Paula Moraes Pfeifer

Psicóloga Clínica no Instituto de Cardiologia - Fundação Universitária de Cardiologia (IC-FUC), responsável pela Pediatria, Cardiologia Fetal e Transplantes. Preceptora da Residência Integrada em Saúde: cardiologia (RISC). Mestre em Psicologia da Saúde pela Universidade Federal de Santa Maria - UFSM (2015). Especialista em Psicologia Hospitalar reconhecida pelo Conselho Federal de Psicologia - CFP (2011). Especializou-se através da Residência Integrada em Saúde: cardiologia - RISC (2011). Possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal de Santa Maria - UFSM (2008). Tem experiência nas áreas de Psicologia Hospitalar, Psicologia da Saúde e Saúde Pública, com ênfase em Psicanálise.

Informações coletadas do Lattes em 21/10/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Psicologia

2013 - 2015

Universidade Federal de Santa Maria
Título: O PAPEL DA FANTASIA EM CRIANÇAS FACE AO ATO CIRÚRGICO,Ano de Obtenção: 2015
Alberto Manuel Quintana.Palavras-chave: Psicologia em saúde; Psicanálise; Fantasia; Cirurgia pediátrica; Pré-operatório.Grande área: Ciências HumanasGrande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cirurgia / Especialidade: Cirurgia Pediátrica. Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública. Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.

Especialização em Residência Multiprofissional Integrada em Saúde

2009 - 2011

Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul
Título: Estratégias de Enfrentamento pós-transplante cardíaco: implicações psicológicas
Orientador: Patricia Pereira Ruschel
Bolsista do(a): Núcleo Estadual do Ministério da Saúde no Rio Grande do Sul, NEMS/RS, Brasil.

Graduação em Psicologia

2003 - 2007

Universidade Federal de Santa Maria
Título: O MANEJO CLÍNICO DA MORTE SOB A PERSPECTIVA DO PSICÓLOGO DA REDE PÚBLICA DE SANTA MARIA.
Orientador: Prof.ª Dr.ª Cláudia Maria de Sousa Palma

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2014 - 2014

Escrita Científica. (Carga horária: 5h). , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.

2014 - 2014

Subjetividade e Contemporaneidade. (Carga horária: 30h). , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.

2009 - 2009

Extensão universitária em Curso de Nivelamento. (Carga horária: 75h). , Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul, IC/FUC, Brasil.

2008 - 2008

Extensão universitária em Perspectivas Atuais em Psicologia do Adolescente. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.

2006 - 2006

Extensão universitária em Curso de extensão em línguas estr.: Alemão B2. (Carga horária: 45h). , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.

2005 - 2005

Extensão universitária em Perspectivas Atuais em Psicologia do Adolescente. (Carga horária: 24h). , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.

2005 - 2005

Extensão universitária em Curso de extensão em línguas estr.: Alemão B1. (Carga horária: 45h). , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.

2004 - 2004

A análise fatorial na constr. de instrum. psicom.. (Carga horária: 6h). , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.

2003 - 2003

Extensão universitária em Atualização em psicologia do desenvolvimento da cr. (Carga horária: 32h). , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Alemão

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Psicologia Hospitalar.

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública.

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

VIEIRA, D. R. ; PAIANI, R. L. ; RUSCHEL, P. P. ; SEELIG, C. ; PFEIFER, PAULA MORAES ; OLIVEIRA, M. E. ; ARGIMON, I. I. L. ; CERVO, V. C. ; HOFMEISTER, M. V. ; SILVA, F. S. ; SOUZA, C. O. ; LOPES, A. ; GOMES, P. A. . SIMPÓSIO DE PSICOLOGIA NO CONGRESSO DA SOCIEDADE DE CARDIOLOGIA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL - SOCERGS 2019. 2019. (Congresso).

RUSCHEL, P. P. ; PFEIFER, P. M. ; SEELIG, C. ; COIRO, C. L. ; FLORISBAL, G. S. ; SANTOS, P. A. . Encontro do Serviço de Psicologia Clínica 2018 do Instituto de Cardiologia/Fundação Universitária de Cardiologia. 2018. (Outro).

LEIVAS, J. A. S. L. ; GARCIA, E. L. ; LIMA, J. B. ; SILVA, A. M. V. ; FONTOURA, F. F. ; BERGOLI, C. ; GRAZIOLI, D. C. ; DALMAZO, A. L. ; MACHADO, F. C. R. ; PFEIFER, P. M. ; PAIANI, R. L. . Simpósio de Especialidades em Cardiologia do Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul. 2018. (Congresso).

PFEIFER, P. M. ; PAIANI, R. L. ; LOPES, A. ; COIRO, C. L. ; AVILA, C. M. ; SOUZA, C. O. ; SEELIG, C. ; VIEIRA, D. R. ; RIBAS, F. ; FLORISBAL, G. S. ; OLIVEIRA, M. E. ; RUSCHEL, P. P. ; SANTOS, P. A. ; VIGUERAS, E. ; ARGIMON, I. I. L. ; MOURA, M. . Simpósio de Psicologia em Cardiologia do Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul. 2018. (Congresso).

PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; Angela Castro ; AVILA, C. M. ; SOUZA, C. O. ; SEELIG, C. ; MAJID, M. L. ; SANTOS, P. A. ; VIGUERAS, E. ; FLORISBAL, G. S. ; VIEIRA, D. R. ; COIRO, C. L. ; BRITES, N. B. M. ; PICCOLI, A. B. ; PAIANI, R. L. . Simpósio de Psicologia em Cardiologia - SOCERGS 2017. 2017. (Congresso).

RUSCHEL, P. P. ; PFEIFER, P. M. ; SEELIG, C. ; AVILA, C. M. ; SOUZA, C. O. ; VIEIRA, D. R. ; MAJID, M. L. . Encontro do Serviço de Psicologia Clínica do Instituto de Cardiologia/Fundação Universitária de Cardiologia. 2017. (Outro).

RUSCHEL, P. P. ; PFEIFER, P. M. ; SEELIG, C. ; AVILA, C. M. . Encontro do Serviço de Psicologia Clínica do Instituto de Cardiologia: 35 anos entre a escuta e a ausculta do coração. 2016. (Outro).

AVILA, C. M. ; SANCHES, M. M. ; RUSCHEL, P. P. ; PFEIFER, P. M. ; SOUZA, C. O. ; VIEIRA, D. R. ; SEELIG, C. ; BRITES, N. B. M. ; PAIANI, R. L. . X Jornada Gaúcha de Psicologia Hospitalar. 2016. (Outro).

QUINTANA, A. M. ; SALVAGNI, A. ; DALMOLIN, A. ; BARBIERI, A. ; CANTARELLI, N. D. C. ; PFEIFER, P. M. ; FRIGGI, P. F. ; OLESIAK, L. R. ; ZIMMERMAN, A. C. O. ; HERDINA, M. ; BASSI, M. ; TREVISAN, D. M. ; REIS, C. G. C. ; WEISSHEIMER, T. K. S. . II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas e II Simpósio Internacional de Bioética na Pesquisa. 2014. (Outro).

PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; VIGUERAS, E. ; GRINGS, C. O. ; MOURA, M. ; Arena, S. ; Brilmann, M ; Ismael, S . 24º Fórum de Psicologia em Cardiologia. 2011. (Outro).

PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; SEELIG, C. . 3º Simpósio de Psicologia em Cardiologia. 2010. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

CONGRESSO DA SOCIEDADE DE CARDIOLOGIA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL - SOCERGS 2019. 2019. (Congresso).

SIMPÓSIO DE PSICOLOGIA DO CONGRESSO DA SOCIEDADE DE CARDIOLOGIA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL - SOCERGS 2019. 2019. (Simpósio).

38ª Semana Científica HCPA. 2018. (Outra).

IV Edição do Curso de Capacitação em Estresse Precoce. 2018. (Outra).

Simpósio de Psicologia em Cardiologia do Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul. 2018. (Simpósio).

Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul. Caso Clínico - Overtraining e Doença Cardíaca. 2017. (Congresso).

Simpósio de Psicologia em Cardiologia. 2017. (Simpósio).

XV Congresso Brasileiro de Transplantes 2017. Há relevância do preparo psicológico para redução dos níveis de depressão e estresse no transplante cardíaco. 2017. (Congresso).

36ª Semana Científica do HCPA. 2016. (Outra).

Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul SOCERGS 2016. 2016. (Congresso).

Dia F (Dia de Atenção ao Coração Fetal).-. 2016. (Outra).

Simpósio de Psicologia em Cardiologia. 2016. (Simpósio).

X Jornada Gaúcha de Psicologia Hospitalar. 2016. (Outra).

9ª Jornada Gaúcha de Psicologia Hospitalar _ Inovação nas Práticas de Saúde. 2014. (Outra).

II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas e II Simpósio Internacional de Bioética na pesquisa. 2014. (Seminário).

Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular. 2013. (Congresso).

V Jornada do Mestrado em Psicologia/UFSM: Pesquisa e pós-graduação.. 2013. (Outra).

4ª Jornada WP de Terapia Cognitiva - O Impacto da Terapia Cognitiva na promoção da saúde mental. 2012. (Outra).

CONHECENDO O NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO. 2012. (Outra).

Curso pré-jornada Novas Técnicas Cognitivo Comportamentais para Crianças e adolescentestes. 2012. (Outra).

III Congresso Brasileiro de Psicologia da Saúde. 2012. (Congresso).

III Congresso Brasileiro de Psicologia da Saúde. É PEGAR OU LARGAR!?: O COPING NOS TRANSPLANTADOS CARDÍACOS. 2012. (Congresso).

III Congresso Brasileiro de Psicologia da Saúde. Contemplando a mudança: perfil de pacientes em ambulatório para cessação do tabagismo. 2012. (Congresso).

24º Fórum de Psicologia em Cardiologia. 2011. (Congresso).

24º Fórum de Psicologia em Cardiologia. Dissipando a cortina de fumaça: perfil do paciente em ambulatório de cessação de tabagismo. 2011. (Congresso).

Dia Nacional de Prevenção e Tratamento da Hipertensão Arterial.-. 2011. (Outra).

VIII Congresso da Sociedade Brasileira de Psicologia Hospitalar. Avaliadora de Posteres. 2011. (Congresso).

VIII Congresso da Sociedade Brasileira de Psicologia Hospitalar. Preparo psicológico: a influência na utilização de estratégias de enfrentamento pós-transplante cardíaco. 2011. (Congresso).

X Congresso Brasileiro de Insuficiência Cardíaca - DEIC 2011. O Coping e a Influência do Acompanhamento Psicológico em Transplantados Cardíacos. 2011. (Congresso).

30ª Semana Científica do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. 2010. (Seminário).

3º Simpósio de Psicologia em Cardiologia. 2010. (Simpósio).

