Lucas Aparecido Gaion

Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade de Marília (2010), Mestrado em Agronomia (Produção Vegetal) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2013) e Doutorado em Agronomia (Produção Vegetal) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2017), com período sanduíche junto a "Universidade Politécnica de Valencia" em Valência, Espanha.Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Manejo e Tratos Culturais e Ecofisiologia Vegetal. Possui 20 artigos-científico publicados em periódicos com seletiva política editorial. Professor Assistente Doutor da Universidade de Marília responsável pelas disciplinas de "Leguminosas e Oleaginosas", "Biologia de Plantas Daninhas", Nutrição Mineral de Plantas", "Mineralogia", "Cereais e Cana-de-açúcar" e "Solos" no curso de Engenharia Agronômica.

Informações coletadas do Lattes em 01/02/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Agronomia (Producao Vegetal)

2013 - 2017

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Título: Uso de um mutante em giberelina na enxertia de tomateiro para estudar o papel desse hormônio na sinalização entre a raiz e parte aérea durante o déficit hídrico
Orientador: em Universitat Politècnica de València ( Isabel López Díaz)
com ROGÉRIO FALLEIROS CARVALHO. Coorientador: LEILA TREVISAN BRAZ. Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

Mestrado em Agronomia (Producao Vegetal)

2011 - 2013

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Título: Enxertia e podridão de raízes e colo em Cucurbitáceas,Ano de Obtenção: 2013
Leila Trevisan Braz.Coorientador: Margarete Camargo. Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. Palavras-chave: Cucumis melo var reticulatus Naud.; Enxertia; Cultivo protegido; Fusarium spp.Grande área: Ciências AgráriasSetores de atividade: Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados.

Graduação em Engenharia Agronômica

2007 - 2010

Universidade de Marília
Título: ESTÁGIO MORFOFISIOLÓGICO IDEAL PARA REALIZAÇÃO DA ENXERTIA USANDO O MELOEIRO 'BÔNUS n. 2'
Orientador: LEILA TREVIZAN BRAZ
Bolsista do(a): universidade para todos, PROUNI, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2016 - 2016

Curso de Gestão Estratégica de HLB. (Carga horária: 4h). , Fundo de Defesa da Citricultura, FUNDECITRUS, Brasil.

2015 - 2015

Oratório com Coaching Communication. (Carga horária: 16h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2015 - 2015

XI Curso de Inverno de Genética. (Carga horária: 20h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2015 - 2015

Oratória com Coaching Communiication. (Carga horária: 16h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2015 - 2015

Extração e análise da qualidade do RNA. (Carga horária: 20h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2013 - 2013

Estatística Aplicada - Software R. (Carga horária: 20h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2012 - 2012

PLANEJAMENTO E INSTALAÇÃO DE EXPERIMENTOS. (Carga horária: 4h). , Associação Brasileira de Horticultura, ABH, Brasil.

2011 - 2011

Extensão universitária em Melhoramento Genético de Olericolas. (Carga horária: 16h). , Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, EMBRAPA, Brasil.

2011 - 2011

REDAÇÃO CIENTÍFICA. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.

2010 - 2010

SERINGUEIRA INOVAÇÕES E PERSPECTIVAS DE MERCADO. (Carga horária: 15h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2010 - 2010

Excel. (Carga horária: 12h). , microlins, MICROLINS, Brasil.

2010 - 2010

CURSO TEÓRICO -PRÁTICO SOBRE CAFEICULTURA. (Carga horária: 184h). , Instituto Agronômico de Campinas, IAC, Brasil.

2009 - 2010

Curso Inglês Intermediário. (Carga horária: 70h). , A.L.E. . Idiomas, ALE, Brasil.

2009 - 2009

III Curso de Inverno em Entomologia Agrícola. (Carga horária: 40h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2009 - 2009

FRUTICULTURA EM EXPANSÃO. (Carga horária: 40h). , Universidade de Marília, UNIMAR, Brasil.

2008 - 2009

Inglês Pré-Intermediário. (Carga horária: 105h). , A.L.E. . Idiomas, ALE, Brasil.

2008 - 2008

Extensão universitária em Manejo Racional de Pastagens. (Carga horária: 20h). , Universidade de Marília, UNIMAR, Brasil.

2008 - 2008

Tecnologia de aplicação de defensivos. (Carga horária: 8h). , Universidade de Marília, UNIMAR, Brasil.

2008 - 2008

TÓPICOS AVANÇADOS EM GRANDES CULTURAS. (Carga horária: 40h). , Universidade de Marília, UNIMAR, Brasil.

2008 - 2008

APLICAÇÃO DE AGROTÓXICOS COM TURBO PULVERIZADOR. (Carga horária: 24h). , serviço nacional de aprendizagem rural, SENAR, Brasil.

2008 - 2008

APLICAÇÃO DE AGROTÓXICOS COM PULVERIZADOR BARRAS. (Carga horária: 24h). , serviço nacional de aprendizagem rural, SENAR, Brasil.

2007 - 2007

OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DE TRATORES AGRÍCOLAS. (Carga horária: 40h). , serviço nacional de aprendizagem rural, SENAR, Brasil.

2007 - 2007

COMPLEXO INDUSTRIAL DA CANA-DE-AÇUCAR. (Carga horária: 40h). , Universidade de Marília, UNIMAR, Brasil.

2006 - 2007

Capacitação Profissional em Rotinas Administrativa. (Carga horária: 72h). , microlins, MICROLINS, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Manejo e Tratos Culturais.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade/Especialidade: Defesa Fitossanitária.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fisiologia Vegetal.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Estresse Abiótico.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

GAION, L. A. ; CARVALHO, R. F. . III Workshop de Estresse Abiótico em Plantas Cultivadas. 2017. (Congresso).

CARVALHO, R. F. ; GAION, L. A. . II Workshop de Estresse Abiótico em Plantas Cultivadas. 2015. (Outro).

BRAZ, L. T. ; GAION, L. A. ; MARIN, M. V. ; DINIZ, G. M. M. ; SANTOS, L. S. ; RABELO, H. O. ; GOMES, R. F. . II FÓRUM SOBRE O ENSINO DE OLERICULTURA NO BRASIL. 2014. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Simpósio de Biologia Vegetal.ETILENO CONTROLA O CRESCIMENTO DO TOMATEIRO EM CONDIÇÃO DE DÉFICIT HÍDRICO. 2017. (Simpósio).

Workshop de Estresse Abiótico em Plantas Cultivadas.GIBERELINA CONTROLA AS RESPOSTAS À DEFICIÊNCIA DE CÁLCIO. 2017. (Simpósio).

CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA. COMPATIBILIDADE ENTRE PORTA-ENXERTO E ENXERTO E SEUS EFEITOS NA PRODUÇÃO DO MELOEIRO RENDILHADO. 2014. (Congresso).

SIMPÓSIO EM PROTEÇÃO DE PLANTAS.PODRIDÃO DE RAÍZES E COLO EM CUCURBITÁCEAS. 2013. (Simpósio).

CONGRESSO BRAILEIRO DE OLERICULTURA. COMPATIBILIDADE DE ACESSOS DE MALVÁCEAS RESISTENTES À MELOIDOGYNE INCOGNITA COM O QUIABEIRO 'SANTA CRUZ 47' E 'COLHE BEM IAC'. 2012. (Congresso).

III SIMPÓSIO SOBRE FITOSSANIDADE EM CITROS.DEPÓSITO DE CALDA FITOSSANITÁRIA EM FOLHAS DE LARANJEIRA COM ADIÇÃO DE ADJUVANTES ANTES E APÓS CHUVA SIMULADA. 2012. (Simpósio).

CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA. Apresentação de póster. 2011. (Congresso).

INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON VEGETABLE GRAFTING.IDEAL MORPHOPHYSIOLOGIC STAGE FOR GRAFTING CANTALOUPE 'BONUS N 2'. 2011. (Simpósio).

Curso: Legislação Profissional. 2010. (Outra).

Cresce Brasil mais Engenharia mais Desenvolvimento. 2009. (Seminário).

Simpósio: Proteção de Plantas. 2009. (Simpósio).

8° Concurso de Qualidade de café da Coopemar. 2008. (Outra).

DISSERTAÇÃO DE MESTRADO. 2008. (Outra).

Oficina Ambiental Municipal. 2008. (Oficina).

DISSERTAÇÃO DE MESTRADO. 2007. (Outra).

Encontro Água e Floresta. 2007. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Reginaldo de Oliveira

CARVALHO, R. F.;GAION, L. A.; GRATÃO, PRISCILA LUPINO. Pré-tratamento com peróxido de hidrogênio em sementes de soja induz tolerância ao estresse por déficit hídrico. 2019. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Producao Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Rafael Ferreira Barreto

PRADO, R. M.; CECÍLIO FILHO, A. B.; CAMPOS, C. N. S.;GAION, L. A.; Pino, L. E.. Interação entre silício e citocininas nas respostas do tomateiro à toxicidade de amônio. 2019. Tese (Doutorado em Agronomia (Producao Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Leticia Rodrigues Alves

GRATAO, P. L.; Dutra, A. F.; GASPARINO, EDUARDO CUSTÓDIO; Bini, A. P.;GAION, L. A.. Biochemical and structural alterations induced by selenium under cadmium stress in tomato plants. 2019. Tese (Doutorado em Agronomia (Producao Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Ana Carolina Roque Cardoso

GAION, L. A.; Barreto R. F.; CARVALHO, R. F.. Clorofilas e antocianinas competem por luz sob condição de sombra?. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Agronomia - Produção Vegetal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: José Clebson Barbosa Lúcio

CARVALHO, R. F.; Barreto R. F.;GAION, L. A.. Auxinas dependem do peróxido de hidrogênio nas respostas de raízes de tomateiro à deficiência de nitrogênio. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Agronomia - Produção Vegetal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Luciene Alves Pereira Gavassi

GAVASSI, M. A.;GAION, LUCAS APARECIDO; Jardim, C.A.. Pré-tratamento de sementes com óxido nítrico atenua os efeitos da deficiência hídrica em soja. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Biocombustíveis) - Faculdade de Tecnologia Nilo de Stéfani.

Aluno: Murilo Sanches Dias

CARVALHO, R. F.; NEPOMUCENO, M. P.;GAION, L. A.. Stimulate no desenvolvimento inicial de seringueira sob restrição hídrica. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Rômulo Lourenço dos Reis

GUALBERTO, R;GAION, L. A.. Monitoramento de plantio. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Rodolfo Machado Coque

Padovan, L. A.;GAION, L. A.. Crédito rural: Perfil do produtor rural do estado de São Paulo recorrente ao financiamento rural. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Raquel Doratiotto Garcia

GUALBERTO, R;GAION, L. A.. Fatores determinantes na qualidade da bebida do café (Coffea arabia L.) na região centro oeste paulista. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Paula Yuri Tsukahara

NOWAKI, R. H. D.;GAION, L. A.. Implantação de pastagem híbrida. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Milena Doratiotto

Padovan, L. A.;GAION, L. A.. Características e manejo das forrageiras - Gênero Brachiaria e Panicum. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Luis Fernando Franchin Sgorlon

GUALBERTO, R;GAION, L. A.. A cultura da alface. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Leonardo Rafael Pinhel

GAION, L. A.; Padovan, L. A.. Elaboração de planos diretores municipais de controle de erosão rural. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Leonardo Augusto Floreste

Padovan, L. A.;GAION, L. A.. Principais pragas da cana-de-açucar. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: José Luis Chicarelli Filho

Padovan, L. A.;GAION, L. A.. Representação e vendas consultivas. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: José Guilherme Galassi

Padovan, L. A.;GAION, L. A.. Evolução da colheita mecanizada de cana-de-açucar. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: João Fernando Barreiro de Freitas

GUALBERTO, R;GAION, L. A.. Produção de sementes de milho híbrido. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Francisco José Domingues Neto

GUALBERTO, R;GAION, L. A.. Desempenho agronômico de cultivares de alface crespa, lisa e americana, cultivadas em sistema orgânico no Distrito Federal. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Fabiulla Augusta Lembo Lancine

GUALBERTO, R;GAION, L. A.. A cultura da melancia. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Tiago Gazola

GUALBERTO, R;GAION, L. A.. Avaliação de cultivares de milho na região do Vale do Paranapanema. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Francine Leal Maduro Oliveira

GAION, L. A.; CASTOLDI, R.;BRAZ, L. T.. Métodos de superação de dormência em sementes de quiabo e produção de mudas. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: SILVIO FELIPPE DE ANGELIS PALOMBO

LOSASSO, P. H. L.;GAION, L. A.. COLHEITA DO MILHO SAFRINHA E PLANTIO DE SOJA E MILHO VERÃO: Cuidados pré e pós-plantio das culturas. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Lilian Mesquita Silva

LOSASSO, P. H. L.;GAION, L. A.. PROJETOS RECUPERAÇÃO AMBIENTAL. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: LUCAS AMORIM DA COSTA SANTOS

LOSASSO, P. H. L.;GAION, L. A.. INTEGRAÇÃO LAVOURA - PECUÁRIA - FLORESTAS: Uma experiência na Fazenda Canoas/Mundo Novo. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: LUCAS MAREGA MARQUES

LOSASSO, P. H. L.;GAION, L. A.. PLASTICULTURA NA PRODUÇÃO DE ALFACE HIDROPÔNICA NO SISTEMA HIDROPÔNICO NFT. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Aluno: Diego Belapart

LOSASSO, P. H. L.;GAION, L. A.. ACOMPANHAMENTO DE TRATOS CULTURAIS DA ESPÉCIE Coffea arabica. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

LEILA TREVISAN BRAZ

BRAZ, LEILA TREVISANPANIZZI, R. C.ITO, L. A.. Podridão de raízes e colo em genótipos de Cucurbitáceas. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Agronomia (Produção Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista.

Alexandre de Moura Guimarães

BRAZ, L.T.; PANIZZI, R.C.;GUALBERTO, R.; MARTINS, A.B.G.;GUIMARÃES, A.M.. Podridão de raízes e colo, e enxertia em cucurbitáceas. 2013. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Produção Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Luiz Fabiano Palaretti

CARVALHO, R. F.; SANTOS, D. M. M.;PALARETTI, L. F.; GRATAO, P. L.. Constitutive Gibberellin Response in Grafited Tomato Modulates Root-To-Shoot Signaling Under Drought Stress. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Pós-garduação em Produçao Vegetal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Rogério Falleiros Carvalho

Carvalho RF; Balbuena, TS; Zingaretti SM; Castro PRC; Pino-Nunes LE. Uso de um mutante em etileno na enxertia de tomateiro para estudar a sinalização desse hormônio entre a raiz e parte aérea durante o déficit hídrico.. 2017. Tese (Doutorado em Agronomia (Producao Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Rogério Falleiros Carvalho

Carvalho RF; Santos DMM; Palaretti LF; Gratão PL. Constitutive gibberellin response in grafited tomato modulates root-to-shoot signaling under drought stress.. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia (Producao Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Sonia Marli Zingaretti

ZINGARETTI, Sonia Marli; BALBUENA, T. S.; Carvalho, RF; CASTRO, P. R. C. E.; PINO, L. E.. Uso do mutante em giberelina na enxertia de tomateiro para estudar o papel desse hormonio na sinalização entre raiz e parte aerea durante o estresse hidrico. 2017. Tese (Doutorado em Agronomia (Producao Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Priscila Lupino Gratão

CARVALHO, R. F.; SANTOS, D. M. M.; PALARETTI, L. F.; GRATAO, P. L.. Constitutive gibberellin response in grafted tomato modulates root-to-shoot signaling under drought stress. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia (Producao Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Rita de Cássia Panizzi

BRAZ, L. T.PANIZZI, R. C.; GUALBERTO. R.. Podridão de raízes e colo, e enxertia em cucurbitáceas. 2013. Dissertação (Mestrado em Agronomia - Produção Vegetal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Rita de Cássia Panizzi

BRAZ, L. T.PANIZZI, R. C.; ITO, L. A.. Podridão de raízes e colo em genótipos de Cucurbitáceas. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Agronomia - Produção Vegetal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Durvalina Maria Mathias dos Santos

Carvalho, R.F.;SANTOS, D. M. M.; Palareti, L.F.; Gratão, P. L.. Constitutive gibberellin response in grafited tomato modulates roo-to-shoot signaling under drought stress. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Produção Vegetal) - Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias Campus de Jaboticabal Unesp.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Aline Dell Passo Reis

Está o peróxido de hidrogênio envolvido na sinalização à longa distância responsável por ativar os mecanismos de aclimatação ao déficit hídrico?; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília; (Orientador);

Daniele Gazoli Teixeira Machado

Enxertia de tomateiro em porta-enxertos selvagens; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília; (Orientador);

JEAN MUNIZ

Envolvimento das giberelinas nas respostas à deficiência de cálcio em plantas de tomateiro; Início: 2015; Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; (Orientador);

Sheila Bastos de Abreu

Germinação e crescimento de sementes de milho pré-tratadas com Stimulate sob déficit hídrico; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Lucas Aparecido Gaion;

Leonardo Mattar

Efeito do pH da calda sobre a eficiência de controle do herbicida glifosato; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Agronômica) - Universidade de Marília; Orientador: Lucas Aparecido Gaion;

Aniele Baldo

Uso de um mutante em etileno na enxertia de tomateiro para estudar a sinalização desse hormônio entre a raiz e parte aérea durante o déficit hídrico; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Agronômica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Lucas Aparecido Gaion;

Larissa Quirino Domingues

PROJETO JOÃO DE BARRO; 2013; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Lucas Aparecido Gaion;

Marcos Vinícius Marini

PROJETO JOÃO DE BARRO; 2013; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Lucas Aparecido Gaion;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Margarete Camargo

Seleção de porta-enxertos resistentes à Fusarium solani e seus efeitos na produção do meloeiro rendilhado; Início: 2013; Dissertação (Mestrado em Agronomia - Produção Vegetal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; (Coorientador);

Margarete Camargo

Seleção de porta-enxertos resistentes à Fusarium solani e seus efeitos na produção do meloeiro rendilhado; Início: 2012; Dissertação (Mestrado em Agronomia (Producao Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; (Coorientador);

Margarete Camargo

Seleção de porta-enxertos resistentes ao Monosporascus cannonballus e seus efeitos na produção do meloeiro rendilhado; Início: 2011; Dissertação (Mestrado em Agronomia (Produção Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; (Coorientador);

Margarete Camargo

Enxertia e podridão de raízes e colo em cucurbitáceas; 2013; Dissertação (Mestrado em Agronomia - Produção Vegetal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Coorientador: Margarete Camargo;

LEILA TREVISAN BRAZ

Enxertia e podridão de raízes e colo em cucurbitáceas; ; 2013; Dissertação (Mestrado em Agronomia (Producao Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Leila Trevisan Braz;

LEILA TREVISAN BRAZ

Seleção de porta-enxertos resistentes ao Monosporascus cannonballus e seus efeitos na produção do meloeiro rendilhado; 2011; Dissertação (Mestrado em Agronomia - Produção Vegetal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Leila Trevisan Braz;

Jackson Antônio Marcondes de Souza

Estágio Docência em Genética Aplicada; 2015; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Jackson Antônio Marcondes de Souza;

Rogério Falleiros Carvalho

Uso de um mutante em giberelina na enxertia de tomateiro para estudar a sinalização desse hormônio entre a raiz e parte aérea durante o déficit hídrico; 2017; Tese (Doutorado em Agronomia (Producao Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Rogério Falleiros Carvalho;

Rogério Falleiros Carvalho

Orientação de estágio docência; 2015; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Rogério Falleiros Carvalho;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • GAVASSI, M. A. ; GAION, L. A. ; FRANCO, C. A. ; Santos, J. C. ; CARVALHO, R. F. . Seed priming with sodium nitroprusside attenuates the effects of water deficit on soybean seedlings. COMUNICATA SCIENTIAE , v. 10, p. 176-184, 2019.

  • ITO, L.A. ; GAION, L.A. ; GALATTI, F.S. ; BRAZ, L.T. . -Thief- shoots on rootstocks grafted with net melons. Acta Horticulturae , v. 1249, p. 103-106, 2019.

  • GAION, L. A. ; MUNIZ, J. ; Barreto R. F. ; DAMIAO, V. D. ; PRADO, R. M. ; CARVALHO, R. F. . Amplification of gibberellins response in tomato modulates calcium metabolism and blossom end rot occurrence. SCIENTIA HORTICULTURAE , v. 246, p. 498-505, 2019.

  • Ferreira Júnior, D.C. ; GAION, L. A. ; Sousa Júnior, G S ; Dos Santos, D. M. M. ; CARVALHO, R. F. . Drought-induced proline synthesis depends on root-to-shoot communication mediated by light perception. ACTA PHYSIOLOGIAE PLANTARUM , v. 40, p. 1-5, 2018.

  • Barreto R. F. ; Cruz, F. J. R. ; GAION, L. A. ; PRADO, R. M. ; CARVALHO, R. F. . Accompanying ions of ammonium sources and nitrate-ammonium ratios in tomato plants. JOURNAL OF PLANT NUTRITION AND SOIL SCIENCE , v. 1, p. 1-6, 2018.

  • Galati, V. C. ; OLIVEIRA, R. ; GAION, L. A. ; GALATI, V. C. ; CARVALHO, R. F. . Root-to-Shoot Communication to Modulate Source-Sink Relationship in Tomato Depends on Phytochromes. Journal of Agricultural Science , v. 10, p. 174-181, 2018.

  • GAION, LUCAS APARECIDO ; MONTEIRO, CAROLINA CRISTINA ; CRUZ, FLÁVIO JOSÉ RODRIGUES ; ROSSATTO, DAVI RODRIGO ; LÓPEZ-DÍAZ, ISABEL ; CARRERA, ESTHER ; LIMA, JONI ESROM ; PERES, LÁZARO EUSTÁQUIO PEREIRA ; CARVALHO, ROGÉRIO FALLEIROS . Constitutive gibberellin response in grafted tomato modulates root-to-shoot signaling under drought stress. JOURNAL OF PLANT PHYSIOLOGY , v. 221, p. 11-21, 2018.

  • SANTOS, L. S. ; CANDIDO, W. S. ; RABELO, H. O. ; MARIN, M. V. ; GAION, L. A. ; GOMES, R. F. ; CAMARGO, M. ; BRAZ, L. T. . Reaction of melon genotypes to Didymella bryoniae (Fuckel) Rehm. Chilean Journal of Agricultural Research , v. 77, p. 71-77, 2017.

  • MARIN, M. V. ; SANTOS, L. S. ; GAION, L. A. ; RABELO, H. O. ; FRANCO, C. A. ; DINIZ, G. M. M. ; SILVA, E. H. C. ; BRAZ, L. T. . Selection of resistant rootstocks to Meloidogyne enterolobii and M. incognita for okra (Abelmoschus esculentus L. Moench). Chilean Journal of Agricultural Research , v. 77, p. 57-64, 2017.

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; DINIZ, G. M. M. ; RABELO, H. O. ; SANTOS, L. S. ; BRAZ, L. T. . Enxertia do meloeiro rendilhado e seus feitos na produção em ambiente protegido. Agrarian (Online) , v. 10, p. 216-224, 2017.

  • GAION, L. A. ; Baldo, A. ; Ferreira Júnior, D.C. ; D'AMICO-DAMIÃO, V. ; CARVALHO, R. F. . ETHYLENE MODULATES TOMATO GROWTH DURING DROUGHT STRESS. HOLOS Environment (Online) , v. Suplem, p. 8195, 2017.

  • GAION, L. A. ; BRAZ, L. T. ; CARVALHO, R. F. . Grafting in Vegetable Crops: A Great Technique for Agriculture. INTERNATIONAL JOURNAL OF VEGETABLE SCIENCE (ONLINE) , v. 23, p. 1-18, 2017.

  • GAION, L. A. ; CARVALHO, R. F. . Long-distance signaling: what grafting has revealed?. Journal of Plant Growth Regulation , v. 1, p. 1-11, 2017.

  • GAION, LUCAS APARECIDO ; LOREVICE, PAULO GUILHERME ; MONTEIRO, CAROLINA CRISTINA ; GAVASSI, MARINA ALVES ; D?AMICO-DAMIÃO, VICTOR ; GRATÃO, PRISCILA LUPINO ; GASPARINO, EDUARDO CUSTÓDIO ; CARVALHO, ROGÉRIO FALLEIROS . The role of phytochromes in cadmium stress responses in tomato. BRAGANTIA , v. 77, p. 1, 2017.

  • GAION, LUCAS APARECIDO . MORPHOPHYSIOLOGICAL STAGE IDEAL FOR GRAFTING IN NET MELON `BONUS N° 2?. Nucleus (Ituverava. Impresso) , v. 12, p. 151-158, 2015.

  • GAION, L. A. ; LASMAR, O. ; FERREIRA, M. C. . Efeito da adição de adjuvantes à calda com fungicida em plantas de citros sob chuva artificial. Citrus Research & Technology , v. 36, p. 1-9, 2015.

  • ITO, L. A. ; GAION, L. A. ; GALATTI, F. S. ; BRAZ, L. T. ; SANTOS, J. M. . Resistência de porta-enxertos de cucurbitáceas a nematóides e compatibilidade da enxertia em melão. Horticultura Brasileira (Impresso) , v. 32, p. 297-302, 2014.

  • VOLTARELLI, M. ; ZERBATO, C. ; GAION, L. A. ; FERREIRA, M. C. ; GALATTI, F. S. . Uniformity of droplets distribution and control of Ipomoea grandifolia after simulated rainfall. Pesquisa Aplicada & Agrotecnologia (Online) , v. 7, p. 73-81, 2014.

  • GALATTI, F. S. ; FRANCO, A. J. ; ITO, L. A. ; CHARLO, H. C.O. ; GAION, L. A. ; BRAZ, L. T. . Rootstocks resistant to Meloidogyne incognita and compatibility of grafting in net melon. Revista Ceres , v. 60, p. 432-436, 2013.

  • GAION, LUCAS APARECIDO ; ITO, LETÍCIA AKEMI ; GALATTI, FRANCINE SOUZA ; BRAZ, LEILA TREVISAN . DENSITY PLANTING THE CULTURE OF OKRA. Nucleus (Ituverava. Online) , v. 10, p. 199-206, 2013.

  • Gualberto, Ronan ; Souza Júnior, Oscar Francisco ; Costa, Nídia Raquel ; Braccialli, Caio Doretto ; GAION, L. A. . INFLUÊNCIA DO ESPAÇAMENTO E DO ESTÁDIO DE DESENVOLVIMENTO DA PLANTA NA PRODUÇÃO DE BIOMASSA E VALOR NUTRICIONAL DE Tithonia diversifolia (HEMSL.) Gray. Nucleus (Ituverava. Impresso) , v. 8, p. 241-255, 2011.

  • GAION, LUCAS APARECIDO ; CARVALHO, R. F. . Controle Hormonal da Nutrição de Plantas. In: Renato de Mello Prado, Arthur Bernardes Cecílio Filho. (Org.). Nutrição e Adubação de Hortaliças. 1ed.JABOTICABAL: Santa Terezinha, 2016, v. 1, p. 195-220.

  • GUALBERTO, R ; Teixeira, D.B. ; GAION, L. A. . Adubação Verde. Cultivar Hortaliças e Frutas, Ponta Grossa, p. 16 - 18, 01 set. 2019.

  • GAION, L. A. ; Teixeira, D.B. ; GUALBERTO, R . Mosca Negra do Citros. AgroFest, São José Rio Preto, p. 24 - 24, 01 jul. 2019.

  • GAION, L. A. ; KUHNEN, F. . Nutrição inteligente na produção de couve-flor. Campo & Negócio, Uberlândia, p. 38 - 39, 09 nov. 2015.

  • GAION, LUCAS APARECIDO ; DINIZ, G. M. M. ; RABELO, H. O. ; SANTOS, L. S. ; GOMES, R. F. ; BRAZ, L. T. . COMPATIBILIDADE ENTRE PORTA-ENXERTO E ENXERTO E SEUS EFEITOS NA PRODUÇÃO DO MELOEIRO RENDILHADO. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2014, PALMAS. ANAIS DO 53 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2014.

  • DOMINGUES, L. Q. ; MARIN, M. V. ; GAION, L. A. ; BRAZ, L. T. . PROJETO JOÃO DE BARRO E CEVER INSERINDO JOVENS NA SOCIEDADE. In: I CONGRESSO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DA UNESP, 2013, JABOTICABAL. I CONGRESSO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DA UNESP, 2013.

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; GALATTI, F. S. ; BRAZ, L. T. . Densidade de plantio na cultura do quiabeiro. In: 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2012, SALVADOR. 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA. BRASÍLIA: HORTICULTURA BRASILEIRA, 2012. v. 30. p. 2489-2494.

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; GALATTI, F. S. ; GOMES, R. F. ; CANDIDO, W. S. ; BRAZ, L. T. . Produção e qualidade do melão rendilhado tipo net em função de diferentes. In: 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2012, SALVADOR. ANAIS DO 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA. BRASÍLIA: HORTICULTURA BRASILEIRA, 2012. v. 30. p. 2495-2500.

  • ITO, L. A. ; GALATTI, F. S. ; GAION, L. A. ; CASTOLDI, R. ; MELO, D. M. ; BRAZ, L. T. . Influência de diferentes porta-enxertos para meloeiro rendilhado enxertado no. In: 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2012, SALVADOR. ANAIS DO 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA. BRASÍLIA: HORTICULTURA BRASILEIRA, 2012. v. 30. p. 344-351.

  • ITO, L. A. ; GAION, L. A. ; GALATTI, F. S. ; BRAZ, L. T. . Métodos de enxertia e seus efeitos na produção de plantas controles de meloeiro. In: 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2012, SALVADOR. ANAIS DO 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA. BRASÍLIA: HORTICULTURA BRASILEIRA, 2012. v. 30. p. 352-358.

  • BRAZ, L. T. ; ITO, L. A. ; GOMES, R. F. ; GALATTI, F. S. ; GAION, L. A. ; CASTOLDI, R. . Avaliação de porta-enxertos para melão rendilhado ?Fantasy?. In: 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2012, SALVADOR. ANAIS DO 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA. BRASÍLIA: HORTICULTURA BRASILEIRA, 2012. v. 30. p. 359-366.

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; GALATTI, F. S. ; BRAZ, L. T. . Compatibilidade de acessos de Malvaceae resistentes à Meloidogyne incognita. In: 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2012, SALVADOR. ANAIS DO 52 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA. BRASÍLIA: HORTICULTURA BRASILEIRA, 2012. v. 30. p. 1964-1967.

  • GAION, L. A. ; LASMAR, O. ; LEITE, G. J. ; LORENCON, J. R. ; FERREIRA, M. C. . DEPOSIÇÃO DE COBRE SOBRE FOLHAS DE LARANJEIRA EM FUNÇÃO DA ADIÇÃO DE ADJUVANTES À CALDA DE PULVERIZAÇÃO. In: III SIMPOSIO SOBRE FITOSSANIDADE EM CITROS, 2012, JABOTICABAL. ANAIS DO III SIMPOSIO SOBRE FITOSSANIDADE EM CITROS. JABOTICABAL: FUNEP, 2012.

  • GAION, L. A. ; LASMAR, O. ; LEITE, G. J. ; LORENCON, J. R. ; FERREIRA, M. C. . RETENÇÃO FOLIAR EM FOLHAS DA LARANJEIRA COM FUNGICIDA CÚPRICO EM FUNÇÃO DO USO DE ADJUVANTES. In: III SIMPOSIO SOBRE FITOSSANIDADE EM CITROS, 2012, JABOTICABAL. ANAIS DO III SIMPOSIO SOBRE FITOSSANIDADE EM CITROS. JABOTICABAL: FUNEP, 2012.

  • GAION, L. A. ; LASMAR, O. ; LEITE, G. J. ; LORENCON, J. R. ; FERREIRA, M. C. . INFLUÊNCIA DA ADIÇÃO DE SURFATANTES À CALDA CÚPRICA NA TENSÃO SUPERFICIAL E ÂNGULO DE CONTATO DAS GOTAS. In: III SIMPOSIO SOBRE FITOSSANIDADE EM CITROS, 2012, JABOTICABAL. III SIMPOSIO SOBRE FITOSSANIDADE EM CITROS. JABOTICABAL: FUNEP, 2012.

  • ITO, L. A. ; GAION, L. A. ; BRAZ, L. T. ; SANTOS, J. M. . Resistência a Meloidogyne incognita em genótipos de cucurbitáceas. In: 51 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2011, VIÇOSA/MG. ANAIS 51 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2011. p. 1320-1326.

  • PACHECO SILVA, M. L. ; RODRIGUES, M. A. ; BIANCO, M. S. ; CECÍLIO FILHO, A. B. ; GAION, L. A. . Caracterização de sintomas visuais de deficiências de macronutrientes. In: 51 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2011, VIÇOSA/MG. ANAIS 51 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2011. p. 3745-3752.

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; MELO, D. M. ; BRAZ, L. T. . Estágio morfofisiológico ideal para realização da enxertia usando o meloeiro ?Bônus n° 2?. In: 51 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2011, VIÇOSA/MG. ANAIS 51 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2011. p. 1742-1748.

  • GAION, L. A. ; MELO, D. M. ; CHARLO, H. C.O. ; CASTOLDI, R. ; BRAZ, L. T. . Modificações químicas do substrato no cultivo do meloeiro rendilhado. In: 51 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2011, VIÇOSA/MG. ANAIS 51 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2011. p. 3851-3858.

  • BRAZ, L. T. ; ITO, L. A. ; GAION, L. A. ; CAMARGO, M. . Avaliação de genótipos de cucurbitáceas quanto à resistência à Didymella bryoniae. In: 51 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2011, VIÇOSA/MG. ANAIS 51 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2011. p. 1327-1334.

  • GAION, L. A. ; MUNIZ, J. ; Barreto R. F. ; D'AMICO-DAMIÃO, V. ; CARVALHO, R. F. . GIBERELINA CONTROLA AS RESPOSTAS À DEFICIÊNCIA DE CÁLCIO. In: III Workshop de Estresse Abiótico em Plantas Cultivadas, 2017, Jaboticabal. Anais do III Workshop de Estresse Abiótico em Plantas Cultivadas. Jaboticabal: FUNEP, 2017. v. 1. p. 15-15.

  • Ferreira Júnior, D.C. ; GAION, L. A. ; Sousa Júnior, G S ; Reyes, S. M. R. ; CARVALHO, R. F. . PERCEPÇÃO LUMINOSA AFETA A SÍNTESE DE PROLINA EM TOMATEIRO SOB DÉFICIT HÍDRICO. In: III Workshop de Estresse Abiótico em Plantas Cultivadas, 2017, Jaboticabal. Anais do III Workshop de Estresse Abiótico em Plantas Cultivadas. Jaboticabal: Funep, 2017. v. 1. p. 19-19.

  • Santos, J. C. ; Rocha, A. M. S. ; Barrozo, L. M. ; GAION, L. A. ; Galvão V. C. ; CARVALHO, R. F. . PRÉ-TRATAMENTO COM ULTRAVIOLETA-B EM SEMENTES DE TOMATEIRO PARA INDUÇÃO DA TOLERÂNCIA AO DÉFICIT HÍDRICO. In: III Workshop de Estresse Abiótico em Plantas Cultivadas, 2017, Jaboticabal. Anais do III Workshop de Estresse Abiótico em Plantas Cultivadas. Jaboticabal: Funep, 2017. v. 1. p. 22-22.

  • GAION, L. A. ; Baldo, A. ; MONTEIRO, C. C. ; GAVASSI, M. A. ; CARVALHO, R. F. . Using of a mutant in ethylene in grafting of the tomato to study signaling this hormone between root and shoot during water déficit. In: XV Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 2015, Foz do Iguaçu. 26TH CONGRESS OF THE SCANDINAVIAN PLANT PHYSIOLOGY SOCIETY. Estocolmo, 2015. v. 1. p. 90-90.

  • GRATAO, P. L. ; ALVES, L. R. ; CURY, P. R. ; MONTEIRO, C. C. ; GAION, L. A. ; CARVALHO, R. F. . Never ripe tomato grafting plants submitted to Cd-stressful conditions. In: 26TH CONGRESS OF THE SCANDINAVIAN PLANT PHYSIOLOGY SOCIETY, 2015, Estocolmo. Programme & Abstract Book, 2015. v. 1. p. 95-95.

  • ALVES, L. R. ; CURY, P. R. ; GRATAO, P. L. ; GAVASSI, M. A. ; GAION, L. A. ; MONTEIRO, C. C. . Selenium seed priming in radish to promote drought stress tolerance. In: 26TH CONGRESS OF THE SCANDINAVIAN PLANT PHYSIOLOGY SOCIETY, 2015, Estocolmo. Programme & Abstract Book. Estocolmo, 2015. v. 1. p. 86-86.

  • MONTEIRO, C. C. ; GAVASSI, M. A. ; ALVES, L. R. ; GAION, L. A. ; GRATAO, P. L. ; PRADO, R. M. ; CARVALHO, R. F. . Interaction between auxin and ethylene in iron deficiency responses in tomato. In: 26TH CONGRESS OF THE SCANDINAVIAN PLANT PHYSIOLOGY SOCIETY, 2015, Estocolmo. Programme & Abstract Book, 2015. v. 1. p. 110-110.

  • CURY, P. R. ; ALVES, L. R. ; GRATAO, P. L. ; BARBOSA, M. P. ; MONTEIRO, C. C. ; GAION, L. A. . Chlorophyll and carotenoids contents in Never ripe and diageotropica tomato mutants to cadmium stress. In: 26TH CONGRESS OF THE SCANDINAVIAN PLANT PHYSIOLOGY SOCIETY, 2015, Estocolmo. Programme & Abstract Book, 2015. v. 1. p. 100-100.

  • GAION, L. A. ; GAVASSI, M. A. ; CARVALHO, R. F. . O papel dos fitocromos no acúmulo de solutos compatíveis em tomateiro sob estresse hídrico. In: I Simpósio de Ecofisiologia Sistêmica, 2014, Presidente Prudente. Edição Especial. Presidente Prudente: Colloquium Viate, 2014.

  • GAVASSI, M. A. ; GAION, L. A. ; CARVALHO, R. F. . Envolvimento dos fitocromos no acúmulo de pigmentos em plântulas de tomateiro sob radiação UV-B. In: I Simpósio de Ecofisiologia Sistêmica, 2014, Presidente Prudente. Edição Especial. Presidente Prudente: Colloquium Viate, 2014.

  • ITO, L. A. ; GAION, L. A. ; GALATTI, F. S. ; BRAZ, L. T. . 'Thief' Shoots on rootstocks grafted with net melons. In: SEST, 2012, BRASILIA. INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON SEED, TRANSPLANT AND STAND STABLISHMENT OH HORTICULTURAL CROPS. BRASILIA: EMBRAPA, 2012. p. 151-151.

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; GALATTI, F. S. ; BRAZ, L. T. . Ideal morphophysiologic stage for grafting cantaloupe ?Bônus no. 2?. In: International Symposium on Vegetable Grafting, 2011, VITERBO. PROGRAM & BOOK OF ABSTRACTS. VITERBO, 2011.

  • ITO, L. A. ; GAION, L. A. ; GALATTI, F. S. ; BRAZ, L. T. ; SANTOS, J. M. . Rootstocks Resistant to Root-knot Nematodes and Compatible for Grafting with Cantaloupe. In: International Symposium on Vegetable Grafting, 2011, Viterbo. Book of Abstract, 2011.

  • GALATTI, F. S. ; FRANCO, A. J. ; ITO, LETÍCIA AKEMI ; CHARLO, H. C.O. ; GAION, L. A. ; BRAZ, L. T. . Rootstocks Resistant to Meloidogyne incognita and Compatible for Grafting with Cantaloupe. In: International Symposium on Vegetable Grafting, 2011, Viterbo. Book of Abstract, 2011.

  • BRAZ, LEILA TREVISAN ; ITO, L. A. ; GAION, L. A. ; CAMARGO, M. . Rootstocks Resistant to Didymella bryoniae and Compatible for the Grafting with Cantaloupe. In: International Symposium on Vegetable Grafting, 2011, Viterbo. Book of Abstract, 2011.

  • Dos Santos, L. C. N. ; GAION, LA ; PRADO, R. M. ; Barreto R. F. ; CARVALHO, R. F. . Low auxin sensitivity of diageotropica tomato mutant alters nitrogen deficiency response. ANAIS DA ACADEMIA BRASILEIRA DE CIÊNCIAS (ONLINE) , 2019.

  • GAION, L. A. ; MUNIZ, J. ; Barreto R. F. ; CARVALHO, R. F. . GIBERELINA CONTROLA AS RESPOSTAS À DEFICIÊNCIA DE CÁLCIO. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • GAION, L. A. ; Baldo, A. ; Ferreira Júnior, D.C. ; D'AMICO-DAMIÃO, V. ; CARVALHO, R. F. . ETILENO CONTROLA O CRESCIMENTO DO TOMATEIRO EM CONDIÇÃO DE DÉFICIT HÍDRICO. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • GAION, L. A. ; Baldo, A. ; MONTEIRO, C. C. ; GAVASSI, M. A. ; PERES, L. E. P. ; CARVALHO, R. F. . USO DE UM MUTANTE EM ETILENO NA ENXERTIA DE TOMATEIRO PARA ESTUDAR A SINALIZAÇÃO DESTE HORMÔNIO ENTRE A RAIZ E A PARTE AÉREA DURANTE O DÉFICIT HÍDRICO. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GAION, L. A. . Absorção e transporte de água nas plantas. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GAION, L. A. . A CARREIRA ACADÊMICA APÓS A GRADUAÇÃO. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • GAION, L. A. ; DINIZ, G. M. M. ; RABELO, H. O. ; SANTOS, L. S. ; GOMES, R. F. ; BRAZ, L. T. . COMPATIBILIDADE ENTRE PORTA-ENXERTO E ENXERTO E SEUS EFEITOS NA PRODUÇÃO DO MELOEIRO RENDILHADO. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GAION, L. A. . O papel dos fitocromos no acúmulo de solutos compatíveis em tomateiro sob estresse hídrico. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • GAION, L. A. ; GAVASSI, M. A. ; CARVALHO, R. F. . O papel dos fitocromos no acúmulo de solutos compatíveis em tomateiro sob estresse hídrico. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • GAION, L. A. . CULTIVO DE PIMENTÃO E PIMENTA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; CAMARGO, M. ; BRAZ, L. T. . PODRIDÃO DE RAÍZES E COLO EM GENÓTIPOS DE CUCURBITÁCEAS. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; GALATTI, F. S. ; BRAZ, L. T. . COMPATIBILIDADE DE ACESSOS DE MALVACEAE RESISTENTES À MELOIDOGYNE INCOGNITA COM O QUIABEIRO 'SANTA CRUZ 47' E 'COLHE BEM IAC'. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; GALATTI, F. S. ; BRAZ, L. T. . DENSIDADE DE PLANTIO NA CULTURA DO QUIABEIRO. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; GALATTI, F. S. ; GOMES, R. F. ; CANDIDO, W. S. ; BRAZ, L. T. . PRODUÇÃO E QUALIDADE DO MELÃO RENDILHADO TIPO NET EM FUNÇÃO DE DIFERENTES PORTA-ENXERTOS. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GAION, L. A. ; LASMAR, O. ; LEITE, G. J. ; LORENCON, J. R. ; FERREIRA, M. C. . DEPÓSITO DE CALDA FITOSSANITÁRIA EM FOLHAS DE LARANJEIRA COM ADIÇÃO DE ADJUVANTES ANTES E APÓS CHUVA SIMULADA. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • GAION, L. A. ; LASMAR, O. ; LEITE, G. J. ; LORENCON, J. R. ; FERREIRA, M. C. . ÂNGULO DE CONTATO E TENSÃO SUPERFICIAL DE CALDAS FUNGICIDAS COM O USO DE ADJUVANTES. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • GAION, L. A. ; LASMAR, O. ; LEITE, G. J. ; LORENCON, J. R. ; FERREIRA, M. C. . RETENÇÃO DE CALDA CÚPRICA EM FOLHAS DA LARANJEIRA EM FUNÇÃO DO USO DE ADJUVANTES. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • GAION, L. A. . ENXERTIA DE HORTALIÇAS. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; MELO, D. M. ; BRAZ, L. T. . ESTÁGIO MORFOFISIOLÓGICO IDEAL PARA REALIZAÇÃO DA ENXERTIA USANDO O MELOEIRO 'BÔNUS N. 2'. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GAION, L. A. ; MELO, D. M. ; CHARLO, H. C.O. ; CASTOLDI, R. ; BRAZ, L. T. . MODIFICAÇÕES QUÍMICAS DO SUBSTRATO NO CULTIVO DO MELOEIRO RENDILHADO 'FANTASY'. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GAION, L. A. ; ITO, L. A. ; GALATTI, F. S. ; BRAZ, L. T. . IDEAL MORPHOPHYSIOLOGIC STAGE FOR GRAFTING CANTALOUPE 'BONUS N 2'. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

GAION, L. A. . Parecer de artigo científico à Scientia Horticulturae. 2019.

GAION, L. A. . Parecer de artigo científico à Revista Científica. 2017.

GAION, L. A. . Revista Brasileira de Fruticultura. 2016.

GAION, L. A. . Journal of Plant Growth Regulatiion. 2015.

GAION, L. A. . Plant Physiology and Biochemistry. 2015.

Gaion, Lucas Aparecido ; GAION, L. A. . Dia da Conservação do Solo. 2019. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

GAION, L. A. ; STANDELAI, L. ; GAION FILHO, A. . Aumento de 160% do greening na citricultura. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

GAION, L. A. ; CARVALHO, R. F. ; Dos Santos, D. M. M. . Anais do III Workshop de Estresse Abiótico em Plantas Cultivadas. 2017. (Editoração/Anais).

GAION, LUCAS APARECIDO . Microenxertia em Tomateiro e Cucurbitáceas. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    Levantamento fitossociológico e produção de forragem em pasto degradado de capim-braquiária, Descrição: O presente estudo será realizado com o objetivo de fazer o levantamento fitossociológico em um pasto de capim-braquiária (Urochloa decumbens) pastejado intensamente sem a realização de um correto manejo de fertilidade do solo. Para avaliação das características fitossociológicas e massa seca das plantas daninhas e da forrageira será utilizado o método do quadrado inventário, utilizando-se um quadrado de 0,25 m2, lançado ao acaso 40 vezes na pastagem, perfazendo uma área amostral de 10 m2. Assim, serão identificadas as espécies vegetais presentes na área amostral, bem como sua classificação quanto ao possível dano (planta forrageira, não-forrageira, daninha e tóxica). Também será avaliada a massa seca de cada espécie presente na área e sua contribuição para o total de massa seca produzida. Por fim, será feito o diagnóstico do estádio de degradação da pastagem.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Lucas Aparecido Gaion - Coordenador / RONAN GULABERTO - Integrante / Daniel De Bortoli Teixeira - Integrante / Isaias Natã - Integrante / Victor Simonelli - Integrante / Rodolfo Cláudio Spers - Integrante.

  • 2019 - Atual

    Efeito do sombreamento na produção de forrageiras, Descrição: Atualmente, a fim de obter maior sustentabilidade na produção agropecuária, tem sido cada vez mais comum e amplo o emprego de tecnologias que favoreçam um melhor aproveitamento das áreas de cultivo. Dessa forma, o sistema de integração lavoura pecuária (SILP) tem ganhado grande relevância dentro de um contexto de otimização da produção agrícola. Entretanto, é comum a redução na produção de biomassa de espécies forrageiras em função do sombreamento proporcionado pelas culturas e até mesmo morte pastagem em função do intenso sombreamento. Assim, nosso trabalho tem por objetivo avaliar a adaptabilidade de diferentes espécies forrageiras (Urochloa decumbens, Urochloa brizantha e Panicum maximum) sobre níveis de sombreamento (0; 30; 50; 70%). Será empregado o delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial 3x4, sendo três espécies forrageiras e quatro sombreamentos, com quatro repetições. Para tanto, as plantas serão semeadas e cultivadas em vasos dispostos sob telas que proporcionem os respectivos sombreamentos desejados. Ao final do ciclo, será avaliado a massa fresca, massa seca e teor de proteína bruta das plantas.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Lucas Aparecido Gaion - Coordenador / RONAN GULABERTO - Integrante / Daniel De Bortoli Teixeira - Integrante / Caroline da Silva Girotto - Integrante / Vitória Parra - Integrante / Rodolfo Cláudio Spers - Integrante., Financiador(es): Matsuda Sementes - Auxílio financeiro.

  • 2018 - Atual

    Delimitação de zonas de manejo específico em pastagens com base na suscetibilidade magnética, Descrição: No Brasil, grande parte das áreas destinadas a pastagens encontram-se degradas ou em estado de degradação. Tal fato faz com que o País, possuidor de um dos maiores rebanhos bovinos do mundo, apresente taxa de lotação animal extremamente baixa. Dentre os principais motivos destaca-se a falta de investimento por parte do produtor relacionada tanto a falta de recursos financeiros como a falta de informação. A reforma das pastagens apresenta um custo inicial alto, e embora apresente vantagens econômicas e ambientais, o retorno financeiro não é instantâneo. Uma alternativa para viabilizar este investimento é a reforma gradual das pastagens priorizando áreas mais aptas e com maior potencial produtivo. Embora pouco estudada para as pastagens, a identificação de áreas com diferentes potenciais produtivos é uma realidade comum em culturas agrícolas. Estas são baseadas em análises físicas e químicas do solo as quais novamente apresentam alto custo. A suscetibilidade magnética (SM) é um atributo pedoindicador do solo e está diretamente relacionado à mineralogia do mesmo, a qual coordena os atributos físicos e químicos do solo. Devido ao baixo custo em sua determinação, a SM passa a ser uma interessante alternativa para a definição das zonas de manejo nas pastagens. Diante do exposto, neste estudo objetiva-se identificar por meio da suscetibilidade magnética, zonas de manejos específico em pastagens. A área a ser avaliada, possui XX ha, localizando-se no município de Marília, São Paulo, Brasil. A área é situada sobre Arenitos da Formação Marília e Latossolo Vermelho Amarelo, apresentando um histórico de XX anos com pastagem de XXX. Serão coletadas 120 amostras georreferenciadas nas profundidades de 0-0,20 m e 0,20-0,40 m a fim de se determinar os valores da SM em baixa frequência. Nos mesmos locais, também serão avaliados a altura e massa seca das plantas. Posteriormente, serão conduzidas análises geoestatísticas por meio da modelagem do variograma e interpolação pela krigagem ordinária, a fim de estimar os padrões espaciais da SM, altura e massa seca na área. A identificação das zonas de manejo será baseada nos padrões espaciais dos três atributos avaliados. Dentre os resultados esperados destaca-se a compreensão das relações espaciais da SM e atributos da planta, a fim de possibilitar a utilização da técnica, caso seja bem sucedida, em outras áreas sem a necessidade da coleta de informações das plantas, aumentando a rapidez e diminuindo os custos relacionados ao processo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Lucas Aparecido Gaion - Integrante / RONAN GULABERTO - Integrante / Daniel De Bortoli Teixeira - Coordenador / Rodolfo Cláudio Spears - Integrante / Vanessa Mapelli - Integrante / Coroline da Silva Girotto - Integrante / Vitória Caroline Crispim Rosa Parra - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Efeito do tratamento com giberelina na resposta ao déficit hídrico, Descrição: Entre os estresses abióticos, o déficit hídrico é o principal fator limitante para a produção agrícola em todo o mundo. O déficit hídrico é inicialmente percebido pelas raízes, que devem sinalizar eficientemente a parte aérea, a fim de desencadear respostas à menor disponibilidade de de água. Neste estudo, o tomate (Solanum lycopersicum L.) cv. Micro-Tom (MT) será tratado com 50 mM de ácido giberélico (GA) enquanto a planta controle será pulverizada somente com água. Após o tratamento, as plantas de tomate serão reciprocamente enxertadas (i.e., MT / MT, MT + GA / MT + GA, MT + GA / MT, MT / MT + GA, a primeira indica a enxerto e a segunda indica o porta-enxerto). Em seguida, as plantas serão cultivadas sob condição irrigada e de déficit hídrico. Posteriormente será avaliado as características de crescimento e resposta ao déficit hídrico das plantas, a fim de fornecer maiores esclarecimentos sobre o papel da GA na comunicação entre raiz e parte aérea durante a redução da disponibilidade de água.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Lucas Aparecido Gaion - Coordenador / Rogério Falleiros Carvalho - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Gibberellin coordinates long-distance stomatal response to drought, Descrição: Drought stress is perceived initially by the roots that should efficiently signal the shoot in order to trigger responses to water deprivation. In this study, the tomato (Solanum lycopersicum L.) cv. Micro-Tom (MT) were treated with 50 mM of acid gibberellic (GA) and control plant were sprayed only with water. After the treatment, tomatoes plants were reciprocally grafted (i.e., MT/MT; MT+GA/MT+GA; MT+GA/MT; MT/MT+GA, the first indicates the scion, and the second indicates the rootstock). Then, plants were grown under well-watered and drought stress conditions to evaluate the role of GA in root-to-shoot communication during drought stress. Height, leaf and root area, dry weight, malondialdehyde, relative water content and stomatal conductance were measured. In order to verified if GA treated plants respond differentially to untreated plants.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Lucas Aparecido Gaion - Coordenador / Rogério Falleiros Carvalho - Integrante.

  • 2015 - 2018

    Envolvimento das giberelinas nas respostas à deficiência de cálcio em plantas de tomateiro, Descrição: Destacadamente, há fortes indícios que demonstram a participação das GAs no metabolismo do cálcio (Ca), principalmente com o surgimento de sintomas de deficiência deste nutriente nos frutos. Por exemplo, a aplicação de prohexadiona, um inibidor da biossíntese de GA, em macieiras (Malus domestica) cv. ?Fuji? e ?Catarina? reduziu significativamente o surgimento de ?bitter bit?, um distúrbio fisiológico em frutos de macieira associado à deficiência de Ca, enquanto a aplicação de GA3 aumentou o aparecimento deste distúrbio (Silveira et al., 2012). A regulação do metabolismo do cálcio pelas GAs pode estar associada ao controle do crescimento dos frutos, uma vez que as GAs aumentam o crescimento destes órgãos podendo comprometer a funcionalidade do xilema e/ou diluir o Ca presente no fruto e proporcionar o aparecimento de sintomas de deficiência (Miqueloto 2011). Da mesma maneira, o maior alongamento do caule promovido pelas GAs pode acarretar em maior competição entre os órgãos vegetativos e os frutos pelo Ca disponível (Cosgrove et al., 1989). Além disso, as GAs podem regular a atividade de transportadores de cálcio, Ca-ATPase, associados ao tonoplasto do vacúolo (Freitas e Mitcham 2010). Por isso, a presente proposta tem como objetivo estudar o papel das GAs no controle do metabolismo do Ca em plantas de tomateiro. Serão realizadas as seguintes análises de crescimento e bioquímicas: matéria seca de parte aérea e raiz, comprimento, densidade e área de raízes, área foliar, integridade da parede celular, clorofila, carotenoides e malondialdeído.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Lucas Aparecido Gaion - Coordenador / Rogério Falleiros Carvalho - Integrante / Jean Muniz - Integrante.

  • 2015 - 2017

    USO DE UM MUTANTE EM ETILENO NA ENXERTIA DE TOMATEIRO PARA ESTUDAR A SINALIZAÇÃO DESTE HORMÔNIO ENTRE A RAIZ E A PARTE AÉREA DURANTE O DÉFICIT HÍDRICO, Descrição: O déficit hídrico é uma das principais restrições para o cultivo de espécies agroeconômicas no mundo, e estimativas preveem que este se agravará ainda mais nos próximos anos em função das mudanças climáticas, causando maior frequência de eventos climáticos extremos, como mudança no regime de distribuição de chuvas, expansão das áreas áridas e incremento da salinidade. Por isso, o objetivo deste trabalho foi estudar o envolvimento do etileno na sinalização entre a raiz e a parte aérea durante o déficit hídrico. Para tanto, foi utilizado o tomateiro mutante Never ripe (Nr) que apresenta baixa sensibilidade ao hormônio vegetal etileno e o cultivar Micro-Tom (MT), os dois genótipos foram combinados por meio da técnica de enxertia por fenda cheia (MT; Nr; MT/MT; Nr/Nr; MT/Nr; Nr/MT) e plantas sem enxertia de ambos os genótipos como testemunha. As plantas foram semeadas em bandejas de poliestireno e preenchidas com substrato comercial e vermiculita expandida 1:1 (v/v), após 20 dias as plantas foram enxertadas e acondicionadas em câmara úmida até a completa cicatrização da região da enxertia. Então, as plantas enxertadas foram transplantadas para vasos de 350 mL preenchidos com o mesmo substrato usado na semeadura. Para gerar o déficit hídrico foi feita reposição de apenas de 20% da capacidade de campo durante sete dias e o controle recebeu 100% da capacidade de campo ao longo do ciclo. Foram avaliados, massa seca da parte aérea, área foliar, altura, clorofilas e carotenoides.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Lucas Aparecido Gaion - Coordenador / Rogério Falleiros Carvalho - Integrante / Anieli Baldo - Integrante / Victor D'Amico Damião - Integrante.

