Rejane de Castro Santana

Possui graduação (2007) em engenharia de alimentos pela Universidade Federal de Viçosa, mestrado (2009) e doutorado (2014) em Engenharia de Alimentos pela Universidade Estadual de Campinas. Atualmente é Professora da Universidade Federal de Viçosa (UFV), Departamento de Química (DEQ), Curso Engenharia Química. Tem experiência na área de Engenharia de Alimentos, Engenharia Química e Engenharia de Petróleo, atuando principalmente nos seguintes temas: emulsões, cristais líquidos, biopolímeros e surfactantes, microestrutura e reologia.

Informações coletadas do Lattes em 25/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Engenharia de Alimentos

2009 - 2014

Universidade Estadual de Campinas
Título: Sistemas auto-organizáveis formados por TCM, etanol e surfactantes de grau alimentício: efeito da temperatura e das concentrações de surfactante, co-surfactante e óleo
Rosiane Lopes da Cunha. Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Mestrado em Engenharia de Alimentos

2007 - 2009

Universidade Estadual de Campinas
Título: Emulsões estabilizadas por fibras de colágeno: efeito da hidrólise térmica e do processo de homogeneização.,Ano de Obtenção: 2009
Rosiane Lopes da Cunha.Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Graduação em engenharia de alimentos

2002 - 2007

Universidade Federal de Viçosa
Orientador: em Institut Polytechnique de Lorraine ( Frantz Fournier)
com

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2005 - 2006

Ingénierie d'industries alimentaires (intercâmbio). (Carga horária: 106h). , Institut National Polytechnique de Lorraine, INPL*, França.

2005 - 2006

Management de la transformation et de l'emballage. (Carga horária: 700h). , Institut National Polytechnique de Lorraine, INPL*, França.

2004 - 2004

Boas Práticas de Produção na Indústria de Alimento. (Carga horária: 16h). , Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Belo Horizonte, SEBRAE/MG, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Lê Razoavelmente.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Francês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Ciência e Tecnologia de Alimentos / Subárea: Engenharia de Alimentos.

    Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Química.

    Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Química / Subárea: Engenharia de Petróleo.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

ESPCA/São Paulo School of Advanced Science. Advances in Molecular Structuring of Food Materials.Structure of microemulsions and liquid crystalline phases composed by food-grade ingredients. 2013. (Outra).

3° Encontro sobre estruturas auto-organizadas em soluções e interfaces (Autoorg 2012).Efeito da temperatura na transição estrutural de sistemas compostos por Tween 80, etanol, TCM e água. 2012. (Encontro).

VI Jornadas Internacionales de Proteínas Coloides Alimentarios (JIPCA V).Viscoelastic behaviour of food microemulsions produced by low-energy process. 2011. (Outra).

XXV Interamerican congress of chemical engineering / XVIII Chilean congress of chemical engineering. Food-grade microemulsion formulated with long-chain fatty acids: effect of cosurfactant. 2011. (Congresso).

Food Colloids 2010.Potential use of collagen fiber as emulsifier in food products. 2010. (Outra).

V JIPCA - Jornada Internacional de proteínas e colóides alimentares.Emulsões óleo/água estabilizadas por fibras de colágeno e pó de colágeno: efeito do pH e concentração de proteínas. 2008. (Outra).

7° Simpósio Lation Americano de Ciência de Alimentos. 2007. (Simpósio).

XV Simpósio de Iniciação Científica da Universidade Federal de Viçosa.Distribuição de Probabilidade de Contagens de Mesófilos Aeróbios em Utensílios Utilizados em Restaurantes Industriais/ Distribuição Estatística de Leveduras em Ambientes não Refrigerados de Restaurantes Industriais. 2006. (Simpósio).

XVII Semana Acadêmica de Engenharia de Alimentos - UFV. 2005. (Outra).

Ciclo de Palestras de Comunicação Profissional ? Oral e Escrita. 2004. (Outra).

XIV Simpósio de Iniciação Científica da Universidade Federal de Viçosa.Distribuição Estatística de Mesófilos Aeróbios em Leite Cru. 2004. (Simpósio).

I Ciclo de Palestra de Engenharia de Alimentos. 2003. (Outra).

I Congresso Latino-americano de Higienistas de Alimentos e VII Congresso Brasileiro de Higienistas de Alimentos. 2003. (Congresso).

I Fórum de Debates sobre Vigilância Sanitária e Segurança Alimentar. 2003. (Outra).

I SEAPLA - Semana Acadêmica de Engenharia de Alimentos, Engenharia de Produção e Ciências e Tecnologia de Laticínios. 2003. (Outra).

XIII Simpósio de Iniciação Científica ? ?Democratização da Ciência. Pesquisa: para quê? Para quem?,.Distribuição Estatística de Microorganismos em Leite Pasteurizado. 2003. (Simpósio).

I Workshop: Garantia da Qualidade e Higienização na Indústria de Laticínios. 2002. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Mithyzi Andrade Leal

COIMBRA, J. S. R; Santana, R.C.; COSTA, A. R.; SILVA, S. M. E.. EQUILÍBRIO LÍQUIDO-LÍQUIDO E MODELAGEM TERMODINÂMICA PARA SISTEMA GRAXO REPRESENTATIVO DE ÓLEO DE CHLORELLA PYRENOIDOSA. 2019. Dissertação (Mestrado em ENGENHARIA QUÍMICA) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Ana Flávia Alves Oliveira

RODRIGUES, F. A.; Santana, R.C.; SOUSA, R. C. S.. AVALIAÇÃO DE RISCOS DECORRENTES DA LIBERAÇÃO DE ETANOL EM TANQUES DE ARMAZENAMENTO DE UMA INDÚSTRIA SUCROENERGÉTICA. 2019. Dissertação (Mestrado em ENGENHARIA QUÍMICA) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Ana Flávia Fagundes Moura

SIQUEIRA, A. M. O.; Santana, R.C.; BENINI, L.. MODELAGEM E SIMULAÇÃO NUMÉRICA DE UM DESTILADOR SOLAR PASSIVO. 2019. Dissertação (Mestrado em ENGENHARIA QUÍMICA) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Matheus Lopes Amorim

MARTINS, M. A.;COIMBRA, J. S. R; CRUZ, Y. R.; SOARES, J.; Santana, R.C.. Scenedesmus proteins: separation, production in pilot scale and application in feed. 2019. Tese (Doutorado em Engenharia Agrícola) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Luis Gustavo Lima Nascimento

CARVALHO, A. F.; Santana, R.C.; PEIXOTO JUNIOR, P. P. S.; VIDIGAL, M. C. T. R.; MARTINS, E.. Interactions with casein micelles with soybean rapessedor sunflower proteins. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência e Tecnologia de Alimentos) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: RODRIGO MAZOLINI IMBERTI

