Daniella Fernandes Cambaúva

é graduada em comunicação social com habilitação em jornalismo pela Faculdade de Comunicação Social Cásper Líbero (2010), mestre em Ciências Humanas e Sociais da UFABC (Universidade Federal do ABC) (2014) e pós-graduada (latu sensu) em Ciência Política pela FESP-SP (Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo) (2015). Entre dezembro de 2014 e janeiro de 2016, foi assessora técnica da Comissão da Memória e Verdade da Prefeitura de São Paulo, da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania. Nesta função, realiza pesquisa relacionada a mortos e desaparecidos políticos do município entre 1964 e 1988. Áreas de interesse: instituições políticas; democracia; partidos políticos; governança eleitoral; Poder Judiciário; políticas públicas.

Informações coletadas do Lattes em 16/09/2017

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Ciências Humanas e Sociais

2012 - 2014

Universidade Federal do ABC
Título: Impactos e transformações da Governança Eleitoral na Argentina, na Bolívia e na Venezuela,Ano de Obtenção: 2014
Vitor Emanuel Marchetti Ferraz Junior.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Grande área: Ciências Humanas

Especialização em Ciência Política

2014 - 2015

Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo
Título: Educação política no Brasil: O papel da justiça eleitoral na teoria e na prática
Orientador: Humberto Dantas de Mizuca

Graduação em Graduação em Jornalismo

2007 - 2010

Faculdade Casper Líbero
Título: A Nova Alta dos presídios: uma história de Tupi Paulista - disponível em: http://altadospresidios.com.br.
Orientador: Daniela Osvald Ramos.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2011 -

Teorias do Desenvolvimento. , Universidade Federal do ABC, UFABC, Brasil.

2010 - 2010

Extensão universitária em América Latina: pensamento político. (Carga horária: 12h). , Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo, FESPSP, Brasil.

2009 - 2009

Extensão universitária em Jornalismo macroeconômico e financeiro. (Carga horária: 12h). , Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - DF, IPEA, Brasil.

2006 - 2006

Extensão universitária em Relações Internacionais. (Carga horária: 60h). , Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Francês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Diálogos Capitais: Desafios da Inovação no Brasil e no ABC. 2011. (Seminário).

Seminário Cidadania e Redes Digitais. 2011. (Seminário).

Workshop "Brasil e Espanha: políticas sociais e experiências de governança local". 2011. (Outra).

XXXIV Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. Honduras e a Mídia: a Rádio Globo de Tegucigalpa Como Forma de Resistência ao Golpe de Estado. 2011. (Congresso).

7º Fórum de Pesquisa Cásper Líbero.A identidade do jornal impresso na Era Digital: o caso dos jornais Folha de S. Paulo e O Globo. 2010. (Outra).

XXXII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. A identidade do jornal impresso na Era Digital: o caso dos jornais Folha de S. Paulo e O Globo. 2010. (Congresso).

II Simpósio de Pós-Graduação em Relações Internacionais do Programa "San Tiago Dantas". 2009. (Simpósio).

6º Fórum de Pesquisa (CIP). 2008. (Oficina).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Carla Regina Mota Alonso Diéguez

DIÉGUEZ, C. R. M. A.; DANTAS, H.. Educação política no Brasil: o papel da Justiça Eleitoral na teoria e na prática. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Ciência Política) - Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo.

Cláudio Gonçalves Couto

FERRAZ JÚNIOR, Vitor Emanuel MarchettiSILVEIRA, Sérgio AmadeuCOUTO, Cláudio Gonçalves. Impactos e transformações da governança eleitoral na Bolívia, no Equador e na Venezuela. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas e Sociais) - Universidade Federal do ABC.

Cláudio Gonçalves Couto

FERRAZ JÚNIOR, Vitor Emanuel MarchettiSILVEIRA, Sérgio AmadeuCOUTO, Cláudio Gonçalves. Impacto e transformação da governança eleitoral na Argentina, na Bolívia e na Venezuela. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Humanas e Sociais) - Universidade Federal do ABC.

Vitor Emanuel Marchetti Ferraz Júnior

MARCHETTI, Vitor; AMADEU, S.;COUTO, C. G.. Impactos e transformações da Governança Eleitoral na Argentina, na Bolívia e na Venezuela. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Humanas e Sociais) - Universidade Federal do ABC.

Sergio Amadeu da Silveira

MARCHETTI, Vitor; COUTO, Cláudio;SILVEIRA, Sérgio Amadeu. Impacto e transformação da governança eleitoral na Argentina, na Bolívia e na Venezuela. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Humanas e Sociais) - Universidade Federal do ABC.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Liraucio Girardi Junior

"a identidade do jornal impresso na era digital: o caso dos jornais Folha de S; Paulo e O Globo"; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Comunicação Social) - Faculdade Cásper Líbero; Orientador: Liraucio Girardi Júnior;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • CAMBAÚVA, D. F. . Educação política no Poder Judiciário. In: Humberto Dantas. (Org.). Educação política no Poder Judiciário. 17ed.Rio de Janeiro: Konrad Adenauer Stiftung, 2016, v. 1, p. 217-230.

  • CAMBAÚVA, D. F. . Governança eleitoral: um ensaio comparado sobre os modelos brasileiro, boliviano e venezuelano. In: Felix Dane. (Org.). CADERNOS ADENAUER 1/2014: JUSTIÇA ELEITORAL. 15ed.Rio de Janeiro: Konrad Adenauer Stiftung, 2014, v. 1, p. 245-260.

