Talléya Samara Battisti

Possui graduação em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (2008). Mestre em Serviço Social pelo Programa de Pós Graduação em Serviço Social da PUCRS (2011). Atualmente trabalha em um Centro de Referência de Assistência Social de Porto Alegre - FASC/PMPA, técnica PAIF/vínculo Marista (2010).

Informações coletadas do Lattes em 27/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Serviço Social

2009 - 2011

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Beatriz Gershenson Aguinsky.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Palavras-chave: Esfera Pública; Justiça Restaurativa; Justiça juvenil; Sistema de Justiça.Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Serviço Social.

Graduação em Serviço Social

2005 - 2008

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Orientador: Francisco Arseli Kern

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2012 - 2012

Atualização aos Sup de Estágio Curric em Ser Socia. (Carga horária: 30h). , Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

2008 - 2008

Iniciação em Justiça Restaurativa. (Carga horária: 48h). , Escola Superior da Magistratura / AJURIS.

2005 - 2005

Extensão universitária em Idosos de Porto Alegre: estudo multidimensional.... (Carga horária: 4h). , Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, PUCRS, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Serviço Social.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

I Seminário de Capacitação à Rede de Atendimento de Porto Alegre.Capacitação a Rede de Atendimento. 2013. (Seminário).

Conselhor Tutelar - Contribuindo para ampliar horizontes no trato da criaças e adolescentes II.Contribuindo para ampliar horizontes no trato da criaças e adolescentes II. 2013. (Seminário).

Encontro Intersetorial do Programa Bolsa Família - Regiões Norte e Eixo Baltazar.Primeiro Encontro Intersetorial do PBF. 2013. (Encontro).

Encontro de Práticas PAIF/SAF da Proteção Social Básica.Encontro de Práticas PAIF/SAF da Proteção Social Básica. 2013. (Encontro).

10ª Conferência Municipal de Assistência Social.10ª Conferência Municipal de Assistência Social. 2013. (Outra).

IV Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Porto Alegre/RS.IV Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Porto Alegre/RS. 2012. (Outra).

III Conferência Municipal do Idoso.III Conferência Municipal do Idoso. 2011. (Outra).

XII Encontro Nacional de Pesquisadores em Serviço Social.A Esfera Pública na Justiça Juvenil Restaurativa: possibilidades e limites em um contexto de violações de direitos. 2010. (Encontro).

Oficina de capacitação QUALIS LIVROS. 2009. (Oficina).

Oficina Regional de Graduação e Pós-Graduação da ABEPSS - REGIONAL SUL I. 2009. (Oficina).

II Encontro Estadual do Serviço Social no Sistema Sociojurídico Atribuições Profissionais e o Trabalho Interdisciplinar. 2009. (Encontro).

Encontro do Fórum de Pesquisadores AJURIS.A inclusão das vítimas na Justiça Juvenil: contribuições da Justiça Restaurativa. 2009. (Encontro).

Encontro do Fórum de Pesquisadores AJURIS.Transcrição I CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DE JUSTIÇA RESTAURATIVA PROF. DR. LODE WALGRAVE. 2009. (Encontro).

Encontro do Fórum de Pesquisadores AJURIS.Uma Nova Justiça na Socioeducação: Estudo Longitudinal das Práticas de Justiça Restaurativa na Justiça Juvenil e nos Programas de Atendimento Socioeducativo. 2009. (Encontro).

I Conferência Internacional de Justiça Restaurativa. 2009. (Outra).

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2009.Posterês das pesquisas desenvolvidas pelo Grupo de Estudos em Ética e Direitos Humanos. 2009. (Outra).

3ª Conferência da Justiça para o Século 21. 2008. (Outra).

Conferência Magna do Professor Howard Zehr - Justiça Restaurativa: um novo foco sobre a justiça. 2008. (Outra).

Seminário - Refletindo sobre o SUAS. 2007. (Seminário).

Semana Acadêmica e VII Temas em Serviço Social. 2007. (Outra).

Semana da Conciência Negra. 2007. (Outra).