3º Simpósio de Psicologia em Cardiologia.A Relevância do Preparo Psicológico em Transplantes Cardíacos: um caso clínico. 2010. (Simpósio).

3º Simpósio de Psicologia em Cardiologia.O Efeito da Intervenção Psicológica na Redução dos Níveis de Stress e Ansiedade em Hipertensos. 2010. (Simpósio).

65º Congresso Brasileiro de Cardiologia. INTERVENÇÃO NUTRICIONAL E PSICOLÓGICA NA REDUÇÃO DO IMC E DA ANSIEDADE EM HIPERTENSOS. 2010. (Congresso).

Dia F (Dia de Atenção ao Coração Fetal).-. 2010. (Outra).

I Encontro do Grupo de Pesquisas em Insuficiência Cardíaca e Transplantes. 2010. (Encontro).

V Encontro Brasileiro sobre o Pensamento de D. W. Winnicott - Trauma. 2010. (Encontro).

XXVIII Curso de Inverno. Atualização em Cardiologia. 2010. (Outra).

II Seminário Gaúcho de Residências em Saúde: Construindo a Integralidade. 2009. (Seminário).

Oficina de Redação de Artigos Científicos. 2009. (Oficina).

X Curso Internacional de Cardiologia Fetal e Pediátrica VI Encontro de Medicina Fetal do Mercosul. 2009. (Encontro).

1º Congresso Brasileiro de Saúde Mental. Práticas terapêuticas para usuários de crack:uma criação. 2008. (Congresso).

1º Congresso Brasileiro de Saúde Mental. Apoio Matricial: reflexões iniciais.. 2008. (Congresso).

1º Congresso Brasileiro de Saúde Mental. 2008. (Oficina).

Ato Público em Homenagem ao dia 18 de Maio. 2008. (Outra).

Noites de Psicologia. 2008. (Encontro).

Seminário de Introdução à Psicologia Hospitalar. 2008. (Seminário).

21ª Jornada Acadêmica Integrada.Experiência de Estágio em Psicologia Hospitalar no HUSM. 2006. (Outra).

Paixão e Traição: a questão dos desejos. 2006. (Outra).

II Encontro Regional da Associação de Familiares, Amigos e Bipolares. 2005. (Encontro).

VI Congresso Internacional de Educação Popular. Lar Vila das Flores. 2005. (Congresso).

VI Congresso Internacional de Educação Popular. 2005. (Congresso).

Clínica e Vida. 2004. (Simpósio).

IV Semana Acadêmica do Curso de Psicologia da UFSM. 2004. (Outra).

A Psicose na Clínica Junguiana. 2003. (Seminário).

O Amor em Tempos de Sexo. 2003. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Thiago Ferreira Mucenecki

PALMA, C.M.S.; QUINTANA, A. M.;MUCENECKI, T. F.. O manejo clínico da morte sob a perspectiva do psicólogo da rede pública de Santa Maria. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Psicologia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Cláudia Maria de Sousa Palma

PALMA, C. M. S.. O manejo clínico da morte sob a perspectiva do Psicólogo da rede pública de Santa Maria. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Psicologia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Camila Peixoto Farias

FARIAS, C. P.; Rossato, C.; Quintana, A. M.. Fantasias Pré-cirurgicas em crianças hospitalizadas. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Psicologia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Alberto Manuel Quintana

QUINTANA, A. M.; PEREIRA, C.R.R.; Ruschel, P. P.. O papel da fanasia em crianças face ao ato cirúrgico. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Psicologia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Alberto Manuel Quintana

QUINTANA, A. M.. O manejo clínico da morte sob a perspectiva do psicólogo da rede pública de Santa Maria. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Psicologia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Caroline Rubin Rossato Pereira

QUINTANA, Alberto M;PEREIRA, Caroline Rubin Rossato; RUSCHEL, P. P.. O papel da fantasia em crianças face ao ato cirúrgico. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Psicologia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Caroline Rubin Rossato Pereira

QUINTANA, Alberto M;PEREIRA, Caroline Rubin Rossato; FARIAS, C. P.. Fantasias pré-cirúrgicas em crianças hospitalizadas. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Psicologia) - Universidade Federal de Santa Maria.

MÔNICA MEDEIROS KOTHER MACEDO

QUINTANA, A. M.MACEDO, M. M. K.. Fantasias pré-cirúrgicas em crianças hospitalizadas. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Psicologia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Marta Velo Hofmeister

Delirium no CTI: ansiedade e depressão como possíveis fatores de risco na população idosa; Início: 2018; Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional Integrada em Saúde) - Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul, Fundação de Apoio e Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do MS; (Orientador);

Verônica Cervo Cervo

CASAIS COM FILHOS CARDIOPATAS: O HOSPITAL E O AJUSTAMENTO CONJUGAL; Início: 2018; Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional Integrada em Saúde) - Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul, Fundação de Apoio e Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do MS; (Orientador);

Priscilla Andrewns dos Santos

APOIO SOCIAL E COPING EM PACIENTES COM INSUFICIÊNCIA CARDÍACA; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional Integrada em Saúde) - Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Paula Moraes Pfeifer;

Mariane Lersch Majid

Análise de estratégias de coping em cuidadores de crianças cardiopatas congênitas: um estudo comparativo; 2016; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional Integrada em Saúde) - Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Paula Moraes Pfeifer;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Cláudia Maria de Sousa Palma

O manejo clínico da morte sob a perspectiva do Psicólogo da rede pública de Santa Maria; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Psicologia) - Universidade Federal de Santa Maria; Orientador: Claudia Maria de Sousa Palma;

Patricia Pereira Ruschel

Estratégias de coping transplantados; 2011; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional Intergrada em Saúde) - Instituto de Cardioloiga-Fundação Universitária de Cardiologia, Ministério da Saúde; Orientador: Patricia Pereira Ruschel;

Camila Peixoto Farias

Docência Orientada I e II; 2014; Orientação de outra natureza; (Psicologia) - Universidade Federal de Santa Maria; Orientador: Camila Peixoto Farias;

Alberto Manuel Quintana

Fantasias pré-cirurgicas em crianças hospitalizadas; 2015; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Psicologia) - Universidade Federal de Santa Maria,; Orientador: Alberto Manuel Quintana;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. . Os Sentimentos e o Fantasiar em Crianças que Aguardam Cirurgia. PSICOLOGIA: TEORIA E PESQUISA (BRASÍLIA. ONLINE) , v. 34, p. 1, 2018.

  • ZIMMERMAN, A. C. O. ; CHRISTOFARI, G. C. ; MACHADO, M. S. ; KOLTERMANN, G. ; PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. ; FARIAS, C. P. . O brincar como recurso terapêutico à criança com câncer: relato de experiências. EXPERIÊNCIA - REVISTA CIENTÍFICA DE EXTENSÃO , v. 3, p. 48-59, 2017.

  • PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. . O Ato Cirúrgico e as Fantasias Infantis: Uma Revisão da Literatura. Mudanças - Psicologia da Saúde , v. 23, p. 9-16, 2015.

  • PFEIFER, PAULA MORAES ; RUSCHEL, PATRICIA PEREIRA ; BORDIGNON, SOLANGE . Coping strategies after heart transplantation: psychological implications. Revista Brasileira de Cirurgia Cardiovascular (Impresso) , v. 28, p. 61-68, 2013.

  • PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. . PREPARO PSICOLÓGICO: A INFLUÊNCIA NA UTILIZAÇÃO DE ESTRATÉGIAS DE ENFRENTAMENTO PÓS-TRANSPLANTE CARDÍACO. Revista da SBPH (Belo Horizonte. Impresso) , v. 16, p. 153-165, 2013.

  • PFEIFER, P. M. ; PALMA, C. M. S. . A iminência de morte em questão: a perspectiva e o manejo clínico de psicólogos da saúde pública.. Medicina (USP.FMRP) , v. 42, p. 451-460, 2009.

  • PFEIFER, PAULA MORAES ; RUSCHEL, P. P. ; AVILA, C. M. . Indicação de transplante cardíaco: as repercussões psíquicas e a abordagem psicológica. In: Patricia Pereira Ruschel e Cynthia Seelig. (Org.). Psicologia e Cardiologia: reflexão e prática. 2ed.Novo Hamburgo: Sinopsys, 2019, v. , p. 17-271.

  • PFEIFER, PAULA MORAES . Cirurgia cardíaca e psicologia: corporalidade, complexidade, simbologias e significados. In: Patricia Pereira Ruschel; Cynthia Seelig. (Org.). Psicologia e Cardiologia: reflexão e prática. 1ed.Novo Hamburgo: Sinopsys, 2019, v. , p. 17-271.

  • FRIZZO, N. S. ; SIMAS, T. M. ; PFEIFER, P. M. . OS DESAFIOS DA PSICOLOGIA EM EQUIPE MULTIPROFISSIONAL NA HEMATOLOGIAONCOLOGIA: INTERVENÇÕES E POSSIBILIDADES. In: Leodi Conceição Meireles Ortiz; Helena Carolina Noal; Sandra Marcia Soares Schmidt; Denise Pasqual Schmidt. (Org.). O REPENSAR DA PRÁTICA MULTIPROFISSIONAL NA HEMATOLOGIA-ONCOLOGIA. 1ed.Santa Maria: Universidade Federal de Santa Maria, 2015, v. , p. 7-186.

  • OLESIAK, L. R. ; PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. . O CORPO E O PSIQUISMO INFANTIL NO PROCESSO PRÉ-CIRÚRGICO. In: Congresso Internacional Interdisciplinar em Sociais e Humanidades, 2015, Foz do Iguaçu. CONINTER 4. Niterói: Associação Nacional de Pesquisa e Pós-graduação interdisciplinar em sociais e humanidades, 2015. v. 4.

  • OLESIAK, L. R. ; REIS, C. G. C. ; PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. . O pré-cirúrgico e suas significações no universo infantil. In: XIX Simpósio de Ensino, pesquisa e extensão: Olhares Sustentáveis em favor da vida, 2015, Santa Maria. XIX Simpósio de Ensino, pesquisa e extensão: Olhares Sustentáveis em favor da vida. Santa Maria: Centro Universitário Franciscano, 2015.

  • LIMA, C. P. D. ; BICK, M. A. ; PFEIFER, P. M. ; SHMIDT, D. P. . ETICIDADE NO GERENCIAMENTO DO BLOG PROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR NO SERVIÇO DE HEMATOLOGIA-ONCOLOGIA DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE SANTA MARIA. In: II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas, 2014, Santa Maria. Anais do II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: desafios e perspectivas e II Simpósio Internacional de Ética na Pesquisa, 2014.

