Graziela Liebel

Fonoaudióloga (2008) graduada pela Universidade do Vale do Itajaí -SC (UNIVALI). Mestre (2016) e doutoranda (2017) em Saúde Coletiva pelo Programa de Pós Graduação da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Juiz de Fora - MG. Integrante do Grupo de pesquisa Economia da saúde (UFJF). Atuou como professora convidada do Departamento de Estatística da Universidade Federal de Juiz de Fora, colaborando com a disciplina de Pacotes de dados estatísticos e Manejo e análise de dados em saúde no departamento de Pós Graduação em Saúde Coletiva da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Juiz de Fora. Atualmente é professora colaboradora no Mestrado Profissional em Saúde e Gestão do Trabalho- UNIVALI e Docente do Curso de Medicina da UNIVALI. Tem experiência no campo da Saúde coletiva, tendo como foco o SUS, políticas, planejamento, gestão e avaliação de tecnologias em saúde. Atualmente desenvolve pesquisas na linha de avaliação econômica em saúde, e financiamento.

Informações coletadas do Lattes em 26/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em andamento em Programa de pós graduação em saúde coletiva

2017 - Atual

Universidade Federal de Juiz de Fora
Título: O diagnóstico por imagem ambulatorial na alta complexidade do SUS: Uma análise espaço-temporal,
Alfredo Chaoubah. Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais, FAPEMIG, Brasil. Palavras-chave: Economia da saúde; Produção Ambulatorial; SUS.

Mestrado em Saúde Coletiva

2014 - 2016

Universidade Federal de Juiz de Fora
Título: Fatores associados aos gastos com a produção ambulatorial em média complexidade,Ano de Obtenção: 2016
Alfredo Chaoubah.Coorientador: Estela Márcia Saraiva Campos. Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais, FAPEMIG, Brasil. Palavras-chave: Economia da saúde; SUS; Atenção Secundária.Grande área: Ciências da Saúde

Graduação em Fonoaudiologia

2005 - 2008

Universidade do Vale do Itajaí
Título: A influência do nível sócio-econômico na resolução temporal em crianças de 6 a 11 anos
Orientador: Sheila Andreoli Balen
Bolsista do(a): artigo 170_ bolsa pesquisa Governo do estado de santa Catarina, ARTIGO 170, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2020 - 2020

Autoaprendizagem sobre Recursos Humanos para a Saúde Universal. (Carga horária: 10h). , Organizacão Pan-Americana da Saude/Organizacão Mundial da Saude, OPAS/OMS, Brasil.

2020 - 2020

Protocolo de manejo clínico do coronavírus (COVID-19). , Ministério da Saúde, MS, Brasil.

2020 - 2020

TP: Palco 180 - Os desafios da Educação 4.0 nas Escolas do Conhecimento. (Carga horária: 4h). , Universidade do Vale do Itajaí, UNIVALI, Brasil.

2020 - 2020

TP: Talco 180 -Educação Experiencial: Misturas Criativas, Desafios para ES. (Carga horária: 3h). , Universidade do Vale do Itajaí, UNIVALI, Brasil.

2020 - 2020

Trilha Pedagógica: NanoClass - Experimentações no Ensino. (Carga horária: 4h). , Universidade do Vale do Itajaí, UNIVALI, Brasil.

2019 - 2020

Extensão universitária em Curso Virtual de Autoaprendizagem sobre Recursos Humanos para a Saúde Unive. (Carga horária: 10h). , Organizacão Pan-Americana da Saude/Organizacão Mundial da Saude, OPAS/OMS, Brasil.

2019 - 2019

Trilha Pedagógica - Gestão superior: Encontro com o Reitor. (Carga horária: 4h). , Universidade do Vale do Itajaí, UNIVALI, Brasil.

2018 - 2018

Curso EAD de Qualificação do Processo de Trabalho e Gestão da Atenção Primá. (Carga horária: 60h). , Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.

2018 - 2018

Construção de Situação Problema para PBL. (Carga horária: 20h). , Faculdades Pequeno Princípe, FPP, Brasil.

