Hayandra Cunha da Costa

Possui graduação em Administração pelo Centro Universitário da Cidade (2012), graduação em Ciências Biológicas - Bacharelado pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2014), graduação em Ciências Biológicas - Licenciatura pelo Centro Universitário Celso Lisboa (2016), e mestrado em Biologia (Biociências Nucleares) pela UERJ (2016). Atualmente é aluna de doutorado em Biociências (PPGB) da UERJ. Tem experiência na área de Biologia Celular, atuando principalmente nos seguintes temas: câncer, macrófagos associados ao tumor, lipoxina, microambiente tumoral

Informações coletadas do Lattes em 26/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em andamento em Biologia (Biociências Nucleares)

2016 - Atual

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Título: Análise do perfil funcional de monócitos e macrófagos modulados por estímulos inflamatórios,
Orientador: Christina Barja-Fidalgo
Coorientador: Rafael Loureiro Simões. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: MICROAMBIENTE TUMORAL; MACROFÁGOS ASSOCIADOS AO TUMOR; LIPOXINA; CÂNCER.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Farmacologia.

Mestrado em Biologia (Biociências Nucleares)

2014 - 2016

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Título: Papel do microambiente tumoral na modulação de monócitos e dos macrófagos associados ao tumor,Ano de Obtenção: 2016
Thereza Christina Barja-Fidalgo.Coorientador: Rafael Loureiro Simões. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: MICROAMBIENTE TUMORAL; MATRIZ EXTRACELULAR; MONÓCITOS; MACROFÁGOS ASSOCIADOS AO TUMOR; LIPOXINA.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Farmacologia.

Graduação em Ciências Biológicas

2015 - 2016

centro universitario celso lisboa
Título: A problemática da educação ambiental e dos hábitos alimentares no ensino de ciências
Orientador: Juliana Barreto

Graduação em Ciências Biológicas

2009 - 2014

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Título: O papel de 15-epi-lipoxina na modulação de macrófagos murinos associados ao tumor
Orientador: Thereza Christina Barja-Fidalgo
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Graduação em Administração

2008 - 2012

Universidade Veiga de Almeida
Título: O papel da sustentabilidade nas micro e pequenas empresas
Orientador: Janaína da Cunha Silva

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Farmacologia / Subárea: Farmacologia Geral.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral / Subárea: Biologia Celular.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

II Workshop on Inflammation.Analysis of the signaling pathways involved in tumor associated macrophages. 2018. (Outra).

IV Encontro Científico do Programa de Pós Graduação em Biociências.Análise do perfil funcional de macrófagos modulados por estímulos inflamatórios. 2018. (Encontro).

XII Simpósio de Oncobiologia.Analysis of the signaling pathways involved in tumor associated macrophages. 2018. (Simpósio).

XIX Congress of the Brazilian Society for Cel Biology - SBBC. Analysis of the signaling pathways involved in tumor associated macrophages. 2018. (Congresso).

XXXII Reunião Anual da FeSBE. LIPOXIN A4 SELECTIVELY PROGRAMS THE PROFILE OF M2 TUMOR ASSOCIATED MACROPHAGES WHICH FAVOUR CONTROL OF TUMOR PROGRESSION. 2017. (Congresso).

VIII International Symposium on Extracellular Matrix - SIMEC.The effect of 15-epi-lipoxin A4 in the modulation of monocytes and macrophage by tumor extracellular matrix. 2015. (Simpósio).

23ª Semana de Iniciação Científica da UERJ.O Papel de 15-epi-lipoxina A4 na Modulação de Macrófagos Murinos Associados ao Tumor. 2014. (Encontro).

Workshop: Current and next generation methods in forensic genetics. 2014. 2014. (Outra).

XVII Meeting of the Brazilian Society for Cell Biolog - SBBC. EFFECT OF LIPOXIN A4 ON THE MODULATION OF HUMAN MACROPHAGE PROFILE BY TUMOR EXTRACELLULAR MATRIX. 2014. (Congresso).

XVII Meeting of the Brazilian Society for Cell Biology - SBBC. IPOXIN A4 MODULATES PHENOTYPE CHANGES OF TUMOR-ASSOCIATED MURINE MACROPHAGE. 2014. (Congresso).

22ª Semana de Iniciação Científica da UERJ.Avaliação in vivo dos efeitos da lipoxina sobre o perfil de macrófagos associados ao tumor. 2013. (Outra).

XII International Symposium on Extracellular Matrix - SIMEC. 2013. (Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Thais da Fonte Faria

FARIA, T. F.; Barreto, Juliana. A PROBLEMÁTICA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL E DOS HÁBITOS ALIMENTARES NO ENSINO DE CIÊNCIAS. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Centro Universitário Celso Lisboa.

Alessandra Mattos Saliba

SALIBA, A. M.. Papel do microambiente tumoral na modulação de monócitos e dos macrófagos associados ao tumor. 2016. Dissertação (Mestrado em Biologia (Biociências Nucleares)) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Nathalia de Oliveira Meireles da Costa

MEIRELES, N.; SABINO, K.; SALIBA, A. M.. O papel do microambiente tumoral na modulação de monócitos e macrófagos e dos macrófagos associados ao tumor. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Biologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

João Alfredo de Moraes Gomes Silva

MORAES, J. A.. O papel do microambiente tumoral na modulação de monócitos e macrófagos associados ao tumor. 2016. Dissertação (Mestrado em Biologia (Biociências Nucleares)) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Michelle Gralle Botelho

BOTELHO, M. G.; BARJA-FIDALGO, T. C.; SIMAO, T. A.. O papel da lipoxina na modulação do perfil de macrófagos murinos associados ao tumor. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Rafael Loureiro Simões

?Análise do perfil funcional de monócitos e macrófagos modulados por estímulos inflamatórios?; Início: 2016; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Biologia (Capes 6)) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro; (Coorientador);

Rafael Loureiro Simões

Efeito de 15-epi-lipoxinas na modulação de macrófagos cultivados em matrizes tumorais; 2016; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Biologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Rafael Loureiro Simões;

Rafael Loureiro Simões

Avaliação dos efeitos do ATL-1, um análogo sintético de 15-epi-lipoxina, sobre macrófagos associados ao tumor; ; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Rafael Loureiro Simões;

THEREZA CHRISTINA BARJA FIDALGO

Análise do perfil funcional de monócitos e macrófagos modulados por estímulos inflamatórios; Início: 2016; Tese (Doutorado em Biociências) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Coorientador);

THEREZA CHRISTINA BARJA FIDALGO

Estudo da ativação in vivo e in vitro de macrófagos associados ao tumor por lipoxina; 2016; Dissertação (Mestrado em Biociências (31004016001P3)) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Thereza Christina Barja Fidalgo;

THEREZA CHRISTINA BARJA FIDALGO

ESTUDO DA ATIVAÇÃO IN VIVO E IN VITRO DE MACRÓFAGOS ASSOCIADOS AO TUMOR POR LIPOXINA; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Thereza Christina Barja Fidalgo;

Jacyara Maria Brito Macedo

Avaliação da importância de polimorfismos dos genes p53 e p21 para o desenvolvimento de lesões pré-malignas e malignas do colo do útero; 2011; Orientação de outra natureza; (Ciências Biológicas) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Estágio Interno Complementar Uerj; Orientador: Jacyara Maria Brito Macedo;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • DE-BRITO, NATÁLIA M. ; DUNCAN-MORETTI, JULIA ; DA-COSTA, HAYANDRA C. ; SALDANHA-GAMA, ROBERTA ; PAULA-NETO, HEITOR A. ; DORIGHELLO, GABRIEL ; SIMÕES, RAFAEL L. ; BARJA-FIDALGO, CHRISTINA . Aerobic glycolysis is a metabolic requirement to maintain the M2-like polarization of tumor-associated macrophages. BIOCHIMICA ET BIOPHYSICA ACTA-MOLECULAR CELL RESEARCH , v. 1867, p. 118604, 2019.

