Filipe Moreno Horta

Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal de São Carlos (PPGS/UFSCar). Mestre em Sociologia pelo Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP/UERJ), bolsista CNPq. Bacharel em Ciências Sociais, com ênfase em Sociologia, pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), bolsista FAPESP. Foi Pesquisador Júnior do Centro de Estudos da Metrópole (CEM/CEBRAP) e Pesquisador Associado do NaMargem - Núcleo de Pesquisas Urbanas (UFSCar).

Informações coletadas do Lattes em 20/10/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em andamento em Sociologia

2016 - Atual

Universidade Federal de São Carlos
Título: Vendettas, autoritarismo e estado de exceção: o Presídio Político da Ilha dos Porcos (1931-1942) e o conflito entre São Paulo, Rio Grande do Sul e Getúlio Vargas,
Oswaldo Mario Serra Truzzi. Grande área: Ciências HumanasGrande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia Urbana. Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil / Especialidade: História do Brasil República.

Mestrado em Sociologia

2012 - 2013

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Título: Dia de rebelião: as margens do Estado no cotidiano civil-prisional da Ilha Anchieta (1942-1955),Ano de Obtenção: 2013
Orientador: Luiz Antonio Machado da Silva
Coorientador: Gabriel de Santis Feltran. Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Grande área: Ciências HumanasGrande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: História. Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia.

Graduação interrompida em 2015 em Direito

2014 - Interrompido

Faculdade de Direito de Varginha
Ano de interrupção: 2015

Graduação em Ciências Sociais

2008 - 2011

Universidade Federal de São Carlos
Título: Ordenação, disciplina e punição militar: a ausência da vigilância e a presença de um suplício no Instituto Correcional da Ilha Anchieta (1942-1953)
Orientador: Gabriel de Santis Feltran
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2018 -

Formação Pedagógica - Sociologia. (Carga horária: 1400h). , Universidade Presidente Antônio Carlos, UNIPAC, Brasil.

2016 - 2016

Cartografias do Estado, capital e cidadania no Brasil contemporâneo. (Carga horária: 9h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

2011 - 2011

Antropologia das Relações de Poder. (Carga horária: 12h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

2009 - 2011

Francês. (Carga horária: 162h). , Alliance Francaise, AF, Brasil.

2009 - 2009

Pensamento Político e Social Brasileiro. (Carga horária: 12h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

2000 - 2006

Inglês. (Carga horária: 460h). , Number One, NUMBER ONE, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Francês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia da Violência.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia Urbana.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

BENATTI, N. A. ; BRESSAN, L. M. ; HORTA, F. M. ; BERTOLO, G. . 1º Festival Arte pra Bixo. 2010. (Festival).

HORTA, F. M. ; BRESSAN, L. M. ; SILVA, D. E. M. ; BERTOLO, G. ; MELO, D. R. S. . VIII Semana de Ciências Sociais , UFSCar. 2010. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

II Seminário Conjunto do CEPID CEM. 2016. (Seminário).

Jornadas ?Crimen y Sociedad: diez años de estudios sobre Policía, Delito y Justicia en perspectiva histórica?. Do juiz-de-pavilhão ao piloto: seis décadas de construção histórica de posições políticas entre administração prisional e presos no estado São Paulo (1942-2012). 2016. (Congresso).

Palestra do Prof. Jean Daudelin (Carleton University). 2016. (Outra).

Seminário "Segurança Pública e Encarceramento no Brasil". 2016. (Seminário).

Seminário de Pesquisa "Gestão da (des)ordem e dinâmicas urbanas" (LAPS-USP). 2016. (Seminário).

Congresso Internacional ?Delitos, Policías y Justicia en América Latina?. Conflitos no Estado: as secretarias de governo e a marginalização da direção do Instituto Correcional da Ilha Anchieta (1942-1955). 2013. (Congresso).

Conversa com Prof. Ernesto Laclau (University of Essex), (IESP/UERJ). 2013. (Outra).

Palestra do Prof. Geoffrey Pleyers (UC Louvain),. 2013. (Outra).

Seminário "As Margens da Cidade" (CEM/UFSCar).Uma balada para o outro: as protest songs de Bob Dylan (1961-1965). 2013. (Seminário).

Palestra do Prof. Kees Kooning (Utrecht University e CEDLA/University of Amsterdam), atividade no âmbito do curso, ?Polícia e Policiamento na Literatura Internacional?, ministrado pelo prof. Luiz Antonio Machado da Silva (IESP/UERJ). 2012. (Outra).

Palestra do Prof. Rainer Forst (Goethe University), ?Two Pictures of Justice?. (IESP/UERJ). 2012. (Outra).

Seminário ?Favela é Cidade!? (CEVIS, IBASE, PEEP-EBAPE/FGV). 2012. (Seminário).

Seminário em Homenagem a Amaury de Souza: Trajetória e Personalidade (IESP/UERJ). 2012. (Seminário).

Seminário Franco-Brasileiro Juventude, violência e controle socioespacial na França e no Brasil. 2012. (Seminário).

Seminário História do Direito e das Instituições Políticas (IESP/UERJ, FCRB, IBHD). 2012. (Seminário).

Seminário Internacional ?Segurança Pública, Direitos e Justiça? (FGV). 2012. (Seminário).

Seminário Processos de Estado, Violência e Desigualdades (MN/UFRJ). 2012. (Seminário).

II Seminário do Programa de Pós-Graduação em Sociologia, Sociedade e Subjetividade: desafios sociológicos na contemporaneidade. 2011. (Seminário).

I Seminário Internacional ?Ruralidades, Trabalho e Meio Ambiente". 2011. (Seminário).

IX Congresso de Iniciação Científica (UFSCar). Continuidades e rupturas: contextos e desdobramentos da. 2011. (Congresso).

IX Semana de Ciências Sociais (UFSCar). 2011. (Outra).

IX Semana de Ciências Sociais (UFSCar).Relações e dinâmicas do aparato do Estado no Instituto Correcional da Ilha Anchieta. 2011. (Outra).

Quarta Indomável, apresentação do Dr. Lenin Pires (PPGA/UFF e INCT-InEAC). 2011. (Outra).

Quarta Sociológica, apresentação do Prof. Dr. Luiz Antonio Machado da Silva (IESP/UERJ e IFCS/UFRJ). 2011. (Outra).

XIX Jornadas de Jóvenes Investigadores AUGM: Ciencia en el bicentenario de los pueblos latinoamericanos. A rebelião da Ilha Anchieta (1952) como foco de análise das relações de poder do Estado. 2011. (Congresso).

34º Encontro Anual da ANPOCS. 2010. (Encontro).

Seminário CEBRAP, "Qu'est-ce que l'ethnographie? Débats actuels", proferido pelo Prof. Dr. Daniel Cefaï (EHESS). 2010. (Seminário).

VIII Semana de Ciências Sociais (UFSCar). 2010. (Outra).

Seminário Intermediário da ABCP: a Ciência Política e a Interdisciplinaridade. 2009. (Seminário).

VIII Jornada Científica e Tecnológica (UFSCar). 2009. (Outra).

VI Semana de Ciências Sociais e Estudos Marxistas (UFSCar). 2008. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Frederic Vandenberghe

L. Machado; FELTRAN, G. S.;VANDENBERGHE, Frederic; BRETAS, M. L.. Dia de rebelião. As margens do estado no cotidiano civil-prisional da Ilha Anchieta (1942-1955). 2013. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Instituto de Estudos Sociais e Politicos.

Oswaldo Mário Serra Truzzi

TRUZZI, OSWALDO; FELTRAN, G. S.; CEPEDA, V. A.. O presídio político da Ilha dos Porcos: 1a. fase, 1931 a 1934. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Sociologia) - Universidade Federal de São Carlos.

Vera Alves Cepeda

CEPÊDA, VERA ALVES; FELTRAN, G.; TRUZZI, O. M. S.. O presídio político da Ilha dos Porcos: 1ª fase (1931-1934). 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Sociologia) - Universidade Federal de São Carlos.

Jacqueline Sinhoretto

FELTRAN, G.;SINHORETTO, J.. Ordenação, disciplina e punição militar: a ausência da vigilância e a presença de um suplício no Instituto Correcional da Ilha Anchieta (1942-1953). 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Ciências Sociais) - Universidade Federal de São Carlos.

Gabriel de Santis Feltran

SILVA, L. A. M.;FELTRAN, G. S.; VANDEMBERGHE, F.. Dia de rebelião: as margens do Estado no cotidiano da Ilha Anchieta (1942-1955). 2013. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Gabriel de Santis Feltran

SINHORETTO, J.;FELTRAN, G. S.. A Rebelião de 1952 no presídio da Ilha Anchieta. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais - Bacharelado) - Universidade Federal de São Carlos.

Marcos Luiz Bretas da Fonseca

SILVA, L. A. M.;BRETAS, M. L.. Dia de Rebelião: as margens do estado no cotidiano civil-prisional da Ilha Anchieta (1942-1955). 2013. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Gabriel de Santis Feltran

ORDENAÇÃO, DISCIPLINA E PUNIÇÃO MILITAR: A AUSÊNCIA DA VIGILÂNCIA E A PRESENÇA DE UM SUPLÍCIO NO INSTITUTO CORRECIONAL DA ILHA ANCHIETA (1942-1953); 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Sociais - Bacharelado) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Gabriel de Santis Feltran;

Gabriel de Santis Feltran

Continuidades e rupturas: contexto e desdobramentos da; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Sociais - Bacharelado) - Universidade Federal de São Carlos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Gabriel de Santis Feltran;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • HORTA, F. M. . Quando uma aparente saída ao capitalismo é a concreta individualização: a subjetividade de Bob Dylan na ?ruptura? com o folk (1962-1966). ÁSKESIS , v. 6, p. 218, 2017.

  • FELTRAN, G. S. ; HORTA, F. M. . Carros, drogas, seguros: negócios articulados. In: LABATE, Beatriz C.; RODRIGUES, Thiago. (Org.). Política de Drogas no Brasil: Conflitos e Alternativas. 1ed.Campinas; São Paulo: Mercado das Letras; Núcleo Interdisciplinares de Estudos sobre Psicoativos (NEIP), 2018, v. , p. 169-198.

  • HORTA, F. M. . O que (não) esperar do novo álbum de Bob Dylan. Revista Bula: Literatura e Jornalismo Cultural, http://www.revistabula.com/, 31 ago. 2012.

  • HORTA, F. M. . A rebelião da Ilha Anchieta (1952) como foco de análise das relações de poder do Estado. In: XIX Jornadas de Jóvenes Investigadores: Ciencia en el bicentenario de los pueblos latinoamericanos, 2011, Ciudad del Este. XIX Jornadas de Jóvenes Investigadores AUGM. Ciencia en el bicentenario de los pueblos latinoamericanos. Ciudad del Este, Paraguay: Ediciones UNE, 2011.

  • HORTA, F. M. . A rebelião da Ilha Anchieta (1952) como foco de análise das relações de poder do Estado. In: XIX Jornadas de Jóvenes Investigadores: Ciencia en el bicentenario de los pueblos latinoamericanos, 2011, Ciudad del Este. XIX Jornadas de Jóvenes Investigadores AUGM. Ciencia en el bicentenario de los pueblos latinoamericanos. Ciudad del Este, Paraguay: Ediciones UNE, 2011. p. 193-193.

  • HORTA, F. M. . Continuidades e rupturas: contextos e desdobramentos da. In: IX Congresso de Iniciação Científica UFSCar, 2011, São Carlos. Anais de Eventos da UFSCar, 9ª Jornada, p. 899, 2011, 2011.

  • HORTA, F. M. . Histórias possíveis: as prisões da Ilha Anchieta (1908-1961). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • HORTA, F. M. . Uma história possível: as prisões da Ilha Anchieta (1908-1957). 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • HORTA, F. M. . Documentos históricos no PEIA: breves pontos sobre uma esquecida e antiga ilha prisional (1908-1957). 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • HORTA, F. M. . Mercado de subtração de veículos entre conflitos: sensibilidades entre um crime e a letalidade policial no Estado de São Paulo (1996-2015). 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • HORTA, F. M. . Do juiz-de-pavilhão ao piloto: seis décadas de construção histórica de posições políticas pela administração penitenciária e presos no estado São Paulo (1942-2012). 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • HORTA, F. M. . Conflitos no Estado: as secretarias de governo e a marginalização da direção do Instituto Correcional da Ilha Anchieta (1942-1955). 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • HORTA, F. M. . Uma balada para o outro: as protest songs de Bob Dylan (1961-1965). 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • HORTA, F. M. . O Estado e o Instituto Correcional da Ilha Anchieta: limites e conflitos. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • HORTA, F. M. . Continuidades e rupturas: contextos e desdobramentos da. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • HORTA, F. M. . Dia de rebelião: as margens do Estado no cotidiano civil-prisional da Ilha Anchieta (1942-1955) 2013 (Dissertação).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

HORTA, F. M. . Relatório semestral de pesquisa COTEC/SMA/PEIA. 2017. (Relatório de pesquisa).

HORTA, F. M. . Relatório anual de pesquisa COTEC/SMA/PEIA. 2017. (Relatório de pesquisa).

HORTA, F. M. . Relatório anual de pesquisa COTEC/SMA/PEIA. 2016. (Relatório de pesquisa).

SILVA, João Paulo da ; CONCEICAO, C. F. ; HORTA, F. M. . Ciências Sociais e História: temporalidades, mudanças e permanências. 2016. (Coordenação de GT).

FELTRAN, G. S. ; HORTA, F. M. ; MELO, D. R. S. ; PAZZINI, D. ; PEREIRA, L. F. P. ; TAKAHASHI, H. ; OLIVEIRA, L. M. F. ; BARBOSA, A. R. ; BATISTA, L. G. ; MARTINEZ, M. M. ; MATSUSHITA, L. L. . As margens da cidade: grupos urbanos marginalizados, política e violência em três territórios do estado de São Paulo. 2012. (Relatório de pesquisa).

HORTA, F. M. . Relatório Final de Bolsa de Iniciação Científica. 2011. (Relatório de pesquisa).

HORTA, F. M. . Relatório de Acompanhamento de Bolsa de Iniciação Científica. 2011. (Relatório de pesquisa).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2012 - 2013

    Dia de rebelião: as margens do Estado no cotidiano civil-prisional da Ilha Anchieta (1942-1955), Descrição: A Ilha Anchieta está localizada no litoral norte do Estado de São Paulo, no município de Ubatuba. Um importante sítio que apresenta em seu passado a presença de uma prisão, que perpassou múltiplas formas de encarceramento entre 1908-1955. O escopo da presente dissertação se restringe ao período entre 1942-1955 quando era denominado Instituto Correcional da Ilha Anchieta (ICIA), tendo como momento de inflexão e reflexão uma grande rebelião prisional ocorrida em 20 de junho de 1952. A partir da pesquisa etnográfica, documental e bibliográfica realizada durante a graduação (2011) e mestrado (2012-2013), procurou-se entender, principalmente, como eram organizadas as redes de sociabilidade entre militares, funcionários civis, mulheres, crianças e os indivíduos privados da liberdade, que lá se encontravam encarcerados e ilhados. Durante o percurso historiográfico e micro sociológico, as relações foram sendo reveladas no plano das práticas cotidianas em escalas e perspectivas distintas, mas congruentes, que passaram a ser descritas, revelando uma intrincada malha de sociabilidade que misturava interesses e agentes variados, uma minuciosa trama de conflitos e dinâmicas sociais. O que está em voga são as fronteiras que operam nos momentos de interação social, subdivididas em cotidiano e rebelião, de como as dinâmicas sociais de um sujeito denominado Ilha Anchieta, operam com a população residente e observar, principalmente, a dicotomia entre margens e Estado. A pesquisa permitiu ver como os indivíduos e as categorias operavam tanto no cotidiano, quanto no momento de evento crítico,de rebelião, me levando a afirma que, em momentos de ruptura, há um ?deslaçamento? das dinâmicas previamente construídas para, no momento da ruptura, os indivíduos retornarem discursiva e praticamente às suas esferas categóricas de pertencimento, me levando a crer que, é no cotidiano e nas dinâmicas do dia-a-dia que as formas de nomeação e conceitualização, usualmente marginalizadas, se entrelaçam tanto para dentro, como para fora do Estado. Desse choque surgem possibilidades de análise dos conflitos, contextos políticos e seus desdobramentos na história do sistema prisional paulista.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Filipe Moreno Horta - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 2

  • 2010 - 2012

    As margens da cidade: grupos urbanos, Descrição: Este projeto se propõe a pesquisar circuitos sociais de grupos urbanos considerados marginais na cidade contemporânea, como jovens de periferia, moradores de rua, usuários de drogas, traficantes, criminosos e prostitutas. Rompendo com o senso comum e as abordagens que costumam figurá-los como excluídos da vida social, pretende-se verificar que relações esses sujeitos marginais estabelecem entre si e com outras instâncias sociais e políticas mais amplas, como a família, o mercado de trabalho, as igrejas, as políticas sociais, o mundo do crime e o Estado. Os objetivos específicos do projeto são: i) etnografar os mecanismos de gestão interna dessas populações (códigos de conduta, hierarquia internas, sociabilidades etc.); ii) etnografar as relações desses sujeitos marginais com as esferas da família, do trabalho, políticas sociais, religião, polícia, mundo do crime etc.; iii) comparar esses circuitos marginais em três territórios urbanos distintos do estado de São Paulo: o distrito de Sapopemba, na periferia leste da capital; uma cidade média (São Carlos); e uma pequena cidade do interior paulista.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (9) Doutorado: (2) . , Integrantes: Filipe Moreno Horta - Integrante / Gabriel de Santis Feltran - Coordenador / Daniel Ramos da Silva Melo - Integrante / Domila Pazzini - Integrante / Luiz Fernando de Paula Pereira - Integrante / Henrique Takahashi - Integrante / Luciano Márcio Freitas de Oliveira - Integrante / Aline Ramos Barbosa - Integrante / Liniker Giamarin Batista - Integrante / Leilane Latorre Matsushita - Integrante / Mariana Medina Martinez - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2011

    Continuidades e rupturas: contextos e desdobramentos da "Rebelião de 1952" no presídio da Ilha Anchieta, Descrição: Este projeto de pesquisa propõe um estudo da ?Rebelião de 1952? no Instituto Correcional da Ilha Anchieta (ICIA), em Ubatuba-SP. Seu objetivo geral é reconstruir o contexto social e político desse ?evento crítico? (Das, 1995), na perspectiva de seus protagonistas e observar como a estrutura e as relações sociais naquele contexto poderiam ter possibilitado uma ação de ruptura. Através de pesquisa bibliográfica e documental, pretende-se descrever e analisar: i) contextos e estruturação do Instituto Correcional da Ilha Anchieta, sobretudo entre 1942-1955; ii) relações sociais e políticas que se desenvolveram entre presos, funcionários da Secretaria de Segurança Pública, funcionários da Secretaria de Justiça e moradores da ilha; iii) as etapas de elaboração, planejamento e execução da rebelião. A análise pretende propor hipóteses quanto a possíveis desdobramentos daquela rebelião para o sistema prisional paulista, para possível desenvolvimento posterior.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Filipe Moreno Horta - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa., Número de produções C, T & A: 10

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de São Carlos, Centro de Educação e Ciências Humanas, Departamento de Sociologia. , Universidade Federal de São Carlos, Jardim Guanabara, 13565905 - São Carlos, SP - Brasil, Telefone: (16) 33518673, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2012 - 2014

    Universidade do Estado do Rio de Janeiro

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2013 - 2013

    Universidade do Estado do Rio de Janeiro

    Vínculo: Estágio Docência, Enquadramento Funcional: Professor Estagiário-Docente, Carga horária: 3

    Outras informações:
    Graduação em Psicologia, disciplina: "Sociologia Geral". Estágio supervisionado pelo Prof. Frédéric Vandenberghe (IESP/UERJ).

  • 2016 - 2017

    Universidade Federal de São Carlos

    Vínculo: Estagiário-Docente, Enquadramento Funcional: Estagiário-Docente, Carga horária: 4

    Outras informações:
    Graduação em Ciências Sociais, disciplina: "Sociologia Clássica". Estágio supervisionado pelo Prof. Gabriel de Santis Feltran (UFSCar).

  • 2011 - 2012

    Universidade Federal de São Carlos

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2010 - 2011

    Centro de Estudos da Metrópole

    Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Pesquisador Júnior

    Outras informações:
    Pesquisador no Projeto "As margens da cidade: grupos urbanos 'marginais', política e violência em três territórios do estado de São Paulo"