Fredy Galvis Ovallos

Graduado em Biologia na Universidade de Pamplona, Colômbia (2007). Mestrado (bolsista PEC-PG do CNPq) e Doutorado (bolsista FAPESP) em Ciências pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (FSP/USP). Experiência em Ecologia de vetores e Epidemiologia de doenças transmitidas por vetores. Experiência em taxonomia de Phlebotominae e estudos sobre a capacidade vetorial e estudos eco-epidemiológicos de doenças transmitidas por vetores. Realizou estágio de pesquisa na Faculté de Farmacie/Université de Reims-Champagne Ardene (França). Tem participado como asesor temporário da OPAS na formação de recursos humanos na área da Entomologia médica.Tem experiência na avaliação de tecnologias aplicadas ao controle das leishmanioses. Atua como Professor convidado nas disciplinas de Bioestatística e Entomologia em Saúde Pública ministradas em cursos de graduação e Pós-graduação da Faculdade de Saúde Pública da USP. Atualmente é vinculado como Pós doutorando e como Professor Colaborador (Programa de Atração e Retenção de Talentos PART/USP) no Departamento de Epidemiologia da FSP/USP.

Informações coletadas do Lattes em 03/07/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Saúde Pública

2012 - 2016

Universidade de São Paulo
Título: Leishmanioses visceral americana: Avaliação dos parâmetros da capacidade vetorial de Lutzomyia longipalpis em área urbana no estado de São Paulo, Brasil.
Orientador: Eunice A.B. Galati
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

Mestrado em Saúde Pública

2009 - 2011

Universidade de São Paulo
Título: Estudo da competência vetorial de Migonemyia migonei (França) e de Pintomyia fischeri (Pinto) (Diptera: Psychodidae) para Leishmania (Leishmania) infantum chagasi Cunha & Chagas,Ano de Obtenção: 2011
Eunice Aparecida Bianchi Galati.Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: Phlebotominae; Entomologia Médica.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Aplicada / Especialidade: Ecologia de Vectores de enfermedades Humanas. Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais; Educação.

Graduação em Biologia

2002 - 2007

Universidad de Pamplona
Título: Estudio Eintomológico en un foco activo de leishmaniosis cutanea en el municipio de Gramalote, Norte de Santander.
Orientador: Claudia Magaly Sandoval

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2017

Pós-Doutorado. , Universidade de São Paulo, USP, Brasil. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências da Saúde

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2017 - 2017

Insects and vector borne diseases in the Amazonia and Caribbean. (Carga horária: 90h). , Institute Pasteur French Guyana, IPG, França.

2014 - 2014

Tecnicas Moleculares em taxônomia de Phlebotominae. (Carga horária: 300h). , Université de Reims Champagne-Ardenne, URCA, França.

2008 - 2008

Portugues para Extrangeiros. (Carga horária: 300h). , Instituto de Cultura Brasil-Colombia, IBRACO, Colômbia.

2007 - 2007

Extensão universitária em Enfermedades Tropicales. (Carga horária: 120h). , Universidad de Pamplona, U.PAMPLONA, Colômbia.

2007 - 2007

Extensão universitária em Tecnicas Moleculares Aplicadas. (Carga horária: 140h). , Universidad de Pamplona, U.PAMPLONA, Colômbia.

2007 - 2007

Manejo de Insecticidas de importancia en salud. (Carga horária: 40h). , Instituto Departamental de Salud, Norte de Santander, IDS/NS, Colômbia.

2006 - 2006

Extensão universitária em Introducción al Control de insectos vectores. (Carga horária: 120h). , Universidad Nacional de General San Martín, UNSAM, Argentina.

2006 - 2006

Curso de actualización de la Biologia Molecular. (Carga horária: 40h). , Universidad de Pamplona, U.PAMPLONA, Colômbia.

2005 - 2005

Extensão universitária em Mejoramiento Genetico Bovino. (Carga horária: 120h). , Universidad de Pamplona, U.PAMPLONA, Colômbia.

2005 - 2005

curso de entomologia generanal. (Carga horária: 60h). , Universidad de Pamplona, U.PAMPLONA, Colômbia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Francês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública.

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Epidemiologia.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Parasitologia / Subárea: Entomologia e Malacologia de Parasitos e Vetores.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Aplicada/Especialidade: Ecologia de Vectores de enfermedades Humanas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

CHAGASLEISH 2019.Desafios para controle de reservatórios e vetores da leishmaniose visceral. 2019. (Oficina).

III FÓRUM DE DISCUSSÃO SOBRE O TRATAMENTO DA LVC NO BRASIL.DISCUSSÃO SOBRE O TRATAMENTO DA LVC NO BRASIL. 2015. (Encontro).

8th International Symposium on Phlebotomine. Sandflies (ISOPS VIII).Aggregated pattern of Leishmania infantum chagasi transmission from naturally infected dogs to laboratory reared Lutzomyia longipalpis through xenodiagnosis. 2014. (Simpósio).

8th International Symposium on Phlebotomine. Sandflies (ISOPS VIII).Study of sand fly community in two rural endemic areas for American cutaneous leishmaniasis in the municipalities of Mogi Guaçu and Mogi Mirim, São Paulo State, Brazil. 2014. (Simpósio).

8th International Symposium on Phlebotomine. Sandflies (ISOPS VIII).Frequency of Lutzomyia longipalpis in henhouses in an American visceral leishmaniasis endemic area of São Paulo State. 2014. (Simpósio).

8th International Symposium on Phlebotomine. Sandflies (ISOPS VIII).Monthly distribution of Lutzomyia longipalpis in an endemic area of visceral leishmaniasis in São Paulo state, Brazil. 2014. (Simpósio).

7th International Symposium on Phlebotomine Sandflies (ISOPS 7).Fonsecai complex of the genus Lutzomyia (Diptera, Psychodidae, Phlebotominae). 2011. (Simpósio).

7th International Symposium on Phlebotomine Sandflies (ISOPS 7).Phlebotominae (Diptera, Psychodidae) captured in Brazilian caves sampled for the assessment of the environmental impact on them of the implantation of hydroelectric or mining projects. 2011. (Simpósio).

7th International Symposium on Phlebotomine Sandflies (ISOPS 7).On the Nyssomyia antunesi (Diptera, Psychodidae, Phlebotominae) complex. 2011. (Simpósio).

A expansao da Leishmaniose visceral no Estado de Sao Paulo. 2010. (Oficina).

26th International Congress of Chemotherapy and Infection. Climate variability and Lutzomyia spinicrassa abundance in an area of cutaneous leishmaniasis transmission in Norte de Santander, Colombia. 2009. (Congresso).

6th INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON PHLEBOTOMINE SANDFLIES.Climate variability and Lutzomyia spinicrassa abundance in an area of cutaneous leishmaniasis transmission in Norte de Santander, Colombia. 2008. (Simpósio).

Capacitacion Sobre Maquinas aspersoras de insecticidas en Salud Pública. 2007. (Outra).

XIII CONGRESO COLOMBIANO DE PARASITOLOGIA Y MEDICINA TROPICAL. 2007. (Congresso).

Curso de Entomologia. 2005. (Simpósio).

II Taller Nacional de Leishmaniasis. 2005. (Encontro).

Seminario de Actualizacion de la Biologia Molecular de leishmania y malaria. 2005. (Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: João Augusto Franco Leonel

GALVIS-OVALLOS, F; CASANOVA, C.; OLIVEIRA, T. M. F. S.. Aspectos bioecológicos de flebotomíneos (Díptera: Psychodidae:Phlebotominae) em área endêmica de Leishmaniose visceral no estado de São Paulo. 2019. Dissertação (Mestrado em Epidemiologia Experimental Aplicada Às Zoonoses) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Mariana Dantas da Silva

CASANOVA, C.;GALVIS-OVALLOS, F; OLIVEIRA, T. M. F. S.;Galati, Eunice AB. Investigação de fatores ecológicos relacionados ao potencial de transmissão de Leishmania infantum por dois quimiotipos do complexo Lutzomyia longipalpis. 2019. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Carole El Khoury Mansour

Galati, Eunice AB; SALLUM, M. A. M.;Galvis F. O.; SABIO, P. B.. Investigação e documentação de flagelados no tubo digestório de flebotomíneos. 2018. Dissertação (Mestrado em Entomologia em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Carole El Khouri Mansour

SALLUM, M. A. M.;Galvis F. O.Galati, Eunice AB. Investigação e documentação de flagelados no tubo digestório em flebotomíneos por observação microscópica. 2017. Dissertação (Mestrado em Entomologia em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Filipe Jonas MattosSoares de Souza

Galati, Eunice AB; SAVANI, E. S. M. M.; NATAL, D.;Galvis F. O.. Aspectos ecológicos de flebotomìneos (Diptera: Psychodidae) no Parque Estadual do Jaraguá na cidade de São Paulo, Estado de São Paulo, Brasil. 2017. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Lina Fernanda Casadiegos

Galvis F. O.; Cáceres FMC. Criaderos de Stegomyia aegypti, abundancia relativa de formas inmaduras y su asociación con la infección por virus Dengue en dos localidades endémicas mexicanas. 2016. Dissertação (Mestrado em Maestria en Epidemiologia) - Universidad Industrial de Santander.

Aluno: Luis Eduardo Costa

Galvis F. O.; LABRUNA, M. B.; MARCILI, A.. Diversidade de Flebotomíneos (Diptera, Psychodidae, Phlebotominae) e detecção molecular de parasitas do gênero Leishmania no município de Bom Jesus dos Perdões, estado de São Paulo.. 2016. Dissertação (Mestrado em Epidemiologia Experimental Aplicada Às Zoonoses) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Susan Greni

Galvis F. O.; SILVA, B. D. E.; SALLUM, M. A. M.. A multi-gene analysis and proposed distribution of species of the Strodei Subgroup of Anopheles (Nyssorhynchus) (Diptera: Culicidae). 2016. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Yuly Andrea Caicedo Blanco

BARCANTE, J. M. P.; BARCANTE, T. A.;GALVIS-OVALLOS, F.; LIMA, A. P.; RAYMUNDO, D. L.. Identification and observational epidemiological study of flebotominic fauna (diptera: psychodidae: phlebotominae) in the transmission area of canine visceral leishmaniasis in the municipality of Lavras, Minas Gerais, Brazil. 2019. Tese (Doutorado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal de Lavras.

Aluno: Rafaella Albuquerque e Silva

ROMERO, G. A. S.; LINDOSO, J. A.; OBARA, M. T.;Galvis F. O.. Avaliação do comportamento de Lutzomyia longipalpis (Phlebotominae) em áreas de transmissão intensa submetida à intervenção com coleiras impregnadas com deltametrina a 4% para controle de leishmaniose visceral. 2018. Tese (Doutorado em Medicina Tropical) - Universidade de Brasília.

Aluno: Danielle Nunes Carneiro Castro Costa

WERNECK, G. L.;GALVIS-OVALLOS, F.; AMAKU, M.;Galati, Eunice AB; CHIARAVALLOTI NETO, F.. Leishmaniose visceral canina nos municípios de Araçatuba e Birigui, estado de São Paulo, Brasil. 2018. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Janduí Almeida Amorin

GALVIS-OVALLOS, F; SALLUM, M. A. M.; PRIST, P. R.. Mosquito da Tribo Mansonini (Diptera: Culicidadae) do lago da Usina Hidrelétrica de Santo Antônio, Porto Velho, Rondônia. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Marcelo Brenna do Amaral

DOMINGOS, M. F.;GALVIS-OVALLOS, F.; CAMARA, T. N. L.. Estudo Entomológico Retrospectivo da presença do vetor Aedes aegypti (Diptera: Culicidae) no município de Santos, SP. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Entomologia em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Gabriela Passos Raddi de Paula

TOLEZANO, J. E.;GALVIS-OVALLOS, F.; CUENCA, A. M. B.. Leishmanise Canina: Elaboração de Material digital sobre tratamento. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Entomologia em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Flavia Benini da Rocha Silva

PINTO, M. C.;Galvis F. O.; SANTOS, A. G.. Investigação sobre a atratividade de hospedeiros infectados com Leishmania (Viannia) braziliensis (Kinetroplastida: Trypanosomatidae) para Nyssomyia neivai (Diptera: Psychodidae). 2017.

Aluno: Lina Fernanda Casadiegos Patino

Cáceres FMC; Martinez VR;Galvis F. O.. Criaderos de Stegomyia aegypti, abundancia relativa de formas inmaduras y su asociación con la infección por virus Dengue en dos localidades endémicas mexicanas.. 2015.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Vera Lucia Fonseca de Camargo-Neves

GALATI, Eunice Aparecida Bianchi; CASANOVA, C.; Souza JMP;CAMARGO-NEVES, V. L. F.; GOMES, A. C.. Estudo da capacidade vetorial de Migonemyia migonei (França) Pintomyia fischeri (pinto) (Diptera: Psychodidadae) para Leishmania (Leishmania infantum chagasi Cunha & Chagas.. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Pós Graduação em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública.