  • DE-BRITO, NATÁLIA MESQUITA ; DA-COSTA, HAYANDRA CUNHA ; SIMÕES, RAFAEL LOUREIRO ; BARJA-FIDALGO, CHRISTINA . Lipoxin-Induced Phenotypic Changes in CD115+LY6Chi Monocytes TAM Precursors Inhibits Tumor Development. FRONTIERS IN ONCOLOGY , v. 9, p. 540, 2019.

  • SIMÕES, R. L. ; DE-BRITO, N. M. ; CUNHA-COSTA, H. ; MORANDI, V. ; FIERRO, I. M. ; ROITT, I. M. ; BARJA-FIDALGO, C. . Lipoxin A 4 selectively programs the profile of M2 tumor-associated macrophages which favour control of tumor progression. INTERNATIONAL JOURNAL OF CANCER , v. 140, p. 346-357, 2017.

  • BRITO, N. M. ; COSTA, H. C. ; SIMOES, R. L. ; BARJA-FIDALGO, C. ; FIERRO, I. M. . LIPOXIN A4 MODULATES PHENOTYPE CHANGES OF TUMOR-ASSOCIATED MURINE MACROPHAGE. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • COSTA, H. C. ; SIMOES, R. L. ; BARJA-FIDALGO, C. ; FIERRO, I. M. . O EFEITO DE 15-EPI-LIPOXINA A4 NA MODULAÇÃO DE MACRÓFAGOS MURINOS ASSOCIADOS AO TUMOR. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • COSTA, H. C. ; SIMOES, R. L. ; BRITO, N. M. ; BARJA-FIDALGO, T. C. ; FIERRO, I. M. . EFFECT OF LIPOXIN A4 ON THE MODULATION OF HUMAN MACROPHAGE PROFILE BY TUMOR EXTRACELLULAR MATRIX. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • COSTA, H. C. ; BRITO, N. M. ; SIMOES, R. L. ; BARJA-FIDALGO, C. ; FIERRO, I. M. . Avaliação in vivo dos efeitos da lipoxina sobre o perfil de macrófagos associados ao tumor. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2014 - Atual

    Papel de 15-epi-lipoxinas na modulação de macrófagos ativados por matriz tumoral, Descrição: O microambiente tumoral induz a alterações na ECM. Macrófagos constituem potentes alvos para a inibição da progressão tumoral, através do uso de moléculas capazes de inibir algumas funções celulares. No entanto, os efeitos da matriz tumoral sobre TAM, bem como os efeitos de mediadores lipídicos nesse fenômeno ainda precisam ser melhores elucidados. Nosso grupo já demonstrou que LX são capazes de inibir o crescimento tumoral através da modulação do perfil de ativação de macrófagos. Portanto, a regulação apropriada da resposta inflamatória, a modulação do ambiente tumoral e o uso de mediadores lipídicos pró-resolutivos, como as lipoxinas, possibilitam o desenvolvimento de novas ferramentas na redução da progressão e desenvolvimento tumoral. O objetivo deste projeto é investigar os efeitos de diferentes matrizes tumorais sobre a modulação de macrófagos, bem como os efeitos da lipoxina sobre essa modulação.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Hayandra Cunha da Costa - Integrante / Rafael Loureiro Simões - Integrante / Thereza Christina Barja-Fidalgo - Coordenador.

