Leila Pires Bezerra

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1997). Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural pela Universidade Federal de São Carlos (2018). Doutoranda pela Faculdade de Engenharia Agrícola da Universidade Estadual de Campinas. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Agroecologia. Atua nos seguintes temas: Agroecologia, Sistemas Agroflorestais, Restauração Ecológica e Agricultura Familiar.

Informações coletadas do Lattes em 03/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em andamento em Doutorado em Engenharia Agrícola

2018 - Atual

Universidade Estadual de Campinas
Título: Qualidade do Solo em Sistemas Agroflorestais,
Zigomar Menezes de Souza.

Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural

2016 - 2018

Universidade Federal de São Carlos
Título: Implantação de Sistemas Agroflorestais na Agricultura Familiar: um caminho para a transição agroecológica,Ano de Obtenção: 2018
Fernando Silveira Franco.Coorientador: Vanilde Ferreira de Souza Esquerdo. Palavras-chave: Agroecologia; construção do conhecimento; restauração ecológica; Cromatografia Circular de Pfeiffer; qualidade do solo.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Alemão

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Extensão Rural.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Conservação da Natureza/Especialidade: Recuperação de Areas Degradadas.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Ciência do Solo/Especialidade: Manejo e Conservação do Solo.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Conservação da Natureza.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

GARCIA, G. F. ; BEZERRA, L. P. . XII Semana de Agricultura Orgânica de Campinas. 2015. (Outro).

GARCIA, G. F. ; BEZERRA, L. P. . XI Semana de Agricultura Orgânica de Campinas. 2014. (Outro).

BEZERRA, L. P. . III Estágio de Vivência Interdisciplinar em Assentamento Rural. 1997. (Outro).

BEZERRA, L. P. . II Estágio de Vivência Interdisciplinar em Assentamento Rural. 1996. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Curso de Capacitação para Monitoramento de Plantios do PRMC. 2007. (Outra).

Curso Internacional sobre Construção de Cenários Ambientais- Módulo I. 2007. (Outra).

Curso Internacional sobre Construção de Cenários Ambientais - Módulo II. 2007. (Outra).

Curso Pastoreio Racional Voisin. 2007. (Outra).

Encontro Técnico: Controle de Plantas Invasoras em Projetos de Restauração Florestal. 2007. (Encontro).

Curso Gestão de Projetos e Gestão Financeira no Terceiro Setor. 2006. (Outra).

Curso Mudanças Climáticas e Projetos de Crédito de Carbono. 2006. (Outra).

Curso Produção de Sementes Florestais Nativas. 2006. (Outra).

Encontro Água e Floresta: o estado da arte da educação ambiental. 2006. (Encontro).

Workshop Modelos Alternativos para Recuperação de Áreas Degradadas. 2006. (Oficina).

Curso de Legislação e Fiscalização Ambiental. 2005. (Outra).

1ª Conferência Internacional sobre Mercado Justo e Café Orgânico. 2000. (Outra).

IV Conferência Brasileira de Agricultura Biodinâmica. 2000. (Outra).

I Seminário Estadual sobre Plantas Transgênicas. 1999. (Seminário).

I Workshop sobre Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável. 1999. (Oficina).

I Encontro Uso de Defensivos Alternativos na Agricultura Comercial. 1997. (Encontro).

II Workshop de Plantas Medicinais de Botucatu. 1996. (Oficina).

O Lageado é Seu.Mini-curso Plantas Medicinais Aspectos Botânicos. 1996. (Outra).

Palestra Manejo de Florestas em Florestas de Terra Firme na Amazonia Oriental. 1996. (Outra).

Palestra Manejo Ecológico de Solos e Pastagens. 1996. (Outra).

Palestra Reserva Extrativista Chico Mendes. 1995. (Outra).

37º Congresso Nacional dos Estudantes de Agronomia. 1994. (Congresso).

Curso de Agroecologia e Biotecnologia Tropical. 1994. (Outra).

