Tiago Rodrigues Santos

Professor Adjunto do Centro de Formação de Professores da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia. Professor do Curso de Licenciatura em Educação do Campo e do Programa de Pós-Graduação em Educação do Campo (PPGEDUCAMPO). Doutor em Ciências Sociais na Universidade Estadual de Campinas(2017). Licenciado em Ciências Sociais (2007), bacharel em Sociologia (2009) e mestre em Geografia (2012) pela Universidade Federal da Bahia. Atualmente é vinculado Pesquisa GeografAR (IGEO-UFBA)e ao Núcleo de Estudos Ambientais e Rurais - NUCLEAR (FFCH-UFBA), ambos da Universidade Federal da Bahia e do Coletivo Quilombola - Laboratório de Pesquisa e Extensão em Comunidades Tradicionais Afro-Americanas (CERES/UNICAMP). Coordena o Grupo de Pesquisa EEtnografAR (CFP/UFRB), Tem atuado principalmente nos seguintes temas: Educação do Campo,Educação Quilombola, comunidades quilombolas, regularização de territórios quilombolas, reforma agrária, questão agrária,terras devolutas, movimentos sociais rurais e assentamentos rurais.

Informações coletadas do Lattes em 23/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Ciências Sociais

2012 - 2017

Universidade Estadual de Campinas
Título: Entre Terras e Territórios: Luta na/pela terra, dinâmicas e reconfigurações territoriais em Bom Jesus da Lapa (BA)
Sonia Maria Pessoa Pereira Bergamasco. Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: Reforma Agrária; Assentamentos Rurais; Comunidades Quilombolas.Grande área: Ciências HumanasGrande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia Rural. Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Representação Política.

Mestrado em Geografia

2010 - 2012

Universidade Federal da Bahia
Título: O ASSENTAMENTO DIVIDIDO: Produção do Espaço, Mediadores e Conflitos no Projeto de Assentamento Cachá (1980-2010) - Marcionílio Souza (Bahia),Ano de Obtenção: 2012
Guiomar Inez Germani.Coorientador: Antônio da Silva Câmara. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: REFORMA AGRARIA; Questão Agrária; Geografia; Mediadores Sociais; Movimetos Sociais.Grande área: Ciências Humanas

Graduação em Ciências Sociais - Bacharelado em Sociologia

2004 - 2009

Universidade Federal da Bahia
Título: CETA: nossa luta é justa e certa: formação e territorialização do Movimento CETA (Bahia)
Orientador: Antonio da Silva Camara (Orient.) e Guiomar Germani (Co-Ori)
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Graduação em Licenciatura em Ciências Sociais

2004 - 2007

Universidade Federal da Bahia
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2017 - 2017

Extensão universitária em Quilombolas: da Totalidade ao Lugar. (Carga horária: 156h). , Universidade Federal do Oeste da Bahia, UFOB, Brasil.

2013 - 2013

Marx e a Teoria Crítica. (Carga horária: 16h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2010 - 2010

Testamentos e Invetários Post Mortem: fontes.. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.

2009 - 2009

Cartografias Sociais de Povos e Com. Tradicionais. (Carga horária: 30h). , Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.

2008 - 2008

Capacitação em Lei de Reg. Públicos e Proc. Adm.. (Carga horária: 72h). , Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, INCRA, Brasil.

2008 - 2008

Capacitação para Reg. de Territórios Quilombolas. (Carga horária: 24h). , Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, INCRA, Brasil.

2008 - 2008

Capacitação para Elaboração de RTID´s - Quilombola. (Carga horária: 40h). , Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária - SR 05 - Bahia, INCRA (SR 05), Brasil.

2007 - 2007

Noções de Cartografia e Introdução ao Arc Giz. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.

2006 - 2006

Aprendendo sobre o Método Geográfico. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal de Alagoas, UFAL, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Francês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Geografia / Subárea: Geografia Humana/Especialidade: Geografia Agrária.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia Rural.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

RIOS, K. A. N ; SANTOS, T. R. ; GERMANI, G.I. . O campo baiano e a Questão Agrária na Atualidade: Lançamento do Caderno de Conflitos no Campo. 2018. (Outro).

GERMANI, G.I. ; OLIVEIRA, G.G. ; FREITAS, H. I. ; RIOS, K. A. N ; SANTOS, T. R. ; ALCANTARA, D.M. . II Simpósio Baiano de Geografia Agrária. 2017. (Outro).

SANTANA, N. P. ; SANTOS, T. R. . VII Semana da Consciência Negra e IV Seminário das Comunidades Quilombolas do Território do Velho Chico. 2016. (Outro).

GERMANI, G.I. ; SANTOS, T. R. ; FREITAS, H. I. ; OLIVEIRA, G.G. . Geografando nas Sextas:Balanço da Reforma Agrária na Bahia. 2014. (Outro).

GERMANI, G.I. ; OLIVEIRA, G.G. ; SANTOS, T. R. ; TEIXEIRA, L. ; LEOPOLDINO, M. . Geografando nas Sextas: Monocultura de Eucalipto. 2014. (Outro).

GERMANI, G.I. ; SANTOS, T. R. . Geografando nas Sextas: Conjuntura e Conflito no Campo (Brasil e Bahia). 2014. (Outro).

GERMANI, G.I. ; SANTOS, T. R. ; LIMA, A.O. ; OLIVEIRA, G.G. ; ZENHA, L. A. ; Alves, Taíse. . Geografando nas Sextas: A Convenção 169 da OIT e os direitos territoriais ameaçados. 2014. (Outro).

SANTOS, T. R. . VI Jornada de Estudos em Assentamentos Rurais. 2013. (Outro).

SANTOS, T. R. ; ARRUTI, J. M. . Antropologia e Geografia: territórios, etnicidade e educação. 2013. (Outro).

SANTOS, T. R. ; CRUZ, C. M. ; ARRUTI, J. M. ; CAMPUS, R. . Seminário Antropologia e Direito: dez anos do Decreto 4887/2003. 2013. (Outro).

ARRUTI, J. M. ; CRUZ, C. M. ; CAMPUS, R. ; SANTOS, T. R. . Conjuntura Quilombola - Paraná, São Paulo e Bahia. 2013. (Outro).

ARRUTI, J. M. ; CAMPOS, R. F. ; CRUZ, C. M. ; SANTOS, T. R. . Conjuntura Quilombola - Minas Gerais e Paraíba. 2013. (Outro).

SANTOS, T. R. . I Fórum de Doutorandos do Curso de Doutorado de Ciências Sociais - UNICAMP. 2012. (Outro).

SANTOS, T. R. ; RIOS, K. A. N . Seminário Mineração e Desenvolvimento: exploração do subsolo, conflitos na superfície. 2011. (Outro).

SANTOS, T. R. ; RIOS, K. A. N . Seminário Novo Código Florestal: Meio Ambiente, Agricultura e Sociedade. 2011. (Outro).

SANTOS, T. R. ; RIOS, K. A. N . Conflitos no CAmpo - Brasil 2010. 2011. (Outro).

SANTOS, T. R. ; RIOS, K. A. N . Você tem fome de quê? Agricultura, agrotóxico e soberania alimentar. 2011. (Outro).

PUENTES, A. T. ; SCHER, M.A.P. ; FÉLIX, I.M. ; PESSOA, L. ; GERMANI, G.I. ; SANTOS, T. R. . Seminários Orientados de Pesquisa "O Espaço Geograáfico em Debate" - Ano IX. 2011. (Outro).

SANTOS, T. R. ; RIOS, K. A. N ; GERMANI, G.I. ; OLIVEIRA, G.G. . Relatório da Missão Caetite: violações dos direitos humanos no ciclo nuclear. 2011. (Outro).

GERMANI, G.I. ; OLIVEIRA, G.G. ; FREITAS, H. I. ; ALCANTARA, D.M. ; SANTOS, T. R. . Seminário Interno do Projeto GeografAR - A Conclitualidade Territorial no Campo Baiano. 2010. (Outro).