Claudio Casanova

GALATI, E. A. B.; SOUZA JMP;Casanova, C.. "Estudo da Capacidade Vetorial de Migonemya migonei (França) e de Pintomya fischerii (Pinton) (Diptera: Psichodidae) para Leishmania (Leishmania) Infantum chagasi Cunha & Chagas". 2011. Dissertação (Mestrado em Pós Graduação em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública - USP.

Claudio Casanova

GALATI, E. A. B.; Sallum MAM; Tolezano JE;Casanova, C.; Pinto, MC. Leishamaniose visceral americana: avaliação dos parâmetros da capacidade vetorial de Lutzomya longipalpis em área urbana no município de Panorama, São Paulo, Brasil. 2015. Tese (Doutorado em Programa de Doutorado em Saúde Pública - Área de concentração: Epidemiologi) - Faculdade de Saúde Pública - USP.

Claudio Casanova

GALATI, E. A. B.; Sallum MAM; Tolezano JE;Casanova, C.; Pinto, MC. Leishamaniose visceral americana: avaliação dos parâmetros da capacidade vetorial de Lutzomya longipalpis em área urbana no município de Panorama, São Paulo, Brasil. 2015. Tese (Doutorado em Programa de Doutorado em Saúde Pública - Área de concentração: Epidemiologi) - Faculdade de Saúde Pública - USP.

Claudio Casanova

GALATI, E. A. B.CASANOVA, C.; TOLEZANO, J. E.. Leishmaniose Visceral Americana : avaliação dos parameros da capacidade vetorial de Lutzomyia longipalpis em area urbana do municipio de Panorama, Sp, Brasil. 2013 - Faculdade de Saude publica USP.

Maria Anice Mureb Sallum

GALATI, E. A. B.;Sallum, Maria Anice Mureb; TOLEZANO, J. E.; CASANOVA, C.; Pinto, M. C.. Leishmaniose visceral americana: avaliação dos parâmetros da capacidade vetorial de Lutzomyia longipalpis em área urbana do município de Panorama, São Paulo, Brasil. 2015. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública /USP.

José Eduardo Tolezano

CASANOVA, C.;Galati, EABTOLEZANO, J. E.. Leishmaniose visceral americana. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências) - Faculdade de Saúde Pública USP.

Eunice Aparecida Bianchi Galati

CASANOVA, C.; SOUZA, J. M. P.;GALATI, E. A. B.. Estudo da capacidade vetorial de Migonemyia migonei (França) e de Pintomyia fischeri (Pinto) (Diptera: Psychodidae) para Leishmania (Leishmania) infantum chagasi Cunha & Chagas. 2011. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Eunice Aparecida Bianchi Galati

GALATI, E.A.B; SALLUM, M. A. M.;TOLEZANO, J. E.CASANOVA, C.; PINTO, M. C.. Leishmaniose visceral americana: avaliação dos parâmetros da capacidade vetorial de Lutzomyia longipalpis em área urbana do município de Panorama, São Paulo, Brasil. 2016. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Eunice Aparecida Bianchi Galati

Galati, E.A.B.TOLEZANO, J. E.CASANOVA, C.. ?Leishmaniose visceral americana: avaliação dos parâmetros da capacidade vetorial de Lutzomyia longipalpis em área urbana no Estado de São Paulo, Brasil?. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Jose Maria Pacheco de Souza

GALATI, E. A. B.;José Maria Pacheco Souza; CASANOVA, C.. Estudo da capacidade vetorial de Migonemya migonei (França) e de Pintomya fischeri (Pinto) (Diptera: Psychodidae) para Leishmania (Leishmania) infantum chagasi Cunha & Chagas. 2011. Dissertação (Mestrado em Mestrado Saúde Públlica) - Faculdade de Saúde Pública/USP.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

João Ricardo Pereira Ennser

Estudo da susceptibilidade de formas imaturas de Lu; longipalpis a dois bioinseticidas; Início: 2020; Dissertação (Mestrado profissional em Entomologia em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo; (Orientador);

Leandro Mata da Rocha Melo

CARACTERIZAÇÃO DA FAUNA FLEBOTOMÍNICA (DIPTERA: PSYCHODIDAE: PHLEBOTOMINAE), NA CAVERNA DA LAPA GRANDE, MONTES CLAROS, MG; ; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Lavras, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Coorientador);

Lucas Cristianini Macena de Oliveira

Análise da Ocorrência de Leishmaniose tegumentar na região Metropolitana de São Paulo; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Entomologia em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo; (Orientador);

Mariana Dantas da Silva

Aspectos do potencial de transmissão de Leishmania infantum por dois quimíotipos do complexo Lutzomyia longipalpis; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Coorientador);

Vanessa Gusmon da Silva

Nyssomyia intermedia como vetor permissível de Leishmania (Leishmania) infantum: avaliação de aspectos da competência vetorial; Início: 2018; Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Coorientador);

Adriele Eiko Ueta

Investigação da infecção por Leishmania sp em flebotomíneos capturados em área de transmissão de leishmaniose visceral canina no município de Embu das Artes, São Paulo; ; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Mariana Dantas da Silva

Investigação de fatores ecológicos relacionados ao potencial de transmissão de Leishmania infantum por dois quimiotipos do complexo Lutzomyia longipalpis; 2019; Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo,; Coorientador: Fredy Galvis Ovallos;

Adriele Eeko Ueta

Investigação de fatores ecológicos relacionados ao potencial de transmissão de Leishmania infantum por dois quimiotipos do complexo Lutzomyia longipalpis; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo; Orientador: Fredy Galvis Ovallos;

Rubens Carvalho Silveira

Competência vetora de Nyssomyia neivai e Nyssomyia intermedia para Leishmania braziliensis; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Fredy Galvis Ovallos;

Rubens Carvalho Silveira

Técnicas de cultura de flebotomíneos em condições de laboratório; 2013; Orientação de outra natureza; (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo; Orientador: Fredy Galvis Ovallos;

Rafael Dadao

Técnicas de cultura de flebotomíneos em condições de laboratório; 2013; Orientação de outra natureza; (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo; Orientador: Fredy Galvis Ovallos;

