Rubens Copia Sperandio

Nível superior incompleto - graduação em andamento. Atualmente está cursando o Curso de Medicina do Setor de Ciências da Saúde da Universidade Federal do Paraná (UFPR), com previsão de conclusão para dezembro de 2016. Tem participado de ligas acadêmicas e produção de trabalhos científicos nas grandes áreas da Medicina.

Informações coletadas do Lattes em 09/04/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Medicina

2010 - Atual

Universidade Federal do Paraná
Orientador: em The University of Queensland ( David Bunyan)
com Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.

Ensino Médio (2º grau)

2006 - 2008

Colégio Dom Bosco

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2012 - 2012

I Simpósio de Cirurgia do Trauma de Curitiba. (Carga horária: 18h). , Conselho Regional de Medicina do Paraná.

2012 - 2012

I Curso de Emergências Neurológicas. (Carga horária: 9h). , Instituto de Neurologia de Curitiba.

2011 - 2011

Curso de Atualização em AVCh. (Carga horária: 9h). , Instituto de Neurologia de Curitiba.

2010 - 2010

Curso de Iniciação à Liga Acadêmica de Geriatria. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.

2010 - 2010

Cybergenética. (Carga horária: 4h). , Sociedade de Pediatria de São Paulo.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Italiano

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

XXIX Congresso Paranaense de Cardiologia. 2012. (Congresso).

XXIX Congresso Brasileiro de Neurocirurgia. Síndrome de Meige e Abordagem Microcirúrgica. 2012. (Congresso).

8th World Stroke Congress. Thrombolytic therapy in acute ischemic stroke: impact of delay and treatment technique on the outcome. 2012. (Congresso).

I Simpósio de Cirurgia do Trauma de Curitiba. 2012. (Simpósio).

11º Congresso Brasileiro de Clínica Médica. 2011. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Elcio Juliato Piovesan

PIOVESAN, ELCIO JULIATO. Condição Sócio-Econômica Funcional - Conjgal - Escolar em Pacientes Lobectomizados Por Epilepsia Refratária. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina) - Universidade Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisas e Pós-Graduação Co.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

[Nome removido após solicitação do usuário]

Análise de achados histopatológicos e suas correlações clínicas relacionadas à nefrectomias por urolitíase; ; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina) - Universidade Federal do Paraná; Orientador: Maria Fernanda Sanches Soares;

SILVIO GOMES BETTEGA

Programa de Iniciação à Docência - Monitoria; 2011; Orientação de outra natureza; (Medicina) - Universidade Federal do Paraná; Orientador: Silvio Gomes Bettega;

Carlos Eduardo Soares Silvado

Projeto Seleção Clara e Objetiva dos Pacientes com Maior Capacidade de Epilepsia; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Cirurgia de Epilepsia) - Hospital das Clínicas - UFPR; Orientador: Carlos Eduardo Soares Silvado;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2012 - 2014

    Análise de achados histopatológicos e suas correlações clínicas relacionadas à nefrectomias por urolitíase, Descrição: A nefrolitíse tem caráter crônico e recorrente e é fonte considerável de morbidade, gerando elevados custos para o sistema de saúde. O tratamento da urolitíase deve ser baseado na identificação e tratamento da doença que desencadeou o distúrbio metabólico, e no uso de medicamentos que modifiquem a composição bioquímica da urina. Quando a abordagem terapêutica é inadequada ou utilizada frente a casos extremos, graves ou refratária ao tratamento, há a tendência de desenvolvimento de complicações renais associadas, como hidronefrose e pielonefre, como demonstram alguns estudos antigos. Cálculo renais recorrentes, especialmente quando associados a infecções renais, possuem um grande potencial de lesionar o rim de maneira irreversível. Em casos de deterioração renal há indicação de nefrectomia, e após esse procedimento cirúrgico aberto, análises anatomapatológicas são feitas com o intuito de encontrar alterações que possam auxiliar no diagnóstico e orientar a continuação do tratamento. Apesar dessas análises histopatológicas, não há até hoje estudos imunohistoquímicos sobre os padrões celulares dos rins de pacientes nefrectomizados por litíase. O objetivo geral é correlacionar os dados clínicos encontrados em prontuários de pacientes nefrectomizados por urolitíase com achados histopatológicos e imunohistoquímicos de suas pelas cirúrgicas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Rubens Copia Sperandio - Coordenador / Karoline Furusho Pacheco - Integrante / Rafael Drabik Guimarães - Integrante / Maria Fernanda Soares - Integrante / Maurício de Carvalho - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2014

2º lugar - Prêmio Jovem Clínico (Urolitíase como causa de nefrectomia: manifestações clínicas e achados anatomopatológicos), VII Jornada de Clínica Médica, Departamento de Clínica Médica, Hospital de Clínicas da UFPR.

2013

Brisbane International Student Ambassador, City of Brisbane, Queensland, Australia.

2013

Certificate of Recognition - UQ Winter Research Program, Office of Undergraduate Education, The University of Queensland.

2012

Student of the Year 2012, Phil Young's English School - Curitiba/PR.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde. , Rua Padre Camargo, 260, Centro, 80060240 - Curitiba, PR - Brasil, Telefone: (41) 33607234, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2012 - 2014

    Universidade Federal do Paraná

    Vínculo: , Enquadramento Funcional:

  • 2012 - 2012

    Instituto de Neurologia de Curitiba

    Vínculo: Voluntário, Enquadramento Funcional: Acadêmico, Carga horária: 68

    Outras informações:
    Principais atividades: Participações em reuniões clínicas, prática à beira de leito, visitas supervisionadas, participação em reuniões, aulas e acompanhamento de cirurgias e ambulatório.

  • 2011 - 2011

    Sociedade Hospitalar Angelina Caron

    Vínculo: Voluntário, Enquadramento Funcional: Acadêmico, Carga horária: 12

    Outras informações:
    Principais atividades: Formação teórica e atividades práticas supervisionadas em Pronto Socorro.