SANTOS, T. R. ; RIOS, K. A. N . Um novo projeto de desenvolvimento para o Brasil e os Movimentos populares. 2010. (Outro).

SANTOS, T. R. ; RIOS, K. A. N . Seminário Trabalho Escravo na Bahia. 2010. (Outro).

SANTOS, T. R. ; RIOS, K. A. N . Seminário Territórios Étnicos e Regularização Fundiária: Indigenas e Quilombolas. 2010. (Outro).

CAPINAN, U. ; GOMES, A. ; SANTOS, T. R. . Audiência Publicas das Comunidades Quilombolas de Seabra, Bahia. 2009. (Outro).

SANTOS, T. R. . Audiência Públicas das Comunidades Quilombolas de Ilha de Maré, Salvador - Bahia. 2009. (Outro).

SANTOS, T. R. ; FREITAS, H. I. ; KUHN, E. R. A. . I Encuntro Latinoamericano Ciencias Sociales y Repressas e II Encontro Brasileiro Ciências Sociais e Barragens. 2007. (Outro).

SANTOS, T. R. ; GERMANI, G.I. ; FREITAS, H. I. ; KUHN, E. R. A. ; MARQUES, J. . Oficina: Modelos de Desenvolvimentos e seue impactos sobre Povos e Comunidades Tradicionais: Undades de Conservação, Barramentos e Carcinocultura. 2007. (Outro).

SANTOS, T. R. ; FREITAS, H. I. ; KUHN, E. R. A. ; CHAMO, L. A. . Seminário: Perspectivas Teóricas e Garantias de Direitos às Terras Públicas. 2006. (Outro).

SANTOS, T. R. ; GERMANI, G.I. ; FREITAS, H. I. ; KUHN, E. R. A. ; OLIVEIRA, G.G. ; CHAMO, L. A. . Seminário: Acesso á Terra e Desenvovimento Territorial no Médio São Francisco. 2006. (Outro).

SANTOS, T. R. ; FREITAS, H. I. ; ROXO, H.L.C. ; SACRAMENTO, A. ; SANTOS JUNIOR, V. X. ; TOLENTINO, I. ; ARAUJO, M. A. ; DUTRA, I. ; ANJOS, M.P. . Seminário Terras Públicas na Bahia. 2005. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Fórum Social Mundial.Sessão Temática: Questão Agrária e Comunidades Tradicionais. 2018. (Outra).

O campo baiano e a Questão Agrária na Atualidade: Lançamento do Caderno de Conflitos no Campo.O campo baiano e a Questão Agrária na Atualidade: Lançamento do Caderno de Conflitos no Campo. 2018. (Seminário).

IV Fórum de Licenciaturas da UFRB/IV Seminário do PIBID Diiversidade.Práticas Pedagógicas e Estágio na Educação Básica. 2017. (Seminário).

VIII Jornada de Assentamentos Rurais.Coordenação de GT. 2017. (Outra).

I Colóquio do Grupo de Pesquisa GeografAR.Resistência, Ação Coletiva e Reconfiguração Territorial: Reflexões de Pesquisa. 2016. (Outra).

Seminários Temáticos do PET em Humanidades.Sessão Especial Reforma Agrária. 2016. (Seminário).

I Semana de Humanidades e Letras da Unilab.Comunidades tradicionais negras e indígenas. 2014. (Outra).

I Simpósio Novembro Afro.Quilombos e comunidades remanescentes negras rurais: visibilidade e permanência no Piemonte da Chapada. 2014. (Simpósio).

VI Encontro da Rede de Estudos Rurais.A morte de um brigador de terras, de um ladrão de terras: morte de Zacarias, nascimento de um Projeto de Assentamento. 2014. (Encontro).

X EBGEO - Encontro Baiano de Estudantes de Geografia.A Geografia dos Movimentos Sociais: da teoria às manifestações sócioespaciais. 2014. (Encontro).

Geografia e Imperialismo: de Rosa a Harvey. 2013. (Seminário).

I Simpósio de Geografia Agrária da Bahia."Novas Faces da Questão Agrária na Bahia".. 2013. (Simpósio).

Quem Tem Cor Age.Oficina Quilombola. 2013. (Oficina).

Reconstruindo a Cartografia - do produto à obra. 2013. (Seminário).

VI Jornada de Estudos em Assentamentos Rurais.Sessao de POsters: Geração de Renda e agregaçao de valor. 2013. (Encontro).

VI Jornada de Estudos em Assentamentos Rurais. 2013. (Encontro).

Workshoo Políticas de Reconhecimento e Sobreposições.Assentamentos Quilombolas na Bahia. 2013. (Outra).

XIV ENCUENTRO DE GEOGRAFOS DE AMERICA LATINA. GRANDES PROJETOS DE DESENVOLVIMENTO E QUESTÃO AGRÁRIA NA BAHIA CONTEMPORÊNEA. 2013. (Congresso).

I Seminário Internacional: Estado, Território e Desenvolvimento. 2012. (Seminário).

Seminário Paulista de Extensão Rural. 2012. (Seminário).

VIII Semana de Geografia da UNICAMP.Território e Representação Política. 2012. (Encontro).

II Encontro de Sao Lázaro.DDepois da terra, a disputa pela mediacao: mediação da luta na terra no Assentamento Caxá ? Marcionílio Souza (BA) ? 1984-2010. 2011. (Encontro).

II Seminário Aberto do Grupo de Estudos Urbanos. 2011. (Seminário).

Jornada Pedagógica 2011. 2011. (Outra).

Seminários Orientados de Pesquisa.Campesinato: Sujeito Histórico e Produção do Espaço. 2011. (Seminário).

Terras Públicas e Reforma Agraria.Terras Públicas e Reforma Agrária. 2011. (Oficina).

V Jornada de Estudos em Assentamentos Rurais.Disputas pela mediação da luta na terra na Bahia: O caso do Assentamento Caxá ? Marcionílio Souza (BA) ? 1984-2010. 2011. (Outra).

XIII Encuentro de Geografos de America Latina.Por que Reforma Agrária?. 2011. (Encontro).

I Encontro de São Lázaro - Encontro de Pesquisa e Pós-Graduação da FFCH-UFBA.A reconfiguração Territorial em Sitio do Mato a partir da Implantação dos Assentamentos de Reforma Agrária. 2010. (Encontro).

III Seminário de Estudos Ambientais e Ordenamento do Território Estratégias de investigação geográfica aplicadas ao território: o semiárido baiano. 2010. (Seminário).

II Semana de Geografia Negra - UFBA.Territórios Quilombolas na Bahia. 2010. (Outra).

I Seminário Internacional/III Nacional: Movimentos Sociais, Participaçao e Democracia.CETA: nossa luta é justa e certa: o Movimento CETA no quadro de luta na/pela terra na Bahia. 2010. (Seminário).

Jornada Pedagógica 2010. 2010. (Outra).

Seminário Intero do Projeto GeografAR.O Movimento CETA, a Reforma Agrária e a Política Territorial na Bahia. 2010. (Seminário).

Seminário Políticas Sociais para o Desenvolvimento da Bahia. 2010. (Seminário).

Seminário sobre Reforma Agrária e Discriminação das Terras Públicas.Movimentos Sociais e Terras Pùblicas na Bahia. 2010. (Seminário).

Seminário Sobre Regularização e Produção nas áreas de Fundo de Pasto.Questão Agrária na Bahia: Fundos de Pasto e Terras Devolutas. 2010. (Seminário).

XXIX Seminário Estudantil de Pesquisa XI Seminário de Pesquisa e Pós-Graduação.(RE) PENSANDO A PRODUÇÃO DO ESPAÇO EM ASSENTAMENTOS RURAIS. 2010. (Seminário).

