Sheila dos Santos Silva

Formação inicial em Ciências Sociais pela Faculdade de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP, 2013, Bacharela) e em História pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP, 2017. Licenciada). Pesquisadora vinculada ao Mestrado Acadêmico integrando a linha de pesquisa Poder, Linguagens e Instituições do PPGHIS-UFOP. Participação nos grupos e núcleos de pesquisa cadastrados no CNPq e sediados na UFOP; Possui experiências docentes da Educação Básica (nos ensinos fundamental e médio) como professora de Sociologia e do ensino de História em escolas públicas e privadas de Mariana, Ouro Pretos (MG) e seus distritos.

Informações coletadas do Lattes em 28/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em andamento em História

2018 - Atual

Universidade Federal de Ouro Preto
Título: Eu sou, onde penso: a experiência contra-hegemônica do Quilombo Carrapatos da Tabatinga na disputa de sentidos da história,Orientador:
Prof. Dr. Arnaldo José Zangelmi.Palavras-chave: Racismo Epistêmico; Afroepistemologia; Representação; Quilombo.

Especialização em Cultura e História dos Povos Indígenas

2015 - 2015

Universidade Federal de Ouro Preto
Título: A comemoração escolar do dia do índio sob um novo olhar ? entretemporalidades, alteridade e afirmação étnica.
Orientador: Silvana Vanessa Peixoto

Graduação em História

2014 - 2017

Universidade Federal de Ouro Preto
Orientador: Arnaldo José Zangelmi
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Graduação em Sociologia

2010 - 2013

Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo
Título: Península Coreana - História, Presente e Conflito
Orientador: Moisés da Silva Marques

Ensino Médio (2º grau)

2007 - 2009

EE Prof. Maria Vera Lombardi Siqueira

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2020 -

Epistemologias Negro-Indigenas e formação de subjetividade decolonial.. (Carga horária: 75h). , Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia IFBA Porto Seguro, IFBA, Brasil.

2017 - 2017

Extensão universitária em O pensamento de Angela Davis. (Carga horária: 20h). , Escola de Formação Livre Periférica do Coletivo Cultural Di Jejê, DIJEJÊ, Brasil.

2017 - 2017

Orientação e Mobilidade. (Carga horária: 120h). , Faculdade Sul Mineira, FSM, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Francês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História Cultural.

Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do período republicano do Brasil.

Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História Social.

Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da África.

Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Teoria e Filosofia da História.

Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da Historiografia Brasileira.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Mini Curso de Filosofia Africana - Ubuntu, Reontologização e Equilíbrio. 2018. (Encontro).

VIII Encontro de Pesquisa em História - EPHIS.Eu sou, onde penso: a experiência contra-hegemônica do Quilombo Carrapatos da Tabatinga na disputa de sentidos da história. 2018. (Simpósio).

X Seminário Nacional de História da Historiografia - SNHH.Eu sou, onde penso: afroepistemologias como ferramenta antirracista na representação histórica de sujeitos subalternizados. 2018. (Seminário).

XXV Seminário de Iniciação Científica - Encontro de Saberes.Conflitos pela terra em Minas Gerais: subversão, repressão e relações institucionais. 2017. (Seminário).

Encontro de Saberes - UFOP.Romantismo, Difusão e Clima Histórico na Imprensa Periódica (1837-1840). 2016. (Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Luciano Magela Roza

ROZA, Luciano M.; QUELER, J. J.. Eu sou, onde penso: a experiência contra-hegemônica do Quilombo Carrapatos da Tabatinga na disputa de sentidos da história. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Luciano Marcos Dias Cavalcanti

CAVALCANTI, L. M. D.; RIBEIRO, F. A.; MOREIRA, M. E. R.. Città Di Roma: uma história de família costurada com os fios da memória. 2017. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Vale do Rio Verde de Três Corações.

Luciano Marcos Dias Cavalcanti

CAVALCANTI, L. M. D.; RIBEIRO, F. A.; MOREIRA, M. E. R.. Città di Roma: uma história de família costurada com os fios da memória. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Letras) - Universidade Vale do Rio Verde de Três Corações.

