Manoel Dourado Bastos

Professor Adjunto de Comunicação, Cultura e Sociedade na Universidade Estadual de Londrina. Doutor em História e Sociedade pela Unesp (Assis) - com bolsa da Fapesp. Possui graduação em Comunicação, com habilitação em Jornalismo pela Universidade de Brasília (2001) e mestrado em Comunicação e Cultura Contemporânea (na linha Estudos da Imagem e do Som) pela mesma Universidade de Brasília (2004). Concluiu em 2010 um pós-doutorado em História Social do Trabalho pela Universidade Federal de Santa Catarina. Coordena o Laboratório CUBO - Comunicação e Crise do Capitalismo, na Universidade Estadual de Londrina. Atualmente, é diretor científico da União Latina da Economia Política da Informação, Comunicação e Cultura - Brasil (Ulepicc-BR). É membro da editoria da Revista Eptic. Coordena o Grupo de Pesquisa de Economia Política da Informação, Comunicação e Cultura da Intercom. Tem experiência na área de docência no ensino superior e pesquisa acadêmica, atuando principalmente nos seguintes temas: economia política da informação, comunicação e cultura; comunicação e crise do capital; indústria cultural e experiência brasileira.

Informações coletadas do Lattes em 01/06/2022

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em História

2005 - 2009

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Título: Notas de testemunho e recalque: uma experiência musical dos traumas socias brasileiros em Chico Buarque e Paulinho da Viola
Orientador: Carlos Eduardo Jordão Machado
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. Palavras-chave: Chico Buarque; Paulinho da Viola; Antinomia Estética; experiência musical brasileira; MPB como impostura.Grande área: Ciências HumanasGrande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil. Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação.

Mestrado em Comunicação

2002 - 2004

Universidade de Brasília, UnB
Título: Passagens da afirmação tropicalista,Ano de Obtenção: 2004
Orientador: Denílson Lopes
Palavras-chave: vanguarda; tropicalismo; recalque; industria cultural; antagonismo.Grande área: Ciências Sociais AplicadasGrande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Música. Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação / Subárea: Rádio e Televisão.

Graduação em Jornalismo

1997 - 2002

Universidade de Brasília, UnB
Título: Caracterizando o tropicalismo
Orientador: Denílson Lopes
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Curso técnico/profissionalizante em andamento em Técnico em Música

1988 - Atual

Escola de Música de Brasília

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2009 - 2010

Pós-Doutorado. , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil. , Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. , Grande área: Ciências Humanas, Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil / Especialidade: História da Música Popular Brasileira.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Razoavelmente, Lê Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Alemão

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação / Subárea: Economia Política da Comunicação.

Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação / Subárea: Comunicação Popular e Comunitária.

Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação / Subárea: Estética e indústria cultural.

Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação / Subárea: História da Música Popular Brasileira.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

SANTOS, A. ; BASTOS, M. D. . VIII Encontro da Ulepicc-Brasil. 2020. (Congresso).

PANHO, I. A. ; BASTOS, M. D. . VII SEMANA DE COMUNICAÇÃO. 2019. (Outro).

KLEIN, A. ; BASTOS, M. D. . III ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM COMUNICAÇÃO E IMAGEM. 2018. (Outro).

FARIAS, A. ; MIANI, R. A. ; BASTOS, M. D. . JORNADA DIÁLOGOS FORMATIVOS COM O CAMPO/ IV SIMPÓSIO DE COMUNICAÇÃO POPULAR E COMUNITÁRIA. 2017. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

43 Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. APROXIMAÇÕES TEÓRICAS ENTRE A CRÍTICA DO ESTADO E A CRÍTICA DA ECONOMIA POLÍTICA DA COMUNICAÇÃO. 2020. (Congresso).

43 Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. A EPC e o Estado como forma política: A virada dialética de Indústria cultural, informação e capitalismo. 2020. (Congresso).

VIII ENCONTRO DA ULEPICC-BRASIL.CONTRIBUIÇÕES DA TEORIA FEMINISTA PARA O DEBATE SOBRE A ESFERA PÚBLICA E A FORMA-COMUNICAÇÃO. 2020. (Encontro).

VIII ENCONTRO DA ULEPICC-BRASIL.?TEORIAS DO VALOR, COMUNICAÇÃO E A CRÍTICA DA ECONOMIA POLÍTICA?. 2020. (Encontro).

VIII ENCONTRO DA ULEPICC-BRASIL.APROXIMAÇÕES ENTRE A CRÍTICA DA ESTÉTICA DA MERCADORIA E A ECONOMIA POLÍTICA DA COMUNICAÇÃO. 2020. (Encontro).

VIII ENCONTRO DA ULEPICC-BRASIL.A FORMA SOCIAL DA COMUNICAÇÃO NO CONTEXTO SOVIÉTICO: PERTINÊNCIA DE CATEGORIAS DA EPICC PARA O ESTUDO DA COMUNICAÇÃO NA URSS. 2020. (Encontro).

XII Seminário do Trabalho.O assim chamado "trabalho digital" e a atualidade da teoria do valor-trabalho. 2020. (Seminário).

42 Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. Aproximações Especulativas entre a Teoria do Valor-Dissociação e (Crítica da) Economia Política da Comunicação. 2019. (Congresso).

VII Encontro Nacional de Estudos da Imagem / IV Encontro Internacional de Estudos da Imagem. Estetização da política e estética da mercadoria: uma análise da loja do site do MBL. 2019. (Congresso).

41° Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. ?O jornal burguês consegue fazer-se pagar pela própria classe trabalhadora que ele combate sempre?: financiamento e independência de classe no jornalismo segundo Lenin e Gramsci. 2018. (Congresso).

41 Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. ?O jornal burguês consegue fazer-se pagar pela própria classe trabalhadora que ele combate sempre?: financiamento e independência de classe no jornalismo segundo Lênin e Gramsci. 2018. (Congresso).

VII Encontro da ULEPICC-Brasil.Investigações iniciais para uma crítica do sujeito de comunicação: relações conceituais entre o ?sujeito de direito? segundo Pachukanis e o ?sujeito de comunicação?. 2018. (Encontro).

VII Encontro ULEPICC-Brasil.30 anos de EPC no Brasil: a contribuição de César Bolao. 2018. (Encontro).

11 Encontro Nacional de História da Mídia. A comunicação como processo histórico do moderno sistema mundial. 2017. (Congresso).

40 CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DA COMUNICAÇÃO. Para uma investigação sobre a crise como fundamento da forma-comunicação (I): A informação necessária no momento da circulação simples. 2017. (Congresso).

Café Com Quê?.Formas sociais da liberdade e da censura. 2017. (Outra).

II Congresso Direito Vivo. GT 2 - DEMOCRATIZAÇÃO E SOCIALIZAÇÃO DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO: A MÍDIA, ENTRE A REGULAÇÃO E AS LUTAS SOCIAIS. 2017. (Congresso).

II CONGRESSO INTERNACIONAL DE POLÍTICA SOCIAL E SERVIÇO SOCIAL: DESAFIOS CONTEMPORÂNEOS. Alguns apontamentos sobre as relações entre a rede mundial de computadores e o ativismo político. 2017. (Congresso).

I SEMINÁRIO DIVERSITAS: ARTE E REVOLUÇÃO.Música e Revolução. 2017. (Seminário).

JORNADA DIÁLOGOS FORMATIVOS COM O CAMPO/ IV SIMPÓSIO DE COMUNICAÇÃO POPULAR E COMUNITÁRIA.GT - COMUNICAÇÃO POPULAR E COMUNITÁRIA - Sessão 2. 2017. (Simpósio).

VI ENEIMAGEM III EIEIMAGEM. Da TV à Rede Mundial de Computadores: Snowden e a crítica ao controle audiovisual. 2017. (Congresso).

VI Encontro Nacional da União Latina da Economia Política da Informação, da Comunicação e da Cultura (ULEPICC) ? Capítulo Brasil.Internet e estado de sítio mundial: uma via de análise à partir da EPICC. 2016. (Encontro).

XXIII Semana de História. O que se dá a ver em Chico Buarque? Antinomia Estética em Chico Buarque de Hollanda, 1966. 2005. (Congresso).

Fórum Permanente de Professores - 2/2004.Leituras Formativas: Literatura e Sociedade em Sala de Aula. 2004. (Oficina).

IV Seminário de Estudos de Cultura e Literatura Brasileira. Crítica e prática hoje. 2004. (Congresso).

II Seminário de Estudos de Cultura e Literatura Brasileira.Passagens da afirmação tropicalista. 2002. (Seminário).

7o. Congresso de Iniciação Científica da Universidade de Brasília. "Leituras do Século XIX": um enfoque comparatista. 2001. (Congresso).

Seminário de Estudos de Cultura e Literatura Brasileira.A respeito do passo globalizante: mundialização da obra de Candido e Identidade Negativa. 2001. (Seminário).