Arrieche, L. S.; Santana, R.C.; Porto, P. S. S.; Lira, T. S.. Otimização Estrutural da Secagem Artificial de Amêndoas de Cacau. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Energia) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: Núbia Costa Gomes

PEREIRA, E. L.; TORRES, A. G.;SANTANA, R. C.. PLANTA DIDÁTICA SMAR PD3: MODELAGEM, SIMULAÇÃO E AJUSTE DOS PARÂMETROS DO CONTROLADOR DE TEMPERATURA DO TANQUE DE MISTURA. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Ana Flávia Carvalho Acerbi

PEREIRA, E. L.; Santana, R.C.; FARIA, W. L. S.. ACOPLAGEM DESIDROGENATIVA VIA CATÁLISE HETEROGÊNEA DE ETANOL E PROPANOL EM CATALISADOR DE COBRE SUPORTADO EM ZIRCÔNIA - 1. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Ana Flávia Carvalho Acerbi

PEREIRA, E. L.; Santana, R.C.; FARIA, W. L. S.. ACOPLAGEM DESIDROGENATIVA VIA CATÁLISE HETEROGÊNEA DE ETANOL E PROPANOL EM CATALISADOR DE COBRE SUPORTADO EM ZIRCÔNIA - 1. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Talita Neves Duarte

PEREIRA, E. L.; LOPES, R. P.;Santana, R. C.. DETERMINAÇÃO EXPERIMENTAL DA FUNÇÃO DE TRANSFERÊNCIA DO CONDENSADOR DE REFLUXO DE UMA COLUNA DE DESTILAÇÃO DE ETANOL. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Laís Gomide Gandini

Santana, R.C.; PEREIRA, A. F.; MOREIRA, R. L.. AVALIAÇÃO DE FORMULAÇÕES PARA O ALVEJAMENTO DE TECIDOS DE ALGODÃO COM PERÓXIDO DE HIDROGÊNIO VISANDO MELHORIA DE QUALIDADE E REDUÇÃO DE CUSTOS COM REAGENTES NA INDÚSTRIA TÊXTIL. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Rubner Marques Martins

Santana, R.C.; SOUSA, R. C. S.; PEREIRA, A. F.. AVALIAÇÃO DO USO DE QUITOSANA E SERRAGEM COMO ADSORVENTES ALTERNATIVOS PARA REMOÇÃO DO CORANTE ACID YELLOW 25 EM INDÚSTRIA TÊXTIL. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Angélica Lorena dos Santos Oliveira

Santana, R. C.; FARIA, W. L. S.; JÚLIO, A. A.. CONVERSÃO DE ÁLCOOIS EM ÉTERES E OLEFINAS: MODELAGEM TERMODINÂMICA E AVALIAÇÃO CATALÍTICA SOBRE NbO FOSFATADO. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Rodrigo Gonçalves da Silva

Santana, R.C.; MENEZES, D. C.; SOUSA, R. C. S.. OBTENÇÃO POR REDES NEURAIS ARTIFICIAIS DE PARÂMETROS CINÉTICOS PARA O MECANISMO DE FORMAÇÃO DE O(g) EM AMBIENTES POLUÍDOS POR CO(g). 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Paulo Henrique Ferreira Grepino

Santana, R. C.; PEREIRA, A. F.; LAFETÁ, J. A.. AVALIAÇÃO DO ARMAZENAMENTO TÉRMICO NA GERAÇÃO DE POTÊNCIA EM CENTRAIS TERMOSSOLARES. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Danielle Andrade Hatherly

Santana, R. C.; TORRES, A. G.; FILHO, D. O.. INSTRUMENTAÇÃO E CONTROLE DE UMA COLUNA DE DESTILAÇÃO DE ETANOL - 1. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Letícia Porcaro Salomão

Santana, R. C.; TORRES, A. G.; FILHO, D. O.. INSTRUMENTAÇÃO E CONTROLE DE UMA COLUNA DE DESTILAÇÃO DE ETANOL - 2. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Ellen Maria Santana

Santana, R. C.; VALADARES, R. V.; MONTEIRO, L. C. P.. SOLUBILIZAÇÃO DE FOSFATOS NATURAIS POR Penicillium islandicum. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Thales Bonfim Mansur

Santana, R. C.; SILVA, D. J.. MODELAGEM EM MATLAB PARA CÁLCULO DE MASSA DE CATALISADOR EM LEITO FIXO SOB INFLUÊNCIA DE PROCESSOS DIFUSIONAIS. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Juan Enrique Mares Ribeiro

Santana, R. C.; OLIVEIRA, A. F.. AVALIÇÃO DOS FATORES QUE INFLUENCIAM A EMPREGABILIDADE DE RECÉM-FORMADOS NO MARCADO DE TRABALHO E COMPARAÇÃO COM O PERFIL DOS ESTUDANTES DA ENGENHARIA QUÍMICA UFV. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Otávio Lauriano Flausino

Santana, R. C.; SOUSA, R. C. S.; NASCIMENTO, F. R.. USE OF THICKENED O/W EMULSIONS SYSTEMS TO CARRY BIXA ORELLANA EXTRACT WITH ATTENUATED COLOR INTENSITY. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Vinicius Gonçalves do Amaral Reis

TOSTA, M. C. R.; Santana, R.C.; PEREIRA, A. L.. Análise dos problemas de congestionamento dos refeitórios de uma usina siderúrgica. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Produção) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: Laisa Almeida Mariano

Santana, R. C.; Porto, P. S. S.; Andreatta, D.. Investigação da melhor condição de remoção de óleo lubrificante 15W-O emulsionado em água usando um reator eletrolítico retangular. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: THAÍS BARROS PAGANINI

Randow, R. R.; Santana, R.C.; Chévez, R.. Índice de potencialidade socioeconômica e produtiva da pesca marinha e estuária (IPSP-Centro). 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Produção) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: Felipe Rodrigues Rigueto

Santana, R. C.; Brito, A. B. N. B; Marques, F. B.. Estudo da extração do óleo da semente de maracujá por rota supercrítica. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: Lays Queiroz Kruschewsk

Santana, R. C.; ROMERO, O. J.;MENEGUELO, A. P.. Projeto de cimentação de um poço terrestre. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: Gustavo Bonadiman

Santana, R. C.; ROMERO, O. J.. Avaliação da injeção de soluções poliméricas como método de recuperação avançada de petróleo. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: Elcio Dias Junior

Santana, R. C.; ROMERO, O. J.. Estudo da transferência de calor durante a injeção de vapor em poços de petróleo. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: Ricardo Pessoti Garuzzi

Santana, R. C.; ROMERO, O. J.. Testes de pressão em reservatórios de óleo e de gás. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: RAMON ROBERS DE SIQUEIRA PINHEIRO

Santana, R. C.; TOSTA, M. C. R.; XAVIER, T. P.. Medição e Otimização do desempenho organizacional de uma concessionária de veículos em São Mateus. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Produção) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: Rômulo Fieni Fejoli

Santana, R. C.; ROMERO, O. J.; RIBEIRO, D. C.. Estudo teórico da injeção de espumas em reservatórios de petróleo. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: Flavio Rios Pereira

Oldrich Joel Romero;Rejane de Castro SANTANA; Fabio de Assis Ressel Pereira. Impacto da injeção miscível de CO2 na saturação de óleo residual.. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo.

