Adriana Maria Barsante Santos

Fisioterapeuta, graduada pela Universidade de São Paulo (2005). Especialista em Fisioterapia aplicada à Neurologia pela USP. Mestre em Ciências da Reabilitação pela Faculdade de Medicina da USP e revisor da Revista Fisioterapia e Pesquisa da USP. Tem experiência clínica na área de Fisioterapia, atuando, principalmente, na área de neurologia infantil e adulto, nos âmbitos hospitalar e ambulatorial. Pesquisa científica sobre a síndrome da Fibromialgia e exercícios domiciliares para pacientes com acidente vascular encefálico.

Informações coletadas do Lattes em 23/10/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Ciências da Reabilitação

2007 - 2010

Universidade de São Paulo
Amélia Pasqual Marques.

Especialização em Fisioterapia em Neurologia

2006 - 2007

Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP
Orientador: Tatiana de Paula Oliveira

Graduação em Fisioterapia

2002 - 2005

Universidade de São Paulo
Orientador: Amélia Pasqual Marques
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2008 - 2008

II CURSO INTRODUTÓRIO À LIGA DE OSTEOPOROSE. (Carga horária: 6h). , Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

2007 - 2007

POSTURAL BALL. (Carga horária: 20h). , Federação Nacional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional.

2007 - 2007

REEDUCAÇÃO POSTURAL GLOBAL - RPG-EPI. (Carga horária: 180h). , Federação Nacional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional.

2006 - 2006

DRENAGEM LINFÁTICA MANUAL- ATUAÇOES FISIOTERAPIA. (Carga horária: 30h). , Clínica Carolina Setti.

2004 - 2005

Extensão universitária em Liga de Medicina Esportiva. (Carga horária: 279h). , Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Fisioterapia e Terapia Ocupacional.

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Fisioterapia e Terapia Ocupacional / Subárea: Neurologia.

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Fisioterapia e Terapia Ocupacional / Subárea: Reumatologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

XIII Congresso latinoamericano de Fisioterapia e Kinesiologia. Incontinência urinária em idosos da cidade de São Paulo, Brasil. 2010. (Congresso).

5th World Congress Institute of Pain- WIP. Musculoskeletal pain in the healthy elderly population. 2009. (Congresso).

XXVII Congresso Brasileiro de Reumatologia. Prevalência de Fibromialgia e qualidade de vida de uma população de idosos saudáveis em região de São Paulo. 2008. (Congresso).

38th Annual Meeting of the International Continence Society. Prevalence of Urinary Incontinence in Men and Women aged 65 and over in the city of São Paulo, Brazil. 2008. (Congresso).

Progress in Motor Control- VI- Brazil. Impact of home-exercise program for stroke patients on functional performance. 2007. (Congresso).

XVII Congresso Brasileiro de Fisioterapia- Cobraf. Presença e caracterização da dor na população idosa do Butantã - São Paulo. 2007. (Congresso).

Annual European Congress of Rheumatology EULAR. Depression and quality of life in patients with fibromyalgia. 2005. (Congresso).

XIII Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP, SIICUSP.Validação da versão brasileira do Fibromylagia Impact Questionnaire (FIQ). 2005. (Simpósio).

XXV Congresso Brasileiro de Reumatologia. Avaliação da qualidade de vida e depressão em pacientes com fibromialgia. 2004. (Congresso).

XII Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP, SIICUSP.Qualidade de vida e depressão em pacientes com fibromialgia. 2004. (Simpósio).

XII Simpósio de Fisioterapia da Universidade Federal de São Carlos (Ufscar).Qualidade de vida e depressão em pacientes com fibromialgia. 2004. (Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Thaís Baldusco da Silva e Norma Suely da Silva Roque

SANTOS, A.M.B. Elaboração de uma cartilha para alívio da dor de pacientes que esperam por um atendimento fisioterapêutico. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fisioterapia) - Universidade de Santo Amaro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Elizabeth alves Gonçalves Ferreira

FERREIRA, E. A. G.; JOÃO, S.M.A.; CASAROTTO, R. A.. Prevalência da fibromialgia em população de idosos e relação com a osteoporose. 2009. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Ciências da Reabilitação) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Amélia Pasqual Marques

MARQUES, A. P.. Prevalência da fibromialgia em população de idosos e relação com a osteoporose.. 2010. Dissertação (Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Universidade de São Paulo.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Rosa Maria Rodrigues Pereira

Prevalência de osteoporose, fraturas vertebrais e não vertebrais em uma população de 65 anos ou mais na área do Butantã; 2007; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Rosa Maria Rodrigues Pereira;

Amélia Pasqual Marques

Prevalência da fibromialgia em população idosa e a relação com a osteoporose; 2010; Dissertação (Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Universidade de São Paulo,; Orientador: Amélia Pasqual Marques;

Amélia Pasqual Marques

Validação da versão Brasileira do Fibromyalgia Impact Questionnaire (FIQ); 2005; 25 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Fisioterapia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Amélia Pasqual Marques;

Amélia Pasqual Marques

Validação da versão Brasileira do Fibromyalgia Impact Questionnaire (FIQ); 2005; 25 f; Iniciação Científica; (Graduando em Fisioterapia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Amélia Pasqual Marques;

Amélia Pasqual Marques

Avaliação da depressão e qualidade de vida em pacientes com fibromialgia; 2004; 42 f; Iniciação Científica; (Graduando em Fisioterapia) - Universidade de São Paulo; Orientador: Amélia Pasqual Marques;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • Barsante Santos, Adriana M. ; Burti JS ; Lopes JB ; Scazufca M ; Marques AP ; Pereira RMR . Prevalence of fibromyalgia and chronic widespread pain in community-dwelling elderly subjects living in São Paulo, Brazil. Maturitas (Amsterdam) , v. 67, p. 251-255, 2010.

  • SANTOS, A.M.B ; Assumpção A ; Matsutani LA ; Pereira CAB ; Lage LV ; Marques AP . Depressão e qualidade de vida em pacientes com Fibromialgia. Revista Brasileira de Fisioterapia (Impresso) , v. 10, p. 317-324, 2006.

  • Marques AP ; SANTOS, A.M.B ; Assumpção A ; Matsutani LA ; Lage LV ; Pereira CAB . Validação da versão brasileira do Fibromyalgia Impact Questionnaire (FIQ). Revista Brasileira de Reumatologia (Impresso) , v. 46, p. 24-31, 2006.

  • BURTI, J. S. ; SANTOS, A.M.B ; MARQUES, A. P. ; PEREIRA, R. M. R. . Incontinência urinária em idosos da cidade de São Paulo, Brasil. In: XIII Congresso latinoamericano de Fisioterapia e Kinesiologia, 2010, Santiago, Chile. XIII Congresso latinoamericano de Fisioterapia e Kinesiologia, 2010.

  • MARQUES, A. P. ; SANTOS, A.M.B ; BURTI, J. S. ; PEREIRA, R. M. R. . Musculoskeletal pain in the healthy elderly population. In: 5th World Congress Institute of Pain- WIP, 2009, New York. Pain Pratice, 2009. v. 9. p. 137-137.

  • SANTOS, A.M.B ; BURTI, J. S. ; PEREIRA, R. M. R. ; ASSUMPCAO, A. ; MARQUES, A. P. . Prevalência de Fibromialgia e qualidade de vida de uma população de idosos saudáveis em região de São Paulo. In: XXVII Congresso Brasileiro de Reumatologia, 2008, Macéio. Revista Brasileira de Reumatologia, 2008. v. 48. p. 268-268.

  • BURTI, J. S. ; SANTOS, A.M.B ; MARQUES, A. P. ; PEREIRA, R. M. R. . Prevalence of Urinary Incontinence in Men and Women aged 65 and over in the city of São Paulo, Brazil.. In: 38th Annual Meeting of the International Continence Society, 2008, Cairo-Egito. 38th Annual Meeting of the International Continence Society, 2008.

  • SANTOS, A.M.B ; Oliveira TP ; Piemonte, MEP . Impact of home-exercise program for stroke patients on functional performance. In: Progress in Motor Control- VI- Brazil, 2007, Santos. Motor Control, 2007.

  • SANTOS, A.M.B ; BURTI, J. S. ; PEREIRA, R. M. R. ; MARQUES, A. P. . Presença e aracterização da dor na população idosa do Butantã - São Paulo. In: XVII Congresso Brasileiro de Fisioterapia- Cobraf, 2007, São Paulo. Revista Brasileira de Fisioterapia, 2007.

  • Marques AP ; Matsutani, LA ; SANTOS, A.M.B ; Assumpção A . Depression and quality of life in patients with fibromyalgia. In: Annual European Congress of Rheumatology EULAR, 2005, Viena. Depression and quality of life in patients with fibromyalgia, 2005. v. 64. p. 588-588.

  • SANTOS, A.M.B ; Assumpção A ; Matsutani LA ; Marques AP . Validação da versão brasileira do Fibromylagia Impact Questionnaire (FIQ). In: XIII Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP, SIICUSP, 2005, Ribeirão Preto. Anais do 13º Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP, 2005.

  • SANTOS, A.M.B ; ASSUMPCAO, A. ; Matsutani, LA ; MARQUES, A. P. . Avaliação da qualidade de vida e depressão em pacientes com fibromialgia. In: XXV Congresso Brasileiro de Reumatologia, 2004, Rio de Janeiro. Revista Brasileira de Reumatologia, 2004. v. 44.

  • SANTOS, A.M.B ; ASSUMPCAO, A. ; Matsutani, LA ; MARQUES, A. P. . Qualidade de vida e depressão em pacientes com fibromialgia. In: XII Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP, SIICUSP, 2004, Ribeirão Preto. Anais do 12ºI Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP, 2004.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2007 - 2010

    Prevalência da fibromialgia em população de idosos e relação com a osteoporose, Descrição: OBJETIVOS: avaliar a prevalência da fibromialgia (FM) e dor crônica difusa (DDC) na população idosa e o impacto na qualidade de vida pelo Questionário do Impacto da Fibromialgia (QIF); e a possível associação desta síndrome com a osteoporose. IMPLICAÇÕES: no que tange o estudo de prevalência da FM, atenção é dada principalmente à população adulta, de 30 a 60 anos. Considerando o envelhecimento da população e a, conseqüente, representatividade dos idosos na sociedade faz-se necessário conhecer a prevalência desta síndrome nesta faixa etária e e o impacto na qualidade de vida. Além disso, considerando que a FM é, frequentemente, associada a baixo nível de atividade física e sedentarismo, um estudo relacionando FM e osteoporose é viável.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Adriana Maria Barsante Santos - Coordenador / Amélia Pasqual Marques - Integrante / Rosa maria Rodrigues Pereira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2006 - 2007

    Prevalência de Fibromialgia na população idosa do Butantã, São Paulo, Descrição: OBEJETIVO: Avaliar a prevalência de fibromialgia (FM) e dor crônica difusa (DCD) e impacto da qualidade de vida pelo Questionário do Impacto da Fibromialgia (QIF) e verificar a associação dos domínios deste questionário com número de tender points e limiar de dor em idosos residente na região do Butantã, São Paulo. CONCLUSÃO: A prevalência da fibromialgia foi ligeiramente mais alta e a da dor crônica e difusa foi semelhante a outros estudos. O impacto na qualidade de vida foi maior no grupo FM, seguidos pelo DCD, Dor Localizada e Sem Dor. Quanto maior o número de tender points positivos e menor o limiar de dor, maior a ocorrência dos sintomas avaliados no QIF. IMPLICAÇÕES: No que tange a pesquisa de prevalência da fibromialgia, atenção é dada principalmente à população adulta, de 30 a 60 anos. Considerando o envelhecimento da população e a, conseqüente, representatividade dos idosos na sociedade faz-se necessário conhecer a prevalência desta síndrome nesta faixa etária e no Brasil e o impacto na qualidade de vida.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Adriana Maria Barsante Santos - Coordenador / Amélia Pasqual Marques - Integrante / Juliana Schulze Burti - Integrante / Rosa maria Rodrigues Pereira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa., Número de produções C, T & A: 2

  • 2006 - 2007

    Elaboração e avaliação de um manual ilustrado de exercícios domiciliares para pacientes com hemiparesia secundária ao acidente vascular encefálico (AVE), Descrição: OBJETIVOS: elaborar e avaliar um manual de exercícios domiciliares para pacientes com AVE. CONCLUSÃO: Foi possível obter um manual ilustrado de exercícios domiciliares, de fácil aplicação e reprodução, específico para pacientes com seqüelas de AVE e adaptável aos diferentes quadros motores. IMPLICAÇÕES:A realização de exercícios físicos para pacientes com seqüelas motoras pós-AVE é essencial para a recuperação funcional. Programas educacionais podem facilitar a repetição dos exercícios em casa e contribuir no tratamento.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Adriana Maria Barsante Santos - Coordenador / Tatiana de Paula Oliveira - Integrante / Maria Elisa Pimentel Piemonte - Integrante.

  • 2005 - 2005

    Validação da versão brasileira do Fibromyalgia Impact Questionnaire (FIQ), Descrição: OBJETIVO: Desenvolver uma versão transcultural do Fibromyalgia Impact Questionnaire (FIQ) para a população brasileira e analisar sua validade e eficácia quando aplicado em pacientes com fibromialgia. MÉTODOS: Baseados nas orientações de Guillemin et al(22), foram convidados quatro professores de língua inglesa, um reumatologista e dois fisioterapeutas. O procedimento seguiu as etapas: tradução inicial por dois professores de inglês, avaliação das duas traduções para uma versão única, versão para a língua inglesa por dois professores de inglês nativos, reunião de consenso com dois professores de inglês, reumatologista e fisioterapeutas para versão teste, avaliação da equivalência cultural, versão final, avaliação da confiabilidade e reprodutibilidade. CONCLUSÃO: A versão brasileira do FIQ, o QIF, mostrou ser um instrumento válido e confiável para medir a capacidade funcional e o estado de saúde de pacientes brasileiros com FM. IMPLICAÇÕES: As adaptações socioculturais são de fundamental im portância para que se possa aproveitar todas as questões do instrumento, visando a análise da qualidade de vida em pacientes com FM, podendo ser utilizada como auxílio no diagnóstico e tratamento da doença.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Adriana Maria Barsante Santos - Coordenador / Amélia Pasqual Marques - Integrante / Ana Assumpção - Integrante / Carlos Alberto Bragança Pereira - Integrante / Lais V. Lage - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa., Número de produções C, T & A: 3

  • 2003 - 2004

    Qualidade de vida e Depressão em pacientes com fibromialgia, Descrição: OBJETIVO: avaliar a depressão e a qualidade de vida de pacientes com fibromialgia e avaliar o poder de discriminação de instrumentos relacionados a esses aspectos. MÈTODO: Para avaliar a qualidade de vida foram utilizados dois instrumentos: um específico, o Fibromyalgia Impact Questionnaire (FIQ) e outro genérico, o Medical Outcomes Study 36-item Short-Form Healthy Survey (SF-36); para avaliar a depressão, a Escala de Depressão de Beck. (BDS). CONCLUSÃO: O grupo de pacientes com fibromialgia tem pior qualidade de vida quando comparado com o grupo controle. Comparando os três questionários todos são eficientes em suas propostas, tendo o FIQ o maior poder discriminatório entre o grupo teste do grupo controle. IMPLICAÇÕES: considerando que uma avaliação correta e completa pode contribuir em diferentes formas de abordagemaos pacientes com fibromialgia, .é fundamental encontrar formas efetivas de avaliação do seus sintomas e do impacto na qualidade de vida.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Adriana Maria Barsante Santos - Coordenador / Amélia Pasqual Marques - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 3

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2005

PRÊMIO PROFA. DRA. ODETE DE FÁTIMA SALLAS DURIGON, Curso de Fisioterapia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2008 - 2010

    Associação Cruz Verde

    Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Fisioterapeuta, Carga horária: 30

    Outras informações:
    Serviço realizado Atendimento de crianças portadoras de Paralisia Cerebral grave em Ambulatório, Hospital, Hospital-Dia e Hidroterapia, envolvendo fisioterapia motora e respiratória..

  • 2006 - 2006

    Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Fisioterapeuta

    Outras informações:
    Palestra ministrada no XI Curso Introdutório à Liga de Neurocirurgia da Faculdade de Medicina da USP: ATUAÇÃO DA FISIOTERAPIA EM NEUROLOGIA / NEUROCIRURGIA