Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi

Graduado em Medicina Veterinária (Universidade Brasil - 2011), Mestre em ciências pelo programa de Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres - Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia - FMVZ-USP (2013). Doutor em ciências pelo Programa de Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres - Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia - FMVZ-USP. Professor e coordenador do curso de Medicina Veterinária do Centro Universitário Anhanguera-Leme (2014-2019).

Informações coletadas do Lattes em 25/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres

2014 - 2017

Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Título: Influência do estrógeno e progesterona na ativação in vitro da indoleamina 2,3 dioxigenase ? IDO ? em células de carcinoma mamário de cadelas.
José Roberto Kfoury Junior. Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: indoleamina 2,3 dioxigenase; Progesterone; Estrogen.Grande área: Ciências BiológicasSetores de atividade: Atividades veterinárias.

Mestrado em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres

2012 - 2013

Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Título: Fenotipagem das células indoleamina 2,3 dioxigenase - IDO positivas em cultura de células placentárias e embrionárias de ratas Wistar sob influência do IFN-y e da progesterona,Ano de Obtenção: 2013
José Roberto Kfoury Junior.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária.

Graduação em Medicina Veterinária

2007 - 2011

Universidade Brasil
Título: Descrição Anatômica da Articulação Metracarpo-Falângica em Ovinos
Orientador: Patricia Orlandine Gonçalez

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2016 - 2016

O Estado da Arte da Oncologia Veterinária e Perspectivas Futuras. (Carga horária: 40h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2016 - 2016

XXXI Simpósio do Programa de Pós-Graduação em Anatomia dos Animais. (Carga horária: 10h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2015 - 2015

Curso de Estatística Experimental. (Carga horária: 40h). , Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, FMVZ-USP, Brasil.

2015 - 2015

Método Lógico para Redação Científica. (Carga horária: 8h). , Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, FMVZ-USP, Brasil.

2015 - 2015

I Fórum de Publicações Científicas da FMVZ/USP. (Carga horária: 12h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2015 - 2015

Formação de Recursos Humanos em Neurociências. (Carga horária: 40h). , FMVZ-USP, PIBC, Brasil.

2014 - 2014

Extensão universitária em Introdução a Biologia Molecular Básica e Aplicada. (Carga horária: 60h). , Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, FMVZ-USP, Brasil.

2014 - 2014

Extensão universitária em Programa de Aperfeiçoamento de Ensino-PAE. (Carga horária: 100h). , Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, FMVZ-USP, Brasil.

2011 - 2014

Fisk English Course. , Fundação Richard Hugh Fisk, FISK, Brasil.

2013 - 2013

Extensão universitária em Monitoria Voluntária em Anatomia. (Carga horária: 40h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2012 - 2012

Simpósio pós graduação. (Carga horária: 40h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2011 - 2011

Extensão universitária em Semana de Atualidades Veterinárias. (Carga horária: 20h). , Universidade Brasil, UNIVBRASIL, Brasil.

2011 - 2011

Treinamento em Análise Laboratorial Físico-Químico. (Carga horária: 40h). , Laticínios Tavolaro Ltda, TAVOLARO, Brasil.

2007 - 2011

Extensão universitária em Monitoria (Laboratório de Anatomia Animal). (Carga horária: 100h). , Universidade Brasil, UNIVBRASIL, Brasil.

2010 - 2010

workshop de toxicologia na medivina veterinária. (Carga horária: 8h). , Universidade Brasil, UNIVBRASIL, Brasil.

2010 - 2010

treinamento doma racional. (Carga horária: 40h). , Serviço de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.

2009 - 2009

Treinamento de Equideocultura: Casqueamento e Ferr. (Carga horária: 44h). , Serviço de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.

2009 - 2009

Treinamento de Equideocultura : Aplicação de Medic. (Carga horária: 24h). , Serviço de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.

2009 - 2009

Treinamento Doma Racional. (Carga horária: 40h). , Serviço de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.

2008 - 2008

Extensão universitária em Campanha de Vacinação Anti-rábica. (Carga horária: 10h). , Universidade Brasil, UNIVBRASIL, Brasil.

2008 - 2008

Curso de Bovinocultura de Leite: Inseminação Artif. (Carga horária: 40h). , Serviço de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.

2008 - 2008

VII SAVE ( semana de atualidades em veterinária). (Carga horária: 20h). , Universidade Brasil, UNIVBRASIL, Brasil.

2007 - 2007

Extensão universitária em Campanha de Vacinação Anti-rábica. (Carga horária: 10h). , Universidade Brasil, UNIVBRASIL, Brasil.

2007 - 2007

Avaliação Ginecológica em fêmeas Bovinas. (Carga horária: 40h). , DG Torres, DG TORRES, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Morfologia / Subárea: Anatomia/Especialidade: Anatomia Animal.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia / Subárea: Imunologia Celular.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

BIANCHI, P. K. F. C. . XV Semana Acadêmica de Medicina Veterinária. 2016. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

18 Semana Temática da Biologia. 2015. (Encontro).

Innate Immunity 2015. Influence of estrogen and progesterone on the in vitro activation of indoleamine 2,3 dioxygenase - IDO - in cells present in the microenvironment of the mammary carcinoma of female dogs. 2015. (Congresso).

XXIX Simpósio do Programa de Pós-Graduação em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres. 2015. (Simpósio).

XXVIII Simpósio do Programa de Pós-Graduação em Anatomia dos Animnimais Domésticos e Silvestres.Investigação das prováveis vias de ativação da indoleamina 2,3 dioxigenase-IDO- em células dendríticas oriundas da placenta de ratas wistar. 2014. (Simpósio).

XXVIII Simpósio do Programa de Pós-Graduação em Anatomia dos Animnimais Domésticos e Silvestres.Investigação das prováveis vias de ativação da indoleamina 2,3 dioxigenase-IDO- em células dendríticas oriundas da placenta de ratas wistar. 2014. (Simpósio).

Congresso das Especialidades. 2011. (Congresso).

II Encontro Internacional de Ensino em Anatomia do ICB/USP. 2011. (Encontro).

XXIV Congresso Brasileiro de Anatomia. Análise da Segmantação Artirial do Fígado de Coelhos. 2010. (Congresso).

III encontro de iniciação científica e I encontro de pesquisadores da Unicastelo.Análise da segmentação anatomo-Cirúrgica arterial do fígado de coelhos. 2009. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Elói dos Santos Portugal

GONCALEZ, P. O.;PORTUGAL, E. S.; MARTINS, E. A. N.. Descrição anatômica da articulação metacarpo-falângica em ovinos. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Camilo Castelo Branco, Campus VIII - Descalvado.

Cesar Augusto Dinola Pereira

PEREIRA, C. A. D.. Influência do estrógeno e progesterona na ativação in vitro da indoleamina 2,3 dioxigenase - IDO - em células presentes no microambiente do carcinoma mamário de cadelas. 2017. Tese (Doutorado em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres) - Universidade de São Paulo.

Antonio Chaves de Assis Neto

KFOURY JUNIOR, J. R.; ASSIS NETO, Antonio Chaves de; FERREIRA, C. S. A.. Fenotipagem das células indoleamina 2,3 dioxigenase - IDO positivas em cultura de células placentárias de ratas Wistar sob influência do INF-Y e da progesterona. 2013. Dissertação (Mestrado em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres) - Universidade de São Paulo.

José Roberto Kfoury Júnior

Kfoury Jr, J. R.; ASSIS NETO, . A. C.; FERREIRA, Claudete Astolfi. Fenotipagem das células indoleamina 2,3 dioxigenase - IDO positivas em cultura de células placentárias e embrionárias de ratas Wistar sob influência do IFN -Y e da progesterona. 2013. Dissertação (Mestrado em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres) - Universidade de São Paulo.

José Roberto Kfoury Júnior

OLIVEIRA, Lilian de Jesus; GOMES, Cristina de Oliveira Massoco Salles; PEREIRA, C. A. D.; Braga, P.C.B.;KFOURY JR, JOSÉ ROBERTO. Influência do estrógeno e progesterona na ativação in vitro da indoleamina 2,3 dioxigenase ? IDO ? em células presentes no microambiente do carcinoma mamário de cadelas. 2017. Tese (Doutorado em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres) - Universidade de São Paulo.

José Roberto Kfoury Júnior

GOMES, Cristina de Oliveira Massoco Salles; Braga, P.C.B.;Kfoury Jr., José R.. Influência do estrógeno e progesterona na ativação in vitro da indoleamina 2,3 dioxigenase - IDO - em células presentes no microambiente do carcinoma mamário de cadelas. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres) - Universidade de São Paulo.

Patricia Cristina Baleeiro Beltrao Braga

BIANCHI, P. K. F. C.; Kfoury, J.R.;Beltrão-Braga, P. C. B. ou Beltrão, P.C.B.. Imunofenotipagem dos linfócitos positivos para indoleamina 2,3 dioxigenase (IDO) em cultura de células de placenta bovina.. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pos Graduacao em Anatomia dos Animais) - Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Eliel Alves da Silva

REPRODUÇÃO DE AVES EM CATIVEIRO : Nymphicus hollandicus (calopsitas); 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Centro Universitário Anhanguera Leme; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Diovani de Souza Silva Thomaz

O USO DE PROBIÓTICOS NA DIETA PARA EQUINOS; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Centro Universitário Anhanguera Leme; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Josiane Pereira Fioque

Descrição Das Alterações Fisiológicas Provocadas pela ação do estrato de graviola (Anonna muricata); 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Centro Universitário Anhanguera Leme; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Natália Consentino da Silva

HOMEOPATIA NA MEDICINA VETERINÁRIA; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Centro Universitário Anhanguera Leme; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Tamires Calabria

USO DA LASERTERAPIA DE BAIXA POTÊNCIA NA CICATRIZAÇÃO DE FERIDAS CUTÂNEAS EM EQUINOS; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Centro Universitário Anhanguera Leme; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Thaís Tomaz Cabrine

FIBROPAPILOMATOSE EM TARTARUGA-VERDE (Chelonia mydas); 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Centro Universitário Anhanguera Leme; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Tatiana Pereira Borges

Estomatite Crônica Felina (revisão de literatura); 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Centro Universitário Anhanguera Leme; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Jessica Katherine de Mello

DISTÚRBIOS NUTRICIONAIS RELACIONADOS A HIPOVITAMINOSE A, DEFICIÊNCIA DE CÁLCIO E PROTEÍNAS EM PSITACIFORMES; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Centro Universitário Anhanguera Leme; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Giovanna Siqueira Cezar

ACIDENTE OFÍDICO POR CROTALUS: IMPLICAÇÕES FISIOLÓGICAS: EFEITOS RENAIS E VASCULARES DO VENENO; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Centro Universitário Anhanguera Leme; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Lara Cristina Bull

MANEJO AMBIENTAL E OS EFEITOS DO ESTRESSE NO SISTEMA IMUNOLÓGICO EM PSITACIFORMES; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Centro Universitário Anhanguera Leme; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Fernanda Bastianello Junior

Efeito da suplementação contínua de hormônios e citocinas na expressão da indoleamina 2,3 - dioxigenase em células de placenta bovina em cultivo; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, FMVZ-USP; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Leonardo Moreira Kitakata

Estruturação do Sistema Linfóide da Preguiçca de Coleira (Bradypus torquatus) e do Tatu Peba (Euphractus sexcintus); ; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade de São Paulo; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Patrícia Canossa Gagliardi

Descrição Morfológica dos Órgãos Linfoides da Jaguatirica; 2013; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia; Orientador: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Patricia Orlandini Gonçalez

Descrição Anatômica da Articulação Metacarpo-falângica em Ovinos; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Brasil; Orientador: Patrícia Orlandini Gonçalez;

José Roberto Kfoury Júnior

Fenotipagem das células indoleamina 2,3 dioxigenase - IDO positivas em cultura de células placentárias e embrionárias de ratas Wistar sob influência do IFN -Y e da progesterona; 2013; Dissertação (Mestrado em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: José Roberto Kfoury Júnior;

José Roberto Kfoury Júnior

Influência do estrógeno e progesterona na ativação in vitro da indoleamina 2,3 dioxigenase ? IDO ? em células presentes no microambiente do carcinoma mamário de cadelas; 2017; Tese (Doutorado em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: José Roberto Kfoury Júnior;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • BIANCHI, PEDRO KASTEIN FARIA DA CUNHA ; LEANDRO, RAFAEL MAGDANELO ; POSCAI, ALINE NAYARA ; YOSHINAGA, TULIO ; GONÇALEZ, PATRÍCIA ORLANDINI ; KFOURY JUNIOR, JOSÉ ROBERTO . Progesterone Decreases in vitro Indoleamine 2, 3-dioxygenase Expression in Dendritic and CD4 + Cells from Maternal-Fetal Interface of Rats. IMMUNOLOGICAL INVESTIGATIONS , v. 1, p. 1-13, 2017.

  • BIANCHI, P. K. F. C. ; PONCE, F. ; LEANDRO, R. M. ; YOSHINAGA, T. T. ; KFOURY JÚNIOR, J. R. . Involvement of estrogen and progesterone in the modulation of indoleamine 2,3 dioxygenase ‐ IDO ? expression in cultured mammary carcinoma cells of female dog. JOURNAL FOR IMMUNOTHERAPY OF CANCER , v. 5, p. 165-166, 2017.

  • CATOIA, J. ; BIANCHI, P. K. F. C. ; BRUNO, C. E. M. ; CARNIATTO, C. H. O. ; LEANDRO, R. M. ; POSCAI, A. N. ; Kfoury Jr., J.R. . Imunofenotipagem dos linfócitos positivos para indoleamina 2,3 dioxigenase (IDO) em cultura de células de placenta bovina. Pesquisa Veterinária Brasileira (Impresso) , v. 36, p. 345-350, 2016.

  • BIANCHI, PEDRO ; SILVESTRE, TATIANA ; KFOURY JUNIOR, JOSÉ ROBERTO ; POSCAI, ALINE NAYARA ; LEANDRO, RAFAEL MAGDANELO ; GONÇALEZ, PATRÍCIA ORLANDINI . RELAÇÕES TOPOGRÁFICAS DOS SACOS AÉREOS DE CODORNAS (Coturnix coturnix). Ciência Animal Brasileira (Online) , v. 17, p. 279-284, 2016.

  • SOUZA, E. Z. ; JESUS, L. W. ; MEIRELES, W. A. ; BORELLA, M. I. ; BIANCHI, P. K. F. C. ; Salvadori, M.L.B. ; KFOURY JUNIOR, JOSÉ ROBERTO . O desenvolvimento embrionário da Piapara, Leporinus elongatus (Pisces, Anostomidae), utilizando técnicas de histologia, microscopia eletrônica de varredura e imunológicas empregando marcadores ósseos. Pesquisa Veterinária Brasileira (Impresso) , v. 34, p. 92-98, 2015.

  • Salvadori, M.L.B. ; BIANCHI, P. K. F. C. ; LIPHAUS, B. L. ; SOUZA, E. Z. ; SILVA, R. S. ; Kfoury Jr., J.R. . Influência do estrógeno e do interferon γ sobre a expressão da indoleamina-2,3-dioxigenase em cultura de células de placenta e embriões de ratas Wista. Pesquisa Veterinária Brasileira (Impresso) , v. 35, p. 795-795, 2015.

  • BIANCHI, P. K. F. C. ; Kfoury Jr., J.R. ; GONÇALEZ, P O . DISTRIBUIÇÃO INTRAPARENQUIMAL DA ARTÉRIA HEPÁTICA EM COELHOS (Orictolagus cuniculus). Acta Veterinaria Brasilica (UFERSA) , v. 9, p. 301-305, 2015.

  • Salvadori, M.L.B. ; BIANCHI, P. K. F. C. ; GEBRIM, L. H. ; SILVA, R. S. ; Kfoury Jr., J.R. . Effect of the association of 1-methyl-DL-tryptophan with paclitaxel on the expression of indoleamine 2,3-dioxygenase in cultured cancer cells from patients with breast cancer. Medical Oncology (Northwood) , v. 32, p. 1-1, 2015.

  • ARAÚJO, J.M ; SILVESTRE, T. G. ; BIANCHI, P. K. F. C. ; GUIMARAES, G. C. ; GONÇALEZ, P O . Descrição Anatômica Topográfica dos Sacos Aéreos de Patos. Bioscience Journal (UFU. Impresso) , v. 30, p. 810, 2014.

  • BIANCHI, P. K. F. C. ; MARTINS, E. N. ; PORTUGAL, E. ; Kfoury Jr., J.R. ; GONÇALEZ, P O . Descrição anatômica da articulação metacarpo-falângica em ovinos. Pesquisa Veterinária Brasileira (Impresso) , v. 33, p. 15-19, 2014.

  • BIANCHI, PEDRO KASTEIN FARIA DA CUNHA ; KFOURY JUNIOR, JOSÉ ROBERTO ; GONÇALEZ, PATRÍCIA ORLANDINI . Análise da segmentação anatomo-cirúrgica arterial do cólon de coelhos. Ciência Animal Brasileira (Online) , v. 15, p. 195-199, 2014.

  • LIMA, A. R. ; GUIMARÃES, S. B. ; BRANCO, É. ; GIESE, E. G. ; MUNIZ, J. A. P. C. ; PEREIRA, W. L. A. ; DA CUNHA, P. K. F. ; RICCI, R. E. ; MIGLINO, M. A. . Morphological and Morphometric Description of Female Reproductive Tract of Sapajus apella (Capuchin monkey). Anatomia, Histologia, Embryologia , v. 44, p. n/a-n/a, 2014.

  • BIANCHI, P. K. F. C. ; Cardoso, F. ; Salvadori, M.L.B. ; Santos, G.M.F. ; LIMA, A. R. ; Kfoury Jr., J.R. . Morfologia renal do Bradypus torquatus. Biotemas (UFSC) , v. 25, p. 201-205, 2013.

  • BASTIANELLO JUNIOR, F. ; BIANCHI, P. K. F. C. ; Salvadori, M.L.B. ; Kfoury Jr., J.R. . Efeito da suplementação contínua de hormônios e citocinas na expressão da indoleamina 2,3 - dioxigenase em células de placenta bovina em cultivo. In: XXI Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP- SIICUSP, 2013, Ribeirão Preto. Efeito da suplementação contínua de hormônios e citocinas na expressão da indoleamina 2,3 - dioxigenase em células de placenta bovina em cultivo, 2013.

  • BIANCHI, P. K. F. C. ; GONÇALEZ, P O . Análise da Segmantação Arterial Do Fígado de Coelhos. In: III encontro de iniciação Cientifica e I Encontro de Pesquisadores da Unicastelo, 2009, Sào Paulo. Análise da Segmentaçao Arterial do Fígado de Coelhos, 2009.

  • BIANCHI, P. K. F. C. ; GONÇALEZ, P O ; STAINLE, E . Análise da Segmantação Arterial do Cólon de Coelhos. In: III Encontro de Iniciação Científica e I Encontro de Pesquisadores da Unicastelo, 2009, SÃO PAULO. Análise da Segmantação Arterial do Cólon de Coelhos.

  • BIANCHI, P. K. F. C. . Atuação do Médico Veterinário na Indústria Biotecnológica. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • BIANCHI, P. K. F. C. ; Kfoury Jr., J.R. . Influence of estrogen and progesteron on the in vitro activation of indoleamine 2,3 dioxygenase - IDO - in cells present in the microenvironment of the mammary carcinoma of female dogs. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Kfoury Jr., J.R. ; LEANDRO, R. M. ; Salvadori, M.L.B. ; BIANCHI, P. K. F. C. ; Will S.E.A.de L . Expression and in vitro suppression of indoleamine-2,3-dioxygenase by 1-methyl-DL-tryptophan in mammary tumor cells from dogs. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BIANCHI, P. K. F. C. ; GONÇALEZ, P O . Análise da Segmantação Arterial do Fígado de Coelho. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BIANCHI, P. K. F. C. ; GONÇALEZ, P O ; STAINLE, E . Análise da Segmantação Arterial do Cólon de Coelhos. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

BIANCHI, P. K. F. C. ; KFOURY JUNIOR, JOSÉ ROBERTO . Relatório Capes (quadriênio 2013-2016). 2017. (Relatório).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2014 - 2017

    Influência do estrógeno e progesterona na ativação in vitro da indoleamina 2,3 dioxigenase ? IDO ? em células de carcinoma mamário de cadelas., Descrição: A enzima indoleamina 2,3 dioxigenase desempenha um importante papel na regulação do sistema imunológico, impedindo o estabelecimento de uma resposta imunológica no microambiente em que é expressa. Quando ativada, é responsável por catabolizar o aminoácido triptofano, privando células em proliferação deste componente e gerando metabólitos que as induzem a apoptose. Hormônios, como o estrógeno e a progesterona são capazes de alterar as funções imunológicas nas células, podendo, inclusive, levar à uma alteração na expressão de IDO, provavelmente pela alteração no padrão de citocinas produzidas por células sob influência dos mesmos. Sabe-se que diversas células tumorais podem expressar IDO e são sensíveis à ação desses hormônios, dessa forma, este projeto busca investigar se o estrógeno e a progesterona influenciam na expressão da IDO em cultura de células de carcinoma mamário de cadelas. Para isso, utilizar-se-ão culturas de células provenientes de carcinoma mamários de cadelas que serão tratadas com os referidos hormônios e seus respectivos antagonistas de receptor (tamoxifeno ? estrógeno e mifepristone ? progesterona). A expressão da enzima será analisada pela citometria de fluxo, quantificada pela técnica de western blotting, e o mRNA será mensurado pela técnica de Real Time PCR. Dessa forma, espera-se, além da confirmação da ação desses hormônios, indicativos dos possíveis mecanismos envolvidos nesse processo, o que permitiria a modulação da expressão da IDO, que se traduziria numa potencial abordagem terapêutica coadjuvante no tratamento desses tumores.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (1) . , Integrantes: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi - Integrante / Maria Leticia Batista Salvadori - Integrante / KFOURY JUNIOR, JOSÉ ROBERTO - Coordenador.

  • 2012 - 2014

    Imunofenotipagem dos linfócitos positivos para indoleamina 2,3 dioxigenase-IDO em cultura de células de placenta bovina, Descrição: A gestação é um estado fisiológico que exige adaptações imunológicas para que transcorra normalmente. Nesse período a mãe e o feto apresentam uma relação imunológica, ou seja, a interface materno fetal. A enzima indoleamina 2,3 dioxigenase (IDO) desempenha um papel importante na tolerância materno fetal, por ser responsável pela metabolização do triptofano, impedindo por diversas vias a proliferação principalmente de linfócitos TCD8. Diversos tipos celulares estão presentes na interface materno fetal e vários deles podem expressar a IDO. Os leucócitos com perfil Th1 produzem uma citocina conhecida: o interferon γ que estimula a expressão da IDO em vários tipos celulares. Os linfócitos são divididos em subpopulações de acordo com sua função e fenótipo. Seus tipos incluem linfócitos T, Linfócitos B e as Células Natural Killer (uNK). Hormônios também atuam nesse processo a progesterona que exerce função determinante sobre a resposta imunológica materna podendo alterar o prognóstico gestacional e o estrógeno essencial para a tolerância materno fetal e manutenção da prenhez. Dessa maneira este trabalho tem por objetivo principal identificar os linfócitos presentes na placenta bovina em cultivo que expressam IDO (linfócitos T, linfócitos B e células NK), frente a estimulação por progesterona, estrógeno e interferon γ nas diversas fases gestacionais utilizando a citometria de fluxo. Segundo os resultados no período de 67,5 a 77, 5 dias com a adição de interferon γ a expressão da enzima IDO aumentou discretamente nos linfócitos TCD3, TCD4, e diferente dos linfócitos T CD8 apresentaram uma elevada expressão da enzima (4,48 ± 2,12 ? 8,65± 4,91). No período de 92,5 a 172, 5 dias os linfócitos TCD4, TCD8 e TCD25 apresentaram uma diminuição da IDO. No período final de 195 a 222,5 dias, os linfócitos TCD3, TCD4 e os BCD25 aumentaram a expressão da IDO quando submetidos ao interferon γ, no entanto, os linfócitos T CD8 e as células NK não apresentaram alterações significativas. Com base nos resultados apresentados pode-se concluir que todos os tipos celulares foram capazes de expressar a IDO mediante a suplementação com interferon γ, sendo que o linfócito T CD8 apresentou uma diferença bastante significativa quanto ao aumento da IDO, já o estrógeno elevou a expressão da IDO somente nos linfócitos B (CD25) e a progesterona diminuiu a expressão da enzima nos linfócitos T (CD3 e CD4) e nas células NK.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (4) Doutorado: (1) . , Integrantes: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi - Integrante / KFOURY JUNIOR, JOSÉ ROBERTO - Coordenador / Juliana Catoia - Integrante / Carlos E. M. Bruno - Integrante / Caio H. O. Carniatto - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Fenotipagem das células Idoleamina 2,3 dioxigenase- IDO positivas em cultura de células placentárias e embrionárias de ratas Wistar sob influência do IFN-y e da progesterona, Descrição: Verificar quais células, presentes na placenta e no embrião, expressam a indoleamina 2,3 dioxigenase e qual população celular sofre maior influência do IFN-y e da progesterona em relação a expressão da IDO.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi - Coordenador / Graziela Menck Ferreira Santos - Integrante / Maria Leticia Batista Salvadori - Integrante / José Roberto Kfoury Junior - Integrante / Fernanda Cardoso - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Efeito da suplementação contínua de hormônios e citocinas na expressão da indoleamina 2,3 - dioxigenase em células de placenta bovina em cultivo, Descrição: A enzima indoleamina 2,3 dioxigenase desempenha um importante papel na regulação do sistema imunológico, impedindo o estabelecimento de uma resposta imunológica no microambiente em que é expressa. Atualmente busca-se compreender a sua relação com a tolerância materno-fetal. Com isso torna-se relevante conhecer as células que sofrem influência de tais hormônios, verificando a expressão de IDO concomitante a suplementação celular.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi - Integrante / Maria Leticia Batista Salvadori - Integrante / Fernanda Bastianello Junior - Integrante / KFOURY JUNIOR, JOSÉ ROBERTO - Coordenador.

  • 2011 - 2014

    EXPRESSÃO DA ENZIMA INDOLEAMINA-2,3-DIOXIGENASE EM NEOPLASIAS MAMARIAS DE CÃES., Descrição: No dia-a-dia da clínica veterinária de pequenos animais, por todo o mundo, é amplamente reconhecido que o câncer de mama é a principal neoplasia que acomete fêmeas da espécie canina, estando entre os motivos mais comuns que levam os proprietários de animais de companhia a procurarem um médico veterinário. A indoleamina- 2,3 dioxigenase (IDO) é uma enzima expressa por diversas células do organismo e, dentre suas muitas funções, atua principalmente na regulação do sistema imune. Esta enzima atua inibindo a proliferação de linfócitos T, através do catabolismo do aminoácido triptofano e pela produção de metabolitos que são gerados a partir desta reação, os derivados da quinurenina. Estudos recentes em seres humanos e camundongos mostraram que a IDO pode ser utilizado por diversas neoplasias como um mecanismo de evasão ao sistema imune facilitando a indução, crescimento e progressão tumoral uma vez que o sistema imunológico apresenta um importante papel na resposta imune inata contra os tumores (MUNN et al.2004, OCHSENBEIN, 2005). Baseado nestes estudos fica claro que a presença e ativação da IDO têm um papel importante no desenvolvimento de algumas neoplasias sendo um dos mecanismos responsáveis pelo qual as células tumorais podem escapar da vigilância imunológica e consequentemente se proliferarem. Devido á sua relevância neste contexto, aliado á elevada incidência de neoplasia mamária em cães e á extrema carência de informação na literatura especializada, este estudo visa caracterizar a expressão da IDO nas neoplasias mamárias malignas de cães; verificando se há correlação entre a expressão desta enzima com a indução e progressão tumoral... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi - Integrante / Maria Leticia Batista Salvadori - Integrante / KFOURY JUNIOR, JOSÉ ROBERTO - Coordenador / Rafael Magdanelo leandro - Integrante.

  • 2010 - 2015

    Produção de anticorpo monoclonal anti papiloma vírus bovino, Descrição: Desenvolvimento de anticorpo monoclonal anti papiloma vírus bovino. Na pecuária leiteira a papilomatose, causada pelo vírus do papiloma, causa graves prejuízos aos animais, diminuindo a produção leiteira. Essa doença ainda permanece sem um diagnóstico sorológico, que pode ser usado como profilaxia da doença. com isso, tal anticorpo, torna-se uma ferramenta importante para controlar a disseminação da papilomatose entre os rebanhos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi - Integrante / Maria Leticia Batista Salvadori - Integrante / KFOURY JUNIOR, JOSÉ ROBERTO - Coordenador / Gabriela Comenale - Integrante / Claudete Ferreira Astolfi - Integrante.

  • 2010 - 2011

    Descrição anatômica da articulçao metacarpo-falângica em ovinos, Descrição: As articulções dos animais foram submetidas a injeção de látex. Após o enrrijecimento do látex, as respectivas articulaçoes foram dissecadas, detalhando e quantificando as estruturas que faziam parte dela. Ainda foi mensurado o volume de distensão da cápsula articular e sua respsctiva inserção.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi - Coordenador / Patrícia Orlandini Gonçalez - Integrante / Edvaldo Nunes Martins - Integrante / Eloi Portugal - Integrante.

  • 2009 - 2009

    Análise da Segmentação Anatomo-cirúrgica Arterial do Fígado de Coelhos (projeto de iniciação científica), Descrição: Foram analisados os ramos arteriais destinados aos lobos hepáticos segundo sua ramificação primária e secundária, avaliando sua distribuição segmentar. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Pedro Kastein Faria da Cunha Bianchi - Coordenador / Patrícia Orlandini Gonçalez - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, FMVZ-USP. , Rua Professor Orlando Marques Paiva, Butantã, 05508270 - São Paulo, SP - Brasil, Telefone: (11) 30911318

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2014 - Atual

Universidade de São Paulo

Vínculo: Estudante, Enquadramento Funcional: Doutorando, Regime: Dedicação exclusiva.

2012 - 2013

Universidade de São Paulo

Vínculo: Mestrado, Enquadramento Funcional: Estudante, Regime: Dedicação exclusiva.

2012 - 2013

Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Mestrado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2010 - 2010

Cooperfrango

Vínculo: Estagiário., Enquadramento Funcional: Estagiário., Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.