Ketma Nunes Vaz

Estudante de licenciatura em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, polo Macaé - NUPEM. Atualmente sou bolsista de Iniciação Científica trabalhando na pesquisa da dinâmica reprodutiva de Scartella cristata (família Blenniidae), uma espécie de peixe que habita poças de maré de costões rochosos.

Informações coletadas do Lattes em 04/04/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Ciências Biológicas

2016 - Atual

Universidade Federal do Rio de Janeiro

Ensino Médio (2º grau)

2009 - 2011

Colégio Barroco Lopes

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2017 - 2017

Curso de Identificação de Crustacea. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

2017 - 2017

Bioacústica - Sons do Mar. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

2017 - 2017

Efeitos das Mudanças Climáticas nos Recifes de Coral. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

2016 - 2016

O Espaço Montessori Niel e as Metodologias Alternativas de Educação. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

1º Congresso de Biologia Marinha e Ambientes Costeiros. Estrutura populacional e dinâmica reprodutiva de Scartella cristata (Teleostei, Blenniidae) em poças de maré do Norte Fluminense e Região dos Lagos. 2018. (Congresso).

Dia Mundial dos Oceanos: O Mar Invadiu o NUPEM. Dia Mundial dos Oceanos: O Mar Invadiu o NUPEM. 2017. (Exposição).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Ana Cristina Petry

Estrutura populacional e dinâmica reprodutiva de Scartella cristata (Teleostei, Blenniidae) em poças de marés; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Ciências Biológicas - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Coordenação de Projetos, Pesquisas e Estudos Tecnológicos; (Orientador);

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • VAZ, K. N. ; PHILIPPE, L. ; PETRY, A. C. ; FISCHER, L. G. . Estrutura populacional e dinâmica reprodutiva de Scartella cristata (Teleostei, Blenniidae) em poças de maré do Norte Fluminense e Regiões dos Lagos. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • VAZ, K. N. ; PHILIPPE, L. ; CARDOSO, J. A. ; PETRY, A. C. ; FISCHER, L. G. . ESTRUTURA POPULACIONAL DE SCARTELLA CRISTATA (TELEOSTEI, BLENNIIDAE) EM POÇAS DE MARÉ: RESULTADOS PRELIMINARES. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ARAUJO, M. P. ; CATELANI, P. A. ; NOGUEIRA, N. S. ; CASTICAL, M. ; VAZ, K. N. ; PETRY, A. C. . Invasões biológicas em ecossistemas costeiros das regiões Norte Fluminense e dos Lagos: as pesquisas com gramíneas e peixes. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - Atual

    Projeto COSTÕES ROCHOSOS: Ecologia, Impactos e Conservação nas Regiões dos Lagos e Norte Fluminense, Descrição: O projeto "Costões Rochosos: Ecologia, Impactos e Conservação nas Regiões dos Lagos e Norte Fluminense" atende ao Tema 4 desta chamada (Caracterização ecológica dos ambientes costeiros e marinhos) e visa realizar pesquisa científica voltada aos ecossistemas de costão rochoso durante 30 meses em duas regiões fluminenses no norte do Estado. Integrando diversos especialistas de forma complementar e interdisciplinar, faremos estudos sobre biodiversidade, ecologia e impactos dos costões rochosos, um ecossistema pouco estudado no Brasil. Os objetivos principais são: 1) Avaliar a biodiversidade dos principais grupos (macroalgas, zooplâncton, invertebrados, peixes e aves) presentes nos costões de Macaé, Rio das Ostras e Armação dos Búzios; 2) Descrever os padrões de variação na abundância, riqueza de espécies e estrutura de comunidades, correlacionadas com parâmetros ambientais; 3) Estudar a dinâmica populacional, reprodutiva e ecologia trófica das principais espécies de peixes das poças de maré; 4) Descrever as relações tróficas de forma integrada, desenvolvendo um modelo trófico deste ecossistema; 5) Analisar os impactos antrópicos; e 6) Desenvolver atividades de divulgação e educação ambiental integrando população e comunidade cientifica na promoção da conservação dos costões rochosos. Este é um projeto pioneiro, contemplando diferentes aspectos neste ecossistema, com aplicação de novas metodologias que visa aumentar significativamente o conhecimento e a produção técnico-científica relacionada aos costões rochosos do norte do Rio de Janeiro, além de contribuir para a formação de pessoal em biodiversidade marinha. Em longo prazo, desejamos que o "Projeto Costões Rochosos? tenha continuidade e sustentabilidade, tornando-se um projeto de monitoramento de longa-duração. Os resultados deste projeto possuem grande potencial na indução de políticas públicas para conservação e sustentabilidade da biodiversidade nos ambientes costeiros e marinhos no Estado do Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Ketma Nunes Vaz - Integrante / Ana Cristina Petry - Integrante / Luciano Gomes Fischer - Integrante / Lísia Mônica de Souza Gestinari - Coordenador / Patricia Luciano Mancini - Integrante / Arthur de Barros Bauer - Integrante / Thayná de Fátima Sarinho dos Santos - Integrante / Lorraine Felippe de Souza - Integrante.