6o. Congresso de Iniciação Científica da Universidade de Brasília. Um passo da tradição crítica brasileira: o romance de 30. 2000. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Alina Rani Costa Soares

BUZALAF, M. N.;BASTOS, M. D.; VICENTE, M. M.. Entre ruínas e monumentos: a experiência com o passado e seus rastros no relatório da Comissão Nacional da Verdade. 2019. Dissertação (Mestrado em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Lorena Albuquerque Gonçalves Galdino

LONDERO, R. R.; FIGUEIREDO, D. O.;BASTOS, M. D.. Atenção na publicidade online: um estudo da percepção de imagens efêmeras nos aplicativos de redes sociais. 2019. Dissertação (Mestrado em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Renan Augusto Moraes Conceição

LONDERO, R. R.; OURIQUES, H. R.;BASTOS, M. D.. Turismo e falência da experiência: um estudo sobre a publicidade turística via Instagram. 2019. Dissertação (Mestrado em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Gabriel Grazzini Gabriel

FRAGA, N. C.;BASTOS, M. D.; MOURAO, P. F. C.. Espaço, formação humana e guerra híbrida: o papel da linguagem e da ideologia no impeachment de Roussef, constatações envolvendo Ourinhos/SP. 2019. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Rafaela Martins de Souza

DEMETRIO, S.; BUZALAF, M. N.;BASTOS, M. D.; ADOUE, S. B.. Exploda minha cidade: teorias feministas e o cinema de Chantal Akerman. 2018. Dissertação (Mestrado em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Fernanda Targa Messias

MIANI, R. A.;BASTOS, M. D.. As transformações da questão agrária brasileira retratadas pelo chargista Carlos Latuff. 2017. Dissertação (Mestrado em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Daniel Alves Azevedo

MACHADO, C.E.J.; SILVA, Z. L.;BASTOS, M. D.. Flávio de Carvalho e a formação de um itinerário artístico em São Paulo: experiências de vanguarda no modernismo paulistano (1930-1939). 2017. Dissertação (Mestrado em Historia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Maritania Andretta Risso

BOGO, M. N. R. A.; FERNANDES, S. A. S.;BASTOS, M. D.. A ESTÉTICA DAS SEMENTES E A RECUPERAÇÃO DAS SEMENTES CRIOULAS NAS ÁREAS DA REFORMA AGRÁRIA DO BRASIL E DO MÉXICO. 2017. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Territorial na América Latina e Caribe) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Joaquim Francisco Gonçalves de Brito Amaro

MIANI, R. A.;BASTOS, M. D.. Jogo do humor na busca da democracia: as charges de Ralfo no período do governo Figueiredo (1979-1985). 2015. Dissertação (Mestrado em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Solange Inês Engelmann

GIL, A. D.;BASTOS, M. D.; VANNUCHI, M. L.; SOARES, E.. A PÁGINA VIRTUAL DO MOVIMENTO DOS TRABALHADORES RURAIS SEM TERRA (MST) COMO INSTRUMENTO DE CONTRAINFORMAÇÃO NA LUTA POLÍTICO-IDEOLÓGICA PELA REFORMA AGRÁRIA. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Fernanda Nunes Moya

MACHADO, C.E.J.; CAMARGO, C.R.;BASTOS, M. D.. A discoteca pública municipal de São Paulo: Um projeto modernista para a música nacional. 2010. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Reinaldo César Zanardi

ALTINO, F. C.; OLIVEIRA, E. G.; SILVA, G. A.;BASTOS, M. D.; SILVEIRA, M.. Linguagem politicamente correta: um estudo sobre variantes linguísticas na produção jornalística da Folha de S. Paulo. 2019. Tese (Doutorado em Estudos da Linguagem) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Muriel Emídio Pessoa do Amaral

BERTOLLI FILHO, C.; VICENTE, M. M.; MARQUES, J. C.; CASADEI, E. B.;BASTOS, M. D.. Comunicação, perversão e política: o impeachment da presidente Dilma Rousseff em circuito. 2019. Tese (Doutorado em Comunicação) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Rafael Moura Zanatto

MACHADO, C.E.J.; BARBOSA, C. A. S.; BUSETTO, A.; PINTO, P. P.; LUCA, T. R.;BASTOS, M. D.. Paulo Emílio e a Cultura Cinematográfica: crítica e história na formação do cinema brasileiro. 2018. Tese (Doutorado em Historia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Fernanda Nunes Moya

MACHADO, C.E.J.; BARREIRO, J. C.; EGG, A.; SOUZA, L. C.;BASTOS, M. D.. Diálogos entre Mário de Andrade e Francisco Curt Lange: nacionalismo e americanismo musicais (1928-1946). 2014. Tese (Doutorado em Historia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Maria Elisa Pereira

ALAMBERT, F.;BASTOS, M. D.; SALLES, P. de Tarso; GARCIA, W.; NAPOLITANO, M.. "Você sabe de onde eu venho?": O Brasil dos cantos de guerra (1942-1945). 2009. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Fernanda Nunes Moya

MACHADO, C.E.J.; SILVA, Z. L.;BASTOS, M. D.. DIÁLOGOS ENTRE MÁRIO DE ANDRADE E FRANCISCO CURT LANGE: nacionalismo e americanismo musicais nas décadas de 1930 e 1940.. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Historia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Fernanda Targa Messias

MIANI, R. A.;BASTOS, M. D.. As transformações da questão agrária brasileira retratadas pelo chargista Carlos Latuff. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Erick Lopes de Almeida

MIANI, R. A.;BASTOS, M. D.. A reprodução de charges em livros didáticos: o humor e sua mensagem diante da efemeridade do gênero e a atemporalidade do suporte. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Giselle Tomé

BUZALAF, M. N.;BASTOS, M. D.. As imagens da greve no Paraná. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Joaquim Francisco Gonçalves de Brito Amaro

MIANI, R. A.; BUZALAF, M. N.;BASTOS, M. D.. A charge na imprensa do interior: estudo da produção chárgica de Ralfo. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Renata Aparecida Frigeri

BUZALAF, M. N.; DEMETRIO, S.;BASTOS, M. D.. "Esperamos a ordem do Führer": Perversão nazista na tela cinematográfica. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Comunicação) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Airton Donizete de Oliveira

MIANI, R. A.;BASTOS, M. D.; COITO, R. F.. Os movimentos sociais nas capas da revista Veja: uma análise discursiva. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Hadyle Christine Moreira dos Santos

LAGOEIRO, D. A. S.; MIANI, R. A.;BASTOS, M. D.. O flow do Hip Hop na prática da Comunicação Popular e Comunitária. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Comunicação Popular e Comunitária) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Heloisa Barthalini Passoni

LAGOEIRO, D. A. S.; MIANI, R. A.;BASTOS, M. D.. A cidade como página: pixo em São Paulo e sua comunicação transgressora. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Comunicação Popular e Comunitária) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Ricardo Figueredo Bagge

MIANI, R. A.; LAGOEIRO, D. A. S.;BASTOS, M. D.. Teatro de rua: uma experiência de comunicação popular. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Comunicação Popular e Comunitária) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: [Nome removido após solicitação do usuário]

LAGOEIRO, D. A. S.; CARVALHO, J.; SANTOS, F.;BASTOS, M. D.. Canção popular, comunicação e Chico Buarque: da alegria da 'Banda' aos encantos de 'Essa pequena'. 2012. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Comunicação Popular e Comunitária) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Mônica Chagas Ferreira

SILVEIRA, F. A.; BUZALAF, M. N.;BASTOS, M. D.. A greve na página dois: a opinião no jornalismo e os movimentos de 2015. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Thais dos Santos Portilho

Rocha, Deusdedith;BASTOS, M. D.; GIRALDI, R.. O Mito do Caramuru: Representações da identidade brasileira no pós-colonialismo e na pós-modernidade. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília.

Aluno: Sílvia Urmila Almeida Santos

BUSATO, C. M.;BASTOS, M. D.; FRANCISCO, S.. A Anarquia Tropicalista dos Mutantes: Sincretismo de elementos e a transculturação. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília.

Aluno: Carla Teresa Ventura Ribeiro

BUSATO, C. M.;BASTOS, M. D.; Diesel, U. B.. As Representações Culturais na Gastronomia. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília.

Aluno: Lívia Nogueira

Diesel, U. B.;BASTOS, M. D.; BUSATO, C. M.. Do Jornal das Moças a NOVA COSMOPOLITAN: dois tempos e um mesmo discurso para a mulher. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília.

Aluno: Danyelle Thais Santos Simões

Rocha, Deusdedith;BASTOS, M. D.; BUSATO, C. M.. O Samba entre povo e nação. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília.

Aluno: Gizele Chaves da Silva

BUSATO, C. M.;BASTOS, M. D.. DESEMPREGADO BRASILEIRO NO CONTEXTO DA CONSTRUÇÃO IMAGINÁRIA DO ?PAÍS DE TODOS?. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília.

Aluno: Michelle de Freitas Botelho

BASTOS, M. D.; BORDA, G.. O Amor e a Mulher: O início, o meio e o fim de uma relação. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília.

SARAIVA, R. C. F.; SOUZA, R. M.;BASTOS, M. D.. Concurso público na Área: Ciências Humanas e Sociais e Linguística, Literatura e Artes. 2013. Universidade de Brasília.

BASTOS, M. D.. Comissão de Análise de Programas e Projetos Estratégicos - CAPPE (PROMIC). 2017. Prefeitura Municipal de Londrina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Mercia de Vasconcelos Pinto

PINTO, M. V.. Passagens da Afirmação Tropicalista.. 2003. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Universidade de Brasília.

Maria Angelica Brasil Goncalves Madeira

MADEIRA, M. A. B. G.; SILVA, Denilson Lopes; SOUZA, Antonio Marcos de. Passagens da Afirmação Tropicalista. 2004. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Universidade de Brasília.

Francisco Alambert

ALAMBERT, Francisco; MACHADO, C. E. J.; BUSETTO, A.; SILVA, Z. L.; GARCIA, W.. Notas de testemunho e recalque: uma experiência musical dos traumas sociais brasileiros em Chico Buarque e Paulinho da Viola (de meados da década de 1960 a meados da década de 1970).. 2009. Tese (Doutorado em Historia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Mariza Veloso Motta Santos

VELOSO, Mariza Motta Santos. Passagens da afirmação tropicalista: auto-análise do movimento da música popular brasileira por meio da compreensão em processo das canções de Caetano Veloso. 2004. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Universidade de Brasília.

Marcos Francisco Napolitano De Eugênio

NAPOLITANO, M.; Jordão, C.. Notas de Testemunho e recalque: Paulinho da Viola e Chico Buarque (1965-1985. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Zélia Lopes da Silva

MACHADO, C. E. J.;SILVA, Z. L.; BUSETTO, Áureo; ALAMBERT JR, F. C.; SILVEIRA JUNIOR, W. G.. Notas de testemunho e recalque: uma experiência musical dos traumas sociais brasileiros em Chico Buarque e Paulinho da Viola (de meados da década de 1960 a meados da década de 1970). 2009. Tese (Doutorado em História) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Áureo Busetto

MACHADO, C. E. J.; SILVA, Z. L.; ALAMERT, F.C.; SILVEIRA JÚNIOR, W.G. da;Busetto, Áureo. Notas de testemunhos e recalque - uma experiência musical dos traumas socias brasileiros em Chico Buarque e Paulinho da Viola ( de meados da década de 1960 a meados da década de 1970). 2009. Tese (Doutorado em Doutorado em História) - Faculdade de Ciências e Letras - UNESP/Assis.

Áureo Busetto

MACHADO, C. E. J.; Marcos Francisco Napolitano de Eugênio;Busetto, Áureo. Notas de testemunho e recalque: uma experiência musical dos traumas sociais brasileiros em Chico Buarque e Paulinho da viola (1964-1985). 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Pós-Graduação em História) - Faculade de Ciências e Letras -UNESP/Assis.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Isabella Alonso

Campanha eleitoral, Judiciário e a mercadoria-audiência; Início: 2020; Dissertação (Mestrado profissional em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Sujeito romântico e cultura do consumo

Camila Alves; Início: 2020; Dissertação (Mestrado profissional em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Guilherme Bernardi

A REGULAÇÃO ECONÔMICA DA INTERNET NA ETAPA NEOLIBERAL DO DESENVOLVIMENTO CAPITALISTA; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Murilo Pajolla

Violência e forma social da comunicação; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Tatiana Iaquinto Ywatsugu

O ESTÚDIO SOUYZMULTFILM NA GUERRA FRIA: UMA ANÁLISE DA ANIMAÇÃO SOVIÉTICA NA ERA DA ESTAGNAÇÃO; Início: 2018; Dissertação (Mestrado profissional em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Willian Casagrande Fusaro

FORJAR A REVOLUÇÃO: A ESFERA PÚBLICA PROLETÁRIA NOS CARTAZES CONSTRUTIVISTAS DE GUERRA RUSSOS (1918-1921); Início: 2018; Dissertação (Mestrado profissional em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

TAMIRIS DA ANUNCIAÇÃO SANTOS

A FUNÇÃO PROGRAMA E AS CONTRADIÇÕES RACISTAS DO CAPITAL; Início: 2020; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Gabriela Fernandes Silva

Quando as funções se confundem WhatsApp e as eleições presidenciais de 2018; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Júlia Frank de Moura

Estratégias de propaganda do MBL; 2019; Dissertação (Mestrado em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina,; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Guilherme Popolin

O mito político na era da internet: o meme como agente de construção mítica; 2018; Dissertação (Mestrado em COMUNICAÇÃO) - Universidade Estadual de Londrina,; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

William Casagrande Fusaro

Comunicação e revolução: crítica à atualidade da revolução na comunicação popular e comunitária; 2018; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Comunicação Popular e Comunitária) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Adriano Leonel Saldanha

A prática musical no assentamento Recreio como forma de humanização e formação dos jovens do campo: Um estudo sobre a Banda de Lata Criança Feliz; 2013; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Educação do Campo e Linguagens) - Universidade de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Mônica Aparecida Araújo Guerra

Música, relações de Gênero e representação da Mulher no Pagode Baiano; 2013; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Educação do Campo e Linguagens) - Universidade de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Ana Lívia Glowaski Fernandes Borges

O SÚPLICIO TELEVISIONADO: O OLHAR DA MONTAGEM BRANCA E O ENCARCERAMENTO FEMININO; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Victor Costa de Assis

DIASCEVASTA? A mídia podcast como retrato da música independente; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

VICTOR MORITA

Diversidade sexual: uma análise do tema como discurso institucional e estratégia de relacionamento; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Públicas) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Marianna Pontijo

O mesmo Brasil três vezes: a Legião Urbana como voz de uma geração insatisfeita; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Carolina Werneck

"Independência ou morte!" Como os independentes podem salvar o jornalismo da crise de financiamento e credibilidade; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Renan Ruiz Duarte

O paradoxo hipster: reflexões acerca da cultura do consumo anticonsumo; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Natalia Malvezi

Cadê o Fair Play? Aspectos econômicos, políticos e legais da transmissão televisiva de jogos de futebol no Brasil; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Amanda Freire, Verônica Biasi

Relações públicas e educomunicação na escola itinerante do assentamento herdeiros da Terra em POrecatu/PR; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Públicas) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Pâmela Oliveira

Mulher em movimento: o uso do documentário no empoderamento feminino e popular; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Felipe Carneiro

Tina Modotti: Mais que uma mulher do século XX, uma personalidade histórica sob o olhar jornalístico; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Bárbara Blanco

O rádio como ator: análise da peça O vôo sobre o oceano, de Bertolt Brecht, sob o olhar de Walter Benjamin; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Luiza Bellotto

A linha tênue entre o discurso de ódio e o jornalismo opinativo; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Danylo Alvarez

Coleta Seletiva e Comunicação Popular; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Bruna Ferrari

Black blocs como mídia radical; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Yvi Leíse

O Jornal Sem-terra durante o primeiro governo Dilma; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Mateus Dinali

Jornalismo cultural em Londrina; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Ana Carolina Luz

José Guadalupe Posada e comunicação popular; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Lucas Peresin

Viadagens; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Lucas Rodrigues Teixiera

ESCUCHARON? ES EL SONIDO DE SU MUNDO DERRUMBÁNDOSE: POR UMA LEITURA DOS COMUNICADOS DO EZLN; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Públicas) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Luciana de Castro

O MEDO COMO ESTRATÉGIA NA REVISTA VEJA: UMA ANÁLISE DO CASO ?PEC DAS DOMÉSTICAS?; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Públicas) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Isabela de Faria Cunha

MULHERES DE CLASSE: SEXO, BELEZA E TRABALHO NAS PÁGINAS DE NOVA/COSMOPOLITAN; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Relações Públicas) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Rosana Santos

A Formação Humana dos Militantes do MST por meio da Escola de Samba Unidos da Lona Preta; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Educação no Campo) - Universidade de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Bruno Chaves Mendes

Análise da cobertura esportiva no rádio de Brasília; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Fabiana Alves de Santana

As relações entre o locutor e o ouvinte em programas de rádio de Brasília; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Fabiola Toledo da Silva

O humor do site charges; com; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Gisele Teixeira de Lima

A floresta amazônica nas revistas semanais; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Livia Cunha Albernaz

Uma análise do jornalismo da Radiobrás; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Luis Wanderley da Costa Zanini

A fonte na cobertura política; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Miguel Angelo Cunha de Oliveira

O jornalismo na internet; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Nancy de Araújo

Questão da montagem no Jornal Nacional; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Letícia de Almeida Justus

Questões do Jornalismo Investigativo; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Amanda Guerra de Freitas

A Coluna Grita Geral do Correio Braziliense; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

TAMIRIS DA ANUNCIAÇÃO SANTOS

A FUNÇÃO PROGRAMA E AS CONTRADIÇÕES RACISTAS DO CAPITAL; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Jornalismo) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Guilherme Bernardi

Aspectos conceituais da audiência como mercadoria na rede mundial de computadores; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Comunicação Social) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Manoel Dourado Bastos;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Hermenegildo José de Menezes Bastos

Um passo da tradição crítica brasileira; 2000; Iniciação Científica; (Graduando em Letras) - Universidade de Brasília; Orientador: Hermenegildo José de Menezes Bastos;

Adriano Luiz Duarte

2011; UFSC, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Adriano Luiz Duarte;

Adriano Luiz Duarte

Cartola, no moinho do mundo: Expressões e experiências dos mundos do trabalho nos sambas de Cartola (1974-1978); 2009; Universidade Federal de Santa Catariana, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Adriano Luiz Duarte;

Adriano Luiz Duarte

2009; Universidade Federal de Santa Catariana, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Adriano Luiz Duarte;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • BASTOS, M. D. ; FUSARO, W. C. ; YWATSUGU, T. I. . A Forma Social da Comunicação no Contexto Soviético: Pertinência de Categorias da Economia Política da Informação, Comunicação e Cultura para o Estudo da Comunicação na URSS. LIINC EM REVISTA , v. 16, p. 1-14, 2020.

  • BASTOS, M. D. . Indústria Cultural e capitalismo tardio: Origens da Economia Política da Comunicação no Brasil em Mercado Brasileiro de Televisão. REVISTA LATINOAMERICANA COMUNICACIÓN CHASQUI , v. 1, p. 199-214, 2020.

  • PANHO, I. A. ; BASTOS, M. D. ; SILVA, G. F. . O uso do WhatsApp nas eleições de 2018 e as lacunas teóricas da Justiça Eleitoral. TRÍADE: COMUNICAÇÃO, CULTURA E MÍDIA , v. 8, p. 173-197, 2020.

  • BASTOS, M. D. ; FUSARO, W. C. . Perspectivas críticas da abordagem marxista da comunicação Rumo a uma articulação entre a economia política da comunicação e as lutas sociais no Brasil. REVISTA DESPIERTA , v. 7, p. 113-138, 2020.