Curso de Agrossilvicultura e Sistemas Agroflorestais. 1994. (Outra).

III Seminário Nacional de Extensão e Movimento Estudantil. 1994. (Seminário).

III Seminário Nacional sobre Movimento Estudantil e Esporte. 1994. (Seminário).

Seminário Segurança Alimentar e Cidadania. 1994. (Seminário).

36º Congresso Nacional dos Estudantes de Agronomia. 1993. (Congresso).

XIII Congresso Brasileiro de Iniciação Científica em Ciências Agrárias. 1993. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Fernando Silveira Franco

FRANCO, Fernando Silveira; FERRAZ, J. M. G.; BERGAMASCO, S. M. P. P.; SAIS, A. C.; SOUZA-ESQUERDO, V. F.. Agroecologia e metodologias participativas: A construção de sistemas agroflorestais na agricultura familiar. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Izabel de Carvalho

Supervisão das atividades do Programa de Bolsa de Apoio ao Estudante da UNESP - PAE; 1995; 0 f; Orientação de outra natureza - Faculdade de Ciências Agronômicas da Unesp, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Izabel de Carvalho;

Sergio Lázaro de Lima

Orientador responsável pelo acompanhamento, avaliação do relatório final e do seminário do Estágio Curricular Profissionalizante da acadêmica Leila Pires Bezzerra; ; 1997; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Sergio Lázaro de Lima;

Fernando Silveira Franco

A construção participativa de sistemas agroflorestais: estudos de caso no assentamento Sumaré e Coperacra; ; Início: 2016; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos; (Orientador);

Lin Chau Ming

Consolidação do Grupo Timbó de Agroecologia; 2015; Orientação de outra natureza; (Engenharia Agrícola) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Lin Chau Ming;

Zigomar Menezes de Souza

Análise da qualidade do solo em sistemas agroflorestais implantados a partir de citros sombreado; Início: 2018; Tese (Doutorado em Engenharia Agrícola) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Vanilde Ferreira de Souza Esquerdo

DESENVOLVIMENTO PARTICIPATIVO DE SISTEMAS AGROFLORESTAIS NA AGRICULTURA FAMILIAR: UM CAMINHO PARA A TRANSIÇÃO AGROECOLÓGICA; 2018; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural) - Universidade Federal de São Carlos,; Coorientador: Vanilde Ferreira de Souza-Esquerdo;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • BEZERRA, Leila Pires ; FRANCO, FERNANDO SILVEIRA ; SOUZA-ESQUERDO, VANILDE F. ; BORSATTO, RICARDO . Participatory construction in agroforestry systems in family farming: ways for the agroecological transition in Brazil. Agroecology and Sustainable Food Systems , v. 3573, p. 1-21, 2018.

  • VIEITES, R. L. ; BEZERRA, L. P. . Efeito do sulfato de cálcio e da embalagem de polipropileno na conservação do maracujá amarelo, armazenado em condições de refrigeração. Revista Brasileira de Fruticultura (Impresso) , v. 18, p. 235-243, 1996.

  • BEZERRA, L. P. ; FRANCO, F. S. ; SOUZA-ESQUERDO, V. F. . Construcción participativa en Sistemas Agroforestales en la Agricultura Familiar: caminos para la transición agroecológica en Brasil. In: X Congresso ALASRU ?Ruralidades en América Latina: convergencias, disputas y alternativas en el siglo XXI?, 2018, Montevideo. Construcción participativa en Sistemas Agroforestales en la Agricultura Familiar: caminos para la transición agroecológica en Brasil, 2018.

  • BEZERRA, L. P. ; FRANCO, FERNANDO SILVEIRA ; SOUZA-ESQUERDO, VANILDE F. . Sistemas Agroflorestais na agricultura familiar: um olhar sobre fatores de influência do seu desenvolvimento. In: VIII Simpósio Reforma Agrária e Questões Rurais ? Terra, Trabalho e Lutas no Século XXI: Projetos em Disputa, 2018, Araraquara. Sistemas Agroflorestais na agricultura familiar: um olhar sobre fatores de influência do seu desenvolvimento, 2018.

  • BEZERRA, L. P. ; OLIVEIRA, Julieta T. A. ; CARMO, M. S. ; ALVARES, S. M. R. . Metodologias Participativas na Implantação de Sistemas Agroflorestais: um caminho para a transição agroecológica. In: VI Congresso Latino-Americano de Agroecologia, X Congresso Brasileiro de Agroecologia e V Seminário de Agroecologia do Distrito Federal e Entorno ? AGROECOLOGIA 2017, 2017, Brasília. Agroecologia na Transformação dos Sistemas Agroalimentares na América Latina: Memórias, Saberes e caminhos para o Bem Viver, 2017.

  • MAYER, P. H. ; BEZERRA, L. P. ; MARQUES, S. A. . Experiência de extensão rural em agroecologia: uma análise da transição agroecológica em pecuária leiteira no município de Joanópolis ? SP. In: VI Congresso Latino-Americano de Agroecologia, X Congresso Brasileiro de Agroecologia, V Seminário de Agroecologia do DF e Entorno, 2017, Brasília. Agroecologia na Transformação dos Sistemas Agroalimentares na América Latina: Memórias, Saberes e Caminhos para o Bem Viver, 2017.

  • FAGUNDES, G. G. ; OLIVEIRA, Julieta T. A. ; GEMMA, S. F. B. ; RIMOLI, J. ; BEZERRA, Leila Pires ; DINMOSTAFAHABIB, M. E. E. . Rede de Agroecologia da Unicamp: integração ensino, pesquisa e extensão na construção participativa de saberes agroecológicos. In: IX Congresso Brasileiro de Agroecologia e IV Seminário Estadual de Agroecologia, 2015, Belém. Diversidade e Soberania na Construção do Bem Viver, 2015.

  • FAGUNDES, G. G. ; BENINI, M. L. A. ; BEZERRA, Leila Pires . Projeto Sexta na Estação: saberes e sabores. In: IX Congresso Brasileiro de Agroecologia e IV Seminário Estadual de Agroecologia, 2015, Belém. Diversidade e Soberania na Construção do Bem Viver, 2015.

  • BEZERRA, L. P. . Análise da qualidade do solo em Sistemas Agroflorestais utilizando Cromatografia Circular de Pfeiffer (CCP). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BEZERRA, L. P. . Sistemas Produtivos Agroecológicos. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BEZERRA, L. P. ; CARVALHO, C. C. ; GARCIA, G. F. . Troca de Experiências em Sistemas Agroflorestais: um caminho para formação de agricultores familiares em Agroecologia. 2018. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • BEZERRA, Leila Pires . Experiências de Extensão Rural visando a Transição Agroecológica. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BEZERRA, Leila Pires . Agricultura Familiar e Agroecologia. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BEZERRA, Leila Pires . Sistemas Agroflorestais Biodiversos na Agricultura Familiar. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BEZERRA, Leila Pires . Princípios da Agroecologia e Estudos de Caso em Transição Agroecológica. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BEZERRA, Leila Pires . Direitos Humanos e Meio Ambiente. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BEZERRA, Leila Pires . Sistemas Agroflorestais. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BEZERRA, Leila Pires . A Agroecologia. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BEZERRA, L. P. . Extensão Universitária em Assentamentos Rurais. 1999. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

BEZERRA, L. P. . Horta Mandala. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

BEZERRA, L. P. . Horta Mandala. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

BEZERRA, L. P. . Compostagem Doméstica. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

BEZERRA, L. P. . Compostagem Doméstica. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2015 - Atual