  • 2015 - Atual

    É o óxido nítrico parte da via de sinalização dos jasmonatos nas respostas ao estresse induzido por ultravioleta-B?, Descrição: A incidência cada vez maior de comprimentos de onda bastante energéticos (e. g. ultravioleta-B; UV-B) sobre a atmosfera terrestre, em decorrência da degradação da camada de ozônio, se constitui em um importante fator estressor às plantas, enquanto evidências indicam a participação do ácido jasmônico (JA) e do óxido nítrico (NO) nas respostas vegetais ao UV-B. Dessa forma, o objetivo do presente trabalho é estudar a participação do óxido nítrico na via de sinalização do ácido jasmônico nas respostas induzidas pela radiação UV-B. Para tanto, serão realizados dois experimentos: i) plântulas de tomateiro (cv. Micro-Tom ou MT) serão tratadas com NO, JA ou Ibuprofeno (inibidor de JA), sendo que os dois últimos serão empregados isoladamente ou em conjunto com o NO para que possam ficar expostos à luz branca ou UV-B; ii) será utilizado o mutante jasmonic acid insensitive (jai1), bem como MT na exposição à luz branca ou UV-B concomitante à aplicação de NO. Dessa forma, serão analisadas as seguintes respostas em ambos os experimentos: (1) análise do crescimento: (1.1) massa seca, (1.2) comprimento, (1.3) área e (1.4) densidade das raízes, (1.5) massa seca da parte aérea, (1.6) alongamento do hipocótilo, (1.7) e área cotiledonar; (2) análises bioquímicas: (2.1) teores de clorofilas e carotenoides, (2.2) acúmulo de antocianinas e (2.3) malondialdeído.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Lucas Aparecido Gaion - Integrante / Rogério Falleiros Carvalho - Coordenador / Anieli Baldo - Integrante.

  • 2011 - 2013

    Seleção de porta-enxertos resistentes ao Fusarium spp e seus efeitos na produção do meloeiro rendilhado, Descrição: O desenvolvimento deste projeto tem por objetivo a seleção de porta-enxertos resistentes ao Monosporascus cannonballus e os efeitos de cada porta-enxerto na produção do meloeiro rendilhado. Para tanto, o projeto será dividido em dois ensaios. No Ensaio I será realizada a seleção dos porta-enxertos resistentes ao Fusarium spp. Serão testados 31 genótipos de cucurbitáceas visando resistência ao patógeno por meu do cultivo das plantas por 60 dias em substrato infestado artificialmente. As mudas serão avaliadas por meio de uma escala de notas baseada na evolução dos sintomas de murcha vascular e descoloração vascular. O Ensaio II será realizado para avaliar os efeitos dos porta-enxertos que se destacarem como resistentes no Ensaio I, sobre a produção do meloeiro rendilhado em duas épocas de cultivo. Os porta-enxertos serão enxertados com meloeiro rendilhado ?Bônus n° 2? e ?Fantasy? e o tipo de enxertia será fenda-cheia. Serão avaliadas as seguintes características: porcentagem de pegamento no momento do transplantio, altura das plantas, diâmetro da região da enxertia, produção total (kg m-2), massa do fruto (kg), diâmetro médio transversal e longitudinal do fruto (mm); índice de formato do fruto, diâmetro médio transversal e longitudinal do lóculo (mm), índice de formato do lóculo, espessura da polpa (mm), coloração da polpa, rendilhamento da casca, sólidos solúveis (SS), acidez titulável (AT), índice de maturação (SS/AT), firmeza da polpa e vitamina C. Após a condução do Ensaio II em duas épocas de cultivo, será realizada a análise conjunta, através da análise de variância e teste de Tukey (5%).. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) . , Integrantes: Lucas Aparecido Gaion - Coordenador / Leticia Akemi Ito - Integrante / Leila Trevisan Braz - Integrante / MARGARETE CAMARGO - Integrante.

  • 2011 - 2012

    Influência do espaçamento entre linhas e entre plantas no desenvolvimento e produção do quiabeiro, Descrição: O desenvolvimento do quiabeiro é muito afetado pelo espaçamento que estas são expostas, influenciando a sua arquitetura, produção e qualidade dos frutos, por isso o objetivo deste trabalho é avaliar a influência do espaçamento entre linhas e entre plantas no desenvolvimento e produtividade sobre as cultivares de quiabeiro 'Santa Cruz 47' e 'Colhe Bem'. O experimento será conduzido no delineamento de blocos casualizados com 16 tratamentos e três repetições em esquema fatorial 2x4x2, sendo dois espaçamentos entre linhas 100 e 120 cm, quatro espaçamentos entre plantas 10, 20, 30 e 40 cm e duas cultivares 'Santa Cruz 47' e 'Colhe Bem'.A área experimental será constituída por 24 plantas, distribuídas em três linhas de oito plantas. A linha central será considerada a área útil excluindo a primeira e a ultima planta. As sementes serão semeadas em bandejas de poliestireno expandido de 128 células preenchidas com substrato comercial. As mudas serão transplantadas quando apresentarem de três a quatro folhas definitivas. As colheitas vão ser realizadas de duas a três vezes por semana, de acordo com a necessidade. Características a serem avaliadas: a) altura das plantas no inicio e no fim do período produtivo; b) número de ramos ao fim do período produtivo; c) altura de inserção do primeiro fruto; d) número e massa de frutos por planta; e) comprimento do fruto; f) produtividade por hectare de frutos comerciais e não comerciais. Os dados serão submetidos a analise de variância (Teste de F) e quando detectado significância será realizada análise de regressão.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) . , Integrantes: Lucas Aparecido Gaion - Coordenador / Leticia Akemi Ito - Integrante / Leila Trevisan Braz - Integrante.

  • 2010 - 2010

    Estádio morfofisiológico ideal do meloeiro rendilhado para realização da enxertia, Descrição: O cultivo intensivo do meloeiro em ambiente protegido tem causado o surgimento de sérios problemas relacionados à patógenos de solo, tornando necessário o emprego da enxertia como alternativa de manejo nesse ambiente. O objetivo com o presente trabalho foi a determinação do estádio morfofisiológico do meloeiro ?Bônus n° 2? ideal para a realização da enxertia pelo método da fenda cheia utilizando como porta-enxerto o hibrido de abóbora ?Shelper? e sua influência sobre o pegamento, produtividade e qualidade dos frutos. Utilizou-se o delineamento de blocos ao acaso com cinco tratamentos e cinco repetições, cada parcela foi constituída por oito plantas. Os tratamentos constaram de quatro diferentes estádios de desenvolvimento de mudas do meloeiro rendilhado: folhas cotiledonares desenvolvidas; primeira folha em desenvolvimento; segunda folha em desenvolvimento; duas folhas desenvolvidas e da testemunha sem o uso de enxertia. As plantas não enxertadas obtiveram os melhores valores de rendilhamento da casca, espessura da casca e sólidos solúveis. Quando comparado os tratamentos onde houve o emprego da enxertia não ocorreu diferença significativa entre as características avaliadas. Se houver necessidade de enxertia em função de patógenos de solo e salinidade, a utilização de enxertos com a primeira folha em desenvolvimento é recomendada uma vez que não apresenta diferença com as plantas não enxertadas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Lucas Aparecido Gaion - Coordenador / Leticia Akemi Ito - Integrante / Leila Trevisan Braz - Integrante., Número de produções C, T & A: 4

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2011

HONRA AO MÉRITO, UNIVERSIDADE DE MARÍLIA.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade de Marília, Centro de Ciências Agrárias. , Av. Higino Muzi Filho, Mirante, 17525902 - Marília, SP - Brasil, Telefone: (014) 21054000, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional