Manoela Sacchis Lopes

Possui graduação em Engenharia Florestal na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). É Especialista em Sensoriamento Remoto e Sistemas de Informações Geográficas pelo Centro Regional de Educação em Ciências e Tecnologias Espaciais para América Latina e o Caribe e Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), Mestre e Doutora em Sensoriamento Remoto na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Geoprocessamento. Atualmente dedica-se a pesquisa na área de Sensoriamento Remoto.

Informações coletadas do Lattes em 12/04/2022

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Sensoriamento Remoto

2015 - 2019

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Título: Detecção de mudanças e proposta metodológica para delimitação de Zona de Armortecimento no Parque Estadual do Rio Canoas - SC.
Dejanira Luderitz Saldanha. Palavras-chave: Detecção de Mudanças; Zona de Amortecimento; Sensoriamento remoto; Processamento Digital de Imagens.Grande área: Ciências Exatas e da TerraGrande Área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Geoprocessamento. Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências.

Mestrado em Sensoriamento Remoto

2013 - 2015

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Título: Análise da Vulnerabilidade Natural à erosão como subsídio ao planejamento ambiental do oeste da bacia hidrográfica do Rio Camaquã.,Ano de Obtenção: 2015
Dejanira Luderitz Saldanha.Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Grande área: Ciências Exatas e da TerraGrande Área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Geoprocessamento. Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências.

Especialização em Sensoriamento Remoto e SIG

2012 - 2012

CRECTEALC e Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais
Título: Análise da fragilidade ambiental do meio físico da Bacia Hidrográfica do Rio Pardo ? Rio grande do Sul.
Orientador: María Silvia Pardi Lacruz

Graduação em Engenharia Florestal

2007 - 2012

Universidade Federal de Santa Maria
Título: Mudanças das áreas de preservação permanente com a implementação da nova proposta do Código Florestal na bacia hidrográfica do Rio Pardo - RS.
Orientador: Manoel Araujo Sousa Jr

Curso técnico/profissionalizante interrompido em 2015

2010 - Atual

Colégio Politécnico de Santa Maria - UFSM
Ano de interrupção: 2015

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2012 - 2012

Curso de Operação da Plataforma TERRAMA². (Carga horária: 40h). , Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, Brasil.

2009 - 2009

Geoprocessamento - SPRING 2009. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.

2003 - 2004

Inglês Início e Intermediário. (Carga horária: 200h). , CNA - Inglês definitivo, CNA, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geofísica/Especialidade: Sensoriamento Remoto.

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Geoprocessamento.

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Silvicultura/Especialidade: Proteção Florestal.

Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Sanitária / Subárea: Recursos Hídricos/Especialidade: Planejamento Integrado dos Recursos Hídricos.

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Conservação da Natureza.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

10 Simpósio de Sensoriamento Remoto de Aplicações em Defesa. 2020. (Simpósio).

Informação espacial para a prevenção e mitigação de desastres naturais.. 2011. (Seminário).

Mini Curso de Balanço de Carbono nos ecossistemas: Métodos de determinação e modelação espacial e dinâmica temporal.. 2011. (Outra).

Seminário de Iniciação Científica do Centro Regional Sul - INPE.TÉCNICAS DE SENSORIAMENTO REMOTO APLICADAS AO ESTUDO DE MUDANÇAS DE USO E COBERTURA DA TERRA NA OTTOBACIA ? NÍVEL 4 DO RIO JACUÍ. 2011. (Seminário).

Simpósio Latino-Americano sobre Manejo Florestal. 2011. (Simpósio).

Simpósio Latino-Americano sobre Manejo Florestal.Mini Curso de Manejo de Florestas em pequenas propriedades como contribuição para amenizar os desafios sócio-econômicos do meio rural.. 2011. (Oficina).

3ª Semana da Geomática.Análise de Infraestrutura e localização espacial das bibliotecas da UFSM, utilizando ferramentas de Geoprocessamento.. 2010. (Simpósio).