I Seminário Estadual de Cidadania das Comunidades Quilombolas.A luta pela terra e s comunidades quilombolas. 2009. (Seminário).

Conferência dos Povos e Comunidades do Rio São Francisco. 2008. (Outra).

II Seminário Quilombos: Direitos, Desafios e Experiências. 2008. (Seminário).

Seminário Nacional "Os Movimentos Sociais e os novos sentidos da política". 2008. (Seminário).

XXVII Seminário Estudantil de Pesquisa/IX Seminário de Pesquisa e Pós-Graduação..A (re) configração territorial no município de Sítio do Mato a partir da implantação dos assentamentos de reforma agrária. 2008. (Seminário).

II Encontro Brasileiro Ciencias Sociais e Barragens e I Encuentro Latinoamericano Ciencias Sociales y Repressas.Inventário Social de Barragens na Bahia. 2007. (Encontro).

II Fórun Social Nordestino: um outro Nordeste é possível.Modelos de Desenvolvimento e seus impactos sobre as Comunidades Tradicionais: unidades de conservação, barramento e carcinocultura. 2007. (Oficina).

II Seminário Interdisciplinar : DIREITO E DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA. 2007. (Seminário).

VIII Seminário de Pesquisa e Pós-Graduação e XVI Seminário Estudantil de Pesquisa.A luta pela terra na Região do Médio São Francisco: uma leitura da territorialização do CETA. 2007. (Seminário).

XIII Congresso Brasileiro de Sociologia. A luta na/pela terra na Bahia: A Trajetória do Movimento CETA. 2007. (Congresso).

IV Seminário Arquidiocesano de Educação Social nas Periferias - Adolescência:panoramas e Perspectivas. 2006. (Seminário).

Seminário: Acesso à Terra e Desenvolvimento Territorial no Medio São Francisco. 2006. (Seminário).

Seminário em Geociências - 2006.A luta na/pela terra na Bahia: a Trajetória do Movimento dos Trabalhadores Assentados, Acampados e Quilombolas (CETA). 2006. (Seminário).

VII Seminário de Pesquisa e Pós Graduação e e XXV Seminário Estudantil de Pesquisa.A Luta na/pela terra na Bahia: A trajetória do Movimento dos Trabalhadores Assentados, Acampados e Quilombolas da Bahia (CETA). 2006. (Seminário).

Projeto Genero, Raça e Cidadania no Combate à Violencia nas Escolas.Projeto Genero, Raça e Cidadania no Combate à Violencia nas Escolas. 2005. (Outra).

Rede Terra de Pesquisa Popular. 2005. (Oficina).

Seminário: Conversando Com Sua História. 2005. (Outra).

Seminário de Comunicação e Política. 2005. (Seminário).

Seminário Sobre Pesquisa Popular. 2005. (Seminário).

Seminário Terras Públicas na Bahia. 2005. (Seminário).

Guerra em 3 Tempos. 2003. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Amilton Pereira dos Santos

POVOAS, E.; SILVA, A. P. G.; CASTILHO, S. D.;SANTOS, T. R.. PEDAGOGIA QUILOMBOLA COMO POSSIBILIDADE DE TRANSGRESSÃO CURRICULAR. 2019. Dissertação (Mestrado em o PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENSINO E RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS) - Universidade Federal do Sul da Bahia.

Aluno: Khalil Santos Farran

PERTILE, N.; PRIETO, G.;SANTOS, T. R.. TERRITORIALIZAÇÃO DA AGROECOLOGIA NA BAHIA: uma análise a partir do Assentamento Dois Riachões (Movimento CETA) e da Rede Agroecológica Povos da Mata (2015-2018). 2019. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Luiza Chuva Ferrari

OLIVEIRA, G.G.; SANTOS, J. A. L.;SANTOS, T. R.. O Plano de Poder da Igreja Universal do Reino de Deus: estratégias territoriais da expansão neopentencostal no Brasil. 2018. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Vanderlei Rocha Lima

LOBAO, J. S. B.; LIMA, S. L. S.;SANTOS, T. R.. DA POSSE A RESISTÊNCIA: os desafios da Comunidade de Fundo de Pasto Caladinho na defesa do território. 2018. Dissertação (Mestrado em Planejamento Territorial) - Universidade Estadual de Feira de Santana.

Aluno: Girlane de Souza Nunes

CAMARA, A. S.; CARDEL, L. M. P. S.;SANTOS, T. R.. ENTRE ?DERRUBAR A CERCA? E ENCONTRAR A ?PORTEIRA ABERTA?: Contradições na luta contemporânea do MST e o Programa Nacional de Crédito Fundiário.. 2017. Dissertação (Mestrado em Ciencias Sociais) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Hingryd Inácio de Freiats

ALENCAR, F. A. G.; SAMPAIO, Levi José Furtado.;GERMANI, G.I.; MITIDIERO JUNIOR, M. A.;SANTOS, T. R.. Assentamentos Rurais em terras Sul Baianas: o Litoral Sul. 2018. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal do Ceará.

Aluno: Adriano de Oliveira Lima

GERMANI, G.I.; SAMPAIO, Levi José Furtado.; ALENCAR, F. A. G.;SANTOS, T. R.. Assentamentos de Reforma Agrária no Território do Sisal (BA) e a luta pela permanência na terra. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Geografia) - Universidade Federal do Ceará.

Aluno: Michelle Oliveira de Matos

POVOAS, E.; SILVA, A. P. G.;SANTOS, T. R.. REESTRUTURAÇÃO DOS PPPS DAS ESCOLAS DO QUILOMBO JUÁ/BANDEIRA TOMANDO COMO DISPOSITIVO DE APOIO AS DIRETRIZES CURRICULARES MUNICIPAIS PARA A EDUCAÇÃO ESCOLAR QUILOMBOLA. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em o PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENSINO E RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS) - Universidade Federal do Sul da Bahia.

Aluno: Natália Lidia Garcia de Carvalho

OLIVEIRA, G.G.; SAMPAIO, Levi José Furtado.;SANTOS, T. R.. TERRITÓRIO, RAÇA E CLASSE: OS IMPACTOS HISTÓRICOS E CONTEMPORÂNEOS DO CAPITALISMO SOBRE COMUNIDADES NEGRAS RURAIS NO CEARÁ. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Marcus Tadeu Barbosa Ferreira

GODINHO, L. F. R.; SOARES, R.;SANTOS, T. R.. ?Da lama ao caos: implicações socioambientais a partir do rompimento da Barragem de Rejeitos de Fundão nas comunidades atingidas de São Mateus no Espírito Santo?. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Edson Rocha Santos

MATIAS, A. S.; CARMO, E. R.;SANTOS, T. R.. IDENTIFICAÇÃO DE PLANTAS FORRAGEIRAS NA ALIMENTAÇÃO DE CAPRINOS NA COMUNIDADE HUMAITÁ, GUAJERÚ-BA. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agroecologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Wanderson Jesus de Oliveira

CARVALHO, F. P.; LOMANTO NETO, R.;SANTOS, T. R.. SISTEMAS AGROFLORESTAIS, O SISTEMA CABRUCA E A RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS: A EXPERIÊNCIA DO PROJETO DE ASSENTAMENTO RIACHÕES, IBIRAPITANGA, BAHIA. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agroecologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Isaque da Silva Santos

LOMANTO NETO, R.;SANTOS, T. R.. QUINTAIS PRODUTIVOS: A EXPERIÊNCIA DA AGRICULTURA FAMILIAR EM RETIROLÂNDIA/BA. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agroecologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Anderson Souza Barbosa

SANTOS, T. R.; LIMA, K. C. A.; OLIVEIRA, A. D. S.. A PARTICIPAÇÃO DE ESTUDANTE DE CURSO DE GRADUAÇÃO NOS CONSELHOS SUPERIORES DA UFOB: característica do processo de afiliação institucional?. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Humanidades) - Universidade Federal do Oeste da Bahia.

Aluno: Michele da Silva Alves

RIOS, K. A. N; REIS, M. L.;SANTOS, T. R.. QUESTÃO AGRÁRIA NO MUNICIPIO DE BREJÕES/BA: UM OLHAR A PARTIR DA FAZENDA LAGOA DO MORRO. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Hernane Magalhães Nery

CALDAS, A. S.;GERMANI, G.I.SANTOS, T. R.. A DINÂMICA DA FRONTEIRA E A SUJEIÇÃO DO TRABALHO A CONDIÇÕES ANÁLOGAS À ESCRAVIDÃO NO OESTE DA BAHIA. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal da Bahia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Mark Andrew Cravalho

CRAVALHO, M. A.; Câmara, Antônio da Silva; Cardel, Lídia; Germani, Guiomar Inez. ?CETA: nossa luta é justa e certa!? ? formação e territorialização do Movimento CETA (1994-2009). 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal da Bahia.

Guiomar Inez Germani

BERGAMASCO, S. M. P. P.;GERMANI, G. I.; LOURENCO, F. A.; FIDELIS, L. M.; ARRUTI, J. M. P. A.. ENTRE TERRAS E TERRITÓRIOS: Luta na/pela terra, dinâmica e (re)configurações territoriais em Bom Jesus da Lapa (BA). 2017. Tese (Doutorado em doutorado em ciências sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

Guiomar Inez Germani

GERMANI, G. I.; ARRUTI, J. M. P. A.; BERGAMASCO, S. M. P. P.. Entre Terras e Territórios: (Re)Configurações Territoriais nas Fazendas Curralinho e Carnaíba - Bahia. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em doutorado em ciências sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

Lídia Maria Pires Soares Cardel

CÂMARA, Antônio;CARDEL, Lídia; Cravalho, Marck; GERMANI, G. I.. CETA: "Nossa luta é justa e certa!". 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal da Bahia.

Lourival de Moraes Fidelis

BERGAMASCO, S. M. P. P.; LOURENÇO. F. A,; ARRUTI, J. M. P. A.;FIDELIS, L. M.; GERMANI, G. I.. Entre Terras e Territórios: Luta na/pela terra, dinâmica e reconfigurações territoriais e Bom Jesus da Lapa (BA). 2017. Tese (Doutorado em doutorado em ciências sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

José Maurício Paiva Andion Arruti

BERGAMASCO, S. M. P. P.; Lourenço, Fernando A.;ARRUTI, José Maurício; FIDELIS, L. M.; GERMANI, G. I.. Entre Terras e Territórios: luta pela terra na/p-ela terra, dinâmica e (re)configurações territoriais em Bom Jusus da Lapa (BA. 2017. Tese (Doutorado em PPGCS - Doutorado em Ciências Sociais) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Unicamp.

Antonio da Silva Camara

GERMANI, Guiomar Ines;CAMARA, A. S.; GONZALEZ, Maria Victória Espineira; ALENCAR, Francisco A. G.. O Assentamento Dividido? Produção do espaço, mediadores e conflitos no Projeto de Assentamento de Reforma Agrária Caxá (1980-2010), Marcionílio Souza - BA. 2012. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal da Bahia.

Maria Victória Espiñeira González

ESPIEIRA GONZALEZ, M. V.CAMARA, A. S.; GERMANI, G. I.; ALENCAR, F. A. G.. O Assentamento Dividido? Produção do espaço, mediadores e conflitos no Projeto de Assentamento de Reforma Agrária Caxá (1980 - 2010), Marcionílio Souza - BA. 2012. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal da Bahia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Angela Andrade Calhau

Práticas educativas e uso de agrotóxicos em Escola do Campo no Território de Identidade do vale do Jiquiriça: uma construção agroecológica e coletiva de saberes; Início: 2020; Dissertação (Mestrado profissional em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

Luis Pedro Alves Gonçalves

METODOLOGIAS PARTICIPATIVAS NO DIAGNOSTICO DE ASSENTAMENTOS DO PROGRAMA NACIONAL DE CRÉDITO FUNDIÁRIO DO EXTREMO SUL DA BAHIA E A ATER AGROECOLÓGICA NO DESENVOLVIMENTO DESSAS COMUNIDADES; Início: 2020; Dissertação (Mestrado profissional em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

ERICK DE JESUS DE SOUSA

Educação Quilombola em Galeão - Cairu Ba; Início: 2020; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

Nubia Santana de Jesus

Associativismo em Laje (BA); Início: 2019; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

JOSAFÁ JOSE DOS SANTOS

FORMAÇÃO DO TERRITORIAL DO ASSENTAMENTO SANTA HELENA, NO MUNICÍPIO DE CARINHANHA/ BAHIA; Início: 2018; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

André Oliveira de Araújo

Terra e território da comunidade de Lagoa da Boa vista-Seabra-Ba; Início: 2018; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

Welliton dos Reis Santos

SINDICALISMO RURAL: UMA AÇÃO EDUCATIVA; Início: 2018; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

Irlana de Jesus Santos

Educação do Campo e as Comunidades Quilombolas no Município de Iraquara Bahia; Início: 2018; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

Joselma Dias Castro

QUESTÃO AGRÁRIA NO MUNICÍPIO DE IUIÚ ? BAHIA E A PARTICIPAÇÃO DOS MOVIMENTOS SOCIAIS E SINDICAIS; ; Início: 2018; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

Fernanda Santana de Jesus

Evasão dos discentes da Licenciatura em Educação do Campo-ciencias Agrarias no Centro de Formaçao de Professores; Início: 2018; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

Edivaldo Jesus Leal Carvalho

Os Sujeitos contando sua história, Sindicalismo Rural do Município de Jiquiriçá - BA, Sindicalismo Rural; ; Início: 2018; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

Elenize Silva dos Santos

sucessão da terra:produção agrícola e modo de vida dos jovens da comunidade de Deus Dará; Início: 2018; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

Saiane Moreira dos Santos

Questão Agrária em Ponto Novo (Ba); Início: 2018; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; (Orientador);

Danilo Rodrigues da Silva

JUVENTUDE GUARDIÃ: A experiência Agroecológica da Bioconstrução de uma Casa Pedagógica de Sementes Crioulas na EFA de Itiúba; ; 2018; Dissertação (Mestrado em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia,; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Ana Paula da Silva dos Santos

?Processos educacionais a partir do modo de vida quilombola: estudo de caso no território quilombola da Massaranduba- Irará-BA?; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Educação do Campo) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Raissa Carolina Chaves Nunes

O lugar do Estágio Supervisionado na Formação Profissional do Engenheiro Agrônomo da UNEB; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Humanidades) - Universidade Federal do Oeste da Bahia; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Amilton Pereira dos Santos

EDUCAÇÃO QUILOMBOLA E O CURRÍCULO DE CIÊNCIAS: Contribuição aos Processos de Formação Identitária dos Jovens Quilombolas de Tomé Nunes (Ba); 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Oeste da Bahia; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Luzia Marielle Ferreira da SIlva

?Modos de ser, modos de viver, modos de lutar: Quilombos no Território do Velho Chico?; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Humanidades) - Universidade Federal do Oeste da Bahia, UFOB; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

ARTHUR cerqueira dos santos

Modos de ser, modos de viver, modos de lutar: Quilombos no Território do Velho Chico?; ; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal do Oeste da Bahia; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Arthur Cerqueira

Formas de acesso à terra em Bom Jesus da Lapa: Agricultura(s) e formações socioespaciais?; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal do Oeste da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Clevison Dionisio dos Santos

Formas de lutar na/pela Terra em Bom Jesus da Lapa (Ba): unidade e diversidade das formas de organização política; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Federal do Oeste da Bahia; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Marcelo Mota

A questão Quilombola em Foco: Análise da Questão Quilombola no Jornal A Tarde; 2014; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal da Bahia, UFBA; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Briza Aguiar

A Questão Indígena em foco: análise sobre a questão indígena na Bahia; 2014; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal da Bahia, UFBA; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Heder de Jesus Souza Peixoto

20 anos do Movimento CETA na Bahia; 2014; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal da Bahia; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Lorena Stephanie Santos Cerqueira

A Dimensão Territorial das Políticas Sociais para as Comunidades Negras Rurais e Quilombolas do Estado da Bahia 2; ; 2012; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Hernane Magalhães Nery

Trabalho Escravo e o desenvolvimento da agricultura capitalista no Oeste da Bahia; 2011; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Paulo Henrique Carvalho e Silva

Comunidades Quilombolas na Bahia: Mapeamento de Comunidades Quilombolas do Baixo Sul; 2010; Orientação de outra natureza; (Ciências Sociais) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Hernane Magalhães Nery

Diagnóstico e Mapeamento do Trabalho Escravo na Bahia; 2010; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal da Bahia; Orientador: Tiago Rodrigues Santos;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Guiomar Inez Germani

O assentamento dividido: Produção do Espaço, Mediadores e Conflitos no Assentamento Cachá (1980-2010); 2012; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Guiomar Inez Germani;

Guiomar Inez Germani

: CETA: nossa luta é justa e certa: formação e territorialização do Movimento CETA (Bahia); ; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal da Bahia; Orientador: Guiomar Inez Germani;

Guiomar Inez Germani

A Reconfiguração Territorial no Município de Sítio do Mato a partir da Implatnação dos Projetos de Assentamentos Rurais; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Guiomar Inez Germani;

Antonio da Silva Camara

O Assentamento Dividido: Produção do Espaço, Mediadores e CDonflitos no Projeto de Assentamento Rural Caxá; 2012; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal da Bahia,; Coorientador: Antonio da Silva Camara;

Antonio da Silva Camara

?CETA: nossa luta é justa e certa!? :formação e territorialização do Movimento CETA; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal da Bahia; Orientador: Antonio da Silva Camara;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

SANTOS, T. R. . Laudo Antropológico da Comunidade Quilombola de Batateira. 2012.

SANTOS, T. R. ; ROSÁRIO, N.B. ; GERMANI, G.I. . Diagnóstico Fundiário e Mapeamento das Comunidades Quilombolas do Piemonte Norte do Itapicurúl da Bahia. 2011.

SANTOS, T. R. ; GERMANI, G.I. ; ROSÁRIO, N.B. . Diagnóstico Fundiário e Mapeamento das Comunidades Quilombolas do Baixo Sul da Bahia. 2010.

SANTOS, T. R. ; MONTEIRO, L. ; DUARTE, L. ; GOMES, A. . Relatório Técnico de Identificaçaõ e Delimitação do Território da Comunidade Quilombola de Agreste - Seabra Bahia. 2009.

SANTOS, T. R. ; GOMES, A. ; DUARTE, L. ; CAPINAN, U. . Relatório Técnico de Identificação e Delimitação do Território da Comunidade Quilombola de Capão das Gamelas - Seabra /bahia. 2009.

SANTOS, T. R. ; GOMES, A. ; DUTERVIL, C. . Relatório Técnico de Identificação e Delimitação do Território da Comunidade Quilombola de Morro Redondo, Seabra - BA. 2009.

TROMBONE, M. N. ; SANTOS, T. R. ; SILVA, M. . Laudo Técnico Antroplógico da Comunidade Quilombola do Calembá, Cachoeira (BA). 2008.

SANTOS, T. R. ; OLIVEIRA, Q. B. ; DUARTE, L. ; ANUNCIAÇÃO, S. . RTID das Comunidades Quilombolas de Ilha de Maré (Salvador). 2008.

SANTOS, T. R. . Lutar no Brasil: Crime e Castigo. 2016; Tema: Lutar no Brasil: Crime e Castigo. (Site).

SANTOS, T. R. . 'I' de Interesses. 2015; Tema: Lei de Biossegurança - Transgênicos. (Site).

SANTOS, T. R. . Por que Marcham?. 2015; Tema: Reforma Agrária. (Site).

SANTOS, T. R. . Kátia Abreu, A Treme-Terra. 2015; Tema: Agricultura e Capitalismo. (Site).

SANTOS, T. R. . 50 anos depois, continuamos sem terra. 2014; Tema: Reforma Agrária. (Site).

SANTOS, T. R. . Dez anos de Decreto 4887: Bahia. 2013; Tema: Regularização de Territórios Quilombolas na Bahia. (Blog).

SANTOS, T. R. ; LIMA, S. L. S. . Curso de Formação Continuada em Educação Básica do Campo. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

SANTOS, T. R. . Educação Escolar Quilombola: Fundamentos, Diretrizes e Experiências. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

SANTOS, T. R. ; RIOS, K. A. N . Educação do Campo e Formação de Professores: Construindo novas práticas e refletindo outros saberes. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

SANTOS, T. R. . Os Quilombos no Contexto Atual. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

SANTOS, T. R. . Geografia e Antropologia em Campo: observação participante e entrevistas. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

SANTOS, T. R. . Comissão Camponesa da Verdade - Violações de Direitos no Campo. 2014. (Relatório de pesquisa).

SANTOS, T. R. . Geografia em Campo: observação, entrevistas e etnografia. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

SANTOS, T. R. . Geografia em Campo: observação, entrevistas e etnografia. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

ARRUTI, J. M. ; SANTOS, T. R. . Minicurso: Comunidade Remanescente de Quilombos: terra e educação. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

GERMANI, G.I. ; SANTOS, T. R. ; SAMPAIO, Levi José Furtado. . Terras Públicas e Reforma Agrária. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

SANTOS, T. R. ; GERMANI, G.I. ; TEIXEIRA, L. . Terras Públicas e Territorio da Cidadania. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

SANTOS, T. R. . Terras Públicas e Comunidaddes Tradicionais na Chapada Diamantina. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CHAMO, L. A. ; SANTOS, T. R. ; GERMANI, G.I. . Expansão do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra. 2007. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

CHAMO, L. A. ; SANTOS, T. R. ; GERMANI, G.I. . Formas de acesso à terra e espacialização da concentração da terra nos municípios com atuação da CETA. 2007. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

SANTOS, T. R. ; GERMANI, G.I. ; CHAMO, L. A. . Acampamentos de Trabalhadores Rurais Sem Terra (Bahia). 2007. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

SANTOS, T. R. ; CHAMO, L. A. ; GERMANI, G.I. . Projetos de Assentamentos de Reforma Agrária (Bahia). 2007. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

CHAMO, L. A. ; SANTOS, T. R. ; GERMANI, G.I. . Regionalização do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (Bahia). 2007. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

CHAMO, L. A. ; GERMANI, G.I. ; SANTOS, T. R. . Regionalização do Movimentos dos Trabalhadores Assentados, Acampados e Quilombolas (CETA). 2006. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

CHAMO, L. A. ; OLIVEIRA, G.G. ; GERMANI, G.I. ; SANTOS, T. R. ; ESTRELA, E. . Acesso à terra e desenvolvimento territorial no nordeste do B rasil. 2006. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - CD- Room).

SANTOS, T. R. ; GERMANI, G.I. ; OLIVEIRA, G.G. ; FREITAS, H. I. ; CHAMO, L. A. ; RUIZ, A. . Acesso à terra e Desenvolvimento Territorial no Médio São Francisco. 2006. (Relatório de pesquisa).

SANTOS, T. R. ; GERMANI, G.I. ; FREITAS, H. I. ; AMORIN , I. G. ; JESUS, L. S. . Pesquisa sobre a Politica do Banco Mundial para o Meio Rural. 2006. (Trabalho de Campo).

GERMANI, G.I. ; OLIVEIRA, G.G. ; AZENHA, L. A. ; DINIZ, E. ; ALCANTARA, D.M. ; RADEK, M. ; SANTOS, T. R. . Quilombo Porto Dom João. 2014. Filme.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - Atual

    Educação Escolar Quilombola na Bahia: entre números, processos e projetos, Descrição: Identificar e mapear as escolas quilombolas nos Territórios de Identidade de Irecê , Chapada Diamantina, Piemonte Norte do Itapicurú, Sertão Produtivo, Baixo Sul, Sudoeste Baiano, Recôncavo e Velho Chico, bem como evidenciar o processos de disputas no processo de implementação das implementar as Diretrizes Nacionais para Educação Escolar Quilombola. Objetivos Específicos ? Identificar em quais municípios dos Territórios selecionados há estruturas no aparato institucional visando implementar as Diretrizes Nacionais para Educação Escolar Quilombola; ? Examinar se nas escolas classificadas como quilombolas houve mudança no Projeto Político Pedagógico, tendo como base a aprovação das Diretrizes Nacionais para Educação Escolar Quilombola; ? Identificar e analisar a mobilização das comunidades quilombolas para a implementação das Diretrizes Nacionais para Educação Escolar Quilombola; ? Catalogar experiências e projetos locais na construção de Currículos Escolares consonantes da Educação Escolar Quilombola;. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Coordenador.

  • 2017 - Atual

    Questão Agrária, Movimentos Sociais e Assentamentos Rurais nos Territórios do Velho Chico, Litoral Sul da Bahia e Sisal, Descrição: Analisar a Questão (da Reforma) Agrária no Brasil no atual contexto da Política de Desenvolvimento Territorial, tendo os Territórios do Velho Chico, do Litoral Sul e do Sisal como áreas privilegiadas para aprofundamento e como estudos de caso.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Integrante / FREITAS, H. I. - Integrante / GERMANI, G.I. - Coordenador / OLIVEIRA, G.G. - Integrante / SAMPAIO, Levi José Furtado. - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Mapeamento das Comunidades de Fundos e Fechos de Pasto no Estado da Bahia, Descrição: O presente trabalho, realizado através do convênio entre a Secretaria de Promoção pela Igualdade Racial (SEPROMI) com a Universidade Federal da Bahia (UFBA), tem como objetivo elaborar uma base de dados georreferenciados das Comunidades Tradicionais de Fundo e Fecho de Pasto (CTFFP) no estado da Bahia, identificadas e com processo aberto, na Coordenação de Desenvolvimento Agrário (CDA), até 2015. A atividade de pesquisa e extensão a ser desenvolvida, além de permitir à SEPROMI o cumprimento dos compromissos estabelecidos no marco legal (Lei 12.910/2013). Ao mesmo tempo, permitirá dar continuidade às pesquisas desenvolvidas nesta temática e ao processo de sistematização de informações referentes à territorialidade deste grupo social, bem como contribuir com o Movimento das CTFFP no processo de autoafirmação de sua identidade e de defesa dos seus territórios.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Integrante / CHAMO, L. A. - Integrante / GERMANI, G.I. - Coordenador / OLIVEIRA, G.G. - Integrante / ALCANTARA, D.M. - Integrante.

  • 2016 - 2017

    Modos de Ser, Modos de Viver, Modos de Lutar: quilombos no Território do Velho Chico, Descrição: No bojo de processo de luta, as comunidades tem demando estudo que permitam levantar dados, suas histórias, identificar seus territórios para que possam, a partir do enfrentamento com o Estado, solicitar a regularização de seus territórios tradicionais. O Decreto 4.887/2003, que regulamenta os procedimentos para identificação de territórios quilombolas, aponta a necessidade de estudos sobre cada comunidade, tendo levantamento socioeconômico, antropológico, territorial, dentre outros. Assim, esta pesquisa também justifica-se pelo seu compromisso social de realizar estudos que subsidiem a luta e os direitos territoriais das comunidades quilombolas. Neste sentido, as questões aqui expostas fazem parte das reflexões gerais sobre a questão quilombola na Bahia e no Brasil. Objetivos Geral Compreender o processo de luta das comunidades quilombolas no Estado da Bahia, em especial das comunidades (re)existentes no Território do Velho Chico.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) . , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Coordenador / Arthur Cerqueira dos Santos - Integrante / Luzia Marielle Ferreira da Silva - Integrante., Número de orientações: 2

  • 2015 - 2016

    Formas de ?ter? a terra, formas de lutar pela vida: Acesso à terra e ação coletiva no Território do Velho Chico (BA), Descrição: Este projeto de pesquisa busca investigar o acesso à terra no Território do Velho Chico (BA) e as formas de lutas e resistências da diversidade do campesinato na região. A Questão Agrária ? em síntese, os conflitos advindos da apropriação, posse e uso da terra -, ainda é traço marcante da sociedade brasileira. Se historicamente os conflitos fundiários sempre foram a tônica da formação sócioespacial do país, se faz necessário compreender as transformações, continuidades e mudanças para que possamos entender a sua atual configuração. No campo baiano se, por um lado, se manifesta a mesma tensão fundiária, por outro lado podemos perceber singularidades e particularidades, como a forte presença de comunidades tradicionais no processo de luta social que se desenrola no meio rural do estado. Nesse sentido, o caso do Território do Velho Chico nos parece imprescindível para compreender a universidade, as particularidades e singularidades das variadas formas de manifestação da Questão Agrária. O TVC possui 16 municípios, abrange 46.334,80 km2 de área, com uma população de 370.102 habitantes, sendo 197.622 habitantes na área rural, com destaque a presença de comunidades tradicionais, de assentados reforma agrária e trabalhadores rurais acampados.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Coordenador / GERMANI, G.I. - Integrante / Eizy Batista Machado - Integrante / Clevison Dionísio dos Santos - Integrante.

  • 2013 - 2015

    Comunidades Tradicionais, Políticas Públicas e Desenvolvimento Territorial na Bahia: indígenas e quilombolas, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Guiomar Inez Germani em 30/12/2013., Descrição: Identificar e analisar as políticas públicas para comunidades indígenas e quilombolas do estado da Bahia e compreender os impactos da implantação e implementação dessas políticas na organização socioterritorial dessas comunidades.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (4) Doutorado: (5) . , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Integrante / FREITAS, H. I. - Integrante / GERMANI, G.I. - Coordenador / OLIVEIRA, G.G. - Integrante / RIOS, K. A. N; - Integrante / Junior, Avelar Araujo Santos. - Integrante / Alves, Taíse. - Integrante / Edite Diniz - Integrante / Diosmar Filho. - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2

  • 2012 - 2017

    Entre Terras e Territórios: Reconfigurações Territoriais nas Fazendas Curralinho e Carnaíba (Bahia), Descrição: Este projeto de pesquisa tem o objetivo de compreender origem, o desenvolvimento e a consolidação de diversos grupos sociais e a formação de uma diversidade sócio-territorial nas Fazendas Curralinho e Carnaíba, em Bom Jesus da Lapa, Bahia. A formação da sociedade brasileira, marcada pela histórica concentração fundiária e exclusão do acesso a terra a milhões de camponeses foi, também, responsável pela formação da diversidade sócio-espacial desta mesma sociedade. Essa diversidade de grupos sociais se expressaram no conjunto das lutas na/pela terra historicamente constituídas no País, bem como a demanda das mais expressivas das políticas públicas de reordenamento da estrutura fundiária. Essa multiplicidade de grupos está em um jogo que dialoga identidades sociais e categorizações, principalmente nomenclaturas estatais. Desses grupos, podemos exemplificar: indígenas, posseiros, acampados, trabalhadores rurais, trabalhadores rurais sem terra, quilombolas, comunidades de fundos e fechos de pasto. Essa diversidade nos coloca elementos para se pensar a relação entre forma espacial e conteúdo social. Ademais, trás consigo uma série de implicações, passiveis de ser questionadas cientificamente Neste sentido, acredita-se ser imprescindível discutir a ?condição? cada dos grupos sociais formadores da sociedade brasileira para se analisar os fundamentos dessa diversidade quanto para se compreender os processos sócio-espaciais que permitiram e permitem a lógica da reprodução social desses grupos sob a lógica contraditória do desenvolvimento do campo brasileiro.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Coordenador., Número de produções C, T & A: 2