SOUSA, R. C. S.;SANTANA, R. C.; TORRES, A. G.. Concurso de Professor Substituto, na área de Gerenciamento Ambiental, Engenharia de Processos Biotecnológicos, e Laboratório de Engenharia Química.. 2018. Universidade Federal de Viçosa.

PEREIRA, A. F.;Santana, R. C.; SILVA, D. J.. Concurso de Monitor nível II, para as disciplinas ENQ 271 e ENQ 453 (Edital 05/2018). 2018. Universidade Federal de Viçosa.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Florencia Cecilia Menegalli

MENEGALLI, F. C.CUNHA, R. L.; Cavallieri A. L. F.. Emulsões Estabilizadas por Colágeno: Feito da Hidrólise Térmica e de Processos de Homogeneização.. 2009. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Carolina Siqueira Franco Picone

CUNHA, R. L.; TORRE, L. G. L.; VICENTE, A. A.;PICONE, C. S. F.; COIMBRA, J. S. R.. Sistemas auto-organizáveis formados por TCM, etanol e co-surfactantes de grau alimentício: Efeito da temperatura e das concentrações de surfactante, co-surfactante e água. 2014. Tese (Doutorado em Doutorando em Engenharia de Alimentos) - Faculdade de Engenharia de Alimentos - UNICAMP.

Rosiane Lopes da Cunha

Cunha, R.L.MENEGALLI, Florencia CecíliaCAVALLIERI, Angelo Luiz Fazani. Emulsões estabilizadas por colágeno: efeito da hidrólise térmica e do processo de homogeneização. 2009. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Rosiane Lopes da Cunha

Cunha, R.L.; COSTA, M. C.; SABADINI, E.. Produção de microemulsões e cristais líquidos para a veiculação de isoflavonas. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Rosiane Lopes da Cunha

Cunha, R.L.; Batista, E.A.C.;SATO, Ana Carla Kawazoe. Produção de microemulsões incorporadas de isoflavona. 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Eduardo Augusto Caldas Batista

CUNHA, R. L.;Batista, Eduardo A. C.; SATO, A. C. K.. Produção de microemulsões incorporados de isoflavonas. 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Eduardo Augusto Caldas Batista

CUNHA, R. L.; NETTO, F. M.;BATISTA, E. A. C.. Nano e micro emulsões estabilizadas por complexos anfifílicos formados por fibras de colágeno e goma guar. 2008. Exame de qualificação (Mestrando em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Lucimara Gaziola de la Torre

DE LA TORRE, L.G.; CUNHA, R. L.. Sistemas auto-organizáveis formados por TCM, etanol e surfactantes de grau alimentício: efeito da temperatura e das concentrações de surfactante, co-surfactante e água. 2014. Tese (Doutorado em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Ana Carla Kawazoe Sato

CUNHA, R. L.; BATISTA, E. A. C.;SATO, A. C. K.. Produção de microemulsões incorporadas de isoflavonas. 2010. Tese (Doutorado em Doutorado em Engenharia de Alimentos) - Faculdade de Engenharia de Alimentos - UNICAMP.

Izabel Cristina Freitas Moraes

MORAES, I. C. F.; MENEGALLI, F. C.; CAVALLIERI,A.L.F.. Emulsões Estabilizadas por colágeno: efeito da hidrólise térmica e processo de homogeneização. 2009. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Ângelo Luiz fazani Cavallieri

Cunha, R. L.;Cavallieri, Ângelo Luiz Fazani; Menegalli, F. C.. Emulsões estabilizadas por colágeno: efeito da hidrólise térmica e do processo de homogeneização. 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Ana Luisa de Souza Magalhaes

Redutores alternativos de viscosidade de emulsões de petróleo; Início: 2019; Orientação de outra natureza; Universidade Federal de Viçosa; (Orientador);

Carlos Henrique Thomazini Cordeiro

Estudo Experimental do Comportamento de Emulsões A/O e O/A a partir de óleo mineral e surfactante; 2018; Dissertação (Mestrado em Energia) - Universidade Federal do Espírito Santo,; Coorientador: Rejane de Castro Santana;

Thaynara Rocha Mendonça

MODELAGEM DINÂMICA E PROJETO EXPERIMENTAL DE MÓDULO DIDÁTICO DE CONTROLE DE NÍVEL DE TANQUE USANDO O MICROCONTROLADOR ARDUINO; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Renato Alves Bastos e Gabriel Vitor Souza Lima

MUCILAGEM DE CHIA: PROPRIEDADES ESTABILIZANTES EM EMULSÕES E POTENCIAL INTERAÇÃO COM A GELATINA; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Aline Castro Santana Mendes

Avaliação de Método Alternativo para o Melhoramento do Transporte de Petróleo; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Química) - Faculdade de Ciências e Tecnologia de Viçosa; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Alex Alexandre Trevizani

Análise paramétrica da recuperação de óleo por injeção de surfactante; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Moana Lyrio Pereira

Geração de emulsões de petróleo: Uma avaliação do uso de surfactante e temperatura na desestabilização; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Caroline Lima

Uso de surfactantes na desestabilização de emulsões de petróleo; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal do Espírito Santo; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Gabriel Oliveira

Uso de partículas sólidas na inversão de emulsões de petróleo; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Renato Alves Bastos

Mucilagem de chia e gelatina: propriedades tecno-funcionais e coacervação complexa; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Larissa Lara Garcia e Silva

Suspensões de Mucilagem de Chia: Estabilidade, Microestrutura e Reologia; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa, Fundação Arthur Bernardes; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Marina Rangel Justiniano

Uso de surfactantes nas diferentes etapas da produção de petróleo; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Espírito Santo; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Marchielle Bortole Fonseca

Uso de surfactante Triton x-100 para a produção de emulsões de petróleo de baixa viscosidade; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Rayssa Martins Rodrigues