    Transição agroecológica da agricultura familiar na região de Campinas (SP): a práxis do ensino, pesquisa e extensão na Rede de Agroecologia da Unicamp, Descrição: O presente projeto tem como foco principal fortalecer e desenvolver em profundidade as ações de ensino, pesquisa e extensão, voltadas para o desenvolvimento sustentável, que vem sendo realizadas pela Rede de Agroecologia da Unicamp (RAU), em parceria com diversos atores sociais e institucionais, além de estudantes, professores, pesquisadores, técnicos, agricultores e consumidores. Os objetivos específicos compreendem seis eixos envolvendo o fortalecimento e ampliação das ações da RAU, a organização dos agricultores na implantação de Sistemas Agroflorestais (SAFs) e processos de comercialização, a saúde de trabalhadores, além do diagnóstico socioambiental da agricultura familiar em Sistema de Informação Geográfica (SIG) e formação e qualificação dos atores envolvidos. As ações a serem desenvolvidas tem como quadro teórico-metodológico a transição agroecológica para modelos de desenvolvimento mais sustentáveis. O caráter multidimensional da Agroecologia está presente em todos os objetivos, bem como embasados na participação e emancipação da educação popular de Paulo Freire. A área de estudo compreende a Região Metropolitana de Campinas e seu entorno (RMC-E). Espera-se obter com os resultados do presente projeto uma contribuição efetiva para a transição à Agroecologia na direção de modelos socioambientais e econômicos mais sustentáveis para a RMC-E e para os agricultores e agricultoras familiares.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

  • 2014 - Atual

    CENTRO VOCACIONAL TECNOLÓGICO EM AGROECOLOGIA E PRODUÇÃO ORGÂNICA ? SÃO PAULO ? FCA/UNESP ? BOTUCATU: Integrando ações em Ensino, Pesquisa e Extensão, Descrição: Objetivo Geral Constituir um Centro Vocacional Tecnológico em Agroecologia (CVT), com a participação do Grupo Timbó de Pesquisa e Extensão Agroecológica da FCA/UNESP, Botucatu-SP, junto a outros NEA´s do Estado, dialogando com o CVT-SP ligado aos IF, coordenado pelo IF-São Roque. A implementação deste novo CVT propõe uma série de atividades para a capacitação em pesquisa, ensino e extensão agroecológica, a começar pelas ações em extensão rural junto a famílias de assentados e formação de unidades produtivas de referência nos assentamentos rurais envolvidos e em outros locais, realização de cursos para aprofundamento teórico, técnico e prático, desenvolvimento de pesquisas em tecnologias agroecológicas voltadas à agricultura familiar, continuidade no monitoramento dos sistemas produtivos complexos e promoção de eventos estaduais relacionados ao tema e intercâmbio entre os diversos núcleos no Estado de São Paulo. Objetivos específicos Construção participativa do conhecimento agroecológico através da troca entre os saberes científicos e tradicionais, tendo como foco a organização de cursos, oficinas e dias de campo a partir das demandas levantadas da realidade dos agricultores beneficiados pelo projeto; - Integrar o ensino, pesquisa e extensão através de atividades realizadas nos eixos Ensino, Extensão e Pesquisa; - Aproximar as instituições acadêmicas das comunidades locais com ênfase na agricultura familiar; - Formação de materiais educativos permanentes sobre tecnologias agroecológicas; - Continuação do plano de monitoramento, que já vem sendo realizado, para o Sistema Agroflorestal, localizado na área Experimental de Agroecologia na FCA ? UNESP ? Botucatu; - Realização de novas pesquisas voltadas às tecnologias aplicáveis a Agricultura Familiar e a conservação do Meio Ambiente; - Sensibilização e fortalecimento da agroecologia na região através do uso de metodologias participativas tais como a consolidação de unidades de referência que sirvam como sitio-escola e trocas de experiências para conhecer com maior profundidade os resultados da agroecologia; - Construção e manutenção de unidades de referência em assentamentos rurais através de oficinas e dias de campo para a difusão do desenvolvimento sustentável; - Incentivar o acesso à políticas públicas para o escoamento da produção, tais como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar ? Agroecologia (PRONAF Agroecologia), entre outros; - Organizar cursos, seminários e eventos estaduais relacionados à agroecologia, sementes crioulas/orgânicas e à questão agrária no âmbito rural e universitário visando o intercâmbio entre agricultores, estudantes, professores e técnicos. - Capacitação de estudantes e pesquisadores na perspectiva de ATER Agroecológica; - Capacitação de todos os envolvidos no tema da Agroecologia; - Consolidar as atividades e o desenvolvimento tecnológico na área experimental do grupo Timbó; - Fomentar a articulação entre os NEA?s no intuito de compartilhar as experiências e o desenvolvimento tecnológico entre os mesmos; - Manter articulação com o CVT-IF ? São Roque para o estabelecimento de parcerias e a realização conjunta de eventos e atividades. - Promover o intercâmbio entre os NEA?s e CVT?s através de visitas e trocas de experiências. - Sistematizar junto aos agricultores dos assentamentos em questão um plano de plantio nas áreas de mata ciliar e outros locais degradados visando enfatizar a importância dos recursos hídricos e a conservação ambiental. -Promoção da valorização da agrobiodiversidade e dos produtos da sociobiodiversidade, estimulando e apoiando tecnicamente as experiências locais de uso e conservação dos recursos genéticos vegetais e animais, especialmente as que envolvam o manejo de raças e variedades locais, tradicionais ou crioulas.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Agrícola. , Avenida Cândido Rondon, Cidade Universitária, 13083875 - Campinas, SP - Brasil, Telefone: (19) 35211111