2017 - 2017

Noções Básicas sobre Tabwin. (Carga horária: 30h). , Departamento de Informática do SUS, DATASUS, Brasil.

2017 - 2017

Aprendizagem Baseada em Problemas. (Carga horária: 16h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2010 - 2011

Curso de Qualificação de Gestores do SUS. (Carga horária: 200h). , Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.

2009 - 2009

Disfagia. (Carga horária: 20h). , Associação Assitencial em Saúde e Educação, CEFAC, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Fonoaudiologia.

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

LIEBEL, G . Congressso Internacional de Politicas Publicas em saúde. 2019. (Congresso).

LIEBEL, G. . III Conferência Municipal de Saúde de Itapema. 2011. (Outro).

LIEBEL, G. ; Marchi. J . I Encontro da Participação Popular em Saúde de Itapema. 2010. (Outro).

LIEBEL, G. ; Massignani ; SILVA, R. C. . Semana Academica do Centro de Ciencias da Saúde. 2008. (Outro).

LIEBEL, G. ; Bueno, T.R. ; Bitencurt, R. ; Cim, C. R. ; Debiasi, T. ; Massignani ; Schultz, F. . Pratas da Casa do Curso de Fonoaudiologia. 2008. (Outro).

Balen,S.A. ; COMERLATO JUNIOR, A. A. ; LIEBEL, G. ; Silva, M.P ; Boeno, M.R.M. . Simpósio Catarinense de Tecnologias Aplicadas aos Distúrbios da Comunicação. 2007. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Congresso Catarinense e Paranaense de Educação Médica - CCPEM - 2019. 2019. (Congresso).

II Congresso Internacional de Políticas Públicas para a América Latina. Monitoria. 2019. (Congresso).

II Congresso Internacional de Políticas Públicas para a América Latina. Cobertura pela Estratégia Saúde da Família como indicador nos gastos com diagnóstico por imagem no Brasil. 2019. (Congresso).

II Semana de Iniciação Científica do Curso de Fonoaudiologia. 2019. (Outra).

IX Fórum Nacional de Metodologias Ativas de Ensino - Aprendizagem na Formação em Saúde.AUTOAVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM APÓS A APLICAÇÃO DE METODOLOGIAS ATIVAS EM UM CURSO DE GRADUAÇÃO DISCIPLINAR. 2018. (Simpósio).

IX Fórum Nacional de Metodologias Ativas de Ensino-aprendizagem na Formação em Saúde.APLICAÇÃO DA TEORIA DE RESPOSTA AO ITEM NA ANÁLISE DE DIFERENÇA DE GÊNERO DE SINTOMAS DEPRESSIVOS NA POPULAÇÃO UNIVERSITÁRIA BRASILEIRA. 2018. (Simpósio).

IX Fórum Nacional de Metodologias Ativas de Ensino - Aprendizagem na Formação em Saúde 2018/2. 2018. (Congresso).

III Congresso Brasileiro politica, planejamento e gestão em saúde. FATORES ASSOCIADOS AOS GASTOS COM A PRODUÇÃO AMBULATORIAL EM MÉDIA COMPLEXIDADE. 2017. (Congresso).

International Society for Pharmacoeconomics and Outcomes Research. 2017. (Congresso).

International Society for Pharmacoeconomics and Outcomes Research. FATORES ASSOCIADOS AOS GASTOS COM IMAGENOLOGIA NO SISTEMA UNICO DE SAUDE BRASILEIRO. 2017. (Congresso).

International Society for Pharmacoeconomics and Outcomes Research. IMPLICAÇÕES ENTRE OS GASTOS COM PROCEDIMENTOS AMBULATORIAIS EM MÉDIA COMPLEXIDADE E VARIÁVEIS SOCIODEMOGRÁFICAS E ECONÔMICAS. 2015. (Congresso).

10? Congresso da Fundação Otorrinolaringologia. 2011. (Congresso).

19 Congresso Brasileiro e 8 Internacional de Fonoaudiologia. Laboratório de treinamento de habilidades auditivas: promoção à saúde no município de Itapema/SC. 2011. (Congresso).