Legislação Profissional na área ambiental/florestal, com enfoque em determinação de APPs e Reserva Legal através das técnicas de geoprocessamento.. 2010. (Seminário).

Simpósio de Geomática - Interdisciplinaridade da Geomática. 2010. (Simpósio).

Visita técnica ao Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba.. 2010. (Encontro).

Visita técnica ao Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis.. 2010. (Encontro).

Visita técnica às instalações da BASE aerofotogrametria e projetos s.a.. 2010. (Oficina).

Curso de Geoprocessamento SPRING. 2009. (Oficina).

XIII SEMANA ACADÊMICA DA ENGENHARIA FLORESTAL. 2009. (Seminário).

1 Seminário em Ciências Florestais. 2008. (Seminário).

XII SEMANA ACADÊMICA DA ENGENHARIA FLORESTAL.. 2008. (Seminário).

Fórum Florestal Estadual. 2007. (Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Cristiane Rodrigues de Oliveira

LOPES, M. S.. Geoprocessamento aplicado à elaboração do Cadastro Ambiental Rural. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geoprocessamento) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Tiago Possebon de Freitas

LOPES, M. S.; WEBER, L.; PASINI, M.. Reflectância de Plantas em Sensoriamento Remoto. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Michele Monguilhott

LOPES, M. S.; SALDANHA, D. L.;GUASSELLI, L. A.; ;TRENTIN, A.;MONGUILHOTT, M.. Diagnóstico, cumprimento de plano de manejo e análise de alterações florestais associado ao Parque Estadual do Rio Canoas - SC.. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Sensoriamento Remoto) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Maria Silvia Pardi Lacruz

SALDANHA, D. L.;PARDI LACRUZ, María Silvia; FONSECA, E. L.. Análise de Vulnerabilidade Natural à Erosão como Subsídio ao Planejamento Ambiental da Bacia Geológica do Camaquã ? RS. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Sensoriamento Remoto) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Guilherme Garcia de Oliveira

TRENTIN, A.; KUPLICH, T. M.; MONGUILHOTT, M.;OLIVEIRA, G. G.. Detecção de mudanças e proposta metodológica para delimitação de Zona de Amortecimento no Parque Estadual do Rio Canoas - RS. 2019. Tese (Doutorado em Sensoriamento Remoto) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

José Américo de Mello Filho

SOUSA JUNIOR, Manoel de A.; LACRUZ, María Silvia P.;MELLO FILHO, José Américo de. Técnicas de sensoriamento remoto aplicadas ao estudo da mudança de uso e cobertura da terra na Ottobacia de nível 4, do Rio Jacuí. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Santa Maria.

Damáris Gonçalves Padilha

LOPES, M. S.;SALDANHA, D. L.PADILHA, D. G.. Análise da Vulnerabilidade Natural a Erosão como subsídio ao planejamento ambiental do oeste da bacia hidrográfica do Rio Camaquã-RS. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Sensoriamento Remoto) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aline Biasoli Trentin

PADILHA, Damaris Gonçalves;TRENTIN, Aline Biasoli; DUCATI, Jorge Ricardo;SALDANHA, D. L.. Análise da vulnerabilidade natural a erosão como subsídio ao planejamento ambiental do oeste da bacia Hidrográfica do rio Camaquã-RS. 2015. Dissertação (Mestrado em Sensoriamento Remoto) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aline Biasoli Trentin

TRENTIN, Aline Biasoli; MONGUILHOTT, M.; KUPLICH, Tatiana Mora; OLIVEIRA, G. G.. Detecção de mudanças e proposta metodológica para delimitação de Zona de Amortecimento no Parque Estadual do Rio Canoas - SC. 2019. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Sensoriamento Remoto -) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Tatiana Mora Kuplich