  • BICK, M. A. ; LIMA, C. P. D. ; PFEIFER, P. M. ; SHMIDT, D. P. . EQUIPE MULTIPROFISSIONAL E OS ENTRAVES À IMPLANTAÇÃO DE NOVAS PRÁTICAS EM SAÚDE. In: II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas, 2014, Santa Maria. Anais do II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: desafios e perspectivas e II Simpósio Internacional de Ética na Pesquisa, 2014.

  • PFEIFER, PAULA MORAES ; CANTARELLI, N. D. C. ; FRIGGI, P. F. ; QUINTANA, A. M. ; RUSCHEL, P. P. . A PERCEPÇÃO E SIGNIFICADO DO TRANSPLANTE CARDÍACO PARA O PACIENTE.. In: 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013, Santa Maria. 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013.

  • OLESIAK, L. R. ; QUINTANA, A. M. ; SALVAGNI, A. ; PFEIFER, P. M. ; CAMPEOL, A. R. ; ZIMMERMAN, A. C. O. ; BRONDANI, R. P. . CÂNCER INFANTIL: UM OLHAR SOBRE UM AMBIENTE ACOLHEDOR EM PROL DOS FAMILIARES.. In: 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013, Santa Maria. 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013.

  • KOLTERMANN, G. ; QUINTANA, A. M. ; SALVAGNI, A. ; PFEIFER, P. M. ; BRESSA, G. B. ; CHRISTOFARI, G. C. ; MACHADO, M. S. . O SIGNIFICADO DO BRINCAR NO AMBIENTE HOSPITALAR: UM OLHAR PARA A CRIANÇA. In: 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013, Santa Maria. 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013.

  • FRIGGI, P. F. ; GONCALVES, M. P. ; QUINTANA, A. M. ; BARBIERI, A. ; CANTARELLI, N. D. C. ; PFEIFER, P. M. . Vivendo com uma Doença Crônica: breves considerações sobre a Pneumopatia e suas implicações psicológicas. In: 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013, Santa Maria. 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013.

  • SIMAS, T. M. ; OLIVO, V. M. F. ; GROTH, E. P. ; MARIA, C. M. ; NECKEL, V. C. ; PFEIFER, P. M. . VIVÊNCIAS DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL - GRUPO DE FAMILIARES/CUIDADORES EM UNIDADE DE INTERNAÇÃO HEMATO-ONCOLÓGICA DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES. In: 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013, Santa Maria. 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013.

  • HEDLUND, A. C. B. ; HOFFMANN, I. C. ; PEREIRA, F. P. ; PFEIFER, P. M. ; GRACIOLI, J. C. ; VALADAO, M. C. S. . DESAFIO MULTIPROFISSIONAL NA ADESÃO AO TRATAMENTO ANTIRRETROVIRAL POR CRIANÇAS E ADOLESCENTES. In: 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013, Santa Maria. 28ª Jornada Acadêmica Integrada, 2013.

  • KOLTERMANN, G. ; SALVAGNI, A. ; PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. . O CONTEXTO ONCOLÓGICO: REPERCUSSÕES PARA A CRIANÇA E PARA SUA FAMÍLIA. In: XVII SIMPÓSIO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO: Educação e cultura para a transformação de pessoas, 2013, Santa Maria. XVII SIMPÓSIO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO: Educação e cultura para a transformação de pessoas. Santa Maria: UNIFRA, 2013.

  • PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. . É PEGAR OU LARGAR!?: O COPING NOS TRANSPLANTADOS CARDÍACOS. In: III Congresso Brasileiro de Psicologia da Saúde, 2012, Santa Maria. Anais do III Congresso Brasileiro de Psicologia da Saúde e IV Jornada Científica do Programa de Pós-graduação em Psicologia da Universidade Federal de Santa Maria ?Trabalhos integrados em Saúde: Desafios e Perspectivas?, 2012.

  • PFEIFER, P. M. ; PERRONE, C. M. ; BERTE, L. ; MORAES, M. M. ; DASSOLER, V. A. . Apoio Matricial: reflexões iniciais. In: 1º Congresso Brasileiro de Saúde Mental, 2008, Florianópolis. Cadernos Brasileiros de Saúde Mental. Florianópolis: Cadernos Brasileiros de Saúde Mental, 2008. v. 01.

  • FLORISBAL, G. S. ; CERVO, V. C. ; HOFMEISTER, M. V. ; PFEIFER, PAULA MORAES ; RUSCHEL, PATRICIA PEREIRA . O PREPARO PARA O ADEUS: INTERVENÇÕES POSSÍVEIS. In: SIMPÓSIO DE PSICOLOGIA no CONGRESSO DA SOCIEDADE DE CARDIOLOGIA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ? SOCERGS 2018, 2018, Gramado. Resumo das ComuniCações soCeRGs 2018 ConGResso da soCiedade de CaRdioLoGia do esTado do Rio GRande do suL. Rio de Janeiro: Sociedade Brasielira de Cardiologia, 2018. v. 111. p. 1-97.

  • SILVA, F. S. ; HOFMEISTER, M. V. ; CERVO, V. C. ; PFEIFER, PAULA MORAES ; RUSCHEL, P. P. . APOIO SOCIAL DE GESTANTES COM DIAGNÓSTICO DE CARDIOPATIA FETAL. In: Simpósio de Psicologia do Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul - SOCERGS 2018, 2018, Gramado. Resumo das ComuniCações soCeRGs 2018 ConGResso da soCiedade de CaRdioLoGia do esTado do Rio GRande do suL. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2018. v. 111. p. 1-97.

  • SANTOS, P. A. ; PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; FLORISBAL, G. S. . Resiliência e apoio social em gestantes participantes do Dia do Coração Fetal: resultados preliminares. In: Simpósio de Psicologia - SOCERGS 2017, 2017, Gramado. SOCERGS 2017 CONGRESSO DA SOCIEDADE DE CARDIOLOGIA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. Porto Alegre: Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul, 2017. p. 1-76.

  • MAJID, M. L. ; RUSCHEL, P. P. ; PFEIFER, P. M. ; SOUZA, C. O. ; AVILA, C. M. ; ROVER, M. M. ; SANTANNA, R. T. ; HOROWITZ, E. S. K. . A técnica da caixa de brinquedos na prática hospitalar - atendimento à paciente da cardiopediatria em lista de transplante. In: Simpósio de Psicologia - SOCERGS 2017, 2017, Gramado. SOCERGS 2017 CONGRESSO DA SOCIEDADE DE CARDIOLOGIA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. Porto Alegre: Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul, 2017. p. 1-76.

  • RUSCHEL, P. P. ; PFEIFER, P. M. ; AVILA, C. M. ; LIMA, L. L. ; ROVER, M. M. ; SANTANNA, R. T. . Insuficiência cardíaca, depressão e indicação de transplante cardíaco. In: XVI Congresso Brasileiro de Insuficiência Cardíaca, 2017, Gramado. Resumo da Comunicações do XVI Congresso Brasileiro de Insuficiência Cardíaca. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2017. v. 109. p. 1-58.

  • PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; AVILA, C. M. . A psicoprofilaxia para transplante cardíaco influencia nos níveis de ansiedade, depressão e estresse?. In: Simpósio de Psicologia - SOCERGS 2016, 2016, Gramado. SOCERGS 2016 Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande Sul. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2016. v. 107. p. 1-81.

  • PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. ; CANTARELLI, N. D. C. . Psico-oncologia pediátrica: experiência na criação de grupo multiprofissional infantil no ambulatório de quimioterapia. In: II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas, 2014, Santa Maria. Anais do II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: desafios e perspectivas e II Simpósio Internacional de Ética na Pesquisa, 2014.

  • BICK, M. A. ; LIMA, C. P. D. ; ORTIZ, L. C. M. ; SHMIDT, D. P. ; PFEIFER, P. M. . EQUIPE MULTIPROFISSIONAL E PROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR: NOVAS PRÁTICAS EM SAÚDE VEICULADAS ATRAVÉS DE BLOG. In: Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular ? HEMO 2014, 2014, Florianópolis. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia. São Paulo: Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, 2014. v. 36. p. 1-388.

  • SHMIDT, D. P. ; PFEIFER, P. M. ; BICK, M. A. ; BRESSAN, J. V. ; MACHADO, A. G. ; ORTIZ, L. C. M. . A Implantação do Pts na Organização do Trabalho: uma Estratégia do Cuidado no Contexto Hospitalar. In: Congresso Internacional de Humanidades & Humanização em Saúde, 2014, São Paulo. Blucher Medical Proceedings. São paulo: Blucher, 2014. v. 1.

  • MEDEIROS, C. F. ; PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, PATRICIA PEREIRA . Perfil de pacientes com Insuficiência Cardíaca de um ambulatório de transplante cardíaco. In: SOCERGS - Congresso da Sociedade de Cardiologia do Rio Grande do Sul, 2014, Gramado. Revista Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2014. v. 103. p. 1-72.

  • BRONDANI, R. P. ; OLESIAK, L. R. ; PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. . BRINCAR NO HOSPITAL: AMBIENTE LÚDICO E ACOLHEDOR NO ENFRENTAMENTO DO CÂNCER INFANTIL. In: II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas, 2014, Santa Maria. II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas. Santa Maria, 2014.

  • CANTARELLI, N. D. C. ; DALMOLIN, A. ; BARBIERI, A. ; PFEIFER, P. M. ; FRIGGI, P. F. ; QUINTANA, A. M. . GRUPO DE APOIO EMOCIONAL: UM IMPORTANTE DISPOSITIVO PARA O CUIDADO A PACIENTES COM CÂNCER DE MAMA. In: II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas, 2014, Santa Maria. II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas. Santa Maria.

  • BARBIERI, A. ; FRIGGI, P. F. ; CANTARELLI, N. D. C. ; DALMOLIN, A. ; PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. . MORTE E FORMAÇÃO MÉDICA: INTERLOCUÇÕES ATRAVÉS DE UM ESTUDO BIBLIOGRÁFICO. In: II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas, 2014, Santa Maria. II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas. Santa Maria, 2014.

  • ZIMMERMAN, A. C. O. ; QUINTANA, A. M. ; PFEIFER, P. M. . OS BENEFÍCIOS GERADOS PELA MANUTENÇÃO DE ATIVIDADES ESCOLARES NO ÂMBITO DA ONCOLOGIA INFANTIL. In: II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas, 2014, Santa Maria. II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas. Santa Maria, 2014.

  • CANTARELLI, N. D. C. ; DALMOLIN, A. ; BARBIERI, A. ; PFEIFER, P. M. ; FRIGGI, P. F. ; QUINTANA, A. M. . PESQUISAS COM ADOLESCENTES: QUEM DEVE CONSENTIR?. In: II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas, 2014, Santa Maria. II Seminário Internacional de Bioética e Saúde Pública: Desafios e Perspectivas. Santa Maria, 2014.