49? Encontro de Secretarias Municipais de Saúde de SC. 2011. (Encontro).

III Conferência Municiapal de Saúde.Delegada categoria governo. 2011. (Outra).

Seminário Estadual de Gestão em Saúde: Planejar e avaliar no SUS. 2011. (Seminário).

V Encontro Estadual de Saúde da Familia. 2011. (Encontro).

VI Conferência Estadual de Saúde de SC.Delegada: VI Conferência Estadual de Saúde de SC. 2011. (Outra).

I Congresso acadêmico do CCS da UNIVALI. Clinica Ampliada- NASF Experiências e Resultados. 2010. (Congresso).

I Semana da Enfermagem de Bombinhas.Acolhimento em Saúde. 2010. (Encontro).

II Pratas da CASA.Educação Especial: Uma nova proposta de Intervenção Fonoaudiológica. 2009. (Simpósio).

23° Encontro Internacional de Audiologia - Curso Computer-based training to remediate impairments in language, reading and cognition in child and adult populations. 2008. (Congresso).

23° Encontro Internacional de Audiologia em Itajaí/SC. Resolução Temporal em crianças escolares. 2008. (Congresso).

Campanha educativa: seja amigo de sua voz..Campanha educativa: seja amigo de sua voz.. 2008. (Outra).

Colegiado do Curso de Fonoaudiologia. 2008. (Outra).

Encontro comemorativo "GATANU 10 anos de Luta pela detecção precoce da Surdez Infantil. 2008. (Encontro).

Encontros Psicológicos.A influência do nível sócio-econômico na resolução temporal em crianças de 6 a 11 anos. 2008. (Encontro).

Fórum Integrado de Ensino, Pesquisa e Extensão ? ACAFE.Resolução Temporal em crianças escolares. 2008. (Simpósio).

II Congresso Catarinense de Saúde Coletiva. 2008. (Congresso).

Mini Curso: Construindo um Modelo de Intervenção: Programa de Reabilitação Ampliada. 2008. (Congresso).

Oficina Regional FINEPAS Vale do Itajaí e Norte de Santa Catarina. 2008. (Oficina).

VIIISemana de FonoaIudiologia e VII Simposio dos Estágios do Curso de Fonoaudiologia. 2008. (Simpósio).

VIISeminário de Iniciação Científica ? UNIVALI.A influência do nível sócio-econômico na resolução temporal em crianças de 6 a 11 anos. 2008. (Seminário).

15° congresso de Fonoaudiologia e 7° Congresso Internacional de Fonoaudiologia - Mini-curso "Fundamentos para a Adaptação de Aparelhos de Amplificação Sonora- Técnicos de verificação para Crianças e Adultos. 2007. (Congresso).

Opção Profissional por Área- OPA.Opção Profissional por Área- OPA- Monitor. 2007. (Outra).

Simpósio de Tecnologias Aplicadas aos Distúrbios da Comunicação. 2007. (Simpósio).

Transporte e Cidadania.Transporte e Cidadania. 2007. (Outra).

VII Semana de Fonoaudiologia e VII Simpósio dos Estágios do curso de Fonoaudiologia."'Resolução Temporal em crianças de 6 a 11 anos". 2007. (Simpósio).

VI Seminário de Iniciação Científica ? UNIVALI.Resolução Temporal em crianças escolares. 2007. (Seminário).

XXII Ação Comunitária de Itajaí.XXII Ação Comunitária de Itajaí - oficina de voz e orientações. 2007. (Outra).

Campanha educativa: seja amigo de sua voz.Campanha educativa: seja amigo de sua voz. 2006. (Outra).

Compreendendo os Veradeiros e Falsos Distúrbios de Aprendizagem. 2006. (Oficina).

Mini-curso Fonoaudiologia e Telejornalismo. 2006. (Outra).

Mini-curso Triagem auditiva neonatal. 2006. (Outra).

Opção Profissional por Área- OPA.Opção Profissional por Área- OPA- Monitor. 2006. (Outra).

VI Semana de Fonoaudiologia e VI Simpósio dos Estágios do curso de Fonoaudiologia. 2006. (Simpósio).

Palestra Terapia de Sujeitos com Distúrbios Fonológicos. 2005. (Outra).

V semana de fonoaudiologia e Vsimpósio dos estágios do curso de Fonoaudiologia.TERAPIA DE SUJEITOS COM DISTURBIOS FONOLÓGICOS. 2005. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Alana Gonzatto Araldi Reolon

REOLON, A. G. A.; ROS, M. A.; LIMA, R. C. G. S.;LIEBEL, G. Incongruência entre a exposição midiática e a realidade do DATASUS, sobre um objeto muito caro ao SUS - A Vacinação. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Saúde e Gestão do Trabalho) - Universidade do Vale do Itajaí.

Aluno: John Reinert Costa

LIEBEL, GRAZIELA; LOPE, S. M. B.; MUNARO, C.. Caracterização e fatores associados a violência física no Brasil. 2020. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina) - Universidade do Vale do Itajaí.

Aluno: Divandra A Busatto e Mirella Karen Ferreira B V Netto

PAGNOSSIN, D. F.;LIEBEL, G.; DOLZAN, G. D.. Fone de inserção x fone supra-aural: diferenças nas pesquisas de limiares auditivos tonais e de fala. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fonoaudiologia) - Universidade do Vale do Itajaí.

LIEBEL, G; SILVA, R. H.; SA JUNIOR, A. R.. Professor de magistério superior- Medicina de família e comunidade. 2019. Universidade Federal de Santa Catarina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Josimari Telino de Lacerda

CHAOUBAH, Alfredo;LACERDA, Josimari Telino de; GUERRA, Maximilano Ribeiro. Implicações entre os gastos com a produção ambulatorial em média complexidade e à atenção básica. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

Maximiliano Ribeiro Guerra

CHAOUBAH, A.; HENRIQUES, B. D.;GUERRA, Maximiliano Ribeiro. Fatores associados aos gastos com a produção ambulatorial em média complexidade. 2016. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

Maximiliano Ribeiro Guerra

CHAOUBAH, A.; MAGALHAES, L. V. B.; MORENO, A. B.;GUERRA, Maximiliano Ribeiro. Impacto financeiro do diagnóstico por imagem na alta complexidade do SUS: uma análise espaço-temporal. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

Maximiliano Ribeiro Guerra

CHAOUBAH, A.; LACERDA, J. T.;GUERRA, Maximiliano Ribeiro. Implicações entre os gastos com a produção ambulatorial em média complexidade e a atenção básica. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

Bruno DAvid Henriques

CHAOUBAH, A.;HENRIQUES, B. D.; GUERRA, M. R.. Fatores associados aos gastos com a produção ambulatorial em média complexidade. 2016. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

Lucas Vilas Boas Magalhães

CHAOUBAH, A.;Magalhães, Lucas V. B.; MORENO, A. B.; GUERRA, M. R.; FERREIRA, C. S.. Impacto financeiro do diagnóstico por Imagem na Alta Complexidade do SUS: uma análise espaço-temporal. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

John Reinert Costa

Caracterização e fatores associados a violência física no Brasil; 2020; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina) - Universidade do Vale do Itajaí; Orientador: Graziela Liebel;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Estela Márcia Saraiva Campos

FATORES ASSOCIADOS AOS GASTOS COM A PRODUÇÃO AMBULATORIAL EM MÉDIA COMPLEXIDADE; 2015; Dissertação (Mestrado em Programa de pós-graduação em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Juiz de Fora,; Coorientador: Estela Márcia Saraiva Campos;

ALFREDO CHAOUBAH

Impacto Financeiro do Diagnóstico por Imagem na Alta Complexidade do SUS: Uma Análise Espaço Temporal; Início: 2017; Tese (Doutorado em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Juiz de Fora - UFJF; (Orientador);

ALFREDO CHAOUBAH

Implicações entre gastos com Média Complexidade e Atenção Básica; 2016; Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Juiz de Fora,; Orientador: Alfredo Chaoubah;