MONGUILHOTT, M.; TRENTIN, A. B.; GARCIA, G.;KUPLICH, T. M.. Detecção de mudanças e proposta metodológica para delimitação de Zona de Amortecimento no Parque Estadual do Rio Canoas - SC. 2019. Tese (Doutorado em Sensoriamento Remoto) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Dejanira Luderitz Saldanha

Diagnóstico, cumprimento de plano de manejo e análise de alterações florestais associados ao Parque Estadual do rio Canoas - SC, utilizando Sensoriamento Remoto; Início: 2015; Tese (Doutorado em Engenharia Florestal) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Dejanira Luderitz Saldanha

Análise da Vulnerabilidade Natural a Erosão como subsídio ao planejamento ambiental do oeste da Bacia hidrográfica do rio Camaquã-RS; 2015; Dissertação (Mestrado em Sensoriamento Remoto) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Dejanira Luderitz Saldanha;

Manoel de Araújo Sousa Júnior

Técnicas de sensoriamento remoto aplicadas ao estudo da mudança de uso e cobertura da terra na ottobacia de nível 4 do Rio Jacuí; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Santa Maria; Orientador: Manoel de Araújo Sousa Júnior;

Maria Silvia Pardi Lacruz

Análise da Fragilidade Ambiental do Meio Físico da Bacia Hidrográfica do Rio Pardo, Rio Grande do Sul; 2012; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso Internacional em Sensoriamento Remoto) - Campus Brasil do CRECTEALC; Orientador: María Silvia Pardi Lacruz;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • LOPES, M. S. ; VETTIL, B. K. ; SALDANHA, D. L. . Buffer zone delimitation of conservation units based on map algebra and AHP technique: A study from Atlantic Forest Biome (Brazil). BIOLOGICAL CONSERVATION , v. 253, p. 108905, 2021.

  • LOPES, M. S. ; SALDANHA, D. L. ; VETTIL, B. K. . Object-oriented and fuzzy logic classification methods for mapping reforested areas with exotic species in Rio Canoas State Park-Santa Catarina, Brazil. ENVIRONMENT, DEVELOPMENT AND SUSTAINABILITY , p. 1, 2020.

  • LOPES, M. S. ; VETTIL, B. K. ; SALDANHA, D. L. . Assessment of Small-Scale Ecosystem Conservation in the Brazilian Atlantic Forest: A Study from Rio Canoas State Park, Southern Brazil. Sustainability , v. 11, p. 2948, 2019.

  • LOPES, M. S. ; SALDANHA, D. L. . Análise de Vulnerabilidade Natural à erosão como subsídio ao planejamento ambiental do oeste da Bacia Hidrográfica do Camaquã - RS. RBC. REVISTA BRASILEIRA DE CARTOGRAFIA (ONLINE) , v. 68, p. 1689-1708, 2016.

  • LOPES, M. S. ; DOMINGUES, S. . Análise de Infraestrutura e localização espacial das bibliotecas da UFSM, utilizando ferramentas de Geoprocessamento.. In: 3ª Semana da Geomática - UFSM, 2010, Santa Maria. 3ª Semana da Geomática, 2010.

  • LOPES, M. S. ; KUPLICH, T. M. ; PARDI LACRUZ, M. S. . Técnicas de sensoriamento remoto aplicadas as mudanças de uso e cobertura da terra na ottobacia de nível 4 do rio Jacuí. In: Seminário de Iniciação Científica do Centro Regional Sul, 2011, Santa Maria. Seminário de Iniciação Científica, 2011. v. 1. p. 12-12.

  • LOPES, M. S. . Análise da fragilidade ambiental do meio físico da bacia hidrográfica do Rio Pardo. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • VASSALI, M. ; LOPES, M. S. . Production of mate (Ilex paraguariensis) in Rio Grande do Sul, Brazil in the last years: discussing the current crisis.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • LOPES, M. S. ; VASSALI, M. . Discussion of house project bill 30/2011 for brazilian forest code and changes on permanent preservation areas in the basin of Rio Pardo.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • LOPES, M. S. ; PARDI LACRUZ, M. S. . Dinâmica do uso e cobertura da terra da ottobacia de nível 4 do rio jacuí ? anos 1994, 2000 e 2009.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • VETTIL, B. K. ; LOPES, M. S. ; COLLISCHONN, C. . Utilization of spectroradiometer (fieldspec-3) for measuring lignin content and age of wooden surfaces.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • LOPES, M. S. ; PARDI LACRUZ, M. S. ; KUPLICH, T. M. . Técnica de Sensoriamento Remoto aplicadas ao estudo de mudanças de uso e cobertura da terra na Ottobacia - Nível 4 do Rio Jacuí.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2011 - 2011

    Mudanças das áreas de preservação permanente com a implementação da nova proposta do Código Florestal nas bacias hidrográficas do Rio Pardo e Santa Maria, Rio Grande do Sul., Descrição: Analisar as diferenças das áreas de preservação permanente nas bacias hidrográficas do Rio Pardo e Santa Maria do Rio Grande do Sul com a implementação da nova proposta do Código Florestal, utilizando geotecnologias.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Manoela Sacchis Lopes - Coordenador / María Silvia Pardi Lacruz - Integrante / Manoel de Araújo Sousa Junior - Integrante / Tania Maria Sausen - Integrante.

  • 2010 - 2011

    Técnicas de sensoriamento remoto aplicadas ao estudo de mudanças do uso e cobertura da terra na ottobacia de nível 4 do Rio Jacuí., Descrição: Essa pesquisa tem como objetivo geral avaliar a dinâmica do uso e cobertura da terra na ottobacia de nível 4 que inclui o rio Jacuí, com a utilização de técnicas de sensoriamento remoto. Nesse contexto, realizou-se um estudo multitemporal para essa ottobacia, decorrente dos anos de 1994, 2000 e 2009. Juntamente a isso, aplicou-se o modelo linear de mistura espectral com o intuito de comparar o desempenho das classificações e verificar se houveram mudanças significativas nos resultados finais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Manoela Sacchis Lopes - Coordenador / Tatiana Mora Kuplich - Integrante / María Silvia Pardi Lacruz - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2010 - 2010

    Monitoramento de Estiagem na Região Sul do Brasil utilizando dados EVI / MODIS, Descrição: O presente projeto tem como objetivo principal fazer o monitoramento de forma sistemática e contínua o fenômemo de estiagem que vem ocorrendo com maior frequência e intensidade na região sul do Brasil. Para isso serão usados imagens índice de vegetação EVI / MODIS... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Manoela Sacchis Lopes - Coordenador / Manoel de Araújo Sousa Junior - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de Santa Maria, Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão. , Avenida Roraima, 97105-900 - Santa Maria, RS - Brasil

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2010 - 2012

Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais

Vínculo: Outro (especifique), Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica PIBIC CNPq, Regime: Dedicação exclusiva.

2011 - 2011

Escritório da Cidade de Santa Maria

Vínculo: Estágio voluntário, Enquadramento Funcional: 400 horas, Carga horária: 20

Outras informações:
Estágio voluntário na área de geoprocessamento urbano do município de Santa Maria - RS.

2016 - Atual

Universidade Federal de Santa Maria

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Técnica Administrativa em Educação - TAE, Carga horária: 40

2008 - 2009

Universidade Federal de Santa Maria

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista da Coord. do Curso de Eng. Florestal, Carga horária: 20

Outras informações:
Bolsa de Trabalho - UFSM ? Manipulação de banco de dados; ? Organização do banco de dados de trabalhos de conclusão de curso; ? Desenvolvimento de layout de CD para o banco de dados de trabalhos de conclusão de curso; ? Trabalhos de auxiliar de secretariado.