  • LIMA, C. P. D. ; ORTIZ, L. C. M. ; BICK, M. A. ; PFEIFER, P. M. ; SHMIDT, D. P. . Blog Projeto Terapêutico Singular: uma Ferramenta de Difusão Doconhecimento em Pesquisas Científicas. In: V Semana Científica do HUSM, 2014, Santa Maria. ANAIS DA V SEMANA CIENTÍFICA DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE SANTA MARIA. Santa Maria: Hospital Universitário de Santa Maria, 2014. p. 1-210.

  • MEDEIROS, C. F. ; PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. . CARACTERÍSTICAS DE PACIENTES COM INSUFICIÊNCIA CARDÍACA DE UM AMBULATÓRIO DE TRANSPLANTE CARDÍACO. In: 9ª Jornada Gaúcha de Psicologia Hospitalar, 2014, Porto Alegre. 9ª JORNADA GAÚCHA DE PSICOLOGIA HOSPITALAR Inovações nas práticas em saúde. Porto Alegre, 2014. v. 1. p. 1-63.

  • PFEIFER, P. M. ; LIMA, C. P. D. ; BICK, M. A. ; SHMIDT, D. P. . PROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR EM HEMATO-ONCOLOGIA PEDIÁTRICA: UM OLHAR PSICOLÓGICO. In: 9ª Jornada Gaúcha de Psicologia Hospitalar, 2014, Porto Alegre. 9ª JORNADA GAÚCHA DE PSICOLOGIA HOSPITALAR Inovações nas práticas em saúde. Porto Alegre, 2014. v. 1. p. 1-63.

  • PFEIFER, P. M. ; FRIGGI, P. F. ; BARBIERI, A. ; QUINTANA, A. M. . PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS E AS FANTASIAS INFANTIS: AS DIFERENÇAS ENTRE BIÓPSIAS E CIRURGIAS ELETIVAS. In: 9ª Jornada Gaúcha de Psicologia Hospitalar, 2014, Porto Alegre. 9ª JORNADA GAÚCHA DE PSICOLOGIA HOSPITALAR Inovações nas práticas em saúde. Porto Alegre, 2014. v. 1. p. 1-63.

  • HEDLUND, A. C. B. ; PFEIFER, P. M. . A ATUAÇÃO DO PSICÓLOGO NO DIAGNÓSTICO DE MALFORMAÇÃO FETAL. In: I SIMPÓSIO MULTIPROFISSIONAL DE ATENÇÃO HUMANIZADA À SAÚDE, 2013, Santa Maria. I SIMPÓSIO MULTIPROFISSIONAL DE ATENÇÃO HUMANIZADA À SAÚDE. Santa Maria: Universidade Federal de Santa Maria, 2013.

  • PFEIFER, P. M. ; HEDLUND, A. C. B. ; QUINTANA, A. M. ; RUSCHEL, P. P. . POSSIBILIDADES DE INTERVENÇÃO PSICOLÓGICA PRECOCE EM CARDIOLOGIA FETA. In: I SIMPÓSIO MULTIPROFISSIONAL DE ATENÇÃO HUMANIZADA À SAÚDE, 2013, Santa Maria. I SIMPÓSIO MULTIPROFISSIONAL DE ATENÇÃO HUMANIZADA À SAÚDE. Santa Maria: Universidade Federal de Santa Maria, 2013.

  • PFEIFER, P. M. ; HEDLUND, A. C. B. ; FRIZZO, N. S. ; SIMAS, T. M. ; QUINTANA, A. M. . As estratégias de enfrentamento e a psico-oncologia pediátrica: uma revisão sistemática. In: Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, 2013, Brasília. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia. São Paulo: Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, 2013. v. 35. p. 1-502.

  • PFEIFER, P. M. ; CANTARELLI, N. D. C. ; FRIGGI, P. F. ; QUINTANA, A. M. . O significado do diagnóstico de leucemia para os pais.. In: Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, 2013, Brasília. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia. São Paulo: Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, 2013. v. 35. p. 1-502.

  • BICK, M. A. ; ORTIZ, L. C. M. ; GROTH, E. P. ; PFEIFER, PAULA MORAES ; LIMA, C. P. D. ; HERINGER, G. F. ; OLIVEIRA, N. ; NECKEL, V. C. ; SHMIDT, D. P. . Desafios da implantação do projeto terapêutico singular em unidade hemato-oncológica.. In: Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, 2013, Brasília. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia. São Paulo: Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, 2013. v. 35. p. 1-502.

  • PFEIFER, P. M. ; SALVAGNI, A. ; CANTARELLI, N. D. C. ; FRIGGI, P. F. ; BARBIERI, A. ; DALMOLIN, A. ; QUINTANA, A. M. . Ser criança em uma unidade hemato-oncológica.. In: Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, 2013, Brasília. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia. São Paulo: Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, 2013. v. 35. p. 1-502.

  • PFEIFER, P. M. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; VIGUERAS, E. . Contemplando a mudança: perfil de pacientes em ambulatório para cessação do tabagismo. In: III Congresso Brasileiro de Psicologia da Saúde, 2012, Santa Maria. Anais do III Congresso Brasileiro de Psicologia da Saúde e IV Jornada Científica do Programa de Pós-graduação em Psicologia da Universidade Federal de Santa Maria ?Trabalhos integrados em Saúde: Desafios e Perspectivas?, 2012.

  • SHMIDT, D. P. ; BARROS, S. H. C. ; BICK, M. A. ; NECKEL, V. C. ; OLIVEIRA, N. ; ORTIZ, L. C. M. ; PFEIFER, PAULA MORAES . A escuta da equipe hemato-oncológica como estratégia necessária a implantação do projeto terapêutico singular.. In: III Semana Científica do HUSM, 2012, Santa Maria. III Semana Científica do HUSM. Santa Maria: DEPE, 2012. p. 1-583.

  • PFEIFER, P. M. ; BORDIGNON, S. ; RUSCHEL, P. P. . O Coping e a Influência do Acompanhamento Psicológico em Transplantados Cardíacos. In: X Congresso Brasileiro de Insuficiência Cardíaca - DEIC 2011, 2011, Belo Horizonte. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, 2011.

  • PFEIFER, P. M. ; LENTZ, Sabrina ; MONTEIRO, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; BARBIERO, S. M. . Repercussão da Insuficiência Cardíaca no Estado Psicológico e Nutricional de pacientes à espera do transplante. In: X Congresso Brasileiro de Insuficiência Cardíaca - DEIC 2011, 2011, Belo Horizonte. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, 2011.

  • PFEIFER, P. M. ; VIGUERAS, E. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; RUSCHEL, P. P. ; SVARTMAN, F. M. . Preparando a Ação: motivação de homens e mulheres para cessar o tabagismo. In: X Congresso Brasileiro de Insuficiência Cardíaca - DEIC 2011, 2011, Belo Horizonte. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, 2011.

  • PFEIFER, P. M. ; BORDIGNON, S. ; RUSCHEL, P. P. . Preparo psicológico: a influência na utilização de estratégias de enfrentamento pós-transplante cardíaco. In: VIII Congresso da Sociedade Brasileira de Psicologia Hospitalar, 2011, Curitiba - PR. As Construções Históricas e as Especialidades na Psicologia Hospitalar. Belo Horizonte: Sociedade Brasileira de Psicologia Hospitalar, 2011.

  • FASSINI, G. S. ; PFEIFER, P. M. ; VIGUERAS, E. . O papel do psicólogo na UTI Pediátrica. In: VIII Congresso da Sociedade Brasileira de Psicologia Hospitalar, 2011, Curitiba. As Construções Históricas e as especialidades na Psicologia Hospitalar. Belo Horizonte: Sociedade Brasileira de Psicologia Hospitalar, 2011.

  • GRINGS, C. O. ; PFEIFER, P. M. ; MARI, M. A. ; VIGUERAS, E. ; SVARTMAN, F. M. . Dissipando a cortina de fumaça: perfil do paciente em ambulatório de cessação do tabagismo. In: 24º Fórum de Psicologia em Cardiologia, 2011, Porto Alegre. 66º Congresso Brasileiro de Cardiologia. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2011. v. 97. p. 1-166.

  • GRINGS, C. O. ; PFEIFER, P. M. ; SEELIG, C. . Cuidando do coração: intervenção multiprofissional na doença arterial coronariana. In: 24º Fórum de Psicologia em Cardiologia, 2011, Porto Alegre. 66º Congresso Brasileiro de Cardiologia. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2011. v. 97. p. 1-166.

  • FASSINI, G. S. ; PFEIFER, P. M. ; VIGUERAS, E. . Filhos na UTI, pais em crise: o papel do psicólogo. In: 24º Fórum de Psicologia em Cardiologia, 2011, Porto Alegre. 66º Congresso Brasileiro de Cardiologia. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2011. v. 97. p. 1-166.

  • Lodéa, T. ; PFEIFER, P. M. ; SEELIG, C. ; RUSCHEL, P. P. . Em busca de informações: desfazendo mitos e fantasias sobre a cirurgia cardíaca. In: 24º Fórum de Psicologia em Cardiologia, 2011, Porto Alegre. 66º Congresso Brasileiro de Cardiologia. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2011. v. 97. p. 1-166.

  • GRINGS, C. O. ; PFEIFER, P. M. ; MARI, M. A. ; VIGUERAS, E. ; RUSCHEL, P. P. ; SVARTMAN, F. M. . A fumaça que cala o coração. In: 31ªSemana Científica do HCPA, 2011, Porto Alegre. Revista HCPA. Porto Alegre: Hospital de Clínicas de Porto Alegre, 2011. v. 31. p. 1-277.

  • PFEIFER, P. M. ; DUARTE, A. A. M. ; POLONI, S. ; STEIN, A. ; KUHL, C. ; GOLDMEIER, S ; DILLENBURG, D. R. ; RIGATTO, K. V. ; IRIGOYEN, M. C. ; RUSCHEL, P. P. . INTERVENÇÃO NUTRICIONAL E PSICOLÓGICA NA REDUÇÃO DO IMC E DA ANSIEDADE EM HIPERTENSOS. In: 23ºFórum de Psicologia em Cardiologia, 2010, Belo Horizonte. ARQUIVOS BRASILEIROS DE CARDIOLOGIA. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2010. v. 95. p. 1-192.

  • GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; ZIELINSKY, P. . A PREFERÊNCIA PELO SEXO DO BEBÊ E SUAS IMPLICAÇÕES NO APEGO MATERNO-FETAL. In: 23º Fórum de Psicologia em Cardiologia, 2010, Belo Horizonte. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2010. v. 95. p. 1-192.

  • MARI, M. A. ; GRINGS, C. O. ; PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; ZIELINSKY, P. . APEGO MATERNO-FETAL: EXISTE DIFERENÇA ENTRE ADOLESCENTES E ADULTAS?. In: 23º Fórum de Psicologia em Cardiologia, 2010, Belo Horizonte. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2010. v. 95. p. 1-192.

  • RUSCHEL, P. P. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; PFEIFER, P. M. ; ZIELINSKY, P. . DIAGNÓSTICO DE CARDIOPATIA NA VIDA PRÉ-FETAL E APEGO MATERNO-FETAL. In: 23º Fórum de Psicologia em Cardiologia, 2010, Belo Horizonte. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2010. v. 95. p. 1-192.

  • GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; PFEIFER, P. M. ; SEELIG, C. ; VIGUERAS, E. ; RUSCHEL, P. P. . PSICOLOGIA E CARDIOLOGIA FETAL: POSSIBILIDADES DE INTERVENÇÃO PRECOCE. In: 9º Congresso Nacional da Rede Unida, 2010, Porto Alegre. Saúde é construção da vida no cotidiano, 2010.

  • MARI, M. A. ; GRINGS, C. O. ; PFEIFER, P. M. ; SEELIG, C. ; VIGUERAS, E. ; RUSCHEL, P. P. . O Papel do Psicólogo no Ambulatório de Prevenção Secundária de Doença Arterial Coronariana. In: 9º Congresso Nacional da Rede Unida, 2010, Porto Alegre. Saúde é construção da vida no cotidiano, 2010.

  • PFEIFER, P. M. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; SEELIG, C. ; VIGUERAS, E. ; RUSCHEL, P. P. . A PARTICIPAÇÃO DO PSICÓLOGO EM EQUIPE MULTIPROFISSIONAL NO AMBULÁTÓRIO DE HIPERTENSÃO. In: 9º Congresso Nacional da Rede Unida, 2010, Porto Alegre. Saúde é construção da vida no cotidiano, 2010.

  • PFEIFER, P. M. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; SEELIG, C. ; VIGUERAS, E. ; RUSCHEL, P. P. . TRANSPLANTE CARDÍACO: IMPRESSÕES DO PSICÓLOGO RESIDENTE. In: 9º Congresso Nacional da Rede Unida, 2010, Porto Alegre. Saúde é construção da vida no cotidiano, 2010.

  • MARI, M. A. ; GRINGS, C. O. ; PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; ZIELINSKY, P. . Construção do Apego Materno-fetal em Mães Adolescentes e Adultas. In: 3º Simpósio de Psicologia em Cardiologia, 2010, Gramado. Revista da Sociedade de Cardiologia do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul, 2010. v. 18. p. 1-12.

  • GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; ZIELINSKY, P. . Menino ou Menina? Expectativas quanto ao sexo do bebê e o apego materno-fetal. In: 3º Simpósio de Psicologia em Cardiologia, 2010, Gramado. Revista da Sociedade de Cardiologia do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul, 2010. v. 18. p. 1-12.

  • AZEVEDO, L. ; PFEIFER, P. M. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; RUSCHEL, P. P. ; ZIELINSKY, P. . Rastreamento para Cardiopatia Fetal: existe diferença no apego materno fetal entre primíparas e multíparas?. In: 3º Simpósio de Psicologia em Cardiologia, 2010, Gramado. Revista da Sociedade de Cardiologia do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul, 2010. v. 18. p. 1-12.

  • PFEIFER, P. M. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; STEIN, A. ; KUHL, C. ; DILLENBURG, D. R. ; GOLDMEIER, S ; RIGATTO, K. V. ; IRIGOYEN, M. C. ; RUSCHEL, P. P. . O Efeito da Intervenção Psicológica na redução dos níveis de stress e ansiedade em hipertensos. In: 3º Simpósio de Psicologia em Cardiologia, 2010, Gramado. Revista da Sociedade de Cardiologia do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul, 2010. v. 18. p. 1-12.

  • PFEIFER, P. M. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; LIMA, L. L. ; MONTEIRO, P. M. ; FONSECA, S. T. P. ; BORDIGNON, S. ; RUSCHEL, P. P. . A relevência do preparo psicológico em transplantes cardíacos: um estudo de caso. In: 3º Simpósio de Psicologia em Cardiologia, 2010, Gramado. Revista da Sociedade de Cardiologia do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul, 2010. v. 18. p. 1-12.

  • PFEIFER, P. M. ; DASSOLER, V. A. ; MORAIS, M. S. ; CANTARELLI, N. D. C. . Práticas Terapêuticas para Usuários de Crack:uma criação. In: 1º Congresso Brasileiro de Saúde Mental, 2008, Florianópolis. Cadernos Brasileiros de Saúde Mental. Florianópolis: Cadernos Brasileiros de Saúde Mental, 2008. v. 01.

  • PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. ; SEGABINAZI, J. D. ; SILVA, C.S. da . Experiência de Estágio em Psicologia Hospitalar no HUSM. In: 21ª Jornada Acadêmica Integrada, 2006, Santa Maria. 21ª Jornada Acadêmica Integrada. Santa Maria, 2006.

  • SILVA, C.S. da ; SEGABINAZI, J. D. ; PFEIFER, P. M. ; CECIM, P. da S. . Primeira Internação e Diagnóstico de Pacientes Hemato-oncológicos. In: 21ª Jornada Acadêmica Integrada, 2006, Santa Maria. 21ª Jornada Acadêmica Integrada. Santa Maria, 2006.

  • SEGABINAZI, J. D. ; SILVA, C.S. da ; PFEIFER, P. M. ; CECIM, P. da S. . A Humanização em Questão. In: 21ª Jornada Acadêmica Integrada, 2006, Santa Maria. 21ª Jornada Acadêmica Integrada. Santa Maria, 2006.

  • PFEIFER, P. M. ; PACCICO, J. C. . Lar Vila das Flores. In: VI Congresso Internacional de Educação Popular, 2005, Santa Maria. VI Congresso Internacional de Educação popular. Santa Maria: Gráfica Editora Pallotti, 2005.

  • PFEIFER, P. M. . Um olhar para o cuidado na infância e cardiopatia. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • PFEIFER, P. M. . Escuta Psicanalista no Hospital: como se faz? A Psicanálise no Mini-mundo. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • RUSCHEL, P. P. ; PFEIFER, P. M. ; AVILA, C. M. ; LIMA, L. L. ; ROVER, M. M. ; SANTANNA, R. T. . Insuficiência cardíaca, depressão e indicação de transplante cardíaco. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; SOUZA, C. O. ; MAJID, M. L. ; AVILA, C. M. ; LIMA, L. L. ; ROVER, M. M. ; SANTANNA, R. T. . Há relevância do preparo psicológico para redução dos níveis de depressão e estresse no transplante cardíaco. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SOUZA, C. O. ; PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. ; MAJID, M. L. ; AVILA, C. M. ; LIMA, L. L. ; ROVER, M. M. ; SANTANNA, R. T. . Transplante Cardíaco: o perfil de pacientes que estão em processo de preparo psicológico. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. ; AVILA, C. M. ; RUSCHEL, P. P. . A psicoprofilaxia para transplante cardíaco influencia nos níveis de ansiedade, depressão e estresse?. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. . O universo infantil e a cirurgia: o corpo, as fantasias e as significações. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. . Psicologia, pesquisa e desenvolvimento na cardiologia/ambulatório - Transplantes. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • PFEIFER, P. M. ; CANTARELLI, N. D. C. ; QUINTANA, A. M. . Psico-oncologia pediátrica: experiência na criação de grupo multiprofissional infantil no ambulatório de quimioterapia. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • LIMA, C. P. D. ; BICK, M. A. ; PFEIFER, P. M. ; SHMIDT, D. P. . ETICIDADE NO GERENCIAMENTO DO BLOG PROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR NO SERVIÇO DE HEMATOLOGIA-ONCOLOGIA DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE SANTA MARIA. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • BICK, M. A. ; LIMA, C. P. D. ; PFEIFER, P. M. ; SHMIDT, D. P. . EQUIPE MULTIPROFISSIONAL E OS ENTRAVES À IMPLANTAÇÃO DE NOVAS PRÁTICAS EM SAÚDE. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • BICK, M. A. ; LIMA, C. P. D. ; ORTIZ, L. C. M. ; SHMIDT, D. P. ; PFEIFER, P. M. . EQUIPE MULTIPROFISSIONAL E PROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR: NOVAS PRÁTICAS EM SAÚDE VEICULADAS ATRAVÉS DE BLOG. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SHMIDT, D. P. ; PFEIFER, P. M. ; BICK, M. A. ; BRESSAN, J. V. ; MACHADO, A. G. ; ORTIZ, L. C. M. . A Implantação do PTS na Organização do Trabalho: uma Estratégia do Cuidado no Contexto Hospitalar. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. . O Cuidado à Infância no âmbito Hospitalar. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ZIMMERMAN, A. C. O. ; QUINTANA, A. M. ; PFEIFER, P. M. ; CAMPEOL, A. R. ; MACHADO, M. S. ; CHRISTOFARI, G. C. . AS IMPLICAÇÕES DO PROLONGAMENTO DO ESTIGMA DE MORTE AO ADOECIMENTO POR CÂNCER. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MEDEIROS, C. F. ; PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. . CARACTERÍSTICAS DE PACIENTES COM INSUFICIÊNCIA CARDÍACA DE UM AMBULATÓRIO DE TRANSPLANTE CARDÍACO. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. ; LIMA, C. P. D. ; BICK, M. A. ; SHMIDT, D. P. . PROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR EM HEMATO-ONCOLOGIA PEDIÁTRICA: UM OLHAR PSICOLÓGICO. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. ; FRIGGI, P. F. ; BARBIERI, A. ; QUINTANA, A. M. . PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS E AS FANTASIAS INFANTIS: AS DIFERENÇAS ENTRE BIÓPSIAS E CIRURGIAS ELETIVAS. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • LIMA, C. P. D. ; ORTIZ, L. C. M. ; BICK, M. A. ; PFEIFER, P. M. ; SHMIDT, D. P. . Blog Projeto Terapêutico Singular: uma Ferramenta de Difusão Doconhecimento em Pesquisas Científicas. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. ; HEDLUND, A. C. B. ; QUINTANA, A. M. ; RUSCHEL, P. P. . POSSIBILIDADES DE INTERVENÇÃO PSICOLÓGICA PRECOCE EM CARDIOLOGIA FETAL. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • HEDLUND, A. C. B. ; PFEIFER, P. M. . A ATUAÇÃO DO PSICÓLOGO NO DIAGNÓSTICO DE MALFORMAÇÃO FETAL. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; HEDLUND, A. C. B. ; FRIZZO, N. S. ; SIMAS, T. M. ; QUINTANA, A. M. . As estratégias de enfrentamento e a psico-oncologia pediátrica: uma revisão sistemática. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. ; SALVAGNI, A. ; CANTARELLI, N. D. C. ; FRIGGI, P. F. ; BARBIERI, A. ; DALMOLIN, A. ; QUINTANA, A. M. . Ser criança em uma unidade hemato-oncológica.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. ; CANTARELLI, N. D. C. ; FRIGGI, P. F. ; QUINTANA, A. M. . O significado do diagnóstico de leucemia para os pais.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BICK, M. A. ; ORTIZ, L. C. M. ; GROTH, E. P. ; PFEIFER, PAULA MORAES ; LIMA, C. P. D. ; HERINGER, G. F. ; OLIVEIRA, N. ; NECKEL, V. C. ; SHMIDT, D. P. . Desafios da implantação do projeto terapêutico singular em unidade hemato-oncológica.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • FRIGGI, P. F. ; GONCALVES, M. P. ; QUINTANA, A. M. ; BARBIERI, A. ; CANTARELLI, N. D. C. ; PFEIFER, P. M. . Vivendo com uma doença crônica: breves considerações sobre a pneumopatia e suas implicações. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • KOLTERMANN, G. ; QUINTANA, A. M. ; SALVAGNI, A. ; PFEIFER, P. M. ; BRESSA, G. B. ; CHRISTOFARI, G. C. ; MACHADO, M. S. . O significado do brincar no ambiente hospitalar: um olhar para a criança. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • HEDLUND, A. C. B. ; HOFFMANN, I. C. ; PEREIRA, F. P. ; PFEIFER, P. M. ; GRACIOLI, J. C. ; VALADAO, M. C. S. . Desafio Multiprofissional na adesão ao tratamento antirretroviral por crianças e adolescentes. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • OLESIAK, L. R. ; QUINTANA, A. M. ; SALVAGNI, A. ; PFEIFER, P. M. ; CAMPEOL, A. R. ; ZIMMERMAN, A. C. O. ; BRONDANI, R. P. . Câncer Infantil: um olhar sobre um ambiente acolhedor em prol dos familiares. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. ; CANTARELLI, N. D. C. ; FRIGGI, P. F. ; QUINTANA, A. M. ; RUSCHEL, P. P. . A percepção e significado do transplante cardíaco para o paciente. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SIMAS, T. M. ; OLIVO, V. M. F. ; GROTH, E. P. ; MARIA, C. M. ; NECKEL, V. C. ; PFEIFER, P. M. . Vivências da equipe multiprofissional - grupo de familiares/cuidadores em unidade de internação hemato-oncológica de crianças e adolescentes. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • KOLTERMANN, G. ; SALVAGNI, A. ; PFEIFER, P. M. ; QUINTANA, A. M. . O CONTEXTO ONCOLÓGICO: REPERCUSSÕES PARA A CRIANÇA E PARA SUA FAMÍLIA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; VIGUERAS, E. . Contemplando a mudança: perfil de pacientes em ambulatório para cessação de tabagismo.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. . 'É pegar ou largar!': o coping nos transplantados cardíacos. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • PFEIFER, P. M. . Particularidades em Oncologia Pediátrica. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • GIARETTON, D. W. L. ; SIMAS, T. M. ; PFEIFER, P. M. . O impacto do diagnóstico de leucemia nos pais.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GIARETTON, D. W. L. ; SIMAS, T. M. ; PFEIFER, P. M. . O lúdico para as crianças em tratamento oncológico: o 'brincar de médico' e a redução da ansiedade. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SHMIDT, D. P. ; BARROS, S. H. C. ; BICK, M. A. ; NECKEL, V. C. ; OLIVEIRA, N. ; ORTIZ, L. C. M. ; PFEIFER, PAULA MORAES . A escuta da equipe hemato-oncológica como estratégia necessária a implantação do projeto terapêutico singular.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PFEIFER, P. M. ; BORDIGNON, S. ; RUSCHEL, P. P. . O Coping e a Influência do Acompanhamento Psicológico em Transplantados Cardíacos. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; VIGUERAS, E. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; RUSCHEL, P. P. ; SVARTMAN, F. M. . Preparando a Ação:motivação de homens e mulheres para cessar o tabagismo. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; GRINGS, C. O. ; RUSCHEL, P. P. . Entre o real e o imaginário: intervenção psicológica precoce em cardiologia fetal. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; BORDIGNON, S. ; RUSCHEL, P. P. . Preparo psicológico: a influência na utilização de estratégias de enfrentamento pós-tranplante cardíaco. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GRINGS, C. O. ; PFEIFER, P. M. ; MARI, M. A. ; VIGUERAS, E. ; SVARTMAN, F. M. . Dissipando a cortina de fumaça: perfil do paciente em ambulatório de cessação do tabagismo. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GRINGS, C. O. ; PFEIFER, P. M. ; SEELIG, C. . Cuidando do Coração: intervenção multiprofissional na doença arterial coronariana. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; LIMA, L. L. ; MONTEIRO, P. M. ; FONSECA, S. T. P. ; BORDIGNON, S. ; RUSCHEL, P. P. . A Relevância do Preparo Psicológico em Transplantes: um caso clínico.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; GRINGS, C. O. ; MARI, M. A. ; STEIN, A. ; DILLENBURG, D. R. ; GOLDMEIER, S ; RIGATTO, K. V. ; IRIGOYEN, M. C. ; RUSCHEL, P. P. . O Efeito da Intervenção Psicológica ne Redução dos Níveis de Stress e Ansiedade em Hipertensos. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; DUARTE, A. A. M. ; POLONI, S. ; STEIN, A. ; KUHL, C. ; GOLDMEIER, S ; DILLENBURG, D. R. ; RIGATTO, K. V. ; IRIGOYEN, M. C. ; RUSCHEL, P. P. . INTERVENÇÃO NUTRICIONAL E PSICOLÓGICA NA REDUÇÃO DO IMC E DA ANSIEDADE EM HIPERTENSOS. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; PERRONE, C. M. ; DASSOLER, V. A. ; MORAES, M. M. ; BERTE, L. . Apoio Matricial: reflexões iniciais. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; DASSOLER, V. A. ; CANTARELLI, N. D. C. ; MORAIS, M. S. . Práticas Terapêuticas para Usuários de Crack. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; SEGABINAZI, J. D. ; SILVA, C.S. da ; QUINTANA, A. M. . Experiência de Estágio em Psicologia Hospitalar no HUSM. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. ; PACCICO, J. C. . Lar Vila das Flores. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PFEIFER, P. M. . Questões específicas de Psicologia em Hemato-oncologia 2012 (Elaboração da prova do concurso para RISM).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

PFEIFER, P. M. . Consultoria AD HOC do artigo MS: 2014_ARRB_11460. 2014.

PFEIFER, P. M. . Consultoria AD HOC do artigo PEDTRANS-14-O-0121.R1. 2014.

PFEIFER, P. M. . A entrevista psicológica no contexto hospitalar. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

PFEIFER, P. M. . A inserção do psicólogo no hospital: intervenções possíveis. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

PFEIFER, P. M. . Psicologia Hospitalar: inserção, intervenção e avaliação. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

PFEIFER, P. M. . Estratégias de enfrentamento pós transplante. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

PFEIFER, P. M. ; FRIZZO, N. S. ; SALLET, S. R. . Procedimentos Operacionais Padrão em Psicologia no Centro de Tratamento da Criança e do Adolescente com Câncer. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Procedimentos Operacionais Padrão - POP).

PFEIFER, PAULA MORAES . A morte e os profissionais de saúde.. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

PFEIFER, PAULA MORAES . Grupos Multiprofissionais: aspectos psicológicos do funcionamento grupal.. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

PFEIFER, P. M. . ESTRATÉGIAS DE ENFRENTAMENTO PÓS-TRANSPLANTE CARDÍACO: IMPLICAÇÕES PSICOLÓGICAS. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

PFEIFER, P. M. ; RUSCHEL, P. P. . Psicologia Hospitalar e Interdisciplinariedade. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

PFEIFER, P. M. . Estudo de Caso de Insuficiência Cardíaca. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - Atual

    CASAIS COM FILHOS CARDIOPATAS: O HOSPITAL E O AJUSTAMENTO CONJUGAL, Descrição: O casal, visto como um sistema em constante interação, é influenciado por diferentes contextos, como dentro da comunidade em que está inserido e na própria família. Quando o casal possui um filho doente, é possível que haja mudança na rotina, repercussões emocionais e, inclusive, necessidade de reorganizações em suas vidas. Pensando na possibilidade de ter um filho com cardiopatia congênita que necessite ficar internado no hospital, os pais acabam exercendo um papel ainda mais voltado para o cuidado da criança. Com isso, é possível que haja algum impacto na relação conjugal. Dessa forma, o objetivo deste estudo é avaliar o ajustamento conjugal diante do contexto hospitalar de um(a) filho(a) cardiopata, através de um estudo transversal com abordagem quantitativa e qualitativa. Serão incluídos 22 casais, maiores de 18 anos, que serão convidados a participarem da pesquisa ao longo da hospitalização. Os participantes serão avaliados através da Escala de Ajustamento Conjugal (DAC) e responderão um questionário com perguntas sociodemográficas e a respeito do seu relacionamento. Espera-se conseguir avaliar as áreas do relacionamento que mais são impactadas para que, com isso, se possa pensar em estratégias de intervenções psicológicas.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Coordenador / Patricia Pereira Ruschel - Integrante / Verônica Cervo Cervo - Integrante.

  • 2018 - Atual

    Delirium no CTI: ansiedade e depressão como possíveis fatores de risco na população idosa, Descrição: A expectativa de vida vem aumentando com a mudança do perfil demográfico do país nas últimas décadas e, com isso, o número de idosos. O risco para desenvolvimento de doenças cardiovasculares aumenta nessa faixa etária, tendo destaque entre as causas de morbimortalidade no Brasil. Quando agravadas, requerem cuidados hospitalares específicos, muitas vezes em Centro de Tratamento Intensivo (CTI). Frente a isso, propõe-se identificar se existe relação entre a ansiedade e depressão no momento da internação de idosos em CTI de um hospital cardiológico e o desenvolvimento de delirium para, assim, agir de forma mais efetiva na prevenção. Os pacientes, com idade igual ou superior a 60 anos, serão avaliados nas primeiras 24 da internação, através da Escala Hospitalar de Ansiedade e Depressão (HADS). Em um segundo momento, dentro de 48 horas, serão reavaliados, dessa vez com o intuito de identificar se houve desenvolvimento de delirium, por meio do instrumento Confusional Assessment Method in Intensive Care Unit (CAM-ICU). Dessa forma, espera-se que os pacientes com maiores índices de ansiedade e depressão no momento da internação sejam mais propensos a desenvolver delirium.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) . , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Coordenador / Patricia Pereira Ruschel - Integrante / Marta Velo Hofmeister - Integrante.

  • 2017 - 2018

    APOIO SOCIAL E COPING EM PACIENTES COM INSUFICIÊNCIA CARDÍACA, Descrição: Introdução: A Insuficiência Cardíaca têm mostrado-se um importante problema de saúde pública. O paciente com IC passa a conviver com um estado crônico de saúde que impõe modificações que refletem em diversas esferas de sua vida, gerando por vezes estresse e sofrimento, podendo o sujeito enfrentá-lo de diferentes modos. A forma como os indivíduos lidam com a IC reflete nas taxas de mortalidade, reinternações, sintomas depressivos, sensação de bem-estar psicológico e engajamento em comportamentos de autocuidado, estando algumas estratégias de enfrentamento relacionadas a melhores resultados em relação a IC. O apoio social recebido também tem sido relacionado a diversos desfechos positivos na saúde, impactando na forma como o sujeito percebe as situações estressantes e as vivencia. Faz-se importante a identificação destas variáveis e a compreensão de possíveis correlações entre os diferentes tipos de apoio e os modos de enfrentamento utilizados a fim de pensar em intervenções que colaborem com o uso de estratégias adequadas e auxiliem o sujeito no desenvolvimento de modos de enfrentamento mais saudáveis quando necessário. Objetivo: Identificar qual o tipo de apoio social e o modo de enfrentamento predominante utilizado pelos pacientes com Insuficiência Cardíaca e se há relação entre tais variáveis. Delineamento: estudo transversal. Material: Serão incluídos 62 pacientes do Instituto de Cardiologia com Insuficiência Cardíaca que estejam em tratamento ambulatorial ou internados neste hospital. Método: Os participantes serão avaliados, em um único momento, através de entrevista semiestruturada sobre aspectos relacionados à saúde e dados sociodemográficos, Escala de Modos de Enfrentamento (EMEP), Escala de Apoio Social e de anotações oriundas do Diário de campo. Resultados Esperados: Acredita-se que o tipo de apoio social com que se conta majoritariamente pode estar relacionado ao modo de enfrentamento preponderante utilizado frente ao adoecimento e tratamento.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Integrante / Patricia Pereira Ruschel - Coordenador / Priscilla Andrewns dos Santos - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2017 - 2018

    Análise de estratégias de coping em cuidadores de crianças cardiopatas congênitas: um estudo comparativo, Descrição: Quando há o diagnóstico de cardiopatia congênita em uma criança, muito se mobiliza em seus cuidadores, não apenas no que tange à saúde física da criança, mas também no que se refere ao narcisismo dos pais que se vêem a imagem do filho perfeito outrora idealizado, quebrada. Dada a cronicidade das cardiopatias congênitas, é comum que essas crianças precisem passar por períodos de hospitalização. Sendo que esse não é um processo fácil para a criança nem para seus cuidadores, se faz necessário atentar para as necessidades dessas figuras maternas e paternas e suas formas de enfrentamento da hospitalização, já que eles fazem parte do suporte na recuperação da criança. O presente estudo tem por objetivo avaliar quantitativamente as adoções de estratégias de enfrentamento dos pais de crianças cardiopatas congênitas,hospitalizadas na unidade de pediatria do IC/FUC; e comparar se há diferenças na utilização de estratégias entre as figuras maternas e paternas, dado que essas estratégias podem influenciar no tratamento da criança. O método de estudo será transversal e consistirá em uma entrevista semi-estruturada a partir de um questionário sociodemográfico e da aplicação daEscala Modo de Enfrentamento de Problemas em ambos os pais, durante o período de internação da criança. Esperamos encontrar diferença na adoção de estratégias de enfrentamento entre as figuras materna e paterna de crianças cardiopatas hospitalizadas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Integrante / Patricia Pereira Ruschel - Coordenador / Mariane Lersch Majid - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2017 - 2017

    RESILIÊNCIA E SUPORTE SOCIAL EM GESTANTES, Descrição: Introdução: A gestação é um período da vida da mulher idealizado em nossa sociedade como um momento especial, sublime e de plenitude. Entretanto, a mulher passa por diversas mudanças físicas, sociais e psicológicas. A partir dessa linha de raciocínio, pode-se pensar na gestação como um período estressor, no qual a mulher fica mais vulnerável. Além disso, existem poucas pesquisas que avaliem resiliência e apoio social durante a gestação, mostrando a relevância da realização de estudos que dediquem-se a temática. Objetivo: Avaliar os níveis de resiliência em gestantes participantes do Dia do Coração Fetal (Dia F) e correlacionar ao apoio social. Delineamento: estudo transversal. Material: Serão incluídas 255 gestantes maiores de 18 anos, que serão convidadas durante a participação de rastreamento para cardiopatia fetal no Dia. Método: Os participantes serão avaliados, em um único momento, através da Escala de Resiliência e da Escala de Apoio Social e responderão a entrevista semiestruturada com perguntas relacionadas à gestação e dados sociodemográficos. A análise estatística será realizada por meio do qui-quadrado, considerando-se significante um p<0,05, associando os níveis de Resiliência e Escala de Apoio social. Resultados Esperados: Espera-se encontrar correlação entre os níveis de resiliência e apoio social apresentados pelas gestantes, participantes do dia F.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Coordenador / Patricia Pereira Ruschel - Integrante.

  • 2014 - 2014

    FANTASIAS PRÉ-CIRURGICAS EM CRIANÇAS HOSPITALIZADAS, Descrição: Independentemente da idade e do porte da cirurgia, ela é uma experiência carregada de afetividade por ameaçar a integridade física da criança. O processo cirúrgico, ao se caracterizar por uma invasão de sentimentos e fantasias pode ser remetido à ordem do traumático. A criança, na medida em que, por estar com o aparelho psíquico ainda em formação, nem sempre tem condições para lidar com o que a cirurgia mobiliza, vivenciando ansiedade e angustia como uma reação a situações de perigo. Nesse sentido, surgem as fantasias, como tentativa de defesa e de reestabelecimento de equilíbrio emocional para conseguir enfrentar essa situação. Este estudo visa investigar as fantasias presentes em crianças hospitalizadas para realização de cirurgia. Para tanto, adotar-se-á delineamento qualitativo descritivo e exploratório e um referencial teórico psicanalítico. Serão incluídos no estudo crianças, de ambos os sexos, com idade de cinco a onze anos internadas em unidade pediátrica de hospital público no interior do Rio Grande do Sul para realização de cirurgia durante o ano de 2014. Os participantes serão avaliados, em um único momento, através da hora do jogo e do teste das fábulas buscando compreender seu entendimento sobre a doença e a cirurgia, bem como sentimentos e fantasias mobilizadas. A aplicação dos instrumentos será gravada, e após sua transcrição na íntegra será realizada e análise dos dados mediante o método de análise de conteúdo. Espera-se através deste estudo, conhecer mais aprofundadamente o entendimento e as fantasias pré-cirúrgicas apresentadas pelas crianças internadas em relação à cirurgia. Dessa maneira, possibilitando uma melhor compreensão do que se passa em seu emocional, bem como a elaboração de intervenções mais direcionadas para auxiliar no processo cirúrgico.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Integrante / Alberto Manuel Quintana - Coordenador.

  • 2014 - Atual

    MORTE DIGNA NO CENÁRIO DO CÂNCER INFANTIL, Descrição: O presente estudo está vinculado ao projeto ?guarda-chuva? intitulado ?A implantação do Projeto Terapêutico Singular (PTS) e a escuta da equipe hematológica-oncológica? desenvolvido no Hospital Universitário de Santa Maria. A pesquisa terá como objetivo de conhecimento investigar os enfrentamentos dos familiares ao vivenciarem os períodos de pré-morte imediata e pós-morte, e como objetivo prático instituir uma ampliação da linha de cuidado institucional voltado à assistência aos familiares nos períodos de pré-morte imediata e pós-morte. Trata-se de uma pesquisa-ação que é considerada uma abordagem não-convencional, adotando seminários como técnica para a discussão de dados. Serão realizadas entrevistas com familiares de pacientes que foram a óbito e que já superaram 9 (nove) meses ou mais de luto. Os dados das entrevistas serão analisados a partir da análise de conteúdo. Espera-se que os resultados dessa pesquisa contribuirão para que se institua um atendimento mais ético, digno e humanizado aos familiares de pacientes infanto-juvenis com câncer.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (6) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Integrante / Alberto Manuel Quintana - Coordenador / Leodi Conceição Meireles Ortiz - Integrante / Denise Pasqual Shmidt - Integrante / Miguel Armando Bick - Integrante / Natalia Schopf Frizzo - Integrante / Caie Pires de Deus Lima - Integrante / Luciéli da Silva Fiorin - Integrante / Juliana da Costa Pires - Integrante / Deise Luana Winck - Integrante / Camila Martins da Cruz - Integrante / Michelle Frainer Knoll - Integrante / Priscila B. Bonadiman - Integrante.

  • 2013 - 2014

    A IMPLANTAÇÃO DO PROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR (PTS) E A ESCUTA DA EQUIPE HEMATO-ONCOLÓGICA, Descrição: O tema da humanização na área da saúde aparece, inicialmente, voltado para determinados segmentos como a mulher e a criança, até que passa a ser uma política com caráter transversal, ou seja, que deve estar presente em todos os níveis de atenção e para todos os usuários do Sistema Único de Saúde. Para a operacionalização desta política denominada HUMANIZA SUS alguns dispositivos são sugeridos um deles, denominado Projeto Terapêutico Singular ? PTS. A presente pesquisa tem como objetivo prático: implantar uma estratégia de cuidado via PTS no Serviço de Hemato-oncologia e como objetivo de conhecimento: investigar as vivências de implantação do PTS neste locus, gestando um novo modelo assistencial em saúde. O delineamento metodológico da pesquisa ação busca registrar o processo de implementação desse dispositivo no Serviço de Hemato- Oncologia do Hospital Universitário de Santa Maria. A seleção dos sujeitos será a partir de um caso clínico a priori, considerando-se essa particularidade, serão adotados os seguintes critérios de inclusão: a) ser profissional que preste assistência ao caso clínico atendido e b) tenha consentido em participar da pesquisa-ação. Já como critérios de exclusãos adota-se: a) o não consentimento na participação da pesquisa e b) a participação que forneça dados incompletos. Serão adotados a entrevista e o diário de campo como instrumentos de coleta de dados. Como resultados esperados objetiva a realização de um conjunto de ações com a finalidade de cuidar do paciente de uma forma única, por meio de uma escuta e interação democrática entre trabalhador de saúde, família e usuário do serviço de saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Integrante / Leodi Conceição Meireles Ortiz - Integrante / Denise Pasqual Shmidt - Coordenador / Elisandra Pereira Groth - Integrante / Miguel Armando Bick - Integrante / Natália de Oliveira - Integrante / Vanessa Carla Neckel - Integrante., Número de produções C, T & A: 4

  • 2011 - 2011

    PERFIL DO PACIENTE TABAGISTA CARDIOPATA OU COM RISCO PARA DOENÇAS CARDIOVASCULARES, Descrição: Estudo transversal, com o objetivo de descrever o perfil do paciente tabagista cardiopata ou com risco para doenças cardiovasculares em Ambulatório de Cessação do Tabagismo de um hospital especializado em cardiologia. RESUMO Introdução: O tabagismo é considerado um importante problema de saúde pública, sendo um dos principais fatores de risco para doenças cardiovasculares. A abordagem feita pelos profissionais da saúde torna-se imprescindível, pois cerca de 77% dos fumantes que desejam cessar o tabagismo necessitam de apoio formal para obter êxito (J Bras. Pneumol. 2008; 34(10):845-880). Objetivo: Descrever o perfil do paciente tabagista cardiopata ou com risco para doenças cardiovasculares em Ambulatório de Cessação do Tabagismo de um hospital especializado em cardiologia. Método: Estudo transversal. As informações dos pacientes, de ambos os sexos, serão selecionadas no banco de dados do Ambulatório de Cessação do Tabagismo, no período entre 2006 e 2011. Todos os participantes devem ter passado por uma avaliação inicial com o médico e a psicóloga, na qual responderam a um questionário sobre dados da história clínica, sócio-demográficos, psicossociais, tabagismo e estágio de prontidão para a mudança (Prochaska e DiClemente). Resultados esperados: Acredita-se que, ao conhecer o perfil da população atendida no ambulatório, seja possível oferecer elementos para subsidiar o trabalho da equipe e facilitar a abordagem do paciente tabagista.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (3) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Integrante / Cristiane Olmos Grings - Integrante / Mariana Alievi Mari - Integrante / Evelyn Vigueras - Coordenador / Fábio M Svartman - Integrante., Número de produções C, T & A: 4

  • 2010 - 2011

    ESTRATÉGIAS DE ENFRENTAMENTO PÓS-TRANSPLANTE CARDÍACO: IMPLICAÇÕES PSICOLÓGICAS, Descrição: Estudo transversal com análise quantitativa e qualitativa, com o objetivo de verificar quais as estratégias de enfrentamento mais utilizadas por transplantadoscardíacos e se elas estão relacionadas à forma que o paciente percebe a doença e o transplante. Resumo: Introdução: A evolução da doença cardíaca leva a limitações importantes na qualidade de vida em pacientes com insuficiência cardíaca grave. Nesses casos, o transplante surge como única possibilidade de sobrevivência. Entretanto, a situação de transplante mobiliza sentimentos ambíguos e intensas ansiedades aniquilatórias não somente no período pré-operatório, mas também após o transplante. Dessa forma, para lidar com essa situação e esses sentimentos cada indivíduo utiliza estratégias de enfrentamento, que podem ser mais ou menos adaptativas. Objetivo: Verificar quais as estratégias de enfrentamento mais utilizadas em transplantados e se elas estão relacionadas à forma que o paciente percebe a doença e o transplante. Delineamento: Estudo transversal com análise quantitativa e qualitativa. Material: Serão incluídos na amostra pacientes que realizaram transplante cardíaco no IC/FUC, há no mínimo um mês, maiores de 18 anos. Método: Os pacientes serão avaliados, em um único momento, através da Escala Modos de Enfretamento de Problemas (EMEP) e responderão a entrevista semi-estruturada com perguntas relacionadas a seus hábitos de vida e sua percepção da doença e do transplante. A análise estatística será realizada por meio da avaliação da consistência interna de cada fator da EMEP através de Alfa de Cronbach. Já a análise qualitativa das entrevistas será realizada mediante o método de análise de conteúdo descrita por Bardin. Resultados Esperados: Pacientes transplantados, provavelmente, utilizam estratégias de enfrentamento mais adaptativas. É importante conhecer as estratégias mais utilizadas em pacientes já transplantados, para auxiliar no processo de avaliação psicológica de candidatos a transplan. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Integrante / Solange Bordignon - Integrante / Patricia Pereira Ruschel - Coordenador., Número de produções C, T & A: 6

  • 2009 - Atual

    Transplante Cardíaco: o preparo psicológico, Descrição: Estudo quasi-experimental, com o objetivo de comparar os níveis de ansiedade, depressão e stress antes e depois da psicoprofilaxia para o transplante cardíaco. Resumo Introdução: A indicação de um transplante cardíaco desperta: ansiedades e fantasias características em um paciente que apresenta um quadro de insuficiência cardíaca. Além do sofrimento físico imposto pela doença, o paciente está exposto a sofrimento emocional pela incerteza e confronto com sua terminalidade. Torna-se importante que tenha oportunidade ser preparado do ponto de vista psicológico para o transplante. Objetivo: Comparar o nível de ansiedade, depressão e stress antes e depois da psicoprofilaxia para o transplante cardíaco. Delineamento: Estudo quasi-experimental Material: Serão incluídos na amostra pacientes com insuficiência cardíaca avaliados pela equipe multiprofissional e candidatos a transplante cardíaco. Método: Os pacientes serão avaliados, com a escala Beck de depressão e de ansiedade e inventário de stress de Lipp, no ingresso e no término da psicoprofilaxia para o transplante. O resultado das avaliações nos dois momentos será comparado através do teste T e Qui-quadrado de McNemar. Resultados Esperados: Acreditamos que a verificação da diferença significativa ou não entre os dois momentos em que serão avaliados poderá mostrar se é válida a psicoprofilaxia para o transplante cardíaco.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Integrante / Patricia Pereira Ruschel - Coordenador., Número de produções C, T & A: 2

  • 2007 - 2007

    O Psicólogo na Rede de Saúde Pública em Santa Maria: O Significante Psíquico da Morte no Manejo Clínico, Descrição: Estudo qualitativo, com o objetivo de qualificar a prática do psicólogo, isto é, como se posiciona e atua frente às questões referentes à morte no contexto institucional.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Paula Moraes Pfeifer - Integrante / Cláudia Maria de Souza Palma - Coordenador., Número de produções C, T & A: 1

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2018

3º Lugar na Sessão de Pôsteres do Simpósio de Psicologia do Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul, Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul.

2017

1º Lugar na Sessão de Melhores Temas Livres Orais no Simpósio de Especialidades em Cardiologia - Psicologia, Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul.

2016

2º Lugar na Sessão de Posters no Simpósio de Especialidades em Cardiologia - Psicologia, Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul.

2015

Mestre em Psicologia da Saúde, Universidade Federal de Santa Maria.

2011

Especialista em Psicologia Hospitalar, Conselho Federal de Psicologia.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2016 - Atual

    Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Psicóloga Clínica, Carga horária: 30

    Outras informações:
    Psicóloga Clínica responsável pela Pediatria, Cardiologia Fetal e Transplantes. Realizando atendimentos ambulatoriais e durante a internação de pacientes clínicos e cirúrgicos, bem como de seus familiares. Preceptora da Residência Integrada em Saúde, com realização de aulas, seminários, supervisões e orientações.

  • 2009 - 2011

    Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul

    Vínculo: Residente, Enquadramento Funcional: Psicóloga, Carga horária: 60, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Atuação como Psicóloga Residente da Residência Integrada em Saúde com ênfase em Cardiologia - RISC, que possui profissionais das áreas: Enfermagem, Fisioterapia, Nutrição e Psicologia. Além do atendimento clínico a pacientes internados, atuando no grupo de preparo cirúrgico, ambulatórios: HAS, DAC, Transplantes, Tabagismo e Cardiologia Pediátrica Preventiva e realização de pesquisas.

    Atividades

    • 03/2016

      Pesquisa e desenvolvimento , Fundação Universitaria de Cardiologia, .,Linhas de pesquisa

  • 2012 - 2014

    Hospital Universitário de Santa Maria

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Psicóloga, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Psicóloga do Centro de Tratamento da Criança e do Adolescente com Câncer - CTCriaC - do HUSM, contratada via FATEC. Realizando antendimentos durante internação e consultas ambulatriais, nas modalidades individual e em grupo (multidisciplinar) aos pacientes do setor - crianças, adolescentes, adultos com câncer de tipo infantil e seus respectivos familiares - bem como reuniões de apoio com a equipe.

    Atividades

    • 03/2013

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Tratamento da Criança e do Adolescente com Câncer, .,Linhas de pesquisa

  • 2013 - 2014

    Universidade Federal de Santa Maria

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Preceptora de Núcleo da RISM, Carga horária: 4

    Outras informações:
    Estabelecido pela Portaria nº004, de 4 de Julho de 2013.

  • 2007 - 2007

    Universidade Federal de Santa Maria

    Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Estágiária, Carga horária: 12, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Estágio Específico III e IV em PSF e Saúde do Trabalhador, o qual incluía atividades juntamente aos agentes de saúde do PSF da Vila Alto da Boa Vista em Santa Maria e o atendimento clínico, teoricamente embasado na psicanálise, de funcionários da UFSM que atuam na área da saúde, principalmente, e encontravam-se em laudo médico, sendo encaminhados pela Junta Médica da universidade.

  • 2007 - 2007

    Universidade Federal de Santa Maria

    Vínculo: Monitora, Enquadramento Funcional: Monitora de Antropologia Cultural A, Carga horária: 8

    Outras informações:
    Monitoria remunerada da disciplina de Antropologia Cultural A, com dedicação de 8 horas semanais, totalizando um total de 60 horas semestrais.

  • 2005 - 2007

    Universidade Federal de Santa Maria

    Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 8

    Outras informações:
    Projeto de ensino, pesquisa e extensão na área de grupos.

  • 2006 - 2006

    Universidade Federal de Santa Maria

    Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 14, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Estágio Específico I e II em Psicologia Hospitalar no setor de Hemato-oncologia do Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM)

  • 2005 - 2005

    Universidade Federal de Santa Maria

    Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 2

    Outras informações:
    Projeto de extensão Vila das Flores, que consistia em observações das crianças que frequentavam a instituição e avaliações conforme solicitação, além de algumas intervenções no sentido de possibilitar expressão e elaboração de conlitos. Além disso, foram realizadas reuniões com o quadro de funcionários, possibilitanto espaço de expressão onde todos podiam opinar sobre os problemas e buscar soluções.

  • 2011 - 2012

    Via Vida - Pró-doações e transplantes

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Psicóloga, Carga horária: 4

    Outras informações:
    Realizo acompanhamento psicológico nas modalidades individual e grupo com pessoas que realizaram ou aguardam transplante, todos os tipos de órgãos, e se encontram hospedadas na pousada da ONG.

  • 2008 - 2008

    Prefeitura Municipal de Santa Maria

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Psicóloga, Carga horária: 10

    Outras informações:
    Trabalho voluntário, não remunerado, no qual, atuei como Psicóloga realizando matriciamento no "Projeto de Extensão e Estágio: Apoio Matricial da Saúde Mental às Equipes de Atenção Básica", no CAPS ad, da cidade de Santa Maria. Este projeto resulta de uma parceria entre o Departamento de Psicologia da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e a Prefeitura Municipal de Santa Maria.