George Rodrigues Lambais

Possui Licenciatura Plena em Ciências (Habilitação em Biologia) pela Universidade Metodista de Piracicaba (2009), mestrado em Ciências (Fisiologia e Bioquímica de Plantas) pela Universidade de São Paulo (2011) e doutorado em Ciências (Química na Agricultura e no Ambiente) pela Universidade de São Paulo (2015). Entre Março de 2014 e Fevereiro de 2015 foi bolsista de intercâmbio (doutorado sanduíche) no Centre de Coopération Internationale en Recherche Agronomique pour le Développement (CIRAD) - Montpellier, França. Tem experiência nas áreas de Ecofisiologia Vegetal e Microbiologia, atuando principalmente nos seguintes temas: dinâmica e arquitetura radicular, ciclagem de nutrientes, ecologia microbiana do solo, micorrizas, monitoramento ambiental e segurança alimentar. Atualmente é pesquisador no Setor de Recursos Hídricos do INSA/MCTIC, conduzindo pesquisas na área de Reúso de Água na Agricultura do Semiárido Brasileiro e responsável pelo Laboratório de Microbiologia Ambiental.

Informações coletadas do Lattes em 26/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Química na Agricultura e no Ambiente (CAPES 7)

2011 - 2015

Universidade de São Paulo
Título: Produção e mortalidade de raízes finas em plantações de Eucalyptus grandis cultivados em Latossolos (Itatinga - SP)
Marisa de Cássia Piccolo. Coorientador: Jean-Paul Laclau. Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. Palavras-chave: ecofisiologia; carbono; raízes; ciclagem; minirhizotron; Eucalyptus. Grande área: Ciências BiológicasSetores de atividade: Agricultura, Pecuária, Produção Florestal, Pesca e Aqüicultura.

Mestrado em Fisiologia e Bioquímica de Plantas (CAPES 5)

2009 - 2011

Escola Superior de Agronomia "Luiz de Queiroz"
Título: Aminoácidos como coadjuvantes da adubação foliar e do uso do glifosato em soja,Ano de Obtenção: 2011
Paulo Roberto de Camargo e Castro.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: fertilizantes foliares; proteínas; desenvolvimento; sementes; lipídeos.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Fisiologia Vegetal / Especialidade: Ecofisiologia Vegetal. Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Ciência do Solo / Especialidade: Fertilidade do Solo e Adubação. Setores de atividade: Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados.

Graduação em Biologia

2003 - 2008

Universidade Metodista de Piracicaba

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2019 - 2019

Ensaios Antibiofilmes Bacterianos. (Carga horária: 20h). , Instituto Nacional do Semiárido, INSA/MCT, Brasil.

2018 - 2018

Metodologia de Pesquisa Participativa na Agricultura Familiar Agroecológica. (Carga horária: 16h). , Instituto Nacional do Semiárido, INSA/MCT, Brasil.

2018 - 2018

Reúso de Água Agrícola e Florestal. (Carga horária: 40h). , Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.

2017 - 2017

Monitoramento da qualidade da água de rios e reservatórios. (Carga horária: 40h). , Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.

2016 - 2016

Capacitação Fotográfica. (Carga horária: 15h). , Instituto Nacional do Semiárido, INSA/MCT, Brasil.

2011 - 2011

Instrumentação em fisiologia vegetal. (Carga horária: 4h). , Sociedade Brasileira de Fisiologia Vegetal, SBFV, Brasil.

2010 - 2010

Hortas comunitárias e plantas medicinais. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2010 - 2010

Estruturação de artigo para publicação internacion. (Carga horária: 8h). , Escola Superior de Agronomia "Luiz de Queiroz", ESALQ, Brasil.

2009 - 2009

1º Mini-curso de Redação científica. (Carga horária: 9h). , Escola Superior de Agronomia "Luiz de Queiroz", ESALQ, Brasil.

2009 - 2009

1º Mini-curso de Redação científica. (Carga horária: 9h). , Escola Superior de Agronomia "Luiz de Queiroz", ESALQ, Brasil.

2006 - 2006

Perícia e criminalística. (Carga horária: 8h). , Universidade Metodista de Piracicaba, UNIMEP, Brasil.

2006 - 2006

Ecoturismo em áreas naturais protegidas. (Carga horária: 8h). , Universidade Metodista de Piracicaba, UNIMEP, Brasil.

2003 - 2003

Acidentes e Venenos Ofídicos. (Carga horária: 3h). , Universidade Metodista de Piracicaba, UNIMEP, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Francês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Fisiologia Vegetal.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Fisiologia de Plantas Cultivadas.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Fisiologia Vegetal/Especialidade: Ecofisiologia Vegetal.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Silvicultura/Especialidade: Solos Florestais.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Ciência do Solo/Especialidade: Microbiologia e Bioquímica do Solo.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia / Subárea: Biologia e Fisiologia dos Microorganismos/Especialidade: Micologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

LAMBAIS, G.R. . Dia Mundial da Água 2020 - Água e mudanças climáticas. 2020. (Exposição).

LAMBAIS, G.R. . Dia Mundial da Água 2019 - Não deixar ninguém pra trás. 2019. (Exposição).

LAMBAIS, G.R. . Dia Mundial da Água 2018 - A resposta está na natureza. 2018. (Exposição).

LAMBAIS, G.R. . XIV Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. 2017. (Exposição).

LAMBAIS, G.R. . Dia Mundial da Água 2017 - Águas residuárias. 2017. (Exposição).

LAMBAIS, G.R. ; Olandini, Érica . V SERBIO - Semana de Reunião da Biologia. 2006. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

I Congresso Internacional de Meio Ambiente e Sociedade e III Congresso Internacional da Diversidade do Semiárido. Tecnologias de Tratamento e Reúso de Água no Semiárido. 2019. (Congresso).

IV Congresso Nacional de Pesquisa e Ensino em Ciências. Pesquisas Realizadas pelo Laboratório de Microbiologia Ambiental do Instituto Nacional do Semiárido. 2019. (Congresso).

XI Congresso Nacional de Agroecologia. Monitoramento microbiológico de águas residuárias para produção agrícola. 2019. (Congresso).

1° Seminário Arranjo Ecoprodutivo Local Juá-Caatinga: O desenvolvimento tecnológico de fitomedicamentos em rede. 2018. (Seminário).

70ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para Progresso da Ciência. INSA e a pesquisa em recursos hídricos no Semiárido Brasileiro. 2018. (Exposição).

I Congresso Nacional da Diversidade do Semiárido. Águas residuárias como fonte alternativa na produção de mudas de espécies arbóreas da Caatinga. 2018. (Congresso).

IV Semana de Popularização da Ciência do Semiárido Brasileiro.INSA e a pesquisa em recursos hídricos no Semiárido Brasileiro. 2018. (Seminário).

Oficina de raças nativas na agricultura familiar agroecológica. 2018. (Oficina).

II Congresso Internacional da Diversidade do Semiárido. Metodologias de quantificação de bactérias patogênicas em amostras de água. 2017. (Congresso).

III Workshop Internacional sobre Água no Semiárido Brasileiro. Avaliação preliminar de parâmetros qualitativos de águas pluviais no semiárido brasileiro. 2017. (Congresso).

I Simpósio Paraibano do Umbu. 2017. (Simpósio).

XIV Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. Monitoramento microbiológico de águas residuárias. 2017. (Exposição).

16ª Reunião de Filiadas do Programa Cooperativo sobre Torre de Fluxo (EUCFLUX). 2016. (Encontro).

Sistema de produção: recuperação e renovação de áreas de pastagens degradadas. 2016. (Seminário).

6° Bunkyo Rural. 2015. (Seminário).

Simpósio de Tecnologia e Gestão de Microcervejarias. 2015. (Simpósio).

VII Simpósio Científico dos Pós-Graduandos no CENA/USP. 2015. (Simpósio).

Journée des doctorants (PhD Day).Etude de la dynamique de racines profondes et ectomycorrhizes sur les plantations d'Eucalyptus. 2014. (Simpósio).

The First Global Soil Biodiversity Conference. Observation of ectomycorrhizal fungi (ECM) structures in Eucalyptus deep roots (São Paulo, Brazil). 2014. (Congresso).

VI Simpósio Científico dos Pós-Graduandos no CENA/USP.Monitoramento da ciclagem de raízes finas em plantio de Eucalyptus grandis através do sistema minrhizotron. 2013. (Simpósio).

FertBio 2012. Ocorrência de fungos micorrízicos arbusculares em raízes de Eucalyptus grandis cultivados em latossolos com texturas diferentes. 2012. (Congresso).

V Simpósio Científico dos Pós-Graduandos no CENA/USP.Distribuição de raízes finas e suas associações simbióticas em plantações de Eucalyptus grandis estabelecidos em latossolos com diferentes texturas. 2012. (Simpósio).

II Olimpíada USP de Inovação. Micropropagação de espécies com propriedades medicinais. 2011. (Olimpíada).

XIII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal e XIV Congresso Latino-Americano de Fisiologia Vegetal. Evidências fisiológicas e metabólicas nas plantas de soja em resposta a aplicação foliar de Flororgan. 2011. (Congresso).

IX Workshop de Plantas Medicinais de Botucatu. 2010. (Simpósio).

Plantas Medicinais, Aromáticas e Condimentares: bases para um mercado promissor. 2010. (Simpósio).

Mesa Redonda: Agrossilvicultura Urbana. 2009. (Simpósio).

XII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. 2009. (Congresso).

XXXVIII Semana de Estudos da Faculdade de Ciências Biológicas da PUC-Campinas.Plantas medicinais: do popular ao científico. 2009. (Oficina).

VI SERBIO ? Semana de Reunião da Biologia. 2007. (Encontro).

V SERBIO ? Semana de Reunião da Biologia. 2006. (Encontro).

IV SERBIO ? Semana de Reunião da Biologia. 2005. (Encontro).

Workshop: Microbiologia e Sustentabilidade Agrícola (I Simpósio de Microbiologia e Biotecnologia). 2005. (Simpósio).

Workshop: Avanços em Microbiologia e Biotecnologia. 2004. (Simpósio).

II SERBIO ? Semana de Reunião da Biologia. 2003. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Lucas Bras Barbosa

PEREZ-MARIN, ALDRIN MARTIN; MARTINS, A. F.;LAMBAIS, G.R.. Avaliação da diversidade de fungos micorrízicos arbusculares autóctones do umbuzeiro (Spondia tuberosa) e eficiência de uso de fósforo. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba.

Aluno: Joelma Nyara Silva Xavier

SOUZA, S. L.;LAMBAIS, G.R.; MENESES, C. H. S. G.. Micorrizas arbusculares no desenvolvimento de mudas de gliricídia. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Estadual da Paraíba.

Aluno: Maiele Cintra Santana

CARDOSO, E. J. B. N.;LAMBAIS, G.R.; PEREIRA, A. P. A.; FORTI, V. A.. Avaliação da colonização por fungos micorrízicos provenientes de diferentes profundidades do solo em raízes de Eucalyptus grandis. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Metodista de Piracicaba.

LAMBAIS, G.R.. I Workshop sobre Biologia dos Solos da Caatinga (WBSC). 2017. Universidade Federal da Paraíba.

LAMBAIS, G.R.. 21 Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP (SIICUSP). 2013. Universidade de São Paulo.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

FERNANDO BROETTO

Broetto, F.; Castro, P.R.C.; Ono, E.O.. Aminoácidos como coadjuvantes da adubação foliar e do uso do glifosato na cultura de soja. 2011. Dissertação (Mestrado em Fisiologia Bioquímica de Plantas) - Universidade de São Paulo.

Regina Célia de Matos Pires

Camargo, PB; Gonçalves, J L M;PIRES, R. C. M.; Balieiro, FC; Branco, R.B.F.. Produção e mortalidade de raízes finas em plantações de Eucalyptus grandis cultivados em Latossolos (Itatinga-SP). 2015. Tese (Doutorado em Ciências - Química na Agricultura e no Ambiente) - Universidade de São Paulo.

José Leonardo de Moraes Gonçalves

CAMARGO, P. B.;GONÇALVES, J.L.M.; PIRES, R. C. M.; BALIEIRO, F. C.; BRANCO, R. B. F.. Produção e mortalidade de raízes finas em plantações de Eucalyptus grandis cultivados em Latossolos (Itatinga - SP). 2015. Tese (Doutorado em Química na Agricultura e no Ambiente) - Centro de Energia Nuclear na Agricultura - CENA.

José Leonardo de Moraes Gonçalves

CAMARGO, P. B.;Laclau, J.-P.Nouvellon, YannGONÇALVES, J.L.M.. Produção e mortalidade de raízes finas em plantações de eucalyptus grandis cultivados em latossolos com diferentes texturas (Itatinga - SP). 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Química na Agricultura e no Ambiente) - Centro de Energia Nuclear na Agricultura - CENA.

Fabiano de Carvalho Balieiro

CAMARGO, P. B.; GONCALVES, J. L. M.; PIRES, R. C. M.;BALIEIRO, F. C.; BRANCO, R. B. F.. Produção e mortalidade de raízes finas em plantações de Eucalyptus grandis cultivados em Latossolos. 2015. Tese (Doutorado em Química na Agriculura e Ambiente) - Centro de Energia Nuclear na Agricultura.

Marisa de Cassia Piccolo

PICCOLO, M. C.GONCALVES, J. L. M.; BALIERO, F. C.; Pires, R.C.M.; BRANCO, R. B. F.;CAMARGO, P. B.. Produção e mortalidade de raízes finas em plantações de Eucalyptus grandis cultivados em Latossolos (Itatinga-SP). 2015. Tese (Doutorado em Ciências) - Centro de Energia Nuclear na Agricultura.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Lucas Bras Barbosa

Avaliação da diversidade de fungos micorrízicos arbusculares autóctones do umbuzeiro (Spondias tuberosa) e eficiência de uso de fósforo; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Ciências Agrárias (Agroecologia)) - Universidade Federal da Paraíba; (Coorientador);

Cássio Ricardo Gonçalves da Costa

Dinâmica temporal do efluxo de CO2 e produção de glomalina em área de Caatinga sob Neossolo Litólico; 2019; Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: George Rodrigues Lambais;

Camilo Dantas Campos

Relação entre Carbono Orgânico Total, Glomalina e Estabilidade de Agregados em Neossolo Litólico; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba; Orientador: George Rodrigues Lambais;

Emanuelly Martins Camelo

Estágio Supervisionado em Microbiologia Ambiental; 2019; Orientação de outra natureza; (Química Industrial) - Universidade Estadual da Paraíba; Orientador: George Rodrigues Lambais;

Raquel Kethy Patrício Cardoso

Estágio Supervisionado em Microbiologia Ambiental; 2019; Orientação de outra natureza; (Química Industrial) - Universidade Estadual da Paraíba; Orientador: George Rodrigues Lambais;

Maria Andressa Nicacio de Lima

Estágio Supervisionado em Microbiologia Ambiental; 2019; Orientação de outra natureza; (Ciências Biológicas) - Universidade Federal Rural de Pernambuco; Orientador: George Rodrigues Lambais;

André Luiz Muniz Brito

Estágio Supervisionado em Microbiologia Ambiental; 2019; Orientação de outra natureza; (Engenharia Sanitária e Ambiental) - Universidade Estadual da Paraíba; Orientador: George Rodrigues Lambais;

Laís Montenegro Teixeira

Estágio Supervisionado em Microbiologia Ambiental; 2018; Orientação de outra natureza; (Engenharia Sanitária e Ambiental) - Universidade Estadual da Paraíba; Orientador: George Rodrigues Lambais;

Aline Souza de Freitas

Estágio Supervisionado em Microbiologia Ambiental; 2018; Orientação de outra natureza; (Química Industrial) - Universidade Estadual da Paraíba; Orientador: George Rodrigues Lambais;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Paulo Roberto de Camargo e Castro

Aminoácidos com coadjuvantes da adubação foliar e do uso do glifosato na cultura da soja; 2011; Dissertação (Mestrado em Fisiologia Bioquímica de Plantas) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Paulo Roberto de Camargo e Castro;

Marisa de Cassia Piccolo

Produção e mortalidade de raízes finas em plantações de Eucalyptus grandis cultivados em latossolos (Itatinga-SP); 2015; Tese (Doutorado em Ciências) - Centro de Energia Nuclear na Agricultura, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Marisa de Cassia Piccolo;

Salomão de Sousa Medeiros

Reúso de Água em um Sistema Agrosilvopastoril no Semiárido Brasileiro; Início: 2019; Orientação de outra natureza; Instituto Nacional do Semiárido; Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Jean Paul Laclau

Produção e mortalidade de raízes finas em plantações de Eucalyptus grandis cultivados em Latossolos (Itatinga - SP); 2015; Tese (Doutorado em Química na Agricultura e no Ambiente) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Coorientador: Jean Paul Laclau;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • MOREIRA, JOÃO MACEDO ; PÉREZ-MARIN, ALDRIN P. ; ARAÚJO, JUCILENE SILVA ; LAMBAIS, GEORGE RODRIGUES ; SALES, ALDO TORRES . Nutrients demand of cactus forage. REVISTA BRASILEIRA DE GEOGRAFIA FÍSICA , v. 13, p. 811, 2020.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

MAYER, M. C. ; OLIVEIRA, P. H. S. ; BARBOSA, R. A. ; LAMBAIS, G.R. ; LIMA, A. G. . Tecnologias de Tratamento e Reúso de Água no Semiárido. 2019. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

NOBRE, P. ; LACERDA, F. F. ; LAMBAIS, G.R. . Captação e reúso de água no semiárido. 2019. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

LAMBAIS, G.R. . Entre um Café, uma Prosa com George Lambais. 2019.

LAMBAIS, G.R. ; MEDEIROS, S. S. ; LIMA, A. G. . Crianças participam de oficinas durante dia mundial da água. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

LAMBAIS, G.R. . Reúso de água na agricultura: métodos analíticos para controle microbiológico. 2019. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

LAMBAIS, G.R. . Quantificação e Monitoramento de Indicadores Microbiológicos no Controle Sanitário de Esgoto Doméstico Tratado para Reúso Agrícola. 2019. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

LAMBAIS, G.R. . Quantificação de bactérias em amostras de água. 2019. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

LAMBAIS, G.R. ; MEDEIROS, S. S. ; LAMBAIS, E. O. . Reúso de água na agricultura familiar: cuidados sanitários para utilização segura. 2019. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - cartilha).

BARBOSA, R. A. ; MAYER, M. C. ; LAMBAIS, G.R. . TRATAMENTO DE ESGOTO E REÚSO AGRÍCOLA NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO. 2019. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - cartilha).

LAMBAIS, G.R. . Métodos de quantificação de bactérias em amostras de água. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

LAMBAIS, G.R. ; LAMBAIS, E. O. . Tratamento e Reúso de Água de Esgotos. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

LAMBAIS, G.R. . Reuso Agrícola no Semiárido. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

LAMBAIS, G.R. . A água e os desafios da agricultura familiar no semiárido. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

LAMBAIS, G.R. . Responsabilidade Socioambiental. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - briefing de material didático com recurso digital - ferramenta OED (Objeto Educacional Digital)).

LAMBAIS, G.R. ; Olandini, Érica . Plantas medicinais: do popular ao científico. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    MODULAÇÃO DA MICROBIOTA RUMINAL EM PEQUENOS RUMINANTES SOBRE A QUALIDADE DA CARNE E DO LEITE CAPRINO: UMA ABORDAGEM METAGENÔMICA, Descrição: Grandes epidemias relacionadas a toxidez advinda da contaminação microbiana de produtos de origem animal tem sido recorrentes dentro e fora do Brasil. Isso porque os alimentos de origem animal, como a carne e leite de ruminantes, podem estar contaminados com microrganismos patogênicos que causam várias doenças, sendo um problema de saúde pública. Objetiva-se com este projeto detectar em qual elo da cadeia de produção de ovinos e caprinos ocorre a contaminação por microrganismos patogênicos dos produtos originados destes animais e determinar quais manejos amenizem esta contaminação. Há indícios que a palma forrageira e a silagem, alimentos que são comumente utilizados nas propriedades rurais em regiões semiáridas do Nordeste, como fonte de alimentos para ovinos e caprinos, podem estar favorecendo a contaminação destes animais por microrganismos que causam risco a saúde humana, e estes microrganismos ficam presentes nos produtos originados destes animais (carne e leite) até chegar ao consumidor. Outra forma de contaminação dos produtos de origem animal pode estar associada a distúrbios digestivos que causam alteração da diversidade microbiana no trato gastrointestinal dos animais, o que pode resultar em eliminação de patógenos pelas fezes ou mesmo de toxinas produzidas por esses patógenos. Via de regra, os estudos que objetivam avaliar a contaminação de alimentos de origem animal focam na investigação dos agentes patogênicos em sistemas de produção já existentes e seu impacto na saúde pública. A formação desse núcleo aumentaria em muito o raio de investigação dos agentes causais e geraria, dessa forma, protocolos de conservação de forragem e de alimentação do rebanho, possibilitando definir se é possível mitigar os riscos à saúde pública por meio do controle dos microrganismos patogênicos durante a conservação e utilização de dietas oferecidas para pequenos ruminantes. A proposição desse núcleo permitirá traçar os fatores de riscos associados ao manejo alimentar dos animais e às formas de manipulação dos alimentos durante a ordenha e abate dos animais que influenciam na presença de microrganismos patogênicos nos produtos destinados aos humanos. Para isso, será estudado cada etapa da produção de caprinos e ovinos, e sua contaminação microbiana, iniciando nos alimentos que compõem a dieta dos animais, posteriormente o animal, e por fim, os produtos de origem animal (leite e carne). Espera-se no final das pesquisas definir protocolos de produção de silagem e de manejo alimentar dos pequenos ruminantes que permitam a diminuição do risco associados a alimentos contaminados. Acredita-se que a ocorrência e predominância de microrganismos patogênicos possam ser mitigadas dentro dos sistemas de produção, minimizando, dessa maneira, os riscos de contaminação de carne e leite durante ordenha e abate, bem como os riscos para a saúde pública.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: George Rodrigues Lambais - Integrante / Érica Olandini Lambais - Integrante / Jucilene Silva Araújo - Integrante / Edson Mauro Santos - Coordenador / Gherman Gárcia Leal de Araújo - Integrante / Celso José Bruno de Oliveira - Integrante / Ricardo Loyola Edvan - Integrante / Patrícia Emília Naves Givisiez - Integrante / Juliana Silva de Oliveira - Integrante / João Paulo de Farias Ramos - Integrante / Paulo Sérgio de Azevedo - Integrante.

  • 2016 - Atual

    TECNOLOGIAS DE TRATAMENTO DE ESGOTO PARA USOS MÚLTIPLOS NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO, Descrição: No Semiárido brasileiro a oferta de água para usos múltiplos está aquém da sua demanda. Em período de estiagem prolongada, à situação se agrava, impactando negativamente o abastecimento de seus 1.135 municípios, com reflexo nas atividades econômicas, em especial a agrícola e industrial. Por outro lado, existe uma fonte de água não convencional, permanente, atualmente não explorada - o esgoto doméstico, que se coletado e tratado adequadamente poderia minimizar os conflitos pelo uso da água tão frequente na região. Estudos realizado por Medeiros et al (2015) apontam que em 2011 a produção de esgoto da região Semiárida, pelos 14 milhões de habitantes das áreas urbanas alcançou 13,42 m3/s. O Projeto de Pesquisa ora apresentado visa à conjugação de esforço entre as Universidades Federais de Campina Grande (UFCG) e do Rio Grande do Norte (UFRN); Universidade Estadual da Paraíba (UEPB); Universidade Tecnológica de Delft; Universidade de Gent e o Instituto Nacional do Semiárido (INSA) objetivando desenvolver tecnologias de tratamento de esgoto visando produzir água de reúso para fins agrícola, industrial e urbano no Semiárido Brasileiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: George Rodrigues Lambais - Integrante / Salomão de Sousa Medeiros - Coordenador / Silvânia Lucas dos Santos - Integrante / Rodrigo de Andrade Barbosa - Integrante / Adrianus Cornelius van Haandel - Integrante.

  • 2016 - Atual

    REÚSO DE ÁGUAS NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO, Descrição: Em regiões áridas e semiáridas a água tornou-se fator limitante para o desenvolvimento urbano, industrial e agrícola. Todavia, o fenômeno da escassez não é atributo exclusivo de tais áreas. Mesmo em regiões com recursos hídricos abundantes, mas insuficientes para atender as demandas excessivamente elevadas, têm ocorrido conflitos de usos e restrições de consumo, afetando o desenvolvimento econômico e a qualidade de vida. Contudo, a definição de tecnologias de tratamento de esgoto e de reúso de águas para fins agrícolas, tem sido apontada como uma das alternativas para compatibilizar a oferta e a demanda de água, além de contribuir com a melhoria da fertilidade dos solos, em especial na região semiárida. Diante do exposto, um dos desafios postos é o desenvolvimento de tecnologias apropriadas ao reúso de água para fins agrícola. O Projeto de Pesquisa apresentado visa à conjugação de esforço entre as Universidades Federal de Campina Grande (UFCG), Estadual da Paraíba (UEPB) e o Programa de Aplicação de Tecnologia Adaptada as Comunidades (PATAC) objetivando viabilizar a tecnologia do reúso de águas para fins agrícolas nas condições do Semiárido Brasileiro, de modo a introduzir uma nova fonte de água e nutrientes no setor.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: George Rodrigues Lambais - Integrante / Salomão de Sousa Medeiros - Coordenador., Número de produções C, T & A: 17 / Número de orientações: 6

  • 2014 - 2015

    SIMBIOSES ECTOMICORRÍZICAS EM RAÍZES PROFUNDAS DE EUCALIPTOS: NOVAS PERSPECTIVAS NA COMPREENSÃO DA ECOLOGIA DE FUNGOS MICORRÍZICOS, Descrição: Inúmeras pesquisas de campo apontam que os fungos ectomicorrízicos contribuem em diversas funções do ecossistema, tais como o ciclo de carbono, a mobilização de nutrientes da matéria orgânica do solo e a dinâmica da água, e podem formar associações simbióticas com espécies de grande importância econômica, como o Eucalyptus e Pinus. No entanto, a ecologia destes fungos em florestas plantadas em regiões tropicais não é bem compreendida. O projeto tem por objetivo determinar se existe a presença de colonização ectomicorrízica em raízes profundas de Eucalyptus grandis, avaliando a influencia da profundidade do solo no percentual total de raízes colonizadas. O experimento está instalado em um Latossolo, localizado na Estação Experimental de Ciências Florestais de Itatinga (ESALQ/USP), utilizando uma plantação de E. grandis com 4 anos de idade. A amostragem do solo foi realizada em Maio/2013 através de escavação de uma trincheira até 8 m de profundidade, onde em cada profundidade foram coletadas as raízes com características de colonização. Foram coletadas 4 amostras para cada camada de solo, e em seguida selecionou-se 20 raízes de cada amostra para observação e identificação de ectomicorrizas através de um microscópio. Após a identificação será extraído o DNA total e um fragmento da região 18S rRNA ITS poderá ser amplificado por PCR. Dessa forma, as sequencias ITS serão comparadas com sequencias em bases de dados do NCBI's GenBank e UNITE para identificação de cada grupo taxonômico. As estruturas das comunidades de fungos ectomicorrízicos em diferentes profundidades serão comparadas e relacionadas com as condições ambientais sob as quais as plantas foram cultivadas. Assim, o presente projeto fornecerá novos conhecimentos sobre a ecologia dos fungos ectomicorrízicos e a sua importância em plantações de eucaliptos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: George Rodrigues Lambais - Integrante / Marisa de Cássia Piccolo - Integrante / Jean-Paul Laclau - Coordenador / NOUVELLON, YANN - Integrante / Àgnes Robin - Integrante / Claude Plassard - Integrante / Elke Jurandy Bran Nogueira Cardoso - Integrante / Arthur Prudêncio de Araujo Pereira - Integrante / Maiele Cintra Santana - Integrante / Celine Pradier - Integrante / Amandine Germon - Integrante / Fernando Dini Andreote - Integrante / Christophe Jourdan - Integrante / Maëla Gomide - Integrante / ANDREOTE, FERNANDO DINI - Integrante / HINSINGER, PHILIPPE - Integrante.

  • 2011 - 2015

    PROGRAMA COOPERATIVO SOBRE PRODUTIVIDADE E FLUXOS DE CARBONO E ÁGUA EM EUCALYPTUS - Projeto EUCFLUX, Descrição: O EUCFLUX tem por objetivo estimar as quantidades de carbono, água, energia, e nutrientes para uma rotação completa de clone de eucalipto, em nível do ecossistema (150 a 200 ha), usando o método da torre de fluxo, para obter o efeito das variáveis ambientais sobre a produtividade da floresta, fertilidade do solo e recursos hídricos. Dessa forma, visando aplicar essa técnica para conhecer em detalhes os fluxos de carbono, água e energia, ao longo de uma rotação completa de Eucalyptus, o IPEF, através de 11 empresas florestais, apoiado por instituições de ensino e pesquisa do Brasil, França e Estados Unidos, criou o Programa Cooperativo EUCFLUX: Quantificação dos Balanços de Carbono, Água e Nutrientes, na Escala do Ecossistema, para uma Rotação do Eucalipto usando Torre de Fluxo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: George Rodrigues Lambais - Integrante / Jean-Paul Laclau - Integrante / José Luiz Stape - Coordenador / Àgnes Robin - Integrante / Claude Plassard - Integrante / José Leonardo de Moraes Gonçalves - Integrante / CHRISTINA, MATHIAS - Integrante / Jean-Pierre Bouillet - Integrante / Christophe Jourdan - Integrante., Número de produções C, T & A: 11

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2020

Desafio "Banheiros Mudam Vidas" (10 melhores iniciativas nacionais), NEVE - Kimberly Clarck.

2020

Big Push para a Sustentabilidade - Investimentos transformadores para uma economia sustentável no Brasil, Comissão Econômica para América Latina e o Caribe - CEPAL.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2019 - Atual

    Universidade Federal da Paraíba

    Vínculo: , Enquadramento Funcional:

  • 2016 - Atual

    Instituto Nacional do Semiárido

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Programa de Capacitação Institucional - DA, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2014 - 2015

    La Recherche Agronomique pour le Développement

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Intercâmbio acadêmico - Doutorado Sanduíche, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Estágio de pesquisa em microbiologia de solos e ectomicorrizas em plantios de eucalipto pela "Unité mixte de recherche Écologie Fonctionnelle & Biogéochimie des Sols & Agroécosystèmes (UMR Eco&Sols, Cirad, Inra, IRD, Montpellier SupAgro). Bolsa BEPE - FAPESP, processo 2013/23919-0)

  • 2011 - 2015

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Pós-graduação, Enquadramento Funcional: Doutorando, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2009 - 2011

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Pós-graduação, Enquadramento Funcional: Mestrado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2008 - 2008

    Escola Superior de Agronomia "Luiz de Queiroz"

    Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Atividades desenvolvidas: - Análises de concentração de cátions e ânions em amostras de água de chuva referente ao projeto de pesquisa intitulado: Processos de transferências e balanços de água e de nutrientes em povoamentos de Eucalyptus que receberam aplicações de nitrogênio e biossólido ? Reflexos sobre sustentabilidade, sob a orientação do professor visitante na USP, Dr.Jean-Paul Laclau (CIRAD). - Análises de concentração de CO2 , N2O e CH4 em amostras de ar, através de cromatografia gasosa.

  • 2006 - 2007

    Escola Superior de Agronomia "Luiz de Queiroz"

    Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Atividades desenvolvidas: - Análises bioquímicas de determinação dos teores de clorofilas a, b e totais, amido, aminoácidos, açúcares redutores, açúcares totais solúveis, proteínas totais solúveis e atividade da enzima nitrato redutase, referentes ao projeto de pesquisa intitulado: Cultivo em campo de Coffea arábica L. cv. Obatã em pleno sol x sombreamento parcial: Avaliações bioquímicas, fisiológicas e nutricionais, sob a orientação do prof.Dr. Luiz Antonio Gallo. - Análises bioquímicas de determinação dos teores de clorofilas a, b e totais, antocianinas, açúcares redutores, açúcares totais solúveis, proteínas totais solúveis referentes ao projeto de pesquisa intitulado: Micropropagação e acompanhamento bioquímico, fisiológico e nutricional da Babosa (Aloe vera (L.) Brun f.) cultivada ex vitro em doses de nitrogênio, sob a orientação do prof.Dr. Luiz Antonio Gallo. - Micropropagação de plantas ornamentais, frutíferas e medicinais. - Análises enzimáticas (glutamina sintetase, peroxidases e fenilalanina amônio-liase)

  • 2005 - 2005

    Escola Superior de Agronomia "Luiz de Queiroz"

    Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Atividades desenvolvidas: - Preparação de meio de cultura (MS) e soluções estoque, aclimatação de plantas e controle fito-sanitário do local, referentes ao projeto de pesquisa intitulado: Micropropagação in vitro de banana, sob a orientação do prof.Dr. Luiz Antonio Gallo.

  • 2005 - 2005

    Escola Superior de Agronomia "Luiz de Queiroz"

    Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Atividades desenvolvidas: - Extração de DNA, PCR e DGGE. - Análises microbiológicas (biomassa microbiana e avaliação de fungos micorrízicos arbusculares no solo e em raízes, fotografias microscópicas e coletas em campo). - bolsista substituto PIBIC/CNPq com o projeto intitulado: A diversidade de fungos micorrízicos arbusculares (FMAs) associados à Euterpe edulis Martius (palmito) em função da sua distribuição espacial na Mata Atlântica, sob a orientação do prof.Dr. Marcio Rodrigues Lambais.