  • 2011 - 2014

    Continuando no Tortuoso Caminho para Chegar às Terras Devolutas na Bahia, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (3) . , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Integrante / FREITAS, H. I. - Integrante / GERMANI, G.I. - Coordenador / OLIVEIRA, G.G. - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2011

    Uma trajetória tortuosa: como chegar nas Terras Devolutas da Bahia?, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Integrante / GERMANI, G.I. - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Inventário Social sobre a Construção de Barragens no estado da Bahia, Descrição: Este projeto de pesquisa objetiva identificar, sistematizar e mapear as barragens construídas no território baiano, bem como os impactos sócio-ambientais decorrentes de sua implantação e gestão. Pretende-se também integrar os esforços dos cientistas sociais brasileiros e latinoamenricanos na divulgação da problemática das barragens por ocasião do II Encontro Brasileiro Ciências Sociais e Barragens e I Encuentro Latinoamericano Ciencias Sociales y Represas. Ressalta-se que o seu desenvolvimento vem envolvendo pesqusadores e estudantes de iniciação científica dos Grupos de Pesquisa A Geografia dos Assentamentos nas Áreas Rurais (UFBA, coordenado pela Profa. Guiomar Germani) e Desenvolvimento, Sociedade e Natureza (UCSAL, coordenado pela Profa, Cristina Alencar).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Integrante / KUHN, E. R. A. - Integrante / GERMANI, G.I. - Integrante / ALENCAR, C.M.M. - Coordenador.

  • 2007 - 2008

    A (re)configuração territorial no município de Sítio Mato a partir da implantação do Assentamentos de Reforma Agrária, Descrição: Esta pesquisa teve como objetivo a analisar a (re) configuração territorial do município de Sítio do Mato (BA) a partir da implantação dos Projetos de Assentamentos. Para este trabalho, foram utilizados os procedimentos metodológicos a saber: a) Levantamentos de informações secundárias sobre o município; b) Entrevistas com militantes do Movimento CETA. . A pesquisa identificou 12 (doze) Projetos de Assentamentos (PAs) em Sítio do Mato, que ocupam uma área de 58.008,17 ha, correspondente a mais de 40% da área total do município. Acrescenta-se ainda a identificação de quatro acampamentos de trabalhadores rurais sem terra e quatro Comunidades Negras Rurais Quilombolas. Observou-se também neste município uma articulação de atores sociais, onde ganha destaque o Movimento CETA, sendo pelas formas de acesso que orienta, seja pela capacidade de articulação com diferentes grupos sociais. A partir desta realidade, observou-se que muito embora p acesso à terra, via reforma agrária, tenha permitido o acesso a terrra a trabalhadores antes excluídos, analisasou-se que o acesso a terra por si só não tem garantido a democratização do acesso às políticas públicas, e consequentemente a efetivação da cidadania. Aponta-se, ainda, que a implantação dos assentamentos possibilitou em certa medida uma (re) configuração na estrutura fundiária do município, muito embora não possa afirma que a houve (re) configuração territorial, pois esta depende do grau de autonomia dos atores sociais inseridos no território. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Coordenador / GERMANI, G.I. - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2006 - 2007

    A luta na/pela terra n Médio São Francisco: uma leitura da teritorializaçao do Movimento CETA, Descrição: Esta pesquisa teve como objeto de estudo analisar o processo de surgimento, inserção e consolidação do Movimento dos Trabalhadores Assentados, Acampados e Quilombolas (CETA) na Região do Médio São Francisco. Este trabalho é um aprofundamento da reflexão sobre a atuação dos movimentos sociais no campo baiano, como foco na territorialização do Movimento CETA no Médio São Francisco, dado que essa região é a que apresenta a maior diversidade de formas de acesso à terra do estado. A territorialização do Movimento CETA na região só pode ser compreendido se atentarmos para a força de articulação que a Comissão Pastoral da Terra (CPT) apresenta nesse contexto, entidade que deu gênese ao surgimento do movimento da região e com este mantém ainda laços estreitos. A territorialização do Movimento, presente em 14 municípios da região, orientando atualmente 11 acampamentos de trabalhadores rurais sem terra, 39 Projetos de Assentamentos e 10 Comunidades Quilombolas demonstra capacidade de articulação de diferentes agentes sociais unidos na bandeira da luta na/pela terra. O processo de pesquisa permitiu, também, compreender como a dinâmica da luta pela terra, em especial na região em estudo, é capaz de levar o Estado a adotar políticas públicas especificas para grupos antes excluídos, colocando aos movimentos sociais o desafio de adotar outras estratégias de luta, dada a (re) configuração de novas e velhas demandas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Coordenador / GERMANI, G.I. - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2005 - 2006

    A Armadilha do Crédito Fundiário do Banco Mundial, Descrição: : Esta pesquisa foi proposta pela Via Campesina-Brasil na perspectiva de construção da Rede Terra de Pesquisa Popular, visando promover o monitoramento, acompanhamento, avaliação e a divulgação de alternativas aos projetos de Crédito Fundiário nos Estados, através da aplicação de pesquisa popular junto às famílias assentadas, assim contribuindo para uma melhor intervenção na ação e na organização da realidade social. A Rede Terra é formada por pesquisadores e pesquisadoras populares, militantes de cada uma das organizações que compõem a Via Campesina - Brasil, incluindo o Movimento Sem terra (MST), Movimento de Mulheres Camponesas (MMC), Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), Comissão Pastoral da Terra (CPT), Pastoral da Juventude Rural (PJR) e Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) e se articula com universidades, pesquisadores acadêmicos e intelectuais, como forma de estabelecer uma melhor compreensão da realidade social brasileira e assim qualificar ainda mais sua intervenção. Dessa forma, o Projeto GeografAR foi convidado a integrar a Rede e assim, coordenou o desenvolvimento da pesquisa no campo baiano... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Integrante / FREITAS, H. I. - Integrante / GERMANI, G.I. - Coordenador / OLIVEIRA, G.G. - Integrante / JESUS, L. S. - Integrante.

  • 2005 - 2006

    Origem e atuação da Coordenação Estadual dos Trabalhadores Assentados e Acampados (CETA) na Bahia., Descrição: Este trabalho teve o objetivo de discutir o surgimento, o desenvolvimento e a consolidação do Movimento Estadual dos Trabalhadores Assentados, Acampados e Quilombolas da Bahia (CETA) junto aos trabalhadores rurais do estado. Para tanto, buscou-se uma análise a partir de três marcos históricos: a princípio enquanto ?Comissão de Assentados e Áreas de Conflitos da Bahia? (1995-1999); posteriormente como ?Coordenação Estadual doa Trabalhadores Assentados e Acampados da Bahia? (1999- 2002); e atualmente enquanto ?Movimento Estadual dos Trabalhadores Assentados e Acampados da Bahia? (2002 aos dias atuais), momento em que também foram incorporadas as Comunidades Negras Rurais Quilombolas. Pretende-se evidenciar a sua relação com a Comissão Pastoral da Terra (CPT), sendo esta a principal assessoria do Movimento, bem como sua relação com outros movimentos sociais que atuam no espaço baiano. Dessa forma, o estudo desse Movimento, um dos mais atuantes no estado, constituiu ferramenta imprescindível para o entendimento na nova cara da luta pela terra no estado, bem como evidencia peculiaridades e similitudes com os outros movimentos sociais rurais do estado, em especial, o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra, MST.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Coordenador / GERMANI, G.I. - Integrante.