Uso de misturas de surfactantes para a produção de emulsões de petróleo de baixa viscosidade; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Química) - Universidade Federal do Espírito Santo; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Cleiton de Souza Beraldo

Uso de surfactante no processamento primário de emulsões de petróleo; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Química) - Universidade Federal do Espírito Santo; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Guilherme Ferreira dos Santos

Reologia de Suspensões de Mucilagem de Chia; 2019; Orientação de outra natureza; (Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Gabriel Vitor Souza Lima

Estudo de emulsões compostas de mucilagem de chia; 2017; Orientação de outra natureza; (Engenharia Química) - Universidade Federal de Viçosa; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Taylanna Spalenza

Orientação de monitoria de Resistência dos Materiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Espírito Santo; Orientador: Rejane de Castro Santana;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

José Benício Paes Chaves

Distribuição estatística da contagem de microrganismos em produtos alimentícios; 2005; 52 f; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia de Alimentos) - Universidade Federal de Viçosa; Orientador: José Benício Paes Chaves;

Rosiane Lopes da Cunha

Emulsões estabilizadas por colágeno: efeito da hidrólise térmica e do processo de homogeneização; 2009; Dissertação (Mestrado em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Rosiane Lopes da Cunha;

Rosiane Lopes da Cunha

Sistemas auto-organizáveis formados por TCM, etanol e surfactantes de grau alimentício: efeito da temperatura e das concentrações de surfactante, co-surfactante e óleo; 2014; Tese (Doutorado em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Rosiane Lopes da Cunha;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • MENDES, A. C. S. ; SANTOS, V. S. ; Santana, R. C. . EMULSION INVERSION OF CRUDE OIL BY SOLID PARTICLE AND SURFACTANT ADDITION. BRAZILIAN JOURNAL OF PETROLEUM AND GAS , v. 13, p. 39-46, 2019.

  • COUTINHO, VICTOR PEREIRA ; JÚNIOR, DAMÁZIO BORBA SANT'ANA ; SANTOS, NILSON GABRIEL DE OLIVEIRA ; SILVA, C. A. S. ; SANTANA, R. C. . EFEITO DA VELOCIDADE DO PROCESSO DE HOMOGENEIZAÇÃO NAS PROPRIEDADES DE EMULSÕES COSMÉTICAS. The Journal of Engineering and Exact Sciences , v. 4, p. 0240-0245, 2018.

  • PENA, GABRIEL OLIVEIRA ; SILVA, C. A. S. ; SANTANA, R. C. . CRUDE OIL-IN-WATER EMULSIFICATION USING SOLID PARTICLE FOR PIPELINE TRANSPORTATION. The Journal of Engineering and Exact Sciences , v. 4, p. 59-64, 2018.

  • FONSECA, MARCHIELLE BORTOLE ; LYRIO PEREIRA, MOANA ; JUSTINIANO, MARINA RANGEL ; SANTANA, REJANE CASTRO . Geração de emulsões de petróleo A/O e O/A sem a adição de surfactante. Lajer - Latin American Journal of Energy Research, ISSN: 2358-2286, DOI (prefixo): 10.21712 , v. 3, p. 10, 2016.

  • Sato, A.C.K. ; Perrechil, F.A. ; COSTA, A.A.S. ; SANTANA, R. C. ; CUNHA, Rosiane Lopes da . Cross-linking proteins by laccase: Effects on the droplet size and rheology of emulsions stabilized by sodium caseinate. Food Research International , v. 75, p. 244-251, 2015.

  • PERRECHIL, F. A. ; SANTANA, R. C. ; LIMA, D. B. ; Mariana Zagatto Polastro ; CUNHA, R. L. . Emulsifying properties of maillard conjugates produced from sodium caseinate and locust bean gum. Brazilian Journal of Chemical Engineering (Impresso) , v. 31, p. 429-438, 2014.

  • FASOLIN, L.H. ; SANTANA, R. C. ; CUNHA, Rosiane Lopes da . INFLUENCE OF ORGANIC ACIDS ON SURFACTANT SELF-ASSEMBLIES IN SURFACTANT/OIL/WATER SYSTEMS. Colloids and Surfaces. A, Physicochemical and Engineering Aspects (Print) , v. 459, p. 290-297, 2014.

  • SANTANA, R. C. ; PERRECHIL, F. A. ; CUNHA, Rosiane Lopes da . High- and Low-Energy Emulsifications for Food Applications: A Focus on Process Parameters. Food Engineering Reviews , v. 5, p. 107-122, 2013.

  • FASOLIN, L.H. ; PICONE, C.S.F. ; Santana, R.C. ; Cunha, R.L. . Production of hybrid gels from polysorbate and gellan gum. FOOD RESEARCH INTERNATIONAL , v. 54, p. 501-507, 2013.

  • de Castro Santana, Rejane ; Kawazoe Sato, Ana Carla ; Lopes da Cunha, Rosiane . Emulsions stabilized by heat-treated collagen fibers. Food Hydrocolloids , v. 26, p. 73-81, 2012.

  • SANTANA, R. C. ; Fasolin, Luiz Henrique ; CUNHA, Rosiane Lopes da . Effects of a cosurfactant on the shear-dependent structures of systems composed of biocompatible ingredients. Colloids and Surfaces. A, Physicochemical and Engineering Aspects (Print) , v. 398, p. 54-63, 2012.

  • FASOLIN, L.H. ; SANTANA, R. C. ; CUNHA, Rosiane Lopes da . Microemulsions and liquid crystalline formulated with triacylglycerols: Effect of ethanol and oil unsaturation. COLLOIDS AND SURFACES A-PHYSICOCHEMICAL AND ENGINEERING ASPECTS , v. 415, p. 31-40, 2012.

  • Santana, R.C. ; Perrechil, F.A. ; Sato, A.C.K. ; Cunha, R.L. . Emulsifying properties of collagen fibers: Effect of pH, protein concentration and homogenization pressure. FOOD HYDROCOLLOIDS , v. 25, p. 604-612, 2011.