  • SANTOS, A. ; BASTOS, M. D. . Apresentação do dossiê temático ?Mapeamento da Economia Política da Informação, da Comunicação e da Cultura: contribuições históricas e perspectivas para o futuro?. Eptic On-Line (UFS) , v. 22, p. 66-74, 2020.

  • BASTOS, M. D. ; MARTINS, R. . Os fundamentos sociais do patriarcado de mídia. PAUTA GERAL - ESTUDOS EM JORNALISMO , v. 6, p. 53-69, 2019.

  • BASTOS, M. D. . O caráter fetichista da informação necessária no momento da circulação simples. Eptic On-Line (UFS) , v. 20, p. 111-124, 2018.

  • BASTOS, MANOEL DOURADO . Cinema, música e política em A ópera dos três vinténs e Kuhle wampe. Significação-Revista de Cultura Audiovisual , v. 45, p. 39, 2018.

  • BASTOS, M. D. ; STEDILE, M. E. ; VILAS BOAS, R. L. . Indústria Cultural, a antessala do fascismo brasileiro. PERSEU: História, Memória e Política , v. 12, p. 59-80, 2018.

  • BASTOS, M. D. . ?Pouco tenho a dizer além do que vai nestes sambas?: o sujeito brasileiro e a suspensão da ?promessa de felicidade? em algumas canções do primeiro LP de Chico Buarque. MÚSICA POPULAR EM REVISTA , v. 02, p. 07-36, 2014.

  • BASTOS, M. D. . Repertórios em luta: Hanns Eisler, os corais de trabalhadores e o agitprop em fins da República de Weimar. BALEIA NA REDE (UNESP. MARÍLIA) , v. 1, p. 4-18, 2013.

  • BASTOS, M. D. . Pressentimento da promessa de felicidade. Revista do Instituto de Estudos Brasileiros , v. 01, p. 299, 2013.

  • BASTOS, M. D. . Nas trilhas da política. Revista da Cinemateca Brasileira , v. 01, p. XX-XX, 2012.

  • BASTOS, M. D. . Brasiliens Landlose entdecken Hanns Eisler. Eisler-Mitteilungen , v. 50, p. 30-31, 2010.

  • BASTOS, M. D. . (RE)ARRANJOS DE UMA ?UTOPIA DO SOM NACIONAL?: a bossa nova como realização do projeto musical modernista de Mário de Andrade. TEMPO E ARGUMENTO , v. 01, p. 123-135, 2009.

  • BASTOS, M. D. . Permanência da promessa de felicidade: um esquema interpretativo da nota de classes da ?linha evolutiva? musical brasileira. Fênix (UFU. Online) , v. 05, p. 01-17, 2008.

  • BASTOS, M. D. . Experiência musical brasileira e (re)produção técnica: uma hipótese para sua interpretação. Comunicação e Espaço Público (UnB) , v. XI, p. 270-282, 2008.

  • BASTOS, M. D. . Solidariedade Piedosa: A antinomia estética em ?A banda? (1966), de Chico Buarque. Cerrados (UnB. Impresso) , v. 15, p. 167-180, 2006.

  • BASTOS, M. D. ; PILATI, A. ; CORREA, A. L. R. ; NEPOMUCENO, A. ; SOUSA, G. H. ; FONSECA, D. M. . Crítica e prática hoje. Terceira Margem , Rio de Janeiro, v. 12, p. 43-55, 2005.

  • BASTOS, M. D. . Indústria Cultural e Déficit de Negatividade: um brevíssimo esquema brasileiro. Revista:universitas//comunicação (UNICEUB) , Brasília, v. 02, p. 121-136, 2004.

  • BASTOS, M. D. ; CORREIA JUNIOR, F. D. . Entrevista com Ismail Xavier. Pós-História , v. 12, p. 09-15, 2004.

  • BASTOS, M. D. ; FIGUEIREDO, C. (Org.) ; SANTOS, A. (Org.) . 30 anos de Economia Política da Comunicação e o Brasil pós-golpe. 1. ed. São Cristóvão: ULEPICC-Brasil, 2020.

  • BASTOS, M. D. ; GONCALVES, F. C. (Org.) . Comunicação e Disputa da Hegemonia. 01. ed. São Paulo: Outras Expressões, 2015. v. 01. 200p .

  • MARTINS, H. ; LOPES, I. S. ; BASTOS, M. D. . BRASIL, DESIGUAIS E DESCONECTADOS: A EXCLUSÃO INFOCOMUNICACIONAL NO BRASIL. In: Daniela Monje; Alina Fernández; Ana Laura Hidalgo. (Org.). (Des)iguales y (des)conectados : políticas, actores y dilemas info-comunicacionales en América Latina. 1ed.Buenos Aires: CLACSO, 2021, v. 1, p. 59-82.

  • BASTOS, M. D. . Elementos para uma abordagem dialética da digitalização das TICs a partir da teoria do valor de Marx. In: Giovanni Alves. (Org.). Trabalho e Valor: O novo (e precário) mundo do trabalho no século XXI. 1ed.Marília: Projeto Editorial Práxis, 2021, v. 1, p. 138-161.

  • BASTOS, M. D. . Prefácio. In: Jonas Valente. (Org.). Cadernos de conjuntura das comunicações LaPCom-Ulepicc-Brasil 2021: pandemia, liberdade de expressão e polêmicas regulatórias na comunicação eletrônica. 1ed.São Cristóvão/SE: Uleepicc-Brasil, 2021, v. 1, p. 4-5.

  • BASTOS, M. D. . Prefácio. In: Ivonete da Silva Lopes; Verbena Córdula Almeida. (Org.). Subversão epistêmica: gênero e raça na economia política da comunicação. 1ed.Natal: Editora Xeroca, 2021, v. 1, p. 11-12.

  • BASTOS, M. D. ; MARTINS, R. ; FUSARO, W. C. . Behemoth comunicacional: A crise do Estado e os limites lógicos da forma-comunicação. In: BASTOS, M.D.; FIGUEIREDO, C.; SANTOS, A.. (Org.). 30 anos de Economia Política da Comunicação e o Brasil pós-golpe. 1ed.São Cristóvão: ULEPICC-Brasil, 2020, v. , p. 1-.

  • SANTOS, V. A. ; BOLANO, C. ; BASTOS, M. D. ; SANTOS, A. . A mediação segundo a Economia Política da Comunicação. In: Nair Prata; Sônia Jaconi; Genio Nascimento. (Org.). Desafios da comunicação em tempo de pandemia: um mundo e muitas vozes. 1ed.São Paulo: INTERCOM, 2020, v. , p. 171-192.

  • BOLANO, C. ; BASTOS, M. D. . Um pensamento materialista em Comunicação. In: Nelia R. Del Bianco; Ruy Sardinha Lopes. (Org.). O campo da comunicação: epistemologia e contribuições científicas. 1ed.São Paulo: Socicom Livros, 2020, v. , p. 162-187.

  • BASTOS, M. D. . Prefácio. In: Julia Frank de Moura. (Org.). Primeiro como farsa, depois como tragédia: a construção da imagem do MBL em contraposição à alteridade. 1ed.Porto Alegre: Editora Fi, 2020, v. 1, p. 15-17.

  • Fusaro, Willian Casagrande ; BASTOS, MANOEL DOURADO . O JORNAL BURGUÊS CONSEGUE FAZER-SE PAGAR PELA PRÓPRIA CLASSE TRABALHADORA QUE ELE COMBATE SEMPRE: FINANCIAMENTO E INDEPENDÊNCIA DE CLASSE NO JORNALISMO SEGUNDO LÊNIN E GRAMSCI. In: Vanessa Cristina de Abreu Torres Hrenechen. (Org.). Ciências da Comunicação. 1ed.: Antonella Carvalho de Oliveira, 2019, v. , p. 12-20.

  • BASTOS, M. D. ; STEDILE, M. E. ; VILAS BOAS, R. L. . Industria cultural y educación. In: Roseli Caldart; Gaudêncio Frigotto; Isabel Pereira; Paulo Alentejano. (Org.). Diccionario de educación del campo. 1ed.Buenos Aires: Editorial Batalla de Ideas, 2017, v. , p. 1-.

  • BASTOS, M. D. ; GONCALVES, F. C. . Apresentação: O Comunicador como produtor. In: BASTOS, M. D.; GONÇALVES, F.C.. (Org.). Comunicação e Disputa da Hegemonia. 01ed.São Paulo: Outras Expressões, 2015, v. , p. 07-13.

  • BASTOS, M. D. ; VILAS BOAS, R. L. ; STEDILE, M. E. . Indústria cultural, hegemonia e educação. In: BASTOS, M.D.; GONÇALVES, F.C.. (Org.). Comunicação e disputa da hegemonia. 01ed.São Paulo: Outras Expressões, 2015, v. , p. 27-39.

  • BASTOS, M. D. . Colonização do inconsciente, colonização da natureza: elementos para uma crítica da articulação entre comunicação rural, revolução verde e indústria cultural. In: BASTOS, M.D.; GONÇALVES, F.C.. (Org.). Comunicação e disputa da hegemonia. 01ed.São Paulo: Outras Expressões, 2015, v. , p. 85-104.

  • BASTOS, M. D. . Eisler e Benjamin, uma chave política: apontamentos conceituais e históricos para uma audição de Hanns Eisler como. In: MACHADO, Carlos Eduardo Jordão; MACHADO Jr., Rubens; VEDDA, Miguel. (Org.). Walter Benjamin: Experiência histórica e imagens dialéticas. 01ed.São Paulo: Editora Unesp, 2015, v. , p. 219-229.

  • BASTOS, M. D. . Um ?cantor atormentado?: ?Sinhá?, de Chico Buarque e João Bosco, e as origens da canção brasileira. In: CYNTRÃO, Sylvia. (Org.). Chico Buarque, sinal aberto!. 01ed.Rio de Janeiro: Editora 7 Letras, 2015, v. , p. 24-32.

  • BASTOS, M. D. . Formação e música no Brasil - elementos para um debate. In: CORRÊA, Ana Laura dos Reis; PILATI, Alexandre; COSTA, Deane Maria Fonseca de Castro e; BASTOS, Hermenegildo. (Org.). O Brasil ainda se pensa: 50 anos de Formação da Literatura Brasileira. 01ed.Vinhedo: Editora Horizonte, 2012, v. , p. 177-215.

  • BASTOS, M. D. ; VILAS BOAS, R. L. ; STEDILE, M. E. . Indústria cultural e educação. In: CALDART, Roseli Salte; PEREIRA, Isabel Brasil; ALENTEJANO, Paulo; FRIGOTTO, Gaudêncio. (Org.). Dicionário da Educação do Campo. 01ed.São Paulo/Rio de Janeiro: Expressão Popular/Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, 2012, v. , p. 410-417.

  • CORREA, A. L. R. ; HESS, B. H. ; FONSECA, D. M. ; BASTOS, M. D. ; VILAS BOAS, R. L. ; BORGES, R. A. . Estética e Educação do Campo: movimentos formativos na área de habilitação em Linguagens da LEdoC. In: MOLINA, Mônica Castagna; SÀ, Laís Mourão. (Org.). licenciaturas em educação do campo: registros e reflexões à partir das experiências-piloto (UFMG; UnB; UFBA e UFS). 01ed.Belo Horizonte: Autêntica, 2011, v. , p. 179-210.

  • CORREA, A. L. R. ; HESS, B. H. ; FONSECA, D. M. ; BASTOS, M. D. ; VILAS BOAS, R. L. . Estética e educação do campo: da construção do coletivo de cultura do MST à organização da àrea de linguagens da educação do campo. In: LOBO, Roberta. (Org.). Crítica da imagem e educação: reflexões sobre a contemporaneidade. 01ed.Rio de Janeiro: Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio/Fundação Oswaldo Cruz, 2010, v. , p. 149-179.

  • BASTOS, M. D. . Samba da desilusão. In: CORRÊA, Ana Laura dos Reis; COSTA, Deane Maria Fônseca de Castro e; SOUSA, Germana Henriques Pereira de. (Org.). Questões Dialéticas da Produção Literária em Nação Periférica. 01ed.Brasília: Centro de Estudos em Educação, Linguagem e Literatura, 2009, v. 01, p. 276-285.

  • BASTOS, M. D. . Juvenil Alves, Dr. Francisco, João Fontes, Aufusto Franco Neto, Reginaldo Lopes, Miguel Martini, Custódio Mattos, Leonardo Mattos, César Medeiros, José Militão, Leonardo Monteiro, Marcos Montes, José Fernando Oliveira, Antonio Palocci, Vitor Penido, Zezé Perrella, Wellington Salgado (verbetes). In: ABREU, Alzira Alves de. (Org.). Dicionário Histórico-Biográfico Brasileiro pós-1930. 3ed.Rio de Janeiro: Editora FGV, 2009, v. , p. -.

  • BASTOS, M. D. . Antonio Carlos Franco, Augusto Franco, Hélio Garcia, João Hermann, Ricardo Izar, Eduardo Jorge (1), Eduardo Jorge (2), JG de araújo Jorge, Odelmo Leão, José Machado, Arnaldo Madeira, Paulo Maluf, Beto Mansur, Paulo Mansur, Júnia Marise, Nelson Marquezelli, Luiz Antonio de Medeiros, João Mellão Neto, Nilmário Miranda, Sérgio Miranda, Antonio Ermírio de Moraes, Edmar Moreira (atualização de verbetes. In: ABREU, Alzira Alves de. (Org.). Dicionário Histórico-Biográfico Brasileiro pós-1930. Rio de Janeiro: Ed. da FGV, 2009, v. , p. -.

  • BASTOS, M. D. . Sérgio Naya, Aécio Neves, Régis de Oliveira, João Paulo, Francelino Pereira (atualização de verbetes). In: ABREU, Alzira Alves de et alli. (Org.). Dicionário Histórico-Biográfico Brasileiro pós-1930. Rio de Janeiro: Ed. da FGV, 2009, v. , p. -.

  • BASTOS, M. D. . Libertar o autômato, emancipar o ser humano. Revista Ouro Canibal, Londrina, p. 1, 25 maio 2021.

  • BASTOS, M. D. ; STEDILE, M. E. ; VILAS BOAS, R. L. . Golpes: a permanência autoritária na política brasileira. Blog do Grupo de Pesquisa Modos de Produção e Antagonismos Sociais, 08 ago. 2016.

  • BASTOS, M. D. ; STEDILE, M. E. ; VILAS BOAS, R. L. . A operação midiática da Globo como arma de distorção em massa. Blog do Grupo de Pesquisas Modos de Produção e Antagonismos Sociais, 04 abr. 2016.

  • BASTOS, M. D. . Radicalizar a luta democrática é fortalecer a organização popular. Brasil de Fato, 04 abr. 2016.

  • BASTOS, M. D. . Luta em Si. Passa Palavra, 16 nov. 2010.

  • BASTOS, M. D. . Solidariedade à venda. Esquina - Jornal Laboratório do UniCEUB, Brasília: UniCEUB, p. 03 - 03, 01 set. 2005.

  • BASTOS, M. D. . A EPC e o Estado como forma política: A virada dialética de Indústria cultural, informação e capitalismo. In: 43 Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2020, Salvador. Anais do 43 Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2020.

  • BERNARDI, G. ; ALONSO, I. ; BASTOS, M. D. . APROXIMAÇÕES TEÓRICAS ENTRE A CRÍTICA DO ESTADO E A CRÍTICA DA ECONOMIA POLÍTICA DA COMUNICAÇÃO. In: 43 Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2020, Salvador. Anais do 43 Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2020.

  • BASTOS, MANOEL DOURADO ; MOURA, J. F. . Estetização da política e estética da mercadoria: uma análise da loja do site do MBL. In: VII Encontro Nacional de Estudos da Imagem / IV Encontro Internacional de Estudos da Imagem, 2019, Londrina. ANAIS VII Encontro Nacional de Estudos da Imagem IV Encontro Internacional de Estudos da Imagem, 2019. v. 1. p. 24-33.

  • BASTOS, M. D. ; MARTINS, R. . Aproximações Especulativas entre a Teoria do Valor-Dissociação e (Crítica da) Economia Política da Comunicação. In: 42 Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2019, Belém. Anais do 42 Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação: Fluxos comunicacionais e crise da democracia, 2019. p. 1-14.

  • BASTOS, M. D. ; FUSARO, W. C. . ?O jornal burguês consegue fazer-se pagar pela própria classe trabalhadora que ele combate sempre?: financiamento e independência de classe no jornalismo segundo Lenin e Gramsci. In: 41° Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2018, Joinville. 41 CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DA COMUNICAÇÃO: Desigualdades, Gêneros e Comunicação. São Paulo: Intercom, 2018.

  • BASTOS, M. D. ; MARTINS, R. ; OLIVEIRA, P. . Divisão sexual do trabalho e forma-comunicação: uma aproximação. In: IX Colóquio Internacional Marx e Engels, 2018, Campinas. IX Colóquio Internacional Marx e Engels, 2018. p. 1-9.

  • BASTOS, M. D. . A comunicação como processo histórico do moderno sistema mundial. In: 11 Encontro Nacional de História da Mídia, 2017, São Paulo. Manipulações midiáticas em perspectiva histórica, 2017.

  • BASTOS, M. D. . Para uma investigação sobre a crise como fundamento da forma-comunicação (I): A informação necessária no momento da circulação simples. In: 40 CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DA COMUNICAÇÃO, 2017, Curitiba. Comunicação, Memória e Historicidades, 2017.

  • BASTOS, M. D. . Alguns apontamentos sobre as relações entre a rede mundial de computadores e o ativismo político. In: II CONGRESSO INTERNACIONAL DE POLÍTICA SOCIAL E SERVIÇO SOCIAL: DESAFIOS CONTEMPORÂNEOS, 2017, Londrina. [Anais do] II Congresso Internacional de Política Social e Serviço Social [livro eletrônico] : Desafios Contemporâneos, [do] III Seminário Nacional de Território e Gestão de Políticas Sociais [e do] II Congresso de Direito à Cidade e Justiça Ambiental, 2017. p. 1-12.

  • BASTOS, M. D. . Da TV à Rede Mundial de Computadores: Snowden e a crítica ao controle audiovisual. In: VI ENEIMAGEM III EIEIMAGEM, 2017, Londrina. Anais do VI Encontro Nacional de Estudos da Imagem [e do] III Encontro Internacional de Estudos da Imagem [livro eletrônico]. Londrina: Universidade Estadual de Londrina, 2017. v. 10. p. 27-37.

  • BASTOS, M. D. . Sob a mira da mídia: Estado de sítio midiático durante o colapso do capitalismo democrático. In: XIII Congresso Latinoamericano de Investigadores de la Comunicación, 2016, Cidade do México. Sociedad del Conocimiento y Comunicación: Reflexiones Críticas desde América Latina, 2016.

  • BASTOS, M. D. . Três momentos decisivos da comunicação alternativa nas estratégias militares dos EUA. In: 6 Encontro Regional Sul de História da Mídia ? Alcar Sul, 2016, Ponta Grossa. Mídias, fluxos migratórios e diásporas: perspectivas históricas, 2016.

  • BASTOS, M. D. . Internet e estado de sítio mundial: uma via de análise à partir da Economia Política da Comunicação. In: VI Encontro Nacional da União Latina da Economia Política da Informação, da Comunicação e da Cultura (ULEPICC) ? Capítulo Brasil, 2016, Brasília. Anais dos Trabalhos Completos Apresentados nos GTs, 2016. v. 5. p. 79-91.

  • BASTOS, M. D. . Kuhle Wampe, um filme comunista. In: V Encontro Nacional de Estudos da Imagem / II Encontro Internacional de Estudos da Imagem, 2015, Londrina. Anais do V Encontro Nacional de Estudos da Imagem [e do] II Encontro Internacional de Estudos da Imagem, 2015. v. 10.

  • BASTOS, M. D. . Agitprop contra indústria cultural: Contrastes das experiências comunicativas diante dos antagonismos sociais. In: 5 Encontro Regional Sul de História da Mídia, 2014, Florianópolis. 50 anos do golpe militar de 1964, 2014.

  • BASTOS, M. D. . Indivíduos entre si: A ?perda da ingenuidade? no primeiro Chico Buarque. In: XIX Encontro Regional de História: Poder, Violência e Exclusão, 2008, São Paulo. Anais do XIX Encontro Regional de História: Poder, Violência e Exclusão., 2008.

  • BASTOS, M. D. . Um marxismo desconcertante: método e crítica em José Ramos Tinhorão. In: 5 Colóquio INternacional Marx e Engels, 2007, Campinas. Anais do 5 Colóquio INternacional Marx e Engels, 2007.

  • BASTOS, M. D. . A bossa nova como realização da ?utopia do som nacional? de Mário de Andrade. In: XVIII Encontro Regional de História: O Historiador e seu Tempo, 2006, Assis/SP. Anais do XVIII Encontro Regional de História: O Historiador e seu Tempo, 2006.

  • BASTOS, M. D. . A ANTINOMIA ESTÉTICA EM CHICO BUARQUE - DE ?A BANDA? (1966) A ?GENTE HUMILDE? (1969).. In: X CONGRESSO INTERNACIONAL DA ABRALIC: lugares dos discursos, 2006, Rio de Janeiro. Congresso Internacional da Associação Brasileira de Literatura Comparada, 10, 2006. v. 10. p. 71-84.

  • BASTOS, M. D. . Passagens da afirmação tropicalista. In: II Seminário de Estudos de Cultura e Literatura Brasileira: Visões da Crítica, 2002, Rio de Janeiro. II Seminário de Estudos de Cultura e Literatura Brasileira, 2002.

  • BASTOS, M. D. . A respeito do passo globalizante: mundialização da obra de Candido e Identidade Negativa. In: Seminário de Estudos de Cultura e Literatura Brasileira, 2001, Rio de Janeiro. Grupo Formação; seminário de Estudos de Cultura e Literatura Brasileira, 2001.

  • MARTINS, R. ; BASTOS, M. D. . CONTRIBUIÇÕES DA TEORIA FEMINISTA PARA O DEBATE SOBRE A ESFERA PÚBLICA E A FORMA-COMUNICAÇÃO. In: VIII Encontro da Ulepicc-Brasil, 2020, Ilhéus. Anais do VIII Encontro da Ulepicc-Brasil, 2020.

  • BASTOS, M. D. ; PAJOLLA, M. ; ALVES, C. C. . APROXIMAÇÕES ENTRE A CRÍTICA DA ESTÉTICA DA MERCADORIA E A ECONOMIA POLÍTICA DA COMUNICAÇÃO. In: VIII Encontro da Ulepicc-Brasil, 2020, Ilhéus. Anais do VIII Encontro da Ulepicc-Brasil, 2020.

  • BASTOS, M. D. ; YWATSUGU, T. I. ; FUSARO, W. C. . A FORMA SOCIAL DA COMUNICAÇÃO NO CONTEXTO SOVIÉTICO: PERTINÊNCIA DE CATEGORIAS DA EPICC PARA O ESTUDO DA COMUNICAÇÃO NA URSS. In: VIII Encontro da Ulepicc-Brasil, 2020, Ilhéus. Anais do VIII Encontro da Ulepicc-Brasil, 2020.

  • BASTOS, M. D. . O que se dá a ver em Chico Buarque de Holanda? A Antinomia Estética em Chico Buarque de Holanda (1966). In: XXIII Semana de História de Assis - ?História e Imagem: Imagem da História?, 2005, Assis/SP. Resumos da XXIII Semana de História, 2005.

  • BASTOS, M. D. . "Leituras do século XIX": Um enfoque comparatista. In: 7o. Congresso de Iniciação Científica da Universidade de Brasília, 2001, Brasília. Anais do 7o. Congresso de Iniciação Científica. Brasília: Decanato de Pesquisa e Pós-graduação, 2001. p. 406-406.

  • BASTOS, M. D. . Um passo da tradição crítica brasileira: o romance de 30. In: 6o. Congresso de Iniciação Científica da Universidade de Brasília, 2000, Brasília. Anais do 6o. Congresso de Iniciação Científica da Universidade de Brasília. Brasília: Dupligráfica Editora Ltda., 2000. p. 334-334.

  • BASTOS, M. D. . Um passo da Tradição Crítica Brasileira. O Romance de 1930. In: 52a. Reunião Anual da SBPC, 2000, Brasília. Anais da 52a. Reunião Anual da SBPC, 2000.

  • BASTOS, M. D. . Das mediações à inclusão digital: sujeitos e TICs. 2019. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BASTOS, M. D. . ?A comunicação na era da desinformação?. 2019. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BASTOS, M. D. . Música e revolução. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BASTOS, M. D. . Formas sociais da liberdade e da censura. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BASTOS, M. D. . Willy Corrêa de oliveira: um músico como produtor na redemocratização. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • BASTOS, M. D. . Hanns Eisler: um músico operativo. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BASTOS, M. D. . Um ?cantor atormentado? O radicalismo de ?Sinhá? (2011), de Chico Buarque e João Bosco, e as origens da canção brasileira.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BASTOS, M. D. . 'Pra não dizer que não falei de flores': Geraldo Vandré e o poder da Canção. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • BASTOS, M. D. . Luta sem dó? Música e agitprop na Rússia e Alemanha revolucionárias. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • BASTOS, M. D. . As lutas no Egito e os padrões de representação da realidade. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BASTOS, M. D. . Eisler e Benjamin, uma clave política. Apontamentos conceituais e históricos para uma audição de Hanns Eisler como ?músico operativo?. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • BASTOS, M. D. . O samba da desilusão. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • BASTOS, M. D. . Indivíduos entre si: A ?perda da ingenuidade? no primeiro Chico Buarque. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • BASTOS, M. D. . Um marxismo desconcertante: método e crítica em José Ramos Tinhorão. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • BASTOS, M. D. . A crise atual e o anacronismo do valor, 2019. (Tradução/Artigo).

  • BASTOS, M. D. . Em memória de Hanns Eisler. Por conta do terceiro ano da morte do compositor em 6 de setembro de 1965. São Paulo: Editora Unesp, 2016. (Tradução/Artigo).

  • ADORNO, T. W. ; BASTOS, M. D. . Fragmento sobre música e linguagem. Marília/SP: Trans/Form/Ação, 2009. (Tradução/Artigo).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

BASTOS, M. D. . Membro da Comissão Científica do II CONGRESSO INTERNACIONAL DE POLÍTICA SOCIAL E SERVIÇO SOCIAL: DESAFIOS CONTEMPORÂNEOS, E O III SEMINÁRIO NACIONAL DE TERRITÓRIO E GESTÃO DE POLÍTICAS SOCIAIS E II CONGRESSO DE DIREITO À CIDADE E JUSTIÇA AMBIENTAL.. 2017.

BASTOS, M. D. . Parecer de Artigo Científico para a Revista Eptic. 2020.

BASTOS, M. D. . Parecer de Artigo Científico para a Revista Eptic (2). 2020.

BASTOS, M. D. . Parecer de Artigo Científico para a Revista Pauta Geral. 2020.

BASTOS, M. D. . Parecer de Artigo Científico para a Revista Liinc. 2020.

BASTOS, M. D. . III Congresso Internacional de Política Social e Serviço Social. 2019.

BASTOS, M. D. . Parecerista GT Economia Política da Comunicação, Informação e Cultura - INTERCOM. 2019.

BASTOS, M. D. . Parecerista GT Economia Política da Comunicação, Informação e Cultura - INTERCOM. 2018.

BASTOS, M. D. ; KLEIN, A. ; MIANI, R. A. ; LONDERO, R. R. ; FONSECA, A. A. . Elaboração da nova área de concentração e novas Linhas de Pesquisa do Mestrado em Comunicação. 2018.

BASTOS, M. D. . II Congresso Internacional de Política Social e Serviço Social. 2017.

BASTOS, M. D. ; MIANI, R. A. . Elaboração de Projeto Pedagógico da Especialização em Comunicação e Cultura Po'lítica. 2017.

BASTOS, M. D. . Análise de Programas e Projetos Estratégicos - CAPPE (PROMIC) - Prefeitura de Londrina. 2017.

BASTOS, M. D. . Parecerista GT Mídia e Cidadania no Intercom. 2016.

BASTOS, M. D. . Parecerista da Revista Domínios da Imagem. 2011.

BASTOS, M. D. . Avaliador ad hoc de relatório final de iniciação científica. 2010.

