MARIA ISABEL DORIA ROSSI

Possui graduação em Medicina Veterinaria pela Universidade Federal Fluminense (1978), mestrado em Medicina Veterinária (Patologia Veterinária) pela Universidade Federal Fluminense (1985), doutorado em Patologia pela Universidade Federal Fluminense (1998) e pós-doutorado na Oklahoma Medical Research Foundation, USA (2000). Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de Morfologia, com ênfase em Citologia e Biologia Celular, atuando principalmente nos seguintes temas: progenitores hematopoéticos, incluindo linfopoese B, e microambiente hematopoético; cultivo e diferenciação de células mesenquimais do estroma da medula óssea e do tecido adiposo para aplicação em bioengenharia óssea; e cultura em sistema tridimensional. Tem, ainda, experiência em patologia veterinária.

Informações coletadas do Lattes em 25/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Patologia

1993 - 1998

Universidade Federal Fluminense
Título: Linfopoese B associada ao granuloma hepático da esquistossomose: presença de precursores jovens e inibição da diferenciação
Radovan Borojevic. Palavras-chave: esquistossomose; linfopoese B; células B; granuloma.Grande área: Ciências da Saúde

Mestrado em Medicina Veterinária (Patologia Veterinária)

1981 - 1985

Universidade Federal Fluminense
Título: Caracterização de uma amostra do virus da Laringotraqueíte Infecciosa das aves isolada no Estado do Rio de Janeiro,Ano de Obtenção: 1985
Orientador: Jefferson Andrade dos Santos
Palavras-chave: Laringotraquíte; ornitopatologia; herpes virus.Grande área: Ciências AgráriasGrande Área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Patologia Animal / Especialidade: Anatomia Patologia Animal.

Graduação em Medicina Veterinaria

1974 - 1978

Universidade Federal Fluminense

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

1998 - 2000

Pós-Doutorado. , Oklahoma Medical Research Foundation, OMRF, Estados Unidos. , Bolsista do(a): Oklahoma Medical Research Foundation, OMRF, Estados Unidos. , Grande área: Ciências Biológicas

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Morfologia / Subárea: Citologia e Biologia Celular.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Patologia Animal/Especialidade: Anatomia Patologia Animal.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia / Subárea: Imunologia Celular.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

I Simpósio Nacional de Aplicações Biotecnológicas.Células-tronco Mesenquimais da Medula Óssea e do Tecido Adiposo: Semelhanças e Diferenças. 2014. (Simpósio).

V Congresso Brasileiro de Células-Tronco e Terapia celular. Mesenchymal stem cells and osteoblasts as hematopoietic stem cell niche organizers. 2010. (Congresso).

XV Meeting of the Brazilian Society for Cell Biology. Extracellular Matrix Proteins and Cell Migration in a 3D Multicellular Spheroid Model. 2010. (Congresso).

XXI Congresso da Sociedade Brasileira de Microscopia e Microanálise. Biologia de Células Mesenquimais de Estroma de Medula Óssea e Tecido Adiposo e Potencial Terapêutico. 2007. (Congresso).

XXI Reunião Anual da FeSBE. Células Tronco Mesenquimais de Diferentes Tecidos e Microambiente Hematopoético. 2006. (Congresso).

3rd International Symposium on extracellualr Matrix. Cellular interactions in the hematopoietic microenvironment. 2004. (Congresso).

XXXII Reunião Anual da SBBq. BONE MARROW ENVIRONMENT IN HEMATOLOGIC MALIGNANCIES. 2003. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Andressa Moraes Guimarães da Silva

ROSSI, M. I. D.. Avaliação da reatividade de fibroblastos pulmonares provenientes de animais silicóticos em sistema de cultivo celular tridimensional. 2012. Dissertação (Mestrado em Biologia Celular e Molecular) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: Juliane Lopes de Assis

ROSSI, M. I. D.. Caracterização do ciclo celular de linhagem de células-tronco pluripotentes murinas. 2012. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biofísica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Flávia Franco da Cunha

ROSSI, M. I. D.. Tratamento de Isquemia arterial periférica utilizando células mesenquimais modificadas com vetor lentiviral expressando o gene GM-CSF. 2012. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Andressa Sodré de Castro Laino

ROSSI, M. I. D.. Estudo de um sistema de ativação condicional de linfócitos T modificados com receptores quiméricos de antigenos. 2012. Dissertação (Mestrado em Oncologia) - Instituto Nacional de Câncer.

Aluno: Larissa Gutman Paranhos Langhi

ROSSI, M. I. D.. Caracterização Morfológica e análise fenotípica de células multiloculares. 2012. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Giane Daniela Carneiro

ROSSI, M. I. D.. Isolamento e caracterização de células progenitoras endoteliais de medula óssea de camundongos para utilização em terapia celular. 2011. Dissertação (Mestrado em Biologia Celular e Estrutural) - Universidade Estadual de Campinas.

Aluno: Teresa Cristina Fernandes dos Santos

ROSSI, M. I. D.. Expressão e atividade da heparanase em neoplasias pulmonares. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Clarissa Leal de Oliveira Mello

ROSSI, M. I. D.. Efeito do estresse de retículo endoplasmático em linhagem de melanoma: análise de vias de UPR, da expressão de APE/REF-1 e da morte celular. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biofísica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Rodrigo de Carvalho Moreira

ROSSI, M. I. D.. Transplante autólogo de células mononucleares de medula óssea após infarto agudo do miocárdio: comapração de duas técnicas. 2010. Dissertação (Mestrado em Clínica Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Adrienne Bunn Moreno Madureira

ROSSI, M. I. D.. Fatores preditivos para coleta de linfócitos em pacientes com mieloma múltiplo submetidos a mobilização de células-tronco hematopoiéticas. 2010. Dissertação (Mestrado em Clínica Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Andrea Ferreira Haddad

ROSSI, M. I. D.. Transplante autólogo de células mononucelares da medula óssea como tratamento de lesões miocárdicas - comparação entre vias de administração. 2010. Dissertação (Mestrado em Clínica Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Diana Daizy Viveiros

ROSSI, M. I. D.. Inflamação alérgica modifica o fenótipo e a funcionalidade de fibroblastos pulmonares em cultura 3D. 2010. Dissertação (Mestrado em Biologia Celular e Molecular) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: Gabriel Alves da Costa veranio Silva

ROSSI, M. I. D.. Caracterização fenotípia de células dendríticas derivadas de monócitos do sangue de pacientes com mieloma múltiplo após transplante autologo de células tronco hematopoieticas. 2010. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Eduardo Gallatti Yasumura

ROSSI, M. I. D.. Engenharia genetica de um sistema de expressão duradoura e seletiva do VEGF para condição isquemica baseado no sistema integrase C31 e HRE. 2010. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Caroline Pinto Rebello

ROSSI, M. I. D.. Fatores de risco para falha de coleta de células precursoras hematopoiéticas em pacientes com mieloma múltiplo mobilizados com fator estimulador de colônias de granulócitos. 2010. Dissertação (Mestrado em Clínica Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Nathália da Graça Amado

ROSSI, M. I. D.. O flavonóide isoquercitrina modula o ciclo celular de glioblastoma in vitro através da via de sinalização wnt/beta-catenina. 2010. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Nathalia Daflon Yunes

ROSSI, M. I. D.. Relação entre a resistencia a multiplas drogas, a atividade exto-atpasica e a sensibilidade ao ATP e adenosina extracelulares em celulas leucemicas. 2009. Dissertação (Mestrado em Química Biológica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Bernardo Miguel de Oliveira Pascarelli

ROSSI, M. I. D.. O papel do receoptor gama ativado por proliferador de peroxissoma (PPARg) na silicose humana. 2009. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Roberto José Pessoa de Magalhães Filho

ROSSI, M. I. D.. Analise de linfócitos e células dendríticas em pacientes com mieloma múltiplo submetidos a tratamento de manutenção com talidomida e dexametasona após transplante autólogo de medula óssea. 2009. Dissertação (Mestrado em Clínica Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Carolina Pontes Soares

ROSSI, M. I. D.. Efeito da retirada de colesterol membranar sobre cardiomiócitos. 2009. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Juliana Menezes

ROSSI, M. I. D.. Expressão de CD135 e alterações do gene FLT3 nas leucemias agudas infantis. 2009. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Cecilia Rocha de Souza

ROSSI, M. I. D.. O efeito de April na migração de timócitos. 2009. Dissertação (Mestrado em Biologia Celular e Molecular) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: Juliana Dutra Barbosa da Rocha

ROSSI, M. I. D.. Modulação da atividade de linfócitos B pela Warfteína isolada de Cissampelos sympodialis. 2009. Dissertação (Mestrado em Ciências (Microbiologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Lauremília Ricon Gomes Rodrigues da Costa

ROSSI, M. I. D.. O papel da galectina-3 na diferenciação de linfócitos B. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Isabela Cerqueira Barreto

ROSSI, M. I. D.. Utilização de microsferas de hidroxiapatita no reparo de defeitos críticos em calvária de rato. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Fabiana Lopes de Paula

ROSSI, M. I. D.. Avaliação in vivo de um compósito de hidroxiapatita e alginato no reparo ósseo. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Paulo Itamar Ferraz Lessa

ROSSI, M. I. D.. Avaliação funcional do quadril de pacientes submetidos a tratamento da osteonecrose da cabeça femoral com células progenitoras autólogas em anemia falciforme. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: João Batista de Cerqueira

ROSSI, M. I. D.. Efeito do licopeno e de ácido acetil-salicílico na indução de apoptose em células organóides de próstata humana cultivados in vitro. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Caio Guedes Moreira da Silva

ROSSI, M. I. D.. Características da patologia osteo-articular do joelho em pacientes portadores de anemia falciforme. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Jaiesa Zych

ROSSI, M. I. D.. Análise in vivo do potencial cardiogênico de células mesenquimais de medula óssea humana e murina: efeitos de fatores biológicos e elétricos. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Marilia Kimie Shimabukuro

ROSSI, M. I. D.. Interação de precursores neurais adultos com matrizes de laminina. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Jorge Roberto Tavares Almeida

ROSSI, M. I. D.. Efeito do ácido retinóico na indução de apoptose em células de organóides de prstata humana cultivadas in vitro. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Anderson Delano Santos Araujo

ROSSI, M. I. D.. Degeneração gordurosa em músculo esquelético do manquito rotator de ovelhas: um estudo experimental. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Monica

ROSSI, M. I. D.. Estudo do processo de vascularização da retina de camundongos depletados da proteína prion celular. 2007. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Aline Cavaliere

ROSSI, M. I. D.. Efeito do transplante de células mononucleares da medula óssea na lesão renal de animais gld. 2007. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Mariana Emerenciano

ROSSI, M. I. D.. As características moleculares das leucemias agudas de lactentes em coorte brasileira. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Suzana Alves da Silva

ROSSI, M. I. D.. Transplante Autólogo de Células Mononucleares da Medula Óssea para Pacientes com Cardiomiopatia Isquêmica Crônica: Correlação do fenótipo Celular com Evolução Clínica. 2006. Dissertação (Mestrado em Medicina Interna) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Maria Theresa de Souza Accioly

ROSSI, M. I. D.. Estudo do envolvimento de corpúsculos lipídicos e ciclooxigenase-2 (COX-2) no desenvolvimento de adenocarcinoma de cólon. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Débora Morueco Portilho

ROSSI, M. I. D.. Efeitos da depleção de colesterol na via de sinalização Wnt/-catenina durante a diferenciação muscular (suplente e revisor). 2006. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Aline Benjamin

ROSSI, M. I. D.. A influência da fagocitose na apresentação cruzada de antigeno solúvel. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Déborah Vidal Vasconcellos

ROSSI, M. I. D.. Biofosfonatos: estudo do efeito apoptótico nas células linfoides malignas de origem B. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Maria Carolina Ferreira Faria

ROSSI, M. I. D.. Uso do cianoacrilato na síntese de pele de gatas submetidas à ovário-histerectomia visando controle populacional. 2004. Dissertação (Mestrado em Medicina Veterinária ( Clínica e Reprodução Animal)) - Universidade Federal Fluminense.

Aluno: Luciana de Souza de Paiva

ROSSI, M. I. D.. Estudo dos efeitos de Kalanchoe brasiliensis (sayão) na diferenciação linfocitária. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciências (Microbiologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Maria Lúcia Viana Reiss Pistilli

ROSSI, M. I. D.. Caracterização da protease geradora de endostatina humana. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Elaine Sobral da Costa

ROSSI, M. I. D.. Implementação da Detecção de Doença Residual Mínima em Pacientes com Leucemia Linfoblástica Aguda da Infância por Citometria de Fluxo. 2003. Dissertação (Mestrado em Clínica Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Elize Ayumi Hayashi

ROSSI, M. I. D.. Maturação de Linfócitos B in vivo e in vitro: estudo da aquisição da competência para resposta ao LPS. 2002. Dissertação (Mestrado em Ciências (Microbiologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Alex Balduino

ROSSI, M. I. D.. Microambiente subendosteal da medula óssea hematopoética. 2002. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Fabiana Mendes Conti

ROSSI, M. I. D.. Avaliação da amplificação por RT-PCR de material genético extraído de lâminas de aspirados de medula óssea mantidas em arquivo. 2002. Dissertação (Mestrado em Clínica Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Adriano Theodoro da Silva

ROSSI, M. I. D.. Reconstituição de camundongos atímicos por enxertos de timo alogênico embrionário. 2001. Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Federal Fluminense.

Aluno: Flávio Paraguassú Braga

ROSSI, M. I. D.. Junções comunicantes no sistema linfohematopoético: possível papel na regulação da proliferação e morte celular. 2001. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Flávia da Cunha Vasconcelos

ROSSI, M. I. D.. Análise da expressão e atividade das moléculas de influxo e efluxo de drogas em células de leucemia mielóide crônica. 2012. Tese (Doutorado em Oncologia) - Instituto Nacional de Câncer.

Aluno: Renato Sampaio Carvalho

ROSSI, M. I. D.. Caracterização de proteínas de interação com domínio BRCT em tandem de BARD1: Papel de galectina-3 no reparo ao dano de DNA. 2012. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Biofísica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Fátima Rosalina Pereira Lopes

ROSSI, M. I. D.. Efeito da terapia gênica sobre o reparo do nervo periférico: a utilização dos genes VEGF e G-CSF favorecem a regeneração de nervo isquiático após transecção. 2012. Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Flávia Fonseca Bloise

ROSSI, M. I. D.. Influência do escesso de triiodotironina sobre a imunofisiologia murina. 2012. Tese (Doutorado em Ciencias Biologicas - Fisiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Eliene Oliveira Kozlowski

ROSSI, M. I. D.. Dermatans sulfato de ascídias como inibidores de P-selectina: efeitos na metástase, inflamação e trombogênese. 2011. Tese (Doutorado em Química Biológica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Raquel Guimaraes Coelho

ROSSI, M. I. D.. Novas abordagens terapêuticas e marcadores de prognóstico para carcinomas mamários humanos. 2011. Tese (Doutorado em Química Biológica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Tatiana Côrrea Carneiro Lobo

ROSSI, M. I. D.. Ixolaris: um inibidor exógeno do complexo fator VIIa/Fator tecidula bloqueia a sinalização celular mediada por receptor ativado por protease PAR-2 humano. 2011. Tese (Doutorado em Química Biológica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Bianca Amaral Barboza

ROSSI, M. I. D.. O fator de transcrição NFAT1 em células dendríticas é necessário para a modulção da diferenciação de linfócitos T CD4. 2010. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Karina Nakajima

ROSSI, M. I. D.. Avaliação do ciclo celular de células tronco/progenitoras hematopoéticas da medula óssea de camundongos submetidos a desnutrição proteica. 2010. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Paola Romina Amable

ROSSI, M. I. D.. Desenvolvimento de novas moléculas de fator VIII da coagulação sanguínea e a sua purificação a partir de sobrenadantes de cultivos de células animais. 2010. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Lígia de Almeida Paiva Costa

ROSSI, M. I. D.. Estudo dos mecanismos de ativação e do papel imunomodulador das células estreladas hepáticas (HSCs) na esquistossomose experimental murina. 2010. Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Paola Romina Amable

ROSSI, M. I. D.. Desenvolvimento de novas moléculas de fator VIII da coagulação sanguínea e a sua purificação a partir de sobrenadantes de cultivos de células animais. 2010. Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Flavio Henrique Paraguassu braga

ROSSI, M. I. D.. participação da conexina 43 no desenvolvimento da célula hematopoiética na medula óssea. 2009. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Aline Muniz de Oliveira

ROSSI, M. I. D.. Avaliação do reparo ósseo em defeito crítico na clavária de ratos tratados com laser de baixa pot|ência (Arsenieto de Gálio e Alumínio - GaAIAS). 2009. Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Federal Fluminense.

