Júlia de Araújo Cardoso

Sou aluna de graduação em Ciências Biológicas, com interesse especial em ecologia, e optei por utilizar os peixes como modelos no teste de hipóteses que buscam explicar padrões na estrutura de populações, tais como a variação no tamanho dos indivíduos. Especificamente, vou manipular o risco de predação sobre o crescimento e a condição corpórea de peixes que habitam as lagoas costeiras do Norte Fluminense.

Informações coletadas do Lattes em 03/12/2018

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Ciências Biológicas

2013 - Atual

Universidade Federal do Rio de Janeiro
Título: CRESCER SOB O RISCO DA PREDAÇÃO: RESPOSTAS DO PEIXE POECILIA VIVIPARA À TRAÍRA HOPLIAS AFF. MALABARICUS
Orientador: Ana Cristina Petry

Ensino Médio (2º grau)

2013 - 2013

JARDIM ESCOLA TRIUNFO

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2018 - 2018

Alternativas Organizacionais para a Gestão de Recursos Hídricos. (Carga horária: 30h). , Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.

2018 - 2018

Hidrologia Geral. (Carga horária: 40h). , Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Teórica.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia de Ecossistemas.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

VIII JORNADA DE PESQUISA E EXTRNSÃO DO CAMPUS UFRJ MACAÉ.O COMPRIMENTO DO CORPO MATERNO É UM BOM PREDITOR DO TAMANHO DA PROLE? INVESTIGANDO ESSAS RELAÇÕES NO PEIXE Poecilia vivipara EM UM GRADIENTE DE SALINIDADE DA ÁGUA. 2016. (Outra).

Encontro Brasileiro de Ictiologia. CRESCER SOB O RISCO DA PREDAÇÃO: respostas do peixe Poecilia vivipara à traíra Hoplias aff. malabaricus. 2015. (Congresso).

VII Jornada de Pesquisa e Extensão do Campus UFRJMacaé Professor Aloísio Teixeira.INFLUÊNCIA DA SINALIZAÇÃO QUÍMICA NA RELAÇÃO PRESAPREDADOR ENTRE OS PEIXES POECILIA VIVIPARA E HOPLIAS AFF. MALABARICUS. 2015. (Outra).

VI Jornada de Pesquisa e Extensão da UFRJ-Macaé.CRESCIMENTO E DIFERENCIAÇÃO SEXUAL EM JUVENIS DE POECILIA VIVIPARA BLOCH & SCHNEIDER. 2014. (Outra).

Monitoramento de cetáceos na bacia de Campos. 2013. (Oficina).

Técnica em fotografia científica. 2013. (Oficina).

V Jornada de Pesquisa e Extensão da UFRJ-Macaé. 2013. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Ana Cristina Petry

Crescer sob o risco da predação: respostas do peixe Poecilia vivipara à traíra Hoplias aff; malabaricus; Início: 2013; Iniciação científica (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ; (Orientador);

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • 2017 PETRY, ANA CRISTINA ; GOMES SILVA, GUILHERME ; VURUSIC, SEBASTIJAN MARTIN ; GISMANN, JAKOB ; BAIER, JASMIN ; KRAUSE, SARAH ; Iorio, Julia de Araujo Cardoso ; RIESCH, RÜDIGER ; PLATH, MARTIN . Predation risk and abiotic habitat parameters affect personality traits in extremophile populations of a neotropical fish ( Poecilia vivipara ). Ecology and Evolution , v. 7, p. 1-12, 2017.