  • Perrechil, Fabiana de Assis ; FASOLIN, L. H. ; SANTANA, R. C. ; Silva, Cesar Augusto Sodré da ; Cunha, Rosiane Lopes da . Rheological and structural evaluations of commercial italian salad dressings. Ciência e Tecnologia de Alimentos (Impresso) , v. 30, p. 477-482, 2010.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    Análise experimental e numérica da injeção de água pulsada na mobilização de óleo retido em meios porosos, Descrição: Esta proposta trata do estudo da movimentação de óleo retido em um meio poroso. O intuito é compreender e evidenciar os mecanismos que viabilizem a mobilização do óleo, e por consequência, que minimizam seu trapeamento nos espaços porosos da rocha-reservatório. Pretende-se investigar o efeito da vazão de injeção que oscila em torno de um valor constante, e o efeito da microsismisidade na movimentação do óleo. Com esta finalidade as abordagens experimental e numérica serão utilizadas. A bancada, a ser utilizada na abordagem experimental, já se encontra montada nas instalações do Programa de Pós-Graduação em Energia da Ufes, entretanto seu uso para esta nova aplicação requer adequações e melhorias de alguns equipamentos e procedimentos. Nos experimentos serão utilizados amostras de rocha porosas de formato cilíndrico, que uma vez embebida em óleo é inserida na bancada pressurizada, será submetida a injeção de água na forma convencional para verificar quanto óleo ficou retido. Na etapa seguinte, a vazão de injeção deve oscilar com uma amplitude e frequência determinada. O efeito da vazão pulsada será analisada comparando as respostas do fator de recuperação de óleo com a obtida pela injeção a vazão constate. A depender dos avanços, a injeção de emulsões será também utilizada no contexto experimental. O uso de emulsões, principalmente o efeito da inversão de fases no redução da pressão, vem sendo estudados pelo GPetro mediante simuladores numéricos. A abordagem numérica será aplicada para resolver o escoamento bifásico em uma configuração simplificada representativa dos poros da rocha e formada por duas placas paralelas com uma cavidade. O óleo, a ser deslocado pela água, preenche inicialmente toda a geometria. O desafio é acompanhar a evolução da interface água/óleo identificando como ocorre a mobilização e o trapeamento do óleo, mediante duas metodologias. A primeira fundamentada na técnica de geração elíptica da malha resolvida mediante o método de Galerkin dos elementos finitos, em que a deformação da malha ocorre como resposta ao movimento dos fluidos. E a segunda que utiliza a técnica Volume-of-Fluid (VOF), na qual para uma malha fixa a interface é determinada resolvendo uma equação escalar. As equações discretizadas via Galerkin se encontram implementadas em um simulador in-house, desenvolvido no ambiente Fortran pelo prof. Oldrich, no qual algumas adequações para tratar o problema de interesse serão necessárias. Já a técnica VOF está disponível no software comercial Fluent, cuja licença foi adquirida pelo programa de pós-graduação na qual o coordenador participa. Cada método tem suas vantagens e desvantagens, a intenção é verificar seu desempenho em termos da representatividade da interface. O problema governado por equações diferenciais parciais será resolvido impondo a oscilação senoidal da vazão no plano de entrada no contexto da vazão pulsada. Ainda, em um segundo momento o efeito da microssismicidade será incorporada mediante a oscilação da parede da geometria, implicando que a malha do domínio passa a responder a oscilação imposta. Estudos indicam que a oscilação com uma determinada amplitude e frequência favorece a produção de óleo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Integrante / Fabio de Assis Ressel Pereira - Integrante / Oldrich Joel Romero - Coordenador / Daniel da Cunha Ribeiro - Integrante / Jesuína Cássia Santiago de Araújo - Integrante / Andreas Nascimento - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Espírito Santo - Auxílio financeiro.

  • 2019 - Atual

    Análise do comportamento de emulsões A/O na indústria de Petróleo através das abordagens: experimental, modelagem matemática e simulação., Descrição: Na indústria de Petróleo a formação de emulsões água/óleo (A/O) é intrínseca às atividades de exploração e produção. Essencialmente, são formadas devido ao próprio processo e características dos fluidos em produção. Todos os fatores favoráveis a esta formação são encontrados nas etapas de exploração e produção de petróleo, desde a presença de fluidos imiscíveis, a presença de agentes emulsificantes naturais e a energia mecânica, contribuindo para que ocorra a dispersão e formação de uma emulsão estável. A presença desses fatores está em todas as fases de produção: no reservatório, onde os fluidos escoam através de um meio poroso; na elevação, no transporte, no processamento chegando até ao armazenamento e refino. O escoamento dos fluidos pelo meio poroso, bombas, válvulas e acessórios de tubulação promovem o intenso contato entre as fases e, devido à presença de agentes emulsificantes naturais ocorre a formação de uma emulsão estável. Como consequência, a formação de emulsões na indústria de Petróleo geram problemas em toda a cadeia produtiva, como: superdimensionamento de dutos e equipamentos, corrosão, incrustação e maior consumo de produtos químicos que viabilizem sua separação. Além disso, problemas na limpeza e recuperação de áreas impactadas por um excepcional derramamento de óleo podem aumentar, principalmente, devido à alta viscosidade e ao aumento de volume causados pela emulsão. Existem ainda Petróleos com diferentes densidades, viscosidades, BSW, TOG e por consequência apresentam tendência distintas em formar emulsões. Esse fato dificulta a predição do comportamento da emulsão e consequentemente, a seleção da técnica mais eficiente de separação. Compreender a influência de propriedades físicas e reológicas, condições operacionais e de escoamento é uma forma de inferir o comportamento de emulsões quando diferentes tipos de petróleo são produzidos. Desta forma, este projeto irá realizar um estudo experimental e de modelagem matemática para compreender a influência de determinados fatores na separação de emulsões típicas de Petróleo, mais especificamente, da região Norte Capixaba. Será analisada experimentalmente a influência do BSW e taxa de cisalhamento na DTG da emulsão. Sabendo-se que a viscosidade de emulsões é dependente, dentre outros, do tamanho médio e da distribuição do tamanho das gotas será realizada uma modelagem matemática por meio de Balanço Populacional para se avaliar esta influência. Acoplada a essa análise, e não menos importante, a influência do escoamento será avaliada empregando-se técnicas de fluidodinâmica computacional. Com o conjunto complementar de análises realizadas, a equipe avaliará a influência de cada variável analisada, pontuando, dentre as estudadas, qual o grau de influência de cada conjunto de variáveis. Com esses dados será possível inferir mudanças em equipamentos ou condições operacionais que promovam uma desestabilização e, consequente, separação da emulsão aumentando a eficiência do processo. Este projeto trará subsídios para investigações futuras de problemas de Engenharia típicos da Indústria do Petróleo tais como eficiência global de separadores.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Integrante / Ana Paula Meneguelo - Coordenador / Daniel da Cunha Ribeiro - Integrante / Fabio Pereira dos Santos - Integrante / Jesuína Cássia Santiago de Araújo - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Espírito Santo - Auxílio financeiro.