Sheila Andreoli Balen

Resolução temporal de crianças de 6 a 11 anos: desempenho em dois protocolos de avaliação; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade do Vale do Itajaí, Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina; Orientador: Sheila Andreoli Balen;

Sheila Andreoli Balen

Resolução temporal de crianças de 6 a 11 anos: desempenho em dois protocolos de avaliação; 2007; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade do Vale do Itajaí, Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina; Orientador: Sheila Andreoli Balen;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • FERNANDES, A. M. R. ; STEFFENS, A. H. ; LIEBEL, GRAZIELA ; DAZZI, R. L. S. ; MEZADRI, T. . A relevância dos Dashboards para a gestão da saúde na pandemia causada pelo COVID-19. Brazilian Journal of Development , v. 6, p. 39263-39274, 2020.

  • DE SÁ JUNIOR, ANTONIO REIS ; LIEBEL, GRAZIELA ; ANDRADE, ARTHUR GUERRA DE ; ANDRADE, LAURA HELENA ; GORENSTEIN, CLARICE ; WANG, YUAN-PANG . Can Gender and Age Impact on Response Pattern of Depressive Symptoms Among College Students? A Differential Item Functioning Analysis. Frontiers in Psychiatry , v. 10, p. 50-60, 2019.

  • NEGRO-DELLACQUA, M. ; COSTA, F. V. ; SOUSA, I. F. ; de Sá Junior, A.R. ; LIEBEL, G . Aprendizagem Baseada em Equipes e Aprendizagem Baseada em Projetos no Curso de Fisioterapia: Estudo Piloto. ESPAÇO PARA A SAÚDE - REVISTA DE SAÚDE PÚBLICA DO PARANÁ , v. 19, p. 53-60, 2018.

  • REIS, M. F. ; CHAOUBAH, A. ; CERQUEIRA, C. H. ; LIEBEL, G . Análise do gasto ambulatorial do acidente vascular cerebral na perspectiva do sistema público. JORNAL BRASILEIRO DE ECONOMIA DA SAÚDE , p. 219-225, 2018.

  • LIEBEL, G. ; SA JUNIOR, A. R. ; CAMPOS, E. M. S. ; WANG, Y. P. ; DIAS, P. V. ; CHAOUBAH, A. . O desafio da equidade: fatores associados aos gastos com a produção ambulatorial na atenção secundária. JORNAL BRASILEIRO DE ECONOMIA DA SAÚDE , v. 10, p. 246-254, 2018.

  • LIEBEL, G. ; SA JUNIOR, A. R. ; CAMPOS, E. M. S. ; LOURES, F. B. ; DIAS, P. V. ; CHAOUBAH, A. . O diagnóstico por imagem no Brasil: um sistema, muitas realidades. JORNAL BRASILEIRO DE ECONOMIA DA SAÚDE , v. 10, p. 291-297, 2018.

  • LIEBEL, G ; DIAS, PV ; CHAOUBAH, A . Fatores Associados Aos Gastos com Imagenologia No Sistema Unico De Saude Brasileiro. VALUE IN HEALTH , v. 20, p. A905, 2017.

  • LIEBEL, G ; CHAOUBAH, A . Implicaçes Entre os Gastos Com a Produção Ambulatorial em Média Complexidade E À Atenção Básica. Value in Health , v. 18, p. A853, 2015.

  • LIEBEL, G. ; Balen,S.A. ; A influência do nível socioeconômico na resolução temporal em escolares. REVISTA DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE FONOAUDIOLOGIA (IMPRESSO) , v. 15, p. 7-13, 2010.

  • LIEBEL, G. ; Balen,S.A. ; Mottecy, C,M. . Resolução temporal de crianças escolares. REVISTA CEFAC (ONLINE) , v. 11, p. 52-61, 2009.