  • 2004 - 2006

    Estudo das diversas formas de acesso à terra no Médio São Francisco, Descrição: O estudo tem como objetivo realizar um diagnóstico preliminar dos territórios prioritários (um por cada um dos três estados) com enfoque nas dinâmicas de ocupação e acesso a terra e nas políticas públicas de desenvolvimento agrário METODOLOGIA: O trabalho constará de duas partes. A primeira servirá para identificar o cenário regional e a sua dinâmica, enquanto que a segunda demonstrará a especificidade de assentamentos e outras formas de ocupação em municípios selecionados. No processo, buscar-se-á a interlocução com gerentes territoriais do SDT, Superintendências do INCRA e CEDRS. CENÁRIO REGIONAL: 1. Resgate da história das formas de ocupação da área; 2. Banco de dados secundários: Literatura e produção bibliográfica; Dados estatísticos (PIB, estrutura fundiária, índice de Gini, renda, produção, saúde, educação, investimentos e ações governamentais, indústria, serviços, cultura); Levantamento dos investimentos públicos pertinentes a agricultura familiar; 3. Entrevistas, consultas e reuniões com lideranças dos movimentos sociais, conselhos municipais, grupo gestor do território, e representantes do poder local. LEVANTAMENTO EM ÁREAS SELECIONADAS: O levantamento em áreas selecionadas será feito por meio de duas etapas. A primeira constará de uma viagem exploratória para o reconhecimento do local. A segunda etapa constará de viagens de estudo mais aprofundados para aprimorar os indicadores nas áreas selecionadas. Estas áreas serão representativas da diversidade das formas de ocupação.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Tiago Rodrigues Santos - Integrante / FREITAS, H. I. - Integrante / CHAMO, L. A. - Integrante / GERMANI, G.I. - Integrante / OLIVEIRA, G.G. - Coordenador / AMORIN , I. G. - Integrante / JESUS, L. S. - Integrante / ESTRELA, E. - Integrante., Financiador(es): Department for International Development - Auxílio financeiro.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal do Oeste da Bahia, Centro das Humanidades. , Rua Professor José Seabra de Lemos - lado par, Recanto dos Pássaros, 47808021 - Barreiras, BA - Brasil, Telefone: (77) 36143500, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2017 - Atual

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto A, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

  • 10/2019

    Direção e administração, Centro de Formação de Professores, .,Cargo ou função, Vice-Diretor.

  • 10/2019

    Direção e administração, Centro de Formação de Professores, .,Cargo ou função, Assessor.

  • 03/2019

    Ensino, Educação do Campo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Educação Escolar Quilombola, História da Bahia , Seminário Integrador II

  • 12/2018

    Direção e administração, Centro de Formação de Professores, .,Cargo ou função, Substituto Eventual da Direção do Centro de Formação de Professores.

  • 05/2018

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Formação de Professores, .,Cargo ou função, Conselheiro do Centro de Formação de Professores.

  • 05/2018

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Núcleo Docente Estruturante - NDE, .,Cargo ou função, Membro do NDE do Curso de Licenciatura em Educação do Campo.

  • 09/2017

    Direção e administração, Centro de Formação de Professores, .,Cargo ou função, Membro do Colegiado do Curso de Licenciatura em Educação do Campo.

  • 12/2018 - 12/2019

    Direção e administração, Centro de Formação de Professores, .,Cargo ou função, Substituto Eventual da Direção do Centro de Formação de Professores.

  • 05/2018 - 10/2019

    Direção e administração, Centro de Formação de Professores, .,Cargo ou função, Coordenador do Curso de Licenciatura em Educação do Campo - Ciências Agrárias.

  • 05/2018 - 10/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Câmara de Graduação, .,Cargo ou função, Conselheiro da Câmara de Graduação.

  • 10/2018 - 02/2019

    Ensino, Educação do Campo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Questão Agrária, Educação Escolar Quilombola

  • 04/2018 - 09/2018

    Ensino, Educação do Campo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, História da Bahia

  • 04/2018 - 09/2018

    Ensino, Educação do Campo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, História da Bahia

  • 04/2018 - 05/2018

    Extensão universitária , Centro de Formação de Professores, .,Atividade de extensão realizada, Curso: Educação Escolar Quilombola: Fundamentos, Diretrizes e Experiências.

  • 12/2017 - 02/2018

    Ensino, Educação do Campo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estágio III, Elaboração de Projetos Socioambientais

  • 08/2017 - 10/2017

    Ensino, Educação do Campo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Capital, Trabalho e Educação, Questão Agrária

2015 - 2017

Universidade Federal do Oeste da Bahia

Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Assistente A, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

  • 03/2016 - 08/2017

    Direção e administração, Centro das Humanidades, .,Cargo ou função, Coordenador do Colegiado do Curso de Bacharelado Interdisciplinar em Humanidades.

  • 03/2015 - 08/2017

    Ensino, Humanidades, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estudos das Sociedades, Estudos das Subjetividades, Estudos sobre a Contemporaneidade, Filosofia e História das Ciências, Trabalho de Conclusão de Curso em Humanidades

2004 - Atual

Universidade Federal da Bahia

Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Pesquisador do Grupo de Pesquisa GeografAR, Carga horária: 8

2014 - 2015

Universidade Federal da Bahia

Vínculo: Docente por Tempo Determinado, Enquadramento Funcional: Professor Substituto, Carga horária: 20

Atividades

  • 10/2004

    Pesquisa e desenvolvimento , Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão, Instituto de Geociências.,Linhas de pesquisa

  • 03/2014 - 03/2015

    Ensino, Geografia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geografia Humana I - Geografia da População, Globalização e Território

  • 03/2014 - 03/2015

    Ensino, Geografia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geografia Humana I, Geografia Regional, Globalização e Território

2013 - Atual

Universidade Estadual de Campinas

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 8

2012 - 2017

Universidade Estadual de Campinas

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estudante de Doutorado, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Desenvoleve pesquisa na áre de sociololgia e antropologia rural

Atividades

  • 10/2013

    Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Sociologia.,Linhas de pesquisa

2016 - 2017

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Colaborador na Especialização, Carga horária: 4

Atividades

  • 10/2016 - 10/2017

    Ensino, Especialização em Educação do Campo, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Questão Agrária

  • 11/2014 - 10/2017

    Extensão universitária , Campus Itapetinga, .,Atividade de extensão realizada, Difusão de Práticas Agroecológicas.

2009 - 2011

Colégio Estadual Professor Aristides de Souza Oliveira

Vínculo: REDA, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 20

Outras informações:
Disciplinas: FILOSOFIA, GEOGRAFIA e SOCIOLOGIA ] Todas no Ensino Médio

2011 - 2012

COLÉGIO ESTADUAL PROFESSOR CARLOS BARROS

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Docente aprovado em concurso público, Carga horária: 20

Outras informações:
Professor efetivo, aprovado no Concurso Público SEC 01/2010. Nomeado em 15/10/2011. Exoneração solicitada para cursar o Curso de Doutorado em Ciências Sociais da Unicamp.

2008 - 2009

Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária - SR 05 - Bahia

Vínculo: Prestação de Serviços, Enquadramento Funcional: Analista de Processos, Carga horária: 40

Outras informações:
Equipe interdisciplinar para elaboração de Relatório Técnico de Identificação, Reconhecimento, Delimitação de Áreas Remanescentes de Quilombos. Convênio INCRA/FAPEC.

2001 - 2002

Empresa de Turismo da Bahia

Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20

Atividades

  • 08/2001 - 12/2002

    Estágios , Empresa de Turismo, Gerencia Financeira.,Estágio realizado, BAHIATURSA.

2007 - 2007

Colégio Estadual Deputado Manoel Novaes

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 4

Outras informações:
Estágio Supervisionado em Ciências Sociais.

2017 - Atual

Comissão Pastoral da Terra - BA

Vínculo: Assesor, Enquadramento Funcional: Assessor Voluntário