Matheus Santaella Gonsales

Atualmente cursa medicina na Universidade Federal do Acre (UFAC). Ocupa o cargo de secretário geral (LSG) em Internacional Federations of Medical Students Association of Brazil - Local Comitee UFAC (IFMSA Brazil - LC UFAC), é monitor da disciplina Patologia I, do curso de medicina da UFAC, participa como diretor de pesquisa em Liga Acadêmica de Pneumologia e Cirurgia Torácica do Acre (LAPCITO-AC), é coordenador de professores e monitores no Projeto MedAprova e coordenador no projeto MiAumigos, Participou de ações voluntárias pela ONG Médicos do Mundo, em São Paulo, pela LAPITS na Fundação Hospital Estadual do Acre (FUNHDACRE), em Rio Branco, durante 2019 e atuou como diretor de ensino médico em Diretório Acadêmico Francisco Mangabeira (DAFRAM). Tem experiência na área de Medicina, com ênfase em Medicina.

Informações coletadas do Lattes em 18/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Medicina

2018 - Atual

Universidade Federal do Acre

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2019 - 2019

Extensão universitária em Tópicos Escolhidos da Fisiologia Humana. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal do Acre, UFAC, Brasil.

2019 - 2019

Curso Basico de Auriculoterapia. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal do Acre, UFAC, Brasil.

2019 - 2019

I Curso Introdutório LAPCITO-AC. (Carga horária: 8h). , Liga Acadêmica de Pneumologia e Cirurgia Torácica do Acre, LAPCITO-AC, Brasil.

2018 - 2018

Curso de Primeiros Socorros - ALFA. (Carga horária: 30h). , Universidade Federal do Acre, UFAC, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

WICIUK, M. C. ; GONSALES, M. S. . I Workshop de Saúde Sexual e Reprodutiva do Acre. 2019. (Outro).

WICIUK, M. C. ; MAGALHAES, I. ; FREIRE JUNIOR, L. H. S. ; GONSALES, M. S. . II Simpósio de Residencia e Especialidades Médicas. 2018. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

I Congresso Integrado Pesquisa, Ensino e Extensão. AURICULOTERAPIA CHINESA E O TRATAMENTO DE CEFALEIA EM PACIENTES NA FUNDAÇÃO HOSPITALAR DO ACRE. 2019. (Congresso).

I Congresso Integrado Pesquisa, Ensino e Extensão. EFICÁCIA DA AURICULOTERAPIA CHINESA NO TRATAMENTO DE INSÔNIA E ANSIEDADE EM PACIENTES NA FUNDAÇÃO HOSPITALAR DO ACRE.. 2019. (Congresso).

IV DESMISTIFICANDO A IMUNOLOGIA. 2019. (Simpósio).

IV DESMISTIFICANDO A IMUNOLOGIA."O controle da Proteína de Maturação Induzida em Linfócito B (BLIMP-1) sobre o desenvolvimento de células Th9, a produção de IL-9 e inflamação alérgica. 2019. (Simpósio).

Jornada de Hepatites Virais. 2019. (Outra).

V Desmistificando a Imunlogia. 2019. (Seminário).

VII Congresso Brasileiro de Humanidades Médicas. 2019. (Congresso).

VII Congresso Brasileiro de Humanidades Médicas. Medicina Tradicional Chinesa, Música e Insuficiência Cardíaca: um estudo piloto.. 2019. (Congresso).

XXXIII Congresso Brasileiro de Cefaleia. 2019. (Congresso).

XXXIII Congresso Brasileiro de Cefaleia. O USO DE AURICULOTERAPIA CHINESA PARA O TRATAMENTO DE CEFALEIA EM PACIENTES NA FUNDAÇÃO HOSPITALAR DO ACRE. 2019. (Congresso).

I Simpósio sobre abuso sexual infantil. 2018. (Simpósio).

XV Fórum Internacional em Saúde e VII Fórum de Saúde Coletiva do Estado do Acre. 2018. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Monica da Silva Nunes

SOBREPESO, OBESIDADE, CONSUMO ALIMENTAR, SEDENTARISMO E USO DE ÁLCOOL E TABACO EM UMA COORTE DE ESTUDANTES DE MEDICINA DA UFAC; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Medicina) - Universidade Federal do Acre, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Monica da Silva Nunes

Disciplina de Pesquisa Cientifica I; 2019; Orientação de outra natureza; (Medicina) - Universidade Federal do Acre; Orientador: Monica da Silva Nunes;

Alanderson Alves Ramalho

Prevalência, incidência e fatores associados a sobrepeso e obesidade em estudantes de Medicina ao longo do primeiro período de graduação; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Medicina) - Universidade Federal do Acre; (Orientador);

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

DA SILVA-NUNES, M. ; SANTAELLA G., MATHEUS ; DIB, G. G. . Curso de Auriculoterapia para graduandos e profissionais da área da Saúde. 2019. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