  • LIEBEL, G. ; Balen,S.A. ; Bretzke, L. ; Mottecy, C,M. ; Godim. L.M.A . Resolução temporal de crianças: comparação entre audição normal, perda auditiva condutiva e distúrbio do processamento auditivo. Revista Brasileira de Otorrinolaringologia (Impresso) , v. 75, p. 123-129, 2009.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

LIEBEL, G . Capacitação nas ferramentas de análise exploratória tabwin/tabnet dos sistemas de informação em saúde. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

LIEBEL, G. ; Rezende.T.N.W . Curso de Formação Técnico em Agente Comunitário em Saúde. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Balen,S.A. ; LIEBEL, G. . Resolução Temporal em crianças escolares. 2007. (Relatório de pesquisa).

Balen,S.A. ; LIEBEL, G. . 'Resolução Temporal em crianças de 6 a 11 anos. 2006. (Relatório de pesquisa).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - Atual

    Impacto financeiro do diagnóstico por imagem na alta complexidade do SUS: Uma análise espaço-temporal, Descrição: O alto custo do diagnostico por imagem torna-se um problema diante do quadro comum de escassez de recursos econômicos para os sistemas de saúde, o que reflete a necessidade de se ofertar essa tecnologia para a população, da forma mais racional e equitativa possível. A expansão do mercado da saúde beneficia a indústria eletromédica que fornece equipamentos eletrônicos ou no setor privado que executa estes exames que proporcionam melhorias na saúde dos pacientes, mas levam a um incremento nos gastos em saúde na alta complexidade do SUS. (MALTA, 2004) Devido à complexidade deste segmento, com vultosos volumes financeiros destinados e com dificuldade para sua devida organização, torna-se fundamental a análise de como seu financiamento é realizado e sua efetividade diante da oferta nos estados e microrregiões seguidos de suas diversidades socioeconômicas e demográficas. Objetivo Geral:Realizar uma análise espaço temporal do financiamento, do custo e da oferta dos exames de diagnóstico por imagem na alta complexidade do SUS no Brasil e por regiões. Objetivos Específicos: - Mapear a distribuição espacial da oferta dos exames ambulatoriais de imagenologia quanto ao local de atendimento e local de residência; - Examinar o comportamento do gasto federal (2008 - 2017) com serviços ambulatoriais segundo os principais exames diagnósticos por imagem na alta complexidade; - Analisar o comportamento das desigualdades geográficas na oferta (entre estados e macro regiões) do diagnostico por imagem na alta complexidade. - Identificar no ano 2017 os indicadores de desigualdades sócio-econômicas (IDHM e Habitação) e demográficas na oferta dos procedimentos selecionados; - Examinar a competitividade do SUS no ?mercado? de exames da alta complexidade: diferença entre os valores pagos pela prestação dos procedimentos no setor privado. Trata-se de um estudo ecológico com componente de série temporal empregando-se análise dos valores e da oferta dos exames de diagnósticos por imagem durante os últimos dez anos no Brasil e por regiões. Resultado esperado é que o investimento financeiro no diagnostico por imagem na alta complexidade deve ser estratégico e baseado nas melhores evidências disponíveis, com a meta de minimizar ou se possível evitar gastos equivocados que ao longo do tempo se mostrem pouco custo efetivos. Em nossa análise temporal poderemos confrontar algumas das variáveis disponíveis para encontrar e interpretar fatores que influenciem os gastos na atenção terciária em saúde. Estudos desta natureza podem servir como base para identificar a causalidade na variabilidade regional do impacto financeiro quanto ao diagnostico por imagem na alta complexidade em relação a sua oferta, custos e desigualdades socioeconômicas. Portanto, nosso objetivo é verificar temporalmente quais das variáveis a serem estudadas possuem maior ?carga? sobre os custos com diagnostico por imagem na alta complexidade. O presente estudo poderá facilitar a elaboração de estratégias que sejam custo efetivas como na reestruturação da contratação e execução destes serviços.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Graziela Liebel - Coordenador / Alfredo Chaoubah - Integrante / Patrick Dias Vieira - Integrante / Fabiano Bolpato Loures - Integrante / Ricardo Paletta Guedes - Integrante.

  • 2014 - 2016

    Fatores associados as gastos com a produção ambulatorial na média complexidade, Descrição: Com a criação e instituição do Sistema Único de Saúde a insuficiência de recursos, bem como a ineficiência e a ineficácia de sua utilização, tem estado em debate constantemente. Sendo evidente a fragilidade do financiamento, pois condiciona muitas vezes a eficiência esperada do sistema. Dentro do atual modelo de gestão do SUS existem os níveis de assistência, os quais devem estar ajustados hierarquicamente, descentralizados e regionalizados para melhor atender as demandas da população. Neste sentido acreditamos existir fatores associados à produção e aos gastos ambulatoriais em média complexidade. Objetivo: Avaliar a associação entre os gastos com a produção ambulatorial em média complexidade e outros fatores associados. Metodologia: A população do estudo foram os 853 municípios do estado de Minas Gerais agregados por microrregiões no ano de 2014. Este é um estudo ecológico, analítico - observacional, com uma análise bivariada e multivariada. Acreditamos que o nosso estudo pode contribuir para compreender e racionalizar o uso dos recursos disponíveis em média complexidade.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Graziela Liebel - Coordenador / Alfredo Chaoubah - Integrante / Estela Marcia Saraiva Campos - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade do Vale do Itajaí, Escola de Ciências da Saúde. , Rua Uruguai, 458, Centro, 88302901 - Itajaí, SC - Brasil, Telefone: (47) 33417500

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2019 - Atual

Universidade do Vale do Itajaí

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 8

Atividades

  • 02/2020

    Ensino, Medicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Epidemiologia Clínica, Trabalho de Iniciação Científica

  • 02/2020

    Ensino, Fonoaudiologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Planejamento e gestão em fonoaudiologia

  • 02/2020

    Ensino, Núcleo Integrado de Disciplinas, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Saúde e Sociedade

  • 02/2020

    Ensino, Mestrado em Saúde e Gestão do Trabalho, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Bases teóricas, Epidemiologia nos serviços de saúde

  • 02/2020

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Comitê de Ética em Pesquisa, .,Cargo ou função, Portaria n 075/2020 - Membro do Comitê de Ética em Pesquisa.

  • 07/2019

    Pesquisa e desenvolvimento , Mestrado em Saúde Gestão do Trabalho, .,Linhas de pesquisa

  • 07/2019

    Ensino, Fonoaudiologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Bioestatística , Estágio em fonoaudiologia comunitária institucional

  • 07/2019

    Ensino, Mestrado em Saúde e Gestão do Trabalho, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Economia da Saúde

  • 07/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Mestrado em Saúde Gestão do Trabalho, .,Cargo ou função, Comissão processo seletivo.

2018 - 2020

Universidade Federal de Juiz de Fora

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 12

2014 - 2018

Universidade Federal de Juiz de Fora

Vínculo: Estágio Docente, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 12

Atividades

  • 03/2018

    Ensino, Programa de pós graduação em saúde coletiva, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Modelos de decisão em economia da saúde

  • 03/2017

    Ensino, Programa de pós graduação em saúde coletiva, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Manejo e análises de dados em saúde

  • 03/2014

    Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Medicina, Departamento de Saúde Coletiva.,Linhas de pesquisa

  • 03/2017 - 07/2017

    Ensino, Estatística, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Pacotes de dados em estatística

  • 03/2015 - 11/2015

    Ensino, Medicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Introdução a pratica médica - Sistemas de Saúde

2009 - 2013

Prefeitura Municipal de Itapema

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Coordenadora da Rede de Atenção Básica, Carga horária: 40

Atividades

  • 09/2009 - 01/2013

    Direção e administração, Secretária Municipal de Saúde, .,Cargo ou função, Diretora de atenção básica.

2009 - 2010

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOMBINHAS

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Fonoaudióloga- NASF, Carga horária: 40

Atividades

  • 09/2009 - 11/2010

    Direção e administração, Secretaria municipal de saúde de Bombinhas, .,Cargo ou função, Fonoaudióloga NASF.

2009 - 2010

Fundação de Saúde do Alto Vale do Itajaí-Hospital Regional Alto Vale

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Fonoaudióloga, Carga horária: 44

2007 - 2009

Diretório Central dos Estudantes - UNIVALI

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Diretora de Projetos Sociais, Carga horária: 20