  • 2018 - Atual

    Suspensões de Mucilagem de Chia: Estabilidade, Microestrutura e Reologia, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Coordenador / Larissa Lara Garcia e Silva - Integrante., Financiador(es): Fundação Arthur Bernardes - Bolsa.

  • 2017 - 2019

    Mucilagem de chia e gelatina: propriedades tecno-funcionais e coacervação complexa, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Coordenador / Renato Alves Bastos - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.

  • 2017 - Atual

    Matrizes alimentares incorporadas de mucilagem de chia: estabilidade, microestrutura e reologia, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Coordenador / Jane Sélia dos Reis Coimbra - Integrante / RITA DE CASSIA SUPERBI DE SOUSA - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.

  • 2015 - 2017

    Uso de surfactantes nas diferentes etapas da produção de petróleo, Descrição: Surfactantes são moléculas anfifílicas que se adsorvem na interface óleo-água modificando a estabilidade de sistemas estruturados, estando presente em diferentes etapas da produção de petróleo. A injeção de surfactantes em reservatórios consiste em um método de recuperação avançada que visa aumentar a produção de óleo a partir da redução da tensão interfacial entre o óleo residual e a água de injeção. Outra aplicação dos surfactantes consiste na adição do tensoativo ao petróleo produzido visando aumentar a estabilidade dos sistemas emulsionados e facilitar o seu escoamento até estações de tratamento ou ainda ser adicionado ao petróleo nas unidades de tratamento primário com o intuito de reduzir a estabilidade da emulsão e separar a água do óleo produzido. A eficiente aplicação dos surfactantes aqui citadas exige um conhecimento acerca das propriedades físico-química e interfaciais dos componentes e da estabilidade dos sistemas em diferentes condições de processo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Coordenador / Marchielle Bortole Fonseca - Integrante / Marina Rangel Justiniano - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Espírito Santo - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2014

    Novos processos de emulsificação para a indústria de alimentos, Descrição: Emulsões são sistemas constituídos por dois líquidos imiscíveis, onde pequenas gotas esféricas estão dispersas em um meio contínuo. As emulsões estão presentes em diversos alimentos, incluindo produtos de texturas diferenciadas e funcionais. O processo tradicional de formação de emulsões consiste na utilização de alta energia em um processo de homogeneização. Todavia, esse tipo de processamento leva à formação de sistemas com gotas polidispersas, afetando a estabilidade e textura das emulsões. Tendo isso em vista, novas técnicas de produção de emulsões têm sido estudadas com o intuito de obter emulsões com tamanho de gotas reduzido, monodispersas e termodinamicamente estáveis, como as técnicas de emulsificação espontânea e de microcanais. Os microcanais permitem controlar a produção das gotas individualmente, gerando emulsões de muito baixa polidispersão e com baixo gasto energético, além de ser um processo mais suave de formação das gotas. Já o processo de emulsificação espontânea produz soluções isotrópicas, transparentes, com partículas de tamanho nanométrico e termodinamicamente estáveis. Contudo, estas técnicas usualmente utilizam ingredientes de grau não-alimentício, como surfactantes e co-surfactantes. Além disso, óleos comestíveis (triglicerídeos de cadeia longa) são difíceis de serem solubilizados, não sendo adequados para a formação das microemulsões, assim como para a técnica de microcanais, pois possuem elevada viscosidade para a técnica. Dessa forma, este trabalho tem como objetivo o aprimoramento e adaptação destas técnicas para a indústria alimentícia. Será realizada uma comparação entre as emulsões produzidas pela técnica tradicional de homogeneização e pelos microcanais, e uma avaliação do uso de ingredientes alimentícios, preferencialmente GRAS (surfactantes, co-surfactante e óleos) na formação das emulsões por microcanais e emulsificação espontânea. As emulsões serão avaliadas quanto à estabilidade, tamanho e forma das gotas (tamanho de partícula,. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Integrante / Angelo Luiz Fazani Cavallieri - Integrante / Ana Carla K. Sato - Integrante / da CUNHA, R. L. - Coordenador / Fasolin, Luiz Henrique - Integrante / Fernanda Yumi Ushikubo - Integrante / Carolina Siqueira Franco Picone - Integrante / Joice Aline Pires Vilela - Integrante / Raphaela de Araujo Mantovani - Integrante / Kátia Regina Kuhn - Integrante / DAVI ROCHA BERNARDES DE OLIVEIRA - Integrante / Guilherme de Figueiredo Furtado - Integrante / Renata Valeriano Tonon - Integrante / Janaína Miranda Barbosa - Integrante / Patrícia Carvalho Cardoso - Integrante.

  • 2009 - 2011

    Desenvolvimento de emulsificantes e estabilizantes naturais alimentícios a partir de biopolímeros, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Rosiane Lopes da Cunha em 11/04/2013., Descrição: A busca pelo aumento da estabilidade de emulsões consiste em um grande desafio para a indústria alimentícia, uma vez que a instabilidade de tais sistemas é diretamente associada a parâmetros de qualidade e aceitabilidade por parte dos consumidores. A adição de biopolímeros, como as proteínas e polissacarídeos, pode levar à estabilização das emulsões devido às propriedades de atividade superficial e aumento de viscosidade do meio contínuo, sendo uma alternativa aos ingredientes sintéticos que sofrem grandes restrições de uso no mercado mundial atual. Existe uma procura cada vez maior por produtos associados à qualidade de vida e bem estar, e consequentemente uma crescente demanda por alimentos cujos aditivos sejam seguros à saúde. Essa expectativa por ingredientes naturais se torna ainda mais atrativa e interessante quando se trata do desenvolvimento de novos ingredientes a partir de matérias-primas abundantes no país ou procedentes da utilização de subprodutos ou resíduos industriais como a carcaça bovina, soro do leite e o resíduo da produção de óleo de soja, visto que o Brasil é um dos maiores produtores nestes segmentos agroindustriais. Assim, alguns biopolímeros com grande potencial de utilização na indústria alimentícia seriam o colágeno, proteínas do soro do leite e da soja, além do polissacarídeo solúvel de soja. Contudo, o uso desses componentes puros é limitado visto que as propriedades interfaciais das proteínas são dependentes das características do produto, como o pH. Por sua vez, polissacarídeos exibem restrição menor ou nula quanto a essas variações, mas não possuem propriedades de superfície como as proteínas. Dessa forma, alterações desses biopolímeros, como tratamento térmico controlado e o fracionamento de componentes específicos vêm sendo utilizados com o intuito de suprir algumas de suas limitações como agente emulsificante, a partir da combinação de mecanismos de estabilização, seja eletrostático ou via modificação da viscosidade. Além disso, as. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Integrante / CUNHA, R. L. - Coordenador / Angelo Luiz Fazani Cavallieri - Integrante / Mariana Zagatto Polastro - Integrante / Adriana Gadioli Tarone - Integrante / Perrechil, F.A. - Integrante / FASOLIN, L.H. - Integrante.

  • 2009 - Atual

    Produção de microemulsões e cristais líquidos com ingredientes biocompatíveis, Descrição: Projeto de doutorado, sob orientação da Prof Dra Rosiane Lopes da Cunha Avaliação reológica, calorimétrica e microestrutural (SAXS, microscopia, tamanho de partícula) de microemulsões e cristais líquidos produzidos a partir de processos de baixa energia (self-assembly) utilizando ingredientes biocompatíveis, incluindo surfactantes (Twenn 80, Tween 20, Span 80, Span 20 e lecitina), co-surfactante (etanol), água e triacilgliceróis de cadeia média.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Coordenador.

  • 2008 - 2010

    Micro e nano emulsões alimenticias: estudo reo-óptico e de estabilidade, Descrição: O aumento da estabilidade de emulsões consiste em um grande desafio, em particular para a indústria de alimentos, dado que a instabilidade inerente a estes sistemas está diretamente associada a parâmetros de qualidade e aceitabilidade por parte dos consumidores. As estratégias para o aumento da estabilidade destas emulsões podem ser focadas na adição de componentes estabilizantes, na interação entre estes componentes ou na estrutura da emulsão formada. A adição de biopolímeros como proteínas do leite e polissacarídeos pode levar à estabilização das emulsões, devido às propriedades de atividade superficial e de aumento de viscosidade do meio contínuo. A redução de tamanho da dispersão de gotas da fase dispersa tende a aumentar a estabilidade do sistema devido à promoção de uma maior interação da interface com os componentes estabilizantes e emulsificantes. Dependendo do grau de diminuição de tamanho destes sistemas são obtidas as chamadas nano-emulsões, que podem apresentar características sensoriais diferenciadas em relação às micro-emulsões. De maneira a desenvolver produtos alimentícios que possuam propriedades funcionais ótimas é fundamental o conhecimento da relação entre o histórico de cisalhamento aplicado durante as etapas de processamento e a morfologia e distribuição de tamanho das gotas de fase dispersa, o que resultam na modificação das propriedades reológicas e sensoriais do sistema como um todo. Sendo assim, o objetivo deste trabalho será estudar as propriedades de emulsões alimentícias visando a produção de sistemas funcionais estáveis física e quimicamente e com estrutura diferenciada. As estratégias empregadas para atingir este objetivo corresponderão ao desenvolvimento de emulsificantes e estabilizantes a partir das propriedades de interação entre as proteínas do leite e polissacarídeos. O efeito do processo de cisalhamento nas propriedades estruturais e de dispersão de tamanho das gotas serão avaliados simultaneamente através da utilização técnica.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Integrante / Nilson Cremonese Junior - Integrante / Angelo Luiz Fazani Cavallieri - Integrante / Bruna Oliveira Gomes - Integrante / Perrechil, F.A. - Integrante / Rosiane Lopes da Cunha - Coordenador.

  • 2007 - 2007

    Propriedades funcionais da clara de ovo., Descrição: Avaliação das propriedades funcionais da clara de ovo (em pó e in natura) em função de diferentes valores de pH, força iônica e temperatura. Dentre as propriedades em estudo, estão a capacidade de formação de espuma, estabilidade da espuma, capacidade de emulsificação, solubidade, geleificação e retenção de água.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Integrante / Jane Sélia dos Reis Coimbra - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2004 - 2005

    Distribuição estatística de microorganismos nos alimentos., Descrição: Estudo da variação do número de microorganismos em alimentos, utensílios e ambientes, a partir de distribuições estatísticas, testando sua aplicação em determinação de limites de segurança de contagens microbiana e planos de amostragem.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Rejane de Castro Santana - Integrante / José benício Paes Chaves - Integrante / José Ivo Ribeiro Júnior - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Rede de Engenharia Agroindustrial de Alimentos - Auxílio financeiro / SubRede de Segurança Alimentar Ensaios e Normas - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de Viçosa, Departamento de Química. , Universidade Federal de Viçosa, Campus Universitário, 36570900 - Viçosa, MG - Brasil, Telefone: (31) 38994987

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2014 - 2017

    Universidade Federal do Espírito Santo

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor de Magistério Superior, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Curso Engenharia Química, Engenharia de Produção e Engenharia de Petróleo Departamento de Engenharias e Tecnologia (DETEC/CEUNES)

  • 2013 - 2014

    Universidade Federal do Espírito Santo

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Substituto, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Campus: CEUNES - Centro Universitário Norte do Espírito Santo Departamento: DETEC - Departamento de Engenharias e Tecnologia Curso: Engenharia de Petróleo Disciplinas: Resistência dos Materiais, Mecânica dos Sólidos, Expressão Gráfica e Tópicos especiais em engenharia de produção de petróleo

    Atividades

    • 09/2016 - 02/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, .,Cargo ou função, Membro do Núcleo Docente Estruturante do Curso de Engenharia Química.

    • 09/2015 - 02/2017

      Outras atividades técnico-científicas , Centro Universitário Norte do Espírito Santo, Centro Universitário Norte do Espírito Santo.,Atividade realizada, Coordenadora interina do Laboratório de Análise e Apoio do Detec.

    • 09/2015 - 02/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, Departamento de Engenharias e Tecnologia.,Cargo ou função, Comissão Interna de Pesquisa e Pós-Graduação do DETEC.

    • 05/2015 - 02/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, Departamento de Engenharias e Tecnologia.,Cargo ou função, Comissão Interna de Ensino do DETEC.

