Ricardo Alencar da Silva

Graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (1988), Mestrado em Agronomia (Ciência do Solo) pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (1995), Doutorado em Agronomia (Ciência do Solo e Nutrição de Plantas) pela Universidade Federal da Paraíba (2005). Atualmente é Professor Titular da Universidade Federal do Rio Grande do Norte - Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias. Tem experiência em Agronomia com ênfase em Ciência do Solo, Nutrição de Plantas e Fitotecnia, atuando principalmente nas áreas de Fertilidade do Solo, Agricultura Orgânica, Olericultura e Microbiologia do Solo.

Informações coletadas do Lattes em 18/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Agronomia

2001 - 2005

Universidade Federal da Paraíba
Título: COMPORTAMENTO VEGETATIVO, PRODUTIVO E NUTRICIONAL DO COQUEIRO ANÃO VERDE E PROPRIEDADES QUÍMICAS DO SOLO FERTIRRIGADO COM NITROGÊNIO E POTÁSSIO
LOURIVAL FERREIRA CAVALCANTE. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: COCO; COQUEIRO IRRIGADO; FERTILIDADE DO SOLO; FERTIRRIGAÇÃO; NUTRIÇÃO DE PLANTAS; QUALIDADE DO FRUTO. Grande área: Ciências AgráriasGrande Área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia / Especialidade: Manejo e Tratos Culturais. Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Ciência do Solo / Especialidade: Manejo e Conservação do Solo. Setores de atividade: Educação.

Mestrado em Agronomia (Ciências do Solo)

1992 - 1995

Universidade Federal Rural de Pernambuco
Título: EFEITO DO BRADYRHIZOBIUM E DA CALAGEM NA PRODUÇÃO DE MUDAS DE SABIÁ (Mimosa caesalpinieafolia Benth) EM SOLOS ÁCIDOS DE PERNAMBUCO,Ano de Obtenção: 1995
NEWTON PEREIRA STAMFORD.Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: SOLO - MICROBIOLOGIA; NITROGÊNIO FIXAÇÃO SIMBIÓTICA; CALAGEM - Mimosa caesalpiniaefolia; Bradyrhizobium sp; SABIÁ - INOCULAÇÃO.Grande área: Ciências AgráriasGrande Área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Ciência do Solo / Especialidade: Fertilidade do Solo e Adubação. Setores de atividade: Educação; Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados.

Graduação em Engenharia Agronômica

1984 - 1988

Universidade Federal Rural de Pernambuco

Curso técnico/profissionalizante

1981 - 1983

Colégio Agrícola Dom Agostinho Ikas - UFRPE

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2008 - 2008

Fundamentos de Geoprocessamento. (Carga horária: 40h). , Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, Brasil.

2005 - 2005

Curso de Elaboração, Análise e Licenciamento de Estudos Ambientais. (Carga horária: 24h). , Conselho Regional de Engenharia e Agronomia, CREA, Brasil.

1999 - 1999

Curso de Atualização de Metodologia de Ensino Para Docentes. (Carga horária: 24h). , Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.

1998 - 1998

Metodologia da Formação Rural Para Instrutor. (Carga horária: 40h). , Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.

1995 - 1995

Curso de Avaliação de Imóveis Rurais. (Carga horária: 40h). , Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, INCRA, Brasil.

1994 - 1994

Curso de Desenvolvimento da Capacidade Gerencial. (Carga horária: 40h). , Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, INCRA, Brasil.

1989 - 1989

Extensão universitária em Treinamento Em Dimensionamento de Sistemas de Irrigação Localizada. (Carga horária: 168h). , Instituto Agronômico de Pernambuco, IPA, Brasil.

1988 - 1988

 Curso Prático em Manutenção de Tratores e Implementos Agrícolas. (Carga horária: 32h). , Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Brasil.

1988 - 1988

 Curso de Manutenção e Manejo de Tratores e Implementos Agrícolas.. (Carga horária: 82h). , Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Brasil.

1986 - 1986

Curso de Criação de Minhocas e Vermicompostagem. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Brasil.

1984 - 1984

I Curso de Agricultura Biológica. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Ciência do Solo/Especialidade: Fertilidade do Solo e Adubação.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Agricultura orgânica.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Microbiologia do Solo.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Ciência do Solo/Especialidade: NUTRIÇÃO VEGETAL.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

SILVA, R. A.; ESPINOLA SOBRINHO, J.; FRIZONE, J. A.. Banca Examinadora de Memorial Descritivo Analítico da Professora Ceres Duarte Guedes Cabral de Almeida.. 2016. Universidade Federal Rural de Pernambuco.

FRANCA NETO, F. A.; LIMA, A. G.;SILVA, R. A.. Comissão Especial de Avaliação de memorial para análise do processo de promoção à classe Titular da Carreira de Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico do Professor Alexandro Diógenes Barreto.. 2015. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte.

FRANCA NETO, F. A.; LIMA, A. G.;SILVA, R. A.. Comissão Especial de Avaliação de memorial para análise do processo de promoção à classe Titular da Carreira de Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico do Professor Gílson Garcia da Silva.. 2015. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte.

FRANCA NETO, F. A.; LIMA, A. G.;SILVA, R. A.. Comissão Especial de Avaliação de memorial para análise do processo de promoção à classe Titular da Carreira de Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico do Professor Caubí Ferreira de Souza Júnior.. 2015. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte.

FRANCA NETO, F. A.; LIMA, A. G.;SILVA, R. A.. Comissão Especial de Avaliação de memorial para análise do processo de promoção à classe Titular da Carreira de Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico do Professor José Beldson Elias Ramos.. 2015. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte.

FRANCA NETO, F. A.; LIMA, A. G.;SILVA, R. A.. Comissão Especial de Avaliação de memorial para análise do processo de promoção à classe Titular da Carreira de Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico do Professor Marco Antônio Calazans Duarte.. 2015. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte.

FRANCA NETO, F. A.; LIMA, A. G.;SILVA, R. A.. Comissão Especial de Avaliação de memorial para análise do processo de promoção à classe Titular da Carreira de Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico do Professor Edilberto Vitorino de Borja.. 2015. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Elaborador de concurso público para Técnico Agrícola da Prefeitura Municipal de Jucurutu, Edital Nº 001/2014. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN). 2014. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Revisor de concurso público para Técnico Agrícola da Prefeitura Municipal de Jucurutu, Edital Nº 001/2014. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN). 2014. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Elaborador de concurso público para Técnico Agrícola da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Potengi, Edital Nº 002/2014. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN).. 2014. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Revisor de concurso público para Técnico Agrícola da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Potengi, Edital Nº 002/2014. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN).. 2014. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Elaborador de concurso público para Técnico Agrícola da Prefeitura Municipal de Boa Saúde, Edital Nº 001/2014. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN).. 2014. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Revisor de concurso público para Técnico Agrícola da Prefeitura Municipal de Boa Saúde, Edital Nº 001/2014. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN).. 2014. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Elaborador do concurso público para Técnico Agrícola da Universidade Federal do Semiárido (UFRN), Edital Nº 053/2013. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN). 2013. Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Revisor de concurso público para Técnico Agrícola da Universidade Federal do Semiárido (UFRN), Edital Nº 053/2013. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN). 2013. Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Elaborador do concurso público para Engenheiro Agrônomo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Edital Nº 07/2012. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN). 2012. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Revisor do concurso público para Engenheiro Agrônomo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Edital Nº 07/2012. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN). 2012. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Revisor do concurso público para Engenheiro Agrônomo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Edital Nº 24/2010. 2010. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Elaborador do concurso público para Técnico Agrícola da Universidade Federal de Sergipe, Edital Nº 12/2010. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN).. 2010. Universidade Federal de Sergipe.

SILVA, R. A.SILVA, A. J. N.. Revisor do concurso público para Técnico Agrícola da Universidade Federal de Sergipe, Edital Nº 12/2010. Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE/ UFRN).. 2010.

CHIAMENTI, A.; BRAZ, J. R. B.;SILVA, R. A.. Membro de Comissão de Processo Seletivo para Professor Efetivo para a área de Produção Animal. 2007. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

CAVALCANTE, J. T.;SILVA, A. J. N.SILVA, R. A.. Membro de Comissão de Processo Seletivo para Professor Substituto para as áreas de Culturas Anuais e Olericultura - UFRN.. 2007. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

LIMA, L. R. F.; OLIVEIRA FILHO, A. M.;SILVA, R. A.. Membro da comissão examinadora do concurso público de provas e títulos para professor das disciplinas de agricultura/irrigação e drenagem.. 1999. Colégio Agrícola Dom Agostinho Ikas - UFRPE.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Helio Almeida Burity

STAMFORD, Newton PereiraBURITY, H. A.; COLACO, W.; CORDEIRO, D. A.. Resposta da Inoculação com Bradyrhizobium e da Calagem na Sabiá (Mimosa caesalpiniefolia) em Dois Solos Ácidos do Estado de Pernambuco. 1995. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Ciências do Solo)) - Universidade Federal Rural de Pernambuco.

Jose Pires Dantas

DANTAS, J. P.; DANTAS, J. A.; OLIVEIRA, F. A.; PEREIRA, W. E.; SOUTO, J. S.; CAVALCANTE, L. F.. Comportamento vegetativo, produtivo e nutricional do coqueiro anão verde, fertirrigado com nitrogênio e potássio. 2005. Tese (Doutorado em Programa de Pó Graduação Em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba.

Raunira da Costa Araújo

Cavalcante, L.F.Dissertação de Mestrado; DISSERTAÇÃO DE MESTRADO;ARAÚJO, R. da C.. Produção e qualidade dos frutos do maracujazeiro-amarelo fertirrigado com nitrogênio e potássio. 2004. Exame de qualificação (Doutorando em Produção Vegetal) - Universidade Federal da Paraíba/Centro de Ciências Agrárias.

Francisco Assis de Oliveira

OLIVEIRA, Francisco Assis deCAVALCANTE, Lourival Ferreira; DANTAS, José Pires; SOUTO, Jacob Silva; PEREIRA, Walter Esfrain. Comportamento vegetativo, produtivo, nutricional do coqueiro anão verde fertirrigado com nitrogênio e potássio e característica químicas do solo. 2005. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba.

Jacob Silva Souto

CAVALCANTE, Lourival Ferreira; OLIVEIRA, Francisco de Assis;PEREIRA, Walter EsfrainSOUTO, J. S.; DANTAS, José Pires. COMPORTAMENTO VEGETATIVO, PRODUTIVO E NUTRICIONAL DO COQUEIRO ANÃO VERDE FERTIRRIGADO COM NITROGENIO E POTÁSSIO. 2005. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba.

Rejane Maria Nunes Mendonça

CAVALCANTE, Lourival FerreiraMENDONÇA, R. M. N.; OLIVEIRA, Francisco de Assis;ARAÚJO, Raunira da Costa. Produção e Qualidade dos Frutos do Maracujazeiro-azedo fertirrigado com nitrogênio e potássio. 2004. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba.

Jose Araujo Dantas

CAVALCANTE, L.F; OLIVEIRA, F.A. de; SOUTO, J.S.; DANTAS, J.P.;DANTAS, J. A.. Comportamento vegetativo, produtivo e nutricional do coqueiro anão verde e propiedades químicas do solo fertirrigado com nitropgênio e potássio. 2005. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba.

Walter Esfrain Pereira

PEREIRA, W. E.CAVALCANTE, Lourival Ferreira; OLIVEIRA, Francisco Assis de;SOUTO, Jacob Silva. Comportamento vegetativo, produtivo e nutricional do coqueiro anão verde fertirrigado com nitrogênio e potássio.. 2005. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Marina Maria Moreno Xavier

Estágio de conclusão do curso técnico em agropecuária; Início: 2017; Orientação de outra natureza; Universidade Federal do Rio Grande do Norte; (Orientador);

Davi Varela de Brito

Estágio de conclusão do curso técnico em agropecuária; Início: 2017; Orientação de outra natureza; Universidade Federal do Rio Grande do Norte; (Orientador);

Guilherme Dantas de Melo

Estágio de conclusão do curso técnico em agropecuária; Início: 2017; Orientação de outra natureza; Universidade Federal do Rio Grande do Norte; (Orientador);

Márcio Henrique de Oliveira Góis

Estudo da produção da mamona (Ricinus communis L; ) em função da aplicação do biofertilizante Vairo e da inoculação com fungos micorrízicos; ; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Ricardo Alencar da Silva;

hudson Neris de oliveira

Estudo do desenvolvimento vegetativo da mamona (Ricinus communis L; ) em função da aplicação do biofertilizante Vairo e da inoculação com fungos micorrízicos; ; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Ricardo Alencar da Silva;

Pauliane Gomes da Silva

Produtividade da mamona (Ricinus communis L; ) em função da aplicação de urina de vaca e da inoculação com fungos micorrízicos; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Ricardo Alencar da Silva;

Maria Amanda de Farias Bezerra

Influência da aplicação de urina de vaca e da inoculação com fungos micorrízicos no desenvolvimento vegetativo da mamona (Ricinus communis L; ); 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Ricardo Alencar da Silva;

Alisson Jorge Nunes de Alcântara

Estágio de conclusão do curso técnico em agropecuária; 2016; Orientação de outra natureza - Universidade Federal do Rio Grande do Norte; Orientador: Ricardo Alencar da Silva;

Floria Manoela Ferreira do Nascimento

Estágio de conclusão do curso técnico em agropecuária; 2015; Orientação de outra natureza; (Técnico em Aropecuária) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte; Orientador: Ricardo Alencar da Silva;

Gabriel Vitor da Fonte

Estágio de conclusão do curso técnico em agropecuária; 2015; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte; Orientador: Ricardo Alencar da Silva;

Yasmim Almerinda Medeiros Bezerra

Estágio de conclusão do curso técnico em agropecuária; 2015; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte; Orientador: Ricardo Alencar da Silva;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Newton Pereira Stamford

Efeito da inoculação com Bradyrhizobium e da calagem em sabiá (Mimosa caesalpiniaefolia) em dois solos ácidos do estado de Pernambuco; 1995; 0 f; Dissertação (Mestrado em Agronomia (Ciências do Solo)) - Universidade Federal Rural de Pernambuco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Newton Pereira Stamford;

Lourival Ferreira Cavalcante

Comportamento vegetativo, produtivo e nutricional do coqueiro anão verde fertirrigado com nitrogênio e potássio; 2005; 104 f; Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Lourival Ferreira Cavalcante;

Rejane Maria Nunes Mendonça

Produção e qualidade dos frutos do maracujazeiro azedo fertirrigado com nitrogênio e potássio; 2004; 72 f; Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba,; Coorientador: Rejane Maria Nunes Mendonça;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • SILVA, APOLINO JOSÉ NOGUEIRA DA ; SILVA, RICARDO ALENCAR DA ; SANTOS, JULIANA DA SILVA ; MEDEIROS, JORDAN CARLOS SILVA DE ; CARVALHO, FABÍOLA GOMES DE ; SILVA, VALÉRIA NOGUEIRA DA ; OLIVEIRA, COSME JALES DE ; ARAÚJO, AFRÂNIO CÉSAR DE ; SILVA, LUIZ EDUARDO SOUZA FERNANDES DA ; GOMES JUNIOR, JÚLIO . SOIL CHEMICAL PROPERTIES AND GROWTH OF SUNFLOWER (HELIANTHUS ANNUUS L.) AS AFFECTED BY THE APPLICATION OF ORGANIC FERTILIZERS AND INOCULATION WITH ARBUSCULAR MYCORRHIZAL FUNGI. REVISTA BRASILEIRA DE CIENCIA DO SOLO , v. 39, p. 151-161, 2015.

  • ARAUJO FILHO, J. T. ; PAES, R.A. ; AMORIM, P. L. ; BARROS, T. S. ; SILVA, R. A. ; SILVA, S. C. . Características morfológicas e valor nutritivo da maniçoba submetida a espaçamentos de plantio e adubações. REVISTA BRASILEIRA DE SAÚDE E PRODUÇÃO ANIMAL (UFBA) , v. 12, p. 573-582, 2011.

  • SILVA, R. A. ; CAVALCANTE, L. F. ; PAES, R. A. ; HOLANDA, J. S. de ; COMASSETTO, F. . Avaliação do estado nutricional do coqueiro anão verde fertirrigado com nitrogênio e potássio. Revista Caatinga , v. 22, p. 119-130, 2009.

  • SILVA, R. A. ; CAVALCANTE, L. F. ; HOLANDA, J. S. de ; PAES, R. A. ; MADALENA, J. A. da S. . Crescimento e produção do coqueiro anão verde fertirrigado com nitrogênio e potássio. Revista Caatinga , v. 22, p. 161-167, 2009.

  • SILVA, R. A. ; CAVALCANTE, L. F. ; HOLANDA, J. S. de ; PEREIRA, W. E. ; MOURA, M. F. ; FERREIRA NETO, M. . Qualidade de frutos do coqueiro-anão verde fertirrigado com nitrogênio e potássio. Revista Brasileira de Fruticultura , v. 28, p. 310-313, 2006.

  • SOUSA, V. C. ; SILVA, R. A. ; CARDOSO, G. D. ; BARRETO, A. B. . Estudos sobre fungos micorrízicos. REVISTA BRASILEIRA DE ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL (IMPRESSO) , v. 10, p. 612-618, 2006.

  • OLIVEIRA, A. P. ; PAES, R. A. ; SOUZA, A. P. de ; DORNELAS, C. S. M. ; SILVA, R. A. . Produção de pimentão em função da concentração de urina de vaca aplicada via foliar e da adubação com NPK.. AGROPECUÁRIA TÉCNICA (UFPB) , v. 25, p. 37-43, 2006.

  • STAMFORD, N. P. ; SILVA, R. A. . Efeito da calagem e inoculação de sabiá em solo da mata úmida e do semi-árido de Pernambuco. PESQUISA AGROPECUARIA BRASILEIRA , v. 35, p. 1037-1045, 2000.

  • PAES, R. A. ; SILVA, R. A. ; CAVALCANTE, L. F. ; HOLANDA, J. S. ; VIEIRA, F. E. R. ; FERNANDES, Y. T. D. ; DANTAS, D. J. . Crescimento do coqueiro anão verde fertirrigado com nitrogênio e potássio. In: XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010, Natal. Anais XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010.

  • PAES, R. A. ; SILVA, R. A. ; CAVALCANTE, L. F. ; HOLANDA, J. S. de ; VIEIRA, F. E. R. ; FERNANDES, Y. T. D. ; MARROCOS, S. T. P. ; DANTAS, D. J. . Produção do coqueiro anão verde fertirrigado com nitrogênio e potássio. In: XXI Congresso brasileiro de fruticultura, 2010, Natal. Anais do XXI Congresso brasileiro de fruticultura, 2010.

  • DANTAS, D. J. ; MENDONCA, V. ; MEDEIROS, E. V. ; GOES, G. B. ; DANTAS, D. J. ; FERNANDES, Y. T. D. ; PAES, R.A. ; SILVA, R. A. . Super fosfato triplo no crescimento inicial de porta-enxerto de pinheira (Annona squamosa L.). In: XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010, Natal. Anais do XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010.

  • MARROCOS, S. T. P. ; SILVA, R. A. ; CAVALCANTE, L. F. ; HOLANDA, J. S. ; PAES, R. A. ; VIEIRA, F. E. R. ; DANTAS, D. J. ; GUIMARAES, I. P. . Teores de Ca, Mg e Cl nas folhas do coqueiro anão verde fertirrigado com nitrogênio e potássio. In: XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010, Natal. Anais do XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010.

  • GUIMARAES, I. P. ; CARDOSO, E. A. ; BENEDITO, C. P. ; OLIVEIRA, L. A. A. ; BATISTA, P. F. ; PAES, R. A. ; SILVA, R. A. ; DANTAS, D. J. . Avaliação do extrato de alga (Raiza®) no desenvolvimento de mudas de mamão.. In: XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010, Natal. Anais do XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010.

  • MARROCOS, S. T. P. ; SILVA, R. A. ; CAVALCANTE, L. F. ; HOLANDA, J. S. de ; PAES, R. A. ; VIEIRA, F. E. R. ; FERNANDES, Y. T. D. ; GUIMARAES, I. P. . Teores de N, P e K nas folhas do coqueiro anão verde fertirrigado com nitrogênio e potássio. In: XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010, Natal. Anais do XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010.

  • SILVA, R. A. ; HOLANDA, J. S. ; CAVALCANTE, L. F. ; FERREIRA NETO, M. ; MOURA, M. F. . Teores de Al, P, K, Ca, Mg e pH em três camadas de um solo quartzarênico fertirrigado com nitrogênio e potássio e cultivado com coqueiro anão verde.. In: XXX Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2005, Recife. Anais do XXX Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2005.

  • HOLANDA, J. S. de ; FERREIRA NETO, M. ; FOLEGATTI, M. V. ; GHEYI, H. R. ; SILVA, R. A. . Relação entre produção e teor de potássio na folha do coqueiro fertirrigado.. In: XXX Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2005, Recife. Anais do XXX Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2005.

  • FERREIRA NETO, M. ; HOLANDA, J. S. de ; FOLEGATTI, M. V. ; GHEYI, H. R. ; SILVA, R. A. . Absorção de manganês pelo coqueiro anão sob fertirrigação nitrogenada.. In: XXX Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2005, Recife. Anais XXX Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2005.

  • SANTOS, D. R. ; STAMFORD, N. P. ; SILVA, R. A. . Efeito do Superfosfato, do fosfogesso e da inoculação com Bradyrhizobium e fungos micorrízicos (VA) em mudas de Sabiá.. In: 45ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, 1993, Recife. 45ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, 1993.

  • SANTOS, J. S. ; MEDEIROS, J. C. S. ; SILVA, A. J. N. ; SILVA, R. A. ; ANDRADE, A. D. M. . Análise de crescimento de girassol (Helianthus annuus L.) em função da aplicação de fertilizantes orgânicos e da inoculação de fungo micorrízico arbuscular.. In: XXII Congresso de Iniciação Científica, UFRN/CNPq, 2011, natal. Anais do XXII Congresso de Iniciação Científica., 2011.

  • MEDEIROS, J. C. S. ; SANTOS, J. S. ; SILVA, A. J. N. ; SILVA, R. A. ; ANDRADE, A. D. M. . Parâmetros de produtividade do girassol (Helianthus annuus L.) em função da aplicação de fertilizantes orgânicos e da inoculação de fungo micorrízico arbuscular.. In: XXII Congresso de Iniciação Científica, UFRN/CNPq., 2011, Natal. Anais do XXII Congresso de Iniciação Científica., 2011.

  • SILVEIRA, P. F. ; SILVA, A. J. N. ; OLIVEIRA, C. J. ; SILVA, R. A. ; ARAÚJO, AFRÂNIO CÉSAR DE . Efeito da adubação com fertilizantes orgânicos e minerais e da inoculação de fungos micorrízicos no balanço nutricional do pinhão manso (Jatropha curcas L.).. In: XXIV Congresso de Iniciação Científica, UFRN/CNPq., 2011, Natal. Anais do XXIV Congresso de Iniciação Científica., 2011.

  • SILVEIRA, L. D. F. ; SILVA, A. J. N. ; OLIVEIRA, C. J. ; SILVA, R. A. ; ARAÚJO, AFRÂNIO CÉSAR DE . Jatropha curcas L. In: XXIV Congresso de Iniciação Científica. UFRN/CNPq., 2011, Natal. Anais do XXIV Congresso de Iniciação Científica. UFRN/CNPq., 2011.

  • HOLANDA, J. S. de ; FERREIRA NETO, M. ; SILVA, R. A. ; CHAGAS, M. C. M. ; SOBRAL, L. F. ; GHEYI, H. R. . Tecnologias para produção intensiva de coco anão verde. Natal: EMPARN, 2007 (Boletim de Pesquisa).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

SILVA, R. A. . Auxiliar Técnico em Agropecuária. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

SILVA, R. A. . Agricultor Familiar. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

SILVA, R. A. . Curso Técnico em Agropecuária. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - Atual

    Influência da adubação com fertilizantes orgânicos e biofertilizantes de rochas nas características químicas do solo cultivado com pinhão manso (Jatropha curcas L.)., Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Apolino José Nogueira da Silva em 04/06/2017., Descrição: A utilização de técnicas de manejo com base agroecológica, tais como o uso de fertilizantes orgânicos gerados nas propriedades rurais e a utilização de biotecnologias como a inoculação de micorrizas em culturas oleaginosas é de fundamental importância em sistemas de produção na agricultura familiar. Neste contexto, o presente projeto tem por objetivo avaliar os efeitos da aplicação de biofertilizantes orgânicos e minerais e da inoculação de fungo micorrízico arbuscular produtividade dos frutos e rendimento de óleo do pinhão manso (Jatropha curcas L.), e nas características químicas de um Argissolo Amarelo Distrófico. O delineamento experimental utilizado no experimento será o de blocos ao acaso em esquema fatorial 6 x 2, correspondendo a seis tratamentos de adubação de cobertura (UV Urina de Vaca; BL Biofertilizante líquido; EP Efluente de piscicultura; BPK - Biofertilizante de rochas fosfatada/potássica; RPK rocha fosfatada/potássica moída; AM adubação mineral) e dois tratamentos de micorrização (com e sem aplicação de fungo micorrízico arbuscular), com quatro repetições. O experimento será realizado em área experimental da Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias Escola Agrícola de Jundiaí, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). A metodologia utilizada para atingir os objetivos do projeto consistirá na determinação de análises do tecido foliar para verificar o balanço nutricional do pinhão manso e de análises químicas do solo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Integrante / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Coordenador / AFRANIO CESAR DE ARAUJO - Integrante / Luiz Eduardo de Souza Fernandes da Silva - Integrante / Valéria Nogueira da Silva - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Características químicas do solo cultivado com pinhão manso (Jatropha curcas L.) sob adubação com fertilizantes orgânicos e biofertilizantes de rocha., Descrição: A utilização de técnicas de manejo com base agroecológica, tais como o uso de fertilizantes orgânicos gerados nas propriedades rurais e a utilização de biotecnologias como a inoculação de micorrizas em culturas oleaginosas é de fundamental importância em sistemas de produção na agricultura familiar. Neste contexto, o presente projeto tem por objetivo avaliar os efeitos da aplicação de biofertilizantes orgânicos e minerais e da inoculação de fungo micorrízico arbuscular produtividade dos frutos e rendimento de óleo do pinhão manso (Jatropha curcas L.), e nas características químicas de um Argissolo Amarelo Distrófico. O delineamento experimental utilizado no experimento será o de blocos ao acaso em esquema fatorial 6 x 2, correspondendo a seis tratamentos de adubação de cobertura (UV ? Urina de Vaca; BL ? Biofertilizante líquido; EP ? Efluente de piscicultura; BPK - Biofertilizante de rochas fosfatada/potássica; RPK ? rocha fosfatada/potássica moída; AM ? adubação mineral) e dois tratamentos de micorrização (com e sem aplicação de fungo micorrízico arbuscular), com quatro repetições. O experimento será realizado em área experimental da Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias Escola Agrícola de Jundiaí, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). A metodologia utilizada para atingir os objetivos do projeto consistirá na determinação de análises do tecido foliar para verificar o balanço nutricional do pinhão manso e de análises químicas do solo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Integrante / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Coordenador / AFRANIO CESAR DE ARAUJO - Integrante / Luiz Eduardo de Souza Fernandes da Silva - Integrante / Valéria Nogueira da Silva - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Efeito da aplicação de biofertilizante líquido no desenvolvimento do sorgo irrigado com água salina, Descrição: Este trabalho tem o objetivo avaliar os efeitos da salinidade da água de irrigação e doses de biofertilizante Ative®, sobre o desenvolvimento de plantas de sorgo [Sorghum bicolor (L.) Moench.] cv. BRS Ponta Negra, em casa de vegetação. As plantas serão cultivadas em vasos contendo solo arenoso. Será aplicado quatro níveis de salinidade: 0,2; 2,5; 4,5; e 6,5 dS m-1. a cofecção das soluções salinas será realizado com a utilização de sais de NaCl, CaCl22H2O e MgCl26H2O, na proporção de 7:2:1. As doses de biofertilizante Ative® serão de 75, 150, 225 e 300 L ha-1. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com quatro repetições, em esquema fatorial 4 x 4. As variáveis matéria seca total; diâmetro do colmo; altura das plantas; área foliar total; suculência foliar e massa específica foliar srão avaliadas como características morfológicas das plantas. Ao longo do período experimental serão realizadas coletas de solo para medição da condutividade elétrica e pH e ao final do experimento as análises de solo, bem como haverá a coleta da agua percolada após as irrigações realizadas como o intuito de verificar a retirada dos sais ao longo do perfil do solo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Integrante / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Integrante / ROBSON ALEXSANDRO DE SOUSA - Coordenador / COSME JALES DE OLIVEIRA - Integrante / Damiana Cleuma de Medeiros - Integrante.

  • 2014 - 2016

    Influência da aplicação do biofertilizante vairo e da inoculação de fungos micorrízicos no desenvolvimento e na produção da mamona (Ricinus communis L.), Descrição: A semente da mamoneira (Ricinus communis L.) possui entre 43% a 50% de óleo vegetal de excelente qualidade e alto valor econômico e pode ser utilizado não somente para produção de biodiesel, mas, também, como matéria prima para mais de 650 produtos industrializados. Assim sendo, a mamona é considerada pelo governo federal a primeira opção para a agricultura familiar, principalmente, no sistema de produção orgânico. Entretanto, sua elevada exigência nutricional em nitrogênio, fósforo e potássio constituem um problema para o cultivo da mamona na agricultura orgânica. Então, como alternativa, este trabalho propõe a aplicação do biofertilizante vairo, que apresenta alta concentração de N e de K. Em relação ao fósforo, a utilização de fungos micorrízicos pode ser uma excelente alternativa, uma vez que esses microrganismos aumentam a absorção do P pela planta. Neste sentido será conduzido, em campo, na Escola Agrícola de Jundiaí (UFRN), um experimento em blocos ao acaso com quatro repetições. O experimento seguirá o esquema fatorial 4 x 2, que corresponde a três volumes do biofertilizante vairo (300 ml, 600 ml e 900ml) e adubação mineral combinados aos tratamentos com e sem a inoculação de fungos micorrízicos. No experimento serão avaliados: altura da planta (cm), diâmetro do caule (cm), número de ramificações principais, número de cachos, número de frutos por cacho, relação semente fruto (%), peso de 100 sementes e rendimento de sementes (kg/ha). As médias serão comparadas pelo teste de Tuckey ao nível de 5% de probabilidade e submetidos à regressão polinomial sendo obtidas equações de regressão a 5% e 10% de probabilidade. O experimento terá como objetivo avaliar os efeitos da aplicação do biofertilizante e a inoculação com fungos micorrízicos sobre o desenvolvimento e a produção na cultura da mamona (Ricinus communisL.) sob sistema de produção orgânico.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Coordenador / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Integrante / AFRANIO CESAR DE ARAUJO - Integrante / ROBSON ALEXSANDRO DE SOUSA - Integrante / COSME JALES DE OLIVEIRA - Integrante / Luiz Eduardo de Souza Fernandes da Silva - Integrante.

  • 2014 - 2015

    Avaliação da época de adubação de rochas fosfatadas e potássicas no desenvolvimento e rendimento de grãos das culturas do milho e do feijão de corda., Descrição: Uma das principais preocupações dos pesquisadores está centrada na utilização de novos fertilizantes que possam ser utilizados de forma menos agressiva ao ambiente e à planta. Os fertilizantes químicos fosfatados e potássicos convencionais usados na agricultura apresentam processos de fabricação com custos elevados, e seu uso contínuo promove riscos de degradação ambiental e salinização do solo. A utilização de rochas fosfatadas e potássicas visa promover a disponibilização dos macronutrientes fósforo e potássio para as plantas, sem agredir o meio ambiente, com economia de energia e baixo custo para os agricultores. os objetivos deste trabalho é desenvolver novas técnicas de adubação com rochas fosfatadas e potássicas visando uma redução do impacto ambiental ocasionado pelos fertilizantes químicos utilizados amplamente na agricultura convencional. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Coordenador / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Integrante / Luiz Eduardo de Souza Fernandes da Silva - Integrante / Valéria Nogueira da Silva - Integrante.

  • 2014 - 2015

    Balanço nutricional do pinhão manso (Jatropha curcas L.) e características químicas do solo em função da adubação com fertilizantes orgânicos e biofertilizantes de rochas., Descrição: O uso de fertilizantes alternativos como biofertilizantes orgânicos e biofertilizantes de rochas pode promover o aumento da produtividade de culturas oleaginosas, resultando em maior economia de produção, sustentabilidade dos sistemas agrícolas e conservação ambiental, visto que estes fertilizantes diminuem a contaminação do solo e dos recursos hídricos pela redução do uso dos fertilizantes químicos solúveis. Neste sentido, a utilização de técnicas de manejo com base agroecológica, tais como o uso de fertilizantes orgânicos gerados nas próprias propriedades rurais e a utilização de biotecnologias como a inoculação de micorrizas em culturas oleaginosas é de fundamental importância em sistemas de produção na agricultura familiar. Neste contexto, o presente projeto tem por objetivo avaliar os efeitos da aplicação de biofertilizantes orgânicos e minerais e da inoculação de fungo micorrízico arbuscular produtividade dos frutos e rendimento de óleo do pinhão manso (Jatropha curcas L.), e nas características químicas de um Argissolo Amarelo Distrófico. O delineamento experimental utilizado no experimento será o de blocos ao acaso em esquema fatorial 6 x 2, correspondendo a seis tratamentos de adubação de cobertura (UV ? Urina de Vaca; BL ? Biofertilizante líquido; EP ? Efluente de piscicultura; BPK - Biofertilizante de rochas fosfatada/potássica; RPK ? rocha fosfatada/potássica moída; AM ? adubação mineral) e dois tratamentos de micorrização (com e sem aplicação de fungo micorrízico arbuscular), com quatro repetições. O experimento será realizado em área experimental da Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias Escola Agrícola de Jundiaí, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). A metodologia utilizada para atingir os objetivos do projeto consistirá na determinação de análises do tecido foliar para verificar o balanço nutricional do pinhão manso e de análises químicas do solo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Integrante / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Coordenador / AFRANIO CESAR DE ARAUJO - Integrante / COSME JALES DE OLIVEIRA - Integrante / FABÍOLA GOMES DE CARVALHO - Integrante / Luiz Eduardo de Souza Fernandes da Silva - Integrante / Valéria Nogueira da Silva - Integrante.

  • 2014 - 2015

    Desenvolvimento inicial e acúmulo de nutrientes em mudas de maracujazeiro em função de combinações de substratos, Descrição: A fruticultura é um dos mais importantes segmentos da agricultura brasileira, sendo responsável por 25 % do que é produzido no país. A área destinada à fruticultura brasileira vem sendo ampliada vertiginosamente, em especial na região Nordeste. A cultura do maracujazeiro, tanto pelas condições edáfoclimáticas favoráveis quanto pela grande aceitação do seu fruto, é bastante disseminada no Brasil. Em geral, a fruta é cultivada por pequenos produtores que utilizam mão-de-obra familiar provida de poucos recursos. Objetiva-se, com este trabalho, 1) avaliar o efeito da mistura de diversos componentes na formulação de substratos para produção de mudas de maracujazeiro e 2) determinar o balanço nutricional na parte aérea do maracujazeiro em função dos diversos substratos utilizados. O trabalho será conduzido na Escola Agrícola de Jundiaí/Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias/Universidade Federal do Rio Grande do Norte em telado sombrite no período de agosto de 2014 a dezembro de 2015. O delineamento experimental será o de blocos casualizados com cinco tratamentos e cinco repetições, sendo os tratamentos: PLANTMAX®: areia lavada: areia barrada (1: 1: 1 v/v), esterco bovino: areia lavada: areia barrada (1: 1: 1 v/v), esterco de codorna: borra de café: areia lavada: areia barrada (1/2: 1/2: 1: 1 v/v), esterco bovino: esterco de codorna: borra de café: areia lavada: areia barrada (1/4: 1:4: 1/2: 1: 1 v/v) e esterco bovino: borra de café: areia lavada: areia barrada (1/2: 1/2: 1: 1 v/v). As plantas serão avaliadas 60 após a semeadura, observando-se os seguintes aspectos: altura da muda (cm), comprimento da raiz (cm); número de folhas (planta), matéria seca da parte aérea (g planta-1), matéria seca da raiz (g planta-1) e matéria seca total (g planta-1). Para a análises química dos tecido foliar serão realizadas coletas aleatoriamente amostras de limbos foliares expandidos de folhas normais, sadias que serão lavadas em água destilada e secas em estufa a 70 °C, até peso constante.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Integrante / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Integrante / AFRANIO CESAR DE ARAUJO - Coordenador / COSME JALES DE OLIVEIRA - Integrante / Ariosto Céleo de Araújo - Integrante / Jussiara de Lima Oliveira Araújo - Integrante.

  • 2011 - 2013

    Efeito da água salina na cultura do milho submetido a diferentes níveis de lâminas de irrigação., Descrição: Na produção da cultura do milho verifica-se na irrigação o uso de água de qualidade duvidosa, principalmente, se for água com alto teor de sais, denominadas de águas salinas, provenientes de mananciais dos mais diversos tipos, seja de superfície ou subterrâneos, causando como conseqüências além da diminuição do potencial agrícola da cultura, possíveis danos ambientais como a salinização do solo e, posteriormente, e mais danoso, desencadear ou acelerar o processo de desertificação de áreas potencialmente agrícolas. As plantas quando submetidas a estresse salino apresentam diferentes reações, dentre os quais a principal é a redução do desenvolvimento, no entanto algumas espécies tendem a tolerar a presença de tal adversidade, conhecida como salinidade limiar, onde a partir desta condição, as plantas diminuem o seu crescimento e desenvolvimento, reduzindo, consideravelmente, o seu rendimento final. A utilização de uma lâmina de irrigação acrescida de uma fração de lixiviação tende a diminuir os efeitos potenciais das águas salinas nos cultivos muito dependendo do tipo de solo e quantidade. O objetivo deste trabalho é avaliar os efeitos de diferentes lâminas de irrigação sobre o crescimento morfológico em plantas de milho (Zea mays L.) irrigadas com água de alta salinidade. O trabalho será desenvolvido em condições de casa de vegetação, situada na Escola Agrícola de Jundiaí - Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias, onde as plantas serão cultivadas em vasos e submetidas a 5 diferentes lâminas de irrigação, distintas frações de lixiviação, com uma água salina confeccionada, em laboratório, a partir de NaCl. O delineamento experimental será o inteiramente casualizado com 5 repetições. Durante a condução do experimento será medido a taxa de crescimento, a aplicação de uma lâmina de água necessária para o desenvolvimento da cultura e adubação de acordo com as necessidades da planta. Após o ciclo da cultura serão realizadas a avaliação de peso fresco da parte aé. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Integrante / ROBSON ALEXSANDRO DE SOUSA - Coordenador / COSME JALES DE OLIVEIRA - Integrante / ROBSON ROGERIO PESSOA COELHO - Integrante.

  • 2011 - Atual

    Efeito da adubação com fertilizantes orgânicos e minerais e da inoculação de fungos micorrízicos no desenvolvimento de pinhão manso (Jatropha curcas L.) e nas propriedades químicas do solo., Descrição: A exploração econômica de culturas para a produção de óleo vegetal vem sendo uma alternativa viável para a geração de emprego e renda na agricultura familiar na região Nordeste do Brasil. O aumento da produtividade das culturas oleaginosas reflete, entre outros fatores, o aumento da fertilidade dos solos, resultando em maior economia de produção, sustentabilidade dos sistemas agrícolas e conservação ambiental. Neste sentido, a utilização de técnicas de manejo com base agroecológica, tais como o uso de fertilizantes orgânicos gerados nas próprias propriedades rurais e a utilização de biotecnologias como a inoculação de micorrizas em culturas oleaginosas é de fundamental importância em sistemas de produção na agricultura familiar. Estas técnicas de manejo são importantes tanto do ponto de vista social, como do ponto de vista ambiental, devido à diminuição da contaminação do solo e dos recursos hídricos pela redução do uso dos fertilizantes químicos solúveis. Neste contexto, o presente projeto tem por objetivo avaliar, num primeiro experimento, em condições de viveiro, os efeitos da aplicação de fertilizantes orgânicos e da inoculação de fungos micorrízicos no crescimento de mudas do pinhão (Jatropha curcas L.), com reconhecido potencial para produção de óleo vegetal para obtenção do biodiesel. O delineamento experimental utilizado no primeiro experimento será o inteiramente casualizado em esquema fatorial de 3 x 2, correspondendo a três tratamentos de adubação orgânica (urina de vaca, biofertilizante líquido e efluente de piscicultura) e dois tratamentos de micorrização (com e sem aplicação de fungo micorrízico arbuscular), com 12 (dose) repetições. Num segundo experimento, em condições de campo, o projeto terá como objetivo avaliar o uso de fertilizantes orgânicos e minerais e da inoculação de fungos micorrízicos nos parâmetros de desenvolvimento e produção do pinhão manso e nas características químicas de um Latossolo Amarelo Distrófico representativo da agricultura do Estado do Rio Grande do Norte. O delineamento experimental utilizado no segundo experimento será o de blocos ao acaso em esquema fatorial 4 x 3 x 2, correspondendo a quatro tratamentos de adubação de fundação orgânica/mineral, três tratamentos com adubação orgânica de cobertura e dois tratamentos de micorrização (com e sem aplicação de fungo micorrízico arbuscular), com três repetições. Os quatro tratamentos da adubação de fundação consistirão de: T1 ? 100% de adubação mineral, em relação à dose recomendada pela análise do solo; T2 ? 65% adubação mineral + 35% esterco bovino, em relação à dose recomendada pela análise do solo; T3 ? 35% adubação mineral + 65% esterco bovino, em relação à dose recomendada pela análise do solo; T1 ? 100% adubação orgânica com esterco bovino, em relação à dose recomendada pela análise do solo. Os tratamentos de adubação de cobertura consistirão de três tipos de fertilizantes líquidos: UV ? Urina de Vaca; BL ? Biofertilizante líquido; EP ? Efluente de piscicultura. Todos estes tratamentos de fertilização serão sujeitos aos tratamentos de micorrização: sem inoculação e com inoculação com fungo micorrízico arbuscular. Os experimentos serão realizados em áreas da Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias Escola Agrícola de Jundiaí, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). A metodologia utilizada para atingir os objetivos do projeto consistirá de medição de parâmetros de crescimento das mudas em viveiro e das plantas no campo, análises de folhas para verificar o balanço de macro e micronutrientes e análises químicas do solo. Esta pesquisa visa fundamentalmente avaliar os efeitos da aplicação de fertilizantes orgânicos e minerais e da inoculação com fungos micorrízicos arbusculares no desenvolvimento de pinhão manso e nas propriedades químicas do solo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Integrante / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Coordenador / AFRANIO CESAR DE ARAUJO - Integrante / COSME JALES DE OLIVEIRA - Integrante / FABÍOLA GOMES DE CARVALHO - Integrante / José Araújo Dantas - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    Influência da aplicação de fertilizantes orgânicos e da inoculação de fungos micorrízicos no desenvolvimento do girassol (Helianthus Annuus L.), Descrição: Uma das utilidades mais expressivas da cultura do girassol é a sua utilização no programa de produção de biodiesel do país, o que a torna também importante para a geração de renda e inclusão social na região Nordeste do Brasil. Entretanto, a agricultura moderna, devido ao seu elevado custo com insumos como fertilizantes químicos, torna-se, na maioria das vezes, inviável para pequenos agricultores. A utilização de técnicas de manejo com base agroecológica tais como o uso de fertilizantes orgânicos e a utilização de biotecnologias como a inoculação de fungos micorrízicos em culturas oleaginosas é de fundamental importância para reduzir os custos de produção na agricultura familiar, bem como do ponto de vista ambiental, devido à diminuição da contaminação ambiental do solo e dos recursos hídricos pela redução do uso dos fertilizantes químicos solúveis. Neste contexto, o presente projeto tem por objetivo avaliar os efeitos da aplicação de fertilizantes orgânicos e minerais e da inoculação de fungos micorrízicos nos parâmetros de desenvolvimento e produção do girassol (Helianthus annuus L.), conhecido como de grande potencial para produção de óleo vegetal para obtenção do biodiesel. O experimento será realizado na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), e será conduzido em delineamento em blocos ao acaso com três repetições, em esquema fatorial 4x2, correspondentes a 4 tratamentos envolvendo manejos de adubação orgânica/mineral (Esterco bovino/ Biofertilizante líquido; Esterco bovino/Urina de vaca; Adubo mineral e Testemunha sem adubação) e 2 tratamentos envolvendo fungos micorrízicos arbusculares (com e sem inoculação do fungos micorrízicos), totalizando 24 parcelas, sendo cada unidade experimental composta por uma área de 6,4 m2. Para análise de crescimento do girassol, serão determinados a cada 21 dias, os parâmetros altura de planta, diâmetro do caule, massa fresca da parte aérea, massa seca da parte aérea e área foliar. Com estes dados serão calculados o. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Integrante / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Coordenador / AFRANIO CESAR DE ARAUJO - Integrante / COSME JALES DE OLIVEIRA - Integrante.

  • 2010 - 2012

    Crescimento de Heliconia psittacorum L. sob diferentes substratos, Descrição: A produção de plantas ornamentais tem ganhando importância na economia do nordeste brasileiro ao passo em que a floricultura tem se difundido cada vez mais rápido no país. A floricultura brasileira movimenta cerca de US$ 1,2 bilhão, anualmente, gerando 200.000 postos de trabalho, sendo o Estado de São Paulo, o responsável por 80% da produção nacional. Objetivou-se com este trabalho avaliar a influência de variados substratos no crescimento de Heliconia psittacorum L. O trabalho será conduzido em estufa na área da Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias/Escola Agrícola de Jundiaí/UFRN. O delineamento experimental utilizado será o inteiramente casualizado com sete tratamentos e cinco repetições, sendo os tratamentos: solo sem adubação, esterco bovino, esterco de ave, húmus de minhoca, torta de mamona lodo de esgoto e NPK. Serão avaliadas as seguintes características: número de perfilhos, altura da planta, área foliar, número de folhas, massa fresca da parte aérea, massa fresca da raiz, massa seca da parte aérea, massa seca da raiz. Serão estimadas: taxa de crescimento absoluto caulinar, taxa de crescimento relativo caulinar, taxa de crescimento absoluto em fitomassa fresca epígea, taxa de crescimento relativo em fitomassa fresca epígea, taxa de crescimento absoluto foliar, taxa de crescimento relativo foliar.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Integrante / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Integrante / AFRANIO CESAR DE ARAUJO - Coordenador / COSME JALES DE OLIVEIRA - Integrante.

  • 2010 - 2012

    Crescimento de hortelã pimenta (Mentha piperita) em diferentes substratos orgânicos, Descrição: São muitos os benefícios da aplicação de resíduos orgânicos na preparação de substratos de crescimento para várias espécies vegetais. Além de serem excelentes fontes de nutrientes para as plantas, os resíduos orgânicos animais e vegetais otimizam a retenção de água e melhoram as características estruturais do solo. Objetiva-se com este trabalho, avaliar o efeito da adubação química e diferentes fonte de adubação orgânica no crescimento de Mentha piperita. O experimento será conduzido em viveiro localizado na Escola Agrícola de Jundiaí/Unidade Acadêmica Especializa em Ciências Agrárias/UFRN. Serão utilizados vasos de polietileno com volume de 5 L preenchidos com cinco diferentes substratos que constituirão cinco tratamentos: Tratamento 1 ? solo + adubo químico NPK; Tratamento 2 ? solo + esterco bovino (3:1); Tratamento 3 ? solo + esterco de coelho; Tratamento 4 ? solo + esterco de codorna; Tratamento 5 ? solo + húmus de minhoca. O experimento será conduzido em delineamento de blocos casualizados com quatro repetições. O solo utilizado será um Latossolo amarelo de textura média-argilosa. A menta será semeada em bandeja de isopor (poliestireno) de 200 cavidades, preenchidas com substrato composto por terra e esterco bovino, na proporção de 3:1. Após o semeio, a bandeja será encaminhada para o viveiro onde será mantida até atingirem a altura de 5 cm quando serão transplantadas para local definitivo. Serão realizadas quatro coletas de dados, em intervalos de 25 dias, a partir do 25º dia após a emergência, onde serão mensurados: altura da planta, diâmetro ao nível do solo, número de folhas, área foliar, massa fresca da parte aérea e massa fresca da raiz. Serão determinados, ainda os seguintes índices fisiológicos de crescimento: taxa de crescimento da cultura, taxa de assimilação líquida, razão de área foliar, área foliar específica, taxa de crescimento relativo foliar, e fator de partição da área foliar. A colheita foi realizada 100 dias após a emergência e o material,. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Integrante / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Integrante / AFRANIO CESAR DE ARAUJO - Coordenador / COSME JALES DE OLIVEIRA - Integrante.

  • 2010 - 2012

    Influência da aplicação de urina de vaca e da inoculação de fungos micorrízicos no desenvolvimento e na produção da mamona (Ricinus communis L.), Descrição: A semente da mamoneira (Ricinus communis L.) possui entre 43% a 50% de óleo vegetal de excelente qualidade e alto valor econômico e pode ser utilizado não somente para produção de biodiesel, mas também, como matéria prima para mais de 650 produtos industrializados. Assim sendo, a mamona é considerada pelo governo federal a primeira opção para a agricultura familiar, principalmente, no sistema de produção orgânico. Entretanto, sua elevada exigência nutricional em nitrogênio, fósforo e potássio constituem um problema para o cultivo da mamona na agricultura orgânica. Então, como alternativa, este trabalho propõe a aplicação de urina de vaca, que apresenta alta concentração de N e de K. Em relação ao fósforo, a utilização de fungos micorrízicos pode ser uma excelente alternativa, uma vez que esses microrganismos aumentam a absorção do P pela planta. Neste sentido será conduzido, em campo, na Escola Agrícola de Jundiaí (UFRN), um experimento em blocos ao acaso com três repetições. O experimento seguirá o esquema fatorial 4 x 2 + 1, que corresponde a quatro volumes de urina de vaca (0 ml, 200 ml, 400 ml e 600ml) combinados com e sem a inoculação de fungos micorrízicos, mais um tratamento adicional, comparativo, com adubação mineral. Neste experimento serão avaliados: altura da planta (cm), diâmetro do caule (cm), número de nós e número de ramificações, número de cachos, número de frutos por cacho, relação semente fruto (%), peso de 100 sementes e rendimento de sementes (kg/ha). As médias serão comparadas pelo teste de Tuckey ao nível de 5% de probabilidade e submetidos à regressão polinomial sendo obtidas equações de regressão a 5% e 10% de probabilidade. O experimento terá como objetivo avaliar os efeitos da aplicação de urina de vaca e da inoculação com fungos micorrízicos sobre o desenvolvimento e a produção da cultura da mamona (Ricinus communisL.) sob sistema de produção orgânico.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Coordenador / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Integrante / AFRANIO CESAR DE ARAUJO - Integrante / ROBSON ALEXSANDRO DE SOUSA - Integrante.

  • 2009 - 2011

    Efeito de combinações de substratos no crescimento de mudas de pimentão (Capsicum annuum L.) em bandejas de isopor., Descrição: Um experimento foi instalado no setor de Olericultura da Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias Escola Agrícola de Jundiaí, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), utilizando como plantas testes o pimentão (Capsicum annuum L.). O experimento foi montado segundo um delineamento inteiramente casualizado com 4 tratamentos de combinação de substratos usados na bandeja de isopor de 128 células para produção das mudas (T1=Composto orgânico comercial; T2= Composto orgânico comercial + solo na proporção 1:1, em volume; T3= Composto orgânico comercial + solo na proporção 2:1, em volume; T4= Composto orgânico comercial + solo na proporção 1:2, em volume; T5= solo). Os tratamentos tiveram 4 repetições com 4 células (plântulas) por parcela. Foi eterminada a emergência das plântulas, além da altura (cm) e o diâmetro do caule (mm) das plântulas, as quais foram realizados aos 14, 21, 28 e 35 dias após a semeadura (DAS); e a massa (g) de matéria fresca e seca da parte aérea e das raízes das plântulas, determinadas aos 35 DAS utilizando as quatro plântulas de cada parcela.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Alencar da Silva - Integrante / APOLINO JOSE NOGUEIRA DA SILVA - Coordenador / JÚLIO GOMES JÚNIOR - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Centro de Tecnologia, Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias. , AV. JUNDIAI S/N, JUNDIAI, 59280000 - Macaíba, RN - Brasil, Telefone: (84) 32716653, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 1996 - Atual

    Universidade Federal do Rio Grande do Norte

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 1994 - 1996

    Universidade Federal do Rio Grande do Norte

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Técnico em Agropecuária, Carga horária: 40

  • 1989 - 1991

    Instituto Agronômico de Pernambuco

    Vínculo: Prestação de serviços técnicos, Enquadramento Funcional: Engenheiro Agrônomo, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Instalação de projetos de irrigação localizada no Semiárido do estado de Pernambuco.

  • 1991 - 1992

    Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Aperfeiçoamento, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Área: Microbiologia do Solo. Orientador: Prof. Dr. Newton Pereira Stamford. Pesquisa: ?Fixação biológica do N2 em leguminosas tropicais e interação com micorrizas? (Bolsa de Aperfeiçoamento).

  • 1994 - 1996

    INSTITUTO NACIONAL DE COLONIZAÇÃO E REFORMA AGRÁRIA

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Técnico Agrícola, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Área de atuação: - Elaboração de projetos em assentamentos rurais; - Seleção de agricultores para projetos de assentamentos rurais; - Fiscalização de obras de infraestrutura em assentamentos rurais - Elaboração de laudos de viabilidade técnica para a implantação de assentamentos rurais. - Fiscalização em propriedades rurais passíveis de desapropriação.