Cecilia Oliveria Lavistchka

Atividadades práticas relacionadas a cultura de flebotomíneos em condições de laboratório; 2012; Orientação de outra natureza - Fundação do Desenvolvimento Administrativo; Orientador: Fredy Galvis Ovallos;

Allan Gomes de Lorena

Treinamento em técnicas de cultura de flebotomíneos em condiçoes de laboratório, Clarificação, Montagem e identificação de adultos; 2012; Orientação de outra natureza; (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo; Orientador: Fredy Galvis Ovallos;

Fausto Soriano Estela Neto

Treinamento em técnicas de cultura de flebotomíneos em condiçoes de laboratório, Clarificação, Montagem e identificação de adultos; 2012; Orientação de outra natureza; (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo; Orientador: Fredy Galvis Ovallos;

Cecilia Oliveria Lavistchka

Treinamento em técnicas de cultura de flebotomíneos em condiçoes de laboratório, Montagem e identificação de adultos; 2011; Orientação de outra natureza; (Ciências Biológicas) - Universidade Braz Cubas; Orientador: Fredy Galvis Ovallos;

Giulia Baldaconi Bispo

Treinamento em técnicas de cultura de flebotomíneos em condiçoes de laboratório; 2010; Orientação de outra natureza; (Abi - Ciências Biológicas) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Fredy Galvis Ovallos;

Mariana Dantas da Silva

Treinamento em técnicas de cultura de flebotomíneos em condiçoes de laboratório; 2010; Orientação de outra natureza; (Ciências Biológicas) - Universidade Braz Cubas; Orientador: Fredy Galvis Ovallos;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Maria Anice Mureb Sallum

Início: 2017; Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior;

Mauro Toledo Marrelli

Monitor da Disciplina HEP 136: Epidemiologia; 2010; Orientação de outra natureza; (Enfermagem) - Faculdade de Saúde Pública da USP; Orientador: Mauro Toledo Marrelli;

Eunice Aparecida Bianchi Galati

Estudo da capacidade vetorial de Migonemyia migonei (França) e de Pintomyia fischeri (Pinto) (Diptera: Psychodidae) para Leishmania (Leishmania) infantum chagasi Cunha & Chagas; 2011; Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Eunice Aparecida Bianchi Galati;

Eunice Aparecida Bianchi Galati

LEISHMANIOSE VISCERAL AMERICANA: AVALIAÇÃO DOS PARÂMETROS DA CAPACIDADE VETORIAL DE Lutzomyia longipalpis EM ÁREA URBANA NO ESTADO DE SÃO PAULO, BRASIL; 2016; Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Eunice Aparecida Bianchi Galati;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • DOS SANTOS NOGUEIRA, FABIO ; AVINO, VALDIR CARLOS ; GALVIS-OVALLOS, FREDY ; PEREIRA-CHIOCCOLA, VERA LUCIA ; MOREIRA, MARCIO ANTONIO BATISTELLA ; ROMARIZ, ANA PAULA PERES LOPES ; MOLLA, LETICIA M. ; MENZ, INGRID . Use of miltefosine to treat canine visceral leishmaniasis caused by Leishmania infantum in Brazil. Parasites & Vectors , v. 12, p. 79, 2019.

  • LOPES, E. G. ; SEVÁ, A. P. ; FERREIRA, F. ; NUNES, C. M. ; KEID, L. B. ; HIRAMOTO, R. M. ; FERREIRA, H. L. ; OLIVEIRA, T. M. F. S. ; OVALLOS, F. G. ; GALATI, E. A. B. ; VILLEGAS, T. J. ; BORTOLETTO, D. V. ; VALADAS, S. Y. O. B. ; SOARES, R. M. . Vaccine effectiveness and use of collar impregnated with insecticide for reducing incidence of Leishmania infection in dogs in an endemic region for visceral leishmaniasis, in Brazil. EPIDEMIOLOGY AND INFECTION , v. 1, p. 1-6, 2018.

  • GALVIS-OVALLOS, FREDY ; CASANOVA, CLAUDIO ; PIMENTEL BERGAMASCHI, DENISE ; BIANCHI GALATI, EUNICE APARECIDA . A field study of the survival and dispersal pattern of Lutzomyia longipalpis in an endemic area of visceral leishmaniasis in Brazil. PLoS Neglected Tropical Diseases , v. 12, p. e0006333, 2018.

  • CUTOLO, ANDRÉ ANTONIO ; GALVIS-OVALLOS, FREDY ; DE SOUZA NEVES, ELISANGELA ; SILVA, FABIANO O. ; CHESTER, S. THEODORE ; FANKHAUSER, BECKY . Repellent efficacy of a new combination of fipronil and permethrin against Lutzomyia longipalpis. Parasites & Vectors , v. 11, p. 247, 2018.

  • ESPINOSA, Y. R. ; GALVIS-OVALLOS, FREDY ; ROZO, A. M. . Purification of the antichagasic benznidazole from the commercial preparation Rochegan R : characterization of inclusion complexes with -cyclodextrin. Journal de Ciencia e Ingenieria , v. 10, p. 32, 2018.

  • GALVIS-OVALLOS, FREDY ; DA SILVA, MARIANA DANTAS ; BISPO, GIULIA BALDACONI DA SILVA ; DE OLIVEIRA, ALESSANDRA GUTIERREZ ; NETO, JOSÉ RODRIGUEZ GONÇALVES ; MALAFRONTE, ROSELY DOS SANTOS ; GALATI, EUNICE APARECIDA BIANCHI . Canine visceral leishmaniasis in the metropolitan area of São Paulo: as potential vector of. Parasite , v. 24, p. 2, 2017.

  • SEVÁ, ANAIÁ DA PAIXÃO ; MAO, LIANG ; GALVIS-OVALLOS, FREDY ; TUCKER LIMA, JOANNA MARIE ; VALLE, DENIS . Risk analysis and prediction of visceral leishmaniasis dispersion in São Paulo State, Brazil. PLoS Neglected Tropical Diseases (Online) , v. 11, p. e0005353, 2017.

  • GALVIS-OVALLOS, FREDY ; CASANOVA, CLAUDIO ; SEVÁ, ANAIÁ DA PAIXÃO ; GALATI, EUNICE APARECIDA BIANCHI . Ecological parameters of the (S)-9-methylgermacrene-B population of the Lutzomyia longipalpis complex in a visceral leishmaniasis area in São Paulo state, Brazil. Parasites & Vectors , v. 10, p. 28558760, 2017.

  • GALATI, EUNICE A. B. ; GALVIS-OVALLOS, FREDY ; LAWYER, PHILLIP ; LÉGER, NICOLE ; DEPAQUIT, JÉRÔME . An illustrated guide for characters and terminology used in descriptions of Phlebotominae (Diptera, Psychodidae). Parasite , v. 24, p. 26, 2017.

  • POSADA-LÓPEZ, L ; GALVIS-OVALLOS, F ; GALATI, E A B . Description of Trichophoromyia velezbernali, a New Sand Fly Species (Diptera: Psychodidae: Phlebotominae) from Colombian Amazonia. JOURNAL OF MEDICAL ENTOMOLOGY , v. 54, p. tjx180, 2017.

  • LOPES, E. G. ; SEVÁ, A. P. ; FERREIRA, F. ; NUNES, C. M. ; KEID, L. B. ; HIRAMOTO, R. M. ; FERREIRA, H. L. ; OLIVEIRA, T. M. F. S. ; BIGOTTO, M. F. D. ; GALVIS-OVALLOS, F. ; GALATI, E. A. B. ; SOARES, R. M. . Serological and molecular diagnostic tests for canine visceral leishmaniasis in Brazilian endemic area: one out of five seronegative dogs are infected. EPIDEMIOLOGY AND INFECTION , v. 1, p. 1-9, 2017.

  • SEVÁ, ANAIÁ P. ; OVALLOS, FREDY G. ; AMAKU, MARCUS ; CARRILLO, EUGENIA ; MORENO, JAVIER ; GALATI, EUNICE A. B. ; LOPES, ESTELA G. ; SOARES, RODRIGO M. ; FERREIRA, FERNANDO . Canine-Based Strategies for Prevention and Control of Visceral Leishmaniasis in Brazil. Plos One , v. 11, p. e0160058, 2016.

  • MARTÍNEZ-VEGA, RUTH ARALÍ ; RODRIGUEZ-MORALES, ALFONSO J. ; BRACHO-CHURIO, YALIL TOMÁS ; CASTRO-SALAS, MIRLEY ENITH ; GALVIS-OVALLOS, FREDY ; DÍAZ-QUIJANO, RONALD GIOVANNY ; LUNA-GONZÁLEZ, MARÍA LUCRECIA ; CASTELLANOS, JAIME E. ; RAMOS-CASTAEDA, JOSÉ ; DIAZ-QUIJANO, FREDI ALEXANDER . A prospective cohort study to assess seroprevalence, incidence, knowledge, attitudes and practices, willingness to pay for vaccine and related risk factors in dengue in a high incidence setting. BMC Infectious Diseases (Online) , v. 16, p. 1-9, 2016.

  • CAVALCANTI DE SOUZA LEAL DINIZ, MORGANA MICHELE ; GALVIS OVALLOS, FREDY ; DE CASTRO GOMES, CLAUDIA MARIA ; DE OLIVEIRA LAVITSCHKA, CECILIA ; BIANCHI GALATI, EUNICE APARECIDA . Host-biting rate and susceptibility of some suspected vectors to Leishmania braziliensis. Parasites & Vectors , v. 7, p. 139, 2014.

  • CUTOLO, A. A. ; TEODORO, A. K. M. ; Ovallos, Fredy Galvis ; ALLEGRETTI, S. M. ; Galati E.A.B . Sandflies (Diptera: Psychodidae) associated with opossum nests at urban sites in southeastern Brazil: a risk factor for urban and periurban zoonotic Leishmania transmission?. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz (Impresso) , v. 109, p. 391-393, 2014.

  • Ovallos, Fredy Galvis ; ESPINOSA, Y. R. ; Fernandez, N. ; GUTIERREZ, R. ; Galati, Eunice AB ; Sandoval C.M . The sandfly fauna, anthropophily and the seasonal activities of Pintomyia spinicrassa (Diptera: Psychodidae: Phlebotominae) in a focus of cutaneous leishmaniasis in northeastern Colombia. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz (Impresso) , v. 108, p. 297-302, 2013.

  • MOSCHIN, J. C. ; Ovallos, Fredy Galvis ; SEI, I. A. ; Galati, Eunice AB . Ecological aspects of phlebotomine fauna (Diptera, Psychodidae) of Serra da Cantareira, Greater São Paulo Metropolitan region, state of São Paulo, Brazil.. Revista Brasileira de Epidemiologia (Impresso) , v. 16, p. 190-201, 2013.

  • Galvis F. O. ; Galati, Eunice A. Bianchi ; Description of Two New Sand Fly Species Related to (Diptera, Psychodidae, Phlebotominae). JOURNAL OF MEDICAL ENTOMOLOGY , v. 49, p. 238-252, 2012.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

Ovallos, Fredy Galvis . Curso de introdução à identificação de Flebotomíneos (Díptera- Psychodidae).. 2013.

OVALLOS, FREDY G. . Vigilância Entomológica de vetores de leishmaniose visceral no município de Jundiaí-SP. 2012.

Ovallos, Fredy Galvis . Identificação taxonômica de flebotomíneos para o serviço de vigilância epidemiologia do município de Jundiaí-SP. 2012.

Ovallos, Fredy Galvis . Pesquisadores testam vacinas em Panorama para conter leishmaniose. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Galvis F. O. . Biecologia e identificação de Flebotomíneos. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

Galati, Eunice AB ; Ovallos, Fredy Galvis ; FERRO, M. C. ; OVIEDO, P. F. ; DIAZ, A. ; MENDIGANA, F. ; VARGAS, L. L. ; BELTRAN, M. ; VERA, M. ; AYALA, M. . XII Curso Nacional de Entomología. La Vigilancia entomológica de las leishmaniasis en Colombia.. 2013. .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2020 - Atual

    Avaliação da implementação do uso das coleiras impregnadas com inseticida em cães em municípios prioritários para o controle da leishmaniose visceral humana e canina no Brasil, Descrição: A leishmaniose visceral (LV) é uma doença grave causada por parasitos do gênero Leishmania. O parasito é transmitido por insetos alados denominados flebotomíneos, do gênero Lutzomyia, nas Américas, e Phlebotomus, na Europa e Ásia. Nas Américas, os cães domésticos constituem o principal reservatório do parasito Leishmania infantum (sin. Leishmania chagasi), desempenhando o papel de amplificadores da infecção e contribuindo para a transmissão para os seres humanos. O controle da leishmaniose visceral (LV) zoonótica tem sido um esforço desalentador para gestores da saúde pública e pesquisadores brasileiros. Em conjunto com a dengue, o controle da LV tem sido considerado um dos principais fracassos no controle de doenças transmissíveis no Brasil. Desde a implantação do programa brasileiro de vigilância e controle da leishmaniose visceral (PVCLV) no início da década de 1960, a doença passou por um notável processo de urbanização e disseminação geográfica, e a situação epidemiológica está longe de mostrar algum progresso substancial. Todas essas transformações na sociedade brasileira e na epidemiologia da leishmaniose visceral não foram acompanhadas por modificações substanciais nas estratégias de controle preconizadas pelo PVCLV original. As principais estratégias para reduzir a transmissão propostas pelo atual PVCLV ainda tem como principais pilares o controle de vetores com inseticidas residuais e a eliminação de cães soropositivos. No entanto, poucos estudos epidemiológicos bem desenhados dão suporte para seu uso em larga escala, a maioria mostrando efetividade limitada e apenas em contextos específicos. Novas abordagens promissoras têm sido preconizadas, como vacinas para cães, coleiras impregnadas com inseticidas, tratamento de cães infectados e inseticidas tópicos, mas ainda há muitas dúvidas sobre sua efetividade. Dentre essas, o uso de coleiras caninas impregnadas com inseticidas (deltamethrin-impregnated dog collars - DMC) tem se destacado como ferramenta disponível e potencialmente útil no controle da LV. O mecanismo implicado seria sua ação repelente e inseticida, o que reduziria o contato do vetor com o cão por até oito meses. Estudos avaliando a efetividade do uso de DMC têm demonstrado resultados satisfatórios. No Brasil, uma série de estudos locais também indicaram a efetividade de estratégias de controle da LV baseada no uso de DMC. Em Andradina/SP, por exemplo, um estudo mostrou a efetividade das coleiras na queda da prevalência canina e da incidência de casos humanos, quando associadas às medidas de controle vigentes. Assim, considerando nosso histórico envolvimento com a realização de estudos de intervenção comunitária para avaliação da efetividade de estratégias de controle da LV, incluindo esses mais recentes abordando o uso da coleiras impregnadas com inseticida apresentamos esse projeto que visa avaliar a implementação do uso das coleiras impregnadas com inseticida em cães em municípios prioritários para o controle da leishmaniose visceral humana e canina no Brasil, considerando seus potenciais efeitos na infecção humana e canina, na incidência de casos humanos, na densidade vetorial, na taxa de infecção e no hábito alimentar de flebotomíneos. Além disso pretende-se avaliar aspectos operacionais relacionados ao próprio processo de implementação da estratégia assim como avaliar a percepção da população sobre os riscos e benefícios dessa intervenção vis-a-vis a eutanásia canina e o controle vetorial com inseticidas de ação residual.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Coordenador / Eunice Aparecida BIanchi Galati - Integrante / DE OLIVEIRA, ALESSANDRA GUTIERREZ - Integrante / Maria Anice Mureb Sallum - Integrante / Guilherme Loureiro Werneck - Integrante / Maria do Socorro Pires e Cruz - Integrante / Carlos Henrique Nery Costa - Integrante.

  • 2020 - Atual

    Avaliação da implementação do uso das coleiras impregnadas com inseticida em cães em municípios prioritários para o controle da leishmaniose visceral humana e canina no Brasil, Descrição: A leishmaniose visceral (LV) é uma doença grave causada por parasitos do gênero Leishmania. O parasito é transmitido por insetos alados denominados flebotomíneos, do gênero Lutzomyia, nas Américas, e Phlebotomus, na Europa e Ásia. Nas Américas, os cães domésticos constituem o principal reservatório do parasito Leishmania infantum (sin. Leishmania chagasi), desempenhando o papel de amplificadores da infecção e contribuindo para a transmissão para os seres humanos. O controle da leishmaniose visceral (LV) zoonótica tem sido um esforço desalentador para gestores da saúde pública e pesquisadores brasileiros. Em conjunto com a dengue, o controle da LV tem sido considerado um dos principais fracassos no controle de doenças transmissíveis no Brasil. Desde a implantação do programa brasileiro de vigilância e controle da leishmaniose visceral (PVCLV) no início da década de 1960, a doença passou por um notável processo de urbanização e disseminação geográfica, e a situação epidemiológica está longe de mostrar algum progresso substancial. Todas essas transformações na sociedade brasileira e na epidemiologia da leishmaniose visceral não foram acompanhadas por modificações substanciais nas estratégias de controle preconizadas pelo PVCLV original. As principais estratégias para reduzir a transmissão propostas pelo atual PVCLV ainda tem como principais pilares o controle de vetores com inseticidas residuais e a eliminação de cães soropositivos. No entanto, poucos estudos epidemiológicos bem desenhados dão suporte para seu uso em larga escala, a maioria mostrando efetividade limitada e apenas em contextos específicos. Novas abordagens promissoras têm sido preconizadas, como vacinas para cães, coleiras impregnadas com inseticidas, tratamento de cães infectados e inseticidas tópicos, mas ainda há muitas dúvidas sobre sua efetividade. Dentre essas, o uso de coleiras caninas impregnadas com inseticidas (deltamethrin-impregnated dog collars - DMC) tem se destacado como ferramenta disponível e potencialmente útil no controle da LV. O mecanismo implicado seria sua ação repelente e inseticida, o que reduziria o contato do vetor com o cão por até oito meses. Estudos avaliando a efetividade do uso de DMC têm demonstrado resultados satisfatórios. No Brasil, uma série de estudos locais também indicaram a efetividade de estratégias de controle da LV baseada no uso de DMC. Em Andradina/SP, por exemplo, um estudo mostrou a efetividade das coleiras na queda da prevalência canina e da incidência de casos humanos, quando associadas às medidas de controle vigentes. Assim, considerando nosso histórico envolvimento com a realização de estudos de intervenção comunitária para avaliação da efetividade de estratégias de controle da LV, incluindo esses mais recentes abordando o uso da coleiras impregnadas com inseticida apresentamos esse projeto que visa avaliar a implementação do uso das coleiras impregnadas com inseticida em cães em municípios prioritários para o controle da leishmaniose visceral humana e canina no Brasil, considerando seus potenciais efeitos na infecção humana e canina, na incidência de casos humanos, na densidade vetorial, na taxa de infecção e no hábito alimentar de flebotomíneos. Além disso pretende-se avaliar aspectos operacionais relacionados ao próprio processo de implementação da estratégia assim como avaliar a percepção da população sobre os riscos e benefícios dessa intervenção vis-a-vis a eutanásia canina e o controle vetorial com inseticidas de ação residual.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Coordenador / Eunice Aparecida BIanchi Galati - Integrante / DE OLIVEIRA, ALESSANDRA GUTIERREZ - Integrante / Maria Anice Mureb Sallum - Integrante / Guilherme Loureiro Werneck - Integrante / Maria do Socorro Pires e Cruz - Integrante / Carlos Henrique Nery Costa - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Avaliação do potencial vetor de flebotomíneos (Diptera: Psychodidae) para transmitir Leishmania infantum chagasi., Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Coordenador / Galati, Eunice A. Bianchi - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Leishmaniose visceral americana: avaliação dos parâmetros da capacidade vetorial de Lutzomyia longipalpis em área urbana no Estado de São Paulo, Brasil, Descrição: As leishmanioses são problemas de saúde pública, devido à gravidade de algumas das suas formas e ampla distribuição no país. A leishmaniose visceral (LV), causada pela Leishmania infantum chagasi e transmitida por Lutzomyia longipalpis, adentrou ao estado de São Paulo pela região noroeste e se encontra em expansão. Lu. longipalpis, espécie de hábito alimentar eclético, é atraída pelo homem e, sobretudo por animais domésticos. O estudo da capacidade vetorial, definida como a taxa diária de picadas potencialmente infectivas que a população de um vetor levará a cabo ao se alimentar em um único tipo de hospedeiro, permite a elaboração de estratégias de controle mediante avaliação de parâmetros entomológicos e epidemiológicos. Objetivo. Avaliar, em condições de campo e de laboratório, os parâmetros utilizados na estimativa da capacidade vetorial da população de Lu. longipalpis em área urbana de município da região noroeste do estado de São Paulo, considerando a atratividade humana, de aves e do cão. Métodos. A sobrevida infectiva de Lu. longipalpis será calculada por meio da estimativa vertical (tábua de vida) e horizontal (captura-marcação-soltura-recaptura) de fêmeas. Os demais parâmetros a serem investigados compreenderão: atratividade do homem, galinha e cão aos flebotomíneos, infecção experimental dos flebotomíneos pela L. i. chagasi após alimentação em cães infectados, período de incubação extrínseca do parasita e duração do ciclo gonotrófico. Resultados esperados. Estimar a capacidade vetorial de Lu. longipalpis em ambiente urbano e sugerir medidas de controle que visem à redução da transmissão da LV no estado de São Paulo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Galati, Eunice A. Bianchi - Coordenador / Fernando Ferreira - Integrante.

  • 2012 - Atual

    DINÂMICA DA LEISHMANIOSE VISCERAL EM POPULAÇÕES SUJEITAS A DIFERENTES ESTRATÉGIAS CONTROLE, Descrição: A leishmaniose é uma doença de distribuição mundial, representando um sério problema de saúde pública. Os hospedeiros naturais são raposas, marsupiais e o cão doméstico (considerado o principal reservatório da doença). O agente etiológico da leishmaniose visceral é Leishmania chagasi nas Américas. A transmissão da leishmaniose ocorre, principalmente, pela picada do inseto vetor infectado. As atuais estratégias de controle preconizadas pelo Ministério da Saúde no Brasil são diagnóstico precoce e o tratamento adequado dos casos humanos, emprego de inseticidas de ação residual e medidas de saneamento do meio doméstico, para a redução da densidade vetorial, e identificação e eliminação do reservatório doméstico. Além desses há imunoprofilaxia e uso de colares impregnados com deltametrina em cães e mosquiteiro impregnados com inseticida. Devido à dificuldade do controle da doença e complexidade e custo de seus protocolos, faz-se necessária uma reavaliação da eficiência e viabilidade dos mesmos em estudos teóricos, como o uso da modelagem matemática. Os modelos já existentes para avaliar a dinâmica da leishmaniose visceral consideram somente os cães como transmissores do parasita para os vetores no ciclo da doença, diferentemente do modelo de Burattini e colaboradores, em que se considera o homem como mais uma população envolvida no ciclo da doença Este modelo foi utilizado somente para simular a eliminação do hospedeiro intermediário (cães) e redução da população do vetor. O presente trabalho tem como objetivo avaliar a evolução da dinâmica da leishmaniose visceral com o uso da coleira e da vacina nos cães em área endêmica no Brasil, utilizando como base o modelo de Burattini e colaboradores. Será simulada a evolução da doença de acordo com os parâmetros, relacionados aos hospedeiros e vetor, medidos em Panorâma, São Paulo - Brasil... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (3) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Fernando Ferreira - Coordenador / Anaiá da Paixão Sevá - Integrante / Estela Galucci Lopes - Integrante / Rodrigo Soares Martins - Integrante / Eunice Aparecida BIanchi Galati - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Avaliação da efetividade do emprego de coleira impregnada com inseticida e de vacina recombinante contra leishmaniose visceral canina, Descrição: As leishmanioses, particularmente a Leishmaniose Visceral (LV), são doenças transmitidas por vetores artrópodes candidatas a experimentar uma grande expansão territorial em virtude de problemas relacionados ao aquecimento global. Este evento climático deverá causar grande impacto sobre a distribuição geográfica do artrópode transmissor no Brasil e no mundo. Com efeito, nos últimos 20 anos a situação epidemiológica da LV no Brasil vem se modificando de um padrão esporádico prevalente eminentemente em áreas rurais para uma condição de epidemias peri-urbanas que pode afetar todos os estratos sociais da população, tornando-se uma séria ameaça a saúde pública. De acordo com o Centro Europeu para Prevenção e Controle de Doenças, as leishmanioses estão entre as dez doenças transmitidas por vetores artrópodes com maior potencial de ameaça ao continente europeu. As leishmanioses são consideradas até o momento doenças não preveníveis e seu padrão epidemiológico vêm se alterando de forma flagrante, o que demanda urgência para o desenvolvimento de novas ferramentas de controle e tratamento. Com efeito, dentre as diversas questões levantadas sobre as demandas em pesquisa relacionadas ao controle desta enfermidade debatidas durante o Simpósio Internacional de Leishmanioses realizado em Olinda, PE, 2009, destaca-se a importância de avanços em estudos de epidemiologia quantitativa e modelagem matemática que permitam prever efeitos de vacinações de populações empregando-se imunógenos com eficácia e/ou cobertura vacinal menor que 100%, o que parece ser uma realidade com as vacinas contra leishmanioses desenvolvidas até então pelos laboratórios no mundo todo. O sucesso de estratégias eficazes para o controle da LV depende do conhecimento de diversos parâmetros da dinâmica de infecção nas diferentes populações e espécies que atuam na cadeia epidemiológica da doença. Nesse sentido, propõe-se o presente estudo com o objetivo de avaliar a efetividade de vacinas contra leishmaniose em cães.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (3) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Coordenador / Fernando Ferreira - Integrante / Anaiá da Paixão Sevá - Integrante / Estela Galucci Lopes - Integrante / Rodrigo Soares Martins - Integrante / Eunice Aparecida BIanchi Galati - Integrante.

  • 2010 - 2011

    Estudo da capacidade vetorial de Migonemyia migonei (França) e de Pintomyia fischeri (Pinto) (Diptera: Psychodidae) para Leishmania (Leishmania) infantum chagasi Cunha & Chagas, Descrição: Projeto de Disertação de mestrado, focado ao estudo da capacidade vetorial de duas espécies de flebotomíneos abundantes em áreas de transmissão canina de Leishmania infantum chagasi.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2010 - Atual

    Estudo da capacidade vetorial de Migonemyia migonei (França) e de Pintomyia fischeri (Pinto) (Diptera: Psychodidae) para Leishmania (Viannia) braziliensis, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Galati, Eunice A. Bianchi - Coordenador / Morgana Michelle Cavalcanti Diniz - Integrante.

  • 2009 - 2010

    Aspectos ecológicos da fauna flebotomínea (Diptera, Psychodidae) do Parque Estadual da Cantareira (PEC) e Parque Estadual Alberto Löfgren (PEAL) região metropolitana de São Paulo, Estado de São Paulo, Brasil, Descrição: O projeto visou investigar a incidência de leishmaniose nos municípios que incluem áreas do Parque Estadual da Cantareira e identificar a fauna de flebotomíneos (Diptera, Psychodidae, Phlebotominae) e seu comportamento no Parque Estadual da Cantareira (PEC) e Parque Estadual Alberto Löfgren (PEAL) e área do entorno, inferir sobre as espécies importunas ao homem e que atuam na transmissão de leishmaniose na região. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Galati, Eunice A. Bianchi - Coordenador / Jose Carlos Moschin - Integrante / Iole Arumi Sei - Integrante.

  • 2006 - 2007

    Estudio Eintomológico en un foco activo de leishmaniosis cutanea en el municipio de Gramalote, Norte de Santander., Descrição: Projeto de pesquisa desenvolvido durante 18 meses no municipio de Gramalote, Norte de Santander, Colombia como parte do TCC.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Claudia Magaly Sandoval - Integrante / Reinaldo Gutierrez - Coordenador / Yanis Ricardo Espinosa - Integrante / Nelson Fernandez - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

  • 2004 - 2004

    Efeito do glifosato nos musgos Chrysoblastella chilensis, Ectropothecieum leptochaeton e Syntrichia bogotensis., Descrição: Projeto de iniciaçao cientifica.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Fredy Galvis Ovallos - Integrante / Eliana Narvaez Parra - Coordenador / JavierJerez Jaimes - Integrante / Holver Smith Parada - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade de São Paulo, Faculdade de Saúde Pública. , Faculdade de Saúde Pública, Pacaembu, 01246904 - São Paulo, SP - Brasil, Telefone: (11) 30617788

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2020 - Atual

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Professor Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Colaborador, Carga horária: 8

    Outras informações:
    Programa de Atração e Retenção de Talentos da Universidade de São Paulo

  • 2018 - Atual

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Posdoutorando PNPD, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2018 - Atual

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Colaborador Bioestatística Básica, Carga horária: 8

  • 2017 - 2018

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Posdoutorando, Enquadramento Funcional: Posdoutorando, Carga horária: 20

  • 2012 - 2016

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Doutorando, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2009 - 2011

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Estudante Pos-graduação, Enquadramento Funcional: Mestrando, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 08/2018

      Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Saúde Pública, .,Linhas de pesquisa

    • 03/2009

      Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Saúde Pública, .,Linhas de pesquisa

  • 2006 - 2007

    Universidad de Pamplona

    Vínculo: Auxiliar têcnico de Laboratóri, Enquadramento Funcional: Auxiliar de Laboratorio, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Auxiliar de Laboratorio Beca-Trabajo como parte del proyecto ESTUDIO ENTOMOLOGICO EN UN FOCO ACTIVO DE LEISHMANIOSIS EN EL MUNICIPIO DE GRAMALOTE , NORTE DE SANTANDER.

    Atividades

    • 02/2006 - 09/2007

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Ciencias Biomedicas, .,Linhas de pesquisa

  • 2008 - 2009

    Colegio David Eisenhower

    Vínculo: Profesor titular, Enquadramento Funcional: Profesor Biolgia y Química, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2015 - 2016

    Organización Latinoamericana para el Fomento de la Investigación en Salud

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Pesquisador Componente Entomológicoo, Carga horária: 20

  • 2015 - 2015

    Organizacão Pan-Americana da Saude/Organizacão Mundial da Saude

    Vínculo: Assesor temporário, Enquadramento Funcional: Assesor temporário, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Participação como assesor técnico da OPAS no Paraguay para atuar como Docente em capacitação sobre métodos de captura e identificação de vetores de Leishmanioses. Local: Asunción- Paraguay Instituição; SENEPA Função: Docente Carga horária 128 horas

  • 2019 - Atual

    Universidad de Panamá

    Vínculo: Professor convidado, Enquadramento Funcional: Professor convidado, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Professor convidado do Curso de Mestrado em Entomologia

  • 2019 - Atual

    Organização Panamericana de Saúde

    Vínculo: Facilitador, Enquadramento Funcional: Professor convidado, Carga horária: 65

    Outras informações:
    Professor convidado como facilitador do Curso de Vigilancia y control de Flebotomíneos realizado pelos programas regionales de leishmaniasis y Entomologia en Salud Pública de la Organizacion Panamericana de la Salud/Organización Mundial de la Salud (OPS/OMS)