  • 2013 - Atual

    Ativação de macrófagos associados ao tumor por ATL-1, um análogo sintético de lipoxina: uma nova ferramenta anti-tumoral, Descrição: A associação entre inflamação e câncer já vem sendo investigada há algum tempo. O processo inflamatório apresenta um importante papel no início, desenvolvimento e progressão tumoral. O microambiente tumoral caracteriza-se pela presença de células do sistema imune e mediadores inflamatórios. Macrófagos, importantes células com papel crucial na resposta imune e adaptativa e como mediadores do processo inflamatório, compreendem mais de 50% da massa celular em diferentes tipos de câncer, estando diretamente relacionados à progressão tumoral e metástase. Lipoxinas (LX), metabólitos do ácido araquidônico, não somente inibem sinais pró-inflamatórios, mas também apresentam um papel crítico na fase de resolução do processo inflamatório. Os efeitos de mediadores lipídicos, importantes fatores presentes na fase de resolução da resposta inflamatória, sobre a ativação de macrófagos associados ao tumor ainda precisam ser mais estudados. Além disso, o estudo das vias de sinalização envolvidas nestes efeitos dos macrófagos possibilita a descoberta de novas abordagens para o controle da evolução tumoral, possibilitando a criação de novas terapias anticâncer. Portanto, a regulação apropriada da resposta inflamatória, a modulação do ambiente tumoral e o uso de mediadores lipídicos pró-resolução, como as lipoxinas, possibilitam o desenvolvimento de novas ferramentas na redução da progressão e desenvolvimento tumoral. .. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Hayandra Cunha da Costa - Integrante / Christina Barja-Fidalgo - Coordenador / Rafael Loureiro Simões - Integrante / Natália Mesquita de Brito - Integrante.

  • 2013 - Atual

    Modulação farmacológica e mecanismos moleculares envolvidos na ativação celular durante a resposta inflamatória e imune, Descrição: A relação entre a inflamação e o estabelecimento e manutenção de doenças crônico-degenerativas, como o câncer e a obesidade, tem sido demonstrada e várias evidências mostram o papel crítico do microambiente que circunda as células tumorais e adipócitos do tecido adiposo obeso, modulando a gênese e progressão da doença. Nesses microambientes, encontramos a proteínas da matriz extracelular (MEC), fibroblastos, vasos sanguíneos e diferentes tipos de leucócitos que contribuem na produção de mediadores pró ou antiinflamatório. Soma-se a este painel, fatores liberados pelo tumor ou pelo tecido adiposo que podem modular a atividade dessas células, de forma a contribuir para o agravamento da doença. O melhor entendimento do processo inflamatório associado a essas doenças; dos mecanismos que envolvem as alterações na ativação e função das células que compõem o microambiente; bem como o conhecimento das moléculas chaves e dos mecanismos de sinalização envolvidos, poderia auxiliar, não só na ampliação do conhecimento, mas também na busca de novos alvos terapêuticos, de prevenção e na busca de novos métodos diagnóstico. Este projeto tem como principal objetivo identificar e caracterizar os mecanismos celulares e moleculares envolvidos na fisiopatologia do processo inflamatório, especialmente aqueles associados a doenças como o câncer e a obesidade. Para tanto, o grupo de pesquisa em Farmacologia Celular e Molecular da UERJ, trabalhando nas áreas de inflamação e sinalização celular, vem empregando diferentes abordagens para estudar a resposta inflamatória, utilizando modelos experimentais, tanto in vivo como in vitro, desenvolvendo também estudos translacionais em colaboração com a área clínica. . Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Hayandra Cunha da Costa - Integrante / Rafael Loureiro Simões - Integrante / Thereza Christina Barja-Fidalgo - Coordenador.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Instituto de Biologia Roberto Alcantara Gomes. , Boulevard Vinte e Oito de Setembro 87 fds, Vila Isabel, 20551030 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil, Telefone: (21) 28688298

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2016 - Atual

Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluno de Doutorado, Carga horária: 40

2014 - 2016

Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluno de Mestrado, Carga horária: 40

2012 - 2014

Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Carga horária: 20