Stefanie Costa Pinto Lopes

Stefanie Lopes é Pesquisadora em Saúde Pública no Instituto Leônidas e Maria Deane - Fiocruz Amazônia, localizado em Manaus (Amazonas, Brasil). Formou-se em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Campinas, Brasil (2002), onde obteve Mestrado (2008) e Doutorado (2012) em Genética e Biologia Molecular. Sua principal área de pesquisa é a biologia de Plasmodium vivax, com foco na compreensão do significado biológico de fenótipos citoadesivos desta espécie de Plasmodium. Seu grupo está atualmente investigando as habilidades de citoadesão de gametócitos de P. vivax e seu papel na infecção no inseto vetor da malária. Além disso, o grupo também está tentando desenvolver uma plataforma para investigar drogas com ação em diferentes estágios de vida de Plasmodium vivax. Foi coordenadora do PPGBIO-Interação de 2018 a 2022. Atualmente é Vice-Diretora de Pesquisa e Inovação da Fiocruz Amazônia. Stefanie é também em tempo integral mãe da Giovana (5 anos) e recentemente da Gabriela (2 ano e 8 meses).

Informações coletadas do Lattes em 27/07/2022

Acadêmico

Formação acadêmica

Doutorado em Genética e Biologia Molecular

2008 - 2012

Universidade Estadual de Campinas
Título: Desenvolvimento de drogas experimentais e imunopatogênese na malária.
Fabio Trindade Maranhão Costa. Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: Plasmodium vivax; Citoadesão; Malária grave; Violaceína; Resistência a drogas; antimalárico. Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.

Mestrado em Genética e Biologia Molecular

2006 - 2008

Universidade Estadual de Campinas
Título: Avaliação in vivo e in vitro da atividade anti-plasmodial da violaceína extraída da Chromobacterium violaceum,Ano de Obtenção: 2008
Fabio Trindade Maranhão Costa.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Malária; Violaceína; Resistência a drogas; Terapia; Plasmodium falciparum; Plasmodium chabaudi. Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia / Subárea: Imunologia Aplicada. Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Molecular e de Microorganismos. Setores de atividade: Desenvolvimento de Produtos Tecnológicos Voltados Para A Saúde Humana; Produtos e Processos Biotecnológicos.

Graduação em Ciências Biológicas

2002 - 2005

Universidade Estadual de Campinas
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Pós-doutorado

2012 - 2014

Pós-Doutorado. , Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil. , Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. , Grande área: Ciências Biológicas

Formação complementar

2014 - 2014

Malaria Control: from the bench to the field. (Carga horária: 40h). , Harvard School of Public Health, HSPH, Estados Unidos.

2003 - 2003

Genética Humana. (Carga horária: 6h). , Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.

2003 - 2003

Aspectos da Evolução Humana. (Carga horária: 6h). , Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.

2003 - 2003

Marcadores de susceptibilidade ao câncer. (Carga horária: 3h). , Sociedade Brasileira de Genética, SBG, Brasil.

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Francês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Parasitologia.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Parasitologia / Subárea: Protozoologia de Parasitos.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Farmacologia.

Organização de eventos

AQUINO, P. F. ; PARENTE, R. ; FERNANDES, O. ; C. P. LOPES, STEFANIE . II Semana de Pós-graduação do ILMD/Fiocruz Amazônia. 2020. (Congresso).

MONTEIRO, WUELTON M ; Lopes, Stefanie CP . XV Reunião Nacional de Pesquisa em Malária. 2018. (Congresso).

LACERDA, M. V. G. ; Lopes, Stefanie C. P. ; MONTEIRO, W. M. . 6th international Conference on Plasmodium vivax Research. 2017. (Congresso).

Participação em eventos

XVI Reunião Nacional de Malária. A platform for Plasmodium vivax hypnozoite studies in Manaus. 2022. (Congresso).

7th International Conference on Plasmodium vivax Reseacrh. 2019. (Congresso).

XV Reunião Nacional de Pesquisa em Malária. Compostos visando bloqueio de transmissão de Plasmodium vivax. 2018. (Congresso).

53 Congresso da Sociedade de Medicina Tropical. Drogas para o bloqueio de transmissão. 2017. (Congresso).

6th International Conference on Plasmodium vivax Research. 6th International Conference on Plasmodium vivax Research. 2017. (Congresso).

Internacional Seminar in Neglected Diseases from Amazon.Transmission blocking strategies targeting Plasmodium vivax. 2017. (Seminário).

52° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical. Formação de rosetas e adesividade dos gametócitos a células endoteliais e sua influência na infectividade em Anopheles aquasalis. 2016. (Congresso).

Workshop New Approaches to Drug Discovery against Tropical Diseases.Challenges and perspectives on the discovery of new drugs for vivax malaria. 2016. (Outra).

NIH - Fiocruz Arbovirus Seminar: Global Health Challenges and Collaborative Opportunities in Arbovirus Research. 2015. (Encontro).

The 5th International Conference of Research on Plasmodium vivax Malaria. Plasmodium vivax gametocyte adhesive properties and its role in mosquito infection. 2015. (Congresso).

XIV Reunião Nacional de Malária. Modelos experimentais. 2015. (Congresso).

XX Seminário Laveran e Deane. 2015. (Seminário).

ASTMH 63rd Annual Meeting. Plasma derived from vivax malaria patients heightens Plasmodium vivax ex vivo adhesion to endothelial cells. 2014. (Congresso).

XIX Seminário Laveran e Deane.Participação como professor relator e tutor. 2014. (Seminário).

Advances in Plasmodium vivax Malaria Research. Plasmodium vivax: Disproportion of peripheral circulationg schizonts and its adhesive capacity. 2013. (Congresso).

Gordon Conference in Malaria. Plasmodium vivax: disproportion of peripheral circulating mature stages-forms and its adhesive capacity. 2013. (Congresso).

Gordon Seminar in Malaria.Plasmodium vivax: disproportion of peripheral circulating schizonts and its adhesive capacity. 2013. (Seminário).

XVIII Seminário Laveran e Deane.Participação como professor relator. 2013. (Seminário).

XVIII International Congress of Tropical Medicine and Malaria. Cytoadhesion of P. vivax: The involvement of host receptors and parasite stage-forms. 2012. (Congresso).

ICOPA XII. On cytoadhesion of Plasmodium vivax- infected erythrocytes.. 2010. (Congresso).

XII Reunião Nacional de Malária. 2010. (Congresso).

XIV Seminário Laveran e Deane.Avaliação do potencial antiplasmodial e dos mecanismos de ação da Violaceína, estruturada ou não, extraída da Chromobacterium violaceum. 2009. (Seminário).

XLV Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical. Violaceína e sua atividade antimalárica. 2009. (Congresso).

Pathogenis and Control of Emerging Infections and Drug Resistant Organisms. THE IN VIVO AND IN VITRO ANTI-PLASMODIUM ACTIVITY OF THE VIOLACEIN EXTRACTED FROM CHROMOBACTERIUM VIOLACEUM. 2008. (Congresso).

6th International Congress of Pharmaceutical Sciences. THE IN VIVO AND IN VITRO ANTI-PLASMODIUM ACTIVITY OF THE VIOLACEIN EXTRACTED FROM CHROMOBACTERIUM VIOLACEUM. 2007. (Congresso).

VI Simpósio Brasileiro de Farmacognosia.Tem efeito a terapia com chá de Artemisia annua em modelo experimental de malária?. 2007. (Simpósio).

XV Jornadas de jóvenes investigadores de la associación de universidades grupo montevideo. AVALIAÇÃO IN VIVO E IN VITRO DA ATIVIDADE ANTI-PLASMODIAL DA VIOLACEÍNA EXTRAÍDA DA CHROMOBACTERIUM VIOLACEUM. 2007. (Congresso).

XIV Congresso de Iniciação Científica da Unicamp. AVALIAÇÃO IN VIVO DA ATIVIDADE ANTI-PLASMODIAL DA VIOLACEÍNA EXTRAÍDA DA CHROMOBACTERIUM VIOLACEUM. 2006. (Congresso).

XXII Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology. EVALUATION OF THE IN VIVO AND IN VITRO ANTI-PLASMODIUM ACTIVITY OF THE VIOLACEIN EXTRACTED FROM CHROMOBACTERIUM VIOLACEUM. 2006. (Congresso).

CEMIB: 25 anos de avanço da ciência e tecnologia em animais de laboratório. 2004. (Seminário).

49 Congresso Brasileiro de Genética.. Análise de transportadores de potássio em cana-de-açúcar.. 2003. (Congresso).

VI Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia. 2003. (Congresso).

Participação em bancas

Aluno: Carolina Moreira Blanco

TOTINO, PAULO RENATO;ALBRECHT, L.LOPES, STEFANIE COSTA PINTO. ESTUDO DA MORTE CELULAR POR APOPTOSE EM FORMAS SANGUÍNEAS DE Plasmodium vivax. 2021. Dissertação (Mestrado em Biologia Parasitária) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: Juliana Cardoso Leal

AQUINO, P. F.;C. P. LOPES, STEFANIE; ANDRADE, S. L.. Análise proteômica dos secretomas dos fungos Trichoderma harzianum e Fusarium solanum. 2019. Dissertação (Mestrado em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: ERIC FABRICIO MARIALVA DOS SANTOS

PESSOA, F. A. C.;C. P. LOPES, STEFANIE; MONICK, KEILLEN. Biologia experimental de Migonemyia migonei (Diptera, Psychodidae, Phlebotominae): aprimoramento de técnicas de criação em massa e modelo experimental para infecção e transmissão de Leishmania infantum chagasi. 2019. Dissertação (Mestrado em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: POLYANE POLY MARQUES LIMA

SORGI, C. A.; SADAHIRO, A.;C. P. LOPES, STEFANIE. Efeito imunomodulador do ácido palmitoleico 16:1 n-9 na infecção experimental por Klebsiella pneumoniae. 2018. Dissertação (Mestrado em Imunologia Básica e Aplicada) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Hilkem Gomes Alves

POHLIT, ADRIANLOPES, STEFANIE C; BRAGA, J. V.. AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTIPLASMÓDICA IN VITRO E IN VIVO DE ALCALOIDES INDÓLICOS E SEUS DERIVADOS. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Marcelo Augusto Mota Brito

BUHRER, S.;LOPES, STEFANIE COSTA PINTO; LACERDA, M. V. G.. Avaliação da acurácia do teste rápido CareStart G6PD para detecção de indivíduos deficientes de G6PD em uma área endêmica de malária. 2015. Dissertação (Mestrado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas.

Aluno: Késsia Caroline Souza Alves

LOPES, STEFANIE COSTA PINTO; MARIUBA, L. A.; SIQUEIRA, R.; CARMO, E. J.; PESSOA, M. C. F.. DESENVOLVIMENTO DE UM PROBIÓTICO RECOMBINANTE CONTENDO A PROTEÍNA ?3? DE SUPERFÍCIE DE MEROZOÍTO DE Plasmodiumfalciparum E AVALIAÇÃO IMUNOLÓGICA EM MURINOS. 2022. Tese (Doutorado em Biotecnologia) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Fernando Almeida Val

LOPES, STEFANIECOSTA, FÁBIO T. M.LACERDA, MARCUSMALHEIRO, ADRIANA; CORDEIRO, M.. Complicações respiratórias da malária por Plasmodium vivax. 2017. Tese (Doutorado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas.

Aluno: Allyson Guimarães da Costa

MALHEIRO, ADRIANA; MARIUBA, L. A.; PONTILHO, A.; SADAHIRO, A.; Lopes, Stefanie C.P.. INFLUÊNCIA DOS POLIMORFISMOS NOS GENES DOS RECEPTORES DA IMUNIDADE INATA NA RESPOSTA IMUNE AO Plasmodium vivax. 2017. Tese (Doutorado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas.

Aluno: Alessandra da Silva Orfanó

PIMENTA, PAULO F. P.; SANTANNA, M. R. V.; CERAVOLO, I. P.; Lopes, Stefanie C. P.. Abordagens distintas à Interação entre Anopheles sp. e Plasmodium sp.: Estabelecendo um modelo murino de laboratório, estudando o escape dos esporozoítos e a microbiota. 2016. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: Gisely Cardoso de Melo

Lopes, Stefanie CP; ESPINOSA, F. E. M.; ZALIS, M. G.; SOUZA, T. N.; LACERDA, M. V. G.. Níveis de expressão de Pvcrto e Pvmdr1 estão associados com a resistência à cloroquina e malária grave por Plasmodium vivax em pacientes da Amazônia brasileira.. 2014. Tese (Doutorado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas.

Aluno: Rita Mascarenhas Neto

LOPES, S. C. P.; PENHA-SILVA, N.; CALABRIA, L. K.; BERNARDINO NETO, M.; COUTINHO FILHO, U.. MARCADORES BIOQUÍMICOS E MOLECULARES DAS MODIFICAÇÕES OXIDATIVAS EM PACIENTES COM MALÁRIA VIVAX. 2013. Tese (Doutorado em Genética e Bioquímica) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Diana Maruja Sangama Mozombite

NUNEZ, C. V.;C. P. LOPES, STEFANIE. Atividade antimalárica in vitro e in vivo, citotoxicidade e identificação de substâncias ativas de Bertholletia excelsa Nonpl. (castanha do Brasil). 2019. Exame de qualificação (Doutorando em Biotecnologia) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Marlene Rodrigues Marcelino Camargo

NUNEZ, C. V.;C. P. LOPES, STEFANIE. Composição química, atividade antimalárica in vitro e in vivo e citotoxicidade de Geissospermum argenteum e Giessospermum urceolatum a. H. Gentry. 2019. Exame de qualificação (Doutorando em Biotecnologia) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: DJANE CLARYS BAIA DA SILVA

PIMENTA, PAULO F. P.; SAMPAIO, V. S.; GUERRA, M. G. V. B.;LOPES, STEFANIE COSTA. Aspectos morfo-anatômicos do trato digestivo do Anopheles aquasalis e da interação com Plasmodium vivax. 2017.

Aluno: Elizângela Farias da Silva

LOPES, STEFANIE COSTA; NOGUEIRA, PAULO A.; LALWANI, P.;MALHEIRO, ADRIANA. Imunogenotipagem do bloco 2 da MSP1 e implicações para investigação de recaídas. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Imunologia Básica e Aplicada) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Keillen Monick Martins Campos

GUERRA, M. G. V. B.; SIQUEIRA, H.;Lopes, StefanieC.P.; MELO, GISELY C.. ESTUDO DA INFECÇÃO EXPERIMENTAL DE Anopheles aquasalis POR CARREADORES SINTOMÁTICOS E ASSINTOMÁTICOS DE GAMETÓCITOS DE Plasmodium vivax. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas.

Aluno: Yudi Tatiana Pinilla Beltran

PIMENTA, PAULO F. P.;Lacerda, Marcus V.G.; Lopes, Stefanie CP; VELASQUEZ, C. R.. Efeito da ivermectina sobre o bloqueio de transmissão de Plasmodium vivax em Anopheles aquasalis e Anopheles darlingi. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas.

Aluno: Sheila Vitor da Silva

GUERRA, M. G. V. B.; GONCALVES, M. J. F.; MONTEIRO, WUELTON M;LOPES, STEFANIE COSTA PINTO. Fatores de risco para Malária e para Malária vivax recorrente em área rural da Amazônia Ocidental Brasileira: um estudo de coorte prospectivo. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas.

Aluno: THAIS PERON DA SILVA

LOPES, STEFANIE COSTA PINTO; BARROS, R. M.; AGUIAR, A. C.. Papel das auroras quinases na transmissão de Plasmodium. 2020. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências (Biologia da Relação Patógeno-Hospedeiro)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Ruth Moura de Souza

Orlandi, PatriciaC. P. LOPES, STEFANIE; SANTOS, M. C.. Avaliação da funcionalidade do sistema de secreção tipo VI em Shigella boydii. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: Mario Roberto Lopes de Araújo Ypiranga dos Guaranys

VELASQUEZ, C. R.;C. P. LOPES, STEFANIE; MONICK, KEILLEN. Otimização da produção de esporozoítas de Plasmodium vivax em Anopheles aquasalis, vetor da malária na Amazônia. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: Vanessa Barbosa Rosa Carneiro

C. P. LOPES, STEFANIECOSTA, FABIO; SANTANA, R. A. G.. Avaliação do papel da formação de rosetas por gametócitos de Plasmodium vivax na transmissão do parasita ao vetor. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: Juliana Cardoso Leal

AQUINO, P. F.; FERNANDES, O. C. C.;LOPES, STEFANIE COSTA. Análise proteômica do secretoma dos fungos termotolerantes Trichoderma harzianum e Fusarium solani. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: Thiago Barros do Nascimento de Morais

AQUINO, P. F.;C. P. LOPES, STEFANIE; QUINTAO, J. A.. Avaliação da ação de metabólitos da via de quinurenina durante infecção causada por Zika Vírus. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Imunologia Básica e Aplicada) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Maria Geuziane Soares da Cruz

NOGUEIRA, PAULO A.;C. P. LOPES, STEFANIE; QUINTAO, J. A.. O PAPEL DA CITOADESÃO NA PATOGÊNESE DA COINFECÇÃO DENGUE-MALÁRIA. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Imunologia Básica e Aplicada) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Alessandra Pontes Cavalcante

Orlandi, PatriciaC. P. LOPES, STEFANIE; MOURA NETO, J. P.. Expressão gênica associada à invasão e multiplicação celular de Shigella spp.. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: LUCAS BARBOSA DE OLIVEIRA

NOGUEIRA, PAULO A.;C. P. LOPES, STEFANIEMALHEIRO, ADRIANA. Plaquetopenia na malária causada por Plasmodium vivax. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: Fernanda Almeida Batalha

Orlandi, PatriciaC. P. LOPES, STEFANIE; PONTES, G.. ANÁLISE PROTEÔMICA EXTRACELULAR DE CEPAS CLÍNICAS DE SHIGELLA SSP. COM DIFERENTES PERFIS DE VIRULÊNCIA. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: Natália Souza Ribeiro Lopes

Orlandi, PatriciaC. P. LOPES, STEFANIE; BRAGA, J. V.. Caracterização de Klebsiella quasipneumoniae isoladas em crianças com diarreia. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: DANIEL JESUS DE FIGUEIREDO

Orlandi, PatriciaC. P. LOPES, STEFANIE; MOTA, A. J.. Caracterização genética das bombas de efluxo MexB, D Y e porinas em cepas clínicas de Pseudomonas aeruginosa. 2018.

Aluno: ERIC FABRICIO MARIALVA DOS SANTOS

PESSOA, F. A. C.;C. P. LOPES, STEFANIE; MONICK, KEILLEN. Biologia experimental de Lutozmyia migonei (Diptera, Psychoidae, Phlebotominae): aprimoramento de técnicas de criação em massa e modelo expeirmental para infecção e transmissão de Leishmania infantum chagasi. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz.

Aluno: José Carlos de Matos Aerosa Alves

LACERDA, MARCUSC. P. LOPES, STEFANIE; PAULA, E. V.. Perfil de reticulócitos circulantes pós-doação de sangue como possível fonte de cultura para P. vivax. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas.

Aluno: Juliana Oliveira de Araujo

LALWANI, P.; PAULA, E. V.; Lopes, Stefanie C. P.. PERFIL DA RESPOSTA INFLAMATÓRIA DE CRIANÇAS COM ANEMIA DURANTE INFECÇÃO POR MALÁRIA VIVAX. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Hematologia) - Universidade do Estado do Amazonas.

Aluno: Luis Carlos Salazar Alvarez

Albrecht, Letusa; GUERRA, M. G. V. B.; Lopes, Stefanie C. P.. VERIFICAÇÃO DA CAPACIDADE DE FORMAÇÃO DE ROSETAS E A ADESIVIDADE DOS GAMETÓCITOS EM CÉLULAS ENDOTELIAIS E SUA INFLUÊNCIA EM A INFECTIVIDADE EM Anopheles aquasalis. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas.

Aluno: SIuhelen Rocha da Silva

MELO, GISELY C.;LOPES, STEFANIE COSTA PINTO; DEL PORTILLO, H. A.. Caracterização molecular dos genes pvcrt-o e pvmdr-1 como potenciais biomarcadores de resistência in vivo à cloroquina em pacientes com malária vivax. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas.

Aluno: Fhabianne Corrêa Bezerra

Lopes, Stefanie CP; MARINHO, C. R. F.; ALBUQUERQUE, S.. Avaliação da capacidade funcional de anticorpos específicos aos domínios MSP1 atarvés de ensaios de fagocitose de merozoítos de Plasmodium vivax. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Imunologia Básica e Aplicada) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: PÉRICLES GAMA ABREU FILHO

LOPES, STEFANIE COSTA PINTO; NOGUEIRA, PAULO A.; MARTINS FILHO, O. A.. Identificação e quantificação de eicosanoides através da técnica de lipidoma de pacientes com malária infectados com P.vivax na cidade de manaus/AM. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Imunologia Básica e Aplicada) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Andréia Ferreira da Silva

PESSOA, M. C. F.; PONTES, G.;LOPES, STEFANIE COSTA PINTO. Produção de anticorpos para detecção de Escherichia coli enteropatogênica. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Biotecnologia) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Jaqueline Siqueira da Costa

SOUZA, T. P.; WEBER, S. S.;LOPES, STEFANIE COSTA PINTO. Susceptibilidade in vitro de isolados de campo de P. vivax frente às substâncias isoladas de plantas amazônicas. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Mayana Cristina da Silva Pardo

PONTES, G.; PESSOA, M. C. F.;LOPES, STEFANIE COSTA PINTO. Identificação de epítopos imunogênicos associados a proteção contra invasão de Shigella. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Biotecnologia) - Universidade Federal do Amazonas.

SARTIM, M. A.; LIMA NETO, W. L.;LOPES, STEFANIE COSTA PINTO. Seleção de Doutorado Programa de Pós graduação em Imunologia Básica e Aplicada. 2022. Universidade Federal do Amazonas.

ALBRECHT, LETUSA; AQUINO, P. F.;LOPES, STEFANIE COSTA PINTO. Seleção de Doutorado Programa de Pós graduação em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro. 2021. FIOCRUZ AMAZONIA.

BARCELLOS, J. F. M.; SILVA, K. M. M.; Lopes, Stefanie C. P.. Seleção de Mestrado Programa de Pós graduação em Imunologia Básica e Aplicada. 2018. Universidade Federal do Amazonas.

LOPES, STEFANIE; MARIUBA, L. A.; SILVA, K. M. M.. Seleção de Mestrado Programa de Pós graduação em Imunologia Básica e Aplicada. 2016. Universidade Federal do Amazonas.

Lopes, StefanieC.P.; LACERDA, M. V. G.; CORDEIRO, M.. Seleção de doutorado do Programa de Pós Graduação em Medicina Tropical. 2015. Universidade do Estado do Amazonas.

Lopes, Stefanie CP. Membro de banca avaliadora da 13 Reunião Anual de Iniciação Científica. 2015. FIOCRUZ AMAZONIA.

MELO, GISELY C.;LOPES, S. C. P.MONTEIRO, WUELTON M.. Membro de banca avaliadora de Processo Seletivo Simplificado para a contratação de professor na Área de Parasitologia da Universidade do Estado do Amazonas.. 2012. Universidade do Estado do Amazonas.

Comissão julgadora das bancas

Cristina Pontes Vicente

COSTA, F.T.M.; FARIAS, A. S.;VICENTE, C. P.FERREIRA, M. U.; CRAVO, P. V. L.. Desenvolvimento de drogas experimentais e imunopatogênese na malária. 2012. Tese (Doutorado em Genética e Biologia Molecular) - Universidade Estadual de Campinas.

Marcelo Lancellotti

Gadelha, F. R.;BROCCHI, MarceloLANCELLOTTI, Marcelo. Exame de qualificação nível Mestrado, na área Genética e Biologia Molecular. 2009. Dissertação (Mestrado em Genética e Biologia Molecular) - Universidade Estadual de Campinas.

Marcelo Lancellotti

BROCCHI, Marcelo; Gadelha, F. R.;LANCELLOTTI, Marcelo. Avaliação do potencial antiplasmodial e dos mecanismos de ação da violaceína, estruturada ou não, extraída de Chromobacterium violaceum. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Genética e Biologia Molecular) - Universidade Estadual de Campinas.

Alessandro dos Santos Farias

Alessandro S. Farias. Citoadesão de plasmodium vivax: estágios e receptores envolvidos. 2011.

Fabio Trindade Maranhão Costa

COSTA, F.SOARES, I. S.; Pereira GG. Avaliação da atividade antiplasmodial da violaceína extraída da Chromobacterium violaceum. 2008. Dissertação (Mestrado em Genética e Biologia Molecular) - Universidade Estadual de Campinas.

Goncalo Amarante Guimarães Pereira

Costa, F. T. M.; Soares, I. S.;PEREIRA, G.A. G.. Avaliação in vivo e in vitro da atividade anti-plasmodial da violaceína extraída de Chromobacterium violaceum. 2008. Dissertação (Mestrado em Genética e Biologia Molecular) - Universidade Estadual de Campinas.

Orientou

ALINE DE SOUZA SANTIAGO

Avaliação da atividade do antimalárico Atovaquona na sobrevida de Anopheles aquasalis e no bloqueio de transmissão de Plasmodium vivax; Início: 2021; Dissertação (Mestrado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; (Orientador);

Eunice Brandão de Almeida

Estudo da prevalência e diversidade de Wolbachia (Rickettsiales:Rickettsiaceae) em Anopheles spp; coletados em Manaus e arredores; Início: 2021; Dissertação (Mestrado em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; (Orientador);

Natalia Stefany da Silva Pereira

Avaliação da atividade entomopatogênica em mosquitos Anopheles transmissores de malária de fungos da Coleção da Fiocruz Amazônia; Início: 2020; Dissertação (Mestrado em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz; (Orientador);

Erick Frota Gomes Figueiredo

BUSCA DE NOVOS FÁRMACOS CONTRA HIPNOZOÍTOS DE Plasmodium vivax ATRAVÉS DE TRIAGENS QUIMIOGENÔMICAS; Início: 2019; Tese (Doutorado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Joao Conrado Khouri dos Santos

Patogênese da citoaderência na malária por Plasmodium vivax: o papel das plaquetas; Início: 2015; Tese (Doutorado em Fisiopatologia Médica) - Universidade Estadual de Campinas; (Coorientador);

ANA CAROLINA MOURA XAVIER

ATIVIDADE ANTIMICROBIANA DE MEMBRANAS POLIMÉRICAS FUNCIONALIZADAS COM TUNGSTATO FRENTE ÀS BACTÉRIAS DE IMPORTÂNCIA CLÍNICA: UMA REVISÃO; Início: 2022 - FIOCRUZ AMAZONIA, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

JOSE ROBERTO PINHEIRO DE SOUZA FILHO

Avaliação da atividade entomopatogênica dos fungos Trichoderma spp; da coleção da Fiocruz Amazônia em mosquitos Anopheles Aquasalis; Início: 2022 - FIOCRUZ AMAZONIA, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; (Orientador);

Macejane Ferreira de Souza

SENSIBILIDADE A ANTIMALÁRICOS DE ISOLADOS DE PLASMODIUM VIVAX COLETADOS A FRESCO E CRIOPRESERVADOS; 2021; Dissertação (Mestrado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

DAYANNE KAMYLLA ALVES BARROS DA SILVA

Avaliação do papel da Proteína 2 do Pescoço de Roptria em esporozoítas de Plasmodium vivax; 2021; Dissertação (Mestrado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Vanessa Barbosa Rosa

Infecção experimental de Anopheles aquasalis com isolados de Plasmodium vivax criopreservados; 2020; Dissertação (Mestrado em Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD)) - Fundação Oswaldo Cruz, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Luis Carlos Salazar Alvarez

FORMAÇÃO DE ROSETAS E ADESÃO EM CÉLULAS ENDOTELIAIS DE GAMETÓCITOS DE Plasmodium vivax E SUA INFLUÊNCIA NA INFECTIVIDADE EM Anopheles aquasalis; 2017; Dissertação (Mestrado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Janaina Belem Gama

EFEITO DA CRIOPRESERVAÇÃO DE SANGUE VENESO E CAPILAR PARA A DETERMINAÇÃO LABORATORIAL DA ATIVIDADE DA ENZIMA G6PD; 2017; Dissertação (Mestrado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas,; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Fhabianne Corrêa Bezerra

Avaliação da capacidade funcional de anticorpos específicos aos domínios do MSP1 através de ensaios de fagocitose de merozoítos de P; vivax; 2014; Dissertação (Mestrado em Imunologia Básica e Aplicada) - Universidade Federal do Amazonas,; Coorientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Isabel Cristina Naranjo Prado

Avaliação ex-vivo dos efeitos antimaláricos da violaceína e outros compostos em isolados Amazônicos de Plasmodium vivax e P; falciparum e análise da sua atividade em camundongos infectados com cepas de P; chabaudi resistentes a antimaláricos; 2012; Dissertação (Mestrado em Genética e Biologia Molecular) - Universidade Estadual de Campinas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Coorientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Glenda Quaresma Ramos

ANÁLISE ULTRAESTRUTURAL E INFECTIVIDADE DO Plasmodium vivax FRENTE AO USO DE ANTIMALÁRICOS; 2021; Tese (Doutorado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Camila Fabbri

BLOQUEIO DE TRANSMISSÃO EM PLASMODIUM VIVAX: BUSCA POR NOVOS FÁRMACOS; 2020; Tese (Doutorado em Medicina Tropical) - Universidade do Estado do Amazonas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

ANA CAROLINA MOURA XAVIER

AVALIAÇÃO DE ATIVIDADE ANTIBACTERIANA E CITOTÓXICA DE NANOPARTÍCULA (NP'S) DE MOLIBDATO DE PRATA (Ag2MoO4); 2021; Iniciação Científica - FIOCRUZ AMAZONIA, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

DIENE COSTA LIMA

Avaliação de atividade antimicrobiana e citotóxica do óxido de zinco (ZnO), fosfato de prata (Ag3PO4) e do compósito ZnO@Ag3PO4); 2019; Iniciação Científica - FIOCRUZ AMAZONIA, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Eunice Brandão de Almeida

Identificação de Plasmodium spp em anofelinos coletados em área domiciliar na região periurbana de Manaus-Amazona; 2019; Iniciação Científica - FIOCRUZ AMAZONIA, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Erick Frota Gomes Figueiredo

ESTRATÉGIAS FARMACOGENÉTICAS APLICADAS AO TRATAMENTO DE MALÁRIA; 2017; Iniciação Científica - FIOCRUZ AMAZONIA, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Macejane Ferreira de Souza

o: Avaliação da atividade antimalárica de compostos inibidores de quinases identificados por triagem virtual sobre estágios assexuados de Plasmodium vivax; 2017; Iniciação Científica - FIOCRUZ AMAZONIA, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Francy's Sayara Andrade de Araújo

Análise do efeito da primaquina na infecção de Anopheles aquasalis por Plasmodium vivax; 2017; Iniciação Científica - FIOCRUZ AMAZONIA, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Erick Frota Gomes Figueiredo

AVALIAÇÃO DA PRESENÇA E PAPEL DE AUTO-ANTICORPOS NA ANEMIA RELACIONADA À MALÁRIA VIVAX; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - FIOCRUZ AMAZONIA, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Dayanne Kamylla Alves da Silva Barros

Capacidade adesiva e deformabilidade de eritrócitos infectados por estágios assexuais de P; vivax; 2016; Iniciação Científica - FIOCRUZ AMAZONIA, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Bhrenda Joplin Benito Borba

Métodos de purificação de plaquetas para avaliação de sua capacidade adesiva ao endotélio: uma possível explicação para trombocitopenia na Malária vivax; 2015; Iniciação Científica - Fundação de Medicina Tropical Doutor Heitor Vieira Dourado, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Thays Souza dos Santoshttps://wwws

cnpq; br/cvlattesweb/pkg_o; Desenvolvimento e validação de citometria de fluxo para avaliação de atividade antimalárica: uma ferramenta para o estudo de resistência e descoberta de novos antimaláricos; 2015; Iniciação Científica - FIOCRUZ AMAZONIA, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Stefanie Costa Pinto Lopes;

Foi orientado por

Fabio Trindade Maranhão Costa

Avaliação in vivo e in vitro da atividade antiplasmodial da violaceína extraída da Chromobacterium violaceum; 2008; Dissertação (Mestrado em Genética e Biologia Molecular) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Fabio Trindade Maranhão Costa;

Fabio Trindade Maranhão Costa

Desenvolvimento de drogas experimentais e imunopatogênese na malária; 2012; Tese (Doutorado em Genética e Biologia Molecular) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Fabio Trindade Maranhão Costa;

Fabio Trindade Maranhão Costa

2014; Universidade Estadual de Campinas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Fabio Trindade Maranhão Costa;

Fabio Trindade Maranhão Costa

Avaliação in vivo e in vitro da atividade anti-plasmodial da violaceina extraida da Chromobacterium violaceum; 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Fabio Trindade Maranhão Costa;

Produções bibliográficas

  • FABBRI, C. ; TRINDADE, A. O. ; ANDRADE, FRANCYS S. ; SOUZA, M. F. ; VELASQUEZ, C. R. ; LACERDA, MARCUS ; MONTEIRO, WUELTON M ; COSTA, FABIO ; AMINO, ROGERIO ; C. P. LOPES, STEFANIE . Transmission-blocking compound candidates against Plasmodium vivax using P. berghei as an initial screening. MEMORIAS DO INSTITUTO OSWALDO CRUZ , v. 116, p. e200513, 2021.

  • BOURGARD, CATARINA ; Lopes, Stefanie C. P. ; LACERDA, MARCUS V. G. ; Albrecht, Letusa ; Costa, Fabio T. M. . A suitable RNA preparation methodology for whole transcriptome shotgun sequencing harvested from Plasmodium vivax-infected patients. Scientific Reports , v. 11, p. 5089, 2021.

  • RAMOS, GLENDA QUARESMA ; BAIA-DA-SILVA, DJANE CLARYS ; LACERDA, MARCUS VINÍCIUS GUIMARÃES ; MONTEIRO, WUELTON MARCELO ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO . Viability and Infectivity of Plasmodium vivax Gametocytes in Short-Term Culture. Frontiers in Cellular and Infection Microbiology , v. 11, p. 676276, 2021.

  • SALAZAR ALVAREZ, LUIS CARLOS ; VERA LIZCANO, OMAIRA ; DA SILVA BARROS, DAYANNE KAMYLLA ALVES ; BAIA-DA-SILVA, DJANE CLARYS ; MONTEIRO, WUELTON MARCELO ; PIMENTA, PAULO FILEMON PAOLLUCI ; DE LACERDA, MARCUS VINICIUS GUIMARÃES ; COSTA, FABIO TRINDADE MARANHÃO ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO . Plasmodium vivax Gametocytes Adherence to Bone Marrow Endothelial Cells. Frontiers in Cellular and Infection Microbiology , v. 11, p. 614985, 2021.

  • SCHAPPO, ANA PAULA ; BITTENCOURT, NAJARA C ; BERTOLLA, LETICIA P ; FORCELLINI, SOFIA ; DA SILVA, ANA BEATRIZ IUNG ENEMBRECK ; DOS SANTOS, HELLEN GEREMIAS ; GERVÁSIO, JOÃO HENRIQUE ; LACERDA, MARCUS VG ; Lopes, Stefanie CP ; COSTA, FABIO TM ; Albrecht, Letusa . Antigenicity and adhesiveness of a Plasmodium vivax VIR-E protein from Brazilian isolates. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz , v. 116, p. e210227, 2021.

  • SILVA-FILHO, JOÃO L ; DOS-SANTOS, JOÃO CK ; JUDICE, CARLA ; BERALDI, DARIO ; VENUGOPAL, KANNAN ; LIMA, DIOGENES ; NAKAYA, HELDER I ; DE PAULA, ERICH V ; Lopes, Stefanie CP ; LACERDA, MARCUS VG ; MARTI, MATTHIAS ; COSTA, FABIO TM . Total parasite biomass but not peripheral parasitaemia is associated with endothelial and haematological perturbations in Plasmodium vivax patients. eLife , v. 10, p. e71351, 2021.

  • SANTOS, RAFAELLA OLIVEIRA DOS ; CRUZ, MARIA GEUZIANE SOARES DA ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; OLIVEIRA, LUCAS BARBOSA ; NOGUEIRA, PAULO AFONSO ; LIMA, EMERSON SILVA ; SOARES, IRENE SILVA ; KANO, FLORA SATIKO ; CARVALHO, ANDRÉA TEIXEIRA DE ; COSTA, FABIO TRINDADE MARANHÃO ; GANOZA, CHRISTIAN A. ; LACERDA, MARCUS VINICIUS GUIMARÃES DE ; LALWANI, PRITESH . A First Plasmodium vivax Natural Infection Induces Increased Activity of the Interferon Gamma-Driven Tryptophan Catabolism Pathway. Frontiers in Microbiology , v. 11, p. 400, 2020.

  • DOS-SANTOS, JOÃO CONRADO KHOURI ; SILVA-FILHO, JOÃO LUIZ ; JUDICE, CARLA C. ; KAYANO, ANA CAROLINA ANDRADE VITOR ; ALIBERTI, JÚLIO ; KHOURI, RICARDO ; DE LIMA, DIÓGENES S. ; NAKAYA, HELDER ; LACERDA, MARCUS VINICIUS GUIMARÃES ; DE PAULA, ERICH VINICIUS ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; COSTA, FABIO TRINDADE MARANHÃO . Platelet disturbances correlate with endothelial cell activation in uncomplicated Plasmodium vivax malaria. PLoS Neglected Tropical Diseases , v. 14, p. e0007656, 2020.

  • BITTENCOURT, NAJARA CARNEIRO ; SILVA, ANA BEATRIZ IUNG ENEMBRECK DA ; VIRGILI, NATÁLIA SILVEIRA ; SCHAPPO, ANA PAULA ; GERVÁSIO, JOÃO HENRIQUE D. B. ; PIMENTA, TAMIRYS S. ; KUJBIDA JUNIOR, MARIO A. ; VENTURA, ANA MARIA R. S. ; LIBONATI, ROSANA M. F. ; SILVA-FILHO, JOÃO LUIZ ; DOS SANTOS, HELLEN GEREMIAS ; Lopes, Stefanie C. P. ; LACERDA, MARCUS V. G. ; MACHADO, RICARDO L. D. ; Costa, Fabio T. M. ; Albrecht, Letusa . Plasmodium vivax AMA1: Implications of distinct haplotypes for immune response. PLoS Neglected Tropical Diseases , v. 14, p. e0008471, 2020.

  • Albrecht, Letusa ; Lopes, Stefanie C. P. ; DA SILVA, ANA BEATRIZ IUNG ENEMBRECK ; BARBOSA, VANESSA ; ALMEIDA, RODRIGO P. ; SIQUEIRA, ANDRÉ M. ; LEITE, JULIANA ALMEIDA ; BITTENCOURT, NAJARA C. ; DOS SANTOS, HELLEN GEREMIAS ; BOURGARD, CATARINA ; GARCIA, LUIZ FERNANDO CARDOSO ; KAYANO, ANA CAROLINA A. V. ; Soares, Irene S. ; Russell, Bruce ; Rénia, Laurent ; LACERDA, MARCUS V. G. ; Costa, Fabio T. M. . Rosettes integrity protects Plasmodium vivax of being phagocytized. Scientific Reports , v. 10, p. 1, 2020.

  • HUNG, JANE ; GOODMAN, ALLEN ; RAVEL, DEEPALI ; LOPES, S. C. P. ; RANGEL, GABRIEL W. ; NERY, ODAILTON A. ; MALLERET, BENOIT ; NOSTEN, FRANCOIS ; LACERDA, MARCUS V. G. ; FERREIRA, MARCELO U. ; Rénia, Laurent ; DURAISINGH, MANOJ T. ; COSTA, F. ; MARTI, MATTHIAS ; CARPENTER, ANNE E. . Keras R-CNN: library for cell detection in biological images using deep neural networks. BMC BIOINFORMATICS , v. 21, p. 1-5, 2020.

  • FERREIRA, LETÍCIA TIBURCIO ; RODRIGUES, JULIANA ; CASSIANO, GUSTAVO CAPATTI ; TAVELLA, TATYANA ALMEIDA ; TOMAZ, KAIRA CRISTINA PERALIS ; BAIA-DA-SILVA, DJANE CLARYS ; SOUZA, MACEJANE FERREIRA ; LIMA, MARILIA NUNES DO NASCIMENTO ; MOTTIN, MELINA ; ALMEIDA, LUDIMILA DIAS ; CALIT, JULIANA ; PUÇA, MARIA CAROLINA SILVA DE BARROS ; MELO, GISELY CARDOSO ; BARGIERI, DANIEL YOUSSEF ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; LACERDA, MARCUS VINICIUS GUIMARÃES ; BILSLAND, ELIZABETH ; SUNNERHAGEN, PER ; NEVES, BRUNO JUNIOR ; ANDRADE, CAROLINA HORTA ; CRAVO, PEDRO VITOR LEMOS ; COSTA, FABIO TRINDADE MARANHÃO . Computational Chemogenomics Drug Repositioning Strategy Enables the Discovery of Epirubicin as a New Repurposed Hit for Plasmodium falciparum and P. vivax. ANTIMICROBIAL AGENTS AND CHEMOTHERAPY , v. 64, p. e02041, 2020.

  • BASTOS, MARCELE F ; Albrecht, Letusa ; GOMES, ANGÉLICA M ; LOPES, S. C. P. ; VICENTE, CRISTINA P ; DE ALMEIDA, RODRIGO PM ; CASSIANO, GUSTAVO C ; FONSECA, ROBERTO JC ; WERNECK, CLAUDIO C ; PAVÃO, MAURO SG ; COSTA, F. . A new heparan sulfate from the mollusk Nodipecten nodosus inhibits merozoite invasion and disrupts rosetting and cytoadherence of Plasmodium falciparum. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz , v. 114, p. 1-5, 2019.

  • FARIAS, ELIZANGELA ; BEZERRA, FHABIANE ; BAIA-DA-SILVA, DJANE CLARYS ; CHAVES, YURY OLIVEIRA ; CARDOZA, TATIANA BACRY ; DE ALMEIDA, MARIA EDILENE MARTINS ; OLIVEIRA, LUCAS BARBOSA ; LALWANI, PRITESH ; ORLANDI, PATRÍCIA PUCCINELLI ; LACERDA, MARCUS VINICIUS GUIMARAES ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; NOGUEIRA, PAULO AFONSO . A simple, ex vivo phagocytosis assay of Plasmodium vivax merozoites by flow cytometry. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz , v. 114, p. e190158, 2019.

  • CRAVO, PEDRO ; MACHADO, RENATO B. ; Leite, Juliana A. ; LEDA, TAIZY ; Suwanarusk, Rossarin ; BITTENCOURT, NAJARA ; Albrecht, Letusa ; JUDICE, CARLA ; LOPES, S. C. P. ; LACERDA, MARCUS V. G. ; FERREIRA, MARCELO U. ; SOARES, IRENE S. ; GOH, YUN SHAN ; Bargieri, Daniel Y. ; NOSTEN, FRANÇOIS ; Russell, Bruce ; Rénia, Laurent ; COSTA, F. . In silico epitope mapping and experimental evaluation of the Merozoite Adhesive Erythrocytic Binding Protein (MAEBL) as a malaria vaccine candidate. MALARIA JOURNAL , v. 17, p. 20-25, 2018.

  • PINILLA, YUDI T. ; C. P. LOPES, STEFANIE ; S. SAMPAIO, VANDERSON ; ANDRADE, FRANCYS S. ; C. MELO, GISELY ; ORFANÓ, ALESSANDRA S. ; SECUNDINO, NÁGILA F. C. ; GUERRA, MARIA G. V. B. ; LACERDA, MARCUS V. G. ; KOBYLINSKI, KEVIN C. ; ESCOBEDO-VARGAS, KARIN S. ; LÓPEZ-SIFUENTES, VICTOR M. ; STOOPS, CRAIG A. ; BALDEVIANO, G. CHRISTIAN ; TARNING, JOEL ; VASQUEZ, GISSELLA M. ; PIMENTA, PAULO F. P. ; MONTEIRO, WUELTON M. . Promising approach to reducing Malaria transmission by ivermectin: Sporontocidal effect against Plasmodium vivax in the South American vectors Anopheles aquasalis and Anopheles darlingi. PLoS Neglected Tropical Diseases , v. 12, p. e0006221, 2018.

  • BAIA-DA-SILVA, DJANE CLARYS ; ALVAREZ, LUIS CARLOS SALAZAR ; LIZCANO, OMAIRA VERA ; COSTA, FABIO TRINDADE MARANHÃO ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; ORFANÓ, ALESSANDRA SILVA ; PASCOAL, DENNER OLIVEIRA ; NACIF-PIMENTA, RAFAEL ; RODRIGUEZ, IRIA CABRAL ; GUERRA, MARIA DAS GRAÇAS VALE BARBOSA ; LACERDA, MARCUS VINICIUS GUIMARÃES ; SECUNDINO, NAGILA FRANCINETE COSTA ; MONTEIRO, WUELTON MARCELO ; PIMENTA, PAULO FILEMON PAOLUCCI . The role of the peritrophic matrix and red blood cell concentration in Plasmodium vivax infection of Anopheles aquasalis. Parasites & Vectors , v. 11, p. 148, 2018.

  • BASTOS, MARCELE F. KAYANO, ANA CAROLINA A. V. SILVA-FILHO, JOÃO LUIZ DOS-SANTOS, JOÃO CONRADO K. JUDICE, CARLA Blanco, Yara C. SHRYOCK, NATHANIEL SERCUNDES, MICHELLE K. ORTOLAN, LUANA S. FRANCELIN, CAROLINA Leite, Juliana A. OLIVEIRA, RAFAELLA ELIAS, ROSA M. CÂMARA, NIELS O. S. Lopes, Stefanie C. P. Albrecht, Letusa Farias, Alessandro S. VICENTE, CRISTINA P. WERNECK, CLAUDIO C. Giorgio, Selma VERINAUD, LIANA EPIPHANIO, SABRINA MARINHO, CLAUDIO R. F. LALWANI, PRITESH AMINO, ROGERIO , et al. ALIBERTI, JULIO Costa, Fabio T. M. ; Inhibition of hypoxia-associated response and kynurenine production in response to hyperbaric oxygen as mechanisms involved in protection against experimental cerebral malaria. FASEB JOURNAL , v. x, p. fj.201700844R, 2018.

  • SILVA, SIUHELEM ROCHA ; ALMEIDA, ANNE CRISTINE GOMES ; DA SILVA, GEORGE ALLAN VILLAROUCO ; RAMASAWMY, RAJENDRANATH ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; SIQUEIRA, ANDRÉ MACHADO ; COSTA, GABRIEL LUÍZ ; SOUSA, TAÍS NÓBREGA ; VIEIRA, JOSÉ LUIZ FERNANDES ; LACERDA, MARCUS VINÍCIUS GUIMARÃES ; MONTEIRO, WUELTON MARCELO ; DE MELO, GISELY CARDOSO . Chloroquine resistance is associated to multi-copy pvcrt-o gene in Plasmodium vivax malaria in the Brazilian Amazon. MALARIA JOURNAL , v. 17, p. 267, 2018.

  • BITTENCOURT, NAJARA C. ; Leite, Juliana A. ; SILVA, ANA BEATRIZ I. E. ; PIMENTA, TAMIRYS S. ; SILVA-FILHO, JOÃO LUIZ ; CASSIANO, GUSTAVO C. ; Lopes, Stefanie C. P. ; DOS-SANTOS, JOAO C. K. ; BOURGARD, CATARINA ; NAKAYA, HELDER I. ; DA SILVA VENTURA, ANA MARIA REVORÊDO ; LACERDA, MARCUS V. G. ; FERREIRA, MARCELO U. ; MACHADO, RICARDO L. D. ; Albrecht, Letusa ; Costa, Fabio T. M. . Genetic sequence characterization and naturally acquired immune response to Plasmodium vivax Rhoptry Neck Protein 2 (PvRON2). MALARIA JOURNAL , v. 17, p. 401, 2018.

  • NASCIMENTO, JOABI ; SAMPAIO, VANDERSON S. ; KARL, STEPHAN ; KUEHN, ANDREA ; ALMEIDA, ANNE ; VITOR-SILVA, SHEILA ; DE MELO, GISELY CARDOSO ; BAIA DA SILVA, DJANE C. ; C. P. LOPES, STEFANIE ; FÉ, NELSON F. ; LIMA, JOSÉ B. PEREIRA ; GUERRA, MARIA G. BARBOSA ; PIMENTA, PAULO F. P. ; BASSAT, QUIQUE ; MUELLER, IVO ; LACERDA, MARCUS V. G. ; MONTEIRO, WUELTON M. . Use of anthropophilic culicid-based xenosurveillance as a proxy for Plasmodium vivax malaria burden and transmission hotspots identification. PLoS Neglected Tropical Diseases , v. 12, p. e0006909, 2018.

  • TOTINO, PAULO RENATO ; LOPES, STEFANIE COSTA . Insights into the Cytoadherence Phenomenon of Plasmodium vivax: The Putative Role of Phosphatidylserine. Frontiers in Immunology , v. 8, p. 1, 2017.

  • ZHANG, ROU ; LEE, WENN-CHYAU ; LAU, YEE-LING ; Albrecht, Letusa ; LOPES, S. C. P. ; COSTA, F. ; Suwanarusk, Rossarin ; NOSTEN, FRANCOIS ; COOKE, BRIAN M. ; Rénia, Laurent ; Russell, Bruce . Rheopathologic Consequence of Plasmodium vivax Rosette Formation. PLoS Neglected Tropical Diseases (Online) , v. 10, p. e0004912-1, 2016.

  • VERINAUD, LIANA ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; PRADO, ISABEL CRISTINA NARANJO ; ZANUCOLI, FÁBIO ; ALVES DA COSTA, THIAGO ; DI GANGI, ROSÁRIA ; ISSAYAMA, LUIDY KAZUO ; CARVALHO, ANA CAROLINA ; BONFANTI, AMANDA PIRES ; NIEDERAUER, GUILHERME FRANCIO ; DURAN, NELSON ; COSTA, FÁBIO TRINDADE MARANHÃO ; OLIVEIRA, ALEXANDRE LEITE RODRIGUES ; HÖFLING, MARIA ALICE DA CRUZ ; MACHADO, DAGMAR RUTH STACH ; THOMÉ, RODOLFO . Violacein Treatment Modulates Acute and Chronic Inflammation through the Suppression of Cytokine Production and Induction of Regulatory T Cells. Plos One , v. 10, p. e0125409, 2015.

  • VERA, OMAIRA ; BRELAZ, PAULA ; Albrecht, Letusa ; MONICK, KEILLEN ; PIMENTA, PAULO F. P. ; MONTEIRO, WUELTON M ; LACERDA, MARCUS V. G. ; Lopes, Stefanie C. P. ; Costa, Fabio T. M. . A purification methodology for viable and infective Plasmodium vivax gametocytes compatible with transmission blocking assays. Antimicrobial Agents and Chemotherapy (Print) , v. 59, p. AAC.01136-15, 2015.

  • LEITE, JULIANA A ; BARGIERI, DANIEL Y ; CARVALHO, BRUNA O ; Albrecht, Letusa ; LOPES, S. C. P. ; KAYANO, ANA CAROLINA A. V. ; FARIAS, ALESSANDRO S ; CHIA, WAN NI ; CLASER, CARLA ; MALLERET, BENOIT ; Russell, Bruce ; Castieiras, Catarina ; Santos, Leonilda M. B. ; BROCCHI, MARCELO ; WUNDERLICH, G. ; SOARES, IRENE S ; RODRIGUES, MAURICIO M ; Rénia, Laurent ; Costa, Fabio T. M. . Immunization with the MAEBL M2 domain protects against lethal Plasmodium yoelii infection. Infection and Immunity (Print) , v. 83, p. IAI.00262-15, 2015.

  • BASTOS, M. F. ; ALBRECHT, L. ; KOZLOWSKI, E. O. ; LOPES, S. C. P. ; BLANCO, Y. C. ; CARLOS, B. C. ; CASTINEIRAS, C. ; VICENTE, C. P. ; WERNECK, C. C. ; WUNDERLICH, G. ; FERREIRA, M. U. ; MARINHO, C. R. F. ; MOURAO, P. A. S. ; PAVAO, M. S. G. ; COSTA, F. T. M. ; COSTA, F. . Fucosylated Chondroitin Sulfate inhibits Plasmodium falciparum cytoadhesion and merozoite invasion. Antimicrobial Agents and Chemotherapy (Print) , v. 1, p. 1, 2014.

  • LOPES, S. C. P. ; ALBRECHT, L. ; CARVALHO, B. O. ; SIQUEIRA, A. M. ; THOMSON-LUQUE, R. ; Nogueira, P. A. ; FERNANDEZ-BECERRA, C. ; DEL PORTILLO, H. A. ; RUSSELL, B. M. ; Renia, L. ; LACERDA, M. V. G. ; COSTA, F. T. M. ; COSTA, F. . Paucity of Plasmodium vivax mature schizonts in peripheral blood is associated with their increased cytoadhesive potential. The Journal of Infectious Diseases , v. 1, p. 1, 2014.

  • THOMÉ, RODOLFO ; ISSAYAMA, LUIDY KAZUO ; COSTA, THIAGO ALVES DA ; GANGI, ROSÁRIA DI ; FERREIRA, ISADORA TASSINARI ; RAPÔSO, CATARINA ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; HÖFLING, MARIA ALICE DA CRUZ ; COSTA, FÁBIO TRINDADE MARANHÃO ; VERINAUD, LIANA . Dendritic cells treated with crude Plasmodium berghei extracts acquire immune-modulatory properties and suppress the development of autoimmune neuroinflammation. Immunology (Oxford. Print) , p. n/a-n/a, 2014.

  • DOS-SANTOS, JOÃO C ; ANGERAMI, RODRIGO N ; CASTIEIRAS, CATARINA M ; LOPES, STEFANIE C ; Albrecht, Letusa ; GARCIA, MÁRCIA T ; LEVY, CARLOS E ; MORETTI, MARIA L ; LACERDA, MARCUS V ; Costa, Fabio T . Imported malaria in a non-endemic area: the experience of the university of Campinas hospital in the Brazilian Southeast. Malaria Journal (Online) , v. 13, p. 280, 2014.

  • FRATUS, ALESSANDRA SAMPAIO BASSI ; CABRAL, FERNANDA JANKU ; FOTORAN, WESLEY LUZETTI ; MEDEIROS, MÁRCIA MELO ; CARLOS, BIANCA CECHETTO ; MARTHA, ROSIMEIRE DALLA ; SILVA, LUIZ HILDEBRANDO PEREIRA DA ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; COSTA, FABIO TRINDADE MARANHÃO ; Wunderlich, Gerhard . Antibody recognition of Plasmodium falciparum infected red blood cells by symptomatic and asymptomatic individuals in the Brazilian Amazon. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz (Impresso) , v. 00, p. 00-00, 2014.

  • THOMÉ, RODOLFO ; BOMBEIRO, ANDRÉ LUIS ; ISSAYAMA, LUIDY KAZUO ; RAPÔSO, CATARINA ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; DA COSTA, THIAGO ALVES ; DI GANGI, ROSÁRIA ; FERREIRA, ISADORA TASSINARI ; LONGHINI, ANA LEDA FIGUEIREDO ; OLIVEIRA, ALEXANDRE LEITE RODRIGUES ; DA CRUZ HÖFLING, MARIA ALICE ; COSTA, FÁBIO TRINDADE MARANHÃO ; VERINAUD, LIANA . Exacerbation of Autoimmune Neuro-Inflammation in Mice Cured from Blood-Stage Plasmodium berghei Infection. Plos One , v. 9, p. e110739, 2014.

  • COELHO, HELENA CRISTINA C. ; Lopes, Stefanie C. P. ; PIMENTEL, JOÃO PAULO D. ; NOGUEIRA, PAULO A. ; COSTA, FÁBIO T. M. ; SIQUEIRA, ANDRÉ M. ; MELO, GISELY C. ; MONTEIRO, WUELTON M. ; MALHEIRO, ADRIANA ; LACERDA, MARCUS V. G. . Thrombocytopenia in Plasmodium vivax Malaria Is Related to Platelets Phagocytosis. Plos One , v. 8, p. e63410, 2013.

  • POHLIT, ADRIAN ; LIMA, RENATA ; FRAUSIN, GINA ; SILVA, LUIZ ; LOPES, STEFANIE ; MORAES, CAROLINA ; CRAVO, PEDRO ; LACERDA, MARCUS ; SIQUEIRA, ANDRÉ ; FREITAS-JUNIOR, LUCIO ; COSTA, FABIO . Amazonian Plant Natural Products: Perspectives for Discovery of New Antimalarial Drug Leads. Molecules (Basel. Online) , v. 18, p. 9219-9240, 2013.

  • THOMÉ, RODOLFO ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; COSTA, FABIO TRINDADE MARANHÃO ; VERINAUD, LIANA . Chloroquine: Modes of action of an undervalued drug. Immunology Letters , v. 153, p. 50-57, 2013.

  • DE LAS SALAS, BRIEGEL ; SEGURA, CESAR ; PABÓN, ADRIANA ; Lopes, Stefanie CP ; COSTA, FABIO TM ; BLAIR, SILVIA . Adherence to human lung microvascular endothelial cells (HMVEC-L) of Plasmodium vivax isolates from Colombia. MALARIA JOURNAL , v. 12, p. 347, 2013.

  • COSTA, F. ; Costa, Fabio T.M. ; LOPES, S. C. P. ; Albrecht, Letusa ; ATAÍDE, RICARDO ; SIQUEIRA, ANDRÉ M. ; SOUZA, RODRIGO M. ; Russell, Bruce ; RENIA, LAURENT ; MARINHO, CLAUDIO R.F. ; LACERDA, MARCUS V.G. . On the pathogenesis of Plasmodium vivax malaria: Perspectives from the Brazilian field. International Journal for Parasitology , v. 1, p. 1, 2012.

  • Kayano, Ana Carolina AV ; Lopes, Stefanie CP ; Bueno, Fernanda G ; Cabral, Elaine C ; Neiras, Wanessa CS ; Yamauchi, Lucy M ; Foglio, Mary A ; Eberlin, Marcos N ; Mello, Joao Carlos P ; Costa, Fabio T . In vitro and in vivo assessment of the anti-malarial activity of Caesalpinia pluviosa and analysis of its active fractions. Malaria Journal (Online) , v. 10, p. 112, 2011.

  • Farias, Alessandro S. ; Talaisys, Rafael L. ; Blanco, Yara C. ; Lopes, Stefanie C. P. ; Longhini, Ana Leda F. ; Pradella, Fernando ; Santos, Leonilda M. B. ; Costa, Fabio T. M. . Regulatory T Cell Induction during Plasmodium chabaudi Infection Modifies the Clinical Course of Experimental Autoimmune Encephalomyelitis. Plos One , v. 6, p. e17849, 2011.

  • Costa, Fabio&nbsp ; LOPES, S. C. P. ; FERRER, M. ; Leite, Juliana&nbsp ; L, M. ; M, B. ; Nogueira, P.A. ; NOGUEIRA, P. A. ; MOURAO, M. P. ; BECERRA, Carmem Fernandez ; Lacerda, Marcus&nbsp ; del Portillo, H. A. . On cytoadhesion of Plasmodium vivax: raison d'être?. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz (Impresso) , v. 106, p. 79-84, 2011.

  • Bargieri, Daniel Y. ; Leite, Juliana A. ; Lopes, Stefanie C.P. ; Sbrogio-Almeida, Maria Elisabete ; Braga, Catarina J.M. ; Ferreira, Luis C.S. ; Soares, Irene S. ; Costa, Fabio T.M. ; Rodrigues, Mauricio M. . Immunogenic properties of a recombinant fusion protein containing the C-terminal 19kDa of Plasmodium falciparum merozoite surface protein-1 and the innate immunity agonist FliC flagellin of Salmonella Typhimurium. Vaccine (Guildford) , v. 28, p. 2818-2826, 2010.

  • Carvalho, Bruna&nbsp ; LOPES, S. C. P. ; Nogueira, Paulo&nbsp ; Orlandi, Patricia&nbsp ; Bargieri, Daniel&nbsp ; Blanco, Yara&nbsp ; Mamoni, Ronei ; Leite, Juliana&nbsp ; Rodrigues, Mauricio&nbsp ; Soares, Irene&nbsp ; Oliveira, Tatiane&nbsp ; Wunderlich, Gerhard ; Lacerda, Marcus&nbsp ; del Portillo, Hernando&nbsp ; Araújo, Maria&nbsp ; Russell, Bruce ; Suwanarusk, Rossarin ; Snounou, Georges ; Rénia, Laurent ; Costa, Fabio&nbsp . On the Cytoadhesion of Plasmodium vivax Infected Erythrocytes. The Journal of Infectious Diseases , v. 202, p. 638-647, 2010.

  • LOPES, S. C. P. ; BLANCO, Y. C. ; Justo, G. Z. ; NOGUEIRA, P. A. ; Rodrigues, F. L. S. ; GOELNITZ, U. ; WUNDERLICH, G. ; FACCHINI, G. ; Brocchi, M. ; DURAN, N. ; COSTA, F. T. M. . Violacein Extracted from Chromobacterium violaceum Inhibits Plasmodium Growth In Vitro and In Vivo. Antimicrobial Agents and Chemotherapy (Print) , v. 53, p. 2149-2152, 2009.

  • Blanco, Yara C. ; Farias, Alessandro S. ; Goelnitz, Uta ; Lopes, Stefanie C. P. ; Arrais-Silva, Wagner W. ; Carvalho, Bruna O. ; Amino, Rogério ; Wunderlich, Gerhard ; Santos, Leonilda M. B. ; Giorgio, Selma ; Costa, Fabio T. M. . Hyperbaric Oxygen Prevents Early Death Caused by Experimental Cerebral Malaria. Plos One , v. 3, p. e3126, 2008.

  • Costa, Fabio T.M. ; Neiras, Wanessa CS ; Lopes, StefanieC.P. . Protozoa. In: Adilson FRansozo e Maria Lucia Negreiros Fransozo. (Org.). Zoologia dos Invertebrados. 1ed.Rio de Janeiro: Roca, 2016, v. 1, p. 2-29.

  • LOPES, S. C. P. ; BLANCO, Y. C. ; NOGUEIRA, P. A. ; RODRIGUES L.S. ; ZENKER G. ; DURAN, N. ; COSTA, F. T. M. . Avaliação In Vivo E In Vitro Da Atividade Anti-Plasmodial Da Violaceína Extraída Da Chromobacterium Violaceum. In: XV Jornadas de jóvenes investigadores de la associación de universidades grupo montevideo, 2007, Assunção. Anais da XV Jornadas de jóvenes investigadores de la asociacion de universidades grupo montevideo, 2007.

  • SILVA-FILHO, J. L. ; SANTOS, J. C. K. ; JUDICE, C. ; ALIBERTI, JULIO ; LACERDA, MARCUS ; KHOURI, R. ; LIMA, D. S. ; NAKAYA, H. ; PAULA, E. V. ; LOPES, STEFANIE C ; COSTA, FABIO . HETEROGENEIDADE DA RESPOSTA ENDOTELIAL EM PACIENTES SINTOMÁTICOS COM MALÁRIA POR PLASMODIUM VIVAX. In: 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018, Recife. Anais do 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018.

  • JUDICE, CARLA ; DOS-SANTOS, JOÃO CONRADO K. ; SILVA-FILHO, JOÃO LUIZ ; LACERDA, MARCUS ; C. P. LOPES, STEFANIE ; COSTA, FABIO . AVALIAÇÃO DE MICRORNAS NA RESPOSTA ENDOTELIAL FRENTE A ESTÍMULO COM PLASMAS DE PACIENTES INFECTADOS POR PLASMODIUM VIVAX. In: 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018, Recife. Anais do 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018.

  • RAMOS, G. Q. ; ANDRADE, FRANCYS S. ; RODRIGUEZ, I. C. ; MONTEIRO, WUELTON M ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO . ANÁLISE DO EFEITO DA PRIMAQUINA NA INFECÇÃO DE Anopheles aquasalis. In: 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018, Recife. Anais do 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018.

  • GAMA, J. B. ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO . Avaliação de proficiência no diagnóstico de malária por microscopia: desenvolvimento de uma ferramenta para garantir acesso a um diagnóstico com qualidade. In: 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018, Recife. Anais do 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018.

  • OLIVEIRA, RAFAELLA ; CRUZ, M. G. S. ; C. P. LOPES, STEFANIE ; LALWANI, J. D. B. ; LIMA, E. S. ; LACERDA, MARCUS ; LALWANI, PRITESH . ATIVAÇÃO DA ENZIMA IDO AUMENTA NÍVEIS DE QUINURENINA NA MALÁRIA. In: 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018, Recife. Anais do 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018.

  • BARROS, D. K. A. ; LACERDA, MARCUS ; COSTA, FABIO ; C. P. LOPES, STEFANIE . CAPACIDADE ADESIVA E DEFORMABILIDADE DE ERITRÓCITOS INFECTADOS POR ESTÁGIOS ASSEXUAIS DE PLASMODIUM VIVAX. In: 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018, Recife. Anais do 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018.

  • FABBRI, C. ; MONTEIRO, WUELTON M ; LACERDA, MARCUS ; C. P. LOPES, STEFANIE ; AMINO, ROGERIO . VIABILIDADE DE GAMETÓCITOS E OOCINETOS FRENTE A COMPOSTOS DO MALÁRIA BOX. In: 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018, Recife. Anais do 54° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2018.

  • SCHAPPO, A. P. ; SILVA, A. B. I. E. ; Lopes, Stefanie C. P. ; Lacerda, Marcus V.G. ; Costa, Fabio T ; Albrecht, Letusa . Adhesiveness Properties and Immunogenicity of VIR proteins in vivax malaria. In: 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017, Manaus. Annals 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017.

  • SANTOS, G. S. ; FABBRI, C. ; PEREIRA, T. B. ; Lopes, Stefanie C. P. ; POHLIT, ADRIAN . Ex vivo antimalarial activity and semisynthesis of limonoids isolated from Andiroba (Carapa guianensis). In: 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017, Manaus. Annals 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017.

  • SANTOS, R. O. ; Lopes, Stefanie C. P. ; LALWANI, J. D. B. ; LIMA, E. S. ; Lacerda, Marcus V.G. ; LALWANI, P. . Innate immune activation induces kynurenine pathway and increases T regulatory cells in malaria. In: 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017, Manaus. Annals 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017.

  • BEZERRA, F. C. ; ALMEIDA, M. E. M. ; OLIVEIRA, L. B. ; GLORIA, J. C. ; CHAVES, Y. ; Orlandi, Patricia&nbsp ; Lacerda, Marcus V.G. ; MONTEIRO, WUELTON M ; MARIUBA, L. A. ; Lopes, Stefanie C. P. ; Nogueira, Paulo&nbsp . Opsonizing anti N-terminal PvMSP1 antibodies minimize antigenic polymorphism. In: 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017, Manaus. Annals 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017.

  • SALAZAR, L. C. A. ; VERA, OMAIRA ; PIMENTA, PAULO F. P. ; MONTEIRO, WUELTON M. ; Lacerda, Marcus V.G. ; Costa, Fabio T ; Lopes, Stefanie C. P. . Rosetting ability and adhesion of P. vivax gametocytes to endothelial cells and their influence on infectivity in Anopheles aquasalis. In: 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017, Manaus. Annals 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017.

  • CRAVO, PEDRO ; MACHADO, RENATO B. ; Leite, J.A. ; LEDA, TAIZY ; SUWANARUSK, R. ; BITTENCOURT, NAJARA ; Albrecht, Letusa ; JUDICE, CARLA ; LOPES, STEFANIE C ; Lacerda, Marcus V.G. ; FERREIRA, MARCELO U. ; SOARES, I.S. ; GOH, YUN SHAN ; BARGIERI, DANIEL Y ; NOSTEN, FRANCOIS ; RUSSEL, B. ; RENIA, L. ; COSTA, FABIO . The pan-reactivity of the Merozoite Adhesive Erythrocytic Binding Protein (MAEBL) validated by Reverse Vaccinology, reveals a promising malaria vaccine candidate. In: 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017, Manaus. Annals 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017.

  • PINILLA, Y. T. ; C. P. LOPES, STEFANIE ; SAMPAIO, V. S. ; ANDRADE, F. S. ; VELASQUEZ, C. R. ; MELO, G. C. ; VASQUEZ, G. M. ; ESCOBEDO-VARGAS, K. ; LOPES-SIFUENTES, V. ; STOOPS, C. ; KOBYLINSKI, K. ; ORFANO, A. ; GUERRA, M. G. V. B. ; Lacerda, Marcus V.G. ; MONTEIRO, WUELTON M ; PIMENTA, PAULO F. P. . Use of ivermectin for transmission blocking of Plasmodium vivax in Anopheles aquasalis and Anopheles darlingi. In: 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017, Manaus. Annals 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017.

  • SANTOS, J. C. K. ; Lopes, Stefanie C. P. ; PAULA, E. V. ; LACERDA, MARCUS ; COSTA, FABIO . Widespread platelet activation is not a prominent feature in Plasmodium vivax malaria. In: 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017, Manaus. Annals 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017.

  • PINILLA, YUDI T. ; C. P. LOPES, STEFANIE ; S. SAMPAIO, VANDERSON ; ANDRADE, FRANCYS S. ; VELASQUEZ, C. R. ; C. MELO, GISELY ; VASQUEZ, G. M. ; ESCOBEDO-VARGAS, KARIN S. ; LÓPEZ-SIFUENTES, VICTOR M. ; STOOPS, C. ; KOBYLINSKI, K. ; ORFANO, A. ; GUERRA, M. G. V. B. ; LACERDA, MARCUS V. G. ; MONTEIRO, WUELTON M ; PIMENTA, PAULO F. P. . Ivermectina inibe o desenvolvimento de Plasmodium vivax em Anopheles darlingi e Anopheles aquasalis. In: 53° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2017, Cuiabá. Anais do 53° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2017.

  • COSTA, A. G. ; CHAVES, Y. ; TEIXEIRA-CARVALHO, A. ; ANTONELLI, L. R. V. ; Lopes, Stefanie C.P. ; MONTEIRO, WUELTON M. ; Lacerda, Marcus V.G. ; MARTINS FILHO, O. A. ; MALHEIRO, ADRIANA ; Nogueira, P. A. . Cell response on malaria vivax thrombocytopenia. In: 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017, Manaus. Annals 6th Internactional Conference on Plasmodium vivax Research, 2017.

  • SALAZAR, L. C. A. ; MONTEIRO, WUELTON M ; PIMENTA, PAULO F. P. ; LACERDA, M. V. G. ; COSTA, FÁBIO TRINDADE MARANHÃO ; Lopes, StefanieC.P. . Formação de rosetas e adesividade dos gametócitos a células endoteliais e sua influência na infectividade de Anopheles aquasalis. In: 52° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2016, Maceió. 52° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2016.

  • PINILLA, Y. T. ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; MONTEIRO, WUELTON M ; SAMPAIO, V. S. ; ANDRADE, F. S. ; RODRIGUEZ, I. C. ; FABBRI, C. ; MELO, GISELY C. ; LACERDA, MARCUS V.G. ; PIMENTA, PAULO F. P. . Efeito da ivermectina sobre Plasmodium vivax e sua interação em Anopheles aquasalis. In: 52° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2016, Maceió. 52° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2016.

  • COSTA, A. G. ; MONTEIRO, WUELTON M ; LOPES, STEFANIE ; LACERDA, MARCUS V ; NOGUEIRA, PAULO A. . Resposta celular associada a trombocitopenia durante a malária vivax. In: 52° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2016, Maceió. 52° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2016.

  • ALBRECHT, L. ; LOPES, STEFANIE COSTA PINTO ; COSTA, FABIO TRINDADE MARANHÃO ; LACERDA, M. V. G. . Reliable RNA isolation from low parasitemia Plasmodium vivax-infected patients for Whole Transcriptome Shotgun Sequencing. In: The 5th International Conference of Research on Plasmodium vivax Malaria, 2015, Bali. The 5th International Conference of Research on Plasmodium vivax Malaria, 2015.

  • ALBRECHT, L. ; COSTA, FÁBIO T. M. ; LACERDA, MARCUS V. G. ; Lopes, StefanieC.P. ; BECERRA, Carmem Fernandez ; DEL PORTILLO, H. A. ; Russell, Bruce ; RENIA, LAURENT ; SIQUEIRA, ANDRÉ M. . ROSETTING IN VIVAX MALARIA ? A PROTECTIVE MECHANISM AGAINST PARASITE KILLING?. In: The 5th International Conference of Research on Plasmodium vivax Malaria, 2015, Bali. The 5th International Conference of Research on Plasmodium vivax Malaria, 2015.

  • THOMSON-LUQUE, R. ; LOPES, S. C. P. ; BECERRA, Carmem Fernandez ; Herreros, S. ; Costa, Fabio T. M. ; Lacerda, Marcus V.G. ; DEL PORTILLO, H. A. . Prospective analysis of peripheral blood parasitemia in Plasmodium vivax patients revealed an unexpected low percentage of circulating schizonts.. In: XIII Reunião Nacional de Malária, 2013, Manaus. Resumos da XIII Reunião Nacional de Malária, 2013.

  • PRADO, I. C. N. ; LOPES, S. C. P. ; Costa, Fabio T. M. . Efeito antimalárico da violaceína em isolados de Plasmodium vivax, P. falciparum e em cepas de P. chabaudi resistentes. In: XIII Reunião Nacional de Malária, 2013, Manaus. Resumos da XIII Reunião Nacional de Malária, 2013.

  • SANTOS, J. C. K. ; Angerami, R ; CASTINEIRAS, C. M. ; Lopes, Stefanie CP ; Albrecht, Letusa ; Garcia, MT ; Levy, CE ; Moretti, ML ; Lacerda, Marcus V.G. ; COSTA, FÁBIO T. M. . Malária importada em área não endêmica do Brasil: experiência de Campinas. In: XIII Reunião Nacional de Malária, 2013, Manaus. Resumos da XIII Reunião Nacional de Malária, 2013.

  • FONTENELLE, M. ; Lopes, Stefanie CP ; BLANCO, Y. C. ; Gomes, AM ; Vicente, CP ; WERNECK, C. C. ; Pavão, MS ; Mourão, PA ; COSTA, F. T. M. . Fucosylated Chondroitin Sulfate and a Mollusk Heparan Sulphate inhibit Plasmodium falciparum cytoadhesion.. In: XIII Reunião Nacional de Malária, 2013, Manaus. Resumos da XIII Reunião Nacional de Malária, 2013.

  • Kayano, A. C. A. V. ; LOPES, S. C. P. ; Ceragioli, H. J. ; Santos, Leonilda M. B. ; Farias, Alessandro S. ; Baranauskas, V. ; Costa, Fabio T. M. . Effect of carbon nanotubes, free or associated (funtionalized) to antimalarials, against P. falciparum-infected erythrocytes. In: XII Reunião Nacional de Malária, 2010, Ouro Preto. Caderno de Resumos da XII Reuninão Nacional de Pesquisa em Malária, 2010. p. 115.

  • Kayano, A. C. A. V. ; Lopes, Stefanie C. P. ; Bueno, F. G. ; Cabral, E. ; Eberlin, M. N. ; Mello, J. C. P. ; Costa, Fabio T. M. . Evaluation of in vivo and in vitro antimalarial activity of crude extract from Caesalpinia pluviosa and its derivatives. In: XII Reunião Nacional de Pesquisa em Malária, 2010, Ouro Preto. Caderno de Resumos da XII Reunião Nacional de Pesquisa em Malária, 2010. p. 115-116.

  • BLANCO, Y. C. ; FONTENELLE, M. ; VICENTE, C. P. ; MAMONI, R. ; LOPES, S. C. P. ; WERNECK, C. C. ; Wunderlich, Gerhard ; GIORGIO, S. ; Costa, Fabio T. M. ; COSTA, F. T. M. . Hyperbaric oxygen prevents parasite cytoadhesion to endothelial cells and thrombotic occlusion in experimental cerebral malaria model. In: XII Reunião Nacional de Pesquisa em Malária, 2010, Ouro Preto. Caderno de Resumos da XII Reunião Nacional de Pesquisa em Malária, 2010. p. 134.

  • FONTENELLE, M. ; BLANCO, Y. C. ; VICENTE, C. P. ; LOPES, S. C. P. ; WERNECK, C. C. ; PAVÃO, M. S. G. ; MOURÃO, P. A. S. ; COSTA, F. T. M. . Effect of a fucosylated chondroitin sulfate on cytoadhesion of Plasmodium falciparum-infected erythrocytes to endothelial cells. In: XII Reunião Nacional de Pesquisa em Malária, 2010, Ouro Preto. Caderno de Resumos da XII Reunião Nacional de Pesquisa em Malária, 2010. p. 113.

  • BLANCO, Y. C. ; FONTENELLE, M. ; VICENTE, C. P. ; MAMONI, R. ; LOPES, S. C. P. ; WERNECK, C. C. ; Wunderlich, Gerhard ; GIORGIO, S. ; COSTA, F. T. M. . Hyperbaric oxygen prevents parasite cytoadhesion to endothelial cells and thrombotic occlusion in experimental cerebral malaria. In: ICOPA XII, 2010, Melbourne. ICOPA Conference Abstracts, 2010.

  • LOPES, S. C. P. ; BLANCO, Y. C. ; NOGUEIRA, P. A. ; ZENKER G. ; WUNDERLICH, G. ; FACCHINI, G. ; BROCCHI, M ; DURAN, N. ; COSTA, F. T. M. . Violaceína e sua Atividade Antimalárica. In: 45° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2009, Recife. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2009. v. 42. p. 166.

  • BLANCO, Y. C. ; LOPES, S. C. P. ; MAMONI, R. ; CARVALHO, B.O. ; GIORGIO, S. ; COSTA, F. T. M. . Efeitos da Oxigenação Hiperbárica em Modelo Experimental Murino. In: 45° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2009, Recife. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2009. v. 42. p. 213.

  • Leite, J.A. ; Bargieri, D.Y. ; LOPES, S. C. P. ; CARVALHO, B.O. ; FRANZIN, F. ; BROCCHI, M ; SOARES, I.S. ; RODRIGUES, M.M ; COSTA, F. T. M. . Desenvolvimento de vacina experimental contra infecção por Plasmodium yoelii baseada no dominio M2-MAEBL em sistema de imunização Prime (DNA) ? Boost (Proteína). In: 45° Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2009, Recife. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2009. v. 42. p. 137.

  • FONTENELLE, M. ; BLANCO, Y. C. ; VICENTE, C. P. ; LOPES, S. C. P. ; PAVÃO, M. S. G. ; MOURÃO, P. A. S. ; WERNECK, C. C. ; COSTA, F. T. M. . Effect of a Fucosylated Chondroitin Sulfate in Experimental Cerebral Malaria and in Parasite Cytoadherence.. In: X Simpósio Brasileiro de Matriz Extracelular e V International Symposium of Extracellular Matrix, 2009, Búzios. Annals of V International Symposium of Extracellular Matrix, 2009.

  • Leite, J.A. ; Bargieri, D.Y. ; LOPES, S. C. P. ; CARVALHO, B.O. ; FRANZIN, F. ; BROCCHI, M ; SOARES, I.S. ; RODRIGUES, M.M ; COSTA, F. T. M. . Development of an experimental vaccine based on M2-MAEBL Prime (DNA) ? Boost (Protein)immunization regimen against Plasmodium yoelii experimental infection. In: XXIV Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology, 2008, Águas de Lindóia. Proceedings of XXIV Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology, 2008.

  • Lopes, Stefanie C. P. ; Blanco, Yara C. ; Costa, Fabio T. M. . The In Vivo and In Vitro Anti-Plasmodium Activity of the Violacein Extracted from Chromobacterium violaceum. In: Pathogenesis and Control of Emerging Infections and Drug-Resistant Organisms, 2008, Bangkok. Keystone Symposia on Molecular and Cellullar Biology 2008 Abstract Book, 2008. p. 91.

  • LOPES, S. C. P. ; BLANCO, Y. C. ; NOGUEIRA, P. A. ; RODRIGUES L.S. ; ZENKER G. ; DURAN, N. ; COSTA, F. T. M. . The In Vivo And In Vitro Anti-Plasmodium Activity Of The Violacein Extracted From Chromobacterium Violaceum. In: 6th International Congress of Pharmaceutical Sciences, 2007. Proceedings of 6th International Congress of Pharmaceutical Sciences, 2007.

  • LOPES, S. C. P. ; REHDER, L.G. ; RODRIGUES, R.A.F. ; FOGLIO, M.A. ; COSTA, F. T. M. . Tem Efeito a Terapia com Chá de Artemisia annua em Modelo Experimental de Malária?. In: VI Simpósio Brasileiro de Farmacognosia, 2007. Anais do VI Simpósio Brasileiro de Farmacognosia, 2007.

  • CARVALHO, B.O. ; NOGUEIRA, P. A. ; Matsuda J.S. ; LOPES, S. C. P. ; COSTA, F. T. M. . Is Plasmodium vivax Capable of Cytoadhesion?. In: XXIII Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology, 2007, Caxambu. Proceedings of XXII Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology, 2007.

  • LOPES, S. C. P. ; BLANCO, Y. C. ; NOGUEIRA, P. A. ; RODRIGUES L.S. ; ZENKER G. ; DURAN, N. ; COSTA, F. T. M. . Evaluation Of The In Vivo And In Vitro Anti-Plasmodium Activity Of The Violacein Extracted From Chromobacterium Violaceum. In: XXII Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology, 2006. Proceedings of XXII Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology, 2006.

  • BLANCO, Y. C. ; LOPES, S. C. P. ; ARRAIS-SILVA, W. W. ; VIEIRA, A.S. ; LANGONE, F. ; GIORGIO, S. ; COSTA, F. T. M. . Searching for the Oxygen Role in Experimental Cerebral Malaria.. In: XXII Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology, 2006, Caxambu. Proceedings XXII Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology, 2006. p. 195-195.

  • LOPES, S. C. P. ; COSTA, F. T. M. . Avaliação In Vivo Da Atividade Anti-Plasmodial Da Violaceína Extraída Da Chromobacterium Violaceum. In: XIV Congresso de Iniciação Científica da Unicamp, 2006, Campinas. XIV Congresso de Iniciação Científica da Unicamp, 2006.

  • BLANCO, Y. C. ; LOPES, S. C. P. ; ARRAIS-SILVA, W. W. ; TALAISYS, R.L. ; GIORGIO, S. ; COSTA, F. T. M. . Hyperbaric Oxygen Therapy Ameliorates Murine Cerebral Malaria Clinical Outcomes.. In: XXI Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology, 2005. Proceedings of XXI Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology. p. 195-195.

  • ZORZETO, T. Q. ; MATTIELLO, L. ; GIUSEPPE, P.O. ; LOPES, S. C. P. ; OLIVEIRA,M.N.L. ; RIBEIRO,T.B. ; CAETANO,H.T. ; MENOSSI,M. . Análise de Transportadores de Potássio em Cana de Açúcar.. In: 49 Congresso Brasileiro de Genética., 2003. Anais do 49 Congresso Brasileiro de Genética., 2003.

  • LOPES, STEFANIE COSTA PINTO . Challenges and perspectives on the discovery of new drugs for vivax malaria. 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

Outras produções

LOPES, STEFANIE COSTA PINTO . Podcast Amazonas: Malária. 2022. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

LOPES, STEFANIE COSTA PINTO . Mulheres e Meninas na Cência. 2022. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

LOPES, S. C. P. ; BLANCO, Y. C. ; CARVALHO, B.O. ; TALAISYS, R.L. . Modelo experimental de malária.. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

Projetos de pesquisa

  • 2022 - Atual

    Development of a Plasmodium vivax multistage vaccine effective both for protection and transmission blocking, Descrição: 1. Introduction Malaria has had a profound effect on human lives for thousands of years and remains one of the most serious, life-threatening infectious diseases. Despite past and ongoing efforts to control and reduce mortality and morbidity caused by this disease, it was estimated that annually 241 million people were infected, and 627,000 died in 2020. To exacerbate this situation, the COVID-19 pandemic has further disrupted ongoing malaria services, leading to a marked increase in cases and deaths. P. falciparum and P. vivax are the two most important human malaria species. Development of malaria vaccines, which has absorbed a large proportion of malaria research funds in recent decades, has concentrated almost exclusively on P. falciparum. Hence, control efforts have focused on reducing the morbidity and mortality associated with falciparum malaria. However, with improved malaria diagnostics, globalization and mutated vivax parasites, there is more evidence of high vivax burden in Africa. In addition, climate change is widely considered to drive the spread of vivax in the immediate future. Despite the fact that P. vivax is more geographically dispersed than P. falciparum, with transmission occurring over a wider range of temperatures than for P. falciparum, P. vivax vaccine development is resolutely still in early preclinical development. In P. falciparum and P. vivax co-endemic areas, an ideal malaria vaccine should be highly efficacious for both parasites. 2. Project objective Our aim is to develop not only a highly effective and durable multistage vaccine against pre-erythrocytic and sexual stages of P. vivax, but additionally, a bivalent vaccine effective both for P. vivax and P. falciparum. 3. Project design Two viral-vectored vaccines expressing both pre-erythrocytic-stage and sexual-stage antigens of P. vivax will be generated. Protective and transmission blocking (TB) efficacies of the heterologous prime-boost immunization regimen will be assessed by sporozoite challenge and Direct Membrane Feeding Assay (DMFA) in a robust and proven mouse model, and then the regime will be further optimized (e.g., dose, route, interval and outbred mice). Desired protection rate >90%. Surrogate markers responsible for protection will be identified. This will be key to allow efficient and robust measurements of efficacy. Humoral and cellular immune responses induced by the heterologous prime-boost immunization regimen will be assessed. Meanwhile, a bivalent vaccine harboring the genes encoding antigens of both P. vivax and P. falciparum will be generated. In a non-human primate model, in vitro sporozoite neutralizing assay and in vivo sporozoite challenge test of mice passively transferred with immune monkey IgGs will be performed to evaluate its protective efficacy. For evaluation of transmission blocking efficacy, immune monkey sera will be tested by DMFA using blood of vivax patients in Brazil and of falciparum patients in Burkina Faso.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Coordenador / Camila Fabbri - Integrante / Shigeto Yoshida - Integrante / Andrew Blagborough - Integrante., Financiador(es): GLOBAL HEALTH INNOVATIVE TECHNOLOGY FUNDING - Auxílio financeiro.

  • 2022 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE UMA FORMULAÇÃO VACINAL MULTI-ESTÁGIOS PARA A MALÁRIA VIVAX E AVALIAÇÃO PRÉ-CLÍNICA DE SUA EFICÁCIA, Descrição: A malária é uma doença grave, aguda e às vezes recidivante, causada por parasitos protozoários do gênero Plasmodium spp. Ela é responsável por alta morbidade e mortalidade em regiões tropicais e subtropicais, causando aproximadamente 1 milhão de mortes por ano, a maioria das quais são crianças africanas com menos de cinco anos. No Brasil aproximadamente 150 mil pessoas foram infectadas pelo Plasmodium vivax em 2019. Para tentar mitigar os impactos que a malária pode gerar nas comunidades afetadas de forma, ambiental, social e econômica, diversas estratégias têm sido estudadas para controle da doença, como inseticidas, busca de novos fármacos e o estudo de vacinas, esta última, considerada como uma das maneiras mais efetivas para a prevenção e eliminação de doenças infecciosas. Dado o complexo ciclo de vida das diferentes espécies de Plasmodium e as respostas imunológicas distintas do hospedeiro para cada estágio de desenvolvimento, este parasito fornece muitos alvos potenciais para o desenvolvimento de vacinas profiláticas, principalmente com a associação de mais de um antígeno em uma única formulação vacinal, podendo ampliar o espectro de ação e aumentar a potencialidade da vacina. Para P. falciparum os estudos estão avançados na área e em testes clínicos de fase III, porém para P. vivax não existe nenhuma vacina e poucas formulações encontram-se em estudo até o momento. Assim, o objetivo deste projeto é desenvolver uma formulação vacinal multi-estágios para malária vivax e avaliar de forma pré-clínica a sua eficácia em ensaios ex vivo e in vivo. Para tanto, foram selecionados um antígeno parasitário hepático (L1), um de fase eritrocítica (E1) e um de estágio sexual (S1), além de um antígeno quimérico (Q) contendo epítopos imunodominantes de cada um destes antígenos. Esses antígenos serão expressos e utilizados em imunizações de camundongos em sistema prime-boost heterólogo (DNA-proteína). Após as imunizações, será avaliada a resposta humoral e celular gerada nesses animais. Por fim, os anticorpos (soros imunes) produzidos serão diluídos em diversas concentrações para a realização dos ensaios com P. vivax. Para verificar a capacidade dos soros imunes em bloquear a transmissão da doença, será realizado o experimento in vivo de ensaio de membrana com anofelinos da espécie An. aquasalis onde os oocistos de P. vivax serão contabilizados para determinar a taxa e intensidade de infecção. Com o objetivo de verificar a inibição taxa de inibição parasitária destes soros imunes serão realizados dois experimentos ex vivo de invasão com P. vivax: em reticulócitos co-cultivados com esquizontes e da capacidade de invasão dos esporozoítos em hepatócitos. Desta maneira, este projeto pretende contribuir para a geração de conhecimento quanto ao desenvolvimento de uma vacina para malária vivax, investigando três antígenos de diferentes estágios do parasita e uma formulação quimérica contendo partes destes três antígenos que podem gerar um ou mais produtos patenteáveis; além de propiciar o desenvolvimento de uma plataforma de serviços para testagem de formulações vacinais contra este parasito nas três diferentes etapas do seu ciclo de vida (hepático, sanguíneo e no vetor) e desta maneira, avaliar a eficácia pré-clínica de nossas formulações que se eficazes poderão seguir para futuros testes clínicos e contribuir para o controle desta endemia que assola a população amazonense desde década de 50 gerando impactos sociais, econômicos e ambientais. Sendo assim, medidas profiláticas para esta doença são de suma importância para a sociedade como um todo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Coordenador / Camila Fabbri - Integrante / ALBRECHT, LETUSA - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2019 - 2021

    Desenvolvimento de novas ferramentas para o estudo do bloqueio de transmissão na malária vivax (Estudo BLOCKVAX), Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Coordenador / LACERDA, MARCUS - Integrante / MONTEIRO, WUELTON M - Integrante / Camila Fabbri - Integrante / Glenda Quaresma Ramos - Integrante., Financiador(es): Fundação Oswaldo Cruz - Auxílio financeiro.

  • 2019 - Atual

    DigiCiência ? Oficina de Vídeos Digitais para Divulgar Ciência, Descrição: Esta proposta visa à obtenção de apoio financeiro complementar para a realização da 2ª edição do DigiCiência ? Oficina de Vídeos Digitais para Divulgar Ciência. Tendo sua primeira edição sido realizada em 2018, a oficina se propõe a realizar treinamento, por meio de atividades práticas, em espaços com aparato tecnológico disponível e compatível com a natureza da ação, oportunizando que alunos de pós-graduação e pesquisadores interessados realizem as atividades práticas utilizando ferramentas tecnológicas digitais. A proposta que ora apresentamos visa à continuidade e ampliação para a realização de oficinas fora da capital, interiorizando essa importante estratégia de formação para popularização da ciência. Diretamente, o projeto vai beneficiar estudantes e pesquisadores/professores de Pós-Graduação, além de estudantes de Escolas de Ensino Médio, nas localidades onde as oficinas serão realizadas. Indiretamente, como se pretende disponibilizar os vídeos produzidos pelos participantes na homepage institucional, nas mídias sociais digitais da instituição, além de apresentá-los em eventos científicos e distribuí-los na forma de DVD a parceiros e interessados, o projeto vai beneficiar o grande público que eventualmente acessará esse material nesses formatos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Coordenador / EDILSON DE SOUZA SOARES - Integrante / CRISTIANE DE L. BARBOSA - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro / Fundação para o Desenvolvimento Científicio e Tecnológico em Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2018 - Atual

    Desenvolvimento de novas ferramentas para busca e validação de alvos moleculares para terapia contra Plasmodium vivax, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Fabio Trindade Maranhão Costa em 18/05/2020., Descrição: Malária causada por Plasmodium vivax é a forma da doença mais amplamente distribuída no mundo. Atualmente, 2,5 bilhões de pessoas estão em risco de infecção por P. vivax, sendo que em 2015 ocorreram 8,5 milhões de casos no mundo. O Brasil, juntamente com a Venezuela, é líder de casos nas Américas, sendo 99,5% destes reportados na região denominada Amazônia Legal e, atualmente, mais de 85% dos casos no Brasil são causados por P. vivax. Esta espécie de Plasmodium apresenta várias características biológicas únicas, quando comparado com o P. falciparum, tais como: preferência exclusiva por infecção de reticulócitos; produção de estágios sexuais (gametócitos) observados no sangue periférico de forma bastante precoce após infecção; formação de hipnozoítas (um estágio latente que permanece no fígado), que dificultam o tratamento. Sendo assim, as mesmas medidas de controle utilizadas para P. falciparum tem demonstrado falhas para o controle da Malária Vivax. Atualmente, P. vivax é considerado um patógeno que causa sintomas imunopatológicos graves e um aumento da resistência do parasito à cloroquina tem alarmado a comunidade científica. Ainda, a impossibilidade de cultivo do parasito in vitro por longos períodos, juntamente com suas características particulares, vem desafiando o entendimento da biologia deste patógeno. Nesta proposta pretendemos identificar e caracterizar potenciais alvos moleculares de P. vivax para serem utilizados em estratégias quimioterápicas. Além disso, pretendemos verificar a participação de moléculas envolvidas em distúrbios endoteliais e avaliar potenciais inibidores. Mais especificamente, e considerando o desenvolvimento de fármacos antimaláricos, pretendemos por meio de analises in silico identificar proteínas quinases (principalmente) como alvos moleculares de P. vivax e estabelecer uma plataforma tecnológica para a descoberta de novos fármacos levando em consideração todos os estágios do parasita, incluindo hipnozoítas. Contaremos com a participação do recém-estabelecido Centro Nacional de Pesquisa do Hipnozoíta (FIOCRUZ-RJ), que disponibiliza modelos de primatas não-humanos e infecção com P. cynomolgi, que serão utilizados para avaliação tanto de fármacos quanto de vacinas experimentais geradas nos passos anteriores. Ademais, por meio de sequenciamento de nova geração de todo o transcriptoma (RNA-seq) de P. vivax e análise integrada de dados, esperamos rastrear novos alvos que por ventura ainda não foram considerados nos bancos de dados pré-existentes. Finalmente, pretendemos avaliar fatores do plasma de pacientes infectados capazes de interferir em funções endoteliais, bem como testar inibidores específicos em modelo de infecção murina capaz de induzir complicações imunopatológicas. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / Albrecht, Letusa - Integrante / CRAVO, PEDRO - Integrante / LACERDA, MARCUS - Integrante / COSTA, FABIO - Coordenador / BARGIERI, DANIEL Y - Integrante / MONTEIRO, WUELTON M - Integrante.

  • 2018 - Atual

    Brazilian Pv in vitro liver stage, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Marcus Vinícius Guimarães de Lacerda em 19/02/2018., Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / LACERDA, MARCUS - Coordenador / PIMENTA, PAULO F. P. - Integrante / Claudia Rios Velasquez - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro / Medicines for Malaria Venture - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Proteínas vir: o papel antigênico e patogênico na malária vivax, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Letusa Albrecht em 19/02/2018., Descrição: A malária é uma das principais parasitoses humanas, atingindo cerca de 500 milhões de casos anuais. A doença é transmitida através da picada do mosquito anofelino infectado com parasitas do gênero Plasmodium e chega a matar um milhão de pessoas anualmente. No Brasil, a grande maioria dos casos maláricos é dado pela infecção por Plasmodium vivax. As infecções por este parasita tem impacto significativo sobre a produtividade das populações atingidas, à medida que o curso da infecção é geralmente prolongado e o desenvolvimento de imunidade adquirida em área endêmica leva vários anos. Com o aumento do número de casos graves de malária vivax uma preocupação crescente com métodos alternativos de controle vem surgindo. Um dos fenômenos adesivos melhores associados a patogênese na malária falciparum é a adesão do eritrócito parasitado a eritrócitos não infectados, formando assim uma roseta. Na malária causada por Plasmodium falciparum este fenótipo citoadesivo é frequentemente associado a gravidade da infecção. Ainda, a presença de anticorpos naturalmente adquiridos contra proteínas que medeiam esta interação confere proteção à gravidade da doença, sendo estas proteínas candidatos vacinais contra formas graves da malária falciparum. No entanto, na malária vivax pouco é sabido sobre este fenômeno. Recentemente, foi demonstrado que o P. vivax adere ao receptor Glicoforina C, presente no eritrócito. No entanto, o ligante parasitário nesta interação ainda é desconhecido. Existem evidências de que possivelmente esta interação seria mediada por proteínas VIR, as quais são proteínas polimórficas codificadas pela família multigênica dos genes vir. O projeto aqui apresentado visa elucidar a diversidade dos genes vir preditos adesivos em isolados brasileiros e o seu papel na formação de rosetas em P. vivax. Proteínas VIR preditas adesivas serão expressas em sistema de expressão heteróloga e avaliadas para a sua capacidade de adesão à hemácias não infectadas. A resposta imunológica a estes antígenos será avaliada, bem como a sua relação com a formação de rosetas. Além disso, este projeto propõem o desenvolvimento de um modelo de malária murina para o estudo da patogênese de proteínas citoadesivas de P. vivax. O entendimento da patogênese do parasita poderá auxiliar no desenvolvimento de novas estratégias de controle deste, como, por exemplo, o descobrimento de novos candidatos vacinais e terapêuticos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / Fábio Trindade Maranhão Costa - Integrante / Albrecht, Letusa - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Desenvolvimento de ferramentas e teste eletrônico para identificação de resistência a cloroquina em plasmodium vivax, Descrição: O uso de drogas antimaláricas, somado ao uso de ações de controle vetorial, é de fundamental importância para o controle da malária. No entanto, a resistência do Plasmodium vivax à cloroquina (CQ) tornou-se um obstáculo para as estratégias de controle baseadas no uso de antimaláricos. Em 2014, Melo e colaboradores observaram uma relação entre a superexpressão dos genes pvcrt-o e pvmdr-1 com o desenvolvimento de resistência a cloroquina. Esta caracteristica pode ser utilizada como marcador de resistencia a este antimalárico, porem a inexistencia de ferramentas e testes que facilitem a detecção desta superexpressão limitam essa abordagem a pesquisa científica e pouco a rotina laboratorial. Este projeto visa facilitar a detecção do mRNA destes genes através do uso de sensores eletroquímicos. As amostras de RNA, obtidas de pacientes com P. vivax serão coletadas na Fundação de Medicina Tropical Heitor Vieira dourado/AM, onde será diagnosticada a resistência a cloroquina nas cepas de Plasmodium vivax. Estas serão colocadas em contado com sondas de DNA imobilizadas em sensores eletroquímicos, as quais serão capazes de se ligar ao mRNA alvo. Uma sonda de detecção ligada a biotina será utilizada para revelação com estrepavidina ligada a alcalino fosfatase, seguida de medição elétrica, determinando quantitativamente a superexpressão dos genes citados. O desenvolvimento deste método poderá reduzir o tempo de resposta ao paciente sobre a resistencia da cepa infectante a cloroquina de 42 dias para apenas algumas horas. Este trabalho será realizado através de uma colaboração entre a FIOCRUZ, SENAI, FMTHVD/AM e UFAM.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / Luis Andre Mariuba - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Segurança e Eficácia do Regime Diferenciado de Primaquina no Tratamento de Malária Vivax em Pacientes Deficientes de Glicose-6-Fosfato Desidrogenase, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Marcus Vinícius Guimarães de Lacerda em 21/02/2018., Descrição: A maioria dos casos de malária no Brasil está relacionada ao Plasmodium vivax, sendo este, capaz de produzir em seu ciclo de vida, formas hepáticas em estágio de latência, denominadas hipnozoítos, que são responsáveis pela recaída da doença. O tratamento convencional da malária causada por P. vivax inicia-se com a administração oral da cloroquina durante três dias para atuar nas formas sanguíneas do protozoário e com o regime oral de primaquina por sete dias na dose de 0.5mg/kg/dia para eliminar as formas hipnozoíticas. Dessa forma, verifica-se que apenas com o uso de primaquina é possível a cura radical da malária vivax, tornando essa droga uma ferramenta essencial para os programas de eliminação da doença. Porém, a preocupação com a sua administração reside no fato do risco de hemólise desencadeado a partir da utilização da primaquina em indivíduos com deficiência da enzima glicose-6-fosfato desidrogenase (G6PD). Sabe-se que o regime terapêutico convencional para tratar malária vivax não é seguro e nem eficaz em deficientes de G6PD e que no Brasil, ainda não se tem como rotina, testes rápidos para detecção de deficiência de G6PD, levando ao uso inseguro de primaquina em deficientes de G6PD e colocando-os em risco de hemólise. A fim de buscar novos meios de solucionar este impedimento para a cura radical da malária vivax no Brasil, este estudo tem como objetivo avaliar se o regime prolongado de primaquina semanalmente durante oito semanas e se o inicio tardio da administração da droga são eficazes e seguros em pacientes com a deficiência de G6PD. Trata-se de um estudo experimental, analítico, longitudinal prospectivo. É um ensaio clínico aberto, randomizado, de quatro braços. A população será composta por 60 indivíduos, com diagnóstico de malária vivax confirmado pela gota espessa, atendidos na Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD) em Manaus-AM. Será realizado o teste qualitativo (Fluorescent Spot test) e o teste quantitativo através da espectrofotometria para o diagnóstico da deficiência de G6PD. Os 60 pacientes maláricos serão divididos em dois grupos: 30 pacientes deficientes de G6PD e 30 pacientes não deficientes de G6PD. Os 30 pacientes com a deficiência irão ser divididos em três subgrupos de 10 pacientes, sendo que um subgrupo receberá cloroquina mais primaquina durante oito semanas na dose de 0.75mg/kg, o outro subgrupo iniciará o tratamento por primaquina oral na dose de 0.5 mg/kg/dia a partir do quinto dia do início da cloroquina e o terceiro subgrupo receberá apenas cloroquina. O grupo de pacientes não deficientes atuará como grupo controle e receberá o regime terapêutico convencional. Todo o tratamento será realizado de maneira supervisionada. Os pacientes deficientes em G6PD serão e que receberem primaquina serão monitorados durante todo o tempo de tratamento. O desfecho principal será a segurança dos regimes. Todos os grupos terão um seguimento de seis meses após o término do tratamento para avaliar a eficácia do tratamento.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / LACERDA, MARCUS V. G. - Coordenador / MONTEIRO, WUELTON M - Integrante / Janaina Belem Gama - Integrante., Financiador(es): Fundação Oswaldo Cruz - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Identificação de inibidores de quinases com atividade antimalárica baseado em análises de quimiogenômica, bioinformática e fenotípicas: enfoque em plasmodium vivax, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Fabio Trindade Maranhão Costa em 19/02/2018., Descrição: A malária continua sendo um grave problema de saúde pública em diversas regiões tropicais e subtropicais, com aproximadamente 200 milhões de casos anuais em todo mundo. No Brasil, o Plasmodium vivax é a principal espécie, responsável por aproximadamente 85% dos casos, e relatos de complicações clínicas associados a esta espécie vem sendo observados. Na ausência de uma vacina efetiva, o tratamento imediato constitui a principal medida de combate à doença. Entretanto, com a recorrente evolução de resistência do parasito aos antimaláricos empregados, torna-se evidente a necessidade de desenvolver novos tratamentos. Dentro desse contexto, o presente projeto tem como objetivo principal identificar compostos que sejam ativos contra alvos moleculares de estágios sanguíneos (assexuados e sexuados) do P. vivax. Primeiramente, será aplicada uma estratégia de genômica comparativa para selecionar proteínas quinases essenciais para o desenvolvimento do P. vivax e do P. falciparum, mas que tenham baixa similaridade com as quinases humanas. Posteriormente, utilizando modelagem por homologia e docking, uma triagem virtual será realizada em uma biblioteca de compostos focados em quinases (Biofocus), e aqueles compostos com potencial inibitório terão suas atividades antimaláricas determinadas por meio de ensaios funcionais. Inicialmente, os compostos serão avaliados em ensaios in vitro com P. falciparum e in vivo utilizando o modelo de infecção experimental com P. chabaudi. Subsequentemente, os compostos que demonstrarem boa eficácia nos ensaios fenotípicos iniciais serão testados ex vivo em isolados de P. vivax na Amazônia. Assim, a proposta visa contribuir para a identificação de novas alternativas terapêuticas para o tratamento da malária, sobretudo vivax.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / Fábio Trindade Maranhão Costa - Coordenador / Macejane Ferreira de Souza - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2016 - 2021

    Busca por novos fármacos para o bloqueio de transmissão de Plasmodium vivax (PROJETO BLOQMAL), Descrição: A malária é uma doença com caráter infeccioso e endêmico, causada pelo protozoário do gênero Plasmodium, o qual é transmitido pela picada do mosquito do gênero Anopheles. Em Manaus, a espécie predominante é o Plasmodium vivax e embora a doença seja endêmica na Região Amazônica, dados do SIVEP apontam uma queda dos casos de forma gradativa ao decorrer dos anos devido a esforços governamentais para a diminuição da transmissão através de campanhas com ações profiláticas, tratamento dos pacientes infectados e o nivelamento de financiamento para os esforços de controle contra a doença. Em contrapartida, todas essas conquistas realizadas ao longo de décadas de esforços contra a doença podem ser derrotadas pela resistência dos mosquitos aos inseticidas utilizados pela população e principalmente a resistência do parasita aos medicamentos antimaláricos. Uma das ferramentas para resolver este problema, é estudar novas drogas que eliminem efetivamente os gametócitos (forma infectante para o mosquito vetor), gerando assim o bloqueio de transmissão e diminuindo novos casos da doença. Dessa forma, este projeto tem como intuito investigar a atividade antimalárica contra P. vivax de compostos oriundos do Malaria Box, avaliando não somente a ação contra as formas sanguíneas assexuadas do parasito, mas também a ação contra os estágios sexuados (gametócitos) e seu papel na infectividade do parasito no mosquito (bloqueio de transmissão). O trabalho será realizado nas dependências da FMT-HVD, onde os pacientes que aceitarem a participar da pesquisa, terão o sangue periférico coletado. O sangue total do paciente na presença ou não dos compostos do Malaria Box serão utilizados em ensaios de alimentação em membranas dos anofelinos, e então, a taxa de infectividade e o número de oocistos produzidos por mosquitos na presença ou não das drogas serão determinados. Outra parte do sangue será processado para purificação dos gametócitos que serão utilizados para a avaliação dos efeitos dos compostos a serem testados na exflagelação dos gametócitos (viabilidade) e também para a produção de oocistos (in vitro). E ainda, uma terceira parte do sangue coletado, será utilizada para determinação da atividade antimalárica (IC50) destes compostos na maturação ex vivo dos isolados de P. vivax. Com tudo isso, este projeto visa identificar dentre os compostos do Malaria Box, aqueles que tenham atividade contra cepas de P. vivax da Amazônia brasileira e ainda explorar a atividade destes compostos no bloqueio de transmissão da infecção. Atualmente, estamos na era da ?erradicação? da malária, em face de números de casos cada vez mais baixos, inclusive em nosso país. Neste sentido, a busca por intervenções que bloqueiem a transmissão da doença está na linha de frente na erradicação da malária, visto que trabalhos recentes demostraram que estas intervenções na ausência de qualquer outra são capazes de eliminar o Plasmodium do hospedeiro vertebrado, e dessa forma possui grande impacto em ações de controle da doença.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Coordenador / COSTA, FÁBIO T. M. - Integrante / LACERDA, MARCUS V. G. - Integrante / MONTEIRO, WUELTON M - Integrante / Camila Fabbri - Integrante / ANDRADE, FRANCYS S. - Integrante / Glenda Quaresma Ramos - Integrante.

  • 2014 - 2017

    FORTALECIMENTO DE RECURSOS HUMANOS PARA A AVALIAÇÃO DOS FATORES DE RISCO ASSOCIADOS AO DESENVOLVIMENTO DE ANEMIA NA MALÁRIA POR PLASMODIUM VIVAX E O IMPACTO NO CONTROLE DA DOENÇA, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Marcus Vinícius Guimarães de Lacerda em 08/06/2015., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / LACERDA, MARCUS V.G. - Coordenador / MONTEIRO, WUELTON M. - Integrante / COSTA, FABIO TM - Integrante / ALBRECHT, L. - Integrante / Andre M Siqueira - Integrante / Gisely Cardoso de Melo - Integrante.

  • 2013 - 2018

    Plasmodium vivax: Patogênese e Infectividade, Descrição: Plasmodium vivax é responsável por mais de 80 milhões de casos por ano no mundo, apresentando forte impacto social fora do continente africano principalmente na Ásia e nas Américas. O Brasil responde por 50-60% do total de casos de malária notificados nas Américas, sendo 85% dessas infecções causadas por P. vivax e com transmissão restrita quase exclusivamente à região Amazônica (99,8%). Achados anátomo-patológicos semelhantes ao que são observados nos casos de P. falciparum, foram recentemente constatados em infecções por P. vivax as quais podem também evoluir para formas graves da doença. Essas observações desafiam a visão pré-estabelecida de que P. vivax é um parasita "benigno". No entanto, a realização de ensaios funcionais para o estudo da patogênese e infectividade de P. vivax permanecem restritos a centros hospitalares de referência regional em áreas endêmicas. Este fato se deve, principalmente, a impossibilidade de sistema de cultivo de longa duração in vitro que seja confiável e reprodutível. Sendo assim, em parceria com centros hospitalares de referência em áreas endêmicas para malária, fomos capazes de desenvolver ensaio de invasão ex vivo, e mostramos que eritrócitos infectados de P. vivax (Ei-Pv) coletados de pacientes infectados são capazes de aderir ex vivo ao endotélio pulmonar, cerebral e na placenta. Esses achados sugerem a participação desta capacidade adesiva nos processos patológicos de P. vivax nesses órgãos. Baseado na capacidade de campo instalada e no conhecimento já adquirido pretendemos; (i) ampliar a compreensão dos mecanismos de patogênese relacionados à citoadesão e à formação de rosetas de Ei-Pv (ensaios funcionais) e identificar os potenciais ligante(s) parasitários envolvidos (por meio de análises moleculares e geração de anticorpos monoclonais); (ii) determinar o impacto de infecções vivax em gestantes e as consequências no tecido placentário (via análises histopatológicas); e (iii) verificar o potencial vacinal de antígenos de P. vivax, bem como os mecanismos relacionados à infecção de eritrócitos/reticulócitos humanos por este parasita por meio de ensaios de invasão e mapeamento de epítopos. Por último, utilizando modelo de infecção experimental na gravidez em camundongos, (iv) avaliaremos a resposta imune inata e poderemos identificar os ligantes parasitários envolvidos no processo adesivo à placenta.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / Irene S. Soares - Integrante / MARCELE FONTENELLE - Integrante / Wunderlich, Gerhard - Integrante / Leite, Juliana A. - Integrante / Kayano, Ana Carolina AV - Integrante / Albrecht, Letusa - Integrante / Ataíde, Ricardo - Integrante / Marinho, Claudio R.F. - Integrante / Lacerda, Marcus V.G. - Integrante / Fabio Trindade Maranhão Costa - Coordenador / CRAVO, PEDRO - Integrante / Dayanne Kamylla Alves Barros - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2017

    Busca de biomarcadores para detecção de resistência clinica a cloroquina em pacientes com malária por P. vivax., Descrição: Com a disseminação de parasitos resistentes aos antimaláricos em diversas regiões do mundo, o problema da eficácia terapêutica na malária emergiu como uma questão de saúde pública de grande relevância, já que poderia causar disseminação da doença em novas áreas e sua reemergência, onde antes havia sido erradicada. A cloroquina (CQ), considerado um esquizonticida sanguíneo, é utilizada como primeira linha de tratamento de malária por P. vivax, devido ter boa segurança, baixo custo, meia-vida longa oferecendo proteção contra recaídas logo após o tratamento. existem poucos estudos para P. vivax, onde não encontraram nenhuma relação entre mutações no gene pvcrt-o e fenótipo de resistência à CQ. Com isso, nenhuma mutação deste ortólogo tem sido associada com CQR em P. vivax, sugerindo que o mecanismo de resistência provavelmente difere do P. falciparum. O objetivo deste trabalho será avaliar possíveis biomarcadores moleculares associados com resistência à cloroquina pelo P. vivax. Será realizado ensaio clínico com pacientes com malária por P. vivax na FMT-HVD. Serão realizados os seguintes procedimentos: gota espessa pela técnica de Walker, hemograma, PCR para confirmação da espécie de plasmódio, cultivo ex vivo, citometria de fluxo para avaliar susceptibilidade a antimaláricos, dosagem de cloroquina e desetilcloroquina, RT-PCR para analisar a expressão gênica de pvcrt-o em amostras in vivo e ex vivo resistente à cloroquina.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / Fábio Trindade Maranhão Costa - Integrante / Paulo Afonso Nogueira - Integrante / Gisely Cardoso de Melo - Coordenador / Marcus Vinicius Guimarães de Lacerda - Integrante / Wuelton Marcelo Monteiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2016

    Rede de Avaliação do Impacto da Anemia por Malária e do Fenômeno da Citoaderência na Biologia de Gametócitos de Plasmodium vivax: Duas Estratégias Inovadoras para o Controle da Doença (Projeto GAMETOMAL), Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Marcus Vinícius Guimarães de Lacerda em 11/12/2013., Descrição: O Plasmodium vivax é a espécie responsável por cerca de 90% da malária no Brasil. Embora a anémia é a complicação mais frequente da malária vivax, sua patogênese é pouco conhecida. Apesar de indivíduos portadores de gametócitos apresentarem menores concentrações de hemoglobina, ainda não existe nenhum estudo que confirme o impacto dessa complicação sobre a gametocitogênese. Porém, acredita-se que o roseteamento (adesão de eritrócitos infectados a sadios) possa ser um dos mecanismos responsáveis pela produção da anemia. De fato, recentemente foi evidenciado que hemácias parasitadas por formas assexuadas de Pv podem citoaderir a diferentes receptores do hospedeiro, e dados preliminares do nosso grupo indicam os gametócitos de Pv podem aderir na microvasculatura da derme. Acreditamos que esses fatores possam contribuir para maior eficácia da transmissão do parasito no momento do repasto, e que a saliva do mosquito poderia levar à de-sequestração dos gametócitos. Sendo assim, esta proposta tem por objetivos: (1) verificar o impacto da anemia da malária vivax na produção de gametócitos, (2) determinar a capacidade dos gametócitos em aderir às células da microvasculatura da derme, e (3) avaliar se formas assexuadas de Pv são capazes de formar rosetas e sua relação com a anemia, (4) analisar a relação destes fatores na infectividade do mosquito vetor. O estudo será desenvolvido realizando ensaios funcionais ex vivo com gametócitos e formas assexuadas de Pv provenientes de pacientes diagnosticados exclusivamente com malária vivax atendidos na Fundação de Medicina Tropical (FMT-HVD); centro de referência para o estudo das doenças tropicais e que está localizada no estado de Amazonas (área endêmica para malária vivax).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / Costa, Fabio T.M. - Integrante / LACERDA, MARCUS V.G. - Coordenador / MELO, GISELY C. - Integrante / MONTEIRO, WUELTON M. - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2015

    Avaliação dos efeitos antimaláricos da violaceína em combinação com artesunato-mefloquina em isolados de Plasmodium vivax e P. falciparum e em camundongos infectados com cepas de P. chabaudi resistentes a antimaláricos, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Coordenador / Costa, Fabio T - Integrante / Lacerda, Marcus V.G. - Integrante / Isabel Cristina Naranjo Prado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    Malária e nanotecnologia: Avaliação do potencial antimalárico de nanotubos de carbono, livres ou associados (funcionalizados) a antimaláricos, Descrição: A malária coloca em risco 2,4 bilhões de pessoas, principalmente aquelas expostas à infecção por Plasmodium falciparum e P. vivax, responsáveis por aproximadamente 100 300 e de 70 80 milhões dos casos anuais respectivamente. No Brasil, em 2009, foram registrados cerca de 300.000 casos, dos quais 83.7% decorrentes de infecções por P. vivax e 16.3% por P. falciparum. No entanto, apesar do número total de casos ter diminuído nos últimos anos, o número de internações por P. vivax aumentou. Ainda, as estratégias que estão sendo usadas no combate à malária no mundo não têm sido muito eficazes, devido principalmente ao surgimento de cepas de parasitas resistentes às drogas convencionalmente utilizadas, como a cloroquina. Resistência também tem sido observada para outros antimaláricos, tais como a combinação sulfadoxina-pirimetamina (SP) e a mefloquina; de maneira similar algumas cepas de P. vivax também apresentam resistência a cloroquina e SP. Importante, apesar das artemisininas serem a única classe de antimaláricos sem resistência comprovada, recentemente foi observado aumento nas mutações nos genes plasmodiais alvos destes compostos. Além disso, existe apenas uma única classe de composto (8-amino quinolinas) capaz de destruir as formas hepáticas (hipnozoítas) de P. vivax, responsáveis por recaídas que podem ocorre meses após a infecção malárica; e desde 1996 que nenhuma nova classe de antimalárico é introduzida. Dada à impossibilidade de controle da malária com as estratégias e drogas até hoje empregadas, acredita-se que novas formulações capazes de combater a infecção parasitária necessitam ser ampliadas e seus mecanismos de ação avaliados. Neste sentido a utilização de nanopartículas (NP), estruturas menores que 100 nm, são uma promissora alternativa para drug-delivery, no qual a oferta do fármaco ocorre diretamente às células alvo reduzindo a dose e os efeitos colaterais. Também, devido ao seu reduzido tamanho as NP podem ultrapassar barreiras anatômicas, como a bar. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / Costa, Fabio T. M. - Coordenador / Kayano, Ana Carolina AV - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2006 - 2008

    Avaliação in vivo e in vitro da atividade anti-plasmodial da violaceína extraída da Chromobacterium violaceum, Descrição: Durante décadas, a malária vem sendo alvo de intensas campanhas com o objetivo de erradicar a transmissão do parasita por meio de inseticidas e quimioterapia. No entanto, essas estratégias não têm sido muito eficazes devido ao surgimento de cepas de parasitas resistentes às drogas convencionalmente usadas, tais como cloroquina, mefloquina, quinino e sulfadoxina-pirimetamina. Atualmente esta doença infecta de 300-500 milhões de pessoas no mundo, sendo 500.000 no Brasil. Este projeto visa determinar possível atividade anti-plasmodial da violaceína em modelo de infecção experimental e contra cultura de hemácias infectadas pelo Plasmodium falciparum, principal causador da malária humana. Além disto, pretendemos analisar a toxicidade desta droga, compará-la com outros fármacos já utilizados no combate a malária.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Stefanie Costa Pinto Lopes - Integrante / Costa, Fabio T. M. - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

Prêmios

2021

Prêmio Inventores - Patente Concedida, UNICAMP.

2013

Early Career Investigator Travel Fellowship, The New York Academy of Sciences.

2010

ICOPA XII Travel Grant, World Federation of Parasitologists.

2010

Mlehor trabalho apresentado na XII Reunião Nacional de Malária, .

2009

2° colocação no XIV Seminário Laveran e Deane, Fiocruz.

2008

Global Health Travel Award Keystone Symposia - Pathogenis and Control of Emerging Infections and Drug Resistant Organisms, Bill and Melinda Gates Foundation.

2006

Menção honrosa no XIV Congresso de Iniciação Científica, Universidade Estadual de Campinas.

2006

Menção honrosa no XXII Annual Meeting of the Brazilian Society of Protozoology, SBPz.

Histórico profissional

Endereço profissional

  • Fundação Oswaldo Cruz, Centro de Pesquisas Leonidas e Maria Deane - AM. , Rua Terezina 476, Adrianópolis, 69057070 - Manaus, AM - Brasil, Telefone: (92) 36212323

Experiência profissional

2022 - Atual

Fundação Oswaldo Cruz

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Vice Diretora de Pesquisa e Inovação, Carga horária: 40

2014 - Atual

Fundação Oswaldo Cruz

Vínculo: , Enquadramento Funcional: Pesquisador em saúde pública, Carga horária: 40

Atividades

  • 02/2020

    Direção e administração, Centro de Pesquisas Leonidas e Maria Deane - AM.,Cargo ou função, Chefe do Laboratório de Diagnóstico e Controle de Doenças Infecciosas da Amazônia.

  • 12/2017

    Direção e administração, Centro de Pesquisas Leonidas e Maria Deane - AM.,Cargo ou função, Coordenador do Curso de Mestrado Stricto Sensu Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (13009001041P0).

  • 03/2017

    Ensino, Biologia da Interação Patógeno Hospedeiro (ILMD), Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Malária: Biologia da Interação Patogeno Hospedeiro, Princípios e Aplicações da Citometria de Fluxo

  • 12/2014

    Pesquisa e desenvolvimento, Centro de Pesquisas Leonidas e Maria Deane - AM.,Linhas de pesquisa

  • 08/2017 - 07/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Pesquisas Leonidas e Maria Deane - AM.,Cargo ou função, Membro titular do Conselho Deliberativo.

  • 07/2017 - 07/2019

    Direção e administração, Centro de Pesquisas Leonidas e Maria Deane - AM.,Cargo ou função, Coordenador do Programa de Iniciação Científica e Tecnológica (PIC).

  • 07/2016 - 06/2017

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Pesquisas Leonidas e Maria Deane - AM.,Cargo ou função, Comitê Executivo do Programa de Iniciação Científica (PIC).

2012 - Atual

Fundação de Medicina Tropical Doutor Heitor Vieira Dourado

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador colaborador

2017 - Atual

Universidade do Estado do Amazonas

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 4

Atividades

  • 03/2017

    Ensino, Medicina Tropical, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Malariologia

2014 - 2016

Universidade Estadual de Campinas

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador colaborador, Carga horária: 20

2012 - 2014

Universidade Estadual de Campinas

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador de Pós Doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2008 - 2012

Universidade Estadual de Campinas

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluno de doutorado, Carga horária: 40

2006 - 2008

Universidade Estadual de Campinas

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluno de mestrado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2005 - 2006

Universidade Estadual de Campinas

Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Carga horária: 20

Outras informações:
Iniciação Científica em Parasitologia sob Orientação do Prof Dr Fábio Trindade Maranhão Costa Laboratório de Imunoparasitologia Experimental Depto Parasitologia-IB/Unicamp Bolsista PIBIC/CNPq

Atividades

  • 08/2010 - 12/2010

    Ensino, Nutrição, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Parasitologia- Bolsista PED B

  • 08/2008 - 12/2008

    Ensino, Medicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Disciplinas ministradas:BS410 Relação Parasito-Hospedeiro Bolsista do Programa de Estágio Docente (PED)

  • 08/2006 - 12/2006

    Ensino, Farmácia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Disciplinas ministradas: BS415 Microbiologia, Imunologia e Parasitologia II Monitor Voluntário

  • 08/2005 - 12/2005

    Ensino, Farmácia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Monitor Voluntário do Programa de Auxílio Didático (PAD), BS415 Microbiologia, Imunologia e Parasitologia II