Jefferson José Queler

ROZA, L. M.; ZANGELMI, A. J.;QUELER, Jefferson J.. Eu sou, onde penso: a experiência contra-hegemônica do Quilombo Carrapatos da Tabatinga na disputa de sentidos da História. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Rosemary Segurado

SEGURADO, R.; KHALIL, S.. Península coreana: proposições para uma eventual reunificação. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia e Política) - Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Natalia Moreira da Silva

A comemoração escolar do dia do índio sob um olhar divergente - entre temporalidades,alteridade e afirmação étnica; 2015; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Culturas e História dos Povos Indígenas) - Universidade Federal de Ouro Preto; Orientador: Natalia Moreira da Silva;

Valdei Lopes de Araújo

Romantismo, Difusão e Clima Histórico na Imprensa Periódica (1837-1840); 2016; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Federal de Ouro Preto, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Valdei Lopes de Araujo;

Arnaldo José Zangelmi

"Quem Não Tem Eco, Nem Sabe que Já Deixou de Existir?: Uma Experiência Contracolonialista no Quilombo Carrapatos da Tabatinga; 2020; Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Ouro Preto,; Orientador: Arnaldo José Zangelmi;

Arnaldo José Zangelmi

Conflitos pela terra em Minas Gerais: subversão, repressão e relações institucionais (1964-1985); 2016; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Federal de Ouro Preto, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Arnaldo José Zangelmi;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - Atual

    Eu sou, onde penso: a experiência contra-hegemônica do Quilombo Carrapatos da Tabatinga na disputa de sentidos da história, Descrição: Com o objetivo de debater o epistemicídio como projeto colonial o qual perdura até os dias atuais no interior das Comunidades Tradicionais do território brasileiro, e mais especificamente, no quilombo Carrapatos da Tabatinga, localizado no Centro-Oeste de Minas Gerais na cidade de Bom Despacho, é que a presente pesquisa se desenvolve. Construída para ser um instrumento de denúncia e, ao mesmo tempo, de proposituras, busca-se denunciar o racismo ambiental, epistêmico e estrutural enquanto salienta a diversidade epistemológica a partir do sistema de Saber e Poder próprios das comunidades tradicionais, o que possibilita sugerir a agregação de um elemento novo à re-elaboração da Identidade quilombola que se iniciou em 1950 com uma coesa produção de artistas e intelectuais engajados na questão racial, e que agora se personaliza em meio ao fenômeno homogeneizador da Modernização, Civilização e Globalização.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Sheila dos Santos Silva - Coordenador.

  • 2016 - Atual

    Conflitos pela terra em Minas Gerais: subversão, repressão e relações institucionais (1964-1985), Descrição: O golpe civil-militar de 1964 foi uma reação ao avanço na organização dos trabalhadores e às iniciativas reformistas do Governo João Goulart ? entre outras forças em ascensão no período ? reprimindo violentamente essas lutas e desestruturando as formas de organização que vinham se constituindo. Dessa forma, visou impedir qualquer formação de oposições ao regime, perseguindo e reprimindo os atores que destoavam de sua busca pela ?ordem?. No entanto, mesmo nesse contexto adverso, vários atores buscaram dar continuidade e constituir novas formas de luta, de forma clandestina. Essas lutas, ainda pouco conhecidas, mantiveram a chama acesa, maculando a falsa imagem de ordem, consenso e harmonia tão cara aos governantes do período. Diante disso, o presente projeto tem como objetivo principal realizar alguns apontamentos sobre os conflitos pela terra em Varzelândia/MG, nos quais, desde meados da década de 1960, posseiros buscaram resistir à expulsão de suas terras por grileiros, policiais militares, políticos etc. indo de encontro com a reiteração da imagem do homem do campo como sendo supostamente passivo, submisso, cordato, incapaz de formular seus próprios interesses e lutar por eles.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Sheila dos Santos Silva - Coordenador / Arnaldo José Zangelmi - Integrante., Financiador(es): Associação dos Servidores do CNPq - Bolsa.

  • 2015 - 2016

    Romantismo, Difusão e Clima Histórico na Imprensa Periódica (1837-1840), Descrição: Integrado ao projeto coletivo Iberoconceptos III, no subgrupo intitulado ?La era de las revoluciones y su posteridad. Historia, Historiografía e Historicidad?, este projeto pretende estudar as formas historiográficas de intensificação, prefiguração e representação da experiência de ruptura política no interior da modernidade. Para tanto, nos concentraremos nos anos em torno de uma das mais marcantes experiências de descontinuidade do período imperial brasileiro, o 7 de abril de 1831, que culmina com a abdicação do imperador e abre um dos momentos mais ricos e conturbados da história brasileira oitocentista. No âmbito da história da historiografia este projeto pretende mapear a emergência de novas historicidades no que geralmente é abordado como ?romantismo?, seja político ou literário. A partir do estudo das transformações nas linguagens e conceitos político-historiográficos em uso no recorte em tela, pretende-se iluminar as condições para a significação da transformação política em termos temporais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Sheila dos Santos Silva - Integrante / Valdei Lopes de Araújo - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de Ouro Preto, Instituto de Ciências Humanas e Sociais. , Rua do Seminário, Centro, 35420000 - Mariana, MG - Brasil, Telefone: (031) 30350206

