Tainá de Castro Ferreira

Bacharel em Direito pela Universidade Potiguar - UNP. Enfermeira pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, formada em março de 2018. Pós Graduanda em Urgência e Emergência pela Escola de Saúde da UFRN. Ingressou no curso de Enfermagem em 2012 na Universidade Federal do Amazonas - UFAM, onde cursou entre os anos de 2012 à início de 2014. Em 2014, ingressou na Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN. Durante a vida acadêmica participou de atividades de extensão e pesquisa, neste sendo bolsista de julho de 2016 à agosto de 2017. Faz parte do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Urgência, Emergência e Terapia Intensiva - NEPET. Capacitada pela Hammes Cursos em Habilitação em Cateter Central de Inserção Periférica (PICC) e Cateterismo Venoso Umbilical em Recém-nascido. Capacitada em Enfermagem Oncológica pela Liga Norte-Riograndence Contra o Câncer.

Informações coletadas do Lattes em 03/02/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Especialização em andamento em Urgência e Emergência

2018 - Atual

Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Graduação em Enfermagem

2014 - 2018

Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Título: SEPSE EM PACIENTES NA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA: REVISÃO INTEGRATIVA
Orientador: Ana Elza Oliveira de Mendonça

Graduação interrompida em 2014 em Enfermagem

2012 - Interrompido

Universidade Federal do Amazonas
Ano de interrupção: 2014

Graduação em Direito

2004 - 2008

Universidade Potiguar, UnP

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2018 - 2018

Habilitação em Cateterismo Venoso Umbilical em recém-nascido. (Carga horária: 20h). , Hammes Cursos e Capacitações, HAMMES, Brasil.

2018 - 2018

Habilitação em Cateter Central de Inserção Periférica (PICC). (Carga horária: 20h). , Hammes Cursos e Capacitações, HAMMES, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Capacitação em Prevenção e Tratamento de Feridas. 2017. (Encontro).

CIENTEC.Relato de Experiência da Sistematização de Enfermagem no Cuidado a vítimas de Infarto agudo do miocárdio. 2017. (Outra).

CIENTEC.RELATO DE EXPERIÊNCIA:SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM AO PACIENTE COM DOENÇA ARTERIAL OBSTRUTIVA PERIFÉRICA. 2017. (Outra).

CIENTEC.Pielonefrite aguda: relato da Sistematização da Assistência de Enfermagem. 2017. (Outra).

CIENTEC.O Papel da Educação Permanente em uma Unidade de Estratégia de Saúde da Família. 2017. (Outra).

CIENTEC.A importância da prática de enfermagem em alta complexidade: um relato de experiência. 2017. (Outra).

CIENTEC.Análise da Notificação de Sífilis Congênita. 2017. (Outra).

CIENTEC.Polirradiculoneuropatia Aguda Inflamatória: Relato de experiência da Sistematização da Assistência de Enfermagem. 2017. (Outra).

Congresso Luso Brasileiro de Medicina Intensiva. Microorganismos isolados em pacientes com infecção de corrente sanguínea.. 2016. (Congresso).

Congresso Luso Brasileiro de Medicina Intensiva. Causas de internação de pacientes renais crônicos em unidade de terapia intensiva. 2016. (Congresso).

Congresso Luso Brasileiro de Medicina Intensiva. Prevalência da pneumonia associada à ventilação mecânica em uma unidade de terapia intensiva.. 2016. (Congresso).

Congresso Luso Brasileiro de Medicina Intensiva. Assistência de enfermagem à pacientes críticos com risco de desenvolverem lesões por pressão.. 2016. (Congresso).

Congresso Luso Brasileiro de Medicina Intensiva. Avaliação do índice de massa corpórea em idosos internados em uma unidade de terapia intensiva.. 2016. (Congresso).

Fórum de Maternidade Segura da Associação Brasileira de Enfermeiras Obstetras do Rio Grande do Norte. 2016. (Outra).

Semana de Ciências e Tecnologia - CIENTEC UFRN. Relato de Experiência em uma Unidade de Terapia Intensiva. 2016. (Exposição).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Ana Elza Oliveira de Mendonça

MENDONÇA, Ana Elza Oliveira deDANTAS, Daniele VieiraDANTAS, Rodrigo Assis Neves; SOUSA NETO, Vinicius Lino. Incidência de sepse em pacientes na unidade de terapia intensiva. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Rodrigo Assis Neves Dantas

MENDONCA, Ana Elza Oliveira de;DANTAS, Rodrigo Assis NevesDANTAS, Daniele Vieira. Avaliação da incidência de sepse em pacientes na Unidade de Terapia Intensiva. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Daniele Vieira Dantas