    • 03/2016 - 07/2016

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fenômenos de Transporte I (DET08181 e DET11563) - 75h, Introdução aos Processos Químicos (DET10164) - 45h , Introdução aos Processos Químicos (DET11564) - 60h

    • 03/2016 - 07/2016

      Ensino, Engenharia de Petróleo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Mecânica dos Fluidos (DET06303) - 60h

    • 03/2016 - 07/2016

      Ensino, Engenharia de Produção, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fenômenos de Transporte (DET10163) -60h, Introdução aos Processos Químicos (DET10164) - 45h

    • 03/2016 - 07/2016

      Ensino, Manutenção Industrial, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fenômenos de Transporte (DET10163) - 60h

    • 03/2016 - 07/2016

      Ensino, Matemática, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Dinâmica dos Fluidos (DET08250) - 60h

    • 08/2015 - 12/2015

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Introdução a Processos Químicos (DET11564)

    • 08/2015 - 12/2015

      Ensino, Engenharia de Produção, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fenômenos de Transporte (DET10163) - 60 h

    • 08/2015 - 12/2015

      Ensino, Engenharia da Computação, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Mecânica dos Fluídos (DET06228) - 60h

    • 08/2015 - 12/2015

      Ensino, Manutenção Industrial, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Mecânica dos Fluídos (DET06268) - 60h

    • 08/2015 - 12/2015

      Ensino, Matemática, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Dinâmica dos Fluidos (DET08250) - 60h

    • 08/2015 - 12/2015

      Ensino, Engenharia de Petróleo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Mecânica dos Fluídos (DET06303) - 60h

    • 04/2015 - 07/2015

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Segurança, Meio Ambiente e Saúde (DET08391) - 75h

    • 04/2015 - 07/2015

      Ensino, Engenharia de Petróleo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Mecânica dos Fluídos (DET06303) - 60h

    • 04/2015 - 07/2015

      Ensino, Engenharia de Produção, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fenômenos de Transporte (DET10163) - 60h, Mecânica dos Fluídos (DET06268) - 60h

  • 2012 - 2012

    Universidade Estadual de Campinas

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Programa de Estágio Docente ? PED C, Carga horária: 8

    Outras informações:
    PED C: Atividades de Apoio à Docência Parcial Disciplina: TA 631 - Operações Unitárias I; Graduação: Engenharia de Alimentos. Supervisão: Professora Doutora Rosiane Lopes da Cunha

  • 2011 - 2011

    Universidade Estadual de Campinas

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Programa de Estágio Docente ? PED C, Carga horária: 8

    Outras informações:
    PED C: Atividades de Apoio à Docência Parcial Disciplina: TA431 ? Mecânica dos Materiais; Graduação: Engenharia de Alimentos. Supervisão: Professora Doutora Rosiane Lopes da Cunha

  • 2010 - 2010

    Universidade Estadual de Campinas

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Programa de Estágio Docente ? PED C, Carga horária: 8

    Outras informações:
    PED C: Atividades de Apoio à Docência Parcial Disciplina: TA431 ? Mecânica dos Materiais; Graduação: Engenharia de Alimentos. Supervisão: Professora Doutora Florência Menegalli

  • 2019 - Atual

    Universidade Federal de Viçosa

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto A2, Carga horária: 40

  • 2017 - 2019

    Universidade Federal de Viçosa

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Magistério Superior Adjunto A1, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Departamento de Química (DEQ) Curso de Engenharia Química

  • 2007 - 2007

    Universidade Federal de Viçosa

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Iniciação científica / estagiário

    Outras informações:
    Projeto de pesquisa Propriedades funcionais da clara de ovo. Orientadora: Profa Dra Jane Sélia dos Reis Coimbra Bolsista: CNPQ.

  • 2005 - 2005

    Universidade Federal de Viçosa

    Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 10

    Outras informações:
    Projeto Social, Alimentos Júnior ? UFV Atividades: Desenvolvimento de uma bebida láctea não-fermentada à base de soro para creche local.

  • 2004 - 2005

    Universidade Federal de Viçosa

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Iniciação científica / estagiário

    Outras informações:
    Projeto de pesquisa Distribuição estatística de microorganismos em alimentos. Orientadora: Prof Dr José Benício Paes Chaves Bolsista: CNPQ

  • 2003 - 2003

    Universidade Federal de Viçosa

    Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 9

    Outras informações:
    Alimentos Júnior ? UFV Atividades: Desenvolvimento de formulações de molho e pasta de alho.

    Atividades

    • 07/2019

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Química, .,Cargo ou função, Comissão Coordenadora do Programa de Mestrado Profissional em Química (PROFQUI).

    • 03/2019 - 07/2019

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, BALANÇOS DE MASSA E ENERGIA (ENQ 101) (60h)

    • 03/2019 - 07/2019

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, INSTRUMENTAÇÃO E CONTROLE DE PROCESSOS QUÍMICOS (ENQ 452) (105h)

    • 03/2019 - 07/2019

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (ENQ 490)

    • 07/2018 - 12/2018

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, BALANÇOS DE MASSA E ENERGIA (ENQ 101) (60h)

    • 07/2018 - 12/2018

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, MODELAGEM E SIMULAÇÃO DE PROCESSOS QUÍMICOS (ENQ 451) (60h)

    • 07/2018 - 12/2018

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (ENQ 490)

    • 03/2018 - 07/2018

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, LABORATÓRIO DE ENGENHARIA QUÍMICA I (ENQ 271) (60h)

    • 03/2018 - 07/2018

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, INSTRUMENTAÇÃO E CONTROLE DE PROCESSOS QUÍMICOS (ENQ 452) (45h + 90h)

    • 08/2017 - 12/2017

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Modelagem e simulação de processos químicos (ENQ 451) - 60h

    • 08/2017 - 12/2017

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Balanços de massa e energia (ENQ 101) - 60h

    • 08/2017 - 12/2017

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (ENQ 490)

    • 02/2017 - 07/2017

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Instrumentação e Controle de Processos (ENQ 452) - 75h

    • 02/2017 - 07/2017

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Laboratório de Engenharia Química I (ENQ 271) - 30h

    • 02/2017 - 07/2017

      Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Laboratório de Engenharia Química III (ENQ 273) - 30h

    • 02/2005 - 08/2005

      Estágios , Departamento de Tecnologia de Alimentos, .,Estágio realizado, .

    • 01/2004 - 07/2004

      Estágios , Dep. Tecnologia de Alimentos - Setor Qualidade, .,Estágio realizado, Estudo das distribuições de probabilidade, procedimentos estatísticos do SAS e revisão bibliográfica. Sob orientação do Prof. José Benício Paes Chaves, 12h semanais..

    • 11/2003 - 12/2003

      Estágios , Departamento de Tecnologia de Alimentos, .,Estágio realizado, Estágio na ?Alimentos Júnior? - UFV : Desenvolvimento de formulações de molho e pasta de alho para empresa da região de Viçosa. Sob orientação do Prof. Paulo César Stringheta e com carga horária total de 36 horas..

  • 2007 - 2007

    ELASA ELO ALIMENTAÇÃO S/A

    Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Indústria de produtos cárneos Atividades: Controle de qualidade, revisão de instruções de trabalho da empresa e treinamento dos funcionários.

  • 2006 - 2006

    Bonduelle -Conserve International

    Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Indústria de conservas vegetais Atividades: Otimização e controle de processo de esterilização de conservas de legumes.

  • 2005 - 2005

    FRIALP - Queijaria Suiça de Nova Friburgo

    Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Atividades: Acompanhamento da produção de queijos suíços, chocolates artesanais e leite em pó.