Tiago Bueno dos Santos

Professor de História, vinculado à Secretaria de Estado da Educação de São São Paulo, atualmente designado com Vice-Diretor de Escola, Experiência na regência de aulas na disciplina de História, no Ensino Fundamental II - Anos Finais e Ensino Médio e modalidade da Educação de Jovens e Adultos - EJA, entre 2012 a 2018, e Coordenação Pedagógica, entre os anos de 2016 a 2019. Também já atuei como estagiário do Projeto de Escola de Tempo Integral da Prefeitura do município de Taubaté e atuação como recenseador no Censo de 2010. Formação no curso de Licenciatura Plena em História pela Universidade de Taubaté (2011) e em Pedagogia pelo Centro Universitário Internacional UNINTER (2018), especialização em Gestão Escolar (2019), e atualmente estou cursando o Mestrado Profissional em Educação pela Universidade de Taubaté, com o tema de pesquisa sobre Educação no sistema prisional.

Informações coletadas do Lattes em 28/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado profissional em andamento em Educação

2019 - Atual

Universidade de Taubaté
Título: , Ano de Obtenção:
Orientador: Angela Michele Suave

Especialização em MBA EM GESTÃO ESCOLAR

2017 - 2019

Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz
Título: Gestão Escolar na EJA do Sistema Prisional: um relato de experiência
Orientador: Rosebelly Nunes Marques

Graduação em PEDAGOGIA

2016 - 2018

Centro Universitário Internacional UNINTER
Título: EJA no Sistema Prisional

Graduação em História

2009 - 2011

Universidade de Taubaté
Título: Sangue derramado: a concepção de martírio na antiguidade cristã e no século XVI na obra de John Foxe
Orientador: Ms Armindo Boll
Bolsista do(a): Universidade de Taubaté, UNITAU, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2010 - 2011

Extensão universitária em Expressão oral em Espanhol - Nível I. (Carga horária: 30h). , Universidade de Taubaté, UNITAU, Brasil.

2007 - 2008

Técnicas de organização empresarial e comercial. (Carga horária: 150h). , ETEC Dr. Geraldo José Rodrigues Alckmin, ETEC, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Grego

, Lê Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Humanas / Área: História.

Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História das Religiões.

Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Protestantismo - Europa/Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

III EPEGH (Encontro de Pesquisa na Graduação em História).O "Livro dos Mártires" de John Foxe e a imagem protestante do martírio na Inglaterra no século XVI. 2012. (Encontro).

SIICUSP.FORTE COMO A MORTE: A CONCEPÇÃO DE MARTÍRIO NO ?LIVRO DOS MÁRTIRES? DE JOHN FOXE (1553-1563). 2011. (Simpósio).

VI Encontro de Humanidades - Departamento de Ciências Jurídicas - UNITAU. 2011. (Encontro).

XVI Encontro de Iniciação Científica, XI MPG, VI SEMEX, III SEDUN."Martelo que despedaça a penha": A Bíblia e seu papel nas Revoluções na Inglaterra do século XVII. 2011. (Encontro).

XV INIC (Encontro Latino Americano de Iniciação Científica) XI EPG V INICJr.A estruturação da religião monoteísta no antigo Israel. 2011. (Encontro).

V Encontro de Humanidades - Horizontes da Palavra - DCSL - UNITAU. 2010. (Encontro).

XV Encontro de Iniciação Científica, XI Mostra de Pós-Graduação e V Seminário de Extensão. 2010. (Encontro).

XXIV Simpósio de História do Vale do Paraíba. 2010. (Simpósio).

Epopéia dos Guararapês - A origem do Exército Brasileliro - Semana Cultural do Departamento de Ciências Sociais e Letras - UNITAU. 2009. (Outra).

XIV Encontro de Iniciação Científica, X Mostra de Pós-Graduação e IV Seminário de Extensão. 2009. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Silvio Luiz da Costa

COSTA, S. L.; BOLL, A.; ABDALA, R. D.. Sangue derramado: a concepção de martírio na antiguidade cristã e no século XVI na obra de John Fox. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade de Taubaté.

Rachel Duarte Abdala

BOLL, A.;ABDALA, R. D.; COSTA, S. L. da. Sangue derramado: a concepção de martírio na antiguidade cristã e no século XVI na obra de John Foxe. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade de Taubaté.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

ANGELA MICHELE SUAVE

Escola e prisão: a trajetória docente na EJA do Sistema Prisional paulista; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Educação) - Universidade de Taubaté; (Orientador);

Armindo Boll

Sangue Derramado: a concepção de maritimo na antiguidade e no seculo XVI na obra de John Foxe; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade de Taubaté; Orientador: Armindo Boll;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • SANTOS, T. B. . A ESTRUTURAÇÃO DA RELIGIÃO MONOTEÍSTA NO ANTIGO ISRAEL. In: XV INIC (Encontro Latino Americano de Iniciação Científica), XI EPG, V INICJr, 2011, São José dos Campos-SP. As contribuições da Ciência para a sustentabilidade do planeta. São José dos Campos-SP: UNIVAP, 2011. v. 01. p. 01-04.

  • SANTOS, T. B. . FORTE COMO A MORTE: A CONCEPÇÃO DE MARTÍRIO NO ?LIVRO DOS MÁRTIRES? DE JOHN FOXE (1553-1563). In: SIICUSP, 2011, São Paulo. Anais 19 SIICUSP. USP: USP, 2011. v. 1. p. 1-1.

  • SANTOS, T. B. . O "Livro dos Mártires" de John Foxe e a imagem protestante do martírio na Inglaterra do século XVI. In: III EPEGH (Encontro de Pesquisa na Graduação em História), 2012, São Paulo. Caderno III EPEGH. São Paulo: PET-USP, 2012. v. 1. p. 20-20.

  • SANTOS, T. B. ; SOUZA, E. G. . Estruturas de poder: A legitimação da força e da dominação nos industriais do Vale do Paraíba no início do século XX. In: XIV ENIC, X MPG, V SEMEX, 2010, Taubaté-SP. Desafios do saber para uma nova sociedade. Taubaté: UNITAU, 2010.

  • SANTOS, T. B. . O "Livro dos Mártires" de John Foxe e a imagem protestante do martíro na Inglaterra do século XVI. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANTOS, T. B. . "Martelo que despedaça a penha": A Bíblia e seu papel nas Revoluções na Inglaterra do século XVII. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SANTOS, T. B. . FORTE COMO A MORTE: A CONCEPÇÃO DE MARTÍRIO NO ?LIVRO DOS MÁRTIRES? DE JOHN FOXE (1553-1563). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANTOS, T. B. . ESTRUTURAÇÃO DA RELIGIÃO MONOTEÍSTA NO ANTIGO ISRAEL. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2011 - 2011

    A BÍBLIA E AS REVOLUÇÕES NA INGLATERRA DO SÉCULO XVII, Descrição: Compreender a realidade religiosa por meio do estudo da relação existente entre o texto sagrado e a vida cotidiana significa perceber a estruturação de poderosos mecanismos de percepção do humano que se fazem das vivências cotidianas. Assim, neste trabalho buscou-se analisar o impacto que o processo de tradução da Bíblia das línguas originais (hebraico e grego) para o inglês na estruturação de um pensamento revolucionário na Inglaterra do século XVII. A problemática levantada para essa análise foi o papel desempenhado pelos textos biblícos que contribuíram para a formação de um pensamento radical nas revoluções (Puritana e Gloriosa), que aconteceram nesse contexto histórico, no qual a leitura da Bíblia contribuiu na organização e na formação de grupos como os niveladores, os cavadores e o novo exército de Oliver Cromwell. A importância desse estudo se manifesta pela necessidade de se buscar compreender esse período como um momento de profundas mudanças, sucedendo o período da Reforma Protestante do século XVI, demonstra o estabelecimento de um novo paradigma de compreensão da realidade, da vida humana e do cotidiano. Os objetivos desse estudo foram: perceber o papel e a amplitude da tradução da Bíblia, que aconteceu a partir das reformas religiosas de Lutero e Calvino, na sociedade inglesa; analisar a relação que se estabeleceu entre os pobres ingleses e a Bíblia na busca por um novo tempo, inspirado na mensagem dos profetas, na qual todos teriam direito à terra e a usufruírem de seus frutos e por fim compreender, a partir dessa análise, o surgimento dos grupos radicais, que queriam levar as revoluções muito além dos interesses burgueses, nesse país. A metodologia utilizada para essa pesquisa foi a revisão bibliográfica. Pôde-se perceber através dessa reflexão o papel revolucionário da Bíblia, por meio de sua tradução popular dando acesso as várias camadas sociais das quais os pobres encontravam nos textos dos profetas, que pregavam a vinda de um novo tempo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Tiago Bueno dos Santos - Integrante / Armindo Boll - Coordenador., Número de produções C, T & A: 2