MENDONCA, Ana Elza Oliveira de;DANTAS, Daniele VieiraDANTAS, Rodrigo Assis Neves; SOUZA NETO, Vinícius Lino. Avaliação da incidência de sepse em pacientes na Unidade de Terapia Intensiva. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Ana Elza Oliveira de Mendonça

Hemodiálise de urgência: intercorrências durante a sessão; 2019; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Enfermagem em Urgência e Emergência) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte; Orientador: Ana Elza Oliveira de Mendonça;

Ana Elza Oliveira de Mendonça

Avaliação da incidência de sepse em pacientes na unidade de terapia intensiva; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Enfermagem) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte; Orientador: Ana Elza Oliveira de Mendonça;

Ana Elza Oliveira de Mendonça

Incidencia de Sepse em Pacientes críticos; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Enfermagem) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte; Orientador: Ana Elza Oliveira de Mendonça;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • FERREIRA, T. C. ; ANTUNES, I. B. M. ; CARVALHO, T. C. G. ; LOPES, E. M. M. C. A. ; SOARES, J. G. B. ; BORBA, A. C. D. . Pielonefrite aguda: relato da Sistematização da Assistência de Enfermagem. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FERREIRA, T. C. ; ANTUNES, I. B. M. ; CARVALHO, T. C. G. ; LOPES, E. M. M. C. A. ; SOARES, J. G. B. ; BORBA, A. C. D. ; MENDONCA, A. E. O. . Polirradiculoneuropatia Aguda Inflamatória: Relato de experiência da Sistematização da Assistência de Enfermagem. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FERREIRA, T. C. ; FERNANDES, J. D. ; ROLIM, A. K. P. M. ; DANTAS, R. S. ; SOARES, J. G. B. ; SOUSA JUNIOR, B. S. ; MENDONCA, A. E. O. . Causas de Internação de pacientes renais crônicos em unidade de terapia intensiva. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUSA JUNIOR, B. S. ; FERREIRA, T. C. ; DUARTE, F. H. S. ; MENDONCA, A. E. O. ; SEGATO, C. T. ; TRAJANO, M. P. ; FELIX, D. L. S. ; ANDRADE, A. K. M. . Assistência de enfermagem à pacientes críticos com risco de desenvolverem lesões por pressão. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • ARAUJO, P. L. ; FERREIRA, T. C. ; SOUSA JUNIOR, B. S. ; DUARTE, F. H. S. ; ANDRADE, A. K. M. ; MENDONCA, A. E. O. . Microorganismos isolados em pacientes com infecção de corrente sanguínea. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUSA JUNIOR, B. S. ; FERREIRA, T. C. ; DUARTE, F. H. S. ; MENDONCA, A. E. O. ; SOARES, J. G. B. ; SEGATO, C. T. ; FELIX, D. L. S. ; TRAJANO, M. P. . Avaliação do índice de massa corpórea em idosos internados em uma unidade de terapia intensiva. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • TRAJANO, M. P. ; FERREIRA, T. C. ; FELIX, D. L. S. ; ANDRADE, A. K. M. ; SOUSA JUNIOR, B. S. ; DUARTE, F. H. S. ; SEGATO, C. T. ; MENDONCA, A. E. O. . Prevalência de pneumonia associada à ventilação em um Unidade de Terapia Intensiva. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2014 - Atual

    O IMPACTO DA SEPSE NA FUNÇÃO RENAL DE PACIENTES INTERNADOS EM UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA, Descrição: A sepse é uma síndrome complexa, grave e de causa multifatorial, com resposta inflamatória e disfunção imunológica. Apresenta altas taxas de mortalidade em Unidade de Terapia Intensiva, mais especificamente na presença de falência de múltiplos órgãos. O sistema renal também é sensível aos mediadores inflamatórios e a ativação da cascata de coagulação, a qual promove a deposição de fibrina na circulação renal, que quando não revertido ocasiona a IRA. O objetivo dessa pesquisa é identificar o impacto da sepse na função renal de pacientes internados numa UTI. Trata-se de um estudo quase-experimental, será desenvolvido em unidade que atende paciente crítico de um hospital universitário, sendo composto pelos pacientes com diagnóstico médico de sepse e os que apresentaram durante o período de internação sinais que classificam insuficiência renal aguda. Serão avaliados dois grupos comparativos um grupo evoluiu com falência renal que apresentou sepse e outro sem sepse. Os dados coletados serão analisados por meio de estatística analítica por um pacote estatístico específico. Serão respeitados os aspectos éticos da resolução 466.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Tainá de Castro Ferreira - Integrante / Ana Elza Oliveira de Mendonça - Coordenador.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional