Núbia Carla Moreira Borges

Graduanda em Ciências Biológicas pela UFMT, com experiência na área de Parasitologia, com ênfase em Entomologia e Malacologia de Parasitos e Vetores.

Informações coletadas do Lattes em 18/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Ciências Biológicas

2013 - Atual

Universidade Federal de Mato Grosso

Ensino Médio (2º grau)

1999 - 2001

Escola Coronel Jeronimo Gomes

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2014 - 2014

Identificação de flebotomíneos. (Carga horária: 40h). , Secretaria de Estado De Saúde de Mato Grosso.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Parasitologia / Subárea: Entomologia e Malacologia de Parasitos e Vetores.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Márcia Cristina Pascotto

Bolsista PIBID; 2018; Orientação de outra natureza; (Licenciatura Em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Mato Grosso, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia Cristina Pascotto;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • BORGES, N. C. M. ; MORAES, S. C. ; ALEXANDRE, T. N. ; SANTOS, L. H. M. ; NASCIMENTO, T. B. ; SOUZA, L. S. P. ; OLIVEIRA, T. . Fauna de flebotomíneos em área de cerrado Rupestre adjacente a área urbana no município de Barra do Garças-MT. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2013 - Atual

    Ecoepidemiologia da Leishmaniose Visceral e Leishmaniose Tegumentar Americana com foco em determinantes biológicos e sociais envolvidos na transmissão de Leishmania ssp. em regiões endêmicas no município de Barra do Garças, estado de Mato Grosso, Brasil, Descrição: Estudos que visam à identificação de forma detalhada dos fatores de risco e seus respectivos determinantes sociais e biológicos são de extremo valor na busca de estratégias mais eficientes e específicas de controle da transmissão da Leishmaniose Visceral-LV e Leishmaniose Tegumentar Americana-LTA . Contudo existem várias lacunas na identificação específica dos fatores de risco e seus determinantes, sendo esses responsáveis pela franca expansão da doença. Esses determinantes (biológicos e sociais) favorecem a presença da fauna flebotôminica em locais periurbanos e urbanos, e essa é condição essencial para a transmissão da doença, seja da forma visceral, cutâneo /cutâneomucosa. Estudos prévios em Mato Grosso identificaram várias espécies de flebotomíneos envolvidas na transmissão de Leishmania. O objetivo central do estudo é determinar, quantificar e avaliar possíveis determinantes sociais e biológicos que favoreçam a transmissão das Leishmanioses em Barra do Garças-MT. O projeto contribuirá com a elucidação do padrão de transmissão da doença, subsidiando os órgãos de saúde pública, do meio ambiente, serviço social, urbanísticos e a comunidade local e acadêmica quanto a vigilância e controle das leishmanioses e possibilitará a inovação de medidas de proteção e promoção da saúde no Estado de Mato Grosso, podendo ser expandida para outros estados. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Núbia Carla Moreira Borges - Coordenador / Sinara Cristina de Moraes - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional