utilizados em análises de água envolve todas as atividades necessárias para garantir que os frascos, utensílios, instrumentos e vidrarias, destinados ao contato com as amostras de água, encontram-se totalmente limpos, estéreis e isentos de resíduos químicos e orgânicos, no momento das análises. Os métodos utilizados em procedimentos de limpeza e esterilização de materiais de laboratório serão determinados conforme estabelecidos na portaria 518 de 25 de março de 2004 do Ministério da Saúde e o APHA ? American Public Health Association. Satndard Methods for the Examination of Water and Wastewater. 19 ed. Washington/D.C: APHA. AWWA.WEF. 1995. Procedimento de Limpeza e Esterilização do Material Usado em análises de água. Material Reagentes: solução alcalina, água deionizada, solução ácida, água deionizada Equipamentos: autoclave, estufas de secagem e esterilização. Diversos: tubo de ensaio, tubo de durham, placas de petri, pipitas volumétricas, bastões de vidros, frascos erlenmeyer, frascos kitasato, provetas, pipetadores automáticos, frascos de diluição, funis, etc. Métodos Muitas são as tarefas importantes nas atividades de um laboratório para análises de água. Abaixo, destacamos aquelas que importam na lavagem, secagem, preparo de vidrarias e esterilização. Lavagem de material: Lavagem de vidraria é a solução sulfocrônica; Secagem: Depois de lavadas as vidrarias deverão ser posta para secar em estufa a cerca de 70º.C. Esterilização: Vários procedimentos de esterilização são usados para destruir ou remover todos os organismos patogênicos ou não. A escola do método depende principalmente de natureza do material a ser esterilizado. Tipos de esterilização: esterilização pelo calor úmido, este. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ana Marcilene Ribeiro dos Santos - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Atividades Experimentais para o Ensino de Biologia e Química no Ensino Médio / FAPEAM, Descrição: A Escola Estadual Osmar Pedrosa compõe o quadro da Secretaria de Estado da Educação e Qualidade do Ensino do Estado do Amazonas. As atividades experimentais que vem sendo desenvolvidas no laboratório de química e biologia da Escola são realizadas desde o ano de 2004, quando notamos que essas disciplinas deveriam ter uma abordagem prática que buscasse aliar-se aos conhecimentos vistos na parte teórica, houve então a criação de um ambiente próprio para realização de experimentos. Inicialmente tivemos a necessidade de organizar os equipamentos disponíveis naquele momento e também estabelecer rotinas e práticas para as três séries do ensino médio. Como a resposta tanto por parte dos alunos, professores e da direção da Escola foi positiva resolvemos buscar apoio fora da Escola com o objetivo de ampliar tanto o espaço físico do laboratório, como conseguir mais equipamentos, utensílios de laboratório e também conseguir alunos voluntários e bolsistas. No final do ano de 2004 ocorreu o lançamento do primeiro edital do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica Júnior (PIBIC JR), da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM). Com a aprovação do projeto da Escola pela FAPEAM conseguimos uma parceria Institucional que possibilitou a aquisição de alguns ítens para o laboratório e além disso nos forneceu meios de financiar bolsas de pesquisas para alunos desenvolverem atividades no laboratório; a partir desse ponto foi possível manter nossos experimentos e ampliar as aulas práticas e conseguimos além de alunos voluntários, alunos bolsistas. Houve então uma nítida melhora e participação das aulas de química e biologia pois além do ensino médio regular, houve o interesse de alunos do projeto Tempo de Acelerar (que funciona no período noturno em um prédio anexo à Escola). Os objetivos deste projeto são: a melhoria da qualidade do ensino, aumentar o rendimento escolar e reduzir o índice de evasão (abandono) do Ensino Médio do turno noturno, tomando c. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ana Marcilene Ribeiro dos Santos - Coordenador / Euler Erlanger Aparício dos Santos - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2007

Honra ao Mérito 1º Lugar no I Prêmio Construindo a Nação - AM, SEDUC.

2007

Honra ao Mérito 1º Lugar no II Encontro dos Profissionais da Química da Amazônia Ocidental, seduc.

2005

1º Lugar na avaliação da Comissão de Ciências Exatas e da Terra, Sociedade Brasileira Para o Progresso da Ciência - V Congresso Regional da SBPC.

2005

DIPLOMA DE HONRA AO MÉRITO, ESCOLA ESTADUAL OSMAR PEDROSA.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2016 - 2016

    fundação de Amparo à pesquisa do Estado do amazonas

    Vínculo: , Enquadramento Funcional:

  • 1995 - Atual

    Secretaria de Educação e Qualidade de Ensino

    Vínculo: Professora, Enquadramento Funcional: Professora Licenciatura plena, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Professora do ensino médio das três séries, tempo de acelerar e educação de jovens e adultos

    Atividades

    • 09/1994

      Ensino,,Disciplinas ministradas, QUÍMICA, FÍSICA E BIOLOGIA

  • 1992 - Atual

    Universidade Federal do Amazonas

    Vínculo: Funcionária, Enquadramento Funcional: Regime Jurídico Único, Carga horária: 30

    Outras informações:
    Atua na área de Ensino e pesquisa, elaboração de projetos, organização de documentos, digitação de documentos e controle de materiais no laboratório.

    Atividades

    • 02/1992

      Direção e administração, Faculdade de Tecnologia/Coordenação de Cursos de Graduação, .,Cargo ou função, Chefe do Serviço de Apoio aos Cursos de Graduação da Faculdade de Tecnologia.