  • CAMBAÚVA, D. F. . Impactos da governança eleitoral no Equador, na Bolícia e na Venezuela. In: Semana de Pós-Graduação em Ciência Política - UFSCar, 2014, São Carlos. II Semana de Pós-Graduação em Ciência Política da UFSCar, 2014. v. 2.

  • CAMBAÚVA, D. F. . Honduras e a Mídia: a Rádio Globo de Tegucigalpa Como Forma de Resistência ao Golpe de Estado. In: XXXIV Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2011, Recife - Pernambuco. Anais do ... Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2011.

  • CAMBAÚVA, D. F. . A identidade do jornal impresso na Era Digital: o caso dos jornais Folha de S. Paulo e O Globo. In: XXXII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2009, Curitiba-PR. Anais, 2010.

  • CAMBAÚVA, D. F. . Impactos da Governança eleitoral no Equador, na Bolívia e na Venezuela. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • CAMBAÚVA, D. F. ; MARCHETTI, Vitor. . Poliarquia e policy making: modelos de análise de Governança Eleitoral. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • CAMBAÚVA, D. F. . Governança eleitoral: o caso venezuelano. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CAMBAÚVA, D. F. ; MARCHETTI, V. . Governança eleitoral e democracia: o modelo venezuelano. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • CAMBAÚVA, D. F. . Impacto e Transformações da Governança Eleitoral na Bolívia. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • CAMBAÚVA, D. F. . Honduras e a mídia: a Rádio Globo de Tegucigalpa como forma de resistência ao golpe de Estado. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CAMBAÚVA, D. F. . A identidade do jornal impresso na Era Digital: o caso dos jornais Folha de S. Paulo e O Globo. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2014 - Atual

    Comunicações na América Latina: disputa política e regulação (1980-2014), Descrição: Esta pesquisa visa a examinar o panorama comunicacional da América Latina após o advento das tecnologias digitais, tendo como pontos de apoio a evolução dos negócios, as transformações políticas das últimas três décadas e o progresso tecnológico. Essas transformações tornaram superadas as legislações nacionais existentes na área e abriram inéditas frentes de disputa entre Estados, empresas e movimentos sociais em busca de novos marcos institucionais para as comunicações e as telecomunicações. O desafio colocado é: como criar regras nacionais democráticas que regulem a atuação de corporações com raio de ação supranacional? Essa questão toca em pontos sensíveis e várias ordens de interesses. Trata-se das propostas envolvendo a elaboração de novas legislações para os meios de comunicação em alguns países do continente. Isso acontece especialmente na Venezuela, na Argentina, no Equador e na Bolívia. No Brasil avançou-se na legislação referente à internet. O pano de fundo é a mudança no panorama político continental a partir de 1998. Em alguns países há uma reação ao modelo de matiz liberal, adotado nos anos 1980-90, que se manifesta em vitórias eleitorais de governos pautados por discursos reformistas. Assim, as disputas em torno da comunicação envolvem diversas concepções políticas. A área tem se mostrado particularmente sensível às demandas por novas regras de funcionamento. As empresas de mídia, por lidarem com difusão de idéias, valores e abordagens subjetivas, alegam que a pretensão dos que advogam a criação de novas normas é implantar a censura e o cerceamento à livre circulação de idéias. Os defensores das mudanças afirmam o contrário. Dizem que o setor é monopolizado por grupos econômicos e que um novo marco legal teria por base a defesa de um pluralismo de opiniões.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Daniella Fernandes Cambaúva - Coordenador / Gilberto Maringoni de Oliveira - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2014

    Impactos e Transformações da Governança Eleitoral no Equador, na Bolívia e na Venezuela, Descrição: O projeto de pesquisa trabalha com o conceito de governança eleitoral, entendido, em síntese, como o conjunto de regras e instituições que organizam a competição político-eleitoral na Argentina, na Bolívia e na Venezuela. Consistem em um estudo da estrutura dos organismos envolvidos no processo eleitoral nesses três países. Visa também a contribuir para a construção de novos modelos de análise de governança eleitoral, definindo novos critérios para a avaliação do perfil institucional dos órgãos eleitorais em diferentes países, além de verificar o impacto das instituições de governança eleitoral sobre a qualidade da competição política. O projeto expõe ainda a importância da governança eleitoral para estabilidade política nas democracias recentes, num contexto no qual é fundamental que os resultados das urnas sejam aceitos e respeitados pelos principais partidos políticos e por todos os candidatos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Daniella Fernandes Cambaúva - Coordenador.

  • 2009 - 2009

    A identidade do jornal impresso na Era Digital: o caso dos jornais Folha de S. Paulo e O Globo, Descrição: Pesquisa realizada junto ao Centro Interdisciplinar de Pesquisa (CIP) da Faculdade Cásper Líbero, sob orientação do Prof. Dr. Liráucio Girardi Jr.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Daniella Fernandes Cambaúva - Coordenador.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Prefeitura Municipal de São Paulo, Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania. , Praça Coronel Fernando Prestes, 152, Bom Retiro, 01124060 - São Paulo, SP - Brasil, Telefone: (11) 33966015

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2016 - Atual

    Prefeitura Municipal de São Paulo

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Entrelinhas Comunicação Estratégica, Carga horária: 40

  • 2014 - 2016

    Prefeitura Municipal de São Paulo

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Assessor técnico I, Carga horária: 40

  • 2012 - Atual

    Universidade Federal do ABC

    Vínculo: Outro (especifique), Enquadramento Funcional: Mestranda

  • 2009 - 2011

    Opera Mundi

    Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Repórter, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2009 - 2009

    Faculdade Casper Líbero

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 5

  • 2007 - 2007

    Rádio Clube

    Vínculo: Prestador de serviços, Enquadramento Funcional: Repórter, Carga horária: 30