SANTOS, A. ; BERNARDI, G. ; BASTOS, M. D. . O que é desinformação?. 2020.

SANTOS, A. ; BERNARDI, G. ; BASTOS, M. D. ; MARTINS, H. . A Proteção de Dados Pessoais na Pandemia, com Helena Martins. 2020.

SANTOS, A. ; BASTOS, M. D. ; BERNARDI, G. . Jogando Dados?. 2020.

SANTOS, A. ; BERNARDI, G. ; BASTOS, M. D. ; SILVA, G. F. ; MARTINS, R. ; FUSARO, W. C. . Podcast Jogando Dados. 2020. (Site).

BASTOS, M. D. . Oficina de música para EJA-Médio - 3 Turma de Comunicação e Cultura do MST. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

BASTOS, M. D. . "Desencontro choroso, missão desincumprida". 2005 (Artigo) .

BASTOS, M. D. . IV Seminário de Estudos de Cultura e Literatura Brasileira. 2004.

BASTOS, M. D. ; VILAS BOAS, R. L. . Cotas, em defesa do mérito. 2002 (Artigo) .

BASTOS, M. D. . Caracterizando o tropicalismo. 2002 (Monografia) .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    A FORMA SOCIAL DA COMUNICAÇÃO E SUA CRISE, Descrição: O presente projeto de pesquisa visa o estudo detalhado da comunicação como forma social, partindo do trabalho de César Bolao e enriquecendo seus argumentos com as contribuições de um conjunto de autores que organizam seus argumentos em torno do conceito marxiano. Faremos a particularização dos diversos momentos da produção e reprodução do capital, avançando em detalhes pouco ou nada explorados por Bolao em seu trabalho. Junto a isso, observaremos a forma social da comunicação sob o prisma da crise, entendida como um momento lógico do conceito de capital. Portanto, primeiro devemos acompanhar a crise em seus aspectos lógicos no âmbito geral do capital para, em seguida avalia-la no que diz respeito à forma social da comunicação e só então passar a uma avaliação contextual da crise. Esperamos que as experiências concretas da crise no âmbito da forma social da comunicação também venham a revelar aspectos importantes de seus elementos lógicos. Será adotado a dialética sistemática para a análise e exposição do conceito de forma social da comunicação, assim como para a apresentação dos estudos dos casos concretos. Esperamos alcançar ao final do projeto a produção de artigos, ao menos três Trabalhos de Conclusão de Curso, seis Dissertações de Mestrado e três Iniciações Científicas. Há a expectativa de produção de um Podcast para difusão do conhecimento acumulado durante a pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (4) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Manoel Dourado Bastos - Coordenador / Willian Casagrande Fusaro - Integrante / Guilherme Bernardi - Integrante / GABRIELA FERNANDES SILVA - Integrante / TAMIRIS DA ANUNCIACAO SANTOS - Integrante / Murilo Cruz Pajolla - Integrante / TATIANA IAQUINTO YWATSUGU - Integrante / Isabela Alonso - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

  • 2016 - 2019

    Sinais da crise do capitalismo ? determinações históricas das formas audiovisuais de produção comunicacional (dos sistemas nacionais de televisão à rede mundial de computadores), Descrição: O presente projeto se propõe a estudar o processo de transformação das determinações históricas entre comunicação e capitalismo, particularmente os processos relativos às formas audiovisuais, concentrando-se na interpretação do período que vai da hegemonia comunicativa dos sistemas nacionais de televisão àquela da rede mundial de computadores. A partir das contribuições da economia política da informação, comunicação e cultura (EPICC), pretende-se caracterizar as formas audiovisuais de comunicação moderna como aspectos de complexas dinâmicas históricas que se desdobram dos padrões de reprodução do capital e do estado-nação moderno, elementos essenciais do capitalismo. Reconhece-se assim a comunicação como um processo histórico específico da modernidade capitalista. Trata-se inicialmente de observar a expansão global dos sistemas nacionais de televisão, caracterizando-a como elemento essencial ao capitalismo no século XX. Em seguida, o interesse recai sobre a crise sistêmica do capital e a correspondente emergência das redes mundiais de computadores. Busca-se particularmente avaliar as continuidades e rupturas desse processo histórico em consonância com os debates sobre o atual estado histórico do capitalismo. Sob esse prisma, a rede mundial de computadores mantém aspectos essenciais dos sistemas nacionais de televisão, superando-os como um complexo midiático e de controle afeito à dinâmica de militarização do cotidiano.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Manoel Dourado Bastos - Coordenador / Guilherme Bernardi - Integrante / GABRIELA FERNANDES SILVA - Integrante / LANAH STIEVANO CONSOLINI - Integrante / MARIANNA SILVEIRA PONTILLO - Integrante / TAMIRIS DA ANUNCIACAO SANTOS - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

  • 2014 - 2017

    O CINEMA SONORO E A ATUALIDADE DA REVOLUÇÃO: A ?FUSÃO DE FORMAS? E A ?POLITIZAÇÃO DAS ARTES? EM FINS DA REPÚBLICA DE WEIMAR, Descrição: O PRESENTE TRABALHO PRETENDE OBSERVAR A EXPERIÊNCIA QUE, POR MEIO DA TÉCNICA DA MONTAGEM, LEVOU ADIANTE O LEMA DA ?POLITIZAÇÃO DAS ARTES? (WALTER BENJAMIN) NO NASCEDOURO DO CINEMA SONORO EM FINS DA REPÚBLICA DE WEIMAR, ESPECIALMENTE AS PRODUÇÕES CINEMATOGRÁFICAS LIGADAS A BERTOLT BRECHT, KURT WEILL E HANNS EISLER. ATENTANDO ÀS CONCEPÇÕES DE WALTER BENJAMIN SOBRE ?FUSÃO DE FORMAS?, ESTE PROJETO ESPERA ANALISAR E INTERPRETAR OS FILMES A ÓPERA DOS TRÊS VINTÉNS E KUHLE WAMPE EM SEUS ASPECTOS AUDIOVISUAIS, OU SEJA, RECONHECENDO QUE A OBRA FÍLMICA, NO QUE DIZ RESPEITO A SUAS CARACTERÍSTICAS IMAGÉTICAS E NARRATIVAS, É INCOMPREENSÍVEL SEM SUA CORRELAÇÃO SONORA. OS FILMES EM ESCOPO SERÃO INTERPRETADOS OBSERVANDO SUA POSIÇÃO NO AMBIENTE DAS ARTES VISUAIS, DO TEATRO POLÍTICO, DA MÚSICA E DO CINEMA ALEMÃO DE FINS DOS ANOS 1920 E INÍCIO DOS ANOS 1930. O PRINCIPAL MARCO TEÓRICO DESTE PROJETO SE ENCONTRA NOS ENSAIOS DE WALTER BENJAMIN ?A OBRA DE ARTE NA ERA DE SUA REPRODUTIBILIDADE TÉCNICA? E ?O AUTOR COMO PRODUTOR?. A PARTIR DELES, RECORREREMOS À LEITURA DE IMPORTANTES TRABALHOS SOBRE O CINEMA ALEMÃO DO PERÍODO ESTUDADO (ESPECIALMENTE OS LIVROS DE CALIGARI A HITTLER: UMA HISTÓRIA PSICOLÓGICA DO CINEMA ALEMÃO, DE SIEGFRIED KRACAUER, E A TELA DEMONÍACA: AS INFLUÊNCIAS DE MAX REINHARDT E DO EXPRESSIONISMO, DE LOTTE EISNER). ASSIM, BUSCAMOS COM ESSE TRABALHO OBSERVAR DE QUE MANEIRA SE DESDOBRARAM AS RELAÇÕES ENTRE MÚSICA E CENA NA PEÇA A ÓPERA DOS TRÊS VINTÉNS E EM SUA ADAPTAÇÃO PARA O CINEMA. PERGUNTAMOS SE A ADAPTAÇÃO CINEMATOGRÁFICA (TALVEZ POR NÃO CONTAR COM A PARTICIPAÇÃO DE BRECHT NA PRODUÇÃO) PODE REVELAR OS LIMITES DOS RESULTADOS ALCANÇADOS COM A PEÇA, PRINCIPALMENTE NO QUE DIZ RESPEITO À AUTONOMIA ENTRE TEXTO, MÚSICA E IMAGEM PROPOSTA POR BRECHT, TENDO EM VISTA AS CANÇÕES DE WEILL SE SOBRESSAÍREM. COM ISSO, PRETENDEMOS OBSERVAR O SALTO ARTÍSTICO ALCANÇADO EM A DECISÃO E KUHLE WAMPE, PERGUNTANDO-NOS SE A EXPERIÊNCIA DE EISLER COM AS QUESTÕES POLÍTICAS DE SUA ÉPOCA, MEDIANTE A PARTICIPAÇÃO NOS CORAIS DE TRABALHADORES, NAS TRUPES DE AGITPROP E NAS ORGANIZAÇÕES CULTURAIS DO KPD, LEVARAM À SUPERAÇÃO DOS LIMITES ALCANÇADOS COM Á ÓPERA DOS TRÊS VINTÉNS. PARA ISSO, BASEAREMOS A INTERPRETAÇÃO NA OBSERVAÇÃO ESTÉTICA DOS TRABALHOS ANALISADOS ? OU SEJA, PRETENDEMOS RECONHECER COMO TEXTO, CENA, IMAGEM E SOM SE ARTICULAM; QUE PROCEDIMENTOS ARTÍSTICOS FORAM UTILIZADOS; O QUE MUDA E O QUE PERMANECE NA COMPARAÇÃO ENTRE AS OBRAS. TUDO ISSO DEVIDAMENTE POSTO EM SEU CONTEXTO ESTÉTICO E HISTÓRICO. ADOTANDO A FORMA DO ENSAIO COMO ESTRUTURA TEXTUAL AO FINAL, A PESQUISA ADERE A UM TIPO DE MÉTODO DE TRABALHO PRÓPRIO À VERTENTE DA CRÍTICA MATERIALISTA QUE, INTERESSADA NA ESTÉTICA, ENCONTROU SEUS PRINCIPAIS AUTORES JUSTAMENTE NA ALEMANHA DOS ANOS 1920 EM DIANTE. TRATA-SE PRINCIPALMENTE DAS FIGURAS DE THEODOR ADORNO E WALTER BENJAMIN, MAS TAMBÉM DE ERNST BLOCH E SIEGFRIED KRACAUER.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Manoel Dourado Bastos - Coordenador / Danylo Alvares da Silva - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2015

Professor homenageado pelos formandos de Jornalismo Noturno 2014, UEL.

2001

Melhor pesquisa na área de Literatura, Pibic/UnB.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Estadual de Londrina, Centro de Educação Comunicação e Artes, Departamento de Comunicação. , Rodovia Celso Garcia Cid | Pr 445 Km 380, Campus Universitário, 86057970 - Londrina, PR - Brasil, Telefone: (43) 33714328, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2012 - Atual

Universidade Estadual de Londrina

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Professor da área Teoria da Comunicação, subárea Comunicação Popular e Cultura

Atividades

  • 01/2018

    Ensino, Comunicação e Cultura Política, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Economia Política da Informação, Comunicação e Cultura

  • 01/2017

    Pesquisa e desenvolvimento, Centro de Educação Comunicação e Artes, Departamento de Comunicação.,Linhas de pesquisa

  • 01/2017

    Ensino, Jornalismo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Comunicação, Cultura e Sociedade, Teorias da Comunicação

  • 01/2017

    Ensino, Comunicação, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Economia Política do Audiovisual, Estruturas econômicas e formas sociais da Comunicação

  • 01/2016

    Direção e administração, Centro de Educação Comunicação e Artes, Departamento de Comunicação.,Cargo ou função, Coordenador da Especialização em Comunicação Popular e Comunitária.

  • 07/2013

    Ensino, Comunicação Popular e Comunitária, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, História das Instituições e dos Movimentos Sociais, Comunicação Popular e Mundo do Trabalho

  • 10/2012

    Pesquisa e desenvolvimento, Centro de Educação Comunicação e Artes, Departamento de Comunicação.,Linhas de pesquisa

  • 07/2017 - 03/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Educação Comunicação e Artes.,Cargo ou função, Membro do Colegiado de Centro (Representando as especializações do Centro).

  • 07/2016 - 12/2018

    Pesquisa e desenvolvimento, Centro de Educação Comunicação e Artes, Departamento de Comunicação.,Linhas de pesquisa

  • 10/2016 - 08/2018

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Educação Comunicação e Artes, Departamento de Comunicação.,Cargo ou função, Colegiado do curso de Jornalismo.

  • 03/2016 - 03/2018

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Educação Comunicação e Artes, Departamento de Comunicação.,Cargo ou função, Comissão de Pós-graduação.

  • 03/2014 - 03/2018

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Educação Comunicação e Artes, Departamento de Comunicação.,Cargo ou função, Colegiado do curso de Relações Públicas.

  • 10/2012 - 12/2016

    Ensino, Relações Públicas, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Comunicação Comunitária, Comunicação e Cultura, Estética e Comunicação, Teoria da Comunicação

  • 08/2013 - 07/2015

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Educação Comunicação e Artes, Departamento de Comunicação.,Cargo ou função, Comissão de Extensão - coordenador.

  • 08/2013 - 07/2015

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Educação Comunicação e Artes.,Cargo ou função, Comissão de Extensão.

2015 - Atual

Universidade de Brasília, UnB

Vínculo: Voluntário, Enquadramento Funcional: Membro de Grupo de Pesquisa, Carga horária: 2

Outras informações:
Coordenador do Grupo de Pesquisa Modos de Produção e Antagonismos Sociais, sediado na UnB.

2008 - 2011

Universidade de Brasília, UnB

Vínculo: voluntário, Enquadramento Funcional: professor voluntário

Outras informações:
Professor voluntário na Licenciatura em Educação no Campo, promovido pela UnB em parceria com o Iterra. Disciplinas ministradas: Estética e política; Mediações entre forma social e forma estética; Arte e Sociedade: música

2004 - 2011

Universidade de Brasília, UnB

Vínculo: pesquisador, Enquadramento Funcional: Membro de Grupo de Pesquisa, Carga horária: 4

Atividades

  • 11/2010 - 12/2011

    Pesquisa e desenvolvimento, Campus Planaltina.,Linhas de pesquisa

  • 02/2008 - 12/2011

    Ensino, Educação no Campo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Arte e Sociedade IV: música, Estética e Política, Mediações entre forma social e forma estética

2005 - 2009

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Vínculo: doutorando, Enquadramento Funcional: Doutorando, Regime: Dedicação exclusiva.

2010 - 2011

Universidade do Estado de Santa Catarina

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Prof. Substituto, Carga horária: 8

Outras informações:
Prof. Substituto de Sociologia no Departamento de Artes Visuais do Centro de Artes.

Atividades

  • 03/2010 - 12/2011

    Ensino, Artes Plásticas, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Sociologia da Arte, Sociologia da Educação

2004 - 2004

Centro Universitário de Brasília, UniCEUB

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 16

2004 - 2004

Centro Universitário de Brasília, UniCEUB

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 30, Regime: Dedicação exclusiva.

2003 - 2003

Centro Universitário de Brasília, UniCEUB

Vínculo: , Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 8

2003 - 2003

Centro Universitário de Brasília, UniCEUB

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 12

Atividades

  • 07/2004 - 12/2004

    Ensino, Jornalismo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Orientação de Monografia de Fim de Curso (10 orientandos), Teorias da Comunicação, Estética e Cultura de Massas, Teorias do Jornalismo

  • 02/2003 - 12/2004

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Comunicação.,Cargo ou função, Colegiado de Professores.

  • 01/2004 - 06/2004

    Ensino, Jornalismo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estética e Cultura de Massas, Teorias do Jornalismo

  • 07/2003 - 12/2003

    Ensino, Jornalismo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Teorias do Jornalismo, Estética e Cultura de Massas

  • 02/2003 - 06/2003

    Ensino, Jornalismo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estética e Cultura de Massa

2003 - 2004

Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Técnico em Comunicação Social, Carga horária: 40

Outras informações:
Funcionário concursado do Departamento de Comunicação e Marketing. Durante os quatro primeiros meses, atuação na Divisão de Marketing Cultural, na produção de contratos para o patrocínio de eventos culturais. No restante do período, atuação na Divisão de Imprensa, com produção de releases, acompanhamento de eventos das principais diretorias da instituição, bem como da Presidência, além da organização de duas publicações institucionais: revista CEP Brasil, voltada para o público externo da empresa (principalmente os principais clientes); jornal Correios do Brasil, voltado para o público ijnterno da empresa (possivelmente o maior jornal institucional do Brasil, na medida em que a ECT é a maior empregadora celetista do País).

Atividades

  • 05/2003 - 06/2004

    Serviços técnicos especializados , Departamrento de Comunicação e Marketing, Divisão de Imprensa.,Serviço realizado, Produção de Releases.

  • 05/2003 - 06/2004

    Serviços técnicos especializados , Departamrento de Comunicação e Marketing, Divisão de Imprensa.,Serviço realizado, Organização de Publicações Institucionais.

  • 05/2003 - 06/2004

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamrento de Comunicação e Marketing, Divisão de Imprensa.,Cargo ou função, Conselho Editorial de Publicações Institucionais.

  • 01/2003 - 04/2003

    Serviços técnicos especializados , Departamrento de Comunicação e Marketing, Divisão de Marketing Cultural.,Serviço realizado, Organização de Contratos de Patrocínio Cultural.

2002 - 2002

Estudos e Consultoria de Comunicações

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Jornalista, Carga horária: 40

Outras informações:
Acompanhamento e análise de políticas públicas no âmbito dos poderes Executivo (Ministério das Comunicações e Agência Nacional de Telecomunicações) e Congresso Nacional.

Atividades

  • 01/2002 - 12/2002

    Serviços técnicos especializados .,Serviço realizado, Acompanhamento e análise de políticas públicas.

1998 - 1999

Senado Federal

Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário de Comunicação, Carga horária: 20

Atividades

  • 08/1998 - 07/1999

    Estágios , Subsecretaria de Relações Públicas.,Estágio realizado, Produção de folders, cartazes e releases.

2011 - 2011

Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Vínculo: Professor convidado, Enquadramento Funcional: Convidado, Carga horária: 20

Outras informações:
Professor convidado para a disciplina "Estética e Política" do curso de Licenciatura em Educação do Campo.

2011 - 2011

Universidade Federal do Ceará

Vínculo: Professor Convidado, Enquadramento Funcional: Convidado, Carga horária: 4

Outras informações:
Professor convidado da turma de Jornalismo da Terra, da UFC, com recursos do Pronera, para a disciplina de Estética e Comunicação de Massas.

2010 - 2011

Universidade Federal do Piauí

Vínculo: Professor Convidado, Enquadramento Funcional: Convidado, Carga horária: 4

Outras informações:
Professor convidado da Licenciatura Plena em Artes, habilitação em Música, da UFPI, com recursos do Pronera, para ministrar as Oficinas de Música e Sociedade.