Gabriel Tezolim

Possui graduação em Biomedicina pela Universidade Estadual de Maringá (2015) e mestrado em Ciências Fisiológicas pela Universidade Estadual de Maringá (2019).

Informações coletadas do Lattes em 27/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Ciências Fisiológicas

2017 - 2019

Universidade Estadual de Maringá
Título: O tratamento crônico com esteviosídeo reduz a adiposidade em camundongos com obesidade induzida por MSG,Ano de Obtenção: 2019
Sidney Barnabé Peres.Palavras-chave: Obesidade; Adipogênese; Stevia rebaudiana.Grande área: Ciências Biológicas

Graduação em Biomedicina

2012 - 2015

Universidade Estadual de Maringá
Título: Microbiota das mãos: métodos microbiológicos tradicionais de estudo.
Orientador: Celso Luiz Cardoso

Ensino Médio (2º grau)

2007 - 2010

Regina Mundi

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Fisiologia / Subárea: Fisiologia Geral.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia / Subárea: Microbiologia Aplicada/Especialidade: Microbiologia Médica.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

IV Simpósio Paranaense de Fisiologia Integrativa e do Exercício.O tratamento crônico com esteviosídeo reduz a adiposidade em camundongos com obesidade induzida por MSG. 2019. (Simpósio).

IV Simpósio Paranaense de Fisiologia Integrativa e do Exercício. 2019. (Simpósio).

II Simpósio Paranaense de Fisiologia Integrativa e do Exercício. 2017. (Simpósio).

24. Encontro Anual de Iniciação Cientifica e 4. Encontro Anual de Iniciação Científica Junior. 2015. (Encontro).

24. Encontro Anual de Iniciação Cientifica e 4. Encontro Anual de Iniciação Científica Junior.Estudo preliminar da padronização da técnica de deslizamento dos dedos em ágar nutriente para estudo da microbiota das mãos.. 2015. (Encontro).

I Semana Acadêmica de Biomedicina de Maringá e I Encontro Paranaense de Biomedicina. 2013. (Encontro).

II Semana Acadêmica de Biomedicina-UEM. 2012. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Celso Luiz Cardoso

Microbiota das mãos: métodos microbiológicos tradicionais de estudo; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Universidade Estadual de Maringá; Orientador: Celso Luíz Cardoso;

Celso Luiz Cardoso

Estudo preliminar da padronização da técnica de deslizamento dos dedos em ágar nutriente para estudo da microbiota das mãos; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Universidade Estadual de Maringá, PIBIC/CNPq-FA-UEM; Orientador: Celso Luíz Cardoso;

Sídney Barnabé Peres

O TRATAMENTO CRÔNICO COM ESTEVIOSÍDEO REDUZ A ADIPOSIDADE EM CAMUNDONGOS COM OBESIDADE INDUZIDA POR MSG; 2019; Dissertação (Mestrado em Ciências Fisiológicas) - Universidade Estadual de Maringá,; Orientador: Sidney Barnabé Peres;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • NASCIMENTO, W. M. ; TEZOLIM, G. ; MIAZIMA, E. S. ; GARBUGGIO, C. V. ; CARVALHO, N. A. ; CLOVIS, L. R. ; SCAPIM, C. A. ; CARDOSO, C. L. . Avaliação preliminar da padronização da técnica de deslizamento dos dedos em ágar nutriente para estudos da microbiota transitória das mãos. Journal of Infection Control , v. 3, p. 202-202, 2014.

  • GARCIA, D. B. ; SILVA, S. R. B. ; TEZOLIM, G. ; BASTOS, R. L. ; VERGA, L. M. ; CARDOSO, C. L. . Fricção antisséptica das mãos: Eficácia do álcool etílico 70% (p/p) na remoção de S. aureus dos punhos artificialmente contaminados. Journal of Infection Control , v. 1, p. 225-226, 2012.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - 2019

    O tratamento crônico com esteviosídeo reduz a adiposidade em camundongos com obesidade induzida por MSG, Descrição: O tecido adiposo branco, além de sua função como reservatório energético, produz e secreta uma diversidade de substâncias que participam da regulação de vários processos metabólicos. A obesidade hipertrófica está associada a um quadro inflamatório crônico e sistêmico, que predispõe à resistência à insulina e ao desenvolvimento do diabetes mellitus tipo 2 e aumento do risco de doenças cardiovasculares. O principal responsável por este cenário é seguramente a disfunção do tecido adiposo, cuja situação é caracterizada por uma alterada expressão de genes adipocitários, uma elevada produção e liberação de citocinas pró-inflamatórias e ácidos graxos a partir dos adipócitos. Poucas são as opções nutricionais e farmacológicas disponíveis para o tratamento da obesidade que visem a redução da massa adiposa e a normalização do metabolismo adipocitário, o que levaria a normalização de muitos dos efeitos adversos da obesidade. Dessa forma, este estudo teve como objetivo avaliar os efeitos do tratamento crônico com esteviosídeo sobre a adiposidade de camundongos com obesidade induzida por glutamato monossódico (MSG). Camundongos machos da linhagem Swiss foram induzidos a obesidade por MSG no período neonato e tratados da 4 a 8 semana de vida com esteviosídeo ou água, por gavagem gastro-esofágica. Ao fim do tratamento, o sangue foi coletado para obtenção do plasma para análises bioquímicas e os tecidos adiposos periepididimal, retroperitoneal, mesentérico e subcutâneo foram coletados e pesados. O tecido adiposo periepididimal foi utilizado para a avaliação da expressão proteica dos genes adipocitários PPAR, aP2, perilipina e HSL. Os camundongos tratados com esteviosídeo apresentaram redução na massa adiposa, uma discreta redução na trigliceridemia e uma recuperação na expressão de proteínas adipocitárias chaves: PPAR, aP2 e perilipina, quando comparado com os controles. Portanto, o tratamento com esteviosídeo em camundongos induzidos à obesidade por MSG foi efetivo para à redução da adiposidade.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Gabriel Tezolim - Integrante / Sidney Barnabé Peres - Coordenador.

  • 2015 - 2015

    Padronização da técnica de deslizamento dos dedos em ágar nutriente para estudo da microbiota transitória das mãos (klebisiela, acinetobacter e pseudomonas)., Descrição: A técnica de deslizamento dos dedos na superfície de ágar nutriente em placa, devido sua facilidade de execução, é utilizada em estudos quantitativos para investigar a contaminação das mãos dos profissionais da saúde. Entretanto, ela não está ainda padronizada para estudos quantitativos. O objetivo do presente estudo foi a padronização da técnica de deslizamento dos dedos na superfície de ágar nutriente para avaliar o grau de contaminação das mãos pela microbiota transitória, utilizando como microorganismos testes Klebisiella pneumoniae, Acinetobacter baumanni e Pseudomonas aeurinosa, todos provenientes de coleção de cultura. Para isso, os microorganismos testes foram inoculados nas mãos de seis voluntários humanos, e posteriormente recuperados pela técnica de deslizamento dos dedos (método proposto) e dos túbulos com pérolas (método de referência), sendo que a análise estatística dos resultados foi feita utilizando o coeficiente de correlação de Sperman (rho). Houve correlação entre as técnicas testadas, encontrando-se um rho de 0,89 para Klebisiella pneumoniae, 0,95 para Acinetobacter baumanni e 0,54 para Pseudomonas aeruginosa. Tais resultados demonstram que de fato existe uma correlação entre as duas técnicas testadas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Gabriel Tezolim - Integrante / Celso Luiz Cardoso - Coordenador / Carolina Veronêz Garbúggio - Integrante.

  • 2014 - 2015

    Estudo preliminar da padronização da técnica de deslizamento dos dedos em ágar nutriente para estudo da microbiota das mãos., Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Celso Luíz Cardoso em 26/02/2018., Descrição: O objetivo do presente estudo foi propor uma adaptação da técnica de deslizamento dos dedos na superfície de ágar nutriente, na tentativa de padronizá-la para avaliar o grau de contaminação das mãos. Os microorganismos testes foram: Staphylococcus aureus, Escherichia coli e Candida albicans, provenientes de coleção de cultura. Após a contaminação das pontas dos dedos dos voluntários, os microorganismos testes foram recuperados utilizando a técnica do deslizamento (método proposto) e dos tubos com perolas (método de referencia). Houve correlação entre as técnicas testadas, encontrando-se os seguintes coeficientes de correlação de Spearman: Staphylococcus aureus = 0,90; Escherichia coli = 0,56; Candida albicans = 0,74. Foi possível diferenciar alta contaminação (crescimento confluente), de baixa contaminação (crescimento de colonias contáveis). Os resultados sugerem que o método proposto pode ser utilizado para estimar o grau de contaminação das mãos pela microbiota transitória.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Gabriel Tezolim - Integrante / Celso Luiz Cardoso - Coordenador.