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2015 - 2017

    Universidade Estadual de Campinas

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Extensionista, Carga horária: 30

    Outras informações:
    Coordenadora do Eixo ?Organização de agricultores familiares na implantação de sistemas agroflorestais para a transição agroecológica?; Responsável pela implantação, manejo e monitoramento de unidades de referência em Sistemas Agroflorestais no Assentamento Rural de Sumaré/Sumaré-SP e Cooperacra - Cooperativa de Agricultores Orgânicos de Americana/Americana-SP; Coordenadora da equipe de trabalho (estudantes, pesquisadores e técnicos), facilitadora das oficinas de construção do conhecimento agroecológico junto aos agricultores e técnicos; Articulação entre parceiros do projeto (CATI, Instituto de Biologia, Faculdade de Engenharia Agrícola entre outros).

  • 2014 - 2014

    Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Extensionista, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Membro da Rede de Agroecologia da Unicamp. Participação na elaboração de projetos, organização de cursos e eventos com tema da Agroecologia; Bolsista CNPq no Projeto Centro Vocacional Tecnológico em Agroecologia e Produção Orgânica ? São Paulo ? FCA/UNESP ? Botucatu, representando a Rede de Agroecologia da Unicamp e participando da articulação entre os Núcleos de Agroecologia do Estado de São Paulo.

  • 2011 - 2014

    Associação WWF do Brasil - Fundo Mundial para a Natureza

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Analista de Conservação, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Analista de Conservação do Programa Mata Atlântica com atuação na Iniciativa Água Brasil, no eixo de Projetos Socioambientais, com o tema Água e Agricultura; Elaboração, execução, monitoramento e acompanhamento de projetos e orçamentos e gestão de empresas contratadas para execução dos projetos; Articulação com diversos parceiros locais (Prefeituras, ONGs, CATI, entre outros); Responsável pelo planejamento e implantação de unidades de referência em propriedades rurais nos municípios de Joanópolis e Nazaré Paulista?SP, para o desenvolvimento de modelos de restauração florestal e da produção agrícola de base ecológica, com ênfase em sistema ecológico de manejo de pastagem (Pastoreio Racional Voisin) e sistemas agroflorestais; Responsável pelo planejamento e implantação de unidades de referência na bacia do Rio Lençóis nos municípios de Agudos, Lençóis Paulista e Borebi ? SP, no desenvolvimento de modelos de restauração florestal e boas práticas agrícolas na cadeia produtiva da cana-de-açúcar.

  • 2010 - 2011

    Estúdio de Projetos e Consultoria Ambiental

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Analista Ambiental, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Participação na elaboração de Estudos e Relatórios de Impacto Ambiental EIA-RIMA, envolvendo equipes multidisciplinares, para implantação de empreendimentos no município de Campinas e região; Elaboração de laudos técnicos de caracterização de vegetação e projetos de restauração florestal; Elaboração de diretrizes ambientais para implantação de empreendimentos visando o licenciamento ambiental.

  • 2006 - 2009

    Avalon Consultoria Ambiental

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Supervisora Regional, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Coordenação da implantação do Projeto Mata Ciliar em 6 bacias hidrográficas, nos municípios de Cunha, Guaratinguetá, Paraibuna, Cabreúva, Joanópolis e Nazaré Paulista; Elaboração de projetos executivos de restauração ecológica de áreas degradadas envolvendo diferentes métodos de restauração como nucleação e sistemas agroflorestais; Coordenação da equipe técnica (estagiários e empresas contratadas para execução dos projetos); Participação no desenvolvimento de metodologias e estratégias de restauração ecológica de áreas degradadas com objetivo de conciliar a produção agrícola à conservação ambiental; Implantação de projetos demonstrativos de restauração de áreas ciliares, envolvendo cerca de 50 propriedades e 40 ha de área em restauração; Participação na construção de mecanismos para pagamento por serviços ambientais.

  • 2005 - 2006

    Secretaria do Meio Ambiente e Agricultura da Prefeitura Municipal de Lorena

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Secretária Adjunta do Meio Ambiente, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Participação na elaboração das metas, objetivos e plano de ação da Secretaria; Elaboração e implantação do Projeto de Arborização Urbana Municipal com espécies nativas; Coordenação do grupo de formação do Conselho Municipal do Meio Ambiente; Coordenação do grupo de reestruturação do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural.

  • 2003 - 2005

    BCS Öko-Garantie ? Sistema de Controle Biológico

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Coordenadora de Certificação, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Desenvolvimento de modelos de controle da produção a fim de orientar propriedades orgânicas a adequação as normas, padronizar os procedimentos da certificadora e orientar a inspeção; Acompanhamento de 60 projetos orgânicos na área de produção vegetal e de empresas processadoras e comercializadoras de produtos orgânicos; Capacitação técnica do corpo de inspetores da certificadora.

  • 2002 - 2003

    OIA BRASIL ? Organização Internacional Agropecuária

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Coordenadora de Certificação Orgânica, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Coordenação e execução das atividades do Programa de Certificação; Acompanhamento de 40 projetos de produção orgânica nas áreas de produção vegetal e animal e empresas de processamento e comercialização de produtos orgânicos; Revisão dos relatórios de inspetores, adequando-os as normas vigentes para avaliação do Conselho de Certificação; Coordenação e capacitação técnica do corpo de inspetores da certificadora.

  • 1999 - 2001

    Associação de Agricultura Orgânica

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Coordenadora e Auditora de Certificação, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Reformulação geral dos processos de inspeção, implantação de rotinas de planejamento e controle das atividades, a fim de assegurar o cumprimento das normas e prazos de certificação; Acompanhamento de cerca de 180 propriedades de produção orgânica certificadas, localizadas nos estados de SP, MG, PR e ES; Coordenação e capacitação técnica do corpo de inspetores da certificadora.

  • 1998 - 1999

    COORAP - Cooperativa Regional de Reforma Agrária de Promissão

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Técnica Responsável, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Orientação técnica, elaboração de projetos e organização de cursos de capacitação para apoio aos agricultores na transição agroecológica.