  • 2011 - 2011

    A RELIGIÃO MONOTEÍSTA NO ANTIGO ISRAEL, Descrição: Nesta pesquisa buscou-se identificar o processo de estruturação do monoteísmo no antigo Israel, desde o período tribal até o período de centralização em um Estado Monárquico. Nesse processo recorre-se-á a textos de alguns historiadores e teólogos que trabalharam esse tema. Esse estudo se justifica pela necessidade de buscar compreender como o contexto histórico contribui para a percepção do processo de estruturação da religião a partir de uma análise do tempo, que se constrói na longa duração.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Tiago Bueno dos Santos - Integrante / Armindo Boll - Coordenador., Número de produções C, T & A: 2

  • 2011 - 2011

    A CONCEPÇÃO DE MARTÍRIO NO ?LIVRO DOS MÁRTIRES? DE JOHN FOXE (1553-1563), Descrição: Nesta pesquisa, buscou-se estudar a construção da concepção de martírio a partir da realidade do protestantismo inglês do século XVI na obra de John Foxe, que escreveu o Livro dos Mártires (1553-1563), obra em que expõe a realidade do martírio, palavra de origem grega que com o cristianismo passou a significar o testemunho de vida, a disposição de morrer por aquilo que se crer. Esse testemunho para os cristãos perseguidos caracterizava a essência de sua fé, era forte como a morte. Em sua obra ele se apropria dessa concepção e a transfere para os protestantes condenados à morte sob o governo de Mary I. Dessa maneira, ao longo desse trabalho buscou-se analisar como essa concepção foi apropriada através da comparação do martírio dos primeiros cristãos a condenação e morte dos protestantes ingleses. Para essa análise foi utilizada a metodologia da revisão bibliográfica, com levantamento de obras que contribuíram para um novo enfoque historiográfico do século XVI e de John Foxe, sob os governos de Mary I e de Elizabeth I. O referencial teórico dessa pesquisa foi Foucault com a análise do discurso. Esse estudo demonstrou que no processo de estruturação da Reforma protestante, sob as mais diversas perseguições, a antiga imagem do cristianismo primitivo dos mártires foi reavivada. Esse era um dos principais objetivos de Foxe ao escrever seu livro, associar a imagem da igreja protestante a da igreja primitiva, caracterizando-a como legítima e seus seguidores como verdadeiros mártires. Esse processo envolveu tanto a realidade histórica do momento quanto às concepções teológicas do homo religiosus sobre o sagrado. O que caracterizava o século XVI como um tempo de dúvidas e rompimentos, mas também de afirmação de antigas posturas e concepções. Todo esse processo de apropriação da imagem de mártir para o protestantismo caracterizava o discurso que buscava legitimar o movimento, na perpetuação do próprio poder.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Tiago Bueno dos Santos - Integrante / Armindo Boll - Coordenador., Número de produções C, T & A: 2

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2012 - Atual

Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor de História, Carga horária: 28

2011 - 2011

Universidade de Taubaté

Vínculo: Sem vínculo, Enquadramento Funcional: Aluno

2010 - 2011

Prefeitura Municipal de Taubaté

Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 30, Regime: Dedicação exclusiva.

2010 - 2010

Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Vínculo: temporário, Enquadramento Funcional: Recenseador

2019 - Atual

Secretária de Educação do Estado de São Paulo

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Vice-Diretor de Escola, Carga horária: 40

Outras informações:
Vice-Diretor de Escola do Programa de Educação nas Prisões.

2016 - 2019

Secretária de Educação do Estado de São Paulo

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Coordenador Pedagógico, Carga horária: 40

Outras informações:
Professor Coordenador do Programa de Educação nas Prisões.