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2020 - Atual

Escola Municipal Osmário Batista

Vínculo: , Enquadramento Funcional:

2019 - 2019

Escola Municipal Monsenhor João Castilho Barbosa

Vínculo: , Enquadramento Funcional:

2018 - Atual

Universidade Federal de Ouro Preto

Vínculo: Pesquisadora PPGHIS, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20

Outras informações:
Pesquisa empírica qualitativa no Remanescente de Quilombo Carrapatos da Tabatinga Pesquisa teórica nos Arquivos da Comissão Pastoral da Terra Pesquisa teórica no Aplicação de metodologias da História Oral

2015 - 2017

Universidade Federal de Ouro Preto

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador-Bolsista CNPQ, Carga horária: 20

Outras informações:
Pesquisa na Hemeroteca Digital e no DOPS, pesquisa empírica (quantitativa e qualitativa) com a comunidade de Cachoeirinha, MG - compilação dos dados e análise da fonte.

2019 - Atual

Associação Mãe da Resex de Canavieiras

Vínculo: Voluntária, Enquadramento Funcional: Voluntária, Carga horária: 20

Outras informações:
Elaboração de projetos sociais para patrocínio direto e leis de incentivo fiscal com as respectivas entidades; acompanhamento de propostas encaminhadas e seu respectivo conveniamento quando necessário; pesquisa de editais de pregão eletrônico; patrocínio direto e afins; auxílio no desenvolvimento e prestação de contas; ações de relacionamento com os patrocinadores; formação para a juventude nas temáticas: Classe, Raça e Gênero; Consultoria em Elaboração de Projetos.

2017 - 2018

Escola Estadual Cabanas

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora Sociologia, Carga horária: 36

Outras informações:
Aulas prática, debates, seminários, apresentação de slides, oficinas temáticas, métodos avaliativos diferenciados.

2019 - 2019

Escola Estadual Professora Maria do Carmo Almeida

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora Sociologia, Carga horária: 36

Outras informações:
Planejamento de aula, exposição do conteúdo teórico, aulas práticas, oficinas, debates, produção de material didático diferenciado, realização de oficinas e atividades extra-classe.

2019 - 2019

Cursinho Preparatório SEPRO

Vínculo: Contrato Temporário, Enquadramento Funcional: Professora de Humanidades, Carga horária: 20

Outras informações:
Professora de História, Conhecimentos Gerais e Atualidades para Concurso Público Municipal e Preparatório ENEM: Aulas práticas, debates, apresentação de vídeos, resolução comentada de exercícios da Apostila, palestras e elaboração de material didático audiovisual.

2014 - 2015

Escola Estadual Dom Silvério

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 15

Outras informações:
Promoção de práticas no campo da Educação Patrimonial, com destaque para o reconhecimento e valorização do patrimônio cultural de grupos socialmente marginalizados e para os estudos de história local e regional; Produção de materiais didáticos e de práticas pedagógicas voltadas ao trabalho com a diversidade cultural e étnico-racial.

2017 - 2019

Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Ouro Preto (MG)

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora Ciências Humanas, Carga horária: 36

Outras informações:
Apresentação do conteúdo através de ferramentas lúdicas e didáticas, elaboração e aplicação de métodos avaliativos diferenciados, realização de oficinas, produção de material didático e paradidático voltado para a educação inclusiva.

2013 - 2013

SESC SP - (Unidade Belenzinho)

Vínculo: Contrato Temporário, Enquadramento Funcional: Arte-educadora, Carga horária: 30

Outras informações:
Pesquisa, elaboração de roteiro, atendimento de público espontâneo, atendimento de escolas, realização de oficinas, atendimento de pessoas portadoras de necessidades especiais.

2011 - 2013

Editare Editora - Empresa das Artes

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Produtora Cultural, Carga horária: 44

Outras informações:
elaboração de projetos e eventos culturais para patrocínio direto e leis de incentivo fiscal; acompanhamento de propostas encaminhadas e seu respectivo conveniamento; pesquisa de editais de pregão eletrônico, patrocínio direto e afins; auxílio no desenvolvimento e prestação de contas; ações de relacionamento com os patrocinadores; formação e consultoria em Elaboração de Projetos.

2011 - 2011

Casa Redonda - Produção de Eventos Culturais

Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Produtora Cultural, Carga horária: 30

Outras informações:
Assistência geral na produção de projetos sociais e eventos culturais com temáticas em Gênero, Juventude e Identidade como: Sociocultural em Rede, Claro Curtas, Filme ?Amor??