Aluno: Fabricio Montalvão Ferreira

ROSSI, M. I. D.. Doença de Chagas experimental murina: ontogenia e seleção periférica dos linfócitos B e dos anticorpos. 2009. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Biofísica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Sabrina Dick

ROSSI, M. I. D.. Produção e avaliação de arcabouços de poli-hidroxi-alcanoatos para bioengenharia de cartilagem humanas. 2009. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Aline Marie Fernandes

ROSSI, M. I. D.. otimização do cultivo de células-tronco embrionárias humanas e corpos embrióides envolvendo sistemas agitados e esfingosina 1-fosfato como agente anti-apoptótico. 2009. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Helia Christine Dorea de Macedo Zamprogno

ROSSI, M. I. D.. Uso de progenitores mesenquimais autólogos para o tratamento de lesões ósseas em cães (canis familiaris). 2008. Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Luciana Souza de Paiva

ROSSI, M. I. D.. Estudo dos efeitos de Kalanchoe brasiliensis (Saiâo) na linfopoese B e T. 2008. Tese (Doutorado em Ciências (Microbiologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Felipe Leite de Oliveira

ROSSI, M. I. D.. galectina-3 regula a plasmacitogênese nos tecidos linfóides primários, secundários e celomáticos. 2008. Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Gisele Pinto de Faria

ROSSI, M. I. D.. Interação entre o tumor metastático de pulmão e o microambiente cerebral: papel do EGFR na adesão, migração e resistência tumoral. 2008. Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Marco Bernardo Cury Fernandes

ROSSI, M. I. D.. Reconstrução de grandes defeitos ósseos com enxerto homólogo e células osteoprogenitoras autólogas. 2007. Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Elize Ayumi Hayashi

ROSSI, M. I. D.. Papel de agosnistas de receptores tipo Toll no desenvolvimento de linfócitos B. 2006. Tese (Doutorado em Ciências (Microbiologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: José Denison Prado Silva

ROSSI, M. I. D.. Efeito in vivo do rhGH e da vitamina D sobre a morfologia e a atividade da placa de crescimento de ratos urêmicos e in vitro sobre condrócitos humanos. 2005. Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Federal Fluminense.

Aluno: Marcela Freire Vallim de Mello

ROSSI, M. I. D.. Identificação de Helicobacter sp. Na mucosa gástrica de sagüis (Callithrix sp.), com avaliação de alterações histopatológicas e de diferentes métodos de diagnóstico. 2005. Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Federal Fluminense.

Aluno: Ana Paula Fernandes Barbosa

ROSSI, M. I. D.. Efeito in vivo do rhGH e de glicocorticoides sobre a morfologia e a atividade da placa de crescimento de ratos urêmicos e in vitro sobre condrócitos humanos. 2004. Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Federal Fluminense.

Aluno: CRISTIANE BEDRAN MILITO

ROSSI, M. I. D.. Expressão de bcl-2, p53 e da proteína latente de membrana 1 do vírus Epstei-Barr no linfoma de Hodgkin e sua correlação com o prognóstico. 2004. Tese (Doutorado em Clínica Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Denise de Abreu Pereira

ROSSI, M. I. D.. Dipeptidil peptidase IV ? DPPIV/CD26 no sistema hematopoético. 2002. Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Sandra Patricia Hurtado Medina

ROSSI, M. I. D.. Comunicação Intercelular no Sistema Hematopoético. 2002. Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Anneliese Fortuna de AzevedoFreire da Costa

ROSSI, M. I. D.. Caracterização do modelo de cultura tridimensional de células humanas de estroma de linfonodo e ensaios de migração de células dendríticas humanas neste modelo. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Virgínia Guaranis Pereira

ROSSI, M. I. D.. Desenvolvimento e caracterização de cultivo tridimensional de cardiomiócitos para estudos de interação com células da medula óssea e endoteliais. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Luize Gonçalves Lima

ROSSI, M. I. D.. Importância do reconhecimento de fosfatidilserina pelo hospedeiro no estabelecimento de tumores. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Priscila da Cunha Moreno Lopez

ROSSI, M. I. D.. Isolamento e expansão de células estromais da medula óssea de ovelhas: análise da capacidade de proliferação para utilização em bioengenharia ortopédica. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Leandro de Souza Thiago

ROSSI, M. I. D.. Alterações Celulares e Funcionais no Estroma Medular Hematopoético de Pacientes com Mielodisplasia Infantil. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Bianca Amaral Barboza

ROSSI, M. I. D.. Estudo do papel do IFN- na Hiperproliferação Linfocitária de Animais NFAT1-/-. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

ROSSI, M. I. D.BOROJEVIC, RadovanTAKIYA, Cristina M. Seleção Pública de Professor Substituto. 2008. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

ROSSI, M. I. D.. Jornada de Iniciação Científica. 2008. Fundação Oswaldo Cruz.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Deila Maria Ferreira Scharra

SANTOS, J. A.;SCHARRA, D. M. F.. Caracterização de uma amostra do virus da Laringotraqueíte Infecciosa das aves isolada no Estado do Rio de Janeiro. 1985. Dissertação (Mestrado em Medicina Veterinária (Patologia Veterinária)) - Universidade Federal Fluminense.

Adriana César Bonomo

BONOMO, A.. Linfopoese B associada ao granuloma hepático da esquistossomose murina: presença de precursores jovens e inibição de sua diferenciação. 1998. Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Federal Fluminense.

Maria Eugênia Leite Duarte

DUARTE, M. E. L.. Linfopoese B associada ao granuloma hepático da esquistossomose murina: presença de precursores jovens e inibição de sua diferenciação. 1998. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Patologia) - Universidade Federal Fluminense.

Nelson Spector

SPECTOR, N.. Linfopoese B associada ao granuloma hepático da esquistossomose murina: presença de precursores jovens e inibição de sua diferenciação. 1998. Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Federal Fluminense.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Marianna Cavalheiro

DESENVOLVIMENTO DE MODELO IN VITRO DE EQUIVALENTE DE TECIDO ALVEOLAR HUMANO CANDIDATO A MÉTODO ALTERNATIVO PARA TESTES TOXICOLÓGICOS EM NANOPARTÍCULAS DE DIÓXIDO DE TITÂNIO; Início: 2016; Tese (Doutorado em Biotecnologia) - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia; (Coorientador);

Rafaela de Assiz Louback

PAPEL DA ASPIRINA NO CÂNCER DE MAMA:; 2019; Dissertação (Mestrado em Química Biológica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Araci Maria da Rocha Rondon

Caracterização de Linhagens de Carcinoma de Mama e Papel do Fator Tecidual em Células-Tronco do Câncer; 2012; Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Anneliese Fortuna de Azevedo Freire da Costa

Caracterização fenotípica e funcional de subpopulações de linhagem humana de câncer de mama e mecanismos de migração para a medula óssea; ; 2011; Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Danielle Cabral Bonfim

A indução osteogênica modula a expressão de caderinas e beta-catenina em células mesenquimais do estroma da medula óssea humana; 2010; Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Karina Ribeiro da Silva

Caracterização de Células Mesenquimais do Estroma do Tecido Adiposo Humano de pacientes Normais e Ex-obesos; ; 2009; Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Carolina Gouveia da Silva Pedrosa

; Contribuição de Células Mesenquimais do Estroma do Tecido Adiposo na Angiogênese de membros isquêmicos; ; 2009; Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Ana Paula Dantas Nunes de Barros

Desenvolviumento de Culturas Tridimensionais Multicelulares para o Estudo de Interações Celulares no Microambinete Hematopoético; 2007; Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Daniela Bahia Cardozo

EFEITO DE DIFERENTES DOSES DE GLICOCORTICÓIDE NA DIFERENCIAÇÃO PARA A LINHAGEM OSTEOBLÁSTICA DE CÉLULAS MESENQUIMAIS DE ESTROMA DE MEDULA ÓSSEA; 2007; Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Leandro Dutra Borges de Almeida

ANÁLISE DA MIGRAÇÃO DE LINFÓCITOS DA LEUCEMIA LINFOCÍTICA CRÔNICA-B EM CULTURA BI- E TRI-DIMENSIONAL DE ESTROMA DE MEDULA ÓSSEA; 2007; Dissertação (Mestrado em Clínica Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro,; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Maria Claudia Rodrigues Moreira

Estabelecimento de culturas de longa duração de plasmócitos oriundos de pacientes com meiloma múltiplo; 2003; 0 f; Dissertação (Mestrado em Clínica Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro,; Coorientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Anneliese Fortuna de Azevedo Freire da Costa

Galectina-3 extracelular promove a migração do câncer de mama do subtipo triplo negativo de modo dependente de caveolina-1 e da atividade da enzima GnT-V e estimula a ativação da via canônica de Wnt; 2016; Tese (Doutorado em Química Biológica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Paula Nascimento Almeida

CARACTERIZAÇÃO DAS CÉLULAS-TRONCO DE POLPA DENTÁRIA OBTIDAS DE INDIVÍDUOS COM NEUROFIBROMATOSE TIPO 1 E SUA UTILIZAÇÃO PARA ESTUDO IN VITRO DE CONDRÓCITOS DIFERENCIADOS EM CULTIVO BI E TRIDIMENSIONAL; 2016; Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Federal Fluminense,; Coorientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Patricia de Albuquerque Garcia Redondo

Alterações de Vasos Linfáticos do Tecido Adiposo Visceral e Subcutâneo de Pacientes Obesos; 2015; Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Danielle Cabral Bonfim

A clivagem de caderinas por PS1/-secretase induz sinalização nuclear de -catenina e a diferenciação osteogênica de células mesenquimais do estroma da medula óssea; ; 2014; Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Daiana Viera Lopez

Avaliação da População Monomacrofágica do Tecido Adiposo Humano e Análise do potencial Imunomodulador das MSC sobre a diferenciação de Macrófagos; 2012; Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Ana Paula Dantas Nunes de Barros

Papel de galectina-3 e WNT na migração de células neoplásicas de mama em culturas tridimensionais multicelulares que mimetizam o nicho subendosteal; 2011; Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Leandra Santos Baptista

CARACTERIZAÇÃO MORFO-FUNCIONAL E MOLECULAR DAS CÉLULAS MESENQUIMAIS DO ESTROMA DO TECIDO ADIPOSO E SUA POSSÍVEL IDENTIDADE COM O ESTROMA DA MEDULA ÓSSEA; 2008; Tese (Doutorado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Rhayra Braga Dias

Efeito do Ranelato de Estrôncio sobre a diferenciação osteogênica de Células Mesenquimais derivadas dos estromas da medula óssea e do tecido adiposo humanos; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas: Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Araci Maria da Rocha Rondon

ESTUDO DE INTERAÇÕES CELULARES NO MICROAMBIENTE HEMATOPOÉTICO: CULTURA TRIDIMENSIONAL; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Carolina da Silva Gouveia Pedrosa

Células mesenquimais do estroma do tecido adiposo sustentam a hematopoiese; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Danielle Cabral Bonfim

EFEITO DA DENSIDADE CELULAR E DE GLICOCORTICÓIDES NA DIFERENCIAÇÃO DE CÉLULAS MESENQUIMAIS DO ESTROMA DA MEDULA ÓSSEA PARA A LINHAGEM OSTEOBLÁSTICA; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Karina Ribeiro da Silva

CARACTERIZAÇÃO MORFO-FUNCIONAL DE CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS DE TECIDO ADIPOSO DE PACIENTES HÍGIDOS E EX-OBESOS; 2006; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Ana Paula Dantas Nunes de Barros

Estabelecimento de modelo in vitro tridimensional para estudo das interações celulares no microambiente hematopoético; 2005; 62 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Leandra Santos Baptista

Expansão de Mieloma múltiplo in vitro e análise da sua interação com o estroma medular; 2004; 57 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Maria Isabel Doria Rossi;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Radovan Borojevic

LINFOPOIESE B ASSOCIADA AO GRANULOMA HEPÁTICO DA ESQUISTOSSOMOSE: PRESENÇA DE PRECURSORES JOVENS E INIBIÇÃO DA DIFERENCIAÇÃO; 1998; 0 f; Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Federal Fluminense,; Orientador: Radovan Borojevic;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • SOUZA, W. ; PIPERNI, S. G. ; LAVIOLA, P. ; ROSSI, A. L. ; Rossi, Maria Isabel D. ; ARCHANJO, BRÁULIO S. ; LEITE, P. E. ; FERNANDES, M. H. ; ROCHA, L. A. ; GRANJEIRO, J. M. ; RIBEIRO, A. R. . The two faces of titanium dioxide nanoparticles bio-camouflage in 3D bone spheroids. Scientific Reports , v. 9, p. 9309, 2019.

  • REDONDO, PATRICIA DE ALBUQUERQUE GARCIA ; GUBERT, FERNANDA ; ZAVERUCHA-DO-VALLE, CAMILA ; DUTRA, TATIANA PEREIRA PENA ; AYRES-SILVA, JACKLINE DE PAULA ; FERNANDES, NATASHA ; DE SOUZA, ANTONIO AUGUSTO PEIXOTO ; LOIZIDOU, MARILENA ; TAKIYA, CHRISTINA MAEDA ; ROSSI, MARIA ISABEL DORIA ; BOROJEVIC, Radovan . Lymphatic vessels in human adipose tissue. CELL AND TISSUE RESEARCH , v. 379, p. 511-520, 2019.

  • COSTA, MARIANNA CAVALHEIRO DA ; BARROS, Ana Paula Dantas Nunes de ; LOUBACK, RAFAELA DE ASSIZ ; ROSSI, MARIA ISABEL DORIA . Modelos tridimensionais de cultura de células: aproximando o in vitro do in vivo. Vigilância Sanitária em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia , v. 6, p. 72, 2018.

  • BONFIM, DANIELLE C. ; DIAS, RHAYRA B. ; FORTUNA-COSTA, ANNELIESE ; CHICAYBAM, LEONARDO ; Lopes, Daiana V. ; Dutra, Hélio S. ; BOROJEVIC, R. ; BONAMINO, MARTIN ; MERMELSTEIN, CLAUDIA ; ROSSI, MARIA I. D. . PS1/-secretase-mediated cadherin cleavage induces -catenin nuclear translocation and osteogenic differentiation of human Bone Marrow Stromal Cells. Biomedical Advances , v. 2017Feb, p. 1, 2017.

  • BONFIM, DANIELLE C. ; DIAS, RHAYRA B. ; FORTUNA-COSTA, ANNELIESE ; CHICAYBAM, LEONARDO ; Lopes, Daiana V. ; Dutra, Hélio S. ; BOROJEVIC, Radovan ; BONAMINO, MARTIN ; MERMELSTEIN, CLAUDIA ; Rossi, Maria Isabel D. . PS1/ -Secretase-Mediated Cadherin Cleavage Induces -Catenin Nuclear Translocation and Osteogenic Differentiation of Human Bone Marrow Stromal Cells. Stem Cells International , v. 2016, p. 1-14, 2016.

  • CARNEIRO, KATIA ; DE BRITO, JOSE M. ; ROSSI, MARIA I. D. . Development by three-dimensional approaches and four-dimensional imaging: To the knowledge frontier and beyond. Birth Defects Research. Part C: Embryo Today Reviews , v. 105, p. n/a-n/a, 2015.

  • CORDEIRO, I. R. ; LOPES, D. V. ; ABREU, J. G. ; CARNEIRO, K. ; ROSSI, M. I. D. ; BRITO, J. M. . Chick embryo xenograft model reveals a novel perineural niche for human adipose-derived stromal cells. Biology Open , v. 00, p. 1-14, 2015.

  • MENEZES, KARLA ; Lopes, D. V. ; NASCIMENTO, MARCOS ASSIS ; GONÇALVES, JULIANA PENA ; CRUZ, ALINE SILVA ; CURZIO, BIANCA ; BONAMINO, MARTIN ; DE MENEZES, JOÃO RICARDO LACERDA ; BOROJEVIC, Radovan ; ROSSI, M. I. D. ; COELHO-SAMPAIO, TATIANA . Human Mesenchymal Cells from Adipose Tissue Deposit Laminin and Promote Regeneration of Injured Spinal Cord in Rats. Plos One , v. 9, p. e96020, 2014.

  • Castelo-Branco, Morgana T. L. ; Soares, Igor D. P. ; Lopes, Daiana V. ; Buongusto, Fernanda ; Martinusso, Cesonia A. ; do Rosario, Alyson ; Souza, Sergio A. L. ; Gutfilen, Bianca ; Fonseca, Lea Mirian B. ; Elia, Celeste ; Madi, Kalil ; Schanaider, Alberto ; Rossi, Maria Isabel D. ; Souza, Heitor S. P. . Intraperitoneal but Not Intravenous Cryopreserved Mesenchymal Stromal Cells Home to the Inflamed Colon and Ameliorate Experimental Colitis. Plos One , v. 7, p. e33360, 2012.

  • Thiago, L.S. ; Costa, E.S. ; Lopes, D.V. ; Otazu, I.B. ; Nowill, A.E. ; Mendes, F.A. ; Portilho, D.M. ; Abreu, J.G. ; Mermelstein, C.S. ; Orfao, A. ; ROSSI, M. I. D. ; BOROJEVIC, Radovan . The Wnt signaling pathway regulates Nalm-16 b-cell precursor acute lymphoblastic leukemic cell line survival and etoposide resistance?. Biomedicine & Pharmacotherapy , v. 64, p. 63-72, 2010.

  • de Barros, Ana Paula D. N. ; Takiya, Christina M. ; Garzoni, Luciana R. ; Leal-Ferreira, Mona Lisa ; Dutra, Hélio S. ; Chiarini, Luciana B. ; MEIRELLES, Maria Nazareth ; BOROJEVIC, Radovan ; Rossi, Maria Isabel D. . Osteoblasts and Bone Marrow Mesenchymal Stromal Cells Control Hematopoietic Stem Cell Migration and Proliferation in 3D In Vitro Model. Plos One , v. 5, p. e9093, 2010.

  • ROSSI, M. I. D. ; BAPTISTA, L. S. ; SILVA, Karina Ribeiro da ; CLAUDIO DA SILVA, Cesar S ; PEDROSA, Carolina Gouveia da Silva ; Souza, M. C. A. ; Mello-Coelho V ; TAKIYA, Cristina M ; BOROJEVIC, Radovan . Adipose Tissue of Control and Ex-Obese Patients Exhibit Differences in Blood Vessel Content and Resident Mesenchymal Stem Cell Population. Obesity Surgery , v. 19, p. 1304-1312, 2009.

  • Rossi, Maria Isabel D. ; BOROJEVIC, Radovan . Terapias celulares do miocárdio com células da medula óssea. Critérios de qualidade e perspectivas.. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia (Impresso) , v. 31, p. 82-86, 2009.

  • Samoto VY ; DOHMANN, Hans R Fernando ; SILVA, Suzana A ; TAKIYA, Cristina M ; ROSSI, M. I. D. ; BOROJEVIC, Radovan . Padrão de distribuição de células mononucleares de medula óssea em tecido cardíaco sadio por diferentes vias de infusão. Revista Brasileira de Cardiologia Invasiva , v. 17, p. 220-226, 2009.

  • Garzoni, Luciana R. ; Rossi, Maria Isabel D. ; de Barros, Ana P.D.N. ; Guarani, Virgínia ; Keramidas, Michelle ; Balottin, Luciene B.L. ; Adesse, Daniel ; Takiya, Christina M. ; Manso, Pedro Paulo ; Otazú, Ivone B. ; MEIRRELLES, Maria Nazareth ; BOROJEVIC, Radovan . Dissecting coronary angiogenesis: 3D co-culture of cardiomyocytes with endothelial or mesenchymal cells. Experimental Cell Research , v. 315, p. 3406-3418, 2009.

  • GARZONI, Luciana Ribeiro ; ADESSE, D. ; Azzam Em ; ROSSI, M. I. D. ; BOROJEVIC, Radovan ; MEIRELLES, Maria Nazareth . Fibrosis and hypertrophy Induced by Trypanosoma cruzi in a three-dimensional cardiomyocyte-culture system. The Journal of Infectious Diseases , v. 197, p. 906-916, 2008.

  • DOHMANN, Hans R Fernando ; SILVA, Suzana A ; SOUSA, Andre L S ; ROSSI, M. I. D. ; TAKIYA, Cristina M ; BOROJEVIC, Radovan . Bone-marrow mononuclear cells therapy of severe ischemic heart failure. Comptes Rendus. Biologies , v. 330, p. 543-549, 2007.

  • BAPTISTA, L. S. ; PEDROSA, Carolina Gouveia da Silva ; SILVA, Karina Ribeiro da ; OTAZU, Ivone B ; TAKIYA, Cristina M ; DUTRA, H. S. ; CLAUDIO DA SILVA, Cesar S ; BOROJEVIC, Radovan ; ROSSI, M. I. D. . Bone marrow and adipose tissue-derived mesenchymal stem cells: How close are they?. Journal of Stem Cells , v. 2, p. 73-90, 2007.

  • ROSSI, M. I. D. ; YAMASHITA, Y. ; Phee, H ; TUDOR, K. S. ; Parnes, J.R. ; Coggeshall, K.M. ; KINCADE, Paul W . A Unique CD72 Epitope Suggests a Potential Interaction with Fc RII/CD32 on B Lineage Lymphocytes. Hybridoma (Larchmont. 2005) , v. 25, p. 107-114, 2006.

  • IGARASHI, Hydeia ; MEDINA, Kay L ; YOKOTA, Takafumi ; ROSSI, M. I. D. ; SAKAGUSHI, Nobuo ; COMP, Phil C ; KINCADE, Paul W . Early lymphoid progenitors in mouse and man are highly sensitive to glucocorticoids. International Immunology , v. 17, n.5, p. 501-511, 2005.

  • DOHMANN, Hans R Fernando ; PERIN, Emerson C ; BOROJEVIC, Radovan ; SILVA, Suzana A ; SOUSA, Andre L S ; SILVA, Guilherme V ; ASSAD, João A R ; ROSSI, M. I. D. ; MESQUITA, Claudio T ; DOHMMAN, Hans J F . Sustained improvement in symptoms and exercise capacity up to six months after autologous transendocardial transplantation of bone marrow mononuclear cells in patients with severe ischemic heart disease. Arquivos Brasileiros de Cardiologia , v. 84, p. 360-366, 2005.

  • DOHMANN, Hans R Fernando ; PERIN, Emerson C ; TAKIYA, Cristina M ; SILVA, Guilherme V ; SILVA, Suzana A ; SOUSA, Andre L S ; MESQUITA, Claudio T ; ROSSI, M. I. D. ; PASCARELLI, Bernardo Mo ; ASSIS, Im ; DUTRA, Hélio dos Santos ; ASSAD, João A R ; BRANCO, R V Castello ; DRUMMOND, C ; DOHMMAN, Hans J F ; WILLERSON, James T ; BOROJEVIC, Radovan . Transendocardial autologous bone marrow mononuclear cell injection in ischemic heart failure: postmortem anatomicopathologic and immunohistochemical findings.. Circulation (New York) , v. 112, n.4, p. 521-526, 2005.

  • ROSSI, Maria Ines Doria ; BARRETO, e de Oliveira ; PIRES, A L ; ROSSI, M. I. D. ; DIAS, V A ; CORDEIRO, Renato S ; MARTINS, Marco Aurélio ; LIMA, Márcia C . Long-term exacerbation by interleukin 13 of IgE-mediated eosinophilia in rats.. International Immunopharmacology , v. 5, n.9, p. 1353-1364, 2005.

  • ROSSI, M. I. D. ; BARROS, Ana Paula Dantas Nunes de ; BAPTISTA, Leandra Santos ; GARZONI, Luciana Ribeiro ; MEIRELLES, Maria Nazareth ; TAKYIA, Christina Maeda ; PASCARELLI, Bernardo M O ; DUTRA, Hélio dos Santos ; BOROJEVIC, Radovan . Multicellular spheroids of bone marrow stromal cells: a three-dimensional in vitro culture system to study migration of hematopoietic cells. Brazilian Journal of Medical and Biological Research , São Paulo, SP, Brazil, v. 38, p. 1455-1462, 2005.

  • BOROJEVIC, Radovan ; ROELA, R. A. ; RODARTE, R. S. ; THIAGO, L. S. ; PASINI, F. S. ; CONTI, F. ; ROSSI, M. I. D. ; REIS, L. F. L. ; LOPES, L. F. ; BRENTANI, M. M. . Bone marrow stroma in childhood myelodysplastic syndrome: composition, ability to sustain hematopoiesis in vitro, and altered gene expression. Leukemia Research , v. 28, p. 831-844, 2004.

  • KOLAR, Grant ; YOKOTA, Takafumi ; ROSSI, M. I. D. ; NATH, S K ; CAPRA, J Donald . Human fetal, cord blood, and adult lymphocyte progenitors have similar potential for generating B cells with a diverse immunoglobulin repertoire. Blood (Philadelphia, PA) , v. 104, n.9, p. 2981-2987, 2004.

  • PERIN, Emerson C ; DOHMANN, Hans R Fernando ; BOROJEVIC, Radovan ; SILVA, Suzana A ; SOUSA, Andre L S ; SILVA, Guilherme V ; MESQUITA, Claudio T ; BELEM, Luciano ; VAUGHN, William K ; RANGEL, Fernando O D ; ASSAD, João A R ; CARVALHO, Antonio Carlos Campos de ; BRANCO, R V ; ROSSI, M. I. D. ; DOHMMAN, Hans J F ; WILLERSON, James T . Improved exercise capacity and ischemia 6 and 12 months after transendocardial injection of autologous bone marrow mononuclear cells for ischemic cardiomyopathy. Circulation (New York) , v. 110, n.11Supll1, p. II213-II218, 2004.

  • ROSSI, M. I. D. ; YOKOTA, Takafumi ; MEDINA, Kay L ; GARRETT, K. P. ; COMP, Phil C ; SHIPUL, A. H. ; KINCADE, Paul W . B lymphopoiesis is active throughout human life, but there are developmental age related changes. Blood (Philadelphia, PA) , v. 101, p. 576-584, 2003.

  • PERIN, Emerson C ; DOHMANN, Hans R Fernando ; BOROJEVIC, Radovan ; SILVA, Suzana A ; SOUSA, Andre L S ; MESQUITA, Claudio T ; ROSSI, M. I. D. ; CARVALHO, Antonio Carlos Campos de ; DUTRA, H. S. ; DOHMMAN, Hans J F ; SILVA, Guilherme V ; BELEM, Luciano ; VIVACQUA, R. ; RANGEL, Fernando O D ; ESPORCATTE, R. ; GENG, Y. G. ; VAUGHN, William K ; ASSAD, João A R ; MESQUITA, E. T. ; WILLERSON, James T . Transendocardial, autologous bone marrow cell transplantation for sevre, chronic ischemic heart failure. Circulation (New York) , v. 107, p. 2294-2302, 2003.

  • PINHO, M. F. B. ; HURTADO, S. P. ; ELCHEIKH, M. C. ; ROSSI, M. I. D. ; DUTRA, H. S. ; BOROJEVIC, Radovan . Myelopoiesis in the omentum of normal mice during abdominal inflammatory processes. Cell and Tissue Research , v. 308, p. 87-96, 2002.

  • KINCADE, Paul W ; IGARASHI, Hydeia ; MEDINA, Kay L ; KOURO, T. ; YOKOTA, Takafumi ; ROSSI, M. I. D. ; OWEN, J. J. T. ; GARRETT, K. P. ; SUN, X. H. ; SAKAGUSHI, Nobuo . Lymphoid lineage cells in adult murine bone marrow diverge from those of other blood cells at an early, hormone-sensitive stage. Seminars in Immunology , Estados Unidos, v. 14, n.6, p. 385-394, 2002.

  • KINCADE, Paul W ; OWEN, J. J. T. ; IGARASHI, Hydeia ; KOURO, T. ; YOKOTA, Takafumi ; ROSSI, M. I. D. . Nature or nurture? Steady-state lymphocyte formation in adults does not recapitulate ontogeny. Immunological Reviews , Copenhagen, v. 187, p. 116-125, 2002.

  • MEDINA, Kay L ; KP Garrett ; THOMPSON, L. F. ; ROSSI, M. I. D. ; PAYNE, K. J. ; KINCADE, Paul W . Identification of very early lymphoid precursors in bone marrow and their regulation by estrogen. Nature Immunology, Grã-Bretanha, v. 2, p. 718-724, 2001.

  • ROSSI, M. I. D. ; MEDINA, Kay L ; GARRETT, K. P. ; KOLAR, Grant ; COMP, P. C. ; SCHULTZ, L. D. ; CAPRA, J Donald ; WILSON, P. ; SCHIPUL, A. ; KINCADE, Paul W . Relatively Normal Human Lymphopoiesis but rapid turnover of newly formed B cells in transplanted nonobese diabetic/SCID mice. The Journal of Immunology, Estados Unidos, v. 167, p. 3033-3042, 2001.

  • KINCADE, Paul W ; MEDINA, Kay L ; PAYNE, K. J. ; ROSSI, M. I. D. ; TUDOR, K. S. ; YAMASHITA, Y. ; KOURO, T. . Early B-lymphocyte precursors and their regulation by sex steroids. Immunol Rev, Estados Unidos, v. 175, p. 128-137, 2000.

  • KINCADE, Paul W ; PAYNE, K. J. ; TUDOR, K. S. ; YAMASHITA, Y. ; MEDINA, Kay L ; ROSSI, M. I. D. ; KOURO, T. . Re-evaluation of B lymphocyte lineage differentiation schemes. Curr Topics Microbiol Immunol, Suiça, v. 251, p. 67-72, 2000.

  • ROSSI, M. I. D. ; DUTRA, Hélio dos Santos ; ELCHEIKH, M. C. ; BONOMO, A. C. ; BOROJEVIC, Radovan . Extramedullar B lymphopoiesis in liver schistosomal granulomas: presence of the early stages and inhibition of the full B cell differentiation. International Immunology , Japao, v. 11, n.4, p. 509-518, 1999.

  • DUTRA, H. S. ; ELCHEIKH, M. C. ; AZEVEDO, S. P. ; ROSSI, M. I. D. ; BOROJEVIC, Radovan . Murine schistosomiasis mansoni: experimental analysis of the bone marrow and peripheral myelopoiesis. Parasitol Res, Franca, v. 84, n.8, p. 668-675, 1998.

  • ELCHEIKH, M. C. ; BONOMO, A. C. ; ROSSI, M. I. D. ; PINHO, M. F. B. ; BOROJEVIC, Radovan . Experimental murine schistosomiasis mansoni: modulation of the B-1 lymphocyte distribution and phenotype expression. Immunobiol, França, v. 199, n.1, p. 51-62, 1998.

  • DUTRA, Hélio dos Santos ; ROSSI, M. I. D. ; AZEVEDO, S. P. ; ELCHEIKH, M. C. ; BOROJEVIC, Radovan . Haematopoietic capacity of colony-forming cells mobilized in hepatic inflammatory reactions as compared to that of normal bone marrow cells. Res Immunol, França, v. 148, n.7, p. 437-444, 1997.

  • Guzman-Silva, MA ; ROSSI, M. I. D. ; Guimarães, JS . Craniopharyngioma in the Mongolian gerbil (Meriones unguiculatus): a case report.. Lab Animal, Estados Unidos, v. 22, n.4, p. 365-368, 1988.

  • MAIA, L. C. ; GUERRA, R. ; ROSSI, M. I. D. . Quantitation of tumor growth in the ears of mice. J Immunol Methods, v. 55, n.1, p. 135-139, 1982.

  • Souza, SO ; ROSSI, M. I. D. ; Oliveira, CS ; TAKYIA, Cristina M . Secretion of acid and carboxylated glycoproteins by hyperplastic intrahepatic biliary ducts (Muciparous metaplasia) in S. mansoni infected mice.. Acta Microscópica , Brasil, v. 6, n.Supl B, p. 452-452, 1997.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

ROSSI, M. I. D. . Membro titular de Banca de tese de Mestrado do Programa de Pós-graduação em Ciências Morfológicas da UFRJ da aluna Maria Lúcia Viana Reiss Pistilli sobre Caracterização da Enzima Geradora da Endostatina Humana. 2004.

ROSSI, M. I. D. . Membro titular de Banca de tese de mestrado do Instituto de Microbiologia da UFRJ da aluna Luciana Souza de Paiva sobre Estudo dos efeitos de Kalanchoe brasiliensis (Sayão) na diferenciação linfocitária. 2004.

ROSSI, M. I. D. . Membro titular de banca de tese de mestrado em Medicina Veterinária da UFF da aluna Maria Carolina Ferreira Faria sobre Uso de cianoacrilato na síntese de pele de gatas submetidas à ovário-histerectomia visando controle populacional. 2004.

ROSSI, M. I. D. . Membro titular da Banca de tese de mestrado em Ciências Morfológicas da UFRJ da aluna Silvia Paulo de Azevedo sobre Síndrome Mielodisplásica: Influência do estroma medular na diferenciação das células hematopoéticas. 2003.

ROSSI, M. I. D. . Membro titular de banca examinadora de monografia de final de curso de bacharelado em Ciências Biológicas Modalidade Médica da UFRJ de Leandro de Souza Thiago sobre Alterações Celulares e Funcionais no estroma Medular Hematopoético de Pacientes com Mielodisplasia Infantil. 2003.

ROSSI, M. I. D. . Membro titular de banca examinadora de monografia de conclusão de curso de bacharelado em Ciências Biológicas Modalidade Médica da UFRJ de Bianca Amaral Barboza sobre Estudo do papel do IFN-gama na hiperproliferação linfocitária de animais NFAT -/-. 2003.

ROSSI, M. I. D. . Membro titular dabanca de tese de mestrado em Clínica Médica da UFRJ de Elaine Sobral da Costa sobre Implementação da detecção de doença residual mínima em pacientes com leucemia linfoblástica aguda da infânica por citometria de fluxo. 2003.

ROSSI, M. I. D. . Membro titular de banca de tese de mestrado em Imunologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro de Elize Ayumi Hayashi sobre Maturação de linfócitos B in vivo e in vitro: estudo da aquisição da competência para resposta ao LPS.. 2002.

ROSSI, M. I. D. . Membro titular de banca de tese de mestrado em Ciências Morfológicas da Universidade Federal do Rio de Janeiro de Alex Balduino sobre Microambiente subendosteal da medula óssea hematopoética.. 2002.

ROSSI, M. I. D. . Membro titular da banca de tese de doutorado em Ciências Morfológicas da UFRJ de Denise de Abreu pereira sobre Dipeptidil peptidase IV (DPPIV/CD26) no sistema hematopoetico. 2002.

ROSSI, M. I. D. . Membro titula da banca de tese de mestrado em Clínica Médica da UFRJ de Fabiana Mendes Conti sobre Avaliação da amplificação por RT-PCR de material genético estraido de lâminas de aspirado de medula óssea mantidas em arquivo. 2002.

ROSSI, M. I. D. . Membro titual da banca de doutorado em Ciências Morfológicas da UFRJ de Sandra Patricia Hurtado Medina sobre Comunicação intercelular no sistema hematopoético: caracterização e papel das interações intercelulares em estromas hematopoéticos. 2002.

ROSSI, M. I. D. . Membro titular de banca examinadora de tese de mestrado em Patologia Experimental da Universidade Federal Fluminense do aluno Adriano Theodoro da Silva sobre Reconstituição de camundongos atímicos por enxertos de timo alogênico embrionário. 2001.

ROSSI, M. I. D. . Membro titular de banca de tese de mestrado em Ciências Morfológicas da Universidade Federal do Rio de Janeiro de Flávio Paraguassú Braga sobre Junções comunicantes no sistema linfohematopoético: possível papel na regulação da proliferação e morte celular.. 2001.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2010 - Atual

    Células mesenquimais derivadas do estroma da medula óssea e do tecido adiposo ? Caracterização, mecanismos de diferenciação e interação no microambiente normal e neoplásico., Descrição: Os avanços na área de Bioengenharia tecidual e terapia celular levantam inúmeras questões relacionadas com as interações celulares que formam um microambiente informativo, capaz de controlar o destino de células-tronco normais e neoplásicas; a caracterização da população celular-alvo; e os mecanismos de ação envolvidos no reparo tecidual. Nos últimos anos abordamos estas questões e desenvolvemos modelos de cultura tridimensional que reproduz propriedades do microambiente medular, colaborando para que este modelo fosse utilizado para a biologia cardíaca. Além disto, implantamos a técnica de isolamento e caracterizamos, fenotípica e por potencial de diferenciação, as células mesenquimais humanas de medula óssea e de tecido adiposo, com análises comparativas entre estas duas populações, que tem permitido o desenvolvimento de colaborações com grupos envolvidos em projetos de terapia celular. O estudo da diferenciação osteogênica de células mesenquimais e sua potencial aplicação em reparo de defeitos ósseos críticos, em associação com hidroxiapatita, estimulou, como parte de projeto em colaboração com o grupo do Centro Brasileiro de Pesquisa Física, investigar seus mecanismos e o efeito de drogas utilizadas no tratamento da osteoporose. O modelo 3D de cultura de medula óssea nos incentivou a pesquisar mecanismos de invasão de tumor de mama, uma vez que, apesar do diagnóstico precoce, em torno de 30-40% das pacientes com cancer de mama evoluem mal, tendo sido observado que isto se correlacionava com disseminação precoce do tumor, principalmente para a medula óssea. Digno de nota, o papel de células do estroma favorecendo a disseminação precoce do tumor tem sido sugerido. Por fim, mas não menos importante, vários estudantes foram capacitados, pois concluiram seu trabalho de conclusão de curso de graduação, desenvolveram suas dissertações de mestrado e defenderam suas teses de doutorado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Maria Isabel Doria Rossi - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2008 - 2011

    Papel das Interações Celulares na Migração e Proliferação de Progenitores Hematopoéticos e Células Tumorais e na Diferenciação Osteogênica, Descrição: Os avanços na área de Bioengenharia tecidual e terapia celular levantam inúmeras questões científicas, entre as quais encontram-se as relacionadas com as interações celulares que formam um microambiente informativo, capaz de controlar o destino de células-tronco normais e neoplásicas. Assim, mecanismos de diferenciação de células mesenquimais do estroma da medula óssea e seu papel na organização tridimensional de nicho capaz de regular a migração e quiescência de progenitores hematopoéticos e células neoplásicas serão investigados. Será dada particular atenção ao papel da ativação da via de Wnt, de moléculas de adesão (caderinas e integrinas) e da quimiocina CXCL12 no controle da diferenciação osteogênica de células mesenquimais do estroma da medula óssea e na interação de progenitores hematopoéticos e células de tumor de mama e próstata com o microambiente medular em modelo de cultura tridimensional que mimetiza o nicho subendosteal. Será dada particular atenção a caracterização de células-tronco neoplásicas. O potencial de diferenciação de células-tronco mesenquimais humanas isoladas de diferentes fontes será investigado em microambiente embrionário que permite interações entre os diferentes folhetos embrionários. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Maria Isabel Doria Rossi - Coordenador / Radovan Borojevic - Integrante / Hélio dos Santos Dutra - Integrante / Nelson Spector - Integrante / Claudia Mermelstein - Integrante / Vitor A Fortuna - Integrante / Fátima Theresinha C. Rodrigues Guma - Integrante / José Marques de Brito Neto - Integrante / José Garcia Rodrigues de Abreu Jr - Integrante / Roger Chammas - Integrante / Takiya, Christina M. - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 24 / Número de orientações: 6

  • 2008 - 2010

    Papel das Interações Celulares na Migração de Progenitores Hematopoéticos e Células Tumorais em Modelo Tridimensional de Cultura de Células Mesenquimais de Estroma da Medula Óssea e na Diferenciação Osteogênica., Descrição: Os avanços na área de Bioengenharia tecidual e terapia celular levantam inúmeras questões científicas, entre as quais encontram-se as relacionadas com as interações celulares que formam um microambiente informativo, capaz de controlar o destino de células-tronco normais e neoplásicas. Assim, mecanismos de diferenciação de células mesenquimais do estroma da medula óssea e seu papel na organização tridimensional de nicho capaz de regular a migração e quiescência de progenitores hematopoéticos e células neoplásicas serão investigados. Será dada particular atenção ao papel da ativação da via de Wnt, de moléculas de adesão (caderinas e integrinas) e da quimiocina CXCL12 no controle da diferenciação osteogênica de células mesenquimais do estroma da medula óssea e na interação de progenitores hematopoéticos e células de tumor de mama com o microambiente medular em modelo de cultura tridimensional que mimetiza o nicho subendosteal.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Maria Isabel Doria Rossi - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2010

    Estudo Comparativo da Biologia de Células Mesenquimais do Estroma da Medula Óssea e do Tecido Adiposo Humanos e Organização de Microambiente Hematopoético., Descrição: A medula óssea (MO) é tradicionalmente vista como um órgão hematopoético, com estroma formado por osteoblastos, próximos a superfície óssea, as células acumuladoras de gordura, as células musculares lisas da parede vascular, o endotélio e as células adventícias, também denominadas de células reticulares, que se encontram na face abluminal do endotélio, emitindo longos prolongamentos para o tecido adjacente. Trabalhos pioneiros demonstraram a presença de células fibroblastóides (as unidades formadoras de colônias de fibroblastos ou CFU-F, colony forming unit-fibroblast) capazes de originar diversos tecidos mesenquimais, como osso, tecido adiposo, cartilagem e tecido muscular. As linhagens que compõem o estroma, incluindo as células com capacidade de sustentar a hematopoese, seriam derivadas desta população de célula-tronco multipotente e quiescente, denominada célula-tronco mesenquimal (MSC, mesenchymal stem cell). Células com características de MSC têm sido isoladas de diferentes tecidos, como tecido adiposo, sangue, sinóvia, músculo esquelético, polpa dentária e placenta e, mais recentemente, o grupo da Dra. Nardi demonstrou que MSC estão presentes em virtualmente todos os tecidos. No entanto, ainda não está claro se as MSC derivadas destes diferentes tecidos apresentam as mesmas propriedades e são, fundamentalmente, as mesmas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Maria Isabel Doria Rossi - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2005 - 2009

    Caracterização das populações celulares que constituem os nichos de células-tronco na medula óssea e de mecanismos de controle da função de células tronco, Descrição: Células tronco são, por definição, capazes de auto-renovação e de originar as células diferenciadas dos tecidos. As células tronco podem ser multipotentes, gerando vários tipos celulares, ou apresentar limitada capacidade de diferenciação, originando exclusivamente um tipo celular. Células com propriedades de células tronco foram identificadas na vida adulta. Estas, ao contrário das células embrionárias pluripotentes, apresentam maior limitação quanto a sua capacidade de diferenciação e seriam tecido ou órgão específicas. Sendo assim, elas contribuiriam apenas localmente com a regeneração dos tecidos. A identidade da célula tronco da medula óssea capaz de contribuir para a regeneração tecidual também tem sido discutida. O microambiente da medula óssea é formado por vários tipos celulares, matriz extracelular e citocinas secretadas pelas células do estroma ou associadas a proteínas da matriz. As células hematopoéticas, que derivam de uma célula tronco multipotente (célula tronco hematopoética), encontram-se nos espaços extravasculares, entre os seios venosos, em íntima associação com o estroma, que forma um continuum tridimensional de células. A população de células que constitui o estroma é heterogênea e inclui células hematopoéticas, como macrófagos, e várias linhagens celulares de origem mesenquimal, incluindo as células denominadas comumente de células reticulares, adipócitos, osteoblastos, endotélio e células musculares lisas da parede de vasos. Estudos pioneiros mostraram que estas populações do estroma são mantidas por uma população de células tronco mesenquimal. A questão sobre a organização de nicho de células-tronco adultas que abriga pelo menos duas diferentes populações, as HSC e as MSC e como estas interagem e modulam sua capacidade de auto-renovação é fundamental para a aplicação de células-tronco em terapia celular e medicina regenerativa.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Maria Isabel Doria Rossi - Coordenador / Radovan Borojevic - Integrante / Hélio dos Santos Dutra - Integrante / Valéria de Mello Coelho - Integrante / Fátima Theresinha C. Rodrigues Guma - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 17 / Número de orientações: 3

  • 2005 - 2007

    Modelo Tridimensional de cultura de células para estudo das interações celulares no microambiente hematopoético, Descrição: Com o objetivo de desenvolver culturas 3-D que mimetizassem a estrutura tridimensional da medula óssea (MO) e permitissem estudar a interação de progenitores hematopoéticos e células neoplásicas num ambiente 3-D, foram desenvolvidos esferóides de células de estroma de MO humana. Foi possível estabelecer esferóides de estroma de MO, cujo diâmetro variou de forma linear em função do número de células inicialmente distribuídas nas placas de cultura. As células de estroma se mantiveram quiescência e produziram ampla rede de fibronectina. Células de LLC-B e linhagens de Mieloma Múltiplo foram co-cultivadas com os esferóide e a migração foi avaliada por citometria de fluxo e microscopia óptica convencional, confocal e eletrônica. Observou-se que as células de Mieloma Múltiplo e de LLC-B foram capazes de migrar nos esferóides. No entanto, diferenças marcantes na capacidade de migrar nas culturas 3D foram observadas. Verificou-se ainda que a migração das células era parcialmente inibida pela toxina pertussis sendo, portanto, dependente de proteína Gi. Estes resultados sugerem que o sistema de cultura em 3D fornece meios para estudar as interações celulares e os mecanismos envolvidos na migração de progenitores hematopoéticos e na infiltração tumoral da MO.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Maria Isabel Doria Rossi - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 9 / Número de orientações: 4

  • 2003 - 2007

    Interações celulares e mecanismos de migração, sobrevivência, proliferação e diferenciação no microambiente hematopoético normal e patológico., Descrição: Os mecanismos celulares que controlam a proliferação e a diferenciação das células hematopoéticas estão presentes nas doenças onco-hematológicas, contribuindo para a progressão e a manutenção de clones transformados,que sobrevivem mesmo após tratamento quimioterápico de altas doses. A caracterização das interações celulares e das modificações do microambiente é fundamental no entendimento da biologia destas doenças e no desenvolvimento de novas terapias. O estudo tem por objetivo estabelecer modelos in vitro, incluindo culturas de longa duração, sistemas tridimensionais e co-culturas, que permitam caracterizar os mecanismos de interação com o estroma medular e as modificações induzidas. O papel de moléculas de adesão, proteína G e fatores solúveis na regulação da adesão, migração e resistência a apoptose serão investigados.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Maria Isabel Doria Rossi - Coordenador., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 11 / Número de orientações: 4

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal do Rio de Janeiro, Instituto de Ciências Biomédicas, Departamento de Histologia e Embriologia. , Rua Professor Rodolfo Paulo Rocco, Ilha do Fundão, 21941-970 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil, Telefone: (21) 25622468, Fax: (21) 25622467, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2002 - Atual

    Universidade Federal do Rio de Janeiro

    Vínculo: Servidor público ou celetista, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 0, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 08/2006

      Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Citologia e Histologia

    • 07/2006

      Ensino, Ciências Biológicas Modalidade Médica, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Interações Celulares

    • 08/2002

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Ciências Biomédicas, Departamento de Histologia e Embriologia.,Linhas de pesquisa

    • 08/2002

      Ensino, Ciências Morfológicas, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Biossegurança e Experimentação Animal, Hematopoese

    • 08/2002 - 12/2006

      Ensino, Psicologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Disciplina de Histologia

    • 02/2003 - 12/2005

      Ensino, Odontologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Biologia Celular, Histologia

  • 1984 - 2002

    Universidade Federal Fluminense

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: ProfessorAdjunto, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Até 1990 atuou como Professor em regime de trabalho de 20h semanais.

    Atividades

    • 03/2001 - 08/2002

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Médicas, Departamento de Patologia e Apoio Clínico.,Linhas de pesquisa

    • 03/2001 - 08/2002

      Ensino, Patologia, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Patologia Geral

    • 02/1983 - 08/2002

      Ensino, Medicina Veterinaria, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Patologia Geral I

  • 1983 - 1989

    Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Médico Veteronário

  • 1981 - 1983

    Companhia Brasileira de Alimentos

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Médico Veterinário