DA SILVA-NUNES, M. ; SANTAELLA G., M. ; ALMEIDA, D. P. ; SILVA, G. M. C. ; CARMO, B. B. . Curso de Formação em Pa Tuan Chin para estudantes e profissionais de Saúde. 2019. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    Sobrepeso, obesidade, consumo alimentar, dietas especiais, sedentarismo e uso de álcool e tabacom em uma corte de estudantes de medicina da Universidade Federal do Acre, Descrição: Ao ingressarem em um curso fora de seu domicílio de origem, os estudantes de Medicina passam por grandes mudanças, tanto físicas como emocionais. Como parte do processo de adaptação à vida universitária e, para a maioria dos casos dos estudantes de medicina, também a morar longe da família, uma das primeiras ações dos novos alunos é alimentar-se fora de casa, ou no restaurante universitário ou em lanchonetes no próprio campus. Além disso, o caráter integral do curso de medicina leva a pouco tempo hábil e grande volume de conteúdo para ser estudado pelos discentes do curso, o que impede muitos de prepararem ou realizarem refeições adequadas em sua própria casa, e pode também diminuir o tempo destinado a prática de exercícios. Com o decorrer do curso, mais intensa torna-se a grade curricular e mais tempo de estudo essa exige dos alunos, podendo facilitar o ganho de peso. O ingresso do jovem no curso de Medicina traz, portanto, mudanças alimentares, comportamentais e emocionais que favorecem o desenvolvimento de sobrepeso e obesidade ao longo do curso. Avaliar a evolução do peso e índice de massa corporal em estudantes de Medicina ao longo dos seis anos de graduação, e estudar como o consumo alimentar, a adoção de dietas especiais, o grau de atividade física, e o consumo de álcool e tabaco são fatores de risco para essa evolução.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Matheus Santaella Gonsales - Integrante / Monica da Silva Nunes - Coordenador / Alanderson Alves Ramalho - Integrante / Danielly Andressa Silva - Integrante / Elielton dos Santos Gonçalves - Integrante / Ítalo Mendes de Lima - Integrante / Vitor Bruno Miranda Neto - Integrante / Aldem Kelwin Oliveira dos Anjos - Integrante.

  • 2019 - Atual

    Sobrepeso, obesidade, consumo alimentar, dietas especiais, sedentarismo e uso de álcool e tabaco em uma corte de estudantes de medicina da Universidade Federal do Acre, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Alanderson Alves Ramalho em 22/08/2019., Descrição: Estudantes que ingressam no curso de Medicina fora do seu domicílio de origem passam por mudanças físicas e emocionais. Como parte do processo de adaptação à vida universitária e, na maioria dos casos, também a morar longe da família, de início os novos alunos alimentam-se ou no restaurante universitário ou em lanchonetes no próprio campus. Ademais, o caráter integral do curso leva a pouco tempo hábil e muito conteúdo para ser estudado pelos discentes, impedindo muitos do preparo e realização de refeições adequadas em sua própria casa, além de diminuir o tempo destinado a prática de exercícios. Ao longo do curso, mais intensa torna-se a grade curricular e mais tempo de estudo essa exige dos alunos, podendo facilitar o ganho de peso. O ingresso do jovem em Medicina traz, portanto, mudanças alimentares, comportamentais e emocionais que favorecem o desenvolvimento de sobrepeso e obesidade ao longo do curso. Avaliar a evolução do peso e índice de massa corporal em estudantes de Medicina no primeiro ano de graduação, e estudar como o consumo alimentar, a adoção de dietas especiais, o grau de atividade física, e o consumo de álcool e tabaco são fatores de risco para essa evolução.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Matheus Santaella Gonsales - Integrante / Alanderson Alves Ramalho - Coordenador / Ítalo Mendes de Lima - Integrante / Aldem Kelwin Oliveira dos Anjos - Integrante., Financiador(es): Universidade Federal do Acre - Bolsa.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2018 - Atual

    Internacional Federations of Medical Students Association of Brazil

    Vínculo: Diretor, Enquadramento Funcional: Secretário Geral Local (LSG)

    Outras informações:
    A IFMSA Brazil é uma organização estudantil vinculada à IFMSA, órgão internacional com filiais em diversos países. Presente nas unidades de ensino médico superior na forma de Comitês Locais (Local Comitees - LC), ela está presente também na Universidade Federal do Acre, a IFMSA Brazil - LC UFAC, um dos mais antigos Comitês do país. Essa organização tem por objetivos promover intercâmbios nacionais e internacionais, capacitação e gestão de recursos, representatividade internacional, promoção da saúde, educação médica, produção científica, entre outras atribuições.

    Atividades

    • 10/2018

      Direção e administração, Administração, .,Cargo ou função, Secretário Geral Local (LSG).

  • 2020 - Atual

    Universidade Federal do Acre

    Vínculo: Monitoria, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 12

  • 2019 - 2019

    Universidade Federal do Acre

    Vínculo: Monitoria, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 12

    Outras informações:
    Monitor de Pesquisa Científica I

  • 2019 - 2019

    Associação Médicos do Mundo - São Paulo

    Vínculo: Participante, Enquadramento Funcional: Atendente clínico, Carga horária: 2

    Outras informações:
    Atendimento clínico a pessoas em situação de vulnerabilidade social