2º Seminário Estadual da Política de Humanização da Assitência à Saúde. 2006. (Seminário).

II encontro Trimestral dos Núcleos Regionais de Educação em Saúde Coletiva - Nuresc.Pesquisa Rede de Observatório - ESP/RS. 2006. (Encontro).

3º Encontro Estadual da Política de Humanização da Assistência à Saúde - PHAS. 2006. (Encontro).

Sessão Plenária do Conselho Municipal da Assitência Social. 2006. (Outra).

Semana Acadêmica e VI Temas em Serviço Social.Movimento Estudantil e Resistência: lutas e desafios autais. 2006. (Outra).

Semana Acadêmica e VI Temas em Serviço Social. 2006. (Outra).

Seminário Trabalho Infantil Pontos e Contrapontos. 2005. (Seminário).

Seminário - O Melhor Antídoto Contra a Violência: a Paz. 2005. (Seminário).

Seminário de TCC. 2005. (Seminário).

Seminário de TCC. 2005. (Seminário).

Contextualizando o Sistema Único de Assistência Social - SUAS. 2005. (Outra).

V Temas em Serviço Social. 2005. (Outra).

Semana do Assistente Social: 60 anos de Protagonismo na Produção de Conhecimento em Serviço Social. 2005. (Outra).

Idosos de Porto Alegre: estudo multidimensional comparativo de 10 anos - 1995/2005. 2005. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Isabel Canabarro Paiva

BATTISTI, T. S.. A Assistência Social e a Educação Popular: sua relação na prática a partir do olhar de profissionais, sua considerações e experiências. 2012. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em PPG em Educação Popular e Movimentos Sociais) - Instituto de Desenvolvimento Social Brava Gente.

Aluno: Pâmela Caroline Pereira Garcia

PRATES, J.C.;BATTISTI, T. S.. Capitalismo selvagem: os impactos ideopoliticos na adolescência em medida socioeducativa. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Andreia Mendes dos Santos

BATTISTI;AGUINSKY, B. G.SANTOS, A. M. dos; PEREIRA, MArcus Villela. Justiça Juvenil Restaurativa: um novo espaço público no Sistema de Justiça. 2011. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

Andreia Mendes dos Santos

BATTISTI;AGUINSKY, B. G.SANTOS, A. M. dos; PEREIRA, MArcus Villela. A Justiça Juvenil Restaurativa e a constituição de um novo espaço público no Sistema de Justiça. 2011. Dissertação (Mestrado em serviço social) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

Simone Ritta dos Santos

Aguinsky, Beatriz;SANTOS, Simone Ritta dos. Justiça Restaurativa encontros e desencontros: transformação em movimento. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em serviço social) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

Marcos Villela Pereira

AGUINSKY, Beatriz Gershenson; SANTOS, Andréia M.;PEREIRA, M. V.. Justiça Juvenil Restaurativa: um novo espaço público no Sistema de Justiça?. 2011. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Beatriz Gershenson Aguinsky

Justiça juvenil restaurativa: um novo espaço público no sistema de justiça?; 2011; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Beatriz Gershenson;

Beatriz Gershenson Aguinsky

Observatório de Direitos Humanos e vitimização junto ao Centro Integrado de Atendimento da Criança e do Adolescente: a inclusão das vítimas no Sistema de Justiça da Infância e Juventude; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Faculdade de Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Orientador: Beatriz Gershenson;

Francisco Arseli Kern

Justiça restaurativa - encontros e desencontros: transformação em movimento; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Serviço Social) - Faculdade de Serviço Social/PUCRS; Orientador: Francisco Arseli Kern;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • BATTISTI, T. S. ; PEREIRA, L. P. . Justiça Restaurativa: esperiência de campo de estágio na Central de Práticas Restaurativas junto a 3ªVJIJ. In: Leoberto Bracher; Susiâni Silva. (Org.). Justiça para o Século 21 - Instituindo Práticas Restaurativas: semeando Justiça e Pacificando Violências. 1ªed.Porto Alegre: Nova Prova, 2008, v. , p. 195-199.

  • AGUINSKY, B. G. ; HECHLER, A. D. ; COMIRAN, G. ; GIULIANO, D. N. ; DAVIS, E. M. ; ESPÍNDOLA, S. ; BATTISTI, T. S. . A Introdução das Práticas Restaurativas no Sistema de Justiça e nas Políticas da Infância e Juventude em Porto Alegre: notas de um estudo longitudinal no monitoramento e avaliação do projeto Justiça para o Século 21. In: Leoberto Brancher; Susiâni Silva. (Org.). Justiça para o Século 21: instituindo Práticas restaurativas, semeando justiça e pacificando violências. 01ed.Porto Alegre: Nova Prova, 2008, v. , p. 23-57.

  • AGUINSKY, B. G. ; BALDINI, C. ; OLIVEIRA, S. G. ; TEJADAS, S. S. ; KULLMANN, A. S. ; VECCHIO, K. ; BATTISTI, T. S. ; FONSECA, T. V. . A Invisibilidade das Necessidades das Vítimas no Sistema de Justiça da Infância e Juventude: achados preliminares do observatório de vitimização e direitos humanos. In: Leoberto Brancher; Susiâni Silva. (Org.). Justiça para o Século 21: Instituindo Práticas Restaurativas, semeando justiça e pacificando violências. 01ed.Porto Alegre: Nova Prova, 2008, v. , p. 59-72.

  • ANGNES, D. I. ; REINHARDT, R. D. ; GOMES, K. C. ; MENEZES, A. G. ; DAVID, C. T. N. ; BORBA, S. B. ; SCHMITZ, I. M. ; BOEIRA, A. ; PEREIRA, W. A. P. ; CAMBOIM, M. S. ; BATTISTI, T. S. . Mapeamento das Instituições Formadoras de Recursos Humanos na Saúde: Nível de Graduação do Estado do Rio Grande do Sul. In: Décio Ignácio Angnes; Maria Isabel Barros Bellini. (Org.). Perfil Profissional e a Formação em Saúde no Rio Grande do Sul. 01ed.: , 2006, v. , p. 26-83.

  • BATTISTI, T. S. . A esfera pública na justiça juvenil restaurativa: possibilidades e limites em um contexto de violações de direitos.. In: XII Encotro Nacional de Pesquisadores em Serviço Social, 2010, Rio de Janeiro. A esfera pública na justiça juvenil restaurativa: possibilidades e limites em um contexto de violações de direitos., 2010.

  • BATTISTI, T. S. ; VECCHIO, K. ; KULLMANN, A. S. ; FONSECA, T. V. ; BALDINI, C. ; OLIVEIRA, S. G. ; AGUINSKY, B. G. . A Inclusão das Vítimas no Sistema de Justiça da Infância e Juventude. In: XIX Salão de Iniciação Científica, XVI Feira de Iniciação Científica e II Salão da UFRGS Jovem, 2007, Porto Alegre. CD-ROM XIX Salão de Iniciação Científica, XVI Feira de Iniciação Científica e II Salão da UFRGS Jovem. Porto Alegre: PROPESQ, 2007.

  • BATTISTI, T. S. ; AGUINSKY, B. G. ; FONSECA, T. V. ; VECCHIO, K. ; KULLMANN, A. S. ; BALDINI, C. . A Inclusão das Vítimas no Sistema de Justiça da Infância e Juventude. In: VIII Salão de Iniciação Científica da PUCRS, 2007, Porto Alegre. VIII Salão de Iniciação Científica da PUCRS, 2007.

  • BATTISTI, T. S. . Mapeamento das Instituições Formadoras de Recursos Humanos na Saúde: Nivel de Garduação. In: XVIII Salão de Iniciação Cientifica, XV Feira de Iniciação Científica, I Salão UFRGS Jovem, 2006. XVIII Salão de Iniciação Cientifica, XV Feira de Iniciação Científica, I Salão UFRGS Jovem.

  • BATTISTI, T. S. ; FRAGA, C. G. ; BECKER, C. C. R. ; FERREIRA, G. G. ; MALLMANN, M. G. . JUSTIÇA RESTAURATIVA: o estudo longitudinal e o lugar das vítimas na Justiça Juvenil.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BATTISTI, T. S. . A Esfera Pública na Justiça Juvenil Restaurativa: possibilidades e limites em um contexto de violações de direitos. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • HECHLER, A. D. ; AGUINSKY, B. G. ; GIULIANO, D. N. ; DAVIS, E. M. ; COMIRAN, G. ; BATTISTI, T. S. . Práticas de Justiça Restaurativa no Sistema de Justiça da Infancia e Juventude em Porto Alegre: notas de um estudo longitudinal no monitoramento e avaliação do Projeto Justiça para o Século 21. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BATTISTI, T. S. . Interfaces da Justiça Restaurativa com a Garantia de Direitos Humanos nas Políticas Públicas em Conflito com a Lei. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • BATTISTI, T. S. ; COSTA, K. V. ; KULLMANN, A. S. ; OLIVEIRA, S. G. ; FONSECA, T. V. ; AGUINSKY, B. G. . Observatório de Direitos Humanos e Vitimização no Sistema de Justiça da Infância e Juventude. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BALDINI, C. ; BATTISTI, T. S. ; KULLMANN, A. S. ; AGUINSKY, B. G. ; VECCHIO, K. ; FONSECA, T. V. . Observatório de Direitos Humanos e Vitimização no Sistema de Justiça da Infância e Juventude. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BATTISTI, T. S. . Mapemamento da Institições Formadoras de Recursos Humanos da Área da Saúde - Nível de Graduação. 2006. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • BATTISTI, T. S. . Mapeamento das Instituições Formadoras de Recursos Humanos na área da Saúde - nível de Graduação. 2006. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • BATTISTI, T. S. ; BELLINI ; GOMES, K. C. ; ANGNES, D. I. . Mapemamento da Institições Formadoras de Recursos Humanos da Área da Saúde - Nível de Graduação. 2006. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

BATTISTI, T. S. . Curso de Iniciação em Justiça Restaurativa. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2009 - 2012

    Uma nova justiça na socioeducação: estudo longitudinal das práticas de justiça restaurativa na justiça juvenil e nos programas de atendimento socioeducativo, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Beatriz Gershenson Aguinsky em 03/05/2014., Descrição: Este estudo longitudinal sobre as práticas de justiça restaurativa desenvolvidas no âmbito do Programa Justiça para o Século 21, no município de Porto Alegre, analisa o funcionamento do programa tendo como objetivo principal investigar quais as repercussões do programa em termos de garantias e afirmação de direitos humanos da juventude em conflito com a lei advindas da aplicação de princípios e referenciais teórico-metodológicos da justiça restaurativa nas intervenções institucionais e profissionais do Juizado da Infância e Juventude de Porto Alegre e dos Programas de Atendimento Socieducativos, visando contribuir com subsídios para o aprimoramento da política de atendimento socieducativo. O estudo apontou que as práticas restaurativas têm sido levadas a efeito na justiça juvenil em situações de menor potencial ofensivo, resultando em acordos focados em responsabilização das pessoas envolvidas (ofensores, vítimas, familiares e comunidade) e não na punição. Verificou-se altos níveis de satisfação dos envolvidos, especialmente em práticas restaurativas com a presença das vítimas diretas. Em situações em que as vítimas diretas não participaram, o nível de satisfação se reduziu - especialmente do ponto de vista dos ofensores. As situações que chegam a acordos responsabilizantes tendem a ter nas práticas de justiça restaurativas a resposta satisfativa do sistema de justiça, sem aplicação de medidas socieducativas, reduzindo o dano da exposição de adolescentes ofensores aos agravos do controle social também presente nestas medidas. No âmbito do atendimento socieducativo as práticas de justiça restaurativa têm sido levadas a efeito na vigência de medidas socieducativas de privação de liberdade e de meio aberto, em situações que buscam a corresponsabilização da família, da rede de apoio social e da comunidade e dos adolescentes ofensores na viabilização de condições que favorecem o retorno do adolescente ao convívio social, previnam novas ofensas e fortaleçam os laços so.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Talléya Samara Battisti - Integrante / Beatriz Gershenson Aguinsky - Coordenador / Francisco Arseli Kern - Integrante / Giovane Antônio Scherer - Integrante / Carolina Gomes Fraga - Integrante / Carla Cristina Rambo Becker - Integrante.

  • 2009 - 2011

    Justiça juvenil restaurativa: um novo espaço público no sistema de justiça?, Descrição: O estudo objetivou investigar as manifestações de um espaço público nas iniciativas da Justiça Restaurativa, com vistas a desvelar suas repercussões no Sistema de Justiça Juvenil, a partir da experiência concreta no município de Porto Alegre. A pesquisa debruça-se sobre a discussão da eficácia do Sistema de Justiça Juvenil, tendo em vista a histórica orientação punitiva nas respostas aos atos infracionais, ao mesmo tempo em que são constituídas, no cenário nacional, iniciativas que agregam a concepção de um novo paradigma de justiça. Dentre essas iniciativas encontra-se a Justiça Restaurativa, que converge à ideia de ampliação de um espaço público, nas formas de realização da justiça, uma vez que essa alternativa agrega ao sistema uma pauta ética, direcionada pelo princípio da dignidade humana de todos ofensores, vítimas e comunidade, orientada por processos decisórios democráticos, levados a efeito pelos sujeitos diretamente afetados por algum fato que provocou ofensa individual ou coletivamente. Questionam-se, ainda, a necessidade da democratização da Justiça, no âmbito da Justiça Juvenil e as possíveis contribuições da Justiça Restaurativa nesse processo ao longo dos capítulos. A pesquisa utiliza o método dialético-crítico e caracteriza-se por ser de natureza exploratória que se vale de levantamento bibliográfico e análise documental, constituindo-se em um estudo de caso, cuja unidade de análise é a Central de Práticas Restaurativas do Juizado da Infância e Juventude de Porto Alegre. A abordagem do objeto de estudo é qualitativa, utilizando-se também de informações quantificáveis. Os sujeitos da pesquisa foram escolhidos pelo critério de participação em procedimentos restaurativos no ano de 2008. O estudo conclui que a Justiça Juvenil Restaurativa inscreve-se contraditoriamente na relação entre o instituído sistema punitivo e ao que preconiza o ECA e o SINASE, articulando-se à legítima demanda social pela democratização da justiça juvenil, com a ampliação da responsabilidade socialmente partilhada em relação às violências praticadas pela juventude. . , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Talléya Samara Battisti - Coordenador / Beatriz Gershenson Aguinsky - Integrante.

  • 2009 - 2011

    A (In)Visibilidade da Juventude nas Políticas Públicas e nas Relações Sociais: A Contribuição do Teatro como Estratégia Metodológica no Reconhecimento de Sujeitos de Direitos, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Beatriz Gershenson Aguinsky em 15/07/2013., Descrição: O estudo foi realizado em uma das localidades mais vulneráveis de Porto Alegre, o Bairro Bom Jesus, nas dependências de uma instituição de ensino fundamental. Foi constituído um grupo de 10 jovens, na faixa etária entre 15 à 29 anos de idade, que semanalmente participou de encontros que visavam a discussão sobre juventude, direitos humanos e políticas públicas, através da articulação do teatro na metodologia da pesquisa. Durante os encontros foram desenvolvidas técnicas de teatro com os jovens, que interpretaram cenas da sua própria realidade e realizaram debates sobre as cenas criadas, construindo possibilidades de questionamento da sua própria realidade. Visando compreender sua realidade social, bem como identificar os processos de garantias e violações de direitos que constituem a experiência social dos jovens, foram realizadas também entrevistas semi-estruturadas no início da pesquisa, e no final da pesquisa, para analisar as possíveis contribuições do teatro e seu impacto no âmbito de seus processos sociais em que os participantes tomam parte. Como forma de sistematização dos conteúdos trabalhados, foi construída com uma peça teatral pelos próprios jovens participantes da pesquisa, onde foi possível além de conectar os debates realizados na pesquisa, colocar em pauta na sociedade a discussão sobre as Políticas públicas destinadas à juventude, através de um evento destinado a comunidade acadêmica e a população em geral. A pesquisa também mapeou as políticas públicas destinadas as juventudes na cidade de Porto Alegre/RS. Os resultados apontaram para a fragilidade de políticas públicas especificas para atender as necessidades da juventude, em especial do jovem adulto, isso é, de 18 a 29 anos. Constatou-se uma ausência de políticas públicas voltadas para a materialização de direitos humanos dialoguem com as particularidades e necessidades deste segmento. Os jovens, em suas falas, em seu silêncio e em suas cenas, aludiram a violência constante, especialmente perce.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Talléya Samara Battisti - Integrante / Beatriz Gershenson Aguinsky - Coordenador / Silvia da Silva Tejadas - Integrante / Francisco Arseli Kern - Integrante / Giovane Antônio Scherer - Integrante / Adriana Hinschinck Oliveira - Integrante.

  • 2009 - 2010

    Uma nova justiça na socioeducação: estudo longitudinal das práticas de justiça restaurativa na justiça juvenil e nos programas de atendimento socioeducativo, Descrição: O presente estudo se caracteriza por ser uma pesquisa de natureza longitudinal, ingressando no seu quarto ano consecutivo, pretendendo através do monitoramento das práticas de justiça restaurativa desenvolvidas no âmbito do Projeto Justiça para o Século 21, analisar seu funcionamento, em vista de parâmetros e propósitos restaurativos. Para tanto, a pesquisa atual tem como objetivo principal: investigar quais as repercussões em termos de garantias e afirmação de direitos humanos da juventude em conflito com a lei, advindas da aplicação de princípios e referenciais teórico-metodológicos da Justiça Restaurativa nas intervenções institucionais e profissionais do Juizado da Infância e Juventude de Porto Alegre e dos Programas de Atendimento Socioeducativos, com vistas a contribuir com subsídios para o aprimoramento da política de atendimento socioeducativo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Talléya Samara Battisti - Integrante / Beatriz Gershenson Aguinsky - Coordenador / Sandra da Silva Espíndola - Integrante / Francisco Arseli Kern - Integrante / Giovane Antônio Scherer - Integrante / Carla Cristina R. Becker - Integrante / Carolina Gomes Fraga - Integrante / Mônica Marcos Menguer - Integrante.

  • 2009 - 2010

    A inclusão das vítimas na Justiça Juvenil: contribuições da Justiça Restaurativa, Descrição: A pesquisa teve como tema a participação das vítimas de violência nos processos judiciais e nas práticas de Justiça Restaurativa, tendo como objetivo geral investigar quais são as repercussões em termos de satisfação e confiança com o Sistema de Justiça, por parte das vítimas de atos infracionais, advindas da aplicação de princípios e referenciais teórico-metodológicos da Justiça Restaurativa nas intervenções institucionais e profissionais do Juizado da Infância e Juventude (JIJ) de Porto Alegre.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Talléya Samara Battisti - Integrante / Beatriz Gershenson Aguinsky - Coordenador / Sandra da Silva Espíndola - Integrante / Francisco Arseli Kern - Integrante / Giovane Antônio Scherer - Integrante / Guilherme Gomes Ferreira - Integrante.

  • 2007 - 2008

    Observatório de Direitos Humanos e vitimização junto ao Centro Integrado de Atendimento da Criança e do Adolescente: a inclusão das vítimas no Sistema de Justiça da Infância e Juventude, Descrição: A pesquisa buscou identificar as necessidades de segurança e garantia de direitos das vítimas de violência que chegam ao Sistema de Justiça da Infância e Juventude e o modo que vêm sendo consideradas pelas diversas instâncias deste e pela rede de apoio e de serviços.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Talléya Samara Battisti - Integrante / Beatriz Gershenson Aguinsky - Coordenador / Kizzy Vecchio - Integrante / Angélica Samara Kullmann - Integrante / Thyelle Vidal Fonseca - Integrante / Clarissa Baldini - Integrante / Simônia Gonçalves de Oliveira - Integrante / Ângela Diana Hechler - Integrante / Gisele Comiran - Integrante / Silvia da Silva Tejadas - Integrante.

  • 2005 - 2006

    Mapeamento da Instituições Formadores de Recursos Humanos na Saúde - Nível de Graduação, Descrição: Esta pesquisa, implementada pela Escola de Saúde Pública (ESP/RS), se insere na proposta da Rede Observatório de Recursos Humanos em Saúde (RORHES) e se porpôs desvelar algumas variáveis que embasam a formação de recursos humanos em saúde no Rio Grande do Sul. O objetivo deste estudo é, portanto, desenvolver entendimento sobre a problemática em foco, através de mapeamento das instituições formadoras de recursos humanos na saúde em nível de graduação, procurando decifrar as formas de estruturação e funcionamento de cada curso da saúde, suas concepções e normatizações, para que seja possível conhecer a realidade de recursos humanos da saúde estadual e efetivar a construção de rede colaborativa.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Talléya Samara Battisti - Integrante / Décio Ignácio Angnes - Integrante / Rosemari Dorigon Reinhardt - Integrante / Kelinês Cabral Gomes - Integrante / Alexandre Gamba Menezes - Integrante / Clarete Teresinha Nespolo de David - Integrante / Sandra Barradas Borba - Integrante / Ilaine Maria Schmitz - Integrante / Adriana Boeira - Integrante / Waleska Antunes da Porciuncula Pereira - Integrante / Maura Simeão Camboim - Integrante / Maria Isabel de Barros Bellini - Coordenador.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2005 - 2006

Escola de Saúde Pública

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Escola de Saúde Pública (ESP/RS), se insere na proposta da Rede Observatório de Recursos Humanos em Saúde (RORHES). Atividades desenvolvidas: planejamento e execução do projeto de pesquisa intitulado: "Mapeamento das Instituições Formadoras de RecursosHumanos da Saúde - Nível de Graduação". Elaboração do Projeto de Pesquisa; submissão do projeto de pesquisa à apreciação do Comitê de Ética em Pesquisa em Saúde da Escola de Saúde Pública e das instituições pesquisadas; elaboração dos instrumentos de coleta e análise dos dados; termo de consentimento livre e esclarecido; coleta dos dados; entrevistas; análise dos dados; apresentação da pesquisa e devolução dos resultados em Seminários, Encontros, Salões de Iniciação Científica, Oficinas entre outros.

2007 - 2008

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Vínculo: Outro (especifique), Enquadramento Funcional: Estágio Curricular em Serviço Social, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Projeto de intervenção: "A co-responsabilização e participação das vítimas como formas de transcender uma cultura punitiva e vingativa" vinculado ao projeto de pesquisa "Observatório de Direitos Humanos e Vitimização junto ao Ciaca: a inclusão das vítimas no Sistema de Justiça da Infância e Juventude". Elaboração e execução do projeto de intervenção: Talléya Samara Battisti, Kizzy Vecchio, Angélica Kullmann, Thyelle Fonseca e Clarissa Baldini. Atendimento em grupo coordenado pelas proponentes do projeto, com turnos e dias alternados, para possibilitar uma maior participação dos interessados. Tendo como objetivo geral constituir um espaço de participação para as vítimas de adolescentes em conflito com a lei, bem como seus familiares e comunidade, onde possam trocar experiências, vocalizar suas necessidades, enquanto alternativa de acesso aos serviços e direitos humanos através de uma rede integrada, visando à corresponsabilização dos atores sociais na busca pela superação da violência.

2008 - 2008

Central de Práticas Restaurativas do Juizado da infância e da Juventude

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Coordenadora de Procedimentos Restaurativos, Carga horária: 20

